Você está na página 1de 11

Calibração de

Transformadores para
Instrumentos

Marcelo de Paula Machado


Introdução
• Considerações Básicas sobre
transformadores
Transformadores para Instrumentos

• Alimentam equipamentos para medição.


• Acoplam equipamentos.
• Considerações sobre:
• Confiabilidade.
• Normas da Qualidade
Tipos de TI
• Transformadores de Potencial:
• Transformadores para instrumentos cujo primário é
ligado em paralelo com um circuito elétrico, e o
secundário ligado à uma bobina de potencial de
algum instrumento de medição, controle ou
proteção.
Tipos de TI
• Transformadores de Corrente:
• Transformadores para instrumentos cujo primário é
ligado em série com um circuito elétrico, e o
secundário ligado à uma bobina de corrente de
algum instrumento de medição, controle ou
proteção.
Classes de Exatidão
• Normas ( NBR 6855 e NBR 6856 )
• Classes de 0,3 0,6 e 1,2
• Paralelogramos de Exatidão
Desvios
• Erro de Fase:
• Defasagem tensão/corrente
• Erro de Relação:
• FCR ( Fator de correção de relação)

E (%) = 100 – FCR(%)


Paralelogramos de Exatidão
Paralelogramos de Exatidão
Determinação de Erros
• Métodos de determinação de erros.
• Método comparativo.
• Ponte Shering-Alberti
Faixa de Calibração
• TC: 10% e 100% da corrente nominal, para
cada carga padronizada especificada.

• TP: 90%, 100% e 110% da tensão nominal,


desde a vazio e todas as cargas
padronizadas até a maior carga especificada