P. 1
Apostila de to - Como Fabricar Sabonetes e Outros Produtos Para Banho

Apostila de to - Como Fabricar Sabonetes e Outros Produtos Para Banho

4.67

|Views: 14.909|Likes:
Publicado porapi-3695916

More info:

Published by: api-3695916 on Oct 14, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/18/2014

pdf

text

original

APOSTILA de ARTESANATO

COMO FABRICAR SABONETES E OUTROS PRODUTOS PARA BANHO

Sabonetes Glicerinados e Produtos de Banho e Higiene Criar!! Inovar!! Ousar!! Aproveitar as oportunidades! Você tem instrumentos poderosos que podem realizar ótimos trabalhos: Suas mãos e sua mente. Acredite no que estiver fazendo! Tenha entusiasmo! Supere os problemas! Acredite que seu trabalho é o melhor! Acredite que as pessoas vão gostar do que você fizer! Acredite que você vai vender suas criações e conseguir novas encomendas! Tenha fé!! Acredite!!! Este curso se destina a pessoas que querem algo mais. Pessoas que acreditam em seu potencial e que se consideram ou querem ser vencedores. Este curso se destina a você. Aproprie-se da vitória. Você pode! Você é um vencedor!!

"Em todas as coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquêle (Jesus) que nos amou." Romanos 8:37

Dicas e truques para que seu produto fique bem feito:

• • • • • • • • • • • • •

Os produtos devem ser sempre de boa qualidade, para que o sabonete fique bonito e brilhante. Nunca mude a ordem da colocação dos produtos e nem as medidas dos mesmos, para que não ocorram variações no produto final. O prazo de validade do sabonete é o mesmo da embalagem do fabricante. Sempre trabalhe com um pano limpo perto da fôrma. Ele servirá para você enxugar o fundo da panela quando ela sair do banho maria, evitando que pingue água no seu trabalho. Use o fogo moderado, para que o processo de derretimento não ocorra muito depressa. Não deixe a base ferver. A natinha que agarra nas bordas da panela precisa ser raspada antes de voltar para o banho maria. A base que está na panela, não deve ser derretida muitas vezes, pois o sabonete vai perdendo o brilho neste caso. A panela onde a base será derretida deve ser de preferência, de esmalte. Só ponha a base na fôrma, depois que o vapor sair todo da panela. Enquanto sair fumaça, você corre o risco de ter a essência evaporada. Não mexer muito a base enquanto a mesma estiver em banho maria. Não derreta a base em panelas de vidro, pois as mesmas produzem vapor, levando o sabonete a transpirar depois de pronto. Borrife álcool de cereais para acabar com a espuma que se forma na panela ou as bolhas na fôrma. O Dióxido de Titânio é um pigmento que serve para branquear a base. Se você o colocar direto na base, corre o risco de manchar todo o seu trabalho. O ideal é derreter o dióxido de titânio em um pouco de álcool de cereais. O corante só pode ser à base de água. Nunca usar a base de álcool para perfumes (mancha a pele) ou solúvel em óleo para parafina. O corante ideal é o comestível, que não causa alergia na pele. Evite o excesso de corante, pois o mesmo alem de manchar a pele, faz o sabonete ficar menos transparente. Pode se fazer um sabonete com várias camadas de cores e essências diferentes. Neste caso, espere a primeira camada secar um pouco para por a segunda camada. Se a primeira camada estiver muito mole, ela pode se misturar com a segunda. Se estiver muito dura, não "cola” na outra. Qualquer tipo de fôrma pode ser usada, desde que seja maleável.(acetato, pvc, silicone, etc.). Para se trabalhar com tubos de PVC, basta prender o fundo do tubo com um plástico ou papel filme e uma gominha. Não faça a fôrma de PVC com mais de 10 cm, pois o sabonete ficará mais difícil para se soltar. Podem ser feitas fôrmas de embalagens plásticas, caixas de leite ou sucos, fôrmas para bombons, etc. O importante é que todas as fôrmas sejam maleáveis. Não use produtos oleosos nas fôrmas (vaselina, etc.) achando que o sabonete vai soltar mais rápido. A exceção para se usar a vaselina líquida, é em formas de acetato mais detalhadas, mesmo assim, use uma quantidade mínima. Os sabonetes com bichinhos de borracha dentro podem também conter plaquinhas comemorativas, mensagens temáticas, flores de tecido, etc. O importante é que o objeto não machuque a pele.

• •

• • • • •

• • • • • • • • • •

• •

Nos sabonetes infantis com formatos de bichinhos, podem ser "colados” com o próprio sabonete, olhinhos de plástico que mexem, lacinhos, florzinhas de biscuit, etc. A cola branca funciona melhor na colagem dos objetos. Caso o sabonete tenha ervas, use as próprias para chás, que já são desidratadas e não são prejudiciais a saúde. Os sabonetes de ervas são esfoliantes e ajudam a pele com suas propriedades. Normalmente não machucam a pele, porque amolecem com o calor da água. Se as ervas usadas não estiverem bem desidratadas, poderão estragar o sabonete. As mesmas mofam depois de algum tempo após o sabonete estar pronto. O tempo de secagem do depende da profundidade da fôrma, do clima e do local onde o sabonete está sendo feito. O local de trabalho deve ser fixo, para que não ocorram irregularidades ou rugas nos sabonetes. O sabonete depois de pronto pode ser pintado com tinta para tecido ou tinta plástica. Mantenha as fôrmas lavadas e limpas. Se possível borrife álcool. Qualquer resíduo estraga o sabonete, além de não ser nada higiênico. Não use geladeira ou ventilador para acelerar a secagem do produto. Eles resfriam, mas não secam a base, levando o sabonete a transpirar depois de pronto. As sobras não devem ser derretidas muitas vezes, pois o sabonete vai perdendo o brilho. Podem ser colocados extratos glicólicos que não tem cheiro e fazem bem para a pele na massa dos sabonetes.(Ex. algas - hidratante, aloe-vera - amaciante, aveia - pele seca, erva doce - pele oleosa, camomila - pele normal, etc.). Procure colocar essências e cores que combinam. Por exemplo: erva cidreira - verde, flor de laranjeira - laranja, camomila - amarelo. Não deve ser colocado erva cidreira com corante vermelho, por exemplo. Conservantes - Nipagim: para produtos aquosos - Nipazol: para produtos oleosos - Zoonem: serve para qualquer produto. Caso seu sabonete fique "suado" algumas horas após estar pronto, pode ser porque a base ficou muito quente na panela ou porque foi derretida muitas vezes.

Secagem e acabamento do Sabonete: • Depois de desenformado, o sabonete deve permanecer secando pelo menos de um dia para o outro. Para dar o acabamento, passar um paninho (malha) umidecido no álcool de cereais esfregando as bordas e beiradas do sabonete. Depois, passar o paninho seco, para dar o brilho e o acabamento final. Se você. Embalar o sabonete logo depois dele ser retirado da fôrma, você. Corre o risco do mesmo secar depois de embalado e aí o plástico fica feio e franzido. Após a embalagem, se ficar uma bolha de ar no plástico, a mesma pode ser furada delicadamente com uma agulha.

• •

Fórmulas

Sabonete Glicerinado Transparente01 quilo de base transparente Para cada 300 gr., acrescentar aproximadamente 10 ml. de essência. Corante a gosto, sem excesso. Álcool de cereais.

Sabonete Glicerinado Fosco Acrescentar Dióxido de Titânio, com ou sem corante.

Derreter a base numa panela em banho-maria. Nunca leve o produto direto ao fogo, pois o mesmo é inflamável. Após a mesma derretida, adicionar o corante ou o dióxido de titânio. Após a retirada do fogo, mexer um pouco e borrifar álcool de cereais para acabar a espuma que se forma. Esperar esfriar um pouco, para misturar a essência. Depois, é só enformar!!

Variações: • Sabonete com ervas Colocar as ervas no fundo da fôrma, jogar um mínimo de massa, só para prender as ervas e esperar esfriar um pouco. Em seguida, encher o resto do espaço da fôrma.

• Sabonete infantil Pegar um bichinho ou brinquedo de borracha. Verificar se não há furinhos na peça e caso haja, tampar com durepoxi ou cola quente, evitando que se formem bolhas no sabonete pronto. Colocar pouco corante na massa, para que o objeto apareça bem dentro do sabonete pronto. Pega-se a peça e a coloca no fundo da fôrma. Se for preciso, usar o procedimento anterior, prendendo a peça no fundo da fôrma com um mínimo de massa. Encher a fôrma toda e deixar secar.

• Sabonete dentro de sabonete Aproveitar "restos" de sabonetes, ou cortar tirinhas ou quadradinhos formando desenhos, ou mesmo enformar sabonetes foscos em forma de coração, folhas, flores, bichinhos, etc., para serem colocados dentro de sabonetes transparentes.

• Sabonetes marmorizados Pingar gotinhas de corante no fundo da fôrma. Jogar em seguida, a base derretida, já com corante e essência. Com um palitinho, espalhar as gotinhas do corante, para dar um efeito mais manchado. Este sabonete pode ser feito com a base transparente ou fosca, com ou sem cor.

Onde encontrar: Seguem algumas sugestões de lojas, onde se encontra material de boa qualidade e produtos confiáveis. • Mix das Essências Rua São Paulo, 1071/05 e 07 - Centro - BH Rei das Essências Rua Tupis, 85 -loja 9 - Centro - BH Empório das Essências Av. N.Sra. de Fátima, 1847 - Carlos Prates

1

Casa das Essências Rua Tupis, 171 lj. 05

Casa da Resina Ltda. (material completo para as fôrmas de silicone) Av. Pedro II, 346 - Carlos Prates

Mundo da Resina (material completo para as fôrmas de silicone) Rua Violeta Melo, 525 - Alípio de Melo

2

Jadir – Fábrica de fôrmas de silicone Av. Érico Veríssimo, 2.148 – Santa Mônica 3452-9674 Argila – 3241-1243

3

Fórmulas de produtos de banho e higiene

Sais de Banho 900 gr. de cloreto de sódio (grosso ou fino) 100 gr. de sulfato de magnésio 10 ml. de essência corante ervas ou pétalas de rosas (opcional) 5 gr. de Lauril em pó (opcional para proporcionar efeito de espuma) Em um saco plástico, misturar o sulfato de magnésio, (amassando as pelotas que se formam) com o cloreto de sódio. Adicionar a essência e o corante. Agitar misturando bem todos os componentes. Colocar o lauril e as ervas. Obs.: Se o clima estiver muito úmido (chuva ou cidade de beira de praia), alterar a fórmula para 800gr. de cloreto de sódio e 200 gr. de sulfato de magnésio

Sabonete de café e menta 01 quilo de base para sabonete 01 colher bem cheia de pó de café 30 ml. de essência de menta ou hortelã Misturar aos poucos a base no pó de café, mexendo lentamente. Cuidado para o pó não embolar. Colocar na fôrma com a mistura bem morninha. Este sabonete é indicado para lavar as mãos, tirando o odor de comida, cigarro,etc. Não serve p/ o corpo.

Óleo Hidratante pós-banho 700 ml. de óleo mineral 50 ml. de Dehydol 50 ml. de Miristrato de Isopropila 200 m. de óleo vegetal (uva, abacate, macadâmia, amêndoas) 1 pitada de BHT (antioxidante) 1 pitada de nipasol 10 ml de essência Misturar tudo muito bem e envasar.

Sabonete de argila e mel 01 quilo de base glicerinada já derretida Misturar bem na base 2 colheres de sopa de argila em pó 1 colher de sopa bem cheia de mel 10 ml. de extrato glicólico de pepino (opcional) 30 ml. de essência Obs.: Nesta massa, pode ser colocada para enriquecer a receita aveia, farinha de amêndoa e gergelim (1 colher de sopa bem rasa) tornando o sabonete mais hidratante e humectante, além de esfoliar. Obs.II – Para fazer o sabonete só de mel, colocar 2 colheres (sopa) de mel e essência de mel.

Sabonete para os pés 01 quilo de base glicerinada 15 ml. De essência de limão 15 ml. De essência de hortelã 10 ml de Cloreto de benzalcônio Dissolver á parte e misturar na base derretida: 2 gr de mentol dissolvido em 2ml de álcool de cereais 3 gr de cânfora dissolvida em 2ml de álcool de cereais Corante a gosto. Obs.: Este sabonete é anti transpirante, anti bactericida e fungicida. Refresca, perfuma e descansa os pés, ajudando a eliminar odores.

Sachê de Sagu

500 gr de sagu 30 ml. De miristrato de isopropila 20 ml de essência corante a base de óleo a gosto Misturar tudo em uma vasilha de vidro. Deixar secar por duas horas. Só após a secagem é que o sagu vai ficar soltinho e perfumado.

Sache de pétalas, folhas e sementes desidratadas

Aproximadamente 500 gr de plantas desidratadas 30 ml de essência 20 ml de álcool de cereais 20 ml de propilenoglicol (tem a função de fixar o perfume nas pétalas)

Sabonete Líquido (Espuma de Banho)

01 litro de base para sabonete liquido da MIX (Pode ser comprado em outra loja) 10 gotas de zoonen (conservante) por litro de água 3 litros de água corante essência Misturar tudo, deixando a essência por ultimo Para transformar o sabonete líquido em gel - Derreter no fogo, ä parte, 100 gr. de “Cutina DSP” em 1 litro de Lauril. Colocar aproximadamente 100 ml. desta mistura ma receita acima. Mexer bem e então ir jogando bem aos pouquinhos uma mistura de sal derretido em um pouco de água (salmoura) até dar a consistência desejada.

Shampoo para cabelos oleosos Na receita acima, fazer as seguintes alterações, aumentando a mesma: 100 ml. de lauril 80 ml. de Amida 90 20 ml. de extrato glicólico de Alecrim (combate à seborréia e a caspa) por litro de água

Água de passar roupa 01 litro de água 20 ml. de álcool de cereais 20 ml. de amaciante de roupas 5 ml. de essência 10 gotas de zoonen (conservante) Misturar a água com o álcool e o conservante. À parte, misturar a essência no amaciante e só depois de bem misturada, adicionar nos outros produtos. Se não for feito este procedimento, a água fica oleosa. Caso isto aconteça, coar toda a mistura num filtro de papel tipo Mellita.

Sabão de lavar roupa tipo "Ôlla" 01 litro de Texapon HBN 500 ml. de Ácido Sulfônico neutro 100 ml. de amida 90 03 litros de água

corante essência (de preferência mais suave) salmoura (água e sal) 06 ml. de formol (para conservar) CUIDADO COM O USO DE FORMOL!!!! Misturar muito bem o texapon, o ácido sulfônico e a amida 90. Acrescentar aos poucos e lentamente a água. Adicionar o corante e a essência. Acrescentar aos poucos a salmoura, até que a mistura tome uma consistência de detergente.

Formula para desmineralisar a água 1 litro e meio de água 2 gr de EDTA dissódico 15 gotas de conservante zoonen

Soluções

Solução de Dióxido de Titânio Diluir em 300 ml. de álcool de cereais, 10 gr. de dióxido de titânio.

Solução de salmoura Diluir em 01 litro de água, 04 colheres de sopa de sal fino ou, se possível, de cloreto de sódio.

Solução para desidratar ervas Diluir em 01 litro de água, 01 colher de sopa de sulfato de magnésio.

Carla Peixoto de Melo Rua Goitacazes, 52/601 - Centro BH - MG (31)3274-4874 (31)3226-7125 (31)9991-3337

Curso Avançado de Sabonetes Glicerinados e Produtos de Banho

Fórmulas e Receitas

Óleo Trifásico pós-banho Fase "A" 340 ml. de Sorbitol 10 ml. de Proteinan 10 gotas de Zoonen 30 ml. de água corante a base de água Fase "B" 200 ml. de Cetiol HE Fase "C" 420 ml. de óleo mineral Corante a base de óleo 10 ml. de essência Modo de preparo: Fase "A" Dissolver o corante na água Adicionar o Zoonen e o Proteinan no Sorbitol e misturar até ficar totalmente homogêneo e em seguida adicionar a água e o corante a esta mistura. Mexer até ficar totalmente misturado. Fase "B" Medir o Cetiol Fase "C" Dissolver o corante no óleo mineral e adicionar a essência. Misturar as 3 fases numa vasilha e misturar bastante até homogeinizar. Depois, envasar. Deixar o óleo descansar. Após algumas horas, o efeito "trifásico” aparecerá.

Óleo pós-banho (tipo Séve) 200 ml. de óleo de semente de uva 2 gr. de Nipazol (conservante) 1 gr. de BHT (antioxidante) 800 ml. de Miristrato de Isopropila Aquecer o óleo vegetal com o Nipazol e o BHT Retirar do fogo e acrescentar o Miristrato. Adicionar a essência

Sabonete Líquido Hidratante especial para o rosto 01 litro de base para shampoo perolada da MIX 100 ml. de Dehiton KB (anfótero) (serve para suavizar o lauril e espessar o shampoo) 100 ml. de amida 90

100 ml. de lanolina etoxilada 100 ml. de mel 100 ml. de leite de cabra 10 gr. de nipagim ou aprox. 30 gotas de zoonen essência a gosto (aprox. 10 ml. por litro) Misturar tudo, deixando a essência por ultimo. Colocar 100ml. da mistura de cutina com lauril. Engrossar mexendo lentamente e colocando aos poucos a salmoura.

Creme Hidratante para os cabelos 50 gr. de álcool cetoestearílico 20 gr. de vaselina sólida 20 ml. de quaternário de amônio 100 ml. de propilenoglicol 20 ml. de emulsão de silicone 20 ml. de óleo de semente de uva e 01 gr. de BHT 20 ml. de lanolina etoxilada 800 ml. de água essência e corante a gosto 10 gotas de zoonen Aquecer 500 ml. de água a aprox. 80 graus e acrescentar o álcool cetoesteárico e a vaselina sólida. Misturar até derretimento completo e tirar do fogo Acrescentar o quartenário e misturar bem durante alguns minutos (de preferência com a batedeira de bolo) Acrescentar o propilenoglicol e misturar mais uns 5 minutos. Acrescentar o restante da água (300 ml.) e os outros componentes, deixando por último o silicone. Misturar por mais 5 minutos. Obs. Caso o cabelo seja muito seco, pode se colocar 20 gr. de manteiga de caritê e mais 100 ml. de Propilenoglicol.

Loção Hidratante para o corpo

2 gr. de Carbopol 10 gr. de Ácido esteárico 5 gr. de Cutina MD 02 gr. de Lanete 20 ml. de óleo de abacate (amêndoa ou semente de uva) e BHT 20 ml. de Propilenoglicol 10 gotas de Zoonen 6 ml. de Trietanolamina 920 ml. de água 20 ml. de emulsão de Silicone (Mix 1052) corante essência

Em 500 ml. de água, adicionar as 2 gr. de Carbopol. Deixar de molho por 2 horas e após, aquecer mais ou menos a 70'. Adicionar o corante.

Em uma panela, colocar o ácido esteárico, a cutina e o lanete, junto com o óleo. Aquecer mexendo lentamente até derretimento. Misturar com a água quente do Carbopol, agitando lentamente. Em um copo, diluir separadamente 6ml. de Trietanolamina em 50 ml. de água. Misturar com agitação forte aos outros ingredientes. Adicionar o Propilenoglicol, e o zoonen. Adicionar o restante da água (370 ml.) lentamente, mas com agitação forte. Adicionar a emulsão de Silicone e por último, a essência. Envasar com o creme ainda quente.

Gel Hidratante pós Banho

5 gr. de Carbopol 10 gr. de Tritanolamina 40 ml. de Propilenoglicol 8 ml. de essência 900 ml. de água 10 gotas de zoonen 20 gr. de Tween 20 20 ml. extrato glicólico (Pode ser colocado 10 ml. de cada tipo. Neste caso os extratos a serem usados precisam ser claros) Dissolver o Carbopol em 800 ml. de água, esperar 2 horas e adicionar o corante. Misturar separadamente 50 ml.de água e a Trietanolamina. Agitar bem e misturar na solução anterior com agitação forte. Misturar separado o Tween e a essência. Acrescentar o zoonen e o Propilenoglicol. Misturar bastante e juntar com o que já foi feito agitando lentamente. Adicionar o extrato glicólico lentamente.

Gel para Cabelo (Brilho Molhado)

Seguir os mesmos passos da fórmula anterior, com as seguintes diferenças: 80 gr. de Propilenoglicol 20 ml. de PVP-K90 (luviscol) Tirar o extrato glicólico

Gel Redutor

12 ml. de salicilato de metila 15 ml. de extrato glicólico (5 ml de cada: Castanha da Índia, Centelha asiática, Urtiga) 50 ml. de Tween 20 10 gr. de Carbopol 20 ml. de Propilenoglicol 30 ml. de álcool Isopropílico 20 gr. de Cânfora 6 gr. de mentol 850 gr. de água Dissolver o carbopol em 800 ml. de água e deixar por duas horas. Usando a batedeira, acrescentar o corante, os extratos e o propilenoglicol. Dissolver paralelamente o Salicilato no Tween 20. Acrescentar também a cânfora, o mentol, o salicilato de metila e o álcool isopropílico e a trietanolamina. Colocar esta segunda mistura na primeira, batendo com a batedeira.

Sais de Banho efervescentes

2 xícaras de bicarbonato de sódio 1 xícara de ácido cítrico 1 xícara de amido de milho (maisena) 1 colher de lauril em pó (opcional - caso queira os sais espumantes) 8 ml. de essência Corante ervas ou pétalas de rosas (opcional) Misturar tudo e aos poucos ir borrifando água até atingir uma umidade que dê para amassar a mistura. Não pode ficar muito úmido. Enformar apertando bem, desenformar em seguida e deixar secar algumas horas antes de embrulhar.

Creme hidratante a base de uréia

Aquecer 200 gr. de base Croda (MIX) em 500 ml. de água. À parte, misturar 350 ml. de água em 50 gr. de uréia. Misturar as duas partes e perfumar. Aditivos: 10 ml. de glicerina bi destilada

Carla Peixoto Rua Goitacazes, 52/601 - Centro BH - MG (31)3274-4874 (31)3226-7125 (31)9991-3337

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->