Você está na página 1de 14

Aula de hoje:

VIDA PLENA – CONCEITO

Próxima:
INSTITUIÇÃO DOS DIÁCONOS

Tema 13: O mundo desengana e justifica o


pessimismo de muitos, mas este
julgamento é uma visão imperfeita.
VIDA PLENA - O QUE É?

• Uma rota ascensional, tendo nos extremos de


uma lado a animalidade e no oposto a
espiritualidade, ou seja:

homem animal homem espiritual


(defensivo) (aberto à experiência)
ONDE, COMO E PORQUE
SURGIU?
• Em 1983, na Rua Genebra, 168, no CVV,
durante o estudo do livro Tornar-se
Pessoa, de Carl Rogers.
• Posteriormente foi implantada nas EAE
´s, com o objetivo de trazer maiores
descobertas e transformações aos
participantes.
COMPORTAMENTO
DEFENSIVO:
• Instinto (preservação da espécie);
• Vestígio da animalidade, herança ancestral;
• Critério seletivo- se o desconhecido não se
encaixa nos nossos padrões: rejeitamos;
• Se pode nos fazer sofrer: rejeitamos;
• Criar armaduras: impede os espinhos que
machucam, mas também a brisa que acaricia.
É O CONTRÁRIO DE:
COMPORTAMENTO DE
ABERTURA:
• Evolução para o homem espiritual;
• Reconhece os fatos como amigos: o amor ensina,
mas a dor também;
• Fracasso: mais valioso que o sucesso, desperta o
desejo de rever, de corrigir, e proporciona
aprendizado. Ou seja: FRACASSOS NÃO EXISTEM!
São apenas fatos desagradáveis que levam ao
aprendizado.

É MAIS FÁCIL PRATICAR ONDE TEMOS:


AMEAÇA ZERO:
Ambiente ou momento onde podemos:
• Expor pensamentos tendo a certeza de não sermos
advertidos ou corrigidos;
• Expor sentimentos e emoções com a certeza de que
serão respeitados;
• Expor fatos e situações com a certeza do
compromisso de sigilo do exercício.

OU SEJA, ONDE NÃO PRECISO UTILIZAR:


MÁSCARAS:

Recursos que o espírito utiliza para bloquear o


verdadeiro eu quando tem medo de:

• Encarar a realidade e Sofrer;


• Ser ridicularizado;
• Se sentir inferior.

SE NÃO PRECISARMOS DE MÁSCARAS


PODEMOS VIVER:
VIDA PLENA:

MAS O QUE PENSAMOS SER VIDA PLENA?

• É um estado ideal a atingir, que traçamos para nós


mesmos durante nossa vida ?
• E então passamos pela vida sem olhar para os
lados, sem ver as belezas, concentrados num ponto
fixo que precisamos alcançar?

POR OUTRO LADO...


Se caminharmos buscando atingir uma
meta, porém prestando atenção e reagindo
a tudo ao nosso redor:

• Olhar a cor e sentir o cheiro das flores no


caminho;

•Sentir a dor de uma perda, e após o luto,


transformá-la num tributo de amor ao
próximo;
•Sentir a alegria de vencer uma tarefa difícil e
com isso aumentar a nossa auto estima;

•Aprender com a borboleta que sai do casulo


da lagarta que as dificuldades podem nos
transformar em seres mais fortes e de grande
beleza;

Levando todos esses ponto em consideração,

CONCLUÍMOS:
VIDA PLENA:

• É caminhar, e não alcançar. Vida plena é um


processo e não um estado;
• Embora seja necessário ter um ideal e não perdê-lo
de vista, a grandeza da vida está no fato de
estarmos caminhando em sua direção;
• Caminhar pela rota ascensional é um processo de
gratificações intensas, onde nos afastamos do
estado defensivo e nos aproximamos da condição de
abertura.
Regras básicas para o exercício de Vida Plena (vivência
em grupo - durante):

• Não polemizar.
• Não monopolizar.
• Não tecer comentários.
• Não dar conselhos.
• Falar somente uma vez.
• Respeitar o sentimento alheio.
• Não ha obrigação em falar.
• Não interferir.
• Escutar atentamente.
• Não oferecer ajuda.
Regras básicas para o exercício de Vida Plena (vivência
em grupo - DEPOIS):

• Respeitar o sigilo.
• Vibrar pelos companheiros e dificuldades reveladas.
BOA SEMANA
A TODOS!