Você está na página 1de 69

MATERIAIS METÁLICOS

Prof. Bruno Guedes


Ligas Metálicas

Ferrosas Não Ferrosas

Aços Ferros Fundidos Alumínio

Cobre
Ferro Cinzento
Baixo Teor Médio Teor Alto Teor Aço
de Carbono de Carbono de Carbono Inoxidável Níquel
Ferro Dúctil
(nodular)
Rodas e Ferramentas Chumbo
trilhos de de corte, Ferro Branco
trem, molas,
engrenagen arames de
s alta Ferro Maleável
resistência
Perfis
estruturais I Utensílios
e H, pontes, domésticos,
tubulações, equipamento
cantoneiras e s industriais e
chapas em em
edificações edificações

Fonte: Adaptado de Pannomi (2007)


1. METAIS FERROSOS
 Ferro
 Não é encontrado puro na natureza. Encontra-se geralmente combinado
com outros elementos formando rochas as quais dá-se o nome de
MINÉRIO.
Minério de ferro

 Retirado do subsolo, porém muitas vezes é encontrado


exposto formando verdadeiras montanhas.
 Principais minérios: Hematita e Magnetita.
 Para retirar as impurezas, o minério é lavado, partido em
pedaços menores e em seguida levados para a usina
siderúrgica.
Ferro
 Normalmente encontrado na
forma de minérios, como
hematita (Fe2O3) e pirita (FeS2).

 A obtenção do ferro a partir


de seus minérios ocorre nos
alto-fornos, em presença de
carbono (carvão).
Ferro
Ferro
1. METAIS FERROSOS
 Ferro fundido
 Liga de ferro - carbono que contém de 2 a 4,5% de carbono. O ferro
fundido é obtido diminuindo-se a porcentagem de carbono do ferro gusa.
É portanto um ferro de segunda fusão.
 O ferro fundido tem na sua composição maior porcentagem de ferro,
pequena porcentagem de carbono, silício, manganês, enxofre e fósforo.
1. METAIS FERROSOS
 Aço
 Um dos mais importantes materiais metálicos usados na indústria
mecânica. É usado na fabricação de peças em geral.
 Obtém-se o aço abaixando-se a porcentagem de carbono do ferro gusa.
 A porcentagem de carbono no aço varia entre 0,008% a 2,1%.
1. METAIS FERROSOS
 Principais características do aço:
 Pode ser trabalhado com ferramenta de corte;
 Pode ser curvado;
 Pode ser dobrado;
 Pode ser forjado;
 Pode ser soldado;
 Pode ser laminado;
 Pode ser estirado (trefilado);
 Possui grande resistência à tração;
1. METAIS FERROSOS
 Aço carbono
 São os que contém além do ferro, pequenas porcentagens de carbono,
manganês, silício, enxofre e fósforo.
 Os elementos mais importantes do aço ao carbono são o ferro e o
carbono. O manganês e silício melhoram a qualidade do aço, enquanto
que o enxofre e o fósforo são elementos prejudiciais.
 A quantidade de carbono define a resistência do aço.
Aço Carbono
1) Quanto à Composição
Quimica
 Aços comuns (ao carbono)
 Aços especiais (liga)
2) Quanto ao Teor de Carbono

Até 0,15% C – extra doce


Baixo carbono
De 0,15% C a 0,25%C – doce
De 0,30%C a 0,50%C – meio doce
Médio carbono
De 0,50%C a 0,70%C – meio duro

De 0,70%C a 0,80%C – duro


Alto carbono
Mais de 0,80% C – extra duro
Aços Baixo Carbono (teor de carbono menor que 0,25%)

aços baixo carbono = baixas resistência e dureza


altas tenacidade e ductilidade.
Usos:
- perfis estruturais e placas utilizadas na fabricação de tubos
- construção civil, pontes
- tubulações
AÇO BAIXO CARBONO
– Microestrutura de ferrita e perlita
– Macios e pouco resistentes, muito dúcteis e
tenazes
– Insensíveis a tratamentos térmicos
– Custo mais baixo de produção
– Usos em painéis de carros, tubos, pregos,
arame...
Aços Médio Carbono (teor de carbono 0,25% a 0,60%)

maior resistência e dureza que os baixo teor de C


menor tenacidade e ductilidade que os baixo teor de C
Usos:
-rodas e equipamentos ferroviários
- engrenagens
-virabrequins e outras peças de máquinas
que necessitam de elevadas resistências
mecânica, resistência ao desgaste e boa
tenacidade.
Aços Médio Carbono

Utilizados na forma de martensita (fase


extremamente dura mas frágil) temperada
(tratamento térmico para aumentar tenacidade da
martensita).
Usos em facas, martelos, talhadeiras, serras de
metal...
Tratáveis termicamente
A presença de impurezas aumenta a respostaa
tratamentos térmicos.
Se tornam mais resistentes mas menos dúcteis e
tenazes.
Usos em molas, pistões, engrenagens...
Aços Alto Carbono (teor de carbono menor que 0,25%)

maior resistência e dureza


menor tenacidade e ductilidade
Usos:
- talhadeiras
- folhas de serrote
- martelos
- facas
Aço Alto carbono

Extremamente duros e fortes, pouco


dúcteis.
Resistentes ao desgaste e mantém o fio.
Se combinam com Cr, V e W para formar
carbetos (Cr23C6,V4C3 e WC) que são
extremamente duros e resistentes.
Usos em moldes, facas, lâminas de
barbear, molas...
Aço Carbono
Processo de conformação
 Extrusão: sob pressão por orificio;
 Laminação: entre cilindros (quente ou frio);
 Trefilação: forçado a passar por orificios menores (processo de fieiras
de arames);
 Fundição: solidifica em moldes (areia, argila e carvão);
 Forjamento: ação de martelos ou prensas no aço quente;
Processo de conformação
 Estampagem: prensas sobre chapas (peças ocas);
 Soldagem: juntar as peças;
 Por pressão: aquecidas até o estado pastoso e ao mesmo tempo
comprimidas entre si por compressão ou por martelamento;
 Por fusão: fusão local das peças ou pela fusão de um metal ou liga
introduzido entre as duas peças a soldar.
Tipos, características e
aplicações dos materiais
metálicos
 Aços:
 Aços inoxidáveis:
Aços inoxidáveis

Os aços inoxidáveis são ligas ferro-cromo


que contém, tipicamente, um teor em torno
de 12% de cromo. A partir desse teor e em
contato com oxigênio ocorre a formação
de uma fina película de óxido de cromo
sobre a superfície do aço, que é
impermeável e insolúvel nos meios
corrosivos usuais. Apresenta, em geral,
maior resistência à oxidação a alta
temperatura em relação a outras classes de
aços.
Tipos

 Aços Inoxidáveis Martensíticos;

 Aços Inoxidáveis Ferríticos;

 Aços Inoxidáveis Austeníticos;

 Aços Inoxidáveis Duplex (ferrítico-austenítico);

 Aços Inoxidáveis Endurecidos por Precipitação


História

 1912 - Alemanha (20%Cr 7%Ni) - Aço Inoxidável Austenítico;

 1912 - Inglaterra (12,8%Cr 0,24%C) – Aço Inoxidável


Martensítico;

 1913 – (16%Cr 0,015%C) – Ferrítico;


 1945 – EUA – (U.S. Steel) – Aço Inoxidável Endurecido por
Precipitação;

 1970 – EUA – (Processo OAD) – Permitiu a redução drástica de


C sem perda acentuada de Cr para escória – Carga menos
cara;

 2005 – Aço Inoxidável de Alto Desempenho.


Teor de cromo
Taxa de corrosão do aço
inox
Composição química

LIGA Cr C Ni Mo Va W Aplicações típicas


403 12,2  0,15 --- --- --- --- Peças sujeitas a altas tensões: anéis de motores a
jato...
410 12,5  0,15 --- --- --- --- Eixos de bomba, hardware, porcas, válvulas...
414 12,5  0,15 1,8 --- --- --- Instrumentos cirúrgicos, ferramentas, válvulas...
420 13,0  0,15 --- --- --- --- Aços para alta temperabilidade, tesouras...
422 12,0 0,22 --- 1,0 0,25 1,0 Aços com resistência e tenacidade acima de 650ºC...
431 16,0  0,20 1,8 --- --- --- Estruturas aeronáuticas, parafusos...
440A 17,0 0,72 --- --- --- --- Mais duro que o 420: boa resist. a corrosão; inst.
cirúrgicos....
440B 17,0 0,35 --- --- --- --- Elevada dureza: Cutelaria, eixos...
440C 17,0 1,70 --- --- --- --- Mais duro inox martensítico, peças de válvulas,
eixos...
Propriedades mecânicas

ABNT / AISI Classificação Resistência à Limite de Alongamento


Tração (MPa) Escoamento (MPa) (%)
316 Austenítico mín 517 mín 206 40
304 Austenítico mín 517 mín 206 40
420 Martensítico mín 655 mín 413 20 – 25
430 Ferrítico mín 448 mín 206 22
Aplicações - Martensíticos

 são magnéticos,
 elevada resistência mecânica / dureza
 aplicáveis até 550oC
 lâminas turbinas, peças estruturais para aviões,
engrenagens,
 esferas p/ rolamentos, instrumentos cirúrgicos,
lâminas p/ navalhas
Aplicações - austeníticos

 Não tratados termicamente


 não são magnéticos
 elevada resistência à corrosão / alta res. a fluência
 aplicáveis em alta temperatura (até 1200oC)
 aceitam grandes deformações (endurecem muito)
 difícil usinagem (devido ao encruamento)
 peças para fornos, parafusos, pias, tubos resistentes
a meios agressivos,
 tanques para indústrias químicas, aplicações
arquitetônicas (resistem a corrosão marinha ou
urbana)
Aplicações – Ferríticos

 são magnéticos, mais baratos que os


austeníticos
 baixas propriedades mecânicas (são moles),
baixa resistência a fluência,
 boa trabalhabilidade, mas sem estampagem
profunda como nos austeníticos
 só resistem a corr. atmosférica se
houver lavagem frequente
concent. sais
 adornos de automóveis, apar.
eletrodomésticos, pias comuns.
LIGAS DE FERRO FUNDIDO

 Classificação dos materiais metálicos ferrosos:


 Puro
 Gusa
 Fundido
 e suas ligas
Tipos, características e
aplicações dos materiais
 Ferro: metálicos
 Ferro fundido:
FERRO FUNDIDO - FoFo
Ferro fundido

É uma liga de Fe-C-Si


É considerada uma liga ternária
devido a presença do Si;
Os teores de Si podem ser maiores
que o do próprio C;
O Si influi muito nas propriedades
dos fofos;
Composição típica do FoFo

C  2-4%
Si 0,5-3%
 <1%
Mn < 0,2%

O FoFo tem carbono parcialmente livre na forma de veios ou
S
lamelas de grafite
FERROS FUNDIDOS

Efeitos dos elementos de liga

 Composição química é um dos fatores mais


importantes para determinar a estrutura dos fofos;

 A forma do carbono: cementita ou grafita;

 Carbono, silício, manganês, fósforo e enxofre;


Efeito dos elementos no FoFo

Carbono – como nos aços, é o elemento de liga


básico; determina obviamente, a quantidade de
grafita que pode se formar;
Silício – É o elemento grafitizante por excelência,
ou seja, favorece a decomposição do carboneto de
ferro; sua presença, independentemente do teor
de carbono, pode fazer o Fofo tender de fofo
cinzento ou branco;
Enxofre - nos teores normais, não tem ação
significativa.
Grafita

• A fase rica em carbona consiste em grafita, em vez de cementita a


6,7%p C.

• Essa tendência para formar grafita e regulada pela composição e pela


taxa de resfriamento. A formação da grafita e promovida pela presença
de silício em concentrações maiores do que aproximadamente 1 %p.
Ainda, taxas de resfriamento mais lentas durante a solidificação
favorecem a grafitização (a formação de grafita). Para a maioria dos
ferros fundidos, o carbono existe como grafita, e tanto a microestrutura
quanta o comportamento mecânico dependem da composição e do
tratamento térmico.
FERROS FUNDIDOS
Microestrutura dos Ferros Fundidos (fofos) é controlada:

 Pela composição química


 Pelo processo de fabricação
FERROS FUNDIDOS

Propriedades

• Baixo custo;
• Ponto de fusão mais baixo que o aço;
• Boa fluidez;
• Versatilidade de propriedades e aplicações.
LIGAS DE FERRO FUNDIDO

 Tipos de ferro fundido (liga ternária): Fe, C e Si


 Ferro fundido cinzento
 Ferro fundido branco
 Ferro fundido nodular
 Ferro fundido maleável
FERROS FUNDIDOS
Classificação dos Fofos quanto ao tipo de liga

Faixa de composição de ferros fundidos típicos comuns:

TIPO FOFOs C Si Mn S P
Branco 1,8-3,6 0,5-1,9 0,25-0,80 0,06-0,20 0,06-0,18
Maleável 2,0-2,6 1,1-1,6 0,20-1,0 0,04-0,18 0,18 mãx.
Cinzento 2,5-4,0 1,0-3,0 0,25-1,0 0,02-0,25 0,05-1,0
Nodular/Dúctil 3,0-4,0 1,8-2,8 0,10-1,0 0,03 máx. 0,10 máx.
Grafita 2,5-4,0 1,0-3,0 0,20-1,00 0,01-0,03 0,01-0,10
Compactada
LIGAS DE AÇO E FERRO FUNDIDO
 Ferro fundido cinzento
Entre os ferros fundidos, o cinzento é o mais comum
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO CINZENTO
É caracterizado pelos fatores que favorecem a
formação da grafita
 A fratura é de cor cinzenta
 É barato
 É o mais usado
 É de boa resistência Mecânica (até 40 Kgf/mm2), ao desgaste e elevada dureza
 É de fácil usinagem e difícil soldagem
 É obtido pelo resfriamento lento
 É de fácil fusão
 Elevado coeficiente de amortecimento
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO CINZENTO
Aplicações
 Anéis de pistão, produtos sanitários, tampas de poços de inspeção, tubos,
conexões, carcaças de compressores, rotores, pistões hidráulicos,
engrenagens, eixos de comandos de válvulas, virabrequins, etc
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO CINZENTO
Composição típica
 C  2,5-4%
 Si  1-3%
 Mn  0,4 -1%

Alto teor de Si melhora


· Resistência à corrosão
· Fluidez
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO CINZENTO
Estrutura típica
Grafita lamelar
devido ao C
livre na matriz
de ferrita,
perlita ou
outra estrutura
proveniente da
austenita.
LIGAS DE AÇO E FERRO FUNDIDO
 Ferro Fundido Branco
A peça deve ser fundida diretamente em suas formas finais
ou muito próximo delas, a fim de que possa ser usinada por
processos de abrasão com pouca remoção de material. É
utilizado na fabricação de equipamentos para a moagem de
minérios, pás de escavadeiras e outros componentes
similares.
LIGAS DE AÇO E FERRO FUNDIDO

 Ferro Fundido Branco


• Alta veloc. resfriamento  Carbono solidifica sob a forma
de cementita;
• A extrema dureza e fragilidade da cementita caracterizam
este fofo;
FERROS FUNDIDOS

Material Ductíl Material Duro Material Muito Duro Material Hiper Duro Para condições normais
100 < HB < 240 240 < HB < 300 300 < HB < 450 450 < HB < 550  de solidificação
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO BRANCO
APLICAÇÕES
PROPRIEDADES
•Principal aplicação é a
•Grande resist. à produção de ferro fundido
compressão e ao desgaste maleável
(cementita) •Peças sujeitas a elevada
•Extremamente frágil compressão e atrito
•Não pode ser usinado •Esferas de moinhos e rolos
•Soldagem impossível de laminadores
•Baixo custo •Elevada taxa de
resfriamento necessária
limita o tamanho das peças.
LIGAS DE AÇO E FERRO FUNDIDO

 Ferro fundido nodular


O ferro fundido nodular é uma classe de ferro fundido, onde
o carbono (grafita) permanece livre na matriz metálica,
porém em forma esferoidal. Este formato da grafite faz com
que a ductilidade seja superior, conferindo ao material
características que o aproximam do aço. A presença das
esferas ou nódulos de grafite mantém as características de
boa usinabilidade e razoável estabilidade dimensional. Seu
custo é ligeiramente maior quando comparado ao ferro
fundido cinzento.
LIGAS DE AÇO E FERRO FUNDIDO

 Ferro fundido nodular


O ferro fundido nodular é utilizado na indústria para a
confecção de peças que necessitem de maior resistência a
impacto em relação aos ferros fundidos cinzentos.
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO DUCTIL (ou nodular, ou esferoidal)

CARACTERÍSTICAS
•3,5  %C  4,0 ; 1,8  %Si  3,0
Carbono livre na forma esferoidal
 Devido
Ao tratamento feito no estado líquido

Inoculação da liga Fe-Mg-Si (+ comum)
•Em vez de flocos de C formam-se nódulos
•A matriz é ferrítica (veloc. baixa) ou perlítica (veloc.
moderada)
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO DUCTIL (ou nodular, ou esferoidal)

PROPRIEDADES
•Alta resistência, tenacidade e ductilidade
•Excelente usinabilidade
•Possibilidade de deformação a quente
•Grande resistência ao desgaste, compressão, tração,
escoamento e a corrosão
•Fluidez boa
•Soldabilidade melhorada
•Baixo custo (superior ao ff cinzento)
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO DUCTIL (ou nodular, ou esferoidal)
APLICAÇÕES
•Válvulas, carcaça de bombas, virabrequins,
engrenagens, pinhões, cilindros e outros componentes
de máquinas e automóveis.
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO DUCTIL (ou nodular, ou esferoidal)

TRATAMENTOS TÉRMICOS

•Recozimento para alívio de tensões ou para melhorar


a ductilidade
•Têmpera e revenido
•Tratamentos térmicos atuam apenas na matriz =>
obtenção de grafita em nódulos é irreversível
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO DUCTIL OU NODULAR
LIGAS DE AÇO E FERRO FUNDIDO
 Ferro fundido maleável
Obtido por tratamento térmico em altas temperaturas por
longos tempos (tratamento de maleabilização) a partir de
um ferro fundido branco
Propriedades mecânicas dos maleáveis: Ficam entre as do
nodular e do cinzento com alta resistência mecânica e
fluidez no estado líquido, média ductilidade (para um fofo
que possui em geral muito baixa ductilidade) e resiliência,
boa resistência à compressão.
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO MALEÁVEL

A alta taxa de resfriamento


necessária para produzir inicialmente
a estrutura do fofo branco restringe o
tamanho e a espessura das peças de
fofo maleável (menores de 4,5 Kg).

DUREZA BRINELL: 300 RC: 30


FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO MALEÁVEL
PROPRIEDADES
•Variando a taxa de resfriamento, pode obter-se um
largo espectro de propriedades
•Boa resistência à corrosão
•Boa usinabilidade e fluidez
•Propriedades similares ao ff dúctil
•Alta resistência, tenacidade e ductilidade
Martensite
Perlite
Temperatura

cementite grafite Ferrite

Tempo
FERROS FUNDIDOS
FERRO FUNDIDO MALEÁVEL

APLICAÇÕES

•Aplicação similares ao ff dúctil


•Peças sujeitas a alta temperatura
•Elementos de ligação
•Juntas universais
•Pequenas ferramentas
FERROS FUNDIDOS

FERRO FUNDIDO MALEÁVEL

Processo de maleabilização:
Tratamento térmico ao qual se submete certos
ferros fundidos brancos com carbono na forma
primária de ferrita e cementita e que consiste
num aquecimento prolongado, em condições de
temperatura, tempo e meio controladas, de
modo a provocar transformação de parte do
carbono combinado em grafita.