Você está na página 1de 1
Parte II Natureza e tecnologias Unidade E Dinâmicas da natureza e meio ambiente Capítulo 18
Parte II Natureza e tecnologias Unidade E Dinâmicas da natureza e meio ambiente Capítulo 18

Parte II Natureza e tecnologias Unidade E Dinâmicas da natureza e meio ambiente Capítulo 18 Estrutura geológica e formas de relevo

Moderna PLUS
Moderna
PLUS
CONEXÕES
CONEXÕES

Volume único

e formas de relevo Moderna PLUS CONEXÕES Volume único GEOGRAFIA LYGIA TERRA REGINA ARAUJO RAUL BORGES
e formas de relevo Moderna PLUS CONEXÕES Volume único GEOGRAFIA LYGIA TERRA REGINA ARAUJO RAUL BORGES
e formas de relevo Moderna PLUS CONEXÕES Volume único GEOGRAFIA LYGIA TERRA REGINA ARAUJO RAUL BORGES

GEOGRAFIA

LYGIA TERRA REGINA ARAUJO RAUL BORGES GUIMARÃES

TEXTO COMPLEMENTAR
TEXTO COMPLEMENTAR

Fenda pode originar novo oceano

Uma fenda no solo com aproximadamente 60 km de extensão, localizada no deserto de Afar, Etiópia, pode criar um novo oceano e separar parte da África. É o que afirmam os pesquisadores da Universidade Real de Holloway, em Londres que, em parceria com cientistas etíopes, usam imagens de satélite para monitorar o fenômeno. A rachadura surgiu na região em 2005 após um gran- de terremoto sucedido por outros de menor intensidade

e por uma erupção vulcânica. Desde então os geólogos

acompanham o desenvolvimento da fenda e já chegaram

a registrar um crescimento de 8 metros em apenas 10 dias

de monitoramento. Segundo os especialistas, este é um processo de formação de uma nova bacia oceânica o que, normalmente, só ocorre no fundo dos mares e não pode ser acompanhado de perto. Atualmente, porém, com o auxílio de satélites, os pesquisadores puderam criar um mapa detalhado da região da fenda.

Uma nova ilha, um novo oceano

Para os pesquisadores este é apenas o primeiro passo para um processo que vai dar origem a um novo oceano e criar uma grande ilha. Os geólogos afirmam que, em alguns milhões de anos, a fenda acabará separando da África uma parte da Etiópia e da Somália, localizada na região conhecida

como ‘chifre africano’. Este pedaço de continente será, então, em uma grande ilha no Oceano Índico. Além da nova ilha, a região da fenda deve se tornar um novo oceano. Isto porque

o deserto de Afar estar localizado numa depressão, abaixo do nível do mar, que deverá ser inundada quando a rachadura alcançar o Mar Vermelho. A causa principal da rachadura é que ela reflete os movi- mentos subterrâneos de algumas placas que formam a África

e estão se distanciando gradualmente da placa Arábica, obri-

gando a crosta a se abrir. Na medida em que a fenda cresce, rochas derretidas são empurradas para a superfície, se solidi-

ficando e formando o piso de um eventual novo oceano. [ ]

IG. Fenda. Disponível em: <http://www.igeduca.com.br/artigos/acontece/ fenda.html>. Acesso em: 24 set. 2010

Vista aérea da falha no Deserto de Afar (Etiópia, 2005). www.modernaplus.com.brwww.modernaplus.com.br UNIVERSITY OF
Vista aérea da falha no Deserto de Afar (Etiópia, 2005).
www.modernaplus.com.brwww.modernaplus.com.br
UNIVERSITY OF ROCHESTER, NOVA YORK, EUA