pergunta:Um dos aprendizados básicos do anatomista é a noção dos termos de movimento.

Marque a opção que especifique o que é a circundução: (A)Movimento diminuindo os ângulos entre as partes do corpo. (B)Movimento aumentando os ângulos entre as partes do corpo. (C)Movimento em direção ao plano mediano. (D)Movimento para longe do plano mediano. (E)Movimento circular combinando flexão, extensão, abdução e adução.

pergunta:Quando movemos a planta do pé para longe do plano mediano, isto é, quando a dirigimos superolateralmente, estamos praticando: (A) Flexão plantar (B) Eversão. (C) Inversão. (D) Rotação. (E) Dorsiflexão. resposta:B pergunta:Marque a opção que denomina os nódulos arredondados ou ovais que se desenvolvem em certos tendões e que podem ser confundidos com pequenas fraturas na clínica: (A) Falange. (B) Ossos curtos. (C) Tuberosidades. (D) Processos ósseos. (E) Sesamóides.

pergunta:Os ossos são estruturas ricamente vascularizadas e supridas por artérias. Por isto existe uma estrutura responsável pela entrada de artérias dividindo-se em ramos dirigidos longitudinalmente que suprirão o osso de sangue.Assinale o nome desta estrutura: (A) Sindesmose (B) Epífise (C) Suturas ósseas (D) Forame nutrício (E) Fóvea resposta:D Comentário A questão aborda a importância do forame nutrício e mostra que o osso é um órgão vivo e de grande metabolismo ao contrário do que é pensado popularmente

pergunta:O membro inferior é constituído de quatro partes pri ncipais: o quadril, a coxa, a perna e o pé, estas regiões possuem três funções básicas. Assinale o item que contenha essas funções: (A) Sustentação do peso, proteção de órgãos torácicos e manutenção do equilíbrio. (B) Manipulação apurada de objetos, locomoção e conexão do esqueleto axial com o membro superior. (C) Locomoção, manipulação apurada de objetos e sustentação do peso. (D) Sustentação do peso, manutenção do equilíbrio e locomoção. (E) Inserção para músculos e ligamentos, proteção de órgãos torácico s e locomoção.

resposta:D comentário: A questão aborda a função do membro inferior no organismo que são basicamente três, sustentação, locomoção e equilíbrio. Para a anatomia não é apenas necessário conhecer os relevos e localizações ,mas principalmente é necessário conhecer suas funções.

pergunta:O ílio, osso em forma de leque possui vários acidentes ósseos geralmente associados a passagem de nervos e inserções de músculos. Assinale a opção que contenha acidentes ósseos do íleo: (A) Linha glútea anterior, face auricular para o sacro e linha arqueada. (B) Asa, incisura do acetábulo e linha arqueada. (C) Face sinfisal, asa e linha pectínea (D) Linha glútea posterior, linha pectínea e crista obturatória. (E) Face sinfisal, linha glútea inferior e crista obturatória. pergunta:O ílio é um osso de grande utilidade na clínica para a obtenção de fragmentos óssoes para enxertos ósseos e também de obtenção de medula óssea. Geralmente utilizam-se dois pontos, um que se localiza posteriormente no fundo de uma depress ão na pele a 4 cm ao plano mediano e outra ao nível da quarta vértebra lombar (ponto mais elevado palpado posteriormente). Marque a opção que contenha estes dois pontos do ílio: (A) Linha glútea superior e espinha ilíaca ântero-superior. (B) Asa do íleo e tuberosidade ilíaca. (C) Espinha ilíaca antero-superior e espinha ilíaca póstero-superior. (D) Eminência íliopúbica e espinha ilíaca póstero-inferior. (E) Crista ilíaca e espinha ilíaca póstero-superior. Gabarito:E comentário: A pergunta se refere à aplic ação dos conhecimentos anatômicos na clínica. O ílio é um osso importante,tal como o esterno , para a obtenção de medula óssea no corpo humano e também para a remoção de fragmentos ósseos para enxerto. Os dois pontos a serem conhecidos são a crista ilíaca e a espinha ilíaca póstero-superior, tais como seus níveis e identificações de depressões no corpo. pergunta:No quadril existe uma estrutura óssea que sustenta o corpo quando estamos sentados e pode ser palpada acima da porção medial da prega glútea. Marque a opção com o nome da estrutura de que estamos falando: (A) Tubérculo púbico. (B) Tuberosidade isquiática. (C) Espinha isquiática. (D) Espinha ilíaca póstero-inferior. (E) Ramo inferior do osso púbico.

resposta:B pergunta:Um homem de 33 anos sofreu um acidente frontal de automóvel e deu entrada na emergência do hospital queixando-se de dor e impedido de ficar em pé. O exame físico mostrou o membro inferior afetado aparentando ser menor, aduzido, ligeiramente fletido e rodado medialmente. Marque a opção que contenha o diagnóstico correto do caso clínico: (A) Fratura cominutiva da extremidade proximal da tíbia. (B) Fratura do colo da fíbula. (C) Fratura de epífise distal do fêmur. (D) Fratura da borda posterior do acetábulo. (E) Fratura transversa de maléolo. resposta:D comentário: O caso clínico descreve perfeitamente o paciente com luxação posterior da articulação do quadril com fratura na borda posterior do acetábulo. Este tipo de fratura é comum em quedas de grande altura sobre os pés e em acidentes au tomobilísticos frontais. pergunta:O fêmur é o osso mais longo, mais forte e mais pesado do corpo humano. A altura de uma pessoa é aproximadamente quatro vezes maior que o comprimento de seu fêmur. Assinale a opção que contenha apenas acidentes ósseos do fêmur: (A) Tubérculo adutor, tuberosidade glútea, linha do músculo sóleo e esporão. (B) Linha intertrocantérica, linha arqueada, linha vertical e epicôndilo lateral. (C) Crista intertrocantérica, epicôndilo lateral, linha glútea inferior e tubérculo abdutor. (D) Esporão, linha áspera, linha pectínea e fóvea da cabeça. (E) Face poplítea, face sinfisal, linha glútea posterior e tuberosidade glútea. resposta:D comentário: A pergunta cobra o conhecimento dos relevos ósseos do fêmur importantes na articulação com o quadril e o joelho e também como inserções de músculos. pergunta:Uma senhora de 62 anos tropeçou em um tapete de sua casa e deu entrada no pronto socorro com o membro inferior afetado em rotação lateral e notavelmente menor que o outro membro inferior.

navicular. isto causa laceração dos ligamentos do tornozelo e inclinação vigorosa do tálus contra o maléolo lateral.Ela não conseguia andar ou ficar de pé. rompendo-o por cisalhamento. piramidal e psiforme. Marque a alternativa que contenha acidentes ósseos presentes apenas na parte posterior do fêmur: (A) Linha áspera. linha áspera e linha do sóleo. resposta:B pergunta:O fêmur é o osso mais longo e mais forte do corpo humano. calcâneo. (D) Navicular. (D) Fratura de maléolo lateral. Assinale o item que contenha a melhor descrição da lesão: (A) Tálus inclinado rompendo maléolo medial. cuneiforme intermédio. tíbia. Sua superfície superior em forma de roldana é freqüentemente chamada de tróclea. tíbia. (B) Fíbula. em que a origem e inserção de músculos é uma informação primordial para o entendimento da função de determinado músculo. pergunta:Durante uma partida de futebol um jogador escorregou e caiu forçando o pé a uma posição extremamente invertida sofrendo uma fratura de Pott. (E) Cubóide. (D) Fratura da borda posterior do acetábulo (E) Fratu ra de maléolo lateral. cuneiforme lateral e fíbula.membro fletido. aduzido e rotado medialmente. Assinale a opção que contenha o osso provavelmente este homem fraturou durante o acidente: (A) Fratura de colo do tálus. linha intertrocantérica e eminência intercondilar. No caso esta fratura pode ter sido facilitada por fragilidade óssea devido a osteoporose. (E) Fratura exposta da tíbia também conhecida como fratura de pára -choque. De acordo com o caso clínico assinale o diagnóstico mais provável: (A) Fratura do colo da fíbula. resposta:C comentário: A questão aborda um caso clínico com descrição clássica de fratura de colo de fêmur. resposta:D comentário: A fratura de Pott é uma fratura de f íbula que vai de 2 a 6 cm proximais à extremidade distal do maléolo lateral. (B) Linha pectínea. ele possui uma grande quantidade de acidentes ósseos. navicular e calcâneo. (B) Fratura de tíbia e fíbula em seus terços médios. (D) Esporão. Assinale a opção que contenha ossos que se articulam com o tálus: (A) Tíbia. esporão e crista intertrocantérica. calcâneo e fíbula. (E) Fratura de diáfise de fíbula. sulco da inserção do tendão do músculo semimembranáceo e linha pectínea. . (B) Avulsão de falanges distais (C) Fratura de diáfise de tíbia. estes casos devem apresentar muita cautela por parte do médico. (C) Fratura de colo de fêmur. (C) Calcâneo. (C) Fratura de tálus e calcâneo. (C) Tuberosidade glútea. (D) Tálus inclinado vigorosamente contra o maléolo lateral. Pelo fato de ser um osso em uma região repleta de músculos. pergunta:Um homem embriagado de 45 anos chocou seu carro frontalmente contra um poste e quando pisava no freio provocou uma dorsiflexão acentuada de seu pé durante a batida. falanges. tratava -se de uma mulher idosa. pergunta:O corpo do tálus tem formato cubóide. Este tipo de fratura é comum em esportes e caracteriza -se por queda forçando o pé a uma posição muito invertida. cuneiforme medial. (B) Fraturas cominutivas da tíbia. É importante conhecer as condições do membro como encurtamento e rotação lateral para não confundir com fraturas de acetábulo ou luxações no quadril que geralmente apresenta encurtamento . rompendo-o por cisalhamento. incisura fibular e linha intertrocantérica. É importante dizer ainda que casos de fratura do fêmur podem levar a embolia pulmonar devido a gordura da medula óssea amarela que ganha a circulação sangüínea. (E) Crista intertrocantérica. resposta:C comentário: O fêmur é um osso repleto de acidentes ósseos sendo de grande importância o conhecimento dos mesmos para aplicação na miologia.

navicular e segundo metatársico.O grau de movimento depende da distância entre os ossos e o grau de flexibilidade do tecido fibroso de união. falange proximal do quinto metatársico e cubóide.pergunta:A linha do sóleo é um acidente ósseo bastante nítido presente na tíbia. resposta:D comentário: A questão fala sobre a face medial do pé que é geralmente lesionada em movimentos de eversão extrema e em quedas de objetos sobre os pés. navicular e tálus. tálus. falange distal do hálux. A anatomia desta região é muito importante em análises radiográficas para verificação de lesões nesta região. Assinale a opção que contenha corretamente a região que é ligada pela membrana interóssea entre a fíbula e a tíbia: (A) Margem interóssea na borda medial da fíbula. por exemplo. por exemplo. cubóide e navicular. calcâneo e cubóide (B) Quinto metatársico. calcâneo e navicular. (D) Margem interóssea na borda medial da fíbula e margem interóssea na borda anterior da tíbia . (E) Falange proximal do hálux. tálus. resposta:B pergunta:A face medial do pé é formada por seis ossos. no seu alvéolo onde o tecido fibroso do ligamento periodontal ancora com firmeza o dente. pergunta:Existe um tipo de sutura fibrosa os ossos são unidos por uma faixa de tecido fibroso. navicular. terceiro metatársico e navicular. (C) Cuneiforme lateral.Assinale a opção que contenha o tipo de articulação descrito: (A) Sindesmose (B) Gonfose (C) Articulação em dobradiça (D) Articulação plana (E) Articulação condilar resposta:Gabarito:A Comentário: A questão aborda um tipo de art iculação fibrosa que consiste num tipo de sutura que une os ossos por uma faixa de tecido fibroso. resposta:C comentário: A questão cobra o conhecimento da anatomia óssea do pé e as adjacências do osso cuneiforme intermédio. (E) Face anterior da parte distal do corpo da tíbia e segue em sentido inferomedial até a borda medial. (D) Face posterior da parte distal do corpo da tíbia e segue em sentido inferolateral até a borda lateral. (C) Margem interóssea na borda lateral da fíbula e margem interóssea na borda lateral da tíbia. podemos citar as membranas interósseas do rádio e da ulna e da tíbia e da fíbula. (B) Face anterior da parte proximal do corpo da tíbia e segue em sentido inferomedial até a borda medial. cubóide. pergunta:O osso cuneiforme intermédio articula-se com quatro ossos.Marque a opção que contenha o tipo de ligamento citado: (A) Articulação selar (B) Articulação em pivô . Assinale a alternativa que possua a melhor descrição da localização da linha do sóleo: (A) Face posterior da parte proximal do corpo da tíbia e segue em sentido inferomedial até a borda medial. (E) Margem interóssea na borda anterior da fíbula e margem interóssea na borda medial da tíbia. (C) Face anterior da parte proximal do corpo da tíbia e segue em sentido inferolateral até a borda lateral. (E) Primeiro metatársico. pergunta:Existe um tipo de articulação específica entre um dente e um osso. Assinale a alternativa que contenha ossos da face medial do pé: (A) Tálus. Assinale a opção que contenha corretamente estes ossos: (A) Cuneiforme medial. falange proximal do hálux. calcâneo e cuneiforme medial. (C) Cuneiforme medial. (D) Calcâneo. cuneiforme lateral. navicular e terceiro metatársico.O tecido pode ser um ligamento ou uma membrana fibrosa. A visualização da estrutura óssea por parte do aluno é de grande importância na visualização de radiografias e identificação de fraturas pergunta:A membrana interóssea é uma membrana que ocorre tanto no antebraço quanto na perna. (D) Falange distal do hálux. (B) Margem interóssea na borda medial da fíbula e margem interóssea na borda medial da tíbia. cubóide e calcâneo. (B) Cuneiforme lateral. cuneiforme intermédio. segundo metatársico. como. margem interóssea na borda lateral da tíbia. cuneiforme lateral. uma membrana interóssea.

em pivô. pergunta:As articulações têm um rico suprimento nervoso. (E) Anestesiar a articulação e permitir a articulação movimentos de deslizar ou escorregar. sincondroses e planas.Assinale a opção que contenha as duas funções do líquido sinovial: (A) Eliminar atrito entre os ossos articulados e ser um bactericida. esferóides e condilares. esferóides. (B) Possuir pouca mobilidade. uma cápsula articular e uma cartilagem contra absorção de choques para resistência. possuir uma cartilagem de absorção de choques e uma cápsula articular. resposta:Gabarito:D Comentário: O líquido sinovial produzido pela membrana sinovial tem como objetivos nutrir a cartilagem sinovial que não é vascularizada e nem inervada e também lubrificar a articulação.Assinale a opção que contenha os tipos existentes de articulação cartilaginosas e exemplos correspondentes na anatomia humana: (A) Sindesmose (Membrana interóssea) e Gonfose (Ligamento periodôntico) (B) Sincondrose (Placa epifisária) e Sínfises (Discos intervertebrais) (C) Articulação plana (Articulação manubrioesternal) e Articulação em pivô (Ligamentos colaterais) (D) Sincondrose (Cartilagem costal) e Sindesmose (Articulação manubrioesternal) (E) Sínfises (Sínfise mentoniana) e Sutura (Fontanela anterior) resposta:Gabarito:B Comentário: As articulações cartilaginosas dividem-se em: primárias (Sincondroses) que possuem como exemplo a placa cartilaginosa epifisária e a cartilagem costal e a secundária (Sínfise) que possuem como exemplo as sínfises mentoniana e púbica. (D) Lubrificar e nutrir a cartilagem sinovial.A membrana sinovial regenera-se quando danificada.(C) Articulação plana (D) Sindesmose (E) Gonfose resposta:Gabarito:E Comentário: A gonfose é um tipo de articulação fibrosa específica para os dentes. (B) Evitar artrites e lubrificar a articulação. (C) Articulações condilares. em geral permitem movimento livre entre os ossos que unem e são típicas de quase todas as articulações dos membros. uma cartilagem articular e uma cápsula articular. os discos intervertebrais e a articulação manúbrio esternal. (C) Aumentar a resistência e insuflar a cápsula fibrosa. (C) Não possuir líquido lubrificante. (D) Possuir pouca mobilidade. gonfoses. (E) Articulações selares. em dobradiça.Assinale a alternativa que contenha estas características básicas: (A) Possuir uma membrana interóssea fibrosa.Marque a opção que contenha apenas ti pos de articulação sinovial: (A) Articulação em pivô.As articulações sinoviais foram projetadas para suportar o desgaste. (E) Possuir uma cavidade articular.Ela é bem representada pelo ligamento periodontal e ancora no processo alveolar dos ossos maxilar e mandibular. planas e sincondroses. pergunta:As articulações sinoviais são o tipo mais comum e importante funcionalmente. cartilagens serem substituídas por ossos até o fim da adolescência e possuir uma cavidade articular. sindesmoses. pergunta:A membrana sinovial produz o líquido sinovial que desempenha duas funções importantes para a articulação sinovial.Movimentos nesta articulação ( dente solto ) é considerada uma c ondição patológica. uma cartilagem articular e um líquido lubrificante. resposta:Gabarito:E Comentário: As diferenças entre a supra-renal direita e esquerda não se limitam à vascularização. selares e em dobradiça. pergunta:Existem seis tipos de articulação sinovial.A supra-renal esquerda possui formato semilunar e a direita possui formato piramidal.Este tipo de articulação possui três características básicas.As terminações nervosas estão localizadas em duas estruturas e possuem uma principal função. classificados de acordo com a forma articular e o movimento que permitem.Este tipo de conhecimento além de ser básico será muito útil na artrologia. pergunta:Existem dois tipos de articulações cartilaginosas em que os ossos são unidos tanto por cartilagem hialina quanto fibrosa. (D) Articulações esferóides. resposta:Gabarito:C Comentário: A questão cobra o conhecimento das conexões entre a escápula e o úmero. planas e sindesmoses.Marque a opção que contenha estas duas localidades e a principal função . (B) Articulações selares.

Assinale a opção com o nome destes dois ligamentos: (A) Ligamentos patelar e colateral fibular (B) Ligamentos patelar e coronário (C) Ligamento colateral tibial e colateral fibular (D) Ligamentos cruzado posterior e cruzado anterior (E) Ligamentos patelar e colateral tibial resposta:Gabarito:C Comentário: Estes ligamentos como descritos pela questão impedem a rotação da tíbia lateralmente ou do fêmur medialmente. como os ligamentos colaterais estão frouxos durante a flexão da perna.Eles são firmemente estirados quando a perna é estendida e impedem a rotação da tíbia lateralmente ou do fêmur medialmente.Por isso.Esta bolsa tem como função permitir o movimento livre do tendão do músculo quadríceps sobre a extremidade distal do fêmur e facilita a extensão e flexão completa da articulação do joelho. como por arma branca.A bolsa anserina está associada a esses tendões. exceto o nervo para o músculo piriforme.da parte proximal da face medial da tíbia e do ligamento colateral tibial.Entretanto. os nervos cutâneos perfurantes e aqueles que suprem o diafragma pélvico. (B) Cartilagem sinovial e membrana sinovial / Termocepção. pata de ganso). pergunta:Existem dois ligamentos na articulação do joelho que impedem a ruptura das faces laterais desta articulação. pergunta:Existe uma bolsa que se localiza separando os tendões dos músculos sartório.Marque a opção que contenha o nome da bolsa a qual nos referimos: (A) Bolsa suprapatelar (B) Bolsa anserina (C) Bolsa infrapatelar profunda (D) Bolsa subcutânea pré-patelar (E) Bolsa subcutânea infrapatelar resposta:Gabarito:B Comentário: A área onde os músculos sartório.destas terminações nervosas: (A) Cápsula fibrosa e cartilagem sinovial / Nocicepção. grácil e semitendinoso se inserem distalmente foi denominada pé anserino(em latim pés anserinus. podem infectar a articulação do joelho através da bolsa suprapatelar. (D) Cápsula fibrosa e membrana sinovial / Propriocepção. ferimentos perfurantes.Muitos relatam que o cisto de Baker é o extravazamento de líquido sinovial da articulação do joelho e seu acúmulo na fossa poplítea. (C) Cápsula fibrosa e cartilagem sinovial / Propriocepção. acima da patela. resposta:Gabarito:D Comentário: Os nervos sacrais obedecem esta regra. pergunta:Existe uma grande extensão sacular de cápsula sinovial que segue para cima entre o fêmur e o tendão do músculo quadríceps da coxa. (E) Periósteo e cartilagem sinovial / Nocicepção. permitem alguma rotação da tíbia sobre o fêmur nesta po sição. pergunta:O aumento na pressão de uma bolsa sinovial na face posterior do joelho produz uma distensão na mesma.Marque a alternativa que contenha o nome da bolsa sinovial que se situa entre o tendão do músculo poplíteo e o côndilo lateral da tíbia que possui grande potencial para geração deste cisto: (A) Bolsa suprapatelar (B) Bolsa subcutânea pré-patelar (C) Bolsa poplítea (D) Bolsa infrapatelar profunda (E) Bolsa subcutânea infrapatelar resposta:Gabarito:C Comentário: A questão aborda os conceitos de cisto de Baker e cobra a associação da localização da Bolsa do . é considerada uma parte do mesmo.Este estado é conhecido como cisto de Baker. grácil e semitendinoso.Marque a opção que contenha a bolsa a que nos referimos: (A) Bolsa subcutânea infrapatelar (B) Bolsa subcutânea pré-patelar (C) Bolsa suprapatelar (D) Bolsa poplítea (E) Bolsa anserina resposta:Gabarito:C Comentário: A bolsa patelar se comunica livremente com a cavidade sinovial da articulação do joelho.

enquanto as faces inferiores.Assinale a opção que contenha o nom e desta articulação.músculo poplíteo com os conceitos do cisto.O médico verificou dor à palpação na face medial do ligamento da patela com o joelho fletido.É importante conhecermos estes conceitos sobre o menisco. mas principalmente conhecer as funções desempenhadas. que fletem uma articulação e estende outra articulação.Na osteologia é importante não apenas conhecer as estruturas e a local ização dos ossos. (A) Articulação calcaneocubóidea (B) Articulação tibiofibular distal (C) Articulação talocalcâneanavicular (D) Articulação subtalar (E) Articulação tibiofibular proximal resposta:Gabarito:E Comentário: A tíbia e a fíbula articul am-se em suas extremidades proximal e distal. a extremidade distal da tíbia e/ou da fíbula é muitas vezes fraturada.O cisto de Baker é muito comum em crianças e em alguns casos po de interferir nos movimentos da articulação do joelho. que repousam sobre os côndilos tibiais são mais planas.Assinale a opção que contenha o nome destas articulações respectivamente: (A) Articulações interfalangianas e intermetatársicas (B) Articulações metatarsofal angianas e intermetatársicas (C) Articulações calcâneocubóidea e talocalcaneonavicular (D) Articulações intermetatársicas e metatarsofalangianas . pois principalmente na medicina esportiva encontramos problemas de joelho nos atletas assim como também encontram os na clínica com pessoas não praticantes de esportes.Suas faces superiores são ligeiramente côncavas para recepção destes côndilos.. pergunta:Existem estruturas fibrocartilaginosas que se localizam na face articular da tíbia e se articulam com os côndilos femorais.esta condição é muito comum em esportes de grande contato corporal e merece grande atenção quanto as suas características e manifestações.Marque a opção que contenha o nome dessas estruturas e sua função correspondente: (A) Ligamentos cruzados / Absorção de choques (B) Bolsas da articulação do joelho / Absorção de choques (C) Meniscos / Impedir ruptura das faces laterais da articulação (D) Meniscos / Absorção de choques (E) Bolsas da articulação do joelho / Impedir ruptura das faces laterais da articulação resposta:Gabarito:D Comentário: A questão aborda a localização e a importância dos meniscos para a articulação do joelho. imediatamente proximal ao platô tibial medial. pergunta:O dedo em martelo é uma deformidade comum na qual a falange proximal encontra -se permanentemente dorsifletida na articulação metatarsofalangiana e a falange média está em flexão plantar na articulação interfalangiana.Movimentar a articulação tibiofibular proximal é impossível sem movimentar a distal.Esta deformidade pode resultar de fraqueza dos músculos lumbricais interósseos. pergunta:Existe uma articulação plana entre a cabeça da fíbula e o côndilo latearl da tíbia que é importante para a manutenção da estrutura da perna.No caso da questão foi descrita a articulação tibiofibular proximal pergunta:Nas fraturas com luxação do tornozelo.O ligamento tracionado é o ligamento deltóide ou medial.A fratura de Pott comum quando o pé é fortemente evertido caracteriza -se pelo tracionamento de um ligamento arrancando amiúde o maléolo medial. pergunta:Um atleta de futebol foi socorrido pelo médico de seu clube após um esforço de torção aplicado à articulação do joelho fletida.Assinale a opção com o provável diagnóstico dado pelo médico do clube: (A) Ruptura do ligamento cruzado posterior (B) Lesão do menisco medial (C) Ruptura de ligamento colateral fibular (D) Lesão da bolsa suprapatelar (E) Lesão do menisco lateral resposta:Gabarito:B Comentário: A questão descreve o osso sacro e evidencia duas funções desempenhadas pelo mesmo.Marque a opção que contenha o ligamento descrito: (A) Ligamento deltóide (B) Ligamento plantar longo (C) Ligamento calcaneonavicular plantar (D) Ligamento calcaneofibular (E) Ligamento talofibular anterior resposta:Gabarito:A Comentário: Na fratura de Pott temos a fratura do maléolo medial devido a uma forte eversão do pé.

elevando -o da posição de decúbito para a posição sentada.(E) Articulações metatarsofalangianas e interfalangianas resposta:Gabarito:E Comentário: A tíbia e a fíbul a articulam-se em suas extremidades proximal e distal. pergunta:Dois músculos atuam na flexão da coxa. com luxação lateral permanente do hálux.Assinale a opção que nomeie este par de músculos: (A) Músculo tensor da fáscia lata e sartório (B) Músculo psoas maior e ilíaco (C) Músculo psoas menor e quadríceps (D) Músculo quadríceps e psoas maior (E) Músculo ilíaco e tensor da fáscia lata resposta:Gabarito:B Comentário: O músculo iliopsoas é composto pelos músculos ilíaco e psoas maior.Atuando inferiormente estes músculos fletem o tronco. incluído entre duas lâminas de fáscia lata. fossa ilíaca asa do sacro e ligamentos sacroilíacos anteriores e insere-se no tendão do músculo psoas maior e corpo do fêmur.Esta condição é comum em pessoas que usam sapato de bico fino. entre elas a de. O músculo ilíaco origina-se da crista ilíaca. que formam sua bainha. este tipo de ligação tende a desaparecer com o decorrer da vida. fletir.Movimentar a articulação tibiofibular proximal é impossível sem movimentar a distal.O músculo tensor da fáscia lata se origina na espinha ilíaca ântero-superior e parte anterior do lábio externo da crista ilíaca e se insere no tracto iliotibial que se fixa ao côndilo lateral da tíbia. na articulação do quadril e na estabilização desta articulação.No caso da questão foi descrita a articulação tibiofibular proximal.Marque a alternativa que contenha o ligamento descrito na lesão do atleta: (A) Ligamento colateral tibial (B) Ligamento colateral fibular (C) Ligamento patelar (D) Ligamento cruzado posterior (E) Ligamento cruzado anterior resposta:Gabarito:E Comentário: O manúbrio esternal é conectado ao corpo do esterno através da sincondrose esternal . como. pergunta:O músculo tensor da fáscia lata situa-se na face lateral da coxa.As sincondroses são ligações entre ossos por cartilagem hialina.Marque a opção que não contenha uma das funções do músculo tensor da fáscia lata: (A) Tensiona o tracto iliotibial (B) Possibilita o glúteo máximo manter a articulação do joelho estendida (C) Estabiliza o tronco sobre a coxa na posição sentada (D) Equilibra a tração posterior do músculo glúteo máximo sobre o tracto iliotibial (E) Flete a coxa na articulação do quadril resposta:Gabarito:E Comentário: O músculo tensor da fáscia lata não flete a coxa na articulação do quadril. por exemplo. abaixo do trocanter menor. isto é função do músculo iliopsoas.A lâmina profunda de sua bainha funde-se à face anterior da cápsula da articulação do quadril. durante a posição de cócoras.Assinale a opção que contenha o nome desta deformidade: (A) Dedo em martelo (B) Hálux valgo (C) Hálux caído (D) Joanete (E) Hálux retraído resposta:Gabarito:B Comentário: A questão se refere a um tipo de mal formação. abduzir e rodar lateralmente a coxa na articulação do quadril e fletir a perna na articulação do . sendo considerados músculos posturais antigravitacionais.O músculo psoas maior origina-se das faces das vértebras T12 a L5 e discos intervertebrais entre ela e se insere no Trocanter menor do fêmur. pergunta:Um jogador de futebol foi golpeado com violência na face lateral de seu joelho e dentre a série de lesões ele lesou um ligamento que impede a luxação posterior do fêmur e a hiperextensão da articulação do joelho.Estas pessoas são i ncapazes de afastar seu hálux do segundo dedo porque os sesamóides sob a cabeça do primeiro metatársico são geralmente luxados e situam se no espaço entre as cabeças do primeiro e segundo metatársicos.Como a questão diz esta é uma condição comum em pessoas que utilizam sapato de bico fino. especificamente ligada ao hálux.Estes músculos são importantes na manutenção da postura ereta na articulação do quadril. pergunta:A primeira articulação metatarsofalangiana pode apresentar-se aumentada e deformada. pergunta:Este músculo é o mais superficial na face anterior da coxa e possui várias funções.

medial e lateral do trígono femoral respectivamente: (A) Músculo cremáster. (C) Músculo cremáster.Marque a opção que nomeie este músculo: (A) Músculo sartório (B) Músculo quadríceps femoral (C) Músculo tensor da fáscia lata (D) Músculo psoas maior (E) Músculo ilíaco resposta:Gabarito:A Comentário: O músculo sartório recebeu este nome porque é usado para cruzar as pernas na posição agachada d o alfaiate (sartor. tensor da fáscia lata. borda lateral do músculo adutor longo e borda lateral do músculo grácil. pergunta:O trígono femural é um espaço subfascial triangular. (E) Tubérculo púbico. (D) Ligamento inguinal. obturador externo e grácil. pergunta:Um paciente é testado em decúbito dorsal. adutor longo e quadrado da coxa. o músculo sartório recobre a artéria femoral à medida que segue no canal adutor. alfaiate).Atuando inferiormente. resposta:Gabarito:C Comentário: Os músculos adutores da coxa são: adutor magno. o vasto intermédio está localizado entre o vasto lateral e medial e o vasto medial recobre a face medial da coxa.Marque a opção que contenha o músculo que provavelmente está paralisado: (A) Músculo tensor da fáscia lata (B) Músculo Grácil (C) Músculo quadríceps femoral (D) Músculo sartório (E) Músculo adutor magno resposta:Gabarito:C Comentário: O caso clínico descreve claramente o quadro de um paciente com paralisia do músculo quadríceps femoral.Vasto é um termo que significa grande. (B) Pectíneo. o maior músculo do corpo e recobre quase toda a face anterior e as laterais do fêmur. adutor longo e adutor curto. adutor magno. glúteo médio. sartório e tensor da fáscia lata. grácil e reto femoral. vasto lateral.Assinale a opção que contenha as quatro porções do músculo quadríceps femoral: (A) Sartório. grácil e pectíneo. (D) Adutor curto. bíceps femoral e tensor da fáscia lata. o vasto lateral situa-se sobre a face lateral da coxa. (C) Glúteo máximo. também flete o tronco sobre a coxa e roda o tronco para o lado oposto.Este músculo é dividido em quatro porções.Notamos que a função de extensão da perna está prejudicada.Os nomes das porções do músculo quadríceps indicam sua forma ou localização: o reto femoral possui fibras profundas que seguem em trajetória retilínea pela coxa. com o joelho parcialmente fletido e lhe é solicitado a estender seu joelho contra a resistência. ele comprimia a extremidade distal da sua coxa para evitar a flexão da articulação do joelho.Assinale a opção que contenha pelo menos três músculos adutores da coxa: (A) Pectíneo. (B) Ligamento inguinal. borda medial do músculo adutor longo e borda medial do músculo sartório. Adutor curto. pergunta:A principal ação do grupo medial de músculos é a adução da coxa.Assinale a opção que contenha corretamente o limite superior. adutor longo. glúteo mínimo e piriforme.Seu principal conteúdo é representado pelos vasos femorais e ramos do nervo femoral.Apresenta-se como uma depressão quando a coxa é fletida ativamente na articulação do quadril. (B) Adutor longo. semimembranáceo e vasto intermédio. pergunta:O músculo quadríceps femoral é o grande extensor da perna. pectíneo.Este músculo se origina na espinha ilíaca ântero-superior e parte superior da incisura abaixo dela e se insere na parte superior da face medial da tíbia.Foi observado que o paciente não conseguiu passar e neste teste e quando deambulava. vasto intermédio e vasto medial. resposta:Gabarito:D Comentário: Quadríceps é um termo que significa quatro cabeças. (E) Semitendíneo. semimembranáceo. borda medial do músculo adutor magno e borda medial do músculo grácil. Na maior parte do seu trajeto. borda lateral do músculo adutor magno e borda medial do músculo sartório. adutor magno e semitendíneo. borda medial do músculo adutor curto e borda medial do músculo adutor longo.joelho.Neste caso o paciente deambula com dificuldade e comprime a extremidade distal da sua coxa para evitar a flexão da articulação do joelho. (D) Reto femoral. (E) Adutor magno. clinicamente importante. .Estes músculos em geral são supridos pelo nervo obturatório exc eto o pectíneo que é suprido pelo nervo femoral. (C) Obturador externo. no terço superomedial da coxa.

também é um forte extensor da pelve (ex: ao levantar-se de uma posição sentada). assim como a veia femoral passa a ser denominada veia poplítea. sartório. médio e mínimo) e ou tro de rotadores da coxa na articulação do quadril. (C) Músculo iliopsoas. no tendão de um dos músculos da coxa. (D) Músculo reto da coxa.resposta:Gabarito:B Comentário: Este espaço triangular.Assinale a opção que contenha o limite lateral. e termina no hiato adutor. pectíneo. a veia femoral e suas tributárias.Estes músculos possuem uma função principal na articulação do quadril. o nervo femoral e seus ramos. pergunta:O canal adutor ou canal de Hunter possui cerca de 15cm de comprimento e é um túnel fascial estreito na coxa. a veia situando-se atrás da artéria.Este canal fornece uma passagem intermuscular através da qual os vasos femorais seguem para atingir a fossa poplítea.Assinale a opção que contenha esta função: (A) Extensão da coxa na articulação do quadril (B) Flexão da coxa na articulação do quadril (C) Abdução da coxa na articulação do quadril (D) Rotação lateral da coxa na articulação do quadril (E) Adução da coxa na articulação do quadril resposta:Gabarito:D Comentário: Os músculos glúteos consistem em dois grupos. obturador interno. gêmeos e quadrado da coxa). adutor curto e longo. o nervo cutâneo lateral da coxa.Marque a opção que nomeie corretamente o músculo a que pertence este tendão: (A) Adutor curto (B) Sartório (C) Adutor magno (D) Adutor longo (E) Grácil resposta:Gabarito:C Comentário: A partir do hiato adutor a artéria femoral passa a ser denominada artéria poplítea. intermédia e profunda).O grupo superficial é composto pelos músculos Glúteos máximo. pergunta:Os músculos glúteos consistem em um grupo mais superficial e um grupo mais profundo.Além disso. adutor longo. um mais superficial e formado por extensores e abdutores da coxa na articulação do quadril (Glúteo máximo. médio e mínimo. onde se tornam vasos poplíteos. mais profundos (piriforme obturador interno. pectíneo. pergunta:Este músculo é considerado o principal extensor da coxa e quando atua com a sua inserção distal fixa. na face anterior da coxa. pergunta:O canal adutor começa aproximadamente 15cm abaixo do ligamento inguinal.A artéria e veias femorais deixam o canal de Hunter através do hiato adutor. adutor longo e magno. pois ambas entram na fossa poplítea. (B) Músculo vasto medial. grácil. contém a artéria femoral e seus ramos. adutor longo e magno. grácil. posterior e frontais do canal de hunter: (A) Músculo reto da coxa. o ramo femoral do nervo genitofemoral. pergunta:Existe um grupo de músculos da região glútea mais profundo e de menores proporções formados pelos músculos piriforme. (E) Músculo vasto medial. este músculo forma um coxim quadrilátero espesso sobre a tuberosidade isquiática e sua borda inferior localiza-se logo acima da prega glútea. onde o músculo sartório cruza o músculo adutor longo. gêmeos e quadrado da coxa.Assinale a opção que contenha o músculo a qual nos referimos: (A) Glúteo Máximo (B) Glúteo médio . vasos linfáticos e alguns linfonodos inguinais.Assinale o item que possua a função principal destes músculos: (A) Flexão e adução da coxa na articulação do quadril (B) Extensão e abdução da coxa na articulação do quadril (C) Rodar medialmente a coxa na articulação do quadril (D) Rodar lateralmente a coxa na articulação do quadril (E) Nenhuma das opções anteriores resposta:Gabarito:B Comentário: Os músculos intrínsecos do dorso são designados segundo a sua relação com a superfície (lâmina superficial. sartório. resposta:Gabarito:E Comentário: Os vasos femorais entram no canal adutor onde o músculo sartório cruza sobre o músculo adutor longo.

com base neste determina-se os nomes de vasos sangüíneos e nervos como superiores e inferiores os que emergem acima dele e inferiores a ele respectivamente.Este músculo também ajuda a rodar a coxa medialmente. o lado direito é impedido de ceder ao ser o membro direito levantado durante a deambulação.(C) Piriforme (D) Obturador interno (E) Quadrado da coxa resposta:Gabarito:A Comentário: o músculo glúteo máximo além das características relatadas. formada pela espinha ilíaca póstero-superior.Marque a opção que nomeie o músculo em debate: (A) Psoas menor (B) Quadrado lombar (C) Ilíaco (D) Psoas maior (E) Transverso do abdome . (E) O músculo glúteo mínimo e médio impedem a abdução da coxa quando uma pessoa está de pé.Esta condição impede o funcionamento normal do músculo glúteo médio e mínimo.Inversamente. mas é bem pouco usado durante a deambulação e encontra-se relaxado quando a pessoa fica de pé. sendo também conhecida como claudicação do glúteo médio. em atividades como correr e escalar.Marque a opção que contenha o nome deste músculo: (A) Glúteo mínimo (B) Glúteo médio (C) Piriforme (D) Gêmeos (E) Quadrado da coxa resposta:Gabarito:B Comentário: Quando o músculo glúteo médio esquerdo traci ona o lado esquerdo da pelve para baixo.O ponto referencial superficial da borda deste músculo é indicado por uma linha que une a depressão cutânea.Uma marcha semelhante ocorre em pessoas com luxação posterior da articulação do quadril unilateral. pois é o ponto de referência desta região. a pelve inclina-se para aquele lado. os efeitos de sustentação e equilíbrio desses músculos sobre a pelve são perdidos. à borda superior do trocanter maior do fêmur. pergunta:Se os músculos glúteos médio e mínimo são paralisados ou se tornam mais fracos após lesão do nervo glúteo. o músculo glúteo direito permite que o pé esquerdo abandone o solo durante a deambulação. por exemplo.Deixa a pelve através do forame isquiático maior para alcançar sua inserção distal no trocanter maior do fêmur. também ajuda na rotação lateral da coxa. pergunta:O plexo lombar formado pelos ramos ventrais dos nervos L1 a L4 possui intensa relação com um dos músculos da região lombar do corpo humano.Marque a opção que contenha uma afirmação falsa sobre o funcionamento destes músculos: (A) O músculo glúteo mínimo durante a locomoção possui suas ações semelhantes ao glúteo médio. isto é.Quando a coxa está sendo fletida no ato de sentar o músculo glúteo máximo equilibra o movimento através de um relaxamento gradual. pergunta:Este músculo é um potente abdutor da articulação do quadril e desempenha um papel essencial durante a locomoção e é amplamente responsável pela inclinação da pelve.Este músculo possui formato em leque e situa-se na face externa do ílio. pergunta:Este músculo é de estrema importância anatômica na região glútea.Assinale a opção que nomeie corretamente este músculo: (A) Músculo glúteo máximo (B) Músculo quadrado da coxa (C) Músculo obturador interno (D) Músculo glúteo médio (E) Músculo piriforme resposta:Gabarito:E Comentário: O músculo piriforme está situado parcialmente na parede posterior da pelve menor e parcialmente atrás da articulação do quadril. (B) A marcha glútea também é conhecida como claudicação do glúteo médio (C) A marcha glútea é caracterizada por uma inclinação da pelve para o lado afetado a cada passo.Atua quando maior esforço é necessário. resposta:Gabarito:C Comentário: A marcha glútea é caracterizada pela inclinação da pelve para o lado não afetado em cada passo. (D) Quando o nervo glúteo é lesado acontece que quando o pé é levantado do lado normal.Este músculo serve como ponto de referência no trajeto de alguns nervos e deve ser cuidadosamente retirado para estudo desta rede nervosa.

lateralmente a bainha femoral que contém os vasos femorais.Assinale a opção que contenha os nervos que formam o plexo lombar: (A) T11 a L5 (B) L1 a L4 (C) T12 a L3 (D) T11 a L4 (E) L1 a L3 resposta:Gabarito:B Comentário: A questão aborda a bursite bicipitorradial e a descreve perfeitamente. pergunta:Este ramo cutâneo do nervo femoral desce através do trígono femoral. pergunta:Este nervo do plexo lombar desce através do músculo psoas maior.Assinale a opção que contenha o nome do nervo citado: (A) Nervo ilioinguinal (B) Nervo femoral (C) Nervo obturatório (D) Nervo genitofemoral (E) Nervo cutâneo lateral da coxa resposta:Gabarito:B Comentário: O nervo femoral. pergunta:O plexo lombar é uma rede nervosa formada junto com o músculo psoas maior pelos ramos ventrais de nervos. passando entre os músculos sartório e grácil.Perfura a fáscia do psoas. suas causas e suas manifestações clínicas porque são situações muito comuns.Marque a opção que contenha o nome do nervo lombar que possuiu seu trajeto descrito pela questão: (A) Nervo cutâneo lateral da coxa (B) Nervo femoral (C) Nervo genitofemoral (D) Nervo iliohipogástrico (E) Nervo obturatório resposta:Gabarito:E Comentário: O nervo occipital menor supre a pele do pescoço e do couro cabeludo atrás da orelha e a parte superior da orelha. no abdome. cruza a articulação sacroilíaca.É importante conhecermos as bursites. cruza a articulação sacroilíaca. L3 e L4 e em alguns casos é acompanhado por um nervo obturatório acessório formado por ramos de L3 e L4. pergunta:Este nervo do plexo lombar perfura o psoas maior e corre em sentido inferolateral em seu interior para imergir entre ele e o ilíaco.Marque a alternativa que contenha o grupamento muscular suprido pelo nervo obturatório: (A) Músculos adutores da coxa (B) Músculos extensores da coxa (C) Músculos flexores da coxa (D) Músculos glúteos (E) Músculos abdutores da coxa resposta:Gabarito:A Comentário: O nervo obturatório desce através do músculo psoas m aior.Assinale a opção que nomeie este nervo descrito: (A) Nervo cutâneo lateral da coxa (B) Nervo genitofemoral (C) Nervo obturatório (D) Nervo ilioinguinal (E) Nervo safeno .Este nervo acompanha a artéria femoral no canal adutor e torna -se superficial. deixando sua borda medial na abertura superior da pelve.resposta:Gabarito:D Comentário: O músculo psoas maior é um músculo fusiforme espesso e longo e situa-se lateralmente às vértebras lombares. passa lateral aos vasos ilíacos internos e ureter e entra na pelve menor. passa lateral aos vasos ilíacos internos e ureter e entra na pelve menor. pergunta:O nervo obturatório é formado por ramos de L2. supre os músculos psoas e ilíaco e na coxa ele inerva os músculos extensores.Perfura a fáscia do psoas. deixando sua borda medial na abertura superior da pelve. logo acima do ligamento inguinal.Psoas é uma palavra grega que significa músculo do lombo (os açougueiros referem -se ao músculo psoas maior como filé).

redondo menor. perna e pé pergunta:Este nervo origina-se das divisões dorsais dos segmentos L2 e L3 e passa através do músculo psoas maior.Deixa a pelve através da parte superior do forame isquiático maior. esfíncter da uretra e fibras anulares do esfíncter externo do ânus.resposta:Gabarito:E Comentário: O nervo safeno quando está superficialmente segue para frente e para baixo a fim de suprir a pele e fáscia das faces anterior e medial do joelho.Segue lateralmente entre os músculos glúteos médio e mínimo com o ramo profundo da artéria glútea superior.Marque a opção que contenha a estrutura citada pelo enunciado: (A) Forame isquiático menor (B) Forame obturado (C) Posterior do ligamento inguinal (D) Forame isquiático maior (E) Fossa ísquioanal resposta:Gabarito:D Comentário: Os quatro músculos do manguito rotador são: Subescapular. os nervos cutâneos perfurantes e aqueles que suprem o diafragma pélvico pergunta:Os principais nervos do plexo sacral situam-se externamente a fáscia pélvica parietal e todos os seus ramos deixam a pelve através de uma estrutura. infra-espinhoso e supraespinhoso. que convergem sobre a superfície anterior do músculo piriforme e é o mais espesso do corpo. acima do músculo piriforme com a artéria glútea superior. pergunta:Este nervo sacral para os membros inferiores é formado pelos ramo s ventrais de L4 a S3.Corre em sentido inferolateral sobre o músculo ilíaco e entra na coxa at rás do ligamento inguinal. onde se relaciona intimamente com a face anterior de um dos músculos desta região pélvica. exceto o nervo para o músculo piriforme. medialmente à espinha ilíaca ântero-superior. emergindo acima da crista ilíaca. exceto o supra-espinhoso são rotadores do úmero.Todos os músculos do manguito rotador.Assinale a opção que contenha o nervo sacral descrito: (A) Nervo pudendo (B) Nervo glúteo superior (C) Nervo isquiático (D) Nervo coccígeo (E) Nervo femoral resposta:Gabarito:C Comentário: O nervo pudendo supre estruturas do períneo tais como a genitália.L5 e S1.Ma rque a opção que nomeie corretamente este nervo: (A) Nervo glúteo inferior (B) Nervo pudendo (C) Nervo isquiático (D) Nervo glúteo superior (E) Nervo obturatório interno .Assinale o item que nomeie o nervo que possuiu seu trajeto descrito pelo enunciado: (A) Nervo cutâneo lateral da coxa (B) Nervo femoral (C) Nervo genitofemoral (D) Nervo obturatóri o (E) Nervo ilioinguinal resposta:Gabarito:A Comentário: O nervo cutâneo lateral da coxa supre a região da pele sobre a face anterolateral da coxa. pergunta:Este nervo origina-se das divisões posteriores dos ramos ventrais de L4.Assinale a opção que contenha o músculo citado pela questão: (A) Glúteo médio (B) Piriforme (C) Levantador do ânus (D) Obturador interno (E) Coccígeo resposta:Gabarito:B Comentário: Os principais nervos deste plexo situam-se externamente à fáscia pélvica parietal e todos os seus ramos deixam a pelve através do forame isquiático maior. pergunta:O plexo sacral é um grande plexo nervoso e está situado na pelve menor.

Aponte a opção que contenha o nome correto do nervo descrito: (A) Nervo glúteo inferior (B) Nervo do músculo quadrado da coxa (C) Nervo obturador interno (D) Nervo isquiático (E) Nervo glúteo superior resposta:Gabarito:A Comentário: O nervo glúteo inferior acompanha a artéria glútea inferior e divide-se em vários ramos que suprem o músculo glúteo máximo sobrejacente pergunta:O nervo isquiático é na verdade formado por dois nervos que são revestidos pela mesma bainha de tecido conjuntivo (epineuro).Neste músculo é que se situa o ponto nervoso do pescoço.resposta:Gabarito:D Comentário: O nervo mediano não possui ramos na axila ou no braço.Assinale a opção que contenha este nervo: (A) Nervo cutâneo posterior da coxa (B) Nervo pudendo (C) Nervo do músculo quadrado da coxa (D) Nervo obturatório interno (E) Nervo glúteo inferior resposta:Gabarito:C Comentário: O nervo frênico entra no tórax cruzando a origem da artéria torácica interna entre a artéria e veia subclávias.Este nervo deixa a pelve com os nervos e vasos glúteos inferiores e o nervo isquiático. mas ocasionalmente se separam quando deixam a pelve.Assinale a opção que contenha o nome dos dois nervos que formam o nervo isquiático: (A) Nervo cutâneo lateral da coxa e cutâneo posterior da coxa (B) Nervo ilioinguinal e iliohipogástrico (C) Nervo tibial e fibular comum (D) Nervo pudendo e obturador interno (E) Nervo femoral e genital resposta:Gabarito:C Comentário: O plexo cervical situa-se profundamente à veia jugular interna e o músculo ECOM. os das divisões anteriores de S2 e S3 suprem a pele do períneo. pergunta:Este nervo origina-se das divisões anteriores dos ramos ventrais de S2. abaixo do músculo piriforme. retornando à pelve. outros ramos continuam para baixo onde suprem a pele da face posterior da coxa e a parte proximal da perna.Ele segue profundamente no antebraço para suprir a maior parte dos músculos na face anterior do antebraço. abaixo do músculo piriforme e superficialmente ao nervo isquiático.É a estrutura mais medial a atravessar o forame isquiático maior.Também envia ramos articulares para o cotovelo. suprem a pele da parte inferior da nádega.Passa lateralmente ao ligamento sacro-espinhal.Marque a o pção que nomeie o nervo descrito pelo enunciado da questão: (A) Nervo cutâneo posterior da perna (B) Nervo obturador interno (C) Nervo do músculo quadrado da coxa (D) Nervo pudendo (E) Nervo coccígeo resposta:Gabarito:A Comentário: As fibras provenientes das divisões posteriores de S1 e S2. pergunta:Este nervo origina-se das divisões anteriores dos ramos ventrais de L4.Assinale a opção que contenha o nervo descrito: (A) Nervo glúteo inferior (B) Nervo obturatório interno (C) Nervo pudendo .S1 e S2. ele d eixa a pelve através da parte inferior do forame isquiático maior. S3 e S4. L5 e S1 e deixa a pelve profundamente (anterior) ao nervo isquiático e músculo obturador interno e passa na face posterior da articulação do quadril.Estes dois nervos separam-se na metade da coxa ou ainda mais abaixo. pergunta:Este nervo origina-se das divisões posteriores dos ramos ventrais de L5. uma designação clínica para a região ao redor do ponto médio da borda posterior do ECOM pergunta:Este nervo se origina das divisões posteriores dos ramos ventrais de S1 e S2 e das divisões anteriores de S2 e S3. através do forame isquiático menor.

provavelmente lesou o nervo: (A) Femoral (B) Fibular superficial (C) Tibial (D) Fibular profundo (E) Isquiático resposta:Gabarito:C Comentário: O nervo tibial supre os músculos flexores e o nervo fibular comum supre os músculos extensores e abdutores. pergunta:As injeções glúteas devem ser administradas com muito cuidado. o nervo pudendo retorna à pelve através do forame isquiático menor para suprir essas estruturas do períneo. pergunta:A neuralgia conhecida como coxa do motorista é causada pela compressão de que grupo de nervos: (A) Glúteos (B) Cutâneos da coxa (C) Braquiais (D) Fibular comum e tibial (E) Lombares resposta:Gabarito:A Comentário: A coxa de motorista é uma neuralgia ciática causada por pressão dos nervos glúteos resultante do uso do acelerador ao guiar um carro ou caminha. pergunta:O indivíduo que apresenta paralisia dos músculos flexores da perna e dos músculos intrínsecos da região plantar. caracterizada por uma marcha com o pé muito elevado.Em qual porção da nádega deve ser administrada a injeção para que tenhamos maior segurança: (A) Superolateral (B) Superomedial (C) Inferolateral (D) Inferomedial (E) Não existe porção segura resposta:Gabarito:A Comentário: A região superolateral da nádega. tais como a genitália.Entra no pé atrás do maléolo lateral e supre a pele ao longo da borda lateral do pé e na face lateral do quinto dedo. tais como o isquiático.O controle das viagens é projetado de modo a evitar esta condição.Marque a opção que contenha o nervo lesado: (A) Nervo isquiático (B) Nervo tibial (C) Nervo sural (D) Nervo fibular comum (E) Nervo cutâneo posterior da coxa . pois esta é uma região em que nervos.incapacidade de realizar flexão plantar do pé ou de flexão dos dedos e perda da sensibilidade na região plantar.A agulha deve penetrar suficientemente para atr avessar o espesso tecido subcutâneo e entrar no músculo glúteo médio. isto é. e vasos podem ser lesados. pergunta:A condição do pé caído. onde não é recoberto pelo glúteo máximo.(D) Nervo cutâneo posterior da coxa (E) Nervo glúteo superior resposta:Gabarito:C Comentário: O nervo sural supre a pele na parte lateral e posterior do terço inferior da perna. na qual o pé é levantado mais que o necessário de forma que os dedos não toquem o chão é resultado da lesão de um dos ner vos da perna que possibilita a dorsiflexão e eversão do pé. acima do tubérculo da crista ilíaca é a região mais segura de modo a evitar vasos e nervos da região. pergunta:As estruturas do períneo. esfíncter da uretra e fibras anulares do esfíncter externo do ânus são supridas por qual nervo: (A) Nervo coccígeo (B) Nervo pudendo (C) Nervo isquiático (D) Nervo obturatório interno (E) Nervo Glúteo inferior resposta:Gabarito:B Comentário: Após passar lateralmente ao ligamento sacro-espinhal.

laringe e glândula tireóide.Profundamente a essas estruturas está a fáscia pré -vertebral que recobre os músculos pré-vertebrais. pergunta:Este é o menor dos dois ramos terminais do nervo tibial. ao redor da porção média da face posterior da perna. flexor curto dos dedos. uma parte do nervo frênico.Este nervo termina próximo às bases dos ossos metatársicos.Este nervo termina subdividindo-se em ramos superficial e profundo.Assinale o item que contenha o nervo citado: (A) Nervo fibular comum (B) Nervo tibial (C) Nervo cutâneo lateral da sura (D) Nervo cutâneo posterior da coxa (E) Nervo fibular superficial resposta:Gabarito:A Comentário: O nervo frênico acessório. e o músculo lumbrical mais medial.Assinale a opção que nomeie corretamente o nervo descrito: (A) Nervo sural (B) Nervo plantar medial (C) Nervo plantar lateral (D) Nervo safeno (E) Nervo fibular profundo resposta:Gabarito:B Comentário: O nervo plantar medial termina próximo às bases dos ossos metatársicos.Assinale a opção que contenha o nome do nervo descrito: (A) Nervo plantar medial (B) Nervo plantar lateral (C) Nervo sural (D) Nervo safeno (E) Nervo tibial resposta:Gabarito:C Comentário: O nervo sural supre a pele na parte lateral e posterior do terço inferior da perna. através da divisão em três ramos sensitivos e ram os motores para o músculo abdutor do hálux.resposta:Gabarito:D Comentário: O assoalho do trígono cervical anterior é formado principalmente pela faringe. entre a primeira e segunda camadas de músculos plantares.Assinale o item que contenha esta estrutura e a localização da passagem desta veia: (A) Posterior ao maléolo medial (B) Posterior ao maléolo lateral (C) Anterior ao maléolo medial (D) Anterior ao maléolo lateral (E) Posterior ao calcâneo . que é o maior dos dois ramos terminais do nervo t ibial. mas pode não se unir até que esteja no tórax.Os ramos su perficiais e profundos do nervo plantar lateral enviam ramos motores para os músculos da região plantar que não são supridos pelo nervo plantar medial. próximo à primeira costela. onde se une ao ramo comunicante fibular do nervo fibular comum.Assinale a alternativa que nomeie o nervo citado: (A) Nervo fibular profundo (B) Nervo safeno (C) Nervo plantar medial (D) Nervo plantar lateral (E) Nervo sural resposta:Gabarito:D Comentário: O ramo superficial divide-se em dois nervos digitais que enviam ramos cutâneos para o quinto dedo e metade do quarto.Origina-se profundamente ao retináculo dos músculos flexores e ao músculo abdutor do hálux e segue em sentido anterolateral.Perfura a fáscia profunda. pergunta:Este.Entra no pé atrás do maléolo lateral e supre a pele ao longo da borda lateral do pé e na face lateral do quinto dedo. pergunta:Este nervo geralmente forma-se na fossa poplítea e desce entre as duas cabeças do músculo gastrocnêmio. pergunta:A veia safena magna é formada na face medial do arco venoso dorsal do pé e ascende por uma estrutura óssea do membro inferior. passa profundamente ao músculo abdutor do hálux e segue anteriormente entre este músculo e o flexor curto dos dedos. pergunta:Este nervo é o menor ramo do nervo isquiático e situa-se em posição lateral.Este nervo no final de seu trajeto divide-se em dois ramos que são responsáveis pela sensibilidade anterolateral da perna e do dorso do pé. une -se a este na raiz do pescoço. flexor curto do hálux.

da borda lateral do pé e da região plantar. pergunta:Quando as válvulas das veias perfurantes do membro inferior tornam -se incompetentes (isto é. causam um fluxo inverso através d as veias perfurantes. que normalmente impulsionam o sangue para cima.Este procedimento denominado dissecção da veia safena é usado para introduzir um cateter para a administração de substâncias.Conseqüentemente. dilatadas de forma que suas válvulas não fecham a luz).Marque a opção que contenha a denominação correta destas veias: (A) Veias circunflexas (B) Veias varicosas (C) Veias safenas acessórias (D) Veias perfurantes (E) Veias cutâneas resposta:Gabarito:D Comentário: Estas veias perfurantes são dispostas em três grupos: um relacionado ao canal adutor. outro relacionado aos músculos da panturrilha na parte posterior da perna e o terceiro imediatamente proximal à articula ção do joelho.resposta:Gabarito:C Comentário: É clinicamente importante saber que a veia safena magna situa-se anteriormente ao maléolo medial. pergunta:A veia safena magna se anastomosa principalmente com outra importante veia que drena o membro inferior. pois em certas pessoas como lactentes. pergunta:A veia safena parva é formada em uma estrutura óssea localizada na articulação do tornozelo. pessoas obesas ou em pacientes em choque cujas veias estão colapsadas. as contrações dos músculos da panturrilha. a veia safena magna sempre pode ser localizada fazendo-se uma incisão cutânea anteriormente ao maléolo medial. estas veias passam para uma condição denominada corretamente de: (A) Veia tortuosa (B) Veia flácida (C) Veia varicosa (D) Veia tributária (E) Veia anastomótica resposta:Gabarito:C Comentário: Nesta condição. pergunta:Como é denominada a inflamação de uma veia com formação de coágulo. as veias perfurantes e superficiais tornam-se dilatadas. ausência por variação anatômica ou por cirurgias. estas an astomoses são muito úteis para a drenagem do membro inferior e tornam -se caminhos alternativos para o sangue venoso.Aponte o item que contenha o nome desta estrutura e a local ização correta onde esta veia é formada: (A) Posterior do maléolo lateral (B) Anterior do maléolo lateral (C) Posterior do maléolo medial (D) Anterior do maléolo medial (E) Posterior ao osso calcâneo resposta:Gabarito:A Comentário: A veia safena parva é constituída pela união de veias originadas da parte lateral do arco venoso dorsal. do dorso do quinto dedo. pergunta:A veia safena magna possui veias anastomosantes que são clinicamente importantes por conectarem as veias superficiais às veias profundas.Marque o item que contenha o nome correto desta veia citada: (A) Veia femoral (B) Veia safena parva (C) Veia cutânea lateral da coxa (D) Veias cutâneas mediais da coxa (E) Veia epigástrica superficial resposta:Gabarito:B Comentário: Em caso de obstruções. que destrói as válvulas das veias profundas? (A) Tromboembolismo (B) Trombose (C) Tromboflebite (D) Varise (E) Embolia resposta:Gabarito:C .

Além disso.A artéria glútea superior anastomosa-se com as artérias glútea inferior e circunflexa medial da coxa. pergunta:Em alguns casos é necessária a obliteração da artéria femoral. pergunta:Esta artéria fornece o principal suprimento para o membro inferior e situa-se atrás da fáscia profunda.Entretanto o sangue é suprido para o membro inferior através da união entre as artérias circunflexas medial e lateral da coxa com a artéria glútea inferior superiormente e a primeira artéria perfurante inferiormente. pois seu trajeto será interrompido à medida que os ramos da artéria pulmonar diminuem progressivamente.Assinale a opção que contenha o nome da artéria descrita: (A) Artéria pudenda interna (B) Artéria glútea inferior (C) Artéria femoral (D) Artéria glútea superior (E) Artéria ilíaca comum resposta:Gabarito:D Comentário: O ramo superficial da artéria glútea sup erior supre o músculo glúteo máximo e a pele sobre esta inserção proximal do músculo. ou entre este e o septo intermuscular e o músculo tibial posterior.Esta anastomose é chamada de: (A) Anastomose circunflexa (B) Anastomose de Hunter (C) Anastomose femoral (D) Anastomose cruciforme (E) Anastomose perfurant e resposta:Gabarito:D Comentário: O conhecimento da anastomose cruciforme é de grande importância na clínica devido à possibilidade de a artéria femoral ser obliterada por aterosclerose ou por outra patologia como a doença vascular obliterante. .O ramo profundo supre os músculos glúteo médio. Lea divide o trígono femoral em duas partes. glúteo mínimo e tensor da fáscia lata. pergunta:As estruturas do compartimento anterior da perna são supridas por qual artéria? (A) Artéria femoral (B) Artéria femoral profunda (C) Artéria tibial anterior (D) Artéria fibular (E) Artéria tibial posterior resposta:Gabarito:C Comentário: A artéria tibial anterior é o menor dos ramos terminais da artéria poplítea. pergunta:Assinale a opção que contenha o nome da artéria cujos ramos suprem o músculo adutor magno e do jarrete: (A) Artéria femoral (B) Artéria tibial posterior (C) Artéria tibial anterior (D) Artéria fibular (E) Artéria femoral profunda resposta:Gabarito:E Comentário: A artéria fibular desce obliquamente em direção à fíbula e passa ao longo de sua face medial no músculo flexor longo do hálux.Se um trombo se fragmenta ele pode causar tromboembolismo pulmonar. pergunta:Este vaso curto é o maior ramo da artéria ilíaca interna. começa ao nível da borda inferior do músculo poplíteo e termina na articulação do tornozelo.Comentário: A tromboflebite está também associada ao retorno de grande parte do sangue da perna para a veia femoral através das veias superficiais.Ele segue para trás entre o tronco lombossacral e o primeiro ramo ventral sacral. acima do músculo piriforme dividindo-se em dois ramos.Isso faz com que se tornem tortuosas e dilatadas.Assinale a opção que contenha corretamente o nome desta artéria: (A) Artéria femoral (B) Artéria tibial posterior (C) Artéria tibial anterior (D) Artéria fibular (E) Artéria femoral profunda resposta:Gabarito:A Comentário: Com a coxa ligeiramente fletida e rodada lateralmente. a artéria femoral segue do ponto médio da sínfise púbica e a espinha ilíaca ântero-superior e ao longo dos dois terços superiores de uma linha que vai em direção ao tubérculo adutor.Ela deixa a pelve através do forame isquiático maior.

onde a artéria passa sobre os ossos navicular e cuneiforme imediatamente lateral ao tendão do músculo extensor longo do hálux.Estas veias unem-se para formar qual estrutura? (A) Arco venoso dorsal (B) Veia safena parva (C) Veia safena magna (D) Veias plantares profundas (E) Veias perfurantes resposta:Gabarito:A Comentário: As veias deixam o arco venoso dorsal do pé e convergem medialmente para formar a veia safena magna e lateralmente para formar a veia safena parva. (B) Manipulação apurada de objetos. osso em forma de leque possui vários acidentes ósseos geralmente associados a passagem de nervos e inserções de músculos. pergunta:As veias digitais dorsais correm ao longo das bordas dorsais de cada dedo para unirem-se e formarem as veias digitais dorsais comuns. estas regiões possuem três funções básicas. pergunta:O membro inferior é constituído de quatro partes principais: o quadril. particularmente em casos suspeitos de claudicação intermitente. a coxa. seu maior ramo.Assinale a opção que nomeie corretamente esta artéria: (A) Artéria arqueada (B) Artéria nutrícia da fíbula (C) Artéria circunflexa fibular (D) Artéria tibial anterior (E) Artéria fibular resposta:Gabarito:E Comentário: A artéria tibial posterior segue profundamente à origem do músculo sóleo. proteção de órgãos torácicos e locomoção. (D) Sustentação do peso. locomoção e equilíbrio.Assinale a opção que contenha o nome da artéria descrita: (A) Artéria dorsal do pé (B) Artéria plantar medial (C) Artéria plantar lateral (D) Artéria arqueada (E) Artéria plantar profunda resposta:Gabarito:A Comentário: A palpação do pulso da artéria dorsal do pé é essencial. segue em sentido inferomedial na superfície posterior do músculo tibial posterio r. (E) Inserção para músculos e ligamentos.O pulso da artéria dorsal do pé geralmente pode ser palpado no dorso do pé. manipulação apurada de objetos e sustentação do peso.Para a anatomia não é apenas necessário conhecer os relevos e localizações . e após emitir a artéria fibular. seu maior ramo.Origina -se abaixo da borda distal do músculo poplíteo e o arco tendíneo do músculo sóleo. resposta:Gabarito:D Comentário: A questão aborda a função do membro inferior no organismo que são basicamente três.Assinale o item que contenha essas funções: (A) Sustentação do peso.Assinale a opção que contenha acidentes ósseos do íleo: . (C) Locomoção.Assinale a opção que nomeie esta artéria: (A) Artéria femoral (B) Artéria fibular (C) Artéria poplítea (D) Artéria tibial anterior (E) Artéria tibial posterior resposta:Gabarito:E Comentário: A artéria tibial posterior segue profundamente à origem do músculo sóleo. profundamente ao retináculo inferior dos músculos extensores. sustentação. a perna e o pé. pergunta:Esta artéria é o maior ramo e mais importante da artéria tibial posterior. e após emitir a artéria fibular. proteção de órgãos torácicos e manutenção do equilíbrio. manutenção do equilíbrio e locomoção. até a extremidade posterior do primeiro espaço interósseo. segue em sentido inferomedial na superfície posterior do músculo tibial posterior. locomoção e conexão do esqueleto axial com o membro superior.Origina-se a meio caminho entre os maléolos e segue em sentido anteromedial.pergunta:Esta artéria é um dos ramos terminais da artéria poplítea e se gue profundamente à origem do músculo sóleo e seus ramos terminais são as artérias plantares medial e lateral. pergunta:O ílio.mas principalmente é necessário conhecer suas funções. pergunta:Este vaso é a continuação direta da artéria tibial anterior distalmente à articulação do tornozelo.

incisura da fíbular e tubérculo de Gerdy. (E) Crista ilíaca e espinha ilíaca póstero-superior. pois possui pequena ou nenhuma função de sustentação de peso. maléolo medial e margem interóssea. (B) Linha intertrocantérica. resposta:Gabarito:B Comentário: A questão cria um quadro descritivo de lesão do menisco m edial que poderá ser confirmado através de uma artroscopia na articulação do joelho. resposta:Gabarito:D Comentário: A porção supraclavicular do plexo braquial situa-se na frente do músculo escaleno médio e na primeira digitação do músculo serrátil anterior. (D) Eminência íliopúbica e espinha ilíaca póstero-inferior. entre eles e as cartilagens costais e músculos intercostais internos. cabeça e margem interóssea. (E) Face sinfisal. linha glútea posterior e tuberosidade glútea. incisura do acetábulo e linha arqueada. tuberosidade glútea. (C) Espinha ilíaca antero-superior e espinha ilíaca póstero-superior. face sinfisal. linha pectínea e crista obturatória. (D) Esporão. um que se localiza posteriormente no fundo de uma depressão na pele a 4 cm ao plano mediano e outra ao nível da quarta vértebra lombar(ponto mais elevado palpado posteriormente). maléolo lateral e incisura fibular. (E) Face poplítea. linha vertical e epicôndilo lateral. epicôndilo lateral. face articular inferior com o tálus e cabeça.Os vasos torácicos internos situam -se anteriormente a eles.Os dois pontos a serem conhecidos são a crista ilíaca e a espinha ilíaca póstero-superior. (C) Espinha isquiática.A altura de uma pes soa é aproximadamente quatro vezes maior que o comprimento de seu fêmur. resposta:Gabarito:E Comentário: A pergunta se refere à aplicação dos conhecimentos anatômicos na clínica. pergunta:No quadril existe uma estrutura óssea que sustenta o corpo quando estamos sentados e pode ser palpada acima da porção medial da prega glútea. linha pectínea e fóvea da cabeça. resposta:Gabarito:A Comentário: A pergunta se refere ao relevo ósseo do íleo que é um osso articulado com o sacro e é ponto de inserção para músculos glúteos sendo de grande importância o conhecimento deste relevo. (C) Face sinfisal. pergunta:O ílio é um osso de grande utilidade na clínica para a obtenção de fragmentos óssoes para enxertos ósseos e também de obtenção de medula óssea. (C) Maléolo medial. linha glútea inferior e tubérculo abdutor. (B) Face articular do maléolo lateral.Marque a opção que contenha estes dois pontos do ílio: (A) Linha glútea superior e espinha ilíaca ântero-superior. (B) Asa.Marque a opção com o nome da estrutura de que est amos falando: (A) Tubérculo púbico. face auricular para o sacro e linha arqueada. pergunta:Durante uma partida de futebol um jogador escorregou e caiu forçando o pé a uma posição extremamente invertida sofrendo uma fratura de Pott. asa e linha pectínea (D) Linha glútea posterior.Assinale a opção que contenha apenas acidentes ósseos do fêmur: (A) Tubérculo adutor.(A) Linha glútea anterior.Marque a opção que contenha acidentes ósseos da fíbula: (A) Tubérculo de Gerdy. (D) Côndilo lateral. linha áspera. linha arqueada. (E) Maléolo lateral.Sua porção infraclavicular está localizada na axila.Assinale o item que contenha a melhor descrição da lesão: (A) Tálus inclinado rompendo maléolo medial. (B) Asa do íleo e tuberosidade ilíaca. linha glútea inferior e crista obturatória. (B) Tuberosidade isquiática. resposta:Gabarito:E Comentário:Os músculos transversos do tórax são contínuos inferiormente com o músculo transverso do abdome. linha do músculo sóleo e esporão. (D) Espinha ilíaca póstero-inferior. (C) Crista intertrocantérica.tal como o esterno . tais como seus níveis e identificações de depressões no corpo. para a obtenção de medula óssea no corpo humano e também para a remoção de fragmentos ósseos para enxerto.Geralmente utilizam -se dois pontos.O ílio é um osso importante. . pergunta:A fíbula (alfinete) é o osso lateral da perna e tem como principal função a fixação de músculos. (E) Ramo inferior do osso púbico. mais forte e mais pesado do corpo humano. em que se injetará ar ou material radiopaco antes de tirar a radiografia pergunta:O fêmur é o osso mais longo.

(C) Fratura de tálus e calcâneo. eminência intercondilar e face articular inferior com o tálus. pergunta:Dois músculos atuam na flexão da coxa. como. linha áspera. linha do sóleo . fossa ilíaca asa do sacro e ligamentos sacroilíacos anteriores e insere-se no tendão do músculo psoas maior e corpo do fêmur. na articulação do quadril e na estabilização desta articulação. abduzir e rodar lateralmente a coxa na articulação do quadril e fletir a perna na articulação do joelho. entre elas a de. face articular inferior com o tálus e área intercondilar anterior. (E) Fratura exposta da tíbia também conhecida como frat ura de pára-choque.Atuando inferiormente.(B) Fratura de tíbia e fíbula em seus terços médios. resposta:Gabarito:B Comentário: A questão aborda os acidentes ósseos da escápula importantes em questões de origem e inserções de músculos. sulco do tendão do músculo tibial posterior e tubérculo de Gerdy.A lâmina profunda de sua bainha funde-se à face anterior da cápsula da articulação do quadril. (E) Eminência intercondilar . O músculo ilíaco origina-se da crista ilíaca. isto causa laceração dos ligamentos do tornozelo e inclinação vigorosa do tálus contra o maléolo lateral. fletir.Este tipo de fratura é comum em esportes e caracteriza -se por queda forçando o pé a uma posição muito invertida. pergunta:Este músculo é o mais superficial na face anterior da coxa e possui várias funções. pergunta:O músculo tensor da fáscia lata situa-se na face lateral da coxa. epicôndilo lateral e tuberosidade da tíbia. tubérculo de Gerdy. (D) Linha do sóleo. durante a posição de cócoras. rompendo-o por cisalhamento. maléolo lateral. linha áspera . (D) Tálus inclinado vigorosamente contra o maléolo lateral. por exemplo. que formam sua bainha.Estes músculos são importantes na manutenção da postura ereta na articulação do quadril. (C) Tuberosidade da tíbia.Marque a opção que nomeie este músculo: (A) Músculo sartório (B) Músculo quadríceps femoral (C) Músculo tensor da fáscia lata (D) Músculo psoas maior (E) Músculo ilíaco resposta:Gabarito:A Comentário: O nervo cutâneo later al da coxa supre a região da pele sobre a face anterolateral da coxa.Assinale a opção que contenha corretamente acidentes do relevo da tíbia: (A) Sulco do músculo flexor longo dos dedos. elevando -o da posição de decúbito para a posição sentada. incluído entre duas lâminas de fáscia lata. abaixo do trocanter menor.O músculo psoas maior origina-se das faces das vértebras T12 a L5 e discos intervertebrais entre ela e se insere no Trocanter menor do fêmur. (B) Maléolo medial. também flete o tronco sobre a coxa e roda o tronco para o lado oposto.Assinale a opção que nomeie este par de músculos: (A) Músculo tensor da fáscia lata e sartório (B) Músculo psoas maior e ilíaco (C) Músculo psoas menor e quadríceps (D) Músculo quadríceps e psoas maior (E) Músculo ilíaco e tensor da fáscia lata resposta:Gabarito:B Comentário: O músculo iliopsoas é composto pelos músculos ilíaco e psoas maior. pergunta:A tíbia é o segundo maior osso do esqueleto e está situado na face anteromedial da perna e possui um relevo muito rico em acidentes. rompendo-o por cisalhamento.Atuando inferiormente estes músculos fletem o tronco. sendo considerados músculos posturais antigravitacionais. tuberosidade glútea e sulco da inserção do tendão do músculo semimembranáceo. . trajeto de vasos e nervos e ajuda o aluno a ver a anatomia de forma integrada. resposta:Gabarito:D Comentário: A fratura de Pott é uma fratura de fíbula que vai de 2 a 6 cm proximais à extremidade distal do maléolo lateral.Marque a opção que não contenha uma das funções do músculo tensor da fáscia lata: (A) Tensiona o tracto iliotibial (B) Possibilita o glúteo máximo manter a articulação do joelho estendida (C) Estabiliza o tronco sobre a coxa na posição sentada (D) Equilibra a tração posterior do músculo glúteo máximo sobre o tracto iliotibial (E) Flete a coxa na articulação do quadril resposta:Gabarito:E Comentário: O nervo genitofemoral origina-se das divisões ventrais dos segmentos L1 e L2 e perfura a face anterior do músculo psoas maior e a fáscia ilíaca.

(D) Adutor curto. medial e lateral do trígono femoral respect ivamente: (A) Músculo cremáster. no terço superomedial da coxa. grácil.Assinale a opção que contenha corretamente o limite superior.Este músculo é dividido em quatro porções. pergunta:O canal adutor ou canal de Hunter possui cerca de 15cm de comprimento e é um túnel fascial estreito na coxa. semimembranáceo.Este canal fornece uma passagem intermuscular através da qual os vasos femorais seguem para atingir a fossa poplítea. grácil. (B) Adutor longo. (D) Ligamento inguinal. adutor longo e quadrado da coxa. borda lateral do músculo adutor longo e borda lateral do músculo grácil. o maior músculo do corpo e recobre quase toda a face anterior e as laterais do fêmur. com o joelho parcialmente fletido e lhe é solicitado a estender seu joelho contra a resistência. (C) Obturador externo. grácil e reto femoral. . vasto lateral. posterior e frontais do canal de hunter: (A) Músculo reto da coxa. grácil e pectíneo. (C) Músculo iliopsoas. pectíneo. (B) Pectíneo. (C) Glúteo máximo. (B) Ligamento inguinal. adutor longo. sartório.Foi observado que o paciente não conseguiu passar e neste teste e quando deambulava. borda lateral do músculo adutor magno e borda medial do músculo sartório. vasto intermédio e vasto medial.Seu principal conteúdo é representado pelos vasos femorais e ramos do nervo femoral.Este músculo pode ser considerado um músculo intercostal e suas ações estão dentro desta classificação. borda medial do músculo adutor magno e borda medial do músculo grácil. glúteo médio.Anteriormente. a veia femoral e suas tributárias. sartório.pergunta:O músculo quadríceps femoral é o grande extensor da perna. (D) Reto femoral. resposta:Gabarito:D Comentário: Todas as principais características do músculo subcostal estão cont idas no enunciado da questão. contém a artéria femoral e seus ramos. pergunta:Um paciente é testado em decúbito dorsal.Assinale a opção que contenha o limite lateral.Apresenta-se como uma depressão quando a coxa é fletida ativamente na articulação do quadril. (E) Semitendíneo. pectíneo. adutor longo e magno. clinicamente importante. semimembranáceo e vasto intermédio. adutor magno e semitendíneo. adutor longo e adutor curto. o nervo cutâneo lateral da coxa. tensor da fáscia lata. adutor magno. borda medial do músculo adutor longo e borda medial do músculo sartório. glúteo mínimo e piriforme.Assinale a opção que contenha pelo menos três músculos adutores da coxa: (A) Pectíneo. adutor longo e magno. (D) Músculo reto da coxa. na face anterior da coxa. pergunta:A principal ação do grupo medial de músculos é a adução da coxa. (E) Músculo vasto medial. onde se tornam vasos poplíteos. adutor curto e longo. (E) Adutor magno.Neste caso o paciente deambula com dificuldade e comprime a extremidade distal da sua coxa para evitar a flexão da articulação do joelho. (B) Músculo vasto medial. (E) Tubérculo púbico.Notamos que a função de extensão da perna está prejudicada.Assinale a opção que contenha as quatro porções do músculo quadríceps femoral: (A) Sartório. pergunta:O trígono femural é um espaço subfascial triangular. ele comprimia a extremidade distal da sua coxa para evitar a flexão da articulação do joelho.Marque a opção que contenha o músculo que provavelmente está paralisado: (A) Músculo tensor da fáscia lata (B) Músculo Grácil (C) Músculo quadríceps femoral (D) Músculo sartório (E) Músculo adutor magno resposta:Gabarito:C Comentário: O caso clínico descreve claramente o quadro de um paciente com paral isia do músculo quadríceps femoral. resposta:Gabarito:C Comentário: Os músculos intercostais externos são contínuos inferiormente com os músculos oblíquos externos da parede anterolateral do abdome. bíceps femoral e tensor da fáscia lata. o nervo femoral e seus ramos. vasos linfáticos e alguns linfonodos inguinais. (C) Músculo cremáster. as fibras musculares são substituídas pelas membranas intercostais externas. resposta:Gabarito:B Comentário: Este espaço triangular. o ramo femoral do nervo genitofemoral. borda medial do músculo adutor curto e borda medial do músculo adutor longo. sartório e tensor da fáscia lata.

que destrói as válvulas das veias profundas? (A) Tromboembolismo (B) Trombose (C) Tromboflebite (D) Varise (E) Embolia resposta:Gabarito:C Comentário: A veia axilar. pergunta:Assinale a opção que contenha o nome da artéria cujos ramos suprem o músculo adutor magno e do jarrete: (A) Artéria femoral (B) Artéria tibial posterior (C) Artéria tibial anterior (D) Artéria fibular (E) Artéria femoral profunda resposta:Gabarito:E Comentário: A artéria femoral profunda deixa o trígono femoral entre os músculos pectíneo e adutor longo.Assinale a opção que contenha corretamente o nome desta artéria: (A) Artéria femoral (B) Artéria tibial posterior (C) Artéria tibial anterior (D) Artéria fibular (E) Artéria femoral pr ofunda resposta:Gabarito:A Comentário: Esta artéria além de importante na vascularização da tireóide irriga músculos do pescoço. origina-se na borda inferior do músculo redondo maior e termina na borda lateral da primeira costela. e termina no hiato adutor. onde o músculo sartório cruza o músculo adutor longo. pois ambas entram na fossa poplítea.resposta:Gabarito:E Comentário: Os vasos femorais entram no canal adutor onde o músculo sartório cruza s obre o músculo adutor longo. e desce posteriormente ao último músculo. . no tendão de um dos músculos da coxa.A artéria e veias femorais deixam o canal de Hunter através do hiato adutor. ausência por variação anatômica ou por cirurgias.Ao lado desta artéria localiza-se o nervo laríngeo recorrente. pergunta:A veia safena magna se anastomosa principalmente com outra importante veia que drena o membro inferior. estas anastomoses são muito úteis para a drenagem do membro inferior e tornam -se caminhos alternativos para o sangue venoso. pergunta:Esta artéria fornece o principal suprimento para o membro inferior e situa -se atrás da fáscia profunda. onde se torna a veia subclávia.Marque a opção que nomeie corretamente o músculo a que pertence este tendão: (A) Adutor curto (B) Sartório (C) Adutor magno (D) Adutor longo (E) Grácil resposta:Gabarito:C Comentário: A partir do hiato adutor a artéria femoral passa a ser denominada artéria poplítea.Além disso. continuação da veia basílica.Marque o item que contenha o nome correto desta veia citada: (A) Veia femoral (B) Veia safena parva (C) Veia cutânea lateral da coxa (D) Veias cutâneas mediais da coxa (E) Veia epigástrica superficial resposta:Gabarito:B Comentário: Em caso de obstruções. Lea divide o trígono femoral em duas partes. assim como a veia femoral passa a ser denominada veia poplítea. pergunta:O canal adutor começa aproximadamente 15cm abaixo do ligamento inguinal. pergunta:Como é denominada a inflamação de uma veia com formação de coágulo. emitindo artérias perfurantes que suprem o músculo adutor magno e do jarrete. a veia situando-se atrás da artéria.

pergunta:Em alguns casos é necessária a obliteração da artéria femoral.O ramo profundo supre os músculos glúteo médio.Esta anastomose é chamada de: (A) Anastomose circunflexa (B) Anastomose de Hunter (C) Anastomose femoral (D) Anastomose cruciforme (E) Anastomose perfurante resposta:Gabarito:D Comentário: O conhecimento da anastomose cruciforme é de grande import ância na clínica devido à possibilidade de a artéria femoral ser obliterada por aterosclerose ou por outra patologia como a doença vascular obliterante. glúteo mínimo e tensor da fáscia lata.Ele segue para trás entre o tronco lo mbossacral e o primeiro ramo ventral sacral.A artéria glútea superior anastomosa-se com as artérias glútea inferior e circunflexa medial da coxa.Entretanto o sangue é suprido para o membro inferior através da união entre as artérias circunflexas medial e lateral da coxa com a artéria glútea inferior superiormente e a primeira artéria perfurante inferiorment e. . acima do músculo piriforme dividindo-se em dois ramos.Assinale a opção que contenha o nome da artéria descrita: (A) Artéria pudenda interna (B) Artéria glútea inferior (C) Artéria femoral (D) Artéria glútea superior (E) Artéria ilíaca comum resposta:Gabarito:D Comentário: O ramo superficial da artéria glútea superior supre o músculo glúteo máximo e a pele sobre esta inserção proximal do músculo. pergunta:Este vaso curto é o maior ramo da artéria ilíaca interna.Ela deixa a pelve através do forame isquiático maior.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful