Você está na página 1de 2

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO

INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E BIOLÓGICAS


DEPARTAMENTO DE QUÍMICA
QUI 230 – Físico-Química II – Prof. Gabriel Max
Lista de exercícios 1 – Potencial Químico e Equilíbrio

1. Julgue as alternativas como verdadeiras ou falsas. Justifique as alternativas falsas.

a. O potencial químico de uma espécie em uma fase deve permanecer constante se T, P e a


composição do sistema permanecerem constantes.
b. Se duas fases α e β estão em equilíbrio termodinâmico, então o potencial químico da fase α tem
que ser igual ao potencial químico da fase β.
c. Em uma solução de benzeno e tolueno que esteja em equilíbrio termodinâmico a 25°C e 1 atm,
os potenciais químicos do benzeno e do tolueno são iguais.
d. O potencial químico da sacarose em uma solução em uma solução saturada de sacarose em água
a 25°C e 1 atm tem que ser igual à energia livre de Gibbs molar da sacarose sólida pura a 25°C e
1 atm.

2. Escreva as condições de equilíbrio de fase para os seguintes sistemas fechados:

a. Gelo em equilíbrio com água líquida.


b. Sacarose sólida em equilíbrio com uma solução aquosa saturada de sacarose.
c. Uma solução de benzeno e tolueno em equilíbrio com seu vapor, o qual também é uma mistura
de benzeno e tolueno.

3. Um cristal de ICN é adicionado à água líquida pura e o sistema é mantido a 25°C e 1atm.
Eventualmente uma solução saturada é formada e algum ICN sólido permanece sem dissolver. (a)
No início do processo, onde o potencial químico do ICN é maior, na fase sólida ou na água pura? (b)
O que acontece com o potencial químico do ICN em cada fase quando o cristal se dissolve?

4. Dê o valor dos coeficientes estequiométricos e escreva a condição de equilíbrio químico para as


reações representadas pelas equações abaixo:

a. 𝐶3 𝐻8 (𝑔) + 5𝑂2 (𝑔) ⇌ 3𝐶𝑂2 (𝑔) + 4𝐻2 𝑂(𝑙)


b. 𝑁2 (𝑔) + 3𝐻2 (𝑔) ⇋ 2𝑁𝐻3 (𝑔)
c. 2𝑆𝑂2 (𝑔) + 𝑂2 (𝑔) ⇋ 2𝑆𝑂3 (𝑔)

5. Admita que na reação 2𝑂3 (𝑔) → 3𝑂2 (𝑔) ocorrendo em um sistema fechado existam inicialmente
5,80 mol de 𝑂2 e 6,20 mol de 𝑂3 . Se em um determinado instante da reação, existem presentes 7,10
mol de 𝑂3 , qual o valor de ξ nesse instante?

6. Julgue as alternativas como verdadeiras ou falsas. Justifique as alternativas falsas.

a. O potencial químico de um gás ideal puro diminui com o aumento de sua pressão.
b. O estado padrão de um gás ideal em uma mistura de gases ideais é o gás ideal puro, na pressão
de 1 atm e na mesma temperatura da mistura.
c. A unidade de 𝐾𝑃𝑜 depende dos coeficientes estequiométricos na equação química.
d. 𝐾𝑃𝑜 é uma função da temperatura, da pressão e da composição inicial da mistura reacional.
e. Duplicar os coeficientes estequiométricos de uma equação química duplica o valor de 𝐾𝑃𝑜 .

7. (a) Determine o valor de ∆𝐺 𝑜 para uma reação em fase gasosa cujo 𝐾𝑃𝑜 e 8,35. (b) Determine o valor
de 𝐾𝑃𝑜 para uma reação química em fase gasosa cujo ∆𝐺 𝑜 é 20,0 kJ/mol.

8. Para a reação 2𝑆𝑂2 (𝑔) + 𝑂2 (𝑔) ⇋ 2𝑆𝑂3 (𝑔), as frações molares de cada componente observadas
para uma certa mistura em equilíbrio a 1000 K e 1767 torr são 𝑥𝑆𝑂2 = 0,310, 𝑥𝑆𝑂3 = 0,440 e 𝑥𝑂2 =
0,250. Determine 𝐾𝑃𝑜 e ∆𝐺 𝑜 a 1000 K, supondo gases ideais.

9. Um pesquisador coloca 15,0 mmol de A e 18,0 mmol de B em um recipiente fechado. O recipiente


é aquecido até 600 K, e o equilíbrio em fase gasosa 𝐴 + 𝐵 ⇋ 2𝐶 + 3𝐷 é estabelecido. Observa-se
que a mistura em equilíbrio tem pressão de 1085 torr e contém 10,0 mmol de C. Determine 𝐾𝑃𝑜 e
∆𝐺 𝑜 para essa reação a 600 K, supondo gases ideais. (R: 0,0709; 13,2 kJ/mol)

10. Para a reação 2𝑁2 𝑂4 (𝑔) ⇋ 2𝑁𝑂2 (𝑔), medidas de composição de misturas em equilíbrio forneceram
𝐾𝑃𝑜 = 0,144 a 25,0°C e 𝐾𝑃𝑜 = 0,321 a 35,0°C. Determine ∆𝐺 𝑜 , ∆𝐻 𝑜 e ∆𝑆 𝑜 para essa reação. Diga
quais foram as considerações feitas para chegar a sua resposta.