Você está na página 1de 17

O Investidor de Valor

Prepare-se para uma queda de -50%

26 de Abril de 2018

Video-Resumo do relatório:

Clique aqui para acessar

• Só tenha, em ações, montante que possa cair -50%


Quando a bolsa cai, ela cai -50%. O segredo de ganhar com ações é comprar na baixa
para vender nas altas (e não o contrário).
Esteja preparado para não vender se as ações caírem, despencarem. Muito pelo
contrário, esteja preparado para comprar mais.

• Cash is King
Esteja preparado para usar o caixa (dinheiro no CDI) no momento que ele é mais
valioso.
Criamos caixa recebendo salário ou dividendos ou realocando em ações que caíram
menos para algumas ações que caíram mais.

Por isso temos um portfólio com 2 tipos de empresas: mais cíclicas e menos cíclicas.

• O mercado é movido a Medo


O medo de ficar de fora dos ganhos (FOMO = fear of misssing out) é ainda mais
forte que a ganância. Profissionais temem perder sozinhos e potencializam as quedas.
Apesar das críticas, minha vida ficará muito mais fácil com uma nova crise. Ótimas
empresas a preços de banana - que bom seria…

1
Este é um papo para outra hora
Prometi que comentaria sobre uma perspectiva de longo prazo para cada ação de
nosso portfólio, mas vamos adiar este compromisso um pouquinho.

Vamos aproveitar os chacoalhões que vemos nos mercados globais, e por aqui, para
comentar sobre algo bastante importante.

Faremos uma série de relatórios.

Hoje, vamos comentar brevemente sobre o tema mais importante ao comprar ações,
quando elas caem.

Sim, você não quer pensar nisso agora, mas será importantíssimo para te preparar
para os próximos 2 relatórios:

- 2018 = 2008 - Crise Mundial derruba nossa Bolsa

- 2018 = 2002 - Eleição de Lula (ou outro populista) derruba nossa Bolsa

Fizemos os dois relatórios acima em novembro de 2017 em preparação para 2018. E


vamos rever e rediscutir os temas.

Sim, muita coisa aconteceu desde lá e, revisitar nossas premissas. Será um ótimo
exercício para nos preparar para os próximos meses.

Afinal, as loucuras de Trump ajudaram os juros futuros americanos a passar a


barreira psicológica dos 3%.

E, por aqui, o STF está desesperado para livrar o Lula da cadeia e deixá-lo concorrer
ao Planalto.

As duas coisas nos preocupam muitíssimo…

Como prometido, as novidades vem semanalmente. E, ao final do relatório,


trazemos a tabela de de Performance Histórica das Ações do Investidor de Valor.

Muitas outras novidades virão.

2
Quando as ações caem, elas caem -50%
De vez em quando regrinhas de bolso facilitam o entendimento de um ponto. E esta
regra é ótima.

Segundo o mestre Warren Edward Buffett:

!
(se você não consegue assistir seu portfólio de ações cair -50% sem see tomado pelo pânico, você não
deveria estar na bolsa de valores).

(Lembrando que a reunião anual da BRK, o maior evento de investimentos do ano, é


no outro sábado, dia 05 de maio)

Buffett quer dizer com a frase acima que, quando a bolsa cai, ela cai FORTE. Quando
a bolsa cai, ela cai -50% ou mais.

E, como nós compramos nas baixas para vender nas altas (e não o contrário), só
tenha em bolsa um montante financeiro que você consiga ver caindo -50%.

Em seus mais de 65 anos de investidor, Buffett já teve quedas destes níveis algumas
vezes em sua carreira.

Imaginem vocês quantos bilhões ele perde a cada crise. Se nem ele consegue se
antecipar a elas, nós nem tentaremos.

Dependendo do seu estômago, você deveria ter 10% em bolsa (na crise, a perda é
5%). Talvez 20% (na crise, a perda é 10%). Talvez 30% (na crise, a perda é 15%). Quem
decide a sua alocação é seu estômago.

3
Se você está desconfortável com as quedinhas recentes, DIMINUA sua posição.

Está com prejuízo? Melhor um prejuízo pequeno que um grande.

Se você não consegue ver mais de 10% do seu portfólio caindo -50%, não tenha mais
de 10% em bolsa.

Ganhar parece fácil. Mas só ganha a longo prazo quem aguenta os trancos do
mercado. Por isso você não vê milhões de Buffetts e Mungers andando pelas ruas…

Quando a Bolsa cai, seu Caixa vale Ouro


Já ouviram falar que “cash is king”.

Pois é, quanto maior o desespero do mercado, mais o seu caixa é valioso.

Mas não só. Você precisa estar preparado para utilizar este caixa no momento que
ele é mais valioso.

Todos queremos ganhar o máximo de dinheiro que pudermos, claro.

Mas pense assim. Se você tem, hoje, 30% de seu patrimônio em bolsa, você
conseguiria ter 30% quando o mercado cair -50%?

Se suas ações caem -50%, sua alocação em bolsa cai pela metade (para 15%). Logo,
para manter sua aloção, você deve dobrar o montande em ações.

Ao mesmo tempo, quando a bolsa sobe, você deveria tirar dinheiro da bolsa
paulatinamente quando a bolsa sobe, e sua participação em bolsa aumenta.

Outra forma de criar caixa é ter sempre dinheiro entrando (salário ou dividendos) e
não alocar este dinheiro.

Mas, mesmo se você é como Buffett e possui 100% do seu capital em bolsa, sempre é
possível “criar caixa”.

Podemos simplesmente alocar o dinheiro que recebemos como dividendos (imagino


que seria uma média de 5-6% ao ano).

Ou podemos realocar o capital de algumas ações que cairão menos para algumas
ações que cairão mais.

4
É impossível saber, a priori, mas as companhias mais cíclicas e menos líquidas
tendem a cair mais nas crises.

As mais cíclicas pelo medo do mercado de que seus resultados piorem (com razão).

As menos líquidas, pois sempre existe um investidor institucional (fundo) nas ações
que, recebendo resgates é obigado a vender suas posições.

Sim, é ele faz exatamente o oposto que deveria fazer, é um vendedor forçado - e
vende a qualquer preço.

Estratégia: Ótimos Negócios (cíclicos e não cíclicos)


Lembram de nosso comentário na semana passada?

“E, dado que o índice continuará com ROE de mais ou menos 12%, talvez um pouco
mais, podemos esperar que o índice subirá mais ou menos 12% ao ano também no longo
prazo.

Com o índice batendo 12% ao ano, para ganhar 20% ao ano, precisamos sambar.

Como a Berkshire, precisamos aproveitar os ciclos, comprar empresas melhores que


a média do índice, precisamos comprar barato e vender caro.

Precisamos de uma gestão mais ativa.”

Por isso temos um portfólio com 2 tipos de empresas: as mais cíclicas e as menos
cíclicas.

Apesar de, nos dois tipos, temos negócios maravilhosos que geram valor a longo
prazo.

Por exemplo, imagino que ITSA, SAPR, CVC, BRKM, CARD, UNIP e LCAM (as 3
últimas menos líquidas) sejam as que menos caiam em uma crise.

Claro que depende da crise, mas estas são as mais líquidas e menos cíclicas.

Por outro lado, imagino que PTBL, EZTC, BBAS, VULC, GUAR e SCAR sejam as
que mais caiam.

5
O Mercado está a Beira do Precipício?
Não tenho a menor ideia.

Ninguém tem.

Nem adianta tentar ler tudo que os cartomantes, analistas técnicos e economistas
dizem diariamente nos jornais.

Também não sei se é mais provável o mercado cair hoje que era há 6 meses ou 1 ano.

E um pensamento reconfortante deriva deste fato: simplesmente não existe a hora


certa de comprar ações (e nem de vendê-las).

O momento ótimo de comprar ações, se me permitem uma resposta de engenheiro,


sempre depende.

(ok, eu não sou tão engenheiro assim…)

Precisamos comprar ações baratas e vendê-las quando elas alcançam um patamar


razoável.

O grande problema do mercado é que as ações de movem a cada segundo e só


podemos ver se acertamos ou erramos em nossos investimentos em anos.

Como disse o bom velhinho…

!
(Investir com sucesso demanda tempo e disciplina. Talento e o esforço elevados não importam, algumas
coisas simplesmente demandam tempo: você não consegue produzir um bebê em 1 mês engravidando 9
mulheres)

6
Essa dicotomia entre os retornos de curto prazo e os retornos de longo prazo é o que
transforma pessoas normais em monstros desesperados.

O mercado é movido a MEDO!


Muitas pessoas falam que o mercado é movido a medo e a ganância.

Mas eu acho que o medo de ficar de fora dos ganhos (FOMO = fear of misssing out)
é ainda mais forte que a ganância.

Por isso vemos ciclos tão claros nas bolsas. É apenas a humanidade presente em
todos nós tomando forma nos mercados e na economia.

O medo de perder é muito mais aterrorizador que a vontade de ganhar.

E, no mercado, o temor não é de perder. Porque, na maior parte das vezes, o


dinheiro do profissional não está junto com o dinheiro do cliente.

Mas, como profissional, o analista tem medo de perder sozinho.

No mercado, errar com todo mundo não é errar. É estar em linha com seu
Benchmark.

Errar, para investidores profissionais é perder quando todos ganham. Por isso vemos
milhares de fundos que simplesmente tentam seguir o índice.

7
Afinal, um único mês de performance pior que o índice pode custar o emprego do
analista.

A maioria dos analistas tem mais medo de perder que os investidores leigos.

Conheço diversos analistas de ações profissionais com todo seu dinheiro em


imóveis ou no CDI.

Muitas gestoras obrigam aos seus analistas que tenham grande parte e seu
patrimônio no fundo que gerem. E, para mim, estas são as melhores gestoras.

Como comprar ações baratas?


É simples.

É a coisa mais fácil e a coisa mais difícil do mundo.

Quando a bolsa cai, despenca, ninguém quer comprar ações. Você não verá os
analistas de mercado recomendando, você não verá seus amigos comentando.

O taxista (Uber) comentará sobre o jogo e a novela. “Bolsa, que bolsa?"

Os jornais trarão apenas notícias negativas. Seu amigo corretor estará desesperado.

Quando você comenta que comprou ações, será sempre recebida com a expressão
abaixo:

!
(Bolsa? arrrghhh!)

8
Como se estivessem comendo carne estragada.

E a sensação é inteiramente igual.

Seu estômago revira. Você não quer olhar, fecha os olhos. Seus amigos te criticam.
Seu corretor vai te chamar de louca. Você não vai ganhar nenhum like no Facebook.

É fácil para mim falar sobre isso, eu sou exatamente como você. Eu também tenho
medo que as ações caiam.

Especialmente logo após uma recomendação ou uma compra. Vigio as ações


continuamente para ter certeza de que não cairão.

O segredo é me convencer, diariamente, que mesmo durante as décadas perdidas da


economia brasileira (essa década), muitas empresas e investidores ganharam muito
dinheiro.

Comprar barato vem com o tempo


As ações de VULC, GUAR, PTBL e CARD caíram e você ficou paralizado?

Não tenha pressa.

Como tudo na vida, investir demanda tempo e esforço.

Pense em investir como andar de bicicleta. Você primeiro começa com ajuda. om
rodinhas, devagar, com cuidado.

Cada um tem seu momento.

E, justamente por isso temos dois tipos de empresa em nosso portfólio.

Se você começou agora, prefira ITSA, CVC e SAPR11. Ações mais tranquilas, ações
menos propensas ao:

9
!
(Bolsa é um cassino, é para os insiders)

Quando comecei, comecei pelo mais conservador que poderia encontrar: ações com
ROE elevado, dívida ZERO e negócio de fácil entendimento.

E fico pensando como seria minha vida como analista em uma crise.

Claro, seria altamente criticado “porque era óbvio que as ações despencariam”.
Mesmo as pessoas mais afáveis se transformam em monstros desesperados quando
perdem dinheiro.

Mas, passado o choque, passadas as quedas de -50%, meu trabalho fica


incrivelmente mais fácil.

A quantidade de ótimas empresas a preços de banana aumenta substancialmente.

Teríamos centenas de companhias sendo negociadas a preços atrativos para escolher.


Ah, que maravilha é quando acontecem as crises…

A Semana do Investidor de Valor


Procuramos aqui comentar rapidamente sobre as mudanças das posições semanais.
Pensando: o que fariam Buffett e Munger se estivessem em nossa situação? Como agiriam
neste momento?

E os recados enfadonhos continuam os mesmos:


• O mais importante ao investir é não perder;
• Não sei o que o mercado fará no curto, médio ou longo prazos;

10
• Sempre recomendaremos entrada e saída de posições;
• Caso as ações recomendadas caiam, é uma oportunidade de comprá-las a um
preço menor;
• Boas empresas não significam bons investimentos - o preço é a variável de ajuste;

• Recomendo que você duvide de todo o mercado financeiro (seja sempre cético),
principalmente de mim. Faça operações se tiver convicção do que está fazendo, não me
siga cegamente;
• O ranking abaixo é uma sugestão de quais ações comprar primeiro (1o ITSA, 2o
SAPR, 3o …);
• Podemos modificar o ranking case vejamos oportunidade maior em ações
específicas;
• Não tenho preço alvo (teto é só uma ideia de até onde comprar). Acredito que
preço alvo dá uma sensação de certeza desfavorável ao investidor;
• Não recomendo vender posições. O tempo de carregamento das posições é
normalmente longo - podendo mudar se os fundamentos mudam;

Seguindo a lista, você compra as ações de companhias em que tenho maior


confiança - nunca serão as ações que sobem mais, mas as que tenho mais confança que
terão bons resultados no futuro.

Segue abaixo nosso ranking de ações pormenorizado:

Tomamos um baile do índice na semana.

11
Preciso calcular logo nossa performance no ano. A curiosidade está me matando.

Apanhamos por todos os lados, em especial em Braskem - que provavelmente está


caindo com o preço do petróleo batendo novas máximas diariamente.

!
Petróleo futuro (WTI). Fonte: Bloomberg.

Já tem gente falando que o petróleo pode voltar aos 100 dólares.

Eu acho bastante improvável, pois os produtores americanos (2o maior produtor


mundial) do óleo de xisto já devem estar colocando seus poços para produzir em força
total.

Difícil saber. Pois o mercado especula que a Arábia Saudita, maior produtor
mundial, desejosa de fazer o maior IPO do mundo, da Aramco, pode segurar o petróleo
até fazer sua oferta.

Além de que as guerras de Trump e a fraqueza do dólar ajudam as altas do ouro


negro.

O que vem acontecendo na bolsa, e comentamos no Analistas sem Censura, apesar


do Ibovespa estar parado, as companhias focadas na economia interna vem sofrendo
desproporcionalmente enquanto as exportadoras (de commodities) voam.

(você encontra o programa aqui: http://www.infomoney.com.br/imtv/programas/


analistas-sem-censura)

O resultado final é um Ibovespa de lado mas com enorme discrepância entre as


ações que o compõe.

12
Parece que a possível soltura de Lula, risco eleitoral e economia interna ainda
falhando tiraram o otimismo dos comprados.

Para nós não. As companhias continuam baratas e com ótimas perspectivas de


resultados nos próximos trimestres.

Inclusive soltamos um apanhado de informações de Vulcabras, após as ações


despencarem mais de -25% de suas máximas.

(aqui: https://drive.google.com/open?id=1C8KGg9dWjHeeT6X-E45h-
JptyMgEzAt7)

Lembrando que trouxemos a tabela de Performance Histórica das Ações do


Investidor de Valor esta semana.

As novidades não param de chegar.

Não deixe de acompanhar minhas notinhas diárias em https://


temumaguerralafora.com.br/author/bruce-barbosa/ e em minhas redes sociais.

Abraço,

Bruce Barbosa, CNPI.

Relatórios Anteriores do IV
Seguem os links para os relatórios das últimas semanas e breves descrições do que
foi abordado:

01 - IV: LCAM3 e UNIP6

Neste relatório recomendamos a compra de LCAM3 e UNIP6.

LCAM é uma locadora de veículos fazendo aquisições e crescendo rapidamente.

UNIP é uma petroquímica que vem fazendo um belo trabalho de reestruturação e


aperfeiçoamento de sua governança.

02 - IV: ITSA4, SAPR11, VULC3, LCAM3, UNIP6, PTBL3

13
Comentamos sobre as ações listadas rapidamente, colocando em perspectiva o que
vem acontecendo com os negócios e como foram os resultados do 4T17.

03 - IV: GUAR, CARD, BBAS, CVC, EZTC, BRKM, SCAR

Comentamos sobre as ações listadas rapidamente, colocando em perspectiva o que


vem acontecendo com os negócios e como foram os resultados do 4T17.

04 - IV: Resumo do Resumo do Resumo (do Resumo)

Comentamos sobre o que é o mais importante ao comprar ações.

O que é mais importante no Value Investing (investimento de valor). Descrevemos


nossa estratégia e como procuramos as ações que recomendamos.

05 - IV: IV vs IBOV

Comentamos sobre como as ações do portfólio do IV se comparam com outras ações


do mercado.

Comparamos ROE, ROIC, PE, PB, EV/Ebitda, Div Líq/Ebitda, e performance para
entender porque selecionamos as companhias que selecionamos.

Porque as companhias que recomendamos são melhores que as outras do mercado.

06 - IV: Qual risco VOCÊ está disposto a correr?

O que é risco? Como definir risco? Comentamos como entender o risco que
corremos ao investir nas ações que recomendamos.

Separamos as ações por seus riscos, isto é, quais são os drivers que determinarão
seus resultados no futuro? O que precisamos ficar atentos para que os lucros das
companhias cresçam?

07 - IV: O Mercado tem Medo de Ganhar Dinheiro

A grande maioria dos investidores, com medo de perder -5%, deixa de ganhar +50%.

14
Ninguém sabe o que o mercado fará no curto prazo. Só sabemos que, se os lucros

sobem, as ações sobem (e isso pode demorar meses, anos, …).

Comentamos sobre 3 acontecimentos recentes que denotam os problemas de se

preocupar com a volatilidade normal do mercado - Impeachment, Joesley Day e


Reforma da Previdênica.

08 - IV: O Investidor de Longo Prazo

Só existem 2 tipos de Negócio: que geram valor a longo prazo possuem (ROEs altos )
e os negócios que não geram valor a longo prazo (ROEs baixos).

A Berkshire não vende seus melhores negócios - as companhias que geram valor a
longo prazo (ROE alto e crescimento). Mas vende negócios cíclicos ou baratos demais para
ser verdade (ROE baixo e/ou negócio ruim).

Lembrando que todas as minhas notinhas diárias estão em: https://


temumaguerralafora.com.br/author/bruce-barbosa/.

Acompanhe-me no Twitter: @BruceBarbosa88

No Facebook: BruceBarbosaOficial

E no LinkedIn: BruceBarbosaOficial

15
Performance Histórica das Ações do IV
Investidor de Valor – Recomendações Abertas de Compra

Ativo Data Entrada* Preço Entrada** Preço Atual Variação % Teto***

CVCB3 10/dez/2015 13,00 57,13 339,46% 60,0

CARD3 15/dez/2016 4,72 10,59 124,36% 12,5

BBAS3 02/jun/2016 16,57 37,06 123,66% 45,0

ITSA4 03/set/2015 6,49 13,24 104,01% 14,5

PTBL3 04/ago/2016 2,55 5,20 103,92% 6,0

SCAR3 07/abr/2016 24,00 36,85 53,54% 41,0

EZTC3 16/jul/2015 13,90 20,25 45,68% 26,0

BRKM5 15/dez/2016 33,04 45,23 36,89% 55,0

SAPR11 07/dez/2017 52,40 58,44 11,53% 62,0

VULC3 14/dez/2017 7,98 8,76 9,77% 11,0

LCAM3 01/mar/2018 29,20 30,40 4,11% 35,0

UNIP6 01/mar/2018 28,50 27,79 -2,49% 32,0

GUAR3 13/10/2017 157,99 136,86 -13,37% 165

* Dada a obrigação de independência e objetividade do analista, deriva que as recomendações são de


minha completa responsabilidade. Portanto, trago meu histórico de recomendações, com as datas em que
foram realizadas.

** O preço de entrada varia conforme a companhia paga dividendos (e outros proventos). Reduzimos o
preço de entrada na proporção do provento pago, na data ex. Esta é a forma “padrão” de mercado para o
cálculo de rentabilidade (considerando dividendos).

*** O preço teto é somente um balizador relativo para a compra - uma ideia qual ação da carteira subiu
menos no curto prazo e está mais interessante para compra. Preço teto não é preço alvo.

16
Em observância à ICVM 483, declaro que as recomendações constantes no presente relatório de análise
refletem única e exclusivamente minhas opiniões pessoais e foram elaboradas de forma independente e
autônoma.

S2 APIMEC!

17