Você está na página 1de 2

Tabelas Verdade dos Operadores Lgicos Tabelas-verdade das operaes lgicas binrias A V V F F B V F V F AvB V V V F A^B V F F F A->B V F V V A<->B V F F V

Tabela-verdade da operao lgica unria de negao: A V F A F V

Propriedades das Operaes Equivalncias da Disjuno ( e da Conjuno ( ) ) Propriedade Comutativa Associativa Distributiva Elemento Neutro Complemento Idempotncia DeMorgan: Disjuno ( ) A B B A (A C A (B B) C) A (B (A (A C) B) C) A F A A A V A A A (A A B B) Conjuno ( ) A B B A (A C A (B B) C) A (B (A (A C) B) C) A V A A A F A A A (A A B B)

Equivalncias dos Demais Operadores Dupla Negao Equivalncia da Implicao Contraposio Prova Condicional A A AB A B AB B A A(BC) (A B) C

Regras de Deduo de Equivalncia e Inferncia Regras Bsicas de Inferncia

Incluso de Operadores Reducao ao absurdo (raa) - I |P |... |Q Q P Prova condicional (pc) - I |P |... Q PQ Conjuncao(cj) - I P Q P Q Adicao(ad) - I P P P Q Q P Adicao(ad) - I P P P Q Q P

Excluso de Operadores Dupla negacao (dn) - E P P

Modus Ponens (mp) - E P PQ Q Simplificacao(sp) - E P Q P Q P Q Eliminacao da disjuncao - E P PR QR Q R Eliminacao da equivalencia - E PQ PQ PQ QP

Regras de Inferncia Derivadas Modus Tollens (mt) Silogismo Hipotetico (sh) P Q Q PQ QR P PR Silogismo Disjuntivo (sd) Dilema Construtivo (dc) P Q P P PR QS Q Q R S Exportacao (exp) Inconsistencia (inc) (P Q) R P P Q P (Q R) Regras de Equivalncia Equivale a Q P Q P P (Q R) P (Q R) P Q P Q P Q Q P (P (P Q) R) (P (P Q) R)

Expresso P Q P Q (P R Q) (P R Q) (P Q) (P Q) PQ PQ P (Q R) P (Q R)

Nome (Abreviao) da Regra Comutatividade (com) Associatividade (ass) De Morgan (dmor) Condicional (cond) Contraposicao (cont) Distributividade (dist) Distributividade (dist)

Regras de Inferncia da Lgica de Predicados Regras de Inferncia da Lgica de Predicados Regra Restries de Uso Particularizacao Universal (pu) Se o novo termo t que substituira a variavel x em P(x) tambem for uma variavel, entao esta nova (x)(P(x)) variavel deve ser livre dentro da formula P(x) original. P(t) Particularizacao Existencial (pe) O novo termo t que substituira a variavel x em P(x), quer seja variavel ou constante, nao deve ( x) (P(x)) ter sido usado anteriormente na demonstrao P(t) Generalizacao Universal (gu) A frmula P(x) nao pode ter sido deduzida de P(x) nenhuma hipotese onde x e uma variavel livre. A formula P(x) tambem nao pode ter sido deduzida por Particularizacao Existencial (pe) de uma (x)(P(x)) formula onde x e uma variavel livre. Generalizacao Existencial (ge) Se o termo t da formula original P(t) for um P(t) smbolo de uma constante do dominio, entao a nova variavel x que o substituira nao pode ter aparecido anteriormente na formula P(t). ( x) (P(x)) Anotaes: