Você está na página 1de 11

SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

 Baseado no formato de prova


• Nas questões a seguir, marque, para cada uma, a única opção correta, de acordo com o respectivo comando. Para as devidas
marcações, use a Folha de Respostas, único documento válido para a correção da sua prova.
• Em seu caderno de prova, caso haja opção(ões) constituída(s) pela estrutura Situação hipotética:... seguida de Assertiva:..., os

 aplicado pela banca Cebraspe


dados apresentados como situação hipotética deverão ser considerados premissa(s) para o julgamento da assertiva proposta.
• Eventuais espaços livres – identificados ou não pela expressão “Espaço livre” – que constarem deste caderno de prova pode-
rão ser utilizados para rascunhos.

SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL


CONHECIMENTOS BÁSICOS 5 A conjunção “por isso” (l. 12) encerra uma ideia de conclusão
em relação ao que se afirma no período anterior, e pode ser
LÍNGUA PORTUGUESA substituída pelo conector “destarte”.
(LUCAS LEMOS)
6 A oração iniciada pela conjunção “que” (l. 14) funciona como
Texto 1 complemento direto da forma verbal “determinou” (l. 14).

1 No Brasil Império, sempre foram muito difíceis e limi- 7 A expressão “que se expandia rapidamente” (l. 2-3) tem na-
tados os recursos da população contra o fogo, que se expan- tureza explicativa e faz referência ao termo que a antecede.
dia rapidamente, já que era usada muita madeira nas constru-
ções. Nessa época, o sinal de incêndio era dado pelos sinos 8 Mantendo-se a correção gramatical e a coerência do texto,
5 das igrejas. Acorriam todos os aguadeiros com suas pipas, e é possível substituir a preposição “para” (l. 9), que expressa
também os populares, que faziam longas filas até o chafariz uma finalidade, por a fim de.
mais próximo, transportando de mão em mão os baldes de
água, ao mesmo tempo em que se improvisavam escadas de Texto 2
madeira para efetuar salvamentos, retirando-se os moradores,
10 antes que eles se atirassem das janelas dos sobrados. Se o 1 A maioria dos comentários sobre crimes ou se limita
incêndio ocorria à noite, a confusão era total, por falta de a pedir de volta o autoritarismo ou a culpar a violência do
iluminação pública. Por isso, o vice-rei Luís de Vascon- cinema e da televisão por excitar a imaginação criminosa
celos, em ofício dirigido à Câmara, datado de 12 de julho dos jovens. Poucos pensam que vivemos em uma sociedade
de 1788, determinou que todos deveriam iluminar a frente 5 que estimula, de forma sistemática, a passividade, o rancor,
15 de suas casas, a fim de evitar o “atropelamento”. O pânico era a impotência, a inveja e o sentimento de nulidade nas pes-
tanto que causava mais vítimas que o próprio fogo. soas. Não podemos interferir na política, porque nos ensi-
naram a perder o gosto pelo bem comum; não podemos
Internet: <www.brigadamilitar.rs.gov.br> (com adaptações). tentar mudar nossas relações afetivas, porque isso é assunto
10 de cientistas; não podemos, enfim, imaginar modos de viver
Em relação às ideias e às estruturas linguísticas do texto acima, mais dignos, mais cooperativos e solidários, porque isso
julgue os itens que se seguem. é coisa de “obscurantista, idealista, perdedor ou ideólogo
fanático”, e o mundo é dos fazedores de dinheiro.
1 Infere-se das informações do texto que, à época retratada, a  Somos uma espécie que possui o poder da imaginação,
ausência de iluminação pública contribuía para que muitas 15 da criatividade, da afirmação e da agressividade. Se isso
pessoas se machucassem na movimentação da população nas não pode aparecer, surge, no lugar, a reação cega ao que
ruas durante os incêndios noturnos. nos impede de criar, de colocar no mundo algo de nossa
marca, de nosso desejo, de nossa vontade de poder. Quem
2 O emprego de sinal indicativo de crase em “à Câmara” (l. 13) sabe e pode usar – com firmeza, agressividade, criatividade
justifica-se porque o termo “dirigido” exige complemento re- 20 e afirmatividade – a sua capacidade de doar e transfor-
gido da preposição “a”, e a palavra “Câmara” está precedida mar a vida, raramente precisa matar inocentes de maneira
de artigo definido feminino. bruta. Existem mil outras maneiras de nos sentirmos poten-
tes, de nos sentirmos capazes de imprimir um curso à vida
3 A partícula “se”, em suas duas ocorrências no trecho “para que não seja pela força das armas, da violência física ou
efetuar salvamentos, retirando-se os moradores, antes que 25 da evasão pelas drogas, legais ou ilegais, pouco importa.
eles se atirassem (…)” (l. 9-10), exerce a mesma função
Jurandir Freire Costa. In: Quatro autores em busca do Brasil.
sintática. Rio de Janeiro: Rocco, 2009, p. 43 (com adaptações).

4 A expressão “todos os aguadeiros” (l. 5) exerce a função de


objeto direto de “Acorriam” (l. 5).
SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

Quanto à fidedignidade às prescrições gramaticais e semânticas do 17 No trecho “Minha mãe fazia muitas meias de lã para ele.” (l. 3),
texto, julgue os itens a seguir. caso a palavra sublinhada fosse substituída por “bastante”, a con-
cordância se faria no singular, uma vez que essa palavra funcio-
9 Muitos acreditam que a censura aos meios de comunicação naria como advérbio.
seria uma forma de reduzir a violência entre jovens.
18 As palavras “além”, “Josué” e “Canadá” são acentuadas de
10 É possível depreender do texto que o autor culpa a violência acordo com a mesma regra de acentuação gráfica.
do cinema e da televisão pela disseminação da violência nos
dias atuais. Conforme a 3ª edição do Manual de Redação da Presidência da
República de 2018 (MRPR), julgue os itens que se seguem.
11 É obrigatório o emprego da forma verbal “limita” (l. 1), na 3ª
pessoa do singular, para concordar com o sujeito da oração. 19 Os princípios da publicidade, da impessoalidade e da eficiên-
cia, que regem toda a Administração Pública, devem nortear
12 A correção gramatical e as informações originais do texto a elaboração das comunicações oficiais.
são mantidas com a substituição do termo “Existem” (l. 22)
por “Haviam”. 20 Na nova edição do MRPR, fica extinta a distinção dos docu-
mentos do padrão ofício e passa-se a utilizar o termo ofício
Texto 3 nos três casos.

1 O Mario, além de um grande poeta, era um grande humo- 21 O vocativo a ser empregado em comunicações oficiais a um
rista. Ele frequentava bastante a nossa casa e era uma presença juiz é Senhor Juiz.
quieta e discreta. Minha mãe fazia muitas meias de lã para ele.
Tantas que um dia ele observou: “Acho que a Mafalda pensa 22 Em todas as comunicações oficiais, deve-se adotar, na identi-
5 que eu sou uma centopeia”. Uma vez fui levá-lo na casa do ficação do signatário, o modelo abaixo.
Josué Guimarães, e ele teve alguma dificuldade em sair do
banco de trás. Disse: “Como a gente tem perna, né?” Era um Assinatura
obcecado por jogo e, na vez em que foi atropelado, pediu Nome da autoridade que expede a comunicação oficial
urgentemente, ainda do chão, que anotassem o número da Cargo da autoridade que expede a comunicação oficial
10 placa do carro. Era para jogar na loteria. Nos encontramos no
Rio, no Hotel Canadá, na Avenida Nossa Senhora de Copaca-
bana. E ele nos contou que o que mais gostava no Rio eram os LEGISLAÇÃO ESTADUAL E
túneis, “porque dentro dos túneis descansava da paisagem”. LEGISLAÇÃO APLICADA AO
VASSALO, Márcio. Mario Quintana. 1ª edição. São Paulo, MINISTÉRIO PÚBLICO
2005, p. 31. Texto de Luis Fernando Veríssimo, escritor (com (ISMAEL NORONHA / RODRIGO CARDOSO /
adaptações).
GILCIMAR RODRIGUES)

Com base no texto e nas suas relações sintáticas e semânticas,


23 Qualquer cidadão, partido político, associação ou sindicato
julgue os itens a seguir.
de classe é parte legítima para denunciar irregularidades ou
ilegalidades perante o Tribunal de Contas do Estado, exigir-
13 O texto, predominantemente descritivo, apresenta as carac-
lhe completa apuração e devida aplicação das sanções legais
terísticas do Mario como grande poeta e grande humorista. aos responsáveis, ficando a autoridade que receber a denúncia
ou o requerimento de providências, obrigada a manifestar-se
14 O trecho “O Mario, além de um grande poeta, era um grande sobre a matéria.
humorista” (l. 1-2), pode ser reescrito, sem alteração sintática
e semântica, da seguinte forma: Assim como Mário era um 24 É competência do Estado, exercida em comum com a União,
grande poeta, era um grande humorista. com o Distrito Federal e com os Municípios, a prestação do
serviço de gás canalizado.
15 As vírgulas empregadas após o vocábulo “Canadá” (l. 11) e
antes da conjunção “porque” (l. 13) separam termos que exer- 25 Umas das hipóteses de intervenção do Estado nos Municípios
cem a mesma função sintática. ocorre quando nestes não tiver sido aplicado o mínimo exigido
da receita municipal na manutenção e no desenvolvimento
16 A colocação proclítica do pronome “Nos” (l. 10) não atende do ensino.
aos preceitos da norma-padrão, embora, na oralidade, esse
uso seja recorrente. 26 Compete ao TJ/CE processar e julgar, originariamente, o Go-
vernador do Estado nos crimes comuns.
SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

27 O Ministério Público é instituição permanente, essencial à 36 O Corregedor-Geral do Ministério Público será eleito pelo
função jurisdicional do Estado, incumbindo-lhe a defesa da Colégio de Procuradores, dentre os Procuradores de Justiça,
ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses so- para mandato de dois anos, vedada a recondução.
ciais e individuais indisponíveis. São princípios inerentes ao
Ministério Público a unidade, a indivisibilidade e a indepen- Com base na Lei Complementar n. 72/2008 do Estado do Ceará,
dência funcional. que organiza o Ministério Público local, julgue os itens seguintes.

28 O Ministério Público tem por Chefe o Procurador-Geral de 37 São órgãos de Administração do Ministério Público as Procu-
Justiça, nomeado pelo Governador do Estado, dentre inte- radorias de Justiça, as Promotorias de Justiça, o PROCON –
grantes da carreira, maiores de trinta e cinco anos, indicados Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor – e
em lista tríplice, mediante escrutínio secreto pelos membros, a Ouvidoria-Geral do Ministério Público.
em atividade, da instituição, para mandato de dois anos, ve-
dada a recondução. 38 O Procurador-Geral de Justiça será nomeado pelo Governador
do Estado, para mandato de 2 (dois) anos, dentre os integrantes
Com fundamento na Lei n. 9.826/1974, julgue os itens seguintes. de lista tríplice, permitida uma recondução, observado o
mesmo procedimento.
29 Matilde, servidora do MP/CE, foi suspensa por quarenta dias
após regular processo disciplinar. É possível a suspensão ser
39 Se o Chefe do Poder Executivo não efetuar a nomeação do
convertida em multa na base de até 50% por dia de vencimen-
Procurador-Geral de Justiça nos 15 (quinze) dias que se se-
to ou remuneração, ficando o servidor obrigado a permanecer
guirem ao recebimento da lista tríplice, será investido auto-
em serviço.
maticamente no cargo aquele que ocupar o primeiro lugar
na votação.
30 A demissão por abandono de cargo ocorre quando o servidor
falta ao serviço injustificadamente por trinta dias consecutivos
40 Os membros do Ministério Público sujeitam-se a regime
ou sessenta dias, interpoladamente, durante 12 (doze) meses.
jurídico especial, gozam de independência no exercício das
Acerca do regime jurídico dos servidores públicos do estado do suas funções e têm a garantia da inamovibilidade no cargo
Ceará (Lei n. 9.826/1974), julgue os itens a seguir. ou nas funções, salvo por motivo de interesse público, me-
diante decisão do Conselho Superior do Ministério Público,
31 No caso de inquérito administrativo, a autoridade julgadora pelo voto da maioria absoluta de seus membros, assegurada
deverá proferir sua decisão a respeito da responsabilidade do ampla defesa.
servidor indiciado no prazo de vinte dias, contados do recebi-
mento do processo. Com fundamento na Lei n. 14.043/2007 (Plano de Cargos, Carrei-
ras e Vencimentos dos Servidores do Ministério Público do Estado
32 Situação hipotética: Lucas, servidor público do MP/CE, foi do Ceará), julgue os próximos itens.
demitido após ter respondido a processo administrativo pela
41 Os cargos de provimento em comissão são de livre nomea-
suposta prática de ato de improbidade administrativa. Incon-
ção e exoneração, logo, não é exigido que seu ocupante seja
formado, Lucas ingressou com ação judicial e conseguiu anu-
previamente aprovado em concurso público. No entanto, no
lar a demissão, tendo sido reinvestido no cargo. Assertiva:
mínimo 50% desses cargos deverão ser reservados aos servi-
Nesse caso, a reinvestidura de Lucas no cargo público se dará
dores ocupantes de cargo de provimento efetivo do Ministé-
por meio da reversão.
rio Público do Estado do Ceará.
33 As decisões do Ministério Público, fundadas em sua auto-
42 Os cargos efetivos do MP/CE são de carreira, sendo estrutu-
nomia funcional, administrativa e financeira, obedecidas
rados em quatro classes e vinte referências.
as formalidades legais, têm eficácia plena e executoriedade
imediata, ressalvada a competência constitucional do Poder
43 O servidor que for designado de ofício para ter exercício em
Judiciário e do Tribunal de Contas.
órgão do Ministério Público localizado em outra cidade, por
período superior a cento e oitenta dias, terá direito a receber
34 O Conselho Superior do Ministério Público é órgão da Admi-
ajuda de custo.
nistração Superior e órgão auxiliar.

44 Após a nomeação, a posse deverá ocorrer no prazo de trinta


35 Para exercer as atribuições do Colégio de Procuradores de
dias, prorrogável por mais trinta dias a requerimento do inte-
Justiça, com número superior a quarenta Procuradores de Jus-
ressado. O exercício no cargo deverá ocorrer em até quinze
tiça, poderá ser constituído Órgão Especial, cuja composição
dias, contados da data da posse.
e número de integrantes a Lei Orgânica Estadual fixará.
SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

45 É possível afirmar que progressão funcional representa o Com relação à Lei de Licitações n. 8.666/1993, julgue os itens.
avanço entre as referências, decorrentes da promoção de ser-
vidor na mesma classe. 52 É dispensável a licitação de imóveis para venda a outro ór-
gão ou entidade da Administração Pública, de qualquer esfera
de governo.
ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO
(GLAUBER MARINHO)
53 Em caso de licitação na modalidade de concorrência, a fase
de julgamento e classificação das propostas ocorre previa-
“Ao contrário de outros seres, animados ou inanimados, nós
mente à de habilitação.
homens podemos inventar e escolher, em parte, nossa forma de
vida. Podemos optar pelo que nos parece bom, ou seja, conve-
Julgue o item a seguir.
niente para nós, em oposição ao que nos parece mau e inconve-
niente. Como podemos inventar e escolher, podemos nos enganar,
54 Os cargos ou empregos em comissão e as funções de confian-
o que não acontece com os castores, as abelhas e as formigas. De
ça serão exercidos, obrigatoriamente, por servidores ocupan-
modo que parece prudente atentarmos bem para o que fazemos,
procurando adquirir um certo saber viver que nos permita acer- tes de cargo de carreira técnica ou profissional, nos casos e
tar. Esse saber viver, ou arte de viver, se você preferir, é o que se condições previstos em lei.
chama de ética.”
Com relação às disposições gerais sobre Administração Pública,
Fernando Savater previstas na Constituição Federal, julgue o item a seguir.

A partir do texto de Savater e considerando a ética no serviço 55 A lei reservará percentual dos cargos e empregos públicos
público, julgue os itens. para as pessoas portadoras de deficiência e definirá os crité-
rios de sua admissão.
46 A ética, como ciência, ramo da antropologia, investiga o com-
portamento humano no contexto das relações coletivas. Com relação à teoria geral da responsabilidade civil do Estado,
prevista no art. 37, § 6º, da Constituição Federal, julgue o
47 Conforme explicitado pelo autor, a ética independe da cons- item a seguir.
ciência humana para sua existência.
56 As pessoas jurídicas de direito privado que prestem serviços
públicos responderão pelos danos que seus agentes, nessa
48 Ética e moral, apesar de possuírem significados diferenciados,
qualidade, causarem a terceiros, assegurado o direito de re-
na Administração Pública buscam uma finalidade comum – o
gresso contra o responsável nos casos de dolo ou culpa.
bem-estar social, a harmonização das relações coletivas.
Com base na teoria dos poderes administrativos, julgue o
49 O servidor poderá omitir a verdade, de modo a preservar os item a seguir.
interesses da Administração Pública. Essa possiblidade tem
previsão no princípio da publicidade como uma de suas ex- 57 O poder hierárquico da Administração Pública é aquele que
ceções: interesses superiores da Administração e do Estado. permite que a autoridade administrativa puna as infrações
funcionais dos servidores e de todos que estiverem sujeitos à
50 Saber viver, acertando ao fazer escolhas, é a demonstração disciplina dos órgãos e serviços da Administração.
de consciência a respeito de nossas ações e, desse modo, a
própria concepção de ética. Com relação à Administração Pública direta e indireta, julgue os
itens a seguir.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 58 As agências reguladoras são autarquias com regime especial,


possuindo todas as características jurídicas das autarquias co-
NOÇÕES DE DIREITO muns, salvo por seus dirigentes estáveis e com mandato fixo.

ADMINISTRATIVO 59 Somente por lei específica poderá ser criada autarquia e au-
(NILTON CARLOS)
torizada a instituição de Empresa Pública, de Sociedade de
Economia Mista e de Fundação, cabendo à lei complementar,
51 Segundo estabelece a Lei n. 8.666/1993, constituem motivo
neste último caso, definir as áreas de sua atuação.
para rescisão do contrato: razões de interesse público, de alta
relevância e amplo conhecimento, justificadas e determina-
das pela máxima autoridade da esfera administrativa a que
está subordinado o contratante e exaradas no processo admi-
nistrativo a que se refere o contrato.
SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

NOÇÕES DE DIREITO NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO


(JOSÉ WESLEY)
CONSTITUCIONAL
(WESLEI MACHADO)
Com referência à Administração Pública do modelo racional-legal
ao paradigma pós-burocrático, julgue os itens que se seguem.
Quanto à aplicabilidade e à eficácia das normas constitucionais,
julgue o item a seguir.
69 A burocracia nos moldes weberianos é uma teoria descritiva,
ou seja, definida como o tipo ideal de organização que apli-
60 As normas constitucionais de eficácia limitada definidoras
ca, em sua forma mais pura, a autoridade racional-legal ou
de princípios programáticas são aquelas normas que estão
burocrática.
aptas para a produção de seus plenos efeitos desde a pro-
mulgação da Constituição Federal, mas podem ter os efeitos
70 Distanciando-se do modelo tradicional burocrático, o gover-
restringidos.
no empreendedor ou a Administração Pública Gerencial vi-
sam estimular a ação e a parceria da sociedade por meio de
61 As assembleias legislativas não podem sustar os efeitos de
uma gestão mais participativa.
decisões judiciais de decretação de prisão preventiva ou de
imposição de medidas cautelares a deputados estaduais, prer- A respeito da evolução da Administração Pública brasileira, julgue
rogativas reconhecidas penas às Casas Legislativas integran- o próximo item.
tes do Congresso Nacional.
71 Durante o governo de Getúlio Vargas, implementou-se a cha-
62 As Constituições dos Estados-membros podem ampliar as mada reforma burocrática, que buscava fortalecer o sistema
hipóteses de matérias a serem tratadas por meio de lei com- de mérito, o autoritarismo, bem como favorecer a profissio-
plementar, além daquelas situações já estabelecidas na Cons- nalização na gestão pública.
tituição Federal.
Em relação ao ciclo PDCA, às ferramentas de gestão da qualidade
63 Admite-se a atuação direta do Ministério Público Militar, e aos modelos de excelência gerencial, julgue o item seguinte.
órgão do Ministério Público da União, em sede processual,
72 O Modelo de Excelência em Gestão Pública (MEGP), de-
perante o Supremo Tribunal Federal, nos recursos por ele
senvolvido com base na Fundação Nacional da Qualidade
interpostos.
(FNQ), descreve práticas de gestão para instituições Públicas.
64 Afigura-se legítima a previsão na constituição de Estado-
A respeito da reforma do Estado, da excelência na gestão dos ser-
membro de que somente possam concorrer ao cargo de viços públicos e das diferenças entre a gestão pública e a gestão
Procurador-Geral de Justiça os Procuradores de Justiça. privada, julgue o seguinte item.

65 Em razão do princípio da presunção de não culpabilidade, 73 A participação social da população beneficiária na formu-
segundo o qual ninguém será considerado culpado enquanto lação, no acompanhamento, na avaliação e no controle dos
não transitar em julgado condenação criminal condenatória, serviços sociais diretos prestados pelo Estado, o pensamento
não se admite a execução provisória da pena. sistêmico e a visão de futuro constituem práticas de excelên-
cia na gestão de serviços públicos.
66 A revogação expressa ou tácita da norma submetida a contro-
le concentrado de constitucionalidade, após o ajuizamento da A respeito da gestão da qualidade e do modelo de excelência
ação direta de inconstitucionalidade, acarreta a perda super- gerencial, julgue o item a seguir.
veniente do seu objeto, independentemente da existência de
efeitos residuais concretos dela decorrentes. 74 Utilizada atualmente como solução de aprimoramento contí-
nuo em qualquer área, o ciclo PDCA (Plan / Do / Check / Act)
67 Inexiste ofensa à Constituição Federal em caso de lei estadual é uma ferramenta versátil, que se aplica a vários sistemas de
de iniciativa parlamentar sobre matéria tributária. gestão, tanto na gestão pública como na privada.

68 Em razão da competência legislativa privativa da União para Acerca das características das organizações formais modernas,
regrar a disciplina e a prestação de serviços de telecomuni- das convergências e diferenças entre gestão pública e privada,
cações, considera-se inconstitucional lei estadual que insti- da gestão de resultados e da gestão de desempenho, julgue o
próximo item.
tua obrigação para as operadoras de telefonia fixa e móvel
que disponibilizem extrato detalhado de conta de chama-
75 Assim como as organizações privadas, os tribunais de contas
das telefônicas e serviços utilizados na modalidade de pla-
devem zelar pela excelência nos serviços prestados, preserva-
no pré-pago.
dos e respeitados os aspectos inerentes à sua natureza pública.
SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

76 O planejamento orienta gestores e funcionários quanto às ati- período de perda da pretensão incidente sobre todos as
vidades que devem ser desenvolvidas para que as metas da dívidas passivas da União, dos Estados, do Distrito Federal
empresa sejam cumpridas. e dos Municípios.

77 Uma das funções básicas da administração é a organização ou 86 Não há que se falar em reconhecimento da imaturidade ou do
estruturação, que consiste na reunião e coordenação de ativi- desconhecimento em relação à prática de negócios jurídicos
dades e de recursos necessários para o alcance dos objetivos em geral, como circunstância geradora da anulabilidade do
organizacionais. negócio jurídico decorrente da lesão, por aquele que estipule
contratos rotineiramente.
A respeito da administração e seus preceitos fundamentais con-
forme a literatura de administração científica, julgue o item a seguir. 87 Além da boa-fé e os usos dos lugares de celebração, a inter-
pretação do negócio jurídico ocorre também sobre influência
78 Os pressupostos teóricos da administração científica visam das práticas habitualmente adotadas entre as partes.
contribuir diretamente para a maior eficiência dos processos
produtivos, excluindo a redução dos custos de produção. 88 Em caso de dissolução de associação, a destinação do patri-
mônio líquido remanescente deve ser decidida pelos asso-
79 O modelo tradicional burocrático, predominante no setor pú- ciados, por norma estatutária ou adotada em assembleia, ou,
blico, é caracterizado por rigidez, profissionalismo, adhocra- se houver omissão, a uma instituição municipal, estadual ou
cia e visão de cidadão-cliente. federal de fins idênticos ou semelhantes.

89 A emancipação civil decorrente da manifestação dos pais ou


NOÇÕES DE DIREITO CIVIL por sentença judicial poderá ser desconstituída em razão de
(WESLEI MACHADO) invalidade de manifestação judicial.

No que se refere aos contratos, julgue os itens a seguir. 90 Em caso de simulação relativa, haverá a possibilidade de
aproveitamento do negócio jurídico dissimulado desde que
80 Diante da álea assumida nos contratos aleatórios, não é possí- preenchidos todos os seus requisitos e do afastamento do ne-
vel a sua resolução por onerosidade excessiva. gócio jurídico simulado.

81 O exercício do direito de evicção depende de que o alienante


imediato ou qualquer dos anteriores sejam denunciados à lide.
NOÇÕES DE DIREITO
PROCESSUAL CIVIL
82 Nas ações em que se busca a resolução do contrato por one- (RAQUEL BUENO)
rosidade excessiva, o juiz não poderá modificar os termos do
ajuste de forma equitativa, mas apenas determinar a cessa- 91 A apelação é um recurso que combate sentenças terminativas
ção da relação negocial, sob pena de supressão da vontade e definitivas, além de combater decisões interlocutórias não
das partes. agraváveis. Seu prazo de interposição é de quinze dias.

Quanto às obrigações, julgue os itens a seguir. 92 A associação que inclua entre suas finalidades institucionais,
a proteção ao patrimônio público e social, ao meio ambiente,
83 Nas obrigações negociais, independentemente da liquidez da ao consumidor, à ordem econômica, à livre concorrência, aos
prestação, os juros de mora apenas incidem a partir da efeti- direitos de grupos raciais, étnicos ou religiosos ou ao patri-
vação da citação do devedor. mônio artístico, estético, histórico, turístico e paisagístico,
não poderá promover ação civil pública se estiver constituída
84 Em caso de assunção de dívida, as garantias prestadas pelo há menos de dois anos.
devedor primitivo não serão extintas caso concorde com a as-
sunção, ao passo que as garantias de terceiros somente serão 93 Imagine a seguinte situação: o juiz que julgará determinada
demanda é genitor do advogado do autor. Nesse caso, fala-se
mantidas se concordarem expressamente com a manutenção
que há impedimento do juiz, o que compromete sua imparcia-
da garantia.
lidade e consequentemente a validade do processo.
No que se refere à parte geral do Código Civil, julgue os
94 Caso o advogado permaneça com o processo além do prazo
itens a seguir.
previsto, será intimado para devolvê-lo em três dias, sob pena
de busca e apreensão, perda do direito de vista processual
85 Nos contratos de locação celebrados com a Administração
fora do cartório e multa de meio salário mínimo, a ser impos-
Pública, aplica-se o prazo prescricional de cinco anos,
ta ou aplicada pelo juiz.
SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

95 O Ministério Público pode atuar no processo na condição de 103 São considerados 2 (dois) tipos de internação: I – internação
parte, podendo ser um legitimado ordinário ou extraordiná- voluntária: aquela que se dá com o consentimento do depen-
rio, bem como pode atuar na condição de fiscal da ordem dente de drogas; II – internação involuntária: aquela que se
jurídica. Neste último caso, atuando como fiscal, poderá in- dá, sem o consentimento do dependente, a pedido de familiar
clusive produzir provas e recorrer. ou do responsável legal ou, na absoluta falta deste, de servi-
dor público da área de saúde, da área de segurança pública,
96 O oficial de justiça, bem como o escrivão ou chefe de secre- da assistência social ou dos órgãos públicos integrantes do
taria, podem promover o ato citatório da parte demandada, SISNAD, que constate a existência de motivos que justifi-
mas só o primeiro está autorizado a cumprir citações em co- quem a medida.
marcas contíguas ou pertencentes a uma mesma região me-
tropolitana. 104 Aquele que se omite em face das condutas de tortura previs-
tas na Lei n. 9.455/1997, quando tinha o dever de evitá-las
97 Caso o juízo arbitral necessite do auxílio do Poder Judiciário ou apurá-las, incorre nas mesmas penas daquele que pratica
para efetivar tutelas provisórias concedidas, deverá se valer as condutas.
da carta precatória.
105 Considera-se crime hediondo a lesão corporal dolosa de na-
98 A citação é um ato de comunicação processual por meio do tureza gravíssima (art. 129, § 2º) e lesão corporal seguida de
qual é feito o primeiro chamamento da parte demandada. São morte (art. 129, § 3º), quando praticadas contra autoridade ou
efeitos da citação válida: induzir litispendência, tornar pre- agente descrito nos arts. 142 e 144 da Constituição Federal,
vento o juízo, tornar litigiosa a coisa, constituir o devedor em integrantes do sistema prisional e da Força Nacional de Segu-
mora e a interrupção da prescrição. rança Pública, no exercício da função ou em decorrência dela,
ou contra seu cônjuge, companheiro ou parente consanguíneo
99 A contagem do prazo processual é feita em dias úteis, ex- ou afim até terceiro grau, em razão dessa condição.
cluindo-se o dia do início e computando-se o dia final. No
caso de prática eletrônica de ato processual, o ato poderá ser 106 Não é crime o abate de animal, quando realizado em estado de
praticado até 23h59min do último dia do prazo, sob pena de necessidade, para saciar a fome do agente ou de sua família.
preclusão temporal.
107 Constitui crime de “lavagem de dinheiro” a conduta de ocul-
100 No procedimento comum, caso o réu queira formular preten- tar ou dissimular a natureza, origem, localização, disposição,
são contra o autor, poderá fazer pedido reconvencional no movimentação ou propriedade de bens, direitos ou valores
corpo da contestação, permitindo-se ainda a ampliação sub- provenientes, direta ou indiretamente, de crime ou contra-
jetiva da demanda. venção penal.

108 A pena de multa cominada nos crimes da Lei de Licitações


NOÇÕES DE DIREITO PENAL consiste no pagamento de quantia fixada na sentença e calcu-
(WALLACE FRANÇA) lada em índices percentuais, cuja base corresponderá ao valor
da vantagem efetivamente obtida ou potencialmente auferível
Considerando as disposições do Código Penal, bem como de legis-
pelo agente, cujos índices não poderão ser inferiores a 2%
lações extravagantes, julgue os itens a seguir.
(dois por cento), nem superiores a 5% (cinco por cento) do
valor do contrato licitado ou celebrado com dispensa ou ine-
101 Considera-se organização criminosa a associação de 3 (três)
xigibilidade de licitação.
ou mais pessoas estruturalmente ordenada e caracterizada
pela divisão de tarefas, ainda que informalmente, com obje-
109 Constitui crime de assunção de obrigação no último ano do
tivo de obter, direta ou indiretamente, vantagem de qualquer
mandato ou legislatura, ordenar ou autorizar a assunção de
natureza, mediante a prática de infrações penais cujas penas obrigação, no último ano do mandato ou legislatura, cuja des-
máximas sejam superiores a 4 (quatro) anos, ou que sejam de pesa não possa ser paga no mesmo exercício financeiro ou,
caráter transnacional. caso reste parcela a ser paga no exercício seguinte, que não
tenha contrapartida suficiente de disponibilidade de caixa.
102 A mulher em situação de violência doméstica e familiar tem
prioridade para matricular seus dependentes em instituição de 110 Conforme entendimento sumulado do STJ, é inaplicável o
educação básica mais próxima de seu domicílio ou transferi- princípio da insignificância aos crimes contra a Administra-
los para essa instituição, mediante a apresentação dos ção Pública.
documentos comprobatórios do registro da ocorrência policial
ou do processo de violência doméstica e familiar em curso. 111 A lei penal mais grave aplica-se ao crime permanente se a sua
vigência for anterior à cessação da permanência.
SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

NOÇÕES DE DIREITO
PROCESSUAL PENAL
(GEILZA DINIZ)

Acerca do inquérito policial, julgue os itens seguintes.

112 O inquérito policial pode ser presidido pelo Ministé-


rio Público.

113 Nos casos de ação penal pública condicionada, a representa-


ção não é necessária para a instauração do inquérito policial,
sendo necessária tão somente para o futuro ajuizamento da
ação penal.

No que diz respeito à ação penal, julgue os itens que seguem.

114 Em se tratando de ação penal privada personalíssima, a morte


do ofendido inviabiliza o prosseguimento da ação penal.

115 A pessoa jurídica não pode ser autora de ação penal privada.
Segundo Renato Brasileiro de Lima, “o processo penal não pode
prosseguir validamente sem a observância do contraditório e da
ampla defesa. Afinal, é por meio da colaboração das partes que o
Poder Judiciário pode chegar ao acertamento do fato delituoso. Por
conseguinte, de modo a se preservar do contraditório, concebido
pelo binômio conhecimento e reação, às partes envolvidas devem
ser asseguradas condições de saber o que nele se passa, podendo
reagir de alguma forma aos atos ali praticados” (Manual de Pro-
cesso Penal, 2019, pág. 1263). Assim, julgue os itens seguintes.

116 A citação do réu preso é feita por ofício ao diretor do presídio,


o qual, hodiernamente, admite-se que seja enviado por e-mail.

117 A intimação do defensor constituído é feita, via de regra, por


publicação oficial.

118 A citação de réu que reside em outra unidade da federação é


feita por carta rogatória.

Quanto às medidas cautelares de natureza pessoal, julgue os


seguintes itens.

119 Flagrante próprio é tão somente o que ocorre no exato mo-


mento em que o sujeito está praticando o crime.

120 A prisão preventiva pode ser decretada, de ofício, pelo juiz,


com o prazo de 30 dias, prorrogável por mais 30, em caso de
comprovada necessidade.
SIMULADO PREPARATÓRIO PARA CONCURSO
MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ
TÉCNICO MINISTERIAL

GABARITO

Item 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15
Gabarito C C E E C C C C E E E E E E E

Item 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
Gabarito C E C C C C E C E C E C E E C

Item 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45
Gabarito C E C E C E C C E C C C C E C

Item 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60
Gabarito E E C E C C E E E C C E C C E

Item 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75
Gabarito E E E E C C C C C C C C C C C

Item 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90
Gabarito C C E E E E E E C E E C C C C

Item 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105


Gabarito C E C E C C E E E C E C E E E

Item 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120
Gabarito C C C E C C E E C E E C E E E
SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

CONHECIMENTOS BÁSICOS Errado.


Na frase “para efetuar salvamentos, retirando-se os moradores,
antes que eles se atirassem”, a partícula “se”, na primeira ocor-
LÍNGUA PORTUGUESA rência, funciona, contextualmente, como pronome apassivador.
(LUCAS LEMOS) Afinal, a forma verbal “retirando” é transitiva direta. Já na se-
gunda ocorrência, o vocábulo “se” exerce a função de pronome
Texto 1 reflexivo. Note-se a ideia reflexiva no contexto, pois esses mo-
radores atirariam a si mesmos. Então, o item está errado.
1 No Brasil Império, sempre foram muito difíceis e limi-
tados os recursos da população contra o fogo, que se expan- DICA IMPORTANTE
dia rapidamente, já que era usada muita madeira nas constru-
ções. Nessa época, o sinal de incêndio era dado pelos sinos FUNÇÕES DA PARTÍCULA SE
5 das igrejas. Acorriam todos os aguadeiros com suas pipas, e 1 – ÍNDICE DE INDETERMINAÇÃO DO SUJEITO:
também os populares, que faziam longas filas até o chafariz conhecido também como pronome impessoalizador, símbolo
mais próximo, transportando de mão em mão os baldes de de indeterminação do sujeito, ou ainda como pronome
água, ao mesmo tempo em que se improvisavam escadas de indeterminador do sujeito, sempre aparece junto ao verbo
madeira para efetuar salvamentos, retirando-se os moradores, intransitivo, transitivo indireto ou de ligação. Pode até aparecer
10 antes que eles se atirassem das janelas dos sobrados. Se o junto ao verbo transitivo direto, contanto que o objeto direto
incêndio ocorria à noite, a confusão era total, por falta de venha preposicionado. Como o próprio nome já diz, quando
iluminação pública. Por isso, o vice-rei Luís de Vascon- exerce essa função, a palavra “se” indetermina ou não indica o
celos, em ofício dirigido à Câmara, datado de 12 de julho sujeito da oração. Esse tipo de oração não admite a transposição
de 1788, determinou que todos deveriam iluminar a frente para a voz passiva analítica, e o verbo ficará sempre na 3ª pessoa
15 de suas casas, a fim de evitar o “atropelamento”. O pânico era do singular.
tanto que causava mais vítimas que o próprio fogo. Ex.:
Vive-se bem naquele país. (V.I.)
Internet: <www.brigadamilitar.rs.gov.br> (com adaptações). Necessita-se de ética na política. (V.T.I.)
É-se infeliz neste país? (V.L.)
Em relação às ideias e às estruturas linguísticas do texto acima, Respeitou-se às normas. (V.T.D. + O.D. preposicionado)
julgue os itens que se seguem.
2 – PARTÍCULA APASSIVADORA OU PRONOME APAS-
1 Infere-se das informações do texto que, à época retratada, a SIVADOR: apresenta-se na formação da voz passiva sintética,
ausência de iluminação pública contribuía para que muitas com verbos transitivos diretos ou transitivos diretos e indiretos;
pessoas se machucassem na movimentação da população nas com verbos transitivos indiretos, intransitivos ou de ligação,
ruas durante os incêndios noturnos. não há possibilidade de caracterizar a partícula apassivadora.
Na prática, a frase pode ser transposta para a voz passiva analí-
Certo. tica (com locução verbal).
Com base nas informações do texto, “O pânico era tanto que Ex.:
causava mais vítimas que o próprio fogo”. Isso significa que o Vendem-se carros seminovos. (= Carros seminovos
item está correto. são vendidos)
Entregou-se a medalha ao atleta que obteve o melhor desem-
penho. (= A medalha foi entregue ao atleta que obteve o melhor
2 O emprego de sinal indicativo de crase em “à Câmara” (l. 13)
desempenho)
justifica-se porque o termo “dirigido” exige complemento re-
gido da preposição “a”, e a palavra “Câmara” está precedida
4 A expressão “todos os aguadeiros” (l. 5) exerce a função de
de artigo definido feminino.
objeto direto de “Acorriam” (l. 5).
Certo.
Errado.
No trecho “em ofício dirigido à Câmara”, ocorre o sinal indi-
Na oração “Acorriam todos os aguadeiros”, a expressão “to-
cativo de crase devido à fusão da preposição “a” exigida pelo
dos os aguadeiros” desempenha a função sintática de sujeito da
adjetivo “dirigido” com o artigo “a” que antecede o substantivo
forma verbal “Acorriam”. Na ordem direta, teremos: Todos os
feminino “Câmara”.
aguadeiros acorriam.

3 A partícula “se”, em suas duas ocorrências no trecho “para


5 A conjunção “por isso” (l. 12) encerra uma ideia de conclusão
efetuar salvamentos, retirando-se os moradores, antes que
em relação ao que se afirma no período anterior, e pode ser
eles se atirassem (…)” (l. 9-10), exerce a mesma função
substituída pelo conector “destarte”.
sintática.
SIMULADO MP/CE – TÉCNICO MINISTERIAL

Certo. oração subordinada adjetiva da palavra “fogo”, ou seja, refere-


O conector “por isso” indica uma conclusão, assim como as se ao termo antecedente. Por estar seguido de vírgula, o trecho
seguintes conjunções: portanto, por isso, logo, assim, então, apresenta valor explicativo. Dessa forma, o item está correto.
destarte. Ou seja, a questão está correta.
8 Mantendo-se a correção gramatical e a coerência do texto,
6 A oração iniciada pela conjunção “que” (l. 14) funciona como é possível substituir a preposição “para” (l. 9), que expressa
complemento direto da forma verbal “determinou” (l. 14). uma finalidade, por a fim de.

Certo. Certo.
Na frase “(…) determinou que todos deveriam iluminar a fren- Assim como a preposição “para”, a locução “a fim de” apre-
te de suas casas”, note-se que a palavra “que” é uma conjun- senta valor semântico de finalidade no seguimento “em que se
ção integrante e introduz uma oração subordinada substantiva. improvisavam escadas de madeira para efetuar salvamentos”.
Como o verbo “determinar” é transitivo direto, a oração será Desse modo, o item está adequado.
subordinada substantiva objetiva direta. Ou seja, a questão
está perfeita. DICA IMPORTANTE
Contração ao + infinitivo = tempo: Ao chegar, devolva-me os
7 A expressão “que se expandia rapidamente” (l. 2-3) tem na- passaportes.
tureza explicativa e faz referência ao termo que a antecede. Preposição por + infinitivo = causa: Por chegar tarde,
foi demitido.
Certo. Preposição para + infinitivo = finalidade: Para chegar a
O trecho destacado em “os recursos da população contra o fogo, tempo, corra.
que se expandia rapidamente, (…)” exerce a função sintática de Locução prepositiva apesar de + infinitivo = concessão: Ape-
sar de ter acordado cedo, chegou atrasado.