Você está na página 1de 28

Índice

Correias Transportadoras Plylon 03

Correias Transportadoras EP 06

Correias Elevadoras EP 13

Correias Transportadoras Flexsteel 16

Coberturas 19

Correias Superthor 22

Correias Thor 25

Fale Conosco 28
Correias Transportadoras - Plylon

Plylon

As correias transportadoras PLYLON são totalmente


construídas em nylon, e oferecem maior resistência à tensão.
As bordas são integrais, possibilitando a minimização do
desgaste
. e o prolongamento de sua vida útil.

PLYLON é a única correia transportadora de nylon aprovada no


mundo inteiro.

Benefícios

Alta resistência a impactos;


Menores diâmetros de polia;
Menor número de lonas;
Alta resistência à cortes;
Resistência à umidade;
Maior adesão;
Menor peso;
Baixo custo.
Correias Transportadoras - Plylon

Tabelas

Informações Técnicas
PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON
Tipo
100 140 220 330 440 540 720 900 1080
Nº LONAS 2 2 2 3 4 3 4 5 6
CAPACIDADE DE TENSÃO
(KN/m) larg 21 32 48 72 96 107 143 179 214
Emenda vulcanizada
(lbf/pol.) larg. 120 180 270 405 540 600 800 1.000 1.200
(KN/m) larg. 21 32 42 64 84 107 129 129 129
Emenda mecânica
(lbf/pol.) larg. 120 180 240 360 480 600 720 720* 720*
Peso aprox. da carcaça (kg/m²) 3,6 3,7 5,4 6,8 7,5 8 10,9 13,9 16,8
Espessura da Carcaça (mm) 2,4 2,8 3,5 4,6 5,9 6,7 9,4 12 14,5
Obs .: Para emendas mecânicas, recomendamos os grampos apropriados para o serviço mencionado, conforme especificação do
fabricante.

Largura Máxima da Correia


lb/pés³ 0-45 45-105 105-165 165-200
Peso Material
kg/m³ 0-730 730-1.690 1.690-2.650 2.650-3.300
Ângulo dos
20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º
Roletes
mm 900 750 600 750 600 450 - - - - - -
PLYLON 100
pol 36 30 24 30 24 18 - - - - - -
mm 1050 900 900 900 750 600 750 600 500 - - -
PLYLON 140
pol 42 36 36 36 30 24 30 24 20 - - -
mm 1350 1200 1050 1200 1050 900 1050 900 750 900 750 600
PLYLON 220
pol 54 48 42 48 42 36 42 36 30 36 30 24
mm 1850 1850 1500 1850 1500 1350 1500 1350 1200 900 750 600
PLYLON 330
pol 72 72 60 72 60 54 60 54 48 54 48 42
mm 2200 2200 1850 2200 1850 1500 1850 1500 1350 1500 1350 1200
PLYLON 440
pol 86 86 72 86 72 60 72 60 54 60 54 48
mm 2200 1850 1850 2200 1850 1500 1850 1500 1350 1500 1350 1200
PLYLON 540
pol 84 72 72 84 72 60 72 60 54 60 54 48
mm 2200 2200 2200 2200 2200 1850 2200 1850 1500 1850 1500 1350
PLYLON 720
pol 86 86 86 86 86 72 86 72 60 72 60 54
mm 2200 2200 2200 2200 2200 2200 2200 2200 1850 2200 1850 1850
PLYLON 900
pol 86 86 86 86 86 86 86 86 72 86 72 72
mm 2200 2200 2200 2200 2200 2200 2200 2200 2200 2200 2200 2200
PLYLON 1080
pol 86 86 86 86 86 86 86 86 86 86 86 86
Correias Transportadoras - Plylon

Tabelas

Largura Mínima da Correia para Acabamento sobre Roletes


Ângulo PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON
Roletes 100 140 220 330 440 540 720 900 1080
mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol
20º 300 12 350 14 450 18 600 24 750 30 750 30 900 36 1050 42 1200 48
35º 300 12 350 14 450 18 600 24 750 30 750 30 900 36 1050 42 1200 48
45º 450 18 500 20 600 24 750 30 900 36 900 36 1050 42 1000 40 1350 54

Diâmetro Mínimo da Polia Motriz em Função da Tensão Aplicada


PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON PLYLON
TENSÃO
100 140 220 330 440 540 720 900 1080
mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol
Acima de 80% 400 16 400 16 450 18 500 20 600 24 600 24 750 30 900 36 1050 42
Entre 60% e 80% 350 14 350 14 400 16 450 18 500 20 500 20 600 24 750 30 900 36
Entre 40% e 60% 300 12 300 12 350 14 400 16 450 18 450 18 500 20 600 24 750 30
Abaixo de 40% 250 10 250 10 300 12 350 14 400 16 400 16 450 18 500 20 600 24
Polias do pé e desvio 250 10 250 10 300 12 350 14 400 16 400 16 450 18 500 20 600 24

Extensão do Esticador Recomendada a partir da distância entre centros (percentual)


Tensão de Trabalho
Tipo de Esticador
Emendas mecânicas Emendas vulcanizadas
100% 75% ou menos 100% 75% ou menos
Parafuso 1,50% 1,00% 4,0%* 3,0%*
Automático 2,00% 1,50% 2,5% + 650mm 2,5% + 650mm
*Somente transportadores alimentadores curtos, sem fim e similares devem ser vulcanizados sobre o transportador com
esticador de parafuso.
Correias Transportadoras - EP

EP

Correias Transportadoras EP construídas em tecido


de Poliester/Nylon, tratado pelo processo 3T,
exclusivo Goodyear; tecido este que é pré-tensionado sob
tempo, temperatura e tensão controlados para maximizar
a resistência e estabilizar o alongamento.

Benefícios

Resistência a materiais engastados;

Excepcional retenção de emendas mecânicas;

Maior resistência ao desgaste de bordas;

Completa proteção contra umidade e mofo;

Projeto apropriado para suporte de carga;

Eficiência na emenda vulcanizada;

Composto de alta qualidade;

Arrancamento da cobertura;

Resistência ao calor;

Resistência ao impacto.
Correias Transportadoras - EP

Tabelas

Correias Transportadoras - EP 80 / EP 140 / EP 220


TIPO EP 80 EP 140 EP 220
Nº de Lonas 2 2 3 2 3 4 5 6
KN/m de larg. 13 22 37 35 53 70 88 -
Emendas Mecânicas
Lbf/pol. de larg. 73 126 209 195 293 390 493 -
KN/m de larg. 16 28 42 44 66 88 110 132
Emendas Vulcanizadas
Lbf/pol. de larg. 91 158 237 244 366 488 616 740
Peso aproximado da carcaça kg/m² 2,4 3 4,7 4,9 6,1 6,4 8,1 9,8
mm. 1,8 2,1 2,8 3,2 4 5,2 6,6 8
Espessura da Carcaça
pol. 0,07 0,08 0,11 0,15 0,19 0,2 0,26 0,31
Obs.: Para emendas mecânicas recomendamos os grampos apropriados para o serviço mencionado conforme especificação
do fabricante.

Largura Máxima da Correia


Peso Lb/pes³ 0-45 45-105 105-165 165-200
Material kg/m³ 0-730 730-1690 1690-2650 2650-3300
Ângulo dos Roletes 20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º
Tipo nº lonas pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol.
EP 80 2 32 26 26 26 20 20 24 18 18 20 14 14
EP 140 2 40 36 32 32 30 26 32 24 20 30 24 18
EP 140 3 48 42 36 42 36 32 36 32 26 36 32 24
2 54 48 48 42 36 36 42 36 30 36 30 30
3 72 66 63 72 54 48 54 48 42 54 48 42
EP 220 4 84 72 72 72 66 63 72 66 60 60 54 54
5 84 84 84 84 72 72 72 66 63 66 60 60
6 84 84 84 84 84 84 84 72 72 72 66 63

Largura Mínima da Correia para Acamamento sobre Roletes


Tipo EP 80 EP 140 EP 220
Nº lonas 2 2 3 2 3 4 5 6
Ângulo dos Roletes mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol.
20º 150 6 200 8 350 14 350 14 450 18 750 30 750 30 750 30
30º / 35º 250 10 300 12 500 20 450 18 600 24 750 30 900 36 900 36
45º 400 16 450 18 600 24 600 24 800 32 900 36 900 36 1070 42
Correias Transportadoras - EP

Tabelas

Diâmetro mínimo da Polia Motriz em Função da Tensão Aplicada


Tipo EP 80 EP 140 EP 220
Nº lonas 2 2 3 2 3 4 5 6

Tensão mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol

Acima de 80% 300 12 350 14 450 18 450 18 500 20 600 24 750 30 910 36
Entre 60% e 80% 250 10 300 12 400 16 400 16 450 18 500 20 600 24 760 30
Entre 40% e 60% 250 10 250 10 350 14 350 14 400 16 450 18 500 20 600 24
Abaixo de 40% 200 8 250 10 300 12 300 12 350 14 400 16 450 18 500 20
Polias da cauda e desvio 200 8 250 10 300 12 300 12 350 14 400 16 450 18 500 20

Correias Transportadoras - EP 320


TIPO EP 320
Nº de Lonas 2 3 4 5
KN/m de larg. 51 77 - -
Emendas Mecânicas
Lbf/pol. de larg. 286 430 - -
KN/m de larg. 64 96 128 160
Emendas Vulcanizadas
Lbf/pol. de larg. 358 538 716 896
Peso aproximado da carcaça kg/m² 6,7 7,5 8,7 10,9
mm. 5,2 5,9 6,8 8,5
Espessura da Carcaça
pol. 0,2 0,23 0,27 0,33
Obs.: Para emendas mecânicas recomendamos os grampos apropriados para o serviço mencionado conforme especificação
do fabricante.

Largura Máxima da Correia


Peso Lb/pes³ 0-45 45-105 105-165 165-200
Material kg/m³ 0-730 730-1690 1690-2650 2650-3300
Ângulo dos Roletes 20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º
Tipo nº lonas pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol.
2 72 60 48 60 54 48 60 54 42 54 48 36
3 84 72 63 72 66 60 72 60 54 60 54 48
EP 320
4 84 84 84 84 72 72 84 72 60 72 60 60
5 84 84 84 84 84 84 84 84 72 84 72 60
Correias Transportadoras - EP

Tabelas

Largura Mínima da Correia para Acamamento sobre Roletes


Tipo EP 80 EP 140 EP 220
Nº lonas 2 2 3 2 3 4 5 6
Ângulo dos Roletes mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol.
20º 150 6 200 8 350 14 350 14 450 18 750 30 750 30 750 30
30º / 35º 250 10 300 12 500 20 450 18 600 24 750 30 900 36 900 36
45º 400 16 450 18 600 24 600 24 800 32 900 36 900 36 1070 42

Diâmetro mínimo da Polia Motriz em Função da Tensão Aplicada


Tipo EP 80 EP 140 EP 220
Nº lonas 2 2 3 2 3 4 5 6

Tensão mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol

Acima de 80% 300 12 350 14 450 18 450 18 500 20 600 24 750 30 910 36
Entre 60% e 80% 250 10 300 12 400 16 400 16 450 18 500 20 600 24 760 30
Entre 40% e 60% 250 10 250 10 350 14 350 14 400 16 450 18 500 20 600 24
Abaixo de 40% 200 8 250 10 300 12 300 12 350 14 400 16 450 18 500 20
Polias da cauda e desvio 200 8 250 10 300 12 300 12 350 14 400 16 450 18 500 20

Correias Transportadoras - EP 420


TIPO EP 420
Nº de Lonas 2 3 4 5 6
KN/m de larg. 67 - - - -
Emendas Mecânicas
Lbf/pol. de larg. 376 - - - -
KN/m de larg. 84 126 168 210 252
Emendas Vulcanizadas
Lbf/pol. de larg. 470 706 940 1176 1411
Peso aproximado da carcaça kg/m² 7,5 9,2 9,7 12,3 14,9
mm. 5,5 7,1 7,6 9,5 11,4
Espessura da Carcaça
pol. 0,23 0,28 0,3 0,37 0,45

Obs.: Para emendas mecânicas recomendamos os grampos apropriados para o serviço mencionado conforme especificação
do fabricante.
Correias Transportadoras - EP

Tabelas

Largura Máxima da Correia


Peso Lb/pes³ 0-45 45-105 105-165 165-200
Material kg/m³ 0-730 730-1690 1690-2650 2650-3300
Ângulo dos Roletes 20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º
Tipo nº lonas pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol .
2 72 64 60 66 63 54 63 60 54 54 48 48
3 84 84 84 84 72 72 72 66 60 63 60 54
EP 420 4 84 84 84 84 84 84 84 84 72 84 72 72
5 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84
6 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84

Largura Mínima da Correia para Acamamento sobre Roletes


Tipo EP 420
Nº lonas 2 3 4 5 6
Ângulo dos Roletes mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol.
20º 600 24 750 30 750 30 1050 42 1200 48
30º / 35º 600 24 750 30 900 36 1050 42 1200 48
45º 750 30 900 36 1050 42 1200 48 1350 54

Diâmetro mínimo da Polia Motriz em Função da Tensão Aplicada


Tipo EP 420
Nº lonas 2 3 4 5 6
Tensão mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol .
Acima de 80% 600 24 760 30 910 36 1050 42 1200 48
Entre 60% e 80% 500 20 600 24 760 30 900 36 1050 42
Entre 40% e 60% 450 18 500 20 600 24 750 30 900 36
Abaixo de 40% 400 16 450 18 500 20 600 24 750 30
Polias da cauda e desvio 400 16 450 18 500 20 600 24 750 30
Correias Transportadoras - EP

Tabelas

Correias Transportadoras - EP 500 / EP 630


TIPO EP 500 EP 630
Nº de Lonas 2 3 4 5 6 4 5 6 7
KN/m de larg. 80 - - - - - - - -
Emendas Mecânicas
Lbf/pol. de larg. 448 - - - - - - - -
KN/m de larg. 100 150 200 250 300 252 315 378 441
Emendas Vulcanizadas
Lbf/pol. de larg. 560 840 1120 1400 1680 1400 1800 2155 2515
kg/m² 6,6 10,5 12 15,3 18,5 13,7 17,2 19,3 22,6
Peso aproximado da carcaça
Lb/ft² 1,7 2,1 2,4 3,1 3,8 - - 3,9 4,5
mm. 6,8 7,6 9 11 13,2 11,5 14,5 17,1 20,3
Espessura da Carcaça
pol. 0,27 0,3 0,35 0,44 0,54 0,69 0,8
Obs.: Para emendas mecânicas recomendamos os grampos apropriados para o serviço mencionado conforme especificação
do fabricante.

Largura Máxima da Correia


Peso Lb/pes3 0-45 45-105 105-165 165-200
Material kg/m3 0-730 730-1690 1690-2650 2650-3300
Ângulo dos Roletes 20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º 20º 35º 45º
Tipo nº lonas pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol. pol.
2 72 66 64 72 66 60 66 60 54 60 54 54
3 84 84 72 84 72 60 72 72 60 66 60 54
EP 500 4 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 72 72
5 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 72
6 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84
4 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84
5 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 72
EP 630
6 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84
7 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84 84

Largura Mínima da Correia para Acamamento sobre Roletes


Tipo EP 500 EP 630
Nº lonas 2 3 4 5 6 4 5 6 7
Ângulo dos Roletes mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol
20º 750 30 900 36 900 36 1050 42 1050 42 900 36 1050 42 1200 48 1350 54
30º / 35º 750 30 900 36 1050 42 1200 48 1200 48 1050 42 1200 48 1350 54 1500 60
45º 900 36 1050 42 1200 48 1200 48 1350 54 1200 48 1350 54 1500 60 1500 60
Correias Transportadoras - EP

Tabelas

Diâmetro mínimo da Polia Motriz em Função da Tensão Aplicada


Tipo EP 500 EP 630
Nº lonas 2 3 4 5 6 4 5 6 7
Tensão mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol mm pol
Acima de 80% 760 30 910 36 1060 42 1220 48 1370 54 1200 48 1350 54 1450 58 1600 63
Entre 60% e 80% 600 24 760 30 910 36 1010 40 1220 48 1000 40 1200 48 1370 54 1450 58
Entre 40% e 60% 500 20 600 24 760 30 910 36 1010 40 900 36 1000 40 1220 48 1220 48
Abaixo de 40% 450 18 500 20 600 24 760 30 910 36 750 30 900 36 910 36 1050 42
Polias da cauda e desvio 450 18 500 20 600 24 760 30 910 36 750 30 900 36 910 36 1050 42

Extensão do Esticador Recomendada a partir da Distância entre Centros (Percentual)


Tipo do Esticador Emendas mecânicas Emendas vulcanizadas
100% 75% ou menos 100% 75% ou menos
Parafuso 1,50% 1% 4% 3%
Automático 1% 1% 1,5% + 610mm 1,5% + 610mm
Correias Elevadoras - EP

EP

As correias elevadoras EP, por resistirem a altas tensões, são


as mais indicadas para elevadores de canecas, tanto para
serviços industriais como para o serviço de grãos.

Benefícios

Resistência à materiais engastados;

Excepcional retenção de emendas mecânicas;

Maior resistência ao desgaste de bordas;

Completa proteção contra umidade e mofo;

Projeto apropriado para suporte de carga;

Eficiência na emenda vulcanizada;

Arrancamento da cobertura;

Composto de alta qualidade;

Resistência ao calor;

Resistência ao impacto.
Correias Elevadoras - EP

Tabelas EP 220

Valores de Tensão
Nº de Lonas 3 4 5 6
kN/m 51 68 85 102
Serviço Industrial
lbf/pol. 291 388 485 582
kN/m 55 73 90 110
Serviço de grãos
lbf/pol. 314 416 514 628

Número mínimo de lonas em função da projeção de boca da caneca


Nº de lonas 3 4 5 6

mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol.


Máxima projeção de boca para canecas espaçadas
175 7 250 10 250 10 250 10
serviços industriais (100lbf/ft³-1 pol)
Máxima projeção de boca para canecas contínuas
150 6 250 10 300 12 400 16
serviços industriais (100lbf/ft³-1 pol)
Máxima projeção de boca para canecas - serviço de
200 8 250 10 275 11 300 12
grãos

Diâmetro mínimos de polias em função da porcentagem de tensão


Diâmetro Mínimo da Polia Motora
Nº de lonas
3 4 5 6
TENSÃO mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol .
Acima de 80% 500 20 600 24 750 30 900 36
Entre 60% e 80% 450 18 500 20 600 24 750 30
Até 60% 400 16 450 18 500 20 600 24
Correias Elevadoras - EP

Tabelas EP 320

Valores de Tensão
Nº de Lonas 3 4 5 6
kN/m 75 97 122 150
Serviço Industrial
lbf/pol. 428 553 696 855
kN/m 86 110 135 165
Serviço de grãos
lbf/pol. 490 627 771 942

Número mínimo de lonas em função da projeção de boca da caneca


Nº de lonas 3 4 5 6
mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol.
Máxima projeção de boca para canecas espaçadas
250 10 275 11 300 12 300 12
serviços industriais (100lbf/ft³-1 pol)
Máxima projeção de boca para canecas contínuas
300 12 350 14 400 16 500 20
serviços industriais (100lbf/ft³-1 pol)
Máxima projeção de boca para canecas - serviço de
275 11 300 12 300 12 300 12
grãos

Diâmetros mínimos de polias em função da porcentagem de tensão


Diâmetro Mínimo da Polia Motora
Nº de lonas
3 4 5 6
TENSÃO mm. pol. mm. pol. mm. pol. mm. pol.
Acima de 80% 750 30 900 36 1050 42 1200 48
Entre 60% e 80% 600 24 750 30 900 36 1050 42
Até 60% 500 20 600 24 750 30 750 30
Correias Transportadoras - Flexsteel

Flexsteel

A Goodyear produziu a primeira correia transportadora cabo


de aço do mundo em 1942 e atualmente permanece na
vanguarda das inovações em correias transportadoras
cabo de aço. Para atender melhor os clientes do mundo todo,
as correias Flexsteel são produzidas em sete linhas de
produção em cinco países.

Benefícios

Excelente flexibilidade transversal/acamamento;

Excelência na resistência à impactos;

Alta resistência à tensão;

Longa vida de flexão;

Recomendado para sistemas longos.


Correias Transportadoras - Flexsteel

Tabelas

Especificações padronizadas da Flexsteel (Imperial / Métrico)

Tipo de Correia Tensão Mínima Tensão de Trabalho Diâmetro do Cabo Passo entre cabos Módulo da Correia

PIW KN/M PIW KN/M POL MM POL MM PIW KN/M


Flexsteel ST800 4568 800 685 120 0.150 3.8 0.688 17.5 329000 58000
Flexsteel ST1000 5710 1000 856 150 0.150 3.8 0.547 13.9 411000 72000
Flexsteel ST1250 7138 1250 1070 187 0.213 5.4 0.855 21.7 514000 90000
Flexsteel ST1600 9136 1600 1370 240 0.213 5.4 0.666 16.9 657000 115000
Flexsteel ST2000 11420 2000 1712 300 0.213 5.4 0.533 13.5 822000 144000
Flexsteel ST2500 14275 2500 2140 375 0.213 5.4 0.450 11.4 1030000 180000
Flexsteel ST3150 17987 3150 2697 472 0.327 8.3 0.768 19.5 1290000 227000
Flexsteel ST3500 19985 3500 2996 525 0.327 8.3 0.690 17.5 1440000 252000
Flexsteel ST4000 22840 4000 3424 600 0.378 9.6 0.792 20.1 1640000 288000
Flexsteel ST4500 25695 4500 3852 675 0.417 10.6 0.805 20.4 1850000 324000
Flexsteel ST5000 28550 5000 4280 750 0.472 12.0 1.098 27.9 2050000 360000
Flexsteel ST5400 30835 5400 4623 810 0.472 12.0 1.023 26.0 2220000 389000

Tipo de Correia PIW 600-1000 1002 - 2250 2251 - 3200 3201 - 3700 3701 - 4200 4201 - 4623
ST701 ST1169 ST2629 ST3739 ST4323 ST4907
KN/M
ST1168 ST2628 ST3738 ST4322 ST4906 ST5400
pol. 0.150 0.213 0.327 0.378 0.417 0.472
Diâmetro do Cabo
mm 3.8 5.4 8.3 9.6 10.6 12.0
Correias Transportadoras - Flexsteel

Tabelas

Peso da Carcaça Flexsteel (Imperial / Métrico)


Tipo de PIW 685 856 1070 1370 1712 2140 2697 2996 3424 3852 4280 4623
Correia KN/M ST800 ST1000 ST1250 ST1600 ST2000 ST2500 ST3150 ST3500 ST4000 ST4500 ST5000 ST5400
Peso da
(lb/ft²) 1.5 1.6 2.2 2.4 2.7 3.2 4.3 4.5 5.3 5.9 6.1 6.3
Carcaça
Peso da
(kg/m²) 7.3 7.8 10.7 11.7 13.2 15.6 21.0 22.0 25.9 28.8 29.8 30.8
Carcaça

Componente da Cobertura PIW Stacker Global X B 6740 A MSHA / SBR Low Rolling Resistant
Peso da Cobertura por 1/32" (lb/ft²) 0.18 0.19 0.19 0.19 0.20 0.19
Peso da Cobertura por 1 mm (kg/m²) 1.13 1.17 1.17 1.17 1.25 1.17

Peso aproximado da correia = peso da carcaça + peso das coberturas


• Requerimento de cobertura mínima da polia = 5/32" (4mm)
Correias Transportadoras/Elevadoras

Coberturas

Resistente à Abrasão

Stacker - Apresenta excelente resistência à cortes, arrancamento e abrasão. Ótimo desempenho no


transporte de materiais pontiagudos ou com arestas vivas, tais como: minérios de ferro, manganês,
estanho, quartzo, etc. Resiste a materiais com temperaturas até 65ºC. Atende a Norma RMA Grau I.

Global X - Composto premium, que excede a norma RMA Grau I quanto a requerimentos de tensão
de ruptura e alongamento. Atende a norma DIN X e apresenta superior desempenho em aplicações
com alto impacto, abrasão e cortes de cobertura.

Grade A - Apresenta a maior resistência a abrasão dentre os compostos atualmente disponíveis,


mantendo resistência à cortes e arrancamento de cobertura. Atende a norma RMA Grau I

B - É um composto com ótima característica de resistência à abrasão e flexibilidade. Recomendado


para transporte de materiais abrasivos, tais como: escória, calcário e granitos britados, carvão, areia,
bauxita, enxofre, cal, cascalho, cimento, etc. Atende a norma RMA Grau II.

B de Reação - É um composto de borracha ideal para transportar materiais abrasivos à temperatura


de até 95ºC. Excelente para aplicação em fábricas de fertilizantes, fundições, siderurgicas, cimenteiras,
etc.

Super Reação - É um composto de borracha ideal para transportar materiais abrasivos à temperatura
de até 200ºC. Excelente para aplicação em fábricas de fertilizantes, fundições, siderurgicas, cimenteiras,
etc.

W - Indicada para serviços leves, onde não existe o fator abrasão e pode ser usada como cobertura
corrugada para transporte de caixas e em linhas de inspeção, montagem etc.

MSHA-SBR - Apresenta caracteristicas especiais de ser antiestática e resistente a chamas. Ótima


resistência à abrasão.

LRR - SBR - Composto com característica especial de baixa resistência ao rolamento entre a cobertura
inferior e os rolos gerando menor consumo de energia. Normalmente especificado para a cobertura
inferior da correia, em transportadores de longa distância.
Correias Transportadoras/Elevadoras

Coberturas

Resistente à Óleos

ORS-Chemigum - Recomendada onde haja presença de óleos minerais ou vegetais transporte de


chapas embebidas em óleo, soja e torta de soja, mamona, algodão, derivados de petróleo, diesel,
produtos químicos, gordura animal, sais, solventes, etc. Resistente à temperatura até 80ºC.

ORS - Wingprene - Para transporte de materiais com presença de óleos minerais e uréia. Resistente
à temperatura até 150ºC.

ORS - Chemivic - O composto ORS - Chemivic foi desenvolvido especialmente para operações que
exijam extrema resistência ao óleo. Ele foi desenvolvido para superar outros tipos de correias
resistentes ao óleo, nas mais severas condições. Tem excelente resistência à abrasão, cortes, ozona
e intempéries. É altamente resistente ao óleo mineral e à maioria dos outros óleos que causam absorção
e inchaço da borracha; por exemplo, o óleo contido na laranja. É recomendado para o transporte de
peças metálicas banhadas em óleo, soja esmagada, bagaço de laranja e outros materiais, onde gorduras
animais ou vegetais estejam presentes.

Pathfinder - Cobertura que proporciona a máxima resistência à òleos presentes nos grãos e farelos
de diversos cereais. Para máxima segurança em uso proporciona baixos valores de resistência elétrica,
e atende a norma USMSHA de resistência à chama. Pode ser usado com temperaturas de até 65º C.

Surpass -Composto que proporciona a máxima eficiência no transporte de cavacos de madeira, onde
existe a presença de óleo ou resina.
Correias Transportadoras/Elevadoras

Coberturas

Resistente à Temperatura

6740 - A -Indicada para transporte de materiais com temperaturas de até 150ºC . Ótima reistência à
cortes e abrasão. Para melhor desempenho sugerimos a cobertura minimas a seguir, em função da
temperatura do material:

3/16” de 70ºC a 95ºC


1/4” de 96ºC a 115ºC
3/8” de 116ºC a 150ºC

Thermo - Shield (Solar - Shield) - Composto especialmente formulado para transporte de materiais
que requerem excelente resistência à altas temperaturas e abrasão. Transporta materiais à temperatura
de até 204ºC, mantendo suas propriedades de resistência à abrasão. A cobertura Thermo - Shield tem
máxima resistência contra endurecimento e consequente quebra, suportando exposições prolongadas
sob cargas quentes, tais como “pellets” de ferro, areia de fundição, clinker e ambientes de altas
temperaturas.

Thermo- Chem - Composto de borracha nitrilica que oferece a máxima resistência contra os efeitos da
ação combinada da temperatura e óleo. Ideal para o transporte de asfalto quente, coque de petróleo
quente, além de outras aplicações. Resiste à temperatura de até 175ºC.
Correias Superthor

Superthor - EP

As correias Superthor-EP foram especialmente desenvolvidas


para o mercado agrícola, onde segurança, desempenho e
economia são fatores primordiais.

Benefícios

Trabalha em polias com diâmetro mais reduzido;

Alta resistência a cortes e eventuais impactos;

Excelente resistência à tensão;

Maior vida útil em serviço;

Alta resistência à umidade;

Baixo índice de esticamento;

Maior capacidade de carga;

Maior flexibilidade.
Correias Superthor

Tabelas Superthor
Correias Transportadoras

Especificações Técnicas
Número de lonas 2 3 4
Kg/cm de largura 40 60 80
Capacidade de tensão
Lb/pol. de largura 220 330 440
Peso aproximado Kg/m² 3,56 4,3 6,13
Espessura mm 2,9 3,6 4,9
Largura mínima da correia.
mm 350 600 800
Inclinação dos roletes até 35º
Largura máxima da correia.
mm 800 1050 1200
Inclinação dos roletes até 35º

Diâmetro mínimo da Polia Motriz (mm)

Número de Lonas
Tensão
2 3 4
Acima de 80% 350 500 650
Entre 50% e 80% 300 400 550
Abaixo de 50% 250 350 450
Polias do pé e desvio 200 250 350

Porcentagem de esticamento (Função da Distância entre Centros)


Porcentagem de tensão de trabalho
Tipo de Esticador
100% 75% ou menos
Parafuso 2,5 2
Contrapeso 2 1,5
Correias Superthor

Tabelas Superthor
Correias Elevadoras

Especificações Técnicas
Número de Lonas 2 3 4 5 6
Lb/pol. de largura 170 255 340 425 510
Capacidade de tensão
Kg/cm de largura 30 45 60 75 90
Peso aproximado Kg/m² 3,56 4,3 6,13 7,97 9,8
Espessura mm 2,9 3,6 4,9 6,3 7,5

Número Mínimo de Lonas em Função da Projeção da Boca da Caneca


mm 75 100 130 150 180 200 230 250
Projeção da boca da caneca
pol 3 4 5 6 7 8 9 10
Materiais com peso específico até 1 t/m³ Nº de lonas 2 2 3 3 4 4 5 6

Porcentagem de Esticamento (Função da Distância entre Centros)


Porcentagem de Tensão de Trabalho
Tipo de Esticador
100% 75% ou menos
Parafuso 3 2,5
Contrapeso 2,5 2

Diâmetro Mínimo da Polia (mm)


Número de Lonas
Tensão
2 3 4 5 6
Acima de 80% 350 500 650 750 900
Entre 50% e 80% 300 400 550 600 750
Abaixo de 50% 250 350 450 500 600
Polias do Pé e desvio 200 250 350 400 450
Correias Thor

Thor

As correias Thor-EP foram especialmentedesenvolvidas para


o mercado agrícola, onde segurança, desempenho e economia
são fatores primordiais.

Benefícios

Trabalha em polias com diâmetro mais reduzido;

Alta resistência a cortes e eventuais impactos;

Excelente resistência à tensão;

Maior vida útil em serviço;

Alta resistência à umidade;

Baixo índice de esticamento;

Maior capacidade de carga;

Maior flexibilidade.
Correias Thor

Tabelas Thor
Correias Transportadoras

Especificações Técnicas
Número de lonas 2 3 4
Kg/cm de largura 24 36 48
Capacidade de tensão
Lb/pol. de largura 135 200 270
Peso aproximado Kg/m² 3,12 4,01 5,65
Espessura mm 3 3,65 5,3
Largura mínima da correia.
mm 250 450 600
Inclinação dos roletes até 35º
Largura máxima da correia.
mm 600 800 950
Inclinação dos roletes até 35º

Diâmetro Mínimo da Polia Motriz (mm)


Número de Lonas
Tensão
2 3 4
Acima de 80% 250 350 450
Entre 50% e 80% 200 250 350
Abaixo de 50% 150 200 300
Polias do pé e desvio 150 200 300

Porcentagem de Esticamento (Função Distância entre Centros)


Porcentagem de tensão de trabalho
Tipo de Esticador
100% 75% ou menos
Parafuso 2,5 2
Contrapeso 2 1,5
Correias Planas de Transmissão

Tabelas Thor
Correias Elevadoras

Especificações Técnicas
Número de lonas 2 3 4 5 6
Lb/pol. de largura 90 135 180 225 270
Capacidade de tensão
Kg/cm de largura 16 24 32 40 48
Peso aproximado Kg/m² 3,12 4,81 5,65 7,28 8,92
Espessura mm 3 3,65 5,3 6,95 8,6

Número mínimo de lonas em Função da Projeção da Boca da Caneca


mm 75 100 130 150 180 200 230 250
Projeção da boca da caneca
pol 3 4 5 6 7 8 9 10
Materiais com peso específico até 1 t/m³ nº de lonas 2 3 3 4 4 5 5 6

Diâmetro Mínimo da Polia Motriz (mm)


Número de Lonas
Tensão
2 3 4 5 6
Acima de 80% 250 350 450 500 550
Entre 50% e 80% 200 250 350 400 450
Abaixo de 50% 150 200 300 350 400
Polias do Pé e Desvio 150 200 300 350 400

Porcentagem de Esticamento (Função Distância entre Centros)


Porcentagem de tensão de trabalho
Tipo de Esticador
100% 75% ou menos
Parafuso 3 2,5
Contrapeso 2,5 2
Rua Bragança Paulista, 1036
Santo Amaro - SP - SP Cep: 04727-002
Fone: 55 11 5644-9000
Fax: 55 11 5642-0133
www.copabo.com.br
comercial@copabo.com.br

Interesses relacionados