Você está na página 1de 20

Ficha técnica
2012 – SEBRAE-MG Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial, de qualquer forma ou por qualquer meio, desde que divulgadas as fontes.

SEBRAE-MG Lázaro Luiz Gonzaga Presidente do Conselho Deliberativo Afonso Maria Rocha Diretor-superintendente Luiz Mário Haddad Pereira Santos Diretor-técnico Elbe Brandão Diretora de Operações

Unidade de Atendimento Individual ao Empreendedor Mara Veit Gerente Viviane Soares da Costa Wellington Damasceno de Lima Equipe Técnica Consultoria Jurídica Chaves Vilhena Sociedade de Advogados Revisão de Português Alisson Campos

setoriais (associações. revistas e Internet) e participação em Feiras Atenção: é recomendável a leitura do manual “Ponto de Partida – Como abrir uma empresa”. O Sebrae-MG não se responsabiliza pelo resultado final do empreendimento. como comportamento empreendedor. A equipe de profissionais responsável pela elaboração dos manuais tem a preocupação de manter as informações atualizadas. visite um dos nossos Pontos de Atendimento. Para mais informações. experiência. “Quais são as instituições ligadas a esta atividade?”. instituições e Eventos. dentre outros.com. . atenção às características próprias do segmento. É objetivo deste manual oferecer respostas a questões tais quais “Como funciona o empreendimento?”. por meio de consulta frequente a empresários. Conselhos Regionais).sebraemg. sindicatos. bem como pela leitura (livros. “Existe legislação específica?”. entre outras. “Quais os equipamentos necessários?”.br ou ligue 0800 570 0800. uma vez que o sucesso de um negócio depende de muitos fatores. acesse www. Entretanto. existência de mercado.Apresentação Quer abrir o seu próprio negócio? Ponto de Partida: aqui começa o sucesso A série Ponto de Partida é constituída por manuais com informações essenciais sobre a abertura de negócios. para obtenção de outras informações importantes e complementares. o Sebrae-MG dispõe de diversos programas para orientar e capacitar empreendedores e empresários. consultores especializados.

............................................................................................................................ 12 Legislação específica. 17 Sugestão para leitura .. 19 .......... 13 Endereços úteis ............Sumário O negócio..................................................................................... 10 Recursos humanos ............................................................................................................................ produtos e serviços .............. 11 Equipamentos................................................................................ 18 Referências .............................................................................................................................. 5 Local e estrutura ...................................

Consultoria: "serviço prestado por uma pessoa ou grupo de pessoas independentes e qualificadas para a identificação e investigação de problemas que digam respeito à política. de forma a recomendarem a ação adequada e proporcionarem auxílio na implementação dessas recomendações". orientação e assistência operacional para a gestão do negócio prestado a empresas e a outras organizações. As atividades de consultoria às atividades agrícolas e pecuárias (7490-1/03). Entre outras (verificar código de acordo com a área de atuação). interna e externa. devendo o empreendedor consultar as autoridades fiscais e um contador ou contabilista antes mesmo do registro da empresa . reengenharia.  - A definição de métodos e procedimentos de contabilidade geral. As atividades de consultoria em Meio Ambiente (7490-1/99). diagnóstico do problema. recomendações e implementação de soluções.. organização. A consultoria para a negociação entre empresas e seus trabalhadores. O primeiro aspecto a ser considerado refere-se ao fato de a relação de consultoria consistir em um trabalho de auxílio.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ O negócio Saiba mais sobre a montagem e o funcionamento do seu futuro empreendimento De acordo com a Classificação Nacional de Atividades Econômicas – CNAE. A consultoria em relações públicas e comunicação. As atividades de contabilidade (6920-6/01). controle orçamentário. A definição acima contém alguns aspectos-chave. a atividade de consultoria1 se divide de duas formas:  Consultoria em gestão empresarial. São eles: auxílio. consultoria. Consultoria técnica específica e compreende: A consultoria em tecnologia da informação (6204-0/00). gestão etc. de contabilidade de custos. As atividades de consultoria em publicidade (7319-0/04). em matéria de planejamento. procedimentos e métodos. informação. devendo o consultor deixar essa questão bem clara para todos na empresa em que irá prestar o serviço. de controle de orçamentos. O Sebrae Minas se isenta de responsabilidades quanto ao enquadramento do negócio na CNAE. Consultoria em Direito (6911-7/01)./2012 5 . A consultoria em logística de localização. __________________________________________________________________________ data da atualização: jun. organização. exceto consultoria técnica específica (7020-4/00) e compreende: Os serviços de assessoria. Isso é fundamental para evitar que os funcionários e/ou gerentes percebam o consultor como um estranho ou alguém que deseja 1 A classificação acima é uma indicação para melhor entendimento do negócio e o que ele compreende.

a partir do fornecimento de informações importantes pelos funcionários. devendo ser realizado com todo o cuidado. abertura. respeito. facilitando o desenvolvimento do trabalho de consultoria. colaboração e ajuda mútua. o consultor deve realizar um exercício de autocrítica. O diagnóstico do problema é uma das fases mais importantes no processo de consultoria. capacidade de relacionar-se eficazmente com os clientes e participantes do esforço de mudança.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ ocupar o lugar deles na empresa. o consultor deve apenas propor soluções. Não obstante a importância das opiniões e percepções do cliente. o consultor sempre deve fazer uma avaliação crítica relativa à situação. a fim de avaliar suas motivações quando da proposição de uma ação. Isso porque a visão do cliente pode estar influenciada por fatores subjetivos. que possam ser implementadas efetivamente. não basta para assegurar a competência técnica desse profissional. Nesse caso. na medida em que obriga o consultor a propor soluções aplicáveis. que dificultam a real identificação do processo analítico. Dentre os que rejeitam a participação vigora o argumento de que o consultor que assim proceder estará assumindo o papel dos administradores da empresa. porém. Perfil do consultor O consultor deve dominar a tecnologia disponível. A participação do consultor no processo de implementação das soluções constitui um aspecto polêmico da relação de consultoria. durante a consultoria. Essa atitude. Outro benefício desse modelo é a redução da dependência da empresa em relação ao consultor. aprendem o processo de resolução de problemas similares. saber utilizar os recursos e escolher o que é mais apropriado em cada caso. uma vez que os funcionários/gerentes. isto é. Nesse sentido. Ao deixar essa posição clara. __________________________________________________________________________ data da atualização: jun. Ter embasamento teórico e técnico é valioso./2012 6 . o consultor não deve aceitar passivamente a definição do problema apresentado pelo cliente. facilita o processo de implementação das mudanças necessárias. criando um clima de confiança. Já os que defendem a participação afirmam que ela é importante. além de contribuir para o diagnóstico do problema. As recomendações propostas têm que realmente contribuir para a resolução do problema do cliente. buscando verificar se esta é a mais adequada ao caso ou se apenas é a solução preferida pelo consultor. sendo defendida por alguns autores e rejeitada por outros. É importante que o consultor tenha competência interpessoal. o consultor poderá estabelecer um relacionamento harmonioso na empresa. Os funcionários/gerentes da empresa cliente devem ser envolvidos em todas as etapas do processo de consultoria. Assim. o consultor pode deparar-se com uma situação na qual o cliente já definiu o problema. isto é. Por diversas vezes. já que os funcionários/gerentes sentem-se comprometidos com as soluções.

competências técnicas. maturidade emocional. convicção de si mesmo e daquilo que está fazendo. de modo a conhecer as inovações em seu campo de atuação. saber interpretar comportamentos alheios. performance ética. O consultor deve manter em completo sigilo as informações do cliente. como: credibilidade. uma vez que o consultor. capacidade de inovação. problemas similares no futuro. discrição/sigilo (preservar a imagem do cliente). gostar de gente. que deverá estar apta a resolver. O bom relacionamento deve ser mantido com outros consultores/empresas de consultoria. em sua atuação. O primeiro deles é a fixação do âmbito de atuação da consultoria. gosto pela investigação. quando se trata de consultoria. Antes de aceitar um trabalho. experiência profissional e cultura geral. o que é preferível a uma relação de eterna dependência. ainda. Confira os "Pré-requisitos Importantes para ser Consultor" (Bastos. evitando. Devem ser claramente definidos os níveis de abrangência da ingerência do consultor e identificadas as expectativas de ambas as partes. deve promover o aprendizado da empresa. realizar comentários depreciativos com terceiros. por si mesma. dirigir reuniões de forma adequada. imparcialidade de julgamento. A capacidade de transmitir conhecimentos é muito importante para o sucesso da consultoria. flexibilidade. flexibilidade (capacidade de desempenhar diferentes papéis dentro de sua função). capacidade de análise e síntese. é a ética do consultor. de educar. É imprescindível ainda que o consultor atualize-se constantemente./2012 7 . 1999): conhecimento técnico. Ressaltamos ainda alguns outros requisitos abordados por outros autores. desprendimento. gerenciar conflitos e transmitir conhecimentos são alguns dos comportamentos essenciais a um consultor. com o objetivo de evitar mal-entendidos e frustrações ao longo do processo. humildade. criatividade. Ética na consultoria Um dos temas recorrentes. que englobe todas as categorias de consultoria.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Habilidades como saber ouvir. o consultor deve estar plenamente consciente de sua capacidade (técnica e emocional) de realizá-lo. conceitual e humana. interesse e comprometimento. A transferência de conhecimento possibilita que a empresa se torne autônoma em relação ao consultor. Apesar de não existir um código de ética único. de fazer crescer. capacidade de trabalhar em grupo. resistência à frustração. __________________________________________________________________________ data da atualização: jun. evitando desqualificar os concorrentes. alguns comportamentos são considerados essenciais nesse tipo de relação.

de forma genérica. Nesses casos. advogados. como transporte. inclusive em relação a salários e carga horária. como trabalhos acadêmicos. Por exemplo: uma empresa que está começando e ainda não possui muitos clientes. A consultoria empresarial pressupõe a prestação de serviços técnicos regulamentados em Lei. engenheiros etc. É o caso de empresas de prestação de serviços de apoio e execução de tarefas de mero expediente.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Os resultados da consultoria são de propriedade da empresa cliente. e utilizam. o termo consultoria não é adequado e deve ser substituído por outro. Formas de atuação em consultoria O serviço de consultoria pode ser prestado das seguintes formas: Associados: consultores de diversas áreas que se associam para formar a empresa. Observa-se que muitas pessoas manifestam interesse em constituir pessoas jurídicas para fins de prestação de serviços a outras empresas. Lembre-se: A forma de contratação está diretamente ligada à demanda pelo serviço de consultoria. ou de serviços relacionados à atividademeio da empresa contratante. Prestadores de serviços autônomos: profissionais contratados esporadicamente para uma demanda específica. Nesse caso. O pagamento pode ser feito por hora ou pelo trabalho prestado. o termo consultoria empresarial. como acompanhamento e manutenção. indicando explicitamente o objeto da consultoria. e somente nessas situações devem ser utilizados. __________________________________________________________________________ data da atualização: jun. telemarketing. a área técnica de abrangência do serviço a ser prestado. será que compensa a ela ter empregados contratados? Empresa de consultoria Empresas constituídas para fins de prestação de serviços de consultoria empresarial devem necessariamente especificar seu campo de atuação. é necessário verificar na entidade de classe questões relativas à sua contratação./2012 8 . citamos recursos humanos (psicologia). levantamento de aplicação de recuros (administrador). ou seja. Os termos consultoria e assessoria são adequados para atividades técnicas que envolvam serviços regulamentados em Lei. Como exemplos. gestão e análise econômica (economista). O consultor deve solicitar a autorização dela quando desejar empregar as informações obtidas para outros fins. psicólogos. Empregado: nesse caso. cobrança e outros. publicação de artigos etc. ainda que os serviços a serem executados não sejam técnicos e profissionais e não exijam responsáveis habilitados como contadores. médicos. deve-se avaliar a melhor forma de distribuição dos encargos e lucros.

/2012 9 . Esse profissional não tem qualquer vínculo empregatício com a empresa cliente. relativos à estrutura. O material utilizado necessita ser bem elaborado visando facilitar o entendimento por parte do público. Pode ser contratado pela empresa cliente que necessita de certo serviço.  Consultor Externo: pode ser funcionário de empresa de consultoria e ser alocado para realizar trabalhos para determinados clientes. visando atender seu cliente na totalidade.  Consultor Autônomo: é um profissional qualificado. não vinculado a uma estrutura organizacional. É um trabalho que exige estreita relação de confiança com a empresa cliente.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Tipos de Consultoria  Consultoria Organizacional: atividade que visa à investigação. em que ocupavam cargos de nível executivo. funcionamento e administração de empresas e entidades privadas ou estatais. mediante contrato de trabalho por tempo determinado ou por realização de um projeto. à identificação.  Consultor Associado: pequenas e grandes empresas de consultoria empresarial buscam parcerias com outros profissionais para realizarem trabalhos. O consultor associado é chamado apenas para realizar determinado projeto e. Esses parceiros são denominados consultores associados. ao estudo e à solução de problemas gerais ou parciais. Outro ponto importante é necessidade uma postura altamente profissional. Esta é uma iniciativa bastante interessante. que atua independentemente em determinado projeto. o contrato está automaticamente desfeito. médio ou grande porte. mas por conta própria. ao fim do trabalho. Palestras Alguns profissionais da área de consultoria também optam por ministrar palestras em sua área de atuação.  Consultor Exclusivo/Particular: é um profissional que se dedica a oferecer aconselhamentos personalizados e a conduzir projetos especiais de consultoria a uma determinada empresa. Os consultores exclusivos provêm de empresas multinacionais. principalmente porque o mercado absorve muito bem os consultores que conseguem unem a teoria à prática do dia a dia das organizações. Pode ser realizada por meio de uma empresa de consultoria de pequeno. A divulgação das palestras ofertadas pelos consultores pode ser realizada dentro do próprio site da empresa ou em publicações direcionadas ao público-alvo. A agenda de palestras deve ser bem elabora para que o palestrante consiga cumprir todos os seus compromissos de maneira pontual. __________________________________________________________________________ data da atualização: jun.

Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Local e estrutura Acerte na escolha. O empreendimento deve contar com:       Recepção. bem como se as vias e ruas da região se encontram em bom estado. é recomendável que o empresário contrate um profissional qualificado para realizar a decoração do espaço. Área de atendimento ao cliente. principalmente se a região apresentar outras empresas do mesmo ramo. Copa. __________________________________________________________________________ data da atualização: jun. A infraestrutura é bem simples. Estacionamento./2012 10 . por isso. Além disso. a aparência do escritório deve remeter ao cliente uma imagem de profissionalismo. Sala para administração. construção e decoração do ponto A localização de uma consultoria deve estar diretamente ligada à região de maior concentração do público-alvo desse empreendimento. Banheiros. A visibilidade do negócio também é um fator importante. é importante verificar a facilidade de acesso ao local. Além disso. A disposição dos equipamentos dentro dos ambientes deve oferecer uma integração entre os diversos setores da empresa. O negócio pode estar instalado dentro de um escritório em prédios comerciais ou até mesmo em pontos comerciais.

Além disso. É de fundamental importância que os consultores tenham qualificação profissional para atuar nessa atividade. iniciativa. Administrativo-financeiro. Os serviços de consultoria empresarial demandam responsáveis técnicos devidamente habilitados e inscritos nos respectivos órgãos competentes. agilidade e presteza no atendimento. Por isso. No caso da consultoria. Algumas empresas dividem um percentual do lucro. Recepcionista. Assim. previamente combinado. com os seus funcionários. Auxiliar para serviços gerais. pela empresa. a fim de impulsionar os colaboradores a participar desses eventos. é recomendado que a empresa contrate profissionais que saibam atender bem. total ou parcialmente. na qualidade de responsável técnico pela atividade. quanto mais a empresa faturar. saber negociar. que irá variar de acordo com as necessidades do negócio:      Administrador. Consultores. diversas empresas apostam em cursos. o seu quadro de funcionários deve estar de acordo com a necessidade da empresa. 11 __________________________________________________________________________ data da atualização: jun./2012 . palestras e workshops voltados para a área de atuação do negócio. Esses cursos podem ser financiados. Sugestão de composição da equipe de trabalho. A empresa de consultoria empresarial fica obrigada a obter registro nos órgãos competentes pela fiscalização da atividade. devem ter características como saber ouvir os clientes. mais retorno financeiro os colaboradores também terão. naturalidade na orientação. ter equilíbrio emocional. boa vontade. além da manutenção do responsável técnico habilitado. capacidade de identificar as necessidades. Significa que a pessoa jurídica constituída para a prestação de serviços de consultoria empresarial deve especificar seu campo de atuação e manter um profissional habilitado por órgão competente de fiscalização.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Recursos humanos Possua um quadro de colaboradores à altura A empresa de consultoria técnica e empresarial lida com diversos problemas dentro das organizações e relaciona-se com diferentes pessoas. persistência e paciência. outras medidas motivacionais podem ser tomadas. Para que os colaboradores adquiram essas habilidades. Além disso.

canetas etc.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Equipamentos.) Softwares e programas de computador __________________________________________________________________________ data da atualização: jun./2012 12 . lápis. produtos e serviços Do que você precisa para montar Equipamentos      Computadores Impressoras Telefone Fax Scanner Mobiliário     Armários Arquivos Mesas Cadeiras Outros    Acesso a banda larga Materiais para escritório (papéis.

A atividade (consultoria técnica e empresarial) configura serviço cuja execução depende de habilitação profissional. empresas de consultoria ficam obrigadas a obter registro no Conselho de Classe fiscalizador da atividade profissional regulamentada em Lei. Nesse sentido. . As atividades de consultoria. Da atividade de consultoria Pesquisando textos legais diversos.839/80. geralmente sem função executiva. mas presta informações. consulta e elaboração de parecer técnico. em nível de consultoria.Decreto Federal nº 7. Observa-se que a legislação estipula que são atividades privativas da advocacia a consultoria e a assessoria.906/94 Artigo 1º: São atividades privativas da advocacia: 1. sem definir. elabora pareceres e garante apoio técnico para garantir sucesso e efetividade na execução de ações que são de responsabilidade da própria empresa. A postulação a qualquer órgão do Poder Judiciário e aos juizados especiais. Exemplos: consultoria em engenharia depende de registro da empresa de consultoria no Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura. em que consiste cada atividade individualmente considerada. 2. assessoria e direção jurídicas. Também é evidente que o serviço tem natureza consultiva. em determinada área técnica. cujo exercício dependa de habilitação técnica.Lei Federal nº 8. consultoria contábil depende de registro da empresa de consultoria no Conselho Regional de Contabilidade. contudo. O termo assessoria é ligado a auxílio. verificou-se que o legislador utiliza frequentemente o termo consultoria para definir atividade de aconselhamento.690/12 __________________________________________________________________________ data da atualização: jun. acompanhamento e assistência a alguém ou a algum órgão./2012 13 . transcrevemos trechos dos seguintes textos legais: . consistindo (em linhas gerais) em atividade de apoio técnico. objetivando definir legalmente a atividade de consultoria. regulada por legislação própria e sujeita à fiscalização do Conselho de Classe. Por força do que dispõe a Lei nº 6. Para ilustrar.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Legislação específica Conheça as leis que regulamentam o negócio que você pretende montar Considerações iniciais A prestação de serviços de consultoria técnica e empresarial pressupõe o atendimento de empresas na satisfação de demandas e solução de exigências de caráter técnico. pode-se dizer que o consultor não executa ações demandadas no âmbito das empresas.

diretrizes. e c) Consultoria Jurídica. 8º – Ao advogado-geral da União. especialmente na supervisão e na execução das atividades administrativas da Presidência da República e supletivamente da Vice-Presidência da República. Art. e 3. 4. elaborando pareceres e estudos ou propondo normas. b) Secretaria-Executiva: 1. Subsecretaria Geral. Assessoria Especial.Lei Complementar nº 123/06 Artigo 17º – Não poderão recolher os impostos e contribuições na forma do Simples Nacional a microempresa ou a empresa de pequeno porte: __________________________________________________________________________ data da atualização: jun. A legislação acima atribui função de acompanhamento e auxílio ao assessor. Consultoria e assessoria são termos que pouco se distinguem. medidas. assisti-lo no controle interno da legalidade dos atos da Administração. O texto acima define a Consultoria Jurídica como órgão de assistência ao Ministro de Estado em um organograma organizacional.649/98 Artigo 3º: À Secretaria-Geral da Presidência da República compete assistir direta e imediatamente o presidente da República no desempenho de suas atribuições.órgãos de assistência direta e imediata ao Ministro de Estado: a) Gabinete. Gabinete Pessoal do Presidente da República. dentre outras atribuições fixadas na Lei Complementar nº 73. Diretoria de Tecnologia da Informação. . 2. o mais elevado cargo de assessoramento jurídico do Poder Executivo. Vale destacar que a Lei que instituiu o Simples Nacional vedou a opção pelo regime respectivo para empresas que exploram atividade de consultoria. Gabinete.Lei Federal nº 9. envolvendo atividade técnica que em relação à primeira (consultoria) denota aconselhamento e consulta. Subsecretaria de Assuntos Administrativos. 2. sugerirlhe medidas de caráter jurídico reclamadas pelo interesse público e apresentar-lhe as informações a serem prestadas ao Poder Judiciário. Subsecretaria de Planejamento e Orçamento. de 10 de fevereiro de 1993. . tendo como estrutura básica: 1./2012 14 .Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Artigo 2º: O Ministério da Educação tem a seguinte estrutura organizacional: I . incumbe assessorar o presidente da República em assuntos de natureza jurídica. quando impugnado ato ou omissão presidencial. e em relação à segunda (assessoria) envolve principalmente acompanhamento e auxílio. 3.

Sujeita-se o infrator à interdição do estabelecimento comercial ou industrial. por órgãos ou Conselhos de Classe. para exercício de profissão regulamentada em Lei. A habilitação profissional expedida pelo Conselho de Classe geralmente depende de formação acadêmica em curso de graduação de nível superior. estabelecendo que os textos de obras literárias. psicossocial. há exigência de atuação do consultor nas áreas jurídica. para fins de estudo. segurança no trabalho. na medida justificada para o fim a atingir. indenização por perdas e danos e pena de reclusão. Diante disso. independentemente do registro na entidade pública competente. pedagógica. indicando-se o nome do autor e a origem da obra. farmácia e outras diversas. jornais. regulamenta os direitos autorais no Brasil. de engenharia e arquitetura. fruir e dispor de sua obra. bem como responsabilidade civil e criminal. biblioteconomia. em escola reconhecida pelo Ministério da Educação. A Lei n° 9. serviços de consultoria técnica e empresarial podem ser explorados por empresas que mantêm em seus quadros profissionais habilitados tecnicamente pelo respectivo Conselho de Classe. análise de sistemas de informação e informática. cabendo ao autor o direito exclusivo de utilizar. de passagens de qualquer obra. financeira e econômica./2012 15 . de acordo com o ramo de negócio e o segmento empresarial do demandante. Da função do consultor Na exploração do serviço de consultoria técnica e empresarial. de acordo com a demanda específica surgida e a necessidade de atuação do consultor. crítica ou polêmica.610. perda e confisco do material. química. Em situações variadas e níveis diversos. O consultor pode ser empregado ou prestador de serviços terceirizado (autônomo) especificamente contratado para uma determinada demanda. médica. revistas ou qualquer outro meio de comunicação. de 19 de fevereiro de 1998. __________________________________________________________________________ data da atualização: jun. A violação dos direitos autorais é crime e acarreta ao infrator sanções administrativas. gozam de proteção e asseguram ao autor direitos morais e patrimoniais. Direitos autorais O material utilizado em palestras deve respeitar a Lei de Direitos Autorais. a função do consultor pode envolver as mais variadas áreas do conhecimento humano.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ XIII – Que realize atividade de consultoria. Serviços de consultoria para empresas são prestados por empresas ou profissionais legal e tecnicamente habilitados para tanto. entre outras. Não constitui ofensa aos direitos autorais a citação em livros. contábil.

690. de 4 de julho de 1994 – Dispõe sobre o Estatuto da Advocacia e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). de 19 de fevereiro de 1998 – Altera. e revoga as Leis n f) os 9.649.610. haja vista que exigências.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Conclusão Informações detalhadas sobre a obtenção do registro da empresa de consultoria nos Conselhos de Classe e contratação de consultores devem ser solicitadas diretamente às respectivas entidades. Tipos de licenças necessárias para seu empreendimento Licença ou Alvará de Funcionamento Licença Ambiental Prefeituras Órgãos municipais ou estaduais de Meio Ambiente Fundamentação legal a) Lei Federal n° 6. de 1º de maio de 1943. d) Lei Federal nº 9. e 9.839. pressupostos e requisitos para tanto são definidos por cada Conselho para os profissionais específicos que compõem seus quadros. É necessário e indispensável que o empreendedor solicite às autoridades fiscais informações atualizadas sobre exigências e requisitos legais para a regularização da pessoa jurídica e a exploração da atividade econômica.189. e) Lei Complementar 123. de 5 de dezembro de 1996. Decreto Federal nº 7. __________________________________________________________________________ data da atualização: jun. de 11 de janeiro de 1990. de 14 de fevereiro de 2001. altera dispositivos das Leis n os Vistorias e observância às normas de segurança Corpo de Bombeiros 8. da Lei Complementar nº 63.317. da Lei nº 10.452. b) Lei Federal nº 8. aprovada pelo Decreto-Lei n 5. de 30 de outubro de 1980 – Dispõe sobre o registro de empresas nas entidades fiscalizadoras do exercício de profissões. de 5 de outubro de 1999. de 2 de março de 2012 – Aprova a Estrutura Regimental e o Quadro Demonstrativo dos Cargos em Comissão e das Funções Gratificadas do Ministério da Educação. atualiza e consolida a legislação sobre Direitos Autorais e dá outras providências. ambas de 24 de julho de 1991.213. da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT./2012 16 .212 e 8. de 27 de maio de 1998 – Dispõe sobre a organização da Presidência da República e dos Ministérios e dá outras providências. Importante: A legislação brasileira está sujeita a alterações constantes. As instruções recebidas sobre legislação devem ser confirmadas pelas autoridades fiscais e pelo contador ou contabilista responsável pela escrita fiscal da empresa. de 14 de dezembro de 2006 – Institui o Estatuto Nacional da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte.841.906. c) Lei Federal nº 9.

/2012 17 .Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Endereços úteis Saiba onde você poderá obter mais informações ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE CONSULTORES EMPRESARIAIS .abracem.ABRACEM Av.5º Andar.br __________________________________________________________________________ data da atualização: jun.com.br FUNDAÇÃO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE .Belo Horizonte – MG Telefone Geral da Cidade Administrativa: (31) 3915-1000 www. 52 01310-300 – São Paulo – SP Tel.Serra Verde 31630-900 . Paulista. Cj.5417 E-mail: abracem@abracem.FEAM Cidade Administrativa do Estado de Minas Gerais Rodovia Prefeito Américo Gianetti.com.: (11) 3253. s/nº . 2202 .feam.br www.

834 – loja 4 30140-060 – Belo Horizonte – Minas Gerais Telefax: (31) 3226-7475 www./2012 18 .Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Sugestão para leitura Expandindo seu conhecimento Manual de consultoria empresarial: conceitos.br __________________________________________________________________________ data da atualização: jun.com.editoraatlas. metodologias e práticas Autor: Djalma de Pinho Rebouças de Oliveira Ano: 1996 – Páginas: 153 A publicação acima poderá ser adquirida no seguinte endereço: Editora Atlas Rua Timbiras.

Consultoria Empresarial.br>.cnae. Disponível em: <http://www. Maria Ignez Prado Lopes Bastos. Ser consultor é coisa cada vez mais séria.br>. Disponível em: <http:// www.com. 2012. 2012. Como escolher um bom palestrante.org/como_escolher_um_bom_palestrante.gov. Preciso de que tipo de licença para abrir o meu negócio? Pequenas Empresas & Grandes Negócios.semad. São Paulo.br/batebyte/edicoes/1997/bb62/consulto. 2012.gov. Makron Books. Disponível em: <http://carreiras.presidencia. __________________________________________________________________________ data da atualização: jun.br>. BASTOS. Acesso em: 5 jun. Valéria Serpa.palestrantes. Disponível em: <http://www.gov.htm>. Acesso em: 25 mai. out. Acesso em: 25 mai. nº 249.ibge. Classificação Nacional de Atividades Econômicas– CNAE. 2012. 2012. Disponível em: <http://www.mg. Acesso em: 05 jun.html>.htm> Acesso em: 5 jun.shtm> Acesso: 5 jun. 2009. O direito e o avesso da consultoria.br/carreira/administracao/planejamento/120902mercado_consultor.br>.gov. Disponível em: <http://www. 104-105. Presidência da República. Disponível em: <http://www.gov.Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ Referências Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais. Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável – Semad.empregos. pp. LEITE. Acesso em: 5 jun. 2012. São Paulo. 2012.com. 1999. Palestrante como ser um bom. Acesso em: 5 jun. 2012.pr./2012 19 .grupoempresariospiracicaba.br/2011/06/como-ser-um-bompalestrante. Disponível em: <http://www.almg.

/2012 20 .Consultoria técnica e empresarial _____________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________ data da atualização: jun.