Você está na página 1de 16

RAZÃO DE CONTATO Número médio de dentes em contato

• ECDR Razão de contato transversal • ECDH Razão de contato transversal

Razão de contato axial (overlap)

B B tg
mf  
Pa m
W  ( r1  a1 ) 2  ( r1 cos  ) 2  ( r2  a2 ) 2  ( r2 cos  ) 2  C sen

Pb

 d
Pb  cos 
Z

W
mp 
Pb
Recomendação: 1,4 a 2 Recomendação: maior que 1
PROJETO DE ENGRENAGENS ANSI / AGMA 2001-D04
Fundamental Rating Factors and Calculation Methods for
• 1 ≤ mp ≥ 2 (razão de contato transversal) Involute Spur and Helical Gear Teeth
Validade: • Engrenagens geradas AGMA – American Gear Manufacturers Association

• Ѱ ≤ 50 (ângulo de hélice)


𝐹𝑡
• Tensão de flexão 𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏

𝐹𝑡
𝜎𝑐 = 𝐶𝑝 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐶
• Tensão de contato 𝐵 𝑑1 𝐼 𝑜 𝑣 𝑠 𝑚 𝑓

𝐾𝑙
• Resistência à flexão 𝑅𝑓 = 𝑅𝑓′
𝐾𝑡 𝐾𝑟

𝐶𝑙 𝐶ℎ ′
• Resistência ao contato 𝑅𝑐 = 𝑅
𝐾𝑡 𝐾𝑟 𝑐

𝑅𝑓
• Segurança à flexão 𝑆𝑓 =
𝜎𝑓

2
𝑅𝑐
• Segurança ao contato 𝑆𝑐 =
𝜎𝑐
J - Fator geométrico - ECDR 𝐹𝑡
𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏
J - Fator geométrico - ECDR
VARIÁVEIS 𝐹𝑡
𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏
Módulo m mm 5 5 10 10
Ângulo de pressão plano normal  graus 20 20 20 20

pinhão dp mm 90 90 180 180


Diâmetros primitivos
coroa dc mm 90 450 180 900

Distâncias entre centros C mm 90 270 180 540

pinhão Zp adim 18 18 18 18
Número de dentes
coroa Zc adim 18 90 18 90
compr. de ação W mm 22.6 24.9 45.2 49.7
170
Razão de contato passo base Pb mm 14.8 14.8 29.5 29.5
85
transversal mp adim 1.53 1.69 1.53 1.69 50
35
25
0,325 90 (i=5) 17

0,300 18 (i=1)

Z1 Z2 i J1 1/J1 Redução [%}

18 1.0 0.300 3.333


18
90 5.0 0.325 3.077 25.6%

18
J - Fator geométrico - ECDR 𝐹𝑡
𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏

170
85
50
0,333 35
60 25
0,323 30 17
0,314 20

Z1 Z2 i J1

20 1.0 0.314
20 30 1.5 0.323
60 3.0 0.333
J - Fator geométrico - ECDR 𝐹𝑡
𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏

0,408 20

0,360 20

VARIÁVEIS J1 J2
pinhão Zp adim 20 20 20 20 30 60
Número de dentes
coroa Zc adim 20 30 60 20 20 20
Razão de contato transversal mp adim 1.56 1.61 1.67 1.56 1.61 1.67

Z1 Z2 i J1 J2

20 1.0 0.314 0.314


20 30 1.5 0.323 0.360
60 3.0 0.333 0.408
J - Fator geométrico - ECDH 𝐹𝑡
𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏
𝜓 = 15°
0,618 60
𝑚𝑓 ≥ 2
𝛼 = 20° 0,557 30
  0,508 20 Engrenando com
75 dentes
Z1 Z2 J1 J2

20 0,314 0,314
20 30 0,323 0,360 𝐵 𝐵 tan 𝜓
60 𝑚𝑓 = = ≥2
0,333 0,408 𝑃𝑎 𝜋𝑚

 
J1 J2

0,930 0,472 0,508 0,472 Correção para Z


0,508 0,957 0,486 0,557 0,930 0,518 diferente de 75
0,982 60
0,982 0,499 0,618 0,575 dentes

0,957 30
  0,930 20
J1 J2

0,943 0,436 0,462 0,436


0,462 0,966 0,446 0,500 0,943 0,472
0,987 0,456 0,538 0,507
J - Fator geométrico - ECDH 𝐹𝑡
𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏
𝜓 = 30°
𝑚𝑓 ≥ 2
𝛼 = 20° 0,538 60
  0,500 30 Engrenando com
75 dentes
J1 J2 0,462 20
0,314 0,314
0,323 0,360 𝐵 𝐵 tan 𝜓
𝑚𝑓 = = ≥2
0,333 0,408 𝑃𝑎 𝜋𝑚

 
J1 J2

0,930 0,472 0,508 0,472 Correção para Z


0,508 0,957 0,486 0,557 0,930 0,518 0,987 60 diferente de 75
0,982 0,499 0,618 0,575 dentes
0,966
30
0,943 20
 
J1 J2

0,943 0,436 0,462 0,436


0,462 0,966 0,446 0,500 0,943 0,472
0,987 0,456 0,538 0,507
J - Fator geométrico - ECDH 𝐹𝑡
𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏

 
J1 J2

0,314 0,314
0,323 0,360
0,333 0,408

 
J1 J2

0,930 0,472 0,508 0,472


0,508 0,957 0,486 0,557 0,930 0,518
0,982 0,499 0,618 0,575

 
J1 J2

0,943 0,436 0,462 0,436


0,462 0,966 0,446 0,500 0,943 0,472
0,987 0,456 0,538 0,507
Ko - Fator de serviço 𝐹𝑡
𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
Leva em conta variações da força transmitida provocada por oscilações
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏
máquina MOTORA máquina MOVIDA
do torque (acionamento) ou de carga ( equipamento movido). A Norma CHOQUE
CHOQUE EXEMPLO
UNIFORME MODERADO SEVERO
não especifica valores e recomenda a utilização da experiência na UNIFORME
motor elétrico
1 1,25 1,75 ou +
turbina
aplicação.
LEVE motor multicilindro 1,25 1,5 2 ou +

MÉDIO motor 1 cilindro 1,5 1,75 2,25 ou +

Ks - Fator de tamanho
Leva em conta a não uniformidade das propriedades dos materiais.
A Norma ainda não estabeleceu valores. Portanto:
𝐾𝑠 = 1
AGMA 2000-A88
Kv - Fator dinâmico 3 a 7 – qualidade comercial
Qv – índice de qualidade
8 a 12 – qualidade precisa
𝑑𝜋𝑛 C1 = 1,08
𝑉𝑡 = Qv = 3
C2 = 45,4
60 V = 10 m/s
Kv = 2,1
2
C1 = 0,25 12 − 𝑄𝑣 3 Qv = 5
C1 = 0,915
C2 = 54,8
V = 10 m/s
Kv = 1,73
C2 = 50 + 56 1 − 𝐶1
C1 = 0,73
Qv = 7
C2 = 65,1
𝐶1 V = 10 m/s
Kv = 1,47
𝐶2 + 200 𝑉𝑡
𝐾𝑣 =
𝐶2 Qv = 9 C1 = 0,52
V = 5,24 m/s C2 = 76,88
Kv = 1,2
Km - Fator de distribuição de carga 𝐹𝑡
Leva em conta não uniformidade da distribuição do
𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
carregamento na linha de contato. 𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏
• 𝐵 ≤ 2𝑑
Validade:
• 𝐵 <1𝑚 𝐾𝑚 = 1 + 𝐶𝑚𝑐 𝐶𝑝𝑓 𝐶𝑝𝑚 + 𝐶𝑚𝑎 𝐶𝑒

1 ------ sem correção


𝐶𝑚𝑐 - Fator de correção da condução (flanco)
0,8 ------ com correção (coroamento, por exemplo)

largura de face c1 c2 c3
0 25.4 -0.025 0
𝐶𝑝𝑓 - Fator de proporção do pinhão 25.4 < B ≤ 356 -0.0375 4.9213 0
356 1016 -0.1109 8.1496 -3.534

𝑩
𝐶𝑝𝑓 = + 𝑐1 + 𝑐2 ∗ 10−4 𝑩 + 𝐶3 ∗ 10−7 𝑩𝟐
10𝑑

𝑆1
1 ------ < 0,175
𝑆
𝐶𝑝𝑚 - Fator de posição
𝑆1
1,1 ------ ≥ 0,175
𝑆

S1 S/2

S
Km - Fator de distribuição de carga 𝐹𝑡
continuação 𝜎𝑓 = 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾
𝐵𝑚𝐽 𝑜 𝑠 𝑣 𝑚 𝑏
𝐾𝑚 = 1 + 𝐶𝑚𝑐 𝐶𝑝𝑓 𝐶𝑝𝑚 + 𝐶𝑚𝑎 𝐶𝑒

montagem c4 c5 c6
engrenagens abertas 2.47 6.575 -1.186
𝐶𝑚𝑎 - Fator de alinhamento engrenagens
comerciais 1.27 6.22 -1.442
precisas 0.675 5.039 -1.435
enclausuradas
ultra-precisas 0.38 4.016 -1.274

𝐶𝑚𝑎 = 𝑐4 ∗ 10−1 + 𝑐5 ∗ 10−4 𝑩 + 𝐶6 ∗ 10−7 𝑩𝟐

0,8 ------ ajustadas na montagem e/ou compatibilizadas por lapidação


𝐶𝑒 - Fator de correção do alinhamento
1,0 ------ todas as demais condições Cmc Cpf Cpm Cma Ce Km
min 0.8 0 1 0.05 0.8 1.0
max 1 0.4 1.1 0.7 1 2.1
Kb - Fator de espessura de borda

2,242
𝐾𝑏 = 1,6 ln ------ 𝑚𝐵 < 1,2
𝑚𝐵

𝐾𝑏 = 1 -------------------- 𝑚𝐵 ≥ 1,2
I – Fator geométrico cos 𝛼𝑡 sin 𝛼𝑡 𝑖 𝐹𝑡
𝐼= 𝜎𝑐 = 𝐶𝑝 𝐾 𝐾 𝐾 𝐾 𝐶
2𝑚𝑛 𝑖+1 𝐵 𝑑1 𝐼 𝑜 𝑣 𝑠 𝑚 𝑓

Para ECDR ---- 𝛼𝑛 = 𝛼 = 𝛼𝑡


Ângulo de pressão
no plano transversal
Para ECDH ---- 𝛼𝑛 = 𝛼 ≠ 𝛼𝑡
tan 𝛼
𝛼𝑡 = tan−1
cos 𝜓

Para ECDR ---- 𝑚𝑛 =1 Razão de


Razão de
1
contato transversal
distribuição de carga
Para ECDH ---- 𝑚𝑛 = 0,95 𝑚 W
𝑝 mp 
Pb
COROA
Cp – Coeficiente elástico PINHÃO Aço
Fofo Fofo Fofo Alumínio Ligas
maleável nodular cinzento Bronze Cu-Sn
Aço 191 181 179 174 162 158

1 Fofo maleável 181 174 172 168 158 154


𝐶𝑝 =
1 − 𝛾12 1 − 𝛾22
Fofo nodular 179 172 170 166 156 152

𝜋 + Fofo cinzento 174 172 166 163 154 149


𝐸1 𝐸2 Alumínio Bronze 162 158 156 154 145 141

Liga Cu-Sn 158 154 152 149 141 137


Cf – Fator de condição de superfície Depende: •
Acabamento superficial
Tensões residuais
Valores ainda não definidos pela Norma.

𝐾𝑠 = 1
• Encruamento
RESISTÊNCIAS da AGMA 𝐾𝑙
𝑅𝑓 = 𝑅𝑓′
 Aço com endurecimento completo

Validade:


Temperatura inferior a 120C
Resistência para 107 ciclos
𝐾𝑡 𝐾𝑟
 Confiabilidade de 99%

𝐶𝑙 𝐶ℎ ′
𝑅𝑐 = 𝑅𝑐
Rf’ – Resistência a fadiga por flexão da AGMA 𝐾𝑡 𝐾𝑟

77,3 𝐻𝐵 + 12800 𝐾𝑙
Aço grau 1 𝑅𝑓′ =
145 𝑅𝑓 = 𝑅𝑓′
102 𝐻𝐵 + 16400
𝐾𝑡 𝐾𝑟
Aço grau 2 𝑅𝑓′ =
145

Rc’ – Resistência a fadiga de contato da AGMA

Aço grau 1 𝑅𝑐′ = 2,22 𝐻𝐵 + 200 𝐶𝑙 𝐶ℎ ′


𝑅𝑐 = 𝑅𝑐
Aço grau 2 𝑅𝑐′ = 2,41 𝐻𝐵 + 237 𝐾𝑡 𝐾𝑟
Kl – Fator de vida 𝐾𝑙
2
10 ≤ 𝑁 ≤ 10 3 3
10 ≤ 𝑁 ≤ 12 6 6
12 ≤ 𝑁 ≤ 10 10
𝑅𝑓 = 𝑅𝑓′
dureza [HB] cte A b A b 𝐾𝑡 𝐾𝑟

Fator de vida
160 1.6 2.3194 -0.0538 1.6831 -0.0323
250 2.4 4.9404 -0.1045 interpolar
𝐶𝑙 𝐶ℎ ′
400 3.4 9.4518 -0.1480 1.3558 -0.0178
𝑅𝑐 = 𝑅𝑐
Para durezas intermediárias, interpolar.
𝐾𝑡 𝐾𝑟
𝐾𝑙 = 𝐴 𝑁 𝑏

Cl – Fator de vida Ciclos [voltas]

𝑁 ≤ 104 𝐶𝑙 = 1,47

𝑁 > 104 𝐶𝑙 = 2,466 𝑁 −0,056

Kt – Fator de temperatura
𝑇ó𝑙𝑒𝑜 ≤ 121℃ 𝐾𝑡 = 1 9
𝑇𝐹 = 𝑇 + 32
460 + 𝑇𝐹 5 𝐶
𝑇ó𝑙𝑒𝑜 > 121℃ 𝐾𝑡 =
620

Kr – Fator de confiabilidade

0,5 ≤ 𝑅 ≤0,99 𝐾𝑟 = 0,658 − 0,0759 ln 1 − 𝑅

0,99 ≤ 𝑅 ≤0,9999 𝐾𝑟 = 0,5 − 0,109 ln 1 − 𝑅


Ch – Fator de razão de dureza 𝐾𝑙
𝑅𝑓 = 𝑅𝑓′
Pinhão 𝐶ℎ1 = 1 𝐾𝑡 𝐾𝑟
𝐶ℎ2 = 1 + 𝐴 𝑖 − 1
Coroa
𝐶𝑙 𝐶ℎ ′
𝐻𝐵𝑝
< 1,2 A=0 𝑅𝑐 = 𝑅𝑐
𝐻𝐵𝑐 𝐾𝑡 𝐾𝑟
𝐻𝐵𝑝 𝐻𝐵𝑝
1,2 ≤ ≤ 1,7 A = 0,00898 − 0,00829
𝐻𝐵𝑐 𝐻𝐵𝑐
𝐻𝐵𝑝
> 1,7 A = 0,00698
𝐻𝐵𝑐

SEGURANÇA

𝑅𝑓 2
𝑅𝑐
𝑆𝑓 = 𝑆𝑐 =
𝜎𝑓 𝜎𝑐