P. 1
Exercícios sobre Evolução

Exercícios sobre Evolução

|Views: 790|Likes:
Publicado porlindinha2

More info:

Categories:Types, Research, Science
Published by: lindinha2 on Jul 21, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/10/2014

pdf

text

original

Exercícios sobre Evolução

1. (Fatec-SP) Analise o texto abaixo: “Em todo animal que não tenha ainda se desenvolvido completamente, o uso freqüente e repetido de um órgão qualquer fortalece, pouco a pouco, esse órgão, desenvolve-o, aumenta-o, tornando-o mais forte, com uma força proporcional ao tempo de uso, enquanto o desuso de tal órgão enfraquece-o aos poucos, deteriora-o, diminui progressivamente suas faculdades e acaba por fazê-lo desaparecer.” (Filosofia zoológica, 1809.) O texto acima deve ser atribuído a: a) Darwin, para explicar a seleção natural. b) Lamarck, para explicar o criacionismo. c) Mendel, para explicar a genética. d) Darwin, para explicar o evolucionismo. e) Lamarck, para explicar o evolucionismo. 2. (UFPI) Evolução é um processo biológico apresentado por um (uma): a) célula. b) tecido. c) órgão. d) organismo. e) população. 3. (MACK-SP) As teorias da "transmissão hereditária dos caracteres adquiridos" e da "seleção natural" foram propostas, respectivamente, por: a) Darwin e Lamarck b) Lamarck e Darwin c) Darwin e Weissman d) Weissman e Darwin e) Lamarck e Mendel 4. (UFBA) “O grande livro de Charles Darwin – A origem das espécies – foi o documento mais importante do século XIX. Ele mudou permanentemente a visão do lugar que ocupamos na natureza ao mostrar que todas as formas de vida que hoje habitam a superfície da Terra são resultado dos mesmos processos (...).” (MADDOX, p. 223)A mudança de visão referida no texto teve como fundamento, à época de Darwin, evidências concretas e interpretações que incluem: (01) a descoberta de fósseis de animais e vegetais, que evidenciavam a constância das espécies ao longo do tempo. (02) as variações e as semelhanças observadas entre os tentilhões das ilhas Galápagos, sugerindo a existência de um ancestral comum. (04) as contribuições dos estudos da hereditariedade, que dissociavam o comportamento dos genes da transmissão dos caracteres. (08) a independência dos mecanismos evolutivos em relação aos fatores bióticos e abióticos do meio ambiente. (16) o reconhecimento do papel da competição como um mecanismo que propicia caminhos evolutivos diferenciados. (32) a ocorrência de alterações na molécula da hereditariedade como mecanismo de origem de novas espécies. Dê como resposta a soma dos números associados às proposições corretas.

5. (UEL-PR) Em relação à evolução biológica, considere os fatores abaixo: I – Seleção natural. II – Adaptação ao meio. III – Lei do uso e desuso. IV – Herança dos caracteres adquiridos. V – Recombinação gênica e mutação. Quais desses fatores Darwin considerou quando elaborou a teoria da evolução das espécies? a) Apenas I e II. b) Apenas I e V. c) Apenas II e III. d) Apenas III e IV. e) Apenas IV e V. 6. (PUC-PR) Examine as duas frases: 1ª) De tanto esticar o pescoço para comer as folhas das árvores, as girafas foram ficando com o pescoço mais longo. 2ª) Entre as girafas podemos notar uma variabilidade no tamanho do pescoço, o que permite a atuação da seleção natural. Pode-se considerar: a) as duas frases lamarckianas. b) as duas frases darwinianas. c) a primeira frase lamarckiana e a segunda darwiniana. d) a primeira frase darwiniana e a segunda lamarckiana. e) ambas neodarwinianas. 7. (Fuvest-SP) Uma idéia comum às teorias da evolução propostas por Darwin e por Lamarck é que a adaptação resulta: a) do sucesso reprodutivo diferencial. b) de uso e desuso de estruturas anatômicas. c) da interação entre os organismos e seus ambientes. d) da manutenção das melhores combinações gênicas. e) de mutações gênicas induzidas pelo ambiente. 8. (PUC-SP) Analise as frases abaixo, relacionadas com evidências do processo evolutivo: I. As asas de um morcego, as nadadeiras anteriores de uma baleia e as patas dianteiras de um cavalo são estruturas homólogas, pois têm diferente origem embrionária. II. As asas de uma andorinha e as asas de uma libélula são estruturas análogas, pois têm a mesma origem embrionária. Pode-se considerar que: a) as frases I e II são incorretas. b) apenas a frase I é incorreta, pois as estruturas em questão são análogas. c) apenas a frase II é incorreta, pois as estruturas em questão são homólogas. d) apenas a frase I é incorreta, pois as estruturas homólogas têm a mesma origem embrionária. e) as frases I e II são corretas. 9. (MACK-SP) Sabe-se que a freqüência de um gene, para um dado caráter dominante numa população em equilíbrio constituída de 8 000 indivíduos, é 0,20. O número esperado de indivíduos com a característica dominante nessa população é de: a) 2560. b) 2880. 1____100% c) 6400 x____20%

d) 1600. e) 3200.

x = 1600

10. (Unimar-SP) Em uma população de 1000 indivíduos, em equilíbrio de Hardy-Weinberg, que apresenta uma freqüência de indivíduos com o genótipo cc de 9%, sendo o gene C o alelo de c e ambos se encontrando em cromossomos autossômicos, as freqüências das classes genotípicas CC, Cc e cc serão respectivamente: a) 50%, 41% e 9%. b) 79%%, 12% e 9%. c) 70%, 21% e 9%. d) 49%, 42% e 9%. e) 61%, 30% e 9%.

11. (UFPI) Numa certa população de africanos, 9% nascem com anemia falciforme. Qual o percentual da população que possui a vantagem heterozigótica? a) 9% b) 19% c) 42% d) 81% e) 91% 12. (UFSE) Em uma população em equilíbrio de Hardy-Weinberg, a freqüência de certo alelo recessivo é 0,60. A freqüência esperada desse alelo após duas gerações é: a) 0,60. b) 0,36. c) 0,30. d) 0,20. e) 0,15. 13. (UFSM-RS) Os fatores evolutivos responsáveis pelo aumento da variabilidade genética das populações são: a) seleção natural e deriva gênica. b) mutação e recombinação. c) seleção e mutação. d) seleção e recombinação. e) deriva e recombinação. 14. (UFR-RJ) Áreas com alta incidência de malária 85% de indivíduos siclêmicos 15% de indivíduos normais. Áreas com baixa incidência de malária 40% de indivíduos siclêmicos 60% de indivíduos normais. Observando os dados dos quadros acima, pode-se afirmar que as diferenças entre as porcentagens de indivíduos que possuem anemia falciforme decorrem da: a) irradiação adaptativa. b) seleção natural. c) convergência adaptativa.

d) seleção artificial. e) sobreposição de nicho. 15. (Puccamp-SP) Números iguais de duas variedades de plantas da mesma espécie (I e II) foram introduzidos em determinado ambiente. Depois de diversas gerações, verificou-se que a variedade I tornara-se mais abundante. Com base nesses dados, é correto afirmar que: a) I não foi submetida à ação da seleção natural e, por isso, pôde aumentar em número. b) I sofreu mutações vantajosas, induzidas pelo ambiente, tornando-se mais resistente. c) I apresentou maior capacidade de adaptação ao meio, o que aumentou suas chances de sobreviver e de deixar descendentes. d) II possuía maior número de alelos recessivos que freqüentemente levam à letalidade. e) II, através de um processo de convergência adaptativa, transformou-se progressivamente em I. 16. (UFLA-MG) Na bovinocultura é comum observar que alguns antibióticos de uso contínuo tornam-se ineficientes após algum tempo. Utilizando os seus conhecimentos de evolução, qual a razão mais provável para esse fato? a) O antibiótico atuou como agente mutagênico fazendo com que surgissem bactérias resistentes. b) Apareceram espontaneamente bactérias resistentes a antibióticos. c) Ocorreram cruzamentos entre bactérias de espécies diferentes. d) O antibiótico atuou como agente seletivo possibilitando apenas a reprodução de bactérias com certo nível de resistência. e) O ambiente alterou a constituição genética das bactérias. 17. (Vunesp-SP) Três populações de insetos, X, Y e Z, habitantes de uma mesma região e pertencentes a uma mesma espécie, foram isoladas geograficamente. Após vários anos, com o desaparecimento da barreira geográfica, verificou-se que o cruzamento dos indivíduos da população X com os da população Y produzia híbridos estéreis. O cruzamento dos indivíduos da população X com os da população Z produzia descendentes férteis, e o dos indivíduos da população Y com os da população Z não produzia descendentes. A análise desses resultados permite concluir que: a) X, Y e Z continuaram pertencendo à mesma espécie. b) X, Y e Z formaram três espécies diferentes. c) X e Z tornaram-se espécies diferentes e Y continuou a pertencer à mesma espécie. d) X e Z continuaram a pertencer à mesma espécie e Y tornou-se uma espécie diferente. e) X e Y continuaram a pertencer à mesma espécie e Z tornou-se uma espécie diferente. 18. (ENC-MEC) Uma ilha oceânica, rica em vegetação, foi invadida por representantes de um vertebrado herbívoro, que se adaptaram muito bem às condições encontradas e povoaram toda a ilha. Esta, após certo tempo, foi dividida em duas por um fenômeno geológico. Os animais continuaram vivendo bem e se reproduzindo em cada uma das novas ilhas mas, depois de muitos anos, verificouse que os indivíduos das duas ilhas haviam perdido a capacidade e produzirem descendentes férteis, quando intercruzados. Esse texto exemplifica um caso de: a) diferenciação morfológica. b) convergência adaptativa. c) especiação. d) seleção natural. e) radiação adaptativa. 19. (Vunesp-SP) Correlacione os fenômenos enumerados com os algarismos arábicos 1, 2, 3 e 4 às definições ou aos conceitos expressos nas afirmativas de I a IV. 1: Evolução. 2: Mutação. 3: Adaptação.

4: Especiação. I – Modificações nas freqüências gênicas das populações através do tempo, orientadas pela seleção natural. II – Modificação ao acaso nos genes ou cromossomos, acarretando variação genética. III – Modificações de estruturas e funções em um grupo, que favorecem sua sobrevivência. IV – Determinada pelo isolamento reprodutivo, que pode ter como causa o isolamento geográfico. A alternativa correta é: a) I-4; II-2; III-3; IV-1. b) I-3; II-1; III-2; IV-4. c) I-2; II-3; III-4; IV-1. d) I-1; II-2; III-3; IV-4. e) I-1; II-3; III-4; IV-2. 20. (UFMG) Uma população de formigas foi dividida pela passagem de um rio em seu território. As duas populações formadas ficaram isoladas durante muito tempo. Reunidas em laboratório, observouse que não mais conseguiam se entrecruzar. Pode-se concluir que essas populações constituem, agora, diferentes: a) classes. c) famílias. e) ordens. b) espécies. d) gêneros.

2)Ao longo do processo evolutivo do homem, várias mudanças adaptativas ocorreram. As afirmativas a seguir se referem a algumas delas. Assinale a INCORRETA. a) A adoção da postura ereta e o aperfeiçoamento das mãos possibilitaram o uso regular de instrumentos para obtenção de alimentos. b) As modificações nos dentes, na arcada dentária e nos hábitos alimentares contribuíram para o aumento da capacidade de adaptação. c) A postura bípede foi decorrente de um aumento do cérebro e da inteligência, acompanhado de alterações no esqueleto. d) As alterações no ritmo do desenvolvimento dos humanos resultaram na necessidade de um período mais prolongado de cuidados maternais. e) O aumento da capacidade craniana e o desenvolvimento dos centros da inteligência propiciaram um aumento na capacidade de comunicação e de comportamento comunitário organizado. resposta:[C]
pergunta:O aumento da variabilidade genética é um dos mais importantes requisitos para o processo evolutivo das espécies. Qual dos mecanismos a seguir NÃO contribui para o aumento desta variabilidade? a) Mutação. b) Seleção natural. c) Permutação. d) Recombinação gênica. e) Segregação independente. resposta:B

Gabarito: 1) letra e 2)e 3)b

11)c 12)a 13)b

4) 02 e 016 5)a 6)c 7)c 8)a 9) d 10)d

14)b 15)c 16)d 17)d 18)c 19)d 20)b

Resolução 10) q2 = 9%, portanto q = 0,3 e p = 0,7 f(CC) = p2 = (0,7)2 = 0,49 = 49% f(Cc) = 2 (0,7) (0,3) = 0,42 = 42% f (cc) = q2 = (0,3)2 = 0,09 = 9%

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->