Você está na página 1de 30

Contabilidade para C.

Atuariais

PATRIMÔNIO: Seção 05
Definição de bens, direitos e obrigações
Contabilidade para C. Atuariais

BENS

“são elementos materiais e imateriais, expressos em moeda,


pertencentes a uma mesma entidade.”

• Um determinado bem não tem a mesma destinação em todas as


entidades, pois umas os destinam a uso próprio e outras, a venda.
Contabilidade para C. Atuariais

BENS

Bens Móveis e Imóveis


• Exemplos de Bens Móveis: máquinas, equipamentos, veículos etc.
• Exemplos de Bens Imóveis: terrenos, edifícios etc.

Bens Tangíveis e Intangíveis


• Exemplos de Bens Tangíveis: mercadorias, computadores, móveis
e utensílios etc.
• Exemplos de Bens Intangíveis: ações adquiridas de outras
empresas, os gastos com softwares, linhas telefônicas, marcas e
patentes, ponto comercial (não é o prédio, o imóvel, mas sim, o
espaço, o local) etc.
Contabilidade para C. Atuariais

BENS

Bens e Não Circulantes


• Exemplos de Bens Circulantes (para consumo): dinheiro em
caixa ou em conta bancária, estoque de materiais de escritório e
de limpeza etc., desde que não destinados à comercialização
pela entidade.
• Exemplos de Bens Circulantes (para comercialização): estoques
de mercadorias e de produtos, assim entendidos os bens
destinados à venda, nas empresas comerciais e industriais,
respectivamente.
• Exemplos de Bens Imobilizados: máquinas, equipamentos,
veículos, móveis e utensílios, desde que não destinados à
comercialização pela entidade.
Contabilidade para C. Atuariais

DIREITOS

“são valores monetários da entidade em poder de


terceiros; são CRÉDITOS que a entidade tem a receber das mãos de
terceiros; são DÉBITOS de terceiros perante a entidade.”

Convertidos em dinheiro Utilizados para quitar dívidas


• dividendos a receber, • adiantamento de salários;
• duplicatas a receber (ou • impostos a recuperar (ou a
simplesmente clientes), etc.; compensar), etc.;
Convertidos em Bens ou Serviços
• adiantamento a fornecedores,
• adiantamento a prestadores de
serviços, etc.;
Contabilidade para C. Atuariais

OBRIGAÇÕES

“são valores que a entidade tem a pagar a terceiros. Logo, podemos dizer que
as obrigações são valores de terceiros em poder da entidade; são DÉBITOS da
entidade perante terceiros; são CRÉDITOS de terceiros na entidade.”

Podem ser quitados em dinheiro


• duplicatas a pagar (ou simplesmente fornecedores),
• empréstimos a pagar, etc.;
Podem ser compensados
• saldo de salários a pagar, depois de efetuado o desconto do adiantamento de
salários;
• saldo de impostos a recolher (ou a pagar), depois de efetuada a compensação
de créditos provenientes de impostos pagos antecipadamente etc.
Contabilidade para C. Atuariais

Estática Patrimonial Seção 06


Contabilidade para C. Atuariais

ESTÁTICA PATRIMONIAL

O Patrimônio:

BENS
DIREITOS
OBRIGAÇÕES
O que é um O que é um
Ativo ? Passivo ?
Contabilidade para C. Atuariais

ESTÁTICA PATRIMONIAL

O Patrimônio:

BENS +
OBRIGAÇÕES =
DIREITOS =
PASSIVO
ATIVO
Contabilidade para C. Atuariais

ESTÁTICA PATRIMONIAL

O Patrimônio:
• Patrimônio Líquido (PL): “é o valor residual dos ativos da entidade
depois de deduzidos todos os seus passivos” (CPC)
• O PL corresponde ao capital investido pelos proprietários, acionistas
ou quotistas de uma entidade mais os lucros retidos ou acumulados
em períodos anteriores.
Fontes do PL
• Investimento inicial de capital; ATIVO -
• Aumento posterior de capital; PASSIVO =
• Redução posterior do capital investido; PL
• Lucro/Prejuízos apurados;
Contabilidade para C. Atuariais

ESTÁTICA PATRIMONIAL ATIVO = PASSIVO + PL

BALANÇO PATRIMONIAL

ATIVO PASSIVO

Bens Obrigações
Caixa Fornecedores Capital de
Estoque de Mercadorias Impostos a Pagar Terceiros
Veículos Empréstimos
Investimentos Dividendos a Distribuir
Direitos Patrimônio Líquido
Duplicatas a Receber Capital Social Capital
Promissórias a Receber Lucros/Prejuízos Próprio
Impostos a Recuperar Reservas

TOTAL DO ATIVO 1.000.000 TOTAL DO PASSIVO E PL 1.000.000

APLICAÇÃO ORIGEM DE
IGUALDADE
DE RECURSOS RECURSOS
Contabilidade para C. Atuariais

VARIAÇÕES PATRIMONIAIS
BALANÇO PATRIMONIAL
ATIVO =
SITUAÇÃO POSITIVA (SUPERAVITÁRIA) Bens e PASSIVO +
Obrigações
Direitos PL
• Bens + Direitos > Obrigações
100.000 80.000

BALANÇO PATRIMONIAL
PL = ATIVO -
SITUAÇÃO NULA (NEUTRA) Bens e PASSIVO
Obrigações
Direitos
• Bens + Direitos = Obrigações
100.000 100.000

BALANÇO PATRIMONIAL

SITUAÇÃO NEGATIVA (A DESCOBERTO) Bens e PASSIVO =


Obrigações
Direitos ATIVO + PL
• Bens + Direitos < Obrigações 100.000 120.000
Contabilidade para C. Atuariais

MÉTODOS DE ESCRITURAÇÃO

Escrituração
• É o modo de registro dos Fatos Administrativos, bem
como os Atos Administrativos relevantes.

Método das Partidas Simples


• Controle de um só elemento;
• Método deficiente;
Contabilidade para C. Atuariais

MÉTODOS DE ESCRITURAÇÃO

Método das Partidas Dobradas


• Não há devedor sem que haja credor e não há credor sem que haja
devedor, sendo que a cada débito correspondente um crédito de igual valor.

Duplo aspecto das operações:


• Para cada transação ocorrida há uma ORIGEM e uma APLICAÇÃO:
• Origem: onde foram obtidos os recursos
• Aplicação: para onde destinamos os recursos
Contabilidade para C. Atuariais

MÉTODOS DE ESCRITURAÇÃO

Método das Partidas Dobradas


Duplo aspecto das operações:
• Para cada transação ocorrida há uma ORIGEM e uma APLICAÇÃO:
• Origem: onde foram obtidos os recursos
• Aplicação: para onde destinamos os recursos
• Compra de um Veículo a prazo.

VEÍCULOS Financiamentos
O destino dos
APLICAÇÃO DE ORIGEM DE
recursos é O origem dos recursos é
RECURSOS RECURSOS
denominado DÉBITO denominado CRÉDITO
(ATIVO) (PASSIVO)
Contabilidade para C. Atuariais

MÉTODOS DE ESCRITURAÇÃO

Método das Partidas Dobradas


• Toda vez que aumentamos uma conta de ATIVO, nós a
debitamos;
• Toda vez que diminuímos uma conta de ATIVO, nós a
creditamos
ATIVO

D - DÉBITO C - CRÉDITO

APLICAÇÃO DE
RECURSOS

Obs.: As contas de ATIVO têm por natureza saldo DEVEDOR.


Contabilidade para C. Atuariais

MÉTODOS DE ESCRITURAÇÃO

Método das Partidas Dobradas


• Toda vez que aumentamos uma conta de PASSIVO e PL, nós a
creditamos;
• Toda vez que diminuímos uma conta de PASSIVO e PL, nós a
debitamos.
PASSIVO PL

D - DÉBITO C - CRÉDITO D - DÉBITO C - CRÉDITO

ORIGEM DE ORIGEM DE
RECURSOS RECURSOS

Obs.: As contas de PASSIVO e PL têm por natureza saldo CREDOR.


Contabilidade para C. Atuariais

MÉTODOS DE ESCRITURAÇÃO

Método das Partidas Dobradas

ATIVO PASSIVO e PL

D - DÉBITO C - CRÉDITO D - DÉBITO C - CRÉDITO


Contabilidade para C. Atuariais

Vamos exercitar um pouco...


Identifique as operações que dão origem as situações patrimoniais apresentadas:

Caixa 12.000 Capital Social 24.000


1 Estoque de Mercad. 12.000
TOTAL 24.000 TOTAL 24.000
Contabilidade para C. Atuariais

Vamos exercitar um pouco...


Identifique as operações que dão origem as situações patrimoniais apresentadas:

Caixa 12.000 Capital Social 24.000


1 Estoque de Mercad. 12.000

TOTAL 24.000 TOTAL 24.000

Caixa 12.000 Contas a Pagar 6.000


Estoque de Mercad. 12.000 Capital Social 24.000
2
Móveis e Utensílios 6.000
TOTAL 30.000 TOTAL 30.000
Contabilidade para C. Atuariais

Vamos exercitar um pouco...


Identifique as operações que dão origem as situações patrimoniais apresentadas:

Caixa 12.000 Contas a Pagar 6.000

2 Estoque de Mercad. 12.000 Capital Social 24.000


Móveis e Utensílios 6.000
TOTAL 30.000 TOTAL 30.000

Caixa 14.000 Contas a Pagar 6.000


Estoque de Mercad. 12.000 Capital Social 26.000
3
Móveis e Utensílios 6.000
TOTAL 32.000 TOTAL 32.000
Contabilidade para C. Atuariais

Vamos exercitar um pouco...


Identifique as operações que dão origem as situações patrimoniais apresentadas:

Caixa 14.000 Contas a Pagar 6.000


Estoque de Mercad. 12.000 Capital Social 26.000
3
Móveis e Utensílios 6.000
TOTAL 32.000 TOTAL 32.000

Caixa 13.000 Contas a Pagar 6.000


Estoque de Mercad. 12.000 Capital Social 26.000
4 Móveis e Utensílios 6.000

Veículos 1.000
TOTAL 32.000 TOTAL 32.000
Contabilidade para C. Atuariais

Vamos exercitar um pouco...


Identifique as operações que dão origem as situações patrimoniais apresentadas:

Caixa 13.000 Contas a Pagar 6.000


Estoque de Mercad. 12.000 Capital Social 26.000
4 Móveis e Utensílios 6.000
Veículos 1.000
TOTAL 32.000 TOTAL 32.000

Caixa 10.000 Contas a Pagar 3.000


Estoque de Mercad. 12.000 Capital Social 26.000
5 Móveis e Utensílios 6.000
Veículos 1.000
TOTAL 29.000 TOTAL 29.000
Contabilidade para C. Atuariais

Vamos exercitar um pouco...


Identifique as operações que dão origem as situações patrimoniais apresentadas:

Caixa 10.000 Contas a Pagar 3.000


Estoque de Mercad. 12.000 Capital Social 26.000
5 Móveis e Utensílios 6.000
Veículos 1.000
TOTAL 29.000 TOTAL 29.000

Caixa 5.000 Contas a Pagar 3.000


Estoque de Mercad. 12.000 Duplicatas a Pagar 5.000
Móveis e Utensílios 6.000 Capital Social 26.000
6
Veículos 1.000
Equipamentos 10.000
TOTAL 34.000 TOTAL 34.000
Contabilidade para C. Atuariais

Vamos exercitar um pouco...


Estruture o Balanço Patrimonial da Companhia ADMFinanceira:

Fornecedores 7.000
Máquinas e Equipamentos 4.000
Financiamentos a pagar no Longo Prazo 8.000
Veículos 12.000
Duplicatas a Pagar 5.000
Caixa 4.500
Reserva de Lucros 6.000
Contas a Receber 13.000
Prédios 10.000
Capital Social 30.000
Impostos a Pagar 5.000
Estoque de Mercadorias 12.000
Títulos a receber no Logo Prazo 5.500
Contabilidade para C. Atuariais

VARIAÇÕES PATRIMONIAIS

RECEITAS
• Entrada de elementos para o ativo, sob forma de dinheiro
ou direitos a receber, correspondentes, normalmente, à
venda de mercadorias, de produtos ou à prestação de
serviços.
• A obtenção de receita resulta no aumento do Patrimônio
Líquido.

DESPESAS
• O consumo de bens e serviços, que, direta ou
indiretamente, ajuda a produzir receita.
• Resulta na diminuição de ativo ou aumento de passivo;
• A despesa é realizada com a obtenção de obter uma
receita.
Contabilidade para C. Atuariais

VARIAÇÕES PATRIMONIAIS

RESULTADO: Confronto entre receitas e despesas


• Se as receitas obtidas superarem as despesas incorridas, o
Resultado será positivo (Lucro), consequentemente,
aumento do PL;
• Se as despesas forem maior que as receitas, o Resultado
será negativo (Prejuízo), logo, diminuirá o PL.
Contabilidade para C. Atuariais

MÉTODOS DE ESCRITURAÇÃO
Método das Partidas Dobradas
ATIVO PASSIVO e PL

D - DÉBITO C - CRÉDITO D - DÉBITO C - CRÉDITO

DESPESA RECEITA

D - DÉBITO C - CRÉDITO D - DÉBITO C - CRÉDITO


Contabilidade para C. Atuariais

Vamos exercitar um pouco...


Considere as operações a seguir da Empresa Alfa, e após os registros elaborar o
Balanço Patrimonial:
1.Em 15-02-X1, subscrição e Integralização de Capital Social no valor de $ 4.000;
2.Em 10-02-X1, aquisição, a vista de um edifício com dois pavimentos por $ 1.200;
3.Em 13-02-X1, compra de materiais ao Sr. Almeida, a prazo, por $ 2.000;
4.Em 20-02-X1, aquisição de veículo, a vista, por $ 200;
5.Em 23-02-X1, venda de um pavimento do edifício ao Sr. Sousa, por $ 600. Nessa
data a Alfa não recebeu nenhum dinheiro;
6.Em 05-03-X1, Alfa resolve pagar $ 1.300 ao Sr. Almeida;
7.Em 10-03-X1, são recebidos $ 400 do Sr. Sousa.
Contabilidade para C. Atuariais

Vamos exercitar um pouco...

A seguir, são apresentadas, cronologicamente, as transações da Empresa Comercial


Bahia S.A:

1.Em 02-01-X1, investimento de capital, em dinheiro, no valor de $ 12.000;


2.Em 04-01-X1, aquisição de um imóvel da Cia. A por $ 5.000 com pagamento de 50% a vista;
3.Em 05-01-X1, compra a vista de instalações (divisórias, cortinas...) para a empresa por $ 2.000;
4.Em 15-01-X1, aquisição de equipamentos (maquinaria), a prazo, de M & Cia., por $ 4000;
5.Em 18-01-X1, obtenção de um empréstimo de $ 10.000, no Banco Alfa, com emissão de uma nota
promissória;;
6.Em 23-01-X1, Pagamento de $ 1.000, a M & Cia., para liquidação de parte da dívida pela compra
efetuada em 15-01;
7.Em 26-01-X1, investimento de mais $ 5.000 pelos sócios, aumentando o capital, em dinheiro.
8.Em 30-01-X1, compra, a vista, por $ 8.500, de peças para reparos da Cia. Ômega.