P. 1
MÓDULO III - NOÇÕES DE PERFURAÇÃO

MÓDULO III - NOÇÕES DE PERFURAÇÃO

4.77

|Views: 38.683|Likes:

More info:

Published by: troca de informações on Apr 18, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/01/2014

pdf

text

original

TREINAMENTO DE TÉCNICOS DE OPERAÇÃO - MFP

TREINAMENTO DE TÉCNICOS DE OPERAÇÃO - MFP

18

As principais finalidades do Sistema de Circulação de Fluidos são:

Manter o equilíbrio de pressão dentro do poço.
Trazer até a superfície os cascalhos cortados pela broca.
Criar um fino reboco nas paredes do poço.

PRINCIPAIS EQUIPAMENTOS

Tanques de lama – Armazenar fluidos.
Bombas de Lama Triplex – Fornecer energia ao fluido para este circular pelo

poço.

Bombas centrífugas - Fazer o carregamento das bombas triplex, etc.
Tubo bengala – Tubo rígido de 4”que conduz a lama até a mangueira de injeção.
Mangueira de Injeção – Mangueira de 4” que recebe a lama e conduz até o

swivel.

Swivel – responsável pela injeção da lama no interior da coluna de perfuração.

4.1 - BOMBAS DE LAMA (MUD PUMP)

TREINAMENTO DE TÉCNICOS DE OPERAÇÃO - MFP

TREINAMENTO DE TÉCNICOS DE OPERAÇÃO - MFP

LINHA DE
SUCÇÃO
LINHA DE
DESCARGA

PENEIRA
DE LAMA

TANQUE DE
LAMA

JATOS DA
BROCA

POÇO

ESPAÇO
ANULAR

TUBO DE PERFURAÇÃO

LINHA DE
RECALQUE

KELLY

CABEÇA DE
INJEÇÃO
(SWIVEL)

MANGUEIRA
DE LAMA

TUBO BENGALA

BOMBA DE LAMA

19

TREINAMENTO DE TÉCNICOS DE OPERAÇÃO - MFP

TREINAMENTO DE TÉCNICOS DE OPERAÇÃO - MFP

20

Numa circulação normal, o fluido faz o seguinte trajeto: Tanques /Bombas de
lama/ tubo bengala/mangueira de injeção/ swivel/interior da coluna de
perfuração e finalmente sai sob pressão nos jatos da broca.
A este trajeto chamamos de “injeção”.
Daí o fluido retorna pelo espaço anular (espaço compreendido entre a
parede do poço e a coluna de perfuração) até a superfície carreando os
fragmentos de rocha cortados pela broca, a este chamamos de “retorno”

TREINAMENTO DE TÉCNICOS DE OPERAÇÃO - MFP

TREINAMENTO DE TÉCNICOS DE OPERAÇÃO - MFP

21

Torre ou Mastro – Prover espaço para manobrar

A torre se divide-se em dois tipos principais :

Convencional – Estrutura em treliças que exigem montagens e desmontagens
das vigas uma a uma, o que torna trabalhoso o DTM, mas os reparos são mais
baratos pela substituição de peças isoladas, normalmente são usadas em sonda
marítima.

Mastro – Estrutura que são montadas e desmontadas em seções, com isso o
DTM é mais fácil e mais rápido, usado normalmente em sondas terre

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->