P. 1
questões calorimetria

questões calorimetria

4.0

|Views: 4.298|Likes:
Publicado poranon-39544

More info:

Published by: anon-39544 on Aug 29, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as XLS, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/10/2013

pdf

text

original

CALORIMETRIA: MUDANÇAS DE TEMPERATURA © Prof.

Alberto Ricardo Präss

1. INTRODUÇÃO

Quando um corpo recebe ou cede calor, ocorre uma transformação: variação de temperatura ou mudança de est

2. CAPACIDADE TÉRMICA E CALOR ESPECÍFICO

Definimos capacidade térmica ou capacidade calorífica C de um corpo como sendo a quantidade de calor necessária po

A capacidade térmica C é uma característica do corpo e não da substância. Assim, diferentes blocos de chumbo têm d Da definição de capacidade térmica podemos obter as suas unidades de medida:

Quando considerarmos a capacidade térmica da unidade de massa temos o calor específico c da substância considera

Calor específico c é uma característica da substância e não do corpo. Assim, cada substância tem o seu calor específ As unidades mais usadas de calor específico são:

sendo que 1 cal eqüivale a aproximadamente 4,1855 J. Na tabela abaixo apresentamos valores do calor específico de algumas substâncias.

Substância água álcool alumínio chumbo cobre ferro gelo mercúrio prata vidro vapor d’água

3. EQUAÇÃO FUNDAMENTAL DA CALORIMETRIA

A quantidade de calor sensível recebida ou cedida por um corpo, em função da variação de temperatura, pode ser expre

4. PRINCÍPIO FUNDAMENTAL DA CALORIMETRIA Se vários corpos, no interior de um recipiente isolado termicamente, trocam calor, os de maior temperatura cedem calor A soma algébrica dos calores trocados é igual a zero:

Se o calor recebido é Qr e o calor cedido é Qc , temos

TESTES

1. (UFRGS) Um corpo de 2 Kg recebe 8000 J de calor e sofre uma variação de temperatura de 100ºC. O valor do calor es (A) 40 (B) 80 (C) 160 (D) 4x105 (E) 8x103

2. (PUCRS) A Geografia ensina que o clima de regiões perto do mar caracteriza-se por uma grande estabilidade térmica, c (A) à grande condutividade térmica da água. (B) à pequena condutividade térmica da água. (C) à grande densidade da água. (D) ao grande calor específico da água. (E) ao pequeno calor específico da água.

3. (PUCRS) Um aquecedor elétrico dissipa 560 W de potência, utilizada totalmente para aquecer 1,0 Kg de água da tempe (A) 40 (B) 45 (C) 53 (D) 68 (E) 75

4. (USP) Calor de combustão é a quantidade de calor liberada na queima de uma unidade de massa do combustível. O ca (A) 1 L (B) 10 L (C) 100 L

(D) 1000 L (E) 6000 L Nos cálculos adote: calor específico da água = 4 J/gºC massa específica da água = 1000 kg/m3

5. (USP) Um ser humano adulto e saudável consome, em média, uma potência de 120 J/s (120 W). Uma "caloria alimenta (A) 33 (B) 120 (C) 2,6x103 (D) 4,0x103 (E) 4,8x105

6. Um cliente num restaurante solicita ao garçom dois refrigerantes idênticos, porém um "gelado" e outro "sem gelo". O "ge (Despreze a capacidade térmica do copo e as perdas de calor) (A) 13,3 ºC (B) 17,5 ºC (C) 20 ºC (D) 25 ºC (E) 30 ºC

7. Em um dia ensolarado, 16 kJ/s de energia solar incidem sobre um coletor solar residencial. O coletor aquece de 5ºC um ( calor específico da água = 4 J/g. ºC) (A) 20 % (B) 40 % (C) 50 % (D) 80 % (E) 100 %

voltar

temperatura ou mudança de estado físico. No primeiro caso, dizemos que se trata de calor sensível e, no segundo, calor latente.

quantidade de calor necessária por unidade de variação de temperatura do corpo:

diferentes blocos de chumbo têm diferentes capacidades térmicas, apesar de serem de mesma substância (chumbo).

specífico c da substância considerada:

substância tem o seu calor específico, diferentes blocos de chumbo têm o mesmo calor específico, pois são de mesma substância.

Calor específico (cal/gºC) 1 0.58 0.22 0.03 0.09 0.11 0.55 0.03 0.06 0.2 0.48

ão de temperatura, pode ser expressa da seguinte forma:

de maior temperatura cedem calor aos de menor temperatura, até que se estabeleça o equilíbrio térmico.

atura de 100ºC. O valor do calor específico desse corpo, em J/Kg ºC, é

uma grande estabilidade térmica, contrariamente a regiões no interior do continente, onde a temperatura varia muito entre o dia e a no

a aquecer 1,0 Kg de água da temperatura inicial de 20ºC para 30ºC. Considerando o calor específico da água como 1,0 cal/gºC e 1 cal

ade de massa do combustível. O calor de combustão do gás de cozinha é de 2,4 MJ/kg. Aproximadamente quantos litros de água à tem

J/s (120 W). Uma "caloria alimentar" (1 kcal) corresponde, aproximadamente, a 4 kJ. Para nos mantermos saudáveis, quantas "calorias

m "gelado" e outro "sem gelo". O "gelado" estava a 5 ºC e o "sem gelo" a 35 ºC. Quando o cliente misturou 1/3 de copo do refrigerante "g

encial. O coletor aquece de 5ºC um fluxo de água de 400 g/s. A eficiência do coletor é de:

o segundo, calor latente.

o de mesma substância.

aria muito entre o dia e a noite. Esse fenômeno é devido

ua como 1,0 cal/gºC e 1 cal = 4,2 J, o tempo necessário, em segundos , para conseguir essa elevação é aproximadamente igual a

quantos litros de água à temperatura de 20ºC podem ser aquecidos até a te mperatura de 100ºC com um bujão de gás de 13 kg? Des

saudáveis, quantas "calorias alimentares" devemos utilizar, por dia, a pa rtir dos alimentos que ingerimos?

1/3 de copo do refrigerante "gelado" com refrigerante "sem gelo" , preenchendo-o todo, ele obteve refrigerante a:

ão é aproximadamente igual a

om um bujão de gás de 13 kg? Despreze perdas de calor.

frigerante a:

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->