Você está na página 1de 14

Fibonacci

Apostila de estudo para realizar duas formas


de projeções para todo movimento A,B,C (baixa) e identificando
seus respectivos alvos.

04/03/2019
Fibonacci – Alvos para a baixa

Nesse material, serão abordados duas formas de traçados, para encontrarmos os


pontos de suportes, alvos no movimento de baixa, das ondas A,B,C .
Fibonacci – Alvos para a baixa

• Primeira configuração

Buscando alvos a partir do último movimento total de alta dos dias anteriores, da
onda 1 até 5, do fundo (100%) ao topo (0%)
Fibonacci – Alvos para a baixa

Contexto operacional.

• Vamos operar o dia 24/1/2019.


• Analisar movimentos do dia anterior.
Fibonacci – Alvos para a baixa

Preparando o gráfico

a) Identificamos o final do
movimento nesse dia. Foi
de alta, cumprindo os 5
ciclos. ( Fractal 5-3 )

b) Vamos traçar a mínima e a


máxima do movimento
identificado.
Fibonacci – Alvos para a baixa
Após análise, foi constatado que o movimento de alta
completou todo seu ciclo. Fractal 5-3.
Fibonacci – Alvos para a baixa
• Um sinal claro, é a divergência no MACD para baixa.
Fibonacci – Alvos para a baixa
Traçamos o fibonacci do fundo
ao topo para buscarmos as
regiões de projeções para baixa,.
Logo após, marcamos os
seguintes níveis de fibo:

1 – 23,6%
2 – 50%
3 – 61,8%
4 – 76,4%
5 – 100%

• – Observar as médias
Uma venda legal no movimento de baixa é
quando O preço fica abaixo delas,
principalmente abaixo Das média de 200
períodos.
Fibonacci – Alvos para a baixa

• Segunda configuração

Vamos traçar o Fibonacci a partir do primeiro candle de 15 minutos ( vamos aguardar


abertura do próximo) de abertura do mercado, da mínima (100%) até a máxima da
onda 5 (0%) do dia anterior.
Fibonacci – Alvos para a baixa
Nesse cenário, traçamos o
Fibonacci desde da mínima do
candle de 15 minutos que
fechou no dia 24/1 as 9:15, até
a máxima do topo , da onda 5.
Na escala de 100% ~ 0% do dia
anterior.
Fibonacci – Alvos para a baixa

Marcar..

1) Máxima do dia anterior

2) 23,6%

3) 100%

4) 161,8%
Fibonacci – Alvos para a baixa
Sinais claros de baixa e
continuidade até o alvo em
onda C
1 – Preço abre rompendo o topo do movimento
de alta anterior, da onda 2 e fica abaixo da média
de 17 períodos.

2 – Não conseguiu testar esse topo e reverteu


poderíamos classificar a partir do terceiro
candle, uma venda na resistência com stop
acima do suporte perdido.

3 – Logo após, o preço corrige a onda A


até 50%, não consegue testar o topo
anterior, sugere início de movimento
de onda C, MACD totalmente vendido

4 – Onda C é iniciada a partir


do momento que o preço fica
Novamente abaixo da média
De 200, alí é uma entrada perfeita
Com stop de 300 pontos, com alvo de
950 pontos
Fibonacci – Alvos para a baixa

O alvo de 100% e 161,8% é


alcançado com sucesso.
Proporcionado um excelente
ganho
Fibonacci – Alvos para a baixa
É um estudo simples de fácil compreensão, para fixação no uso da ferramenta e também, uma forma do trader
operar sempre a favor da tendência. Uso o time frame de 15 minutos como tendência, 5 minutos para o alvo e
o gráfico de 1 minuto para entrada refinada. Gosto do gráfico diário e também de 60 minutos. Aplico a média
de 72 períodos e 200 períodos, todas simples.

Coloquei o MACD para encontrar os possíveis pontos de divergência, onde a maioria das divergências,
sinalizam o final de um movimento e o início de um outro.

Agradeço ao mestre Rodrigo Cohen, ao qual tenho uma grande admiração e respeito, pois aprendi muito com
ele logo nos meus primeiros passos. Aproveito o ensejo de parabenizar dois professores, que são Elliotistas por
excelência ao qual deram um suporte fenomenal, um feedback fora da curva, os Senhores Reinaldo Ferreira e o
Jeferson Ladeia, fica aqui minha eterna gratidão para todos vocês.

Para fixar na minha mente os estudos em Elliot da forma como eles ensinam, preciso ver, rever várias vezes o
conteúdo. Mas o que eu sei, compartilho.

Deus abençoe e muito obrigado.


Idelvan Mesquita
Idelvan.mesquita@gmail.com