Você está na página 1de 5

Instituto Superior Politécnico de Viseu

Escola Superior de Tecnologia


Departamento de Informática

Ficha prática – Introdução ao SGBD Microsoft Access

Objectivo: Criação de base de dados, criação de tabelas e de relacionamentos, criação de


formulários e inserção de dados.

Considerando o modelo de dados definido para a Pastelaria Flor do Minho e utilizando o SGDB
Access:
1- Crie uma base de dados, com o nome BD_receitas (Ajuda: Criar base de dados nova usando
a opção Base de dados vazia);
2- Crie as tabelas necessárias para gerir a informação referida, tendo em consideração os
nomes das tabelas e campos da Figura 1;
(Ajuda: Para cada tabela:
• No separador Tabelas, da Janela de “Base de dados”, utilizar o botão Novo e escolher
opção Vista de estrutura;
• Definir as seguintes características dos campos: Nome do campo, Tipo de dados,
propriedades e, no separador Geral (General), o “tamanho do campo” e a “legenda
(Caption)”; (OBS: a legenda consiste no rótulo de cada campo a usar em formulários;
Se for criada é usada automaticamente, facilitando a elaboração dos formulários)
• Definir a chave primária seleccionando o(s) campo(s) e utilizando o ícone de chave
primária.)

Figura 1 – Vista de estrutura das tabelas

Engenharia de Sistemas e Informática – Análise de Sistemas 1


3- Crie uma “caixa de combinação” (combo box) para visualizar e manipular o atributo
N_ingrediente, da tabela ing_rec. Para tal:
• Aceda novamente à tabela ing_rec em modo estrutura/design;
• Posicione-se no atributo N_ingrediente;
• Recorra ao Assistente de pesquisa (proporcionado na escolha do tipo de dados) para
criar a caixa de combinação e inclua os campos N_ingrediente, Designação e
medida_pasteleiro;
Posteriormente, analise as especificações atribuídas às propriedades do separador Pesquisa,
parcialmente ilustradas na Figura 2.

Figura 2 – Separador Pesquisa


4- Defina os relacionamentos entre tabelas.
(Ajuda:
• Seguir as indicações da Figura 3 para aceder à janela de definição/visualização de
relacionamentos;
• Adicionar todas as tabelas, recorrendo sucessivamente ao botão Adicionar/Add e
terminando a “adição” de tabelas com o botão Fechar/Close;
• Para definir um relacionamento entre (dois atributos de) duas tabelas, arrastar o cursor
de um atributo do relacionamento para o outro atributo; Quando surgir a caixa de
diálogo de edição de relacionamentos, activar Impor Integridade Referencial/Enforce
Referential Integrity e usar o botão Criar/Create para criar o relacionamento;
• Salvaguardar e fechar a janela de definição/visualização de relacionamentos.)

Engenharia de Sistemas e Informática – Análise de Sistemas 2


Figura 3 – Relacionamentos entre tabelas

5- Utilize a base de dados criada para registar a receita Cavacas de Fão (8 ovo(s); 500g de
farinha), considerando as existências em stock e outros valores apresentados na Figura 4,
que também devem ser inseridos.

Ingrediente Existências Quantidade de alerta Quantidade de encomenda Preço


6 dúzias de ovos 6 dúzias 5 10 € 1.25/Dúzia
10 Kg açúcar 10 Kg 10 20 € 1/ Kg
15 Kg de farinha 15 Kg 10 20 € 0.5/Kg

Figura 4 – Ingredientes em stock


(Ajuda:
Aceder à vista de folha de dados (botão Abrir do separador Tabelas da Janela “Base de
dados” ou através de duplo toque na tabela) e introduzir os dados de cada uma das 3 tabelas.
Não esquecer que na tabela ing_rec têm de ser introduzidos (para N_receita e
N_ingrediente) os valores dos códigos usados nas tabelas Receitas e Ingredientes. Se
subsistirem dúvidas, observar as restantes figuras da ficha, apresentadas seguidamente.)

II

6- Crie os formulários, apresentados na tabela 1, recorrendo ao Assistente de formulários.

Nome do Tabela em Esquema de Atributos a incluir Ver Fig. Nº


formulário que se baseia formulário
frm_ingredientes Ingredientes Tabela Todos Figura 5
frm_receitas Receitas Colunas Todos Figura 6
sub_ing_rec “Ing_rec” Tabela Todos + Medida_pasteleiro Figura 7
Tabela 1 - Lista de formulários a criar

Engenharia de Sistemas e Informática – Análise de Sistemas 3


Figura 5 – Formulário frm_ingredientes em modo vista formulário. (OBS: A Figura 7 apresenta o
modo em vista de estrutura de outro formulário)

Figura 6 – Formulário frm_receitas em modo vista de formulário

Figura 7 – Formulário sub_ing_rec em modo vista de estrutura (juntamente com janela de


propriedades e caixa de ferramentas)

Engenharia de Sistemas e Informática – Análise de Sistemas 4


7- Defina as propriedades do formulário sub_ing_rec de acordo com a tabela 2; Para aceder às
propriedades de um dado objecto, caso a respectiva janela se encontre fechada, seleccionar o
objecto e recorrer ao ícone propriedades; Elimine ainda o controlo N_receita do formulário
sub_ing_rec.

Objecto Propriedade Valor ↓


Formulário Vista predefinida Formulário contínuo
Formulário Barras de deslocamento Só vertical
Formulário Botões de navegação Não
Medida_pasteleiro Activado Não

Tabela 2 – Propriedades dos objectos do formulário sub_ing_rec

8- Abra o formulário frm_receitas, desactive Assistentes de controlo (dando um toque no


segundo ícone da caixa de ferramentas da Figura 7) e adicione no fundo do formulário um
controlo Subformulário/Sub_relatório; Atribua à propriedade do subformulário, “Origem do
objecto”, o nome do formulário sub_ing_rec, obtendo o resultado ilustrado na Figura 8.

Figura 8 – Formulário frm_receitas final em modo vista desenho

9- Utilize os formulários criados para verificar e corrigir os dados introduzidos anteriormente;


Recorrendo novamente aos formulários, introduza os ingredientes apresentados na Figura 5
e posteriormente as receitas apresentadas na Tabela 3;

Biscoitos do Minho Doce de ovos Pão de ló


500g de farinha 1 lata de leite condensado 6 ovos
500g de açúcar 300g de açúcar 250g de açúcar
150g de manteiga 10 ovos 150g de farinha

Tabela 3 -Ingredientes de algumas receitas

Engenharia de Sistemas e Informática – Análise de Sistemas 5

Você também pode gostar