Você está na página 1de 22

INES E FENEIS

Introdução

 Órgãos como o INES e a FENEIS são alicerces para


um novo meio de comunicação, a LIBRAS, a Língua
Brasileira de Sinais, utilizada por surdos e mudos.
 Este trabalho abordará o desenvolvimento dessa
linguagem no ponto de vista histórico até os dias
atuais, bem como as características funcionais que
cada órgão.
INES

Histórico
 No Império de D. Pedro II, em 1857, o professor
francês Hernest Huet veio para o Brasil fundar a
primeira escola para meninos surdos de nosso país, a
Imperial Instituto de Surdos Mudos, hoje Instituto
Nacional de Educação de Surdos (INES).
INES

Histórico
 Desde então, os surdos brasileiros passaram a contar
com uma escola especializada para sua educação, e
criaram a Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS),
mistura da Língua de Sinais Francesa com os
sistemas de comunicação já usados pelos surdos das
mais diversas localidades.
INES
Histórico
 1857 – Chegada do professor Hernest Huet, o fundador
do Imperial Instituto de surdos mudos;
 1925 - INES consolida o seu caráter de estabelecimento
profissionalizante;
 1985 – É firmado o convênio UNESCO/CENESP que
criou no INES o Centro de Diagnóstico e Adaptação de
Prótese Otofônica e um laboratório de Fonética;
INES

Histórico
 1990 - Informativo técnico-científico Espaço, cujos
artigos são voltados para a educação do aluno surdo;
 1993 - O Instituto passa a ser um centro nacional de
referência na área da surdez;
INES

Características Gerais
 Missão Institucional: Produção, o desenvolvimento e a
divulgação de conhecimentos científicos e
tecnológicos na área da surdez em todo o território
nacional;
 Direção Geral: Marcelo Ferreira de Vasconcelos
Cavalcanti;
INES
Características Gerais
 Assessoria técnica: prevenção à surdez, audiologia,
fonoaudiologia, orientação familiar, orientação para trabalho
e qualificação profissional, artes plásticas, dança, biblioteca
infantil, Língua de Sinais, informática educativa, atendimento
à múltipla deficiência (sempre aliada a surdez), prevenção às
drogas, experiência educacional bilíngüe, ensinos
fundamental e médio e ações para a cidadania;
INES
Características Gerais
 Promove anualmente:
 Seminário Nacional / Congresso Internacional
sobre temas relevantes na área da surdez;
 Publicações semestrais de revistas e periódicos de
cunho técnico e cientifico.
INES
Características Gerais
 O Centro de Referência:
 Local onde são atendidos alunos surdos, desde a
Educação Infantil até o Ensino Médio;
 Atendimento especializado nas áreas de fonoaudiologia,
psicologia e assistência social;
 Os cursos profissionalizantes promovem a inserção dos
surdos no mercado de trabalho.
INES
Características Gerais
 Ações:
 Capacitação de recursos humanos na área da deficiência
auditiva;
 Realização de estudos e pesquisas na área de surdez;
 Elaboração do informativo técnico-científico Espaço;
INES
Características Gerais
 articulação institucional através de convênios para
estágios de universitários;
 capacitação profissional do aluno surdo e
realização de seminários e fóruns permanentes.
FENEIS
Histórico
 Em 1977 foi fundada a Federação Nacional de
Educação e Integração dos Deficientes Auditivos –
Feneida;
 Entretanto a representatividade dos surdos nesta
organização, estava comprometida, pois a nova
entidade era composta apenas por pessoas ouvintes.
FENEIS

Histórico
 Em 1983 a Comunidade Surda criou uma Comissão de
Luta pelos Direitos dos Surdos, um grupo não
oficializado, mas com um trabalho significativo na busca
de participação nas decisões da diretoria da Feneida;
 Essa nova comissão conquistou a presidência da
entidade;
FENEIS

Histórico
 Em 16 de maio de 1987, em Assembléia Geral, a
nova diretoria reestruturou o estatuto da instituição,
que passou a se chamar Federação Nacional de
Educação e Integração dos Surdos - Feneis.
FENEIS
Características Gerais
 É filiada a Federação Mundial dos Surdos (WFD)
 Suas atividades foram reconhecidas como de Utilidade
Pública Federal, Estadual e Municipal;
 Seu maior propósito tem sido divulgar a Libras;
 A Associação de Surdos representa importante espaço de
articulação e encontro da Comunidade Surda;
FENEIS

Características Gerais
 Diretora-presidente: Karin Lilian Strobel;
 Entidade filantrópica, assistencial e educacional;
 Objetivo: defesa e a luta dos direitos da Comunidade
Surda Brasileira;
FENEIS

Características Gerais
 A participação da Feneis na WFD propicia o constante
intercâmbio com surdos do mundo todo, conhecendo
a luta de cada país e formando uma rede em prol do
direito universal à cidadania;
Considerações Finais

 O número total de Surdos brasileiros é de 5,7 milhões


(surdos profundos e deficientes auditivos);
 O INES e o FENEIS foram formados devido a
necessidade de instituições sociais e políticas que
garantissem os direitos dos Surdos e apoio à produção,
o desenvolvimento e a divulgação de conhecimentos
científicos e tecnológicos na área da surdez;
Considerações Finais

 Essas entidades foram as principais responsáveis


pela resistência e a sobrevivência da Língua de
Sinais;
 A Lei n° 10.436 de 24 de abril de 2002 e o decreto n°
5626 de 22 de dezembro de 2005, estabelece a
LIBRA estatos de língua e estabelece os direitos dos

Surdos;
Considerações Finais

 Pode-se observar, um lento, mas significativo,


processo de mudança,do olhar da sociedade em
relação à questão do Surdo, sua língua e cultura, bem
como, os maiores índices de inserção de surdos no

mercado de trabalho.
Obrigado !!

Alline, Andora, Bruna, Camila,


Denise, Isabelly, Larissa, Polyanne