Você está na página 1de 65

77 Dias de Despertar

U I

gas m V0 TáVMÍÁúl

77 Dias ae Despertar

Uma Jerrzaata ate libertação a0 meato

gas ta 1/0 Tanaka

Copyright 2015 Gustavo Tanaka


AII Rights Reserved

Mandalas por Felipe Boni

Para rru'arza mae, aae me abr/a e cam/arm aa

esIIa/r/taa [1a a a7 e.

Para e rrzea ¡aa/Ç aae abr/'a mae aos seas senhas

¡ae/as meas.

j? ara rru'atza ma, aae me abr/'a as olhas Para

rea/arena er a Vil/er.

Suri/tarte

Prefácio ..........................................................................
............................................................ ..6
Dia
1 .................................................................................
........................................................ ..10
Dia
2 .................................................................................
........................................................ ..17
Dia
3 .................................................................................
........................................................ ..28
Dia
4 .................................................................................
........................................................ ..34
Dia
5 .................................................................................
........................................................ ..41
Dia
6 .................................................................................
........................................................ ..48
Dia
7 .................................................................................
........................................................ ..54
Dia
8 .................................................................................
........................................................ ..59
Dia
9 .................................................................................
........................................................ ..69
Dia
10 ................................................................................
....................................................... ..76
Dia
11 ................................................................................
....................................................... ..80

Dia 12 -
Desfecho ..........................................................................
........................................... ..86

Prefácio

Meu nome é Gustavo Tanaka. Tenho 30 anos. Sou administrador de empresas e sou
empreendedor.

Quer dizer...

Pelo menos isso é o que eu achava que era. Era assim que me apresentava para as
pessoas.

Hoje eu já não sei mais como me apresentar.

Esses eram apenas rótulos que eu usava para me descrever. O problema dos rótulos é
que eles te limitam. Você não consegue ser nada fora daquilo que te define, quando
na
verdade, você é muito maior que isso.

O que você vai ler nas próximas páginas é uma viagem. É o relato de uma viagem de
transformação.

Talvez você não acredite na viagem. Talvez nada disso faça sentido para você.
Talvez
pense que é tudo coisa da minha cabeça.

Mas talvez não. É mais provável que aconteça o contrário. É mais provável que todas
essas palavras façam sentido para você. É mais provável que você sinta no seu
coração
que de alguma forma, você já sabia de tudo o que está escrito aqui. É mais provável
que esse conteúdo mexa com você e te transforme. Sua frequência vai mudar. Você
vai se sentir diferente. E vai ter vontade de compartilhar isso com alguém.

Fique livre e à vontade para compartilhar. Você é livre. Sempre foi.

Minha viagem não começou no que eu chamo de Dia 1. Minha viagem começou há
alguns anos. Eu sempre tive muitos planos e sempre quis ser feliz. Mas não era. E
não
conseguia ser, trabalhando no meu emprego.
Então comecei a me arriscar.

Comecei uma jornada de autodescoberta cerca de 7 anos atrás. Essa jornada envolve
grandes doses de empreendedorismo, risco, livros e mais livros e uma incessante
busca espiritual para entender a vida. Comecei também a me arriscar mais em direção
aos meus sonhos. Sempre que tinha vontade de começar algo novo, deixava esse
sentimento tomar conta de mim, até que não fosse mais possível permanecer na
atividade antiga.

Eu me desafiei, fui testando meus limites, tentei ter resiliência mesmo quando as
coisas não davam certo. Mas fui também fugindo de vários problemas, fui tomando
decisões baseadas no medo e não no amor. Fui deixando ser controlado pela mente
racional e não seguia totalmente a intuição.

Esse processo foi me fazendo ter contato com diferentes partes de mim mesmo. Fui
conhecendo máscaras que usava, fui conhecendo as diferentes faces do meu ego.

Tentei controlar tudo que acontecia na minha vida, tentei planejar tudo e tentei
direcionar para onde minha mente racional dizia para ir.

Quando as coisas começavam a dar certo, vinha a vida e me aplicava uma rasteira.

Vi que não conseguiria mais seguir adiante e comecei a mudar de estratégia. Comecei
a soltar, comecei a me entregar, comecei a deixar a vida trazer o que teria para me
trazer. Nesse processo comecei a me abrir, comecei a mostrar vulnerabilidade,
comecei a contar coisas que não contava para ninguém e comecei a aceitar coisas que
em mim, eu tentava esconder.

Um dia, cheguei a um limite pessoal. Esse limite é o que descrevo no começo dessa
conversa. Nesse limite, eu me entreguei por completo. Eu aceitei que não tinha
controle sobre nada, eu aceitei que não fazia mais sentido usar as minhas máscaras.
Eu
me preparei para receber o que quer que eu tivesse que receber.

Estava com uma sensação interna de desespero e tentei dar voz a esse desespero. A
maneira como sempre encontrei para entender melhor o que estou sentindo é
colocando palavras no papel. Eu ordeno meus pensamentos, traduzo sentimentos e
interpreto sensações que não consigo explicar enquanto estão dentro de mim.

Nesse momento de entrega, eu me livrei do medo. Não fazia sentido ter medo de mais
nada, pois eu estava me entregando para tudo aquilo que me assustava. Tudo aquilo
que me assustou a vida inteira, que era o fracasso. Eu havia chegado ao lugar que
sempre temi. Cada um tem uma definição de fracasso. Para mim, o fracasso era não
conseguir ter dinheiro para pagar minhas contas, era ter negócios que não davam
certo.

Quando eu cheguei nesse limite, eu me livrei do medo. Eu vi que o medo era


totalmente irreal. Que eu continuava vivo e que ele não era parte de mim. Era
apenas
uma frequência que eu estava vivenciando.

Então eu pedi ajuda e comecei a digitar palavras que faziam sentido para mim, mas
que eu nunca havia pensado antes. Normalmente quando escrevo, eu organizo ideias
que já permearam a minha mente em algum momento. Quando comecei a escrever,
sabia que não era um conhecimento que estava na minha mente. Sabia que não era
nenhuma das minhas ideias.

Eu me entreguei a esse processo. Deixei as ideias fluírem sem filtro. Deixei as


palavras
aparecerem sem colocar minha razão no meio de tudo isso. E à medida que fazia esse
processo, eu ganhava mais confiança e deixava ficar cada vez mais natural.

Apenas para descrever o processo, eu não entro em transe, eu não preciso meditar
antes de começar, eu não escuto vozes, eu não ouço ninguém me ditando. Eu apenas
sento e escrevo. É um processo tão natural e diferente de tudo o que eu imaginava.

Logo depois, comecei a perceber que eu conseguia acessar as mesmas informações


sem precisar escrever. Quando faço uma pergunta, a resposta vem, como forma de
palpite. É como se alguém pedisse para você inventar alguma resposta qualquer.
Então, é como se eu estivesse inventando todos esses conteúdos, mas com uma
diferença principal: esses conteúdos fazem sentido. Fazem muito sentido para mim.
Eu
sinto no coração e imagino que farão sentido para você também.

Nesse meio tempo, eu notei uma coisa que está mudando minha vida. Eu estou
silenciando minha mente racional. Eu estou com a intuição muito forte e consigo
tomar qualquer decisão com base no coração. Eu tenho palpites do que devo fazer e
não mato esses palpites com a mente. Eu aceito como sendo a verdade. Eu aceito que
cada pensamento que me acontece está vindo do coração e portanto é a verdade. É o
que deve ser feito, é o que deve ser dito, é o que deve ser expressado.

Acho que conseguem imaginar como isso muda uma vida. Quando você silencia sua
mente racional, começa a perceber que muitas das decisões que tomou na sua vida
foram erradas. Foram baseadas no medo. Então, todas as estruturas em que você
fundamentou sua vida, começam a se desmoronar. É como uma sequência de dominós
que começam a cair e derrubar um depois do outro.

Assim, todas as máscaras que eu vesti a minha vida toda começaram a cair. Todos
personagens que eu interprete¡ foram se dissolvendo. Pode parecer um pouco
assustador, mas não é. É doloroso. Porque dói ter que aceitar algumas verdades. Dói
saber que sua vida vai mudar e que tudo aquilo que você vivenciou vai ser apenas
memória.

Esse processo foi incrivelmente rápido. Foram 11 dias que mudaram toda a minha
vida. Eu destruí todos os meus paradigmas, me libertei de todas as amarras e
coloquei
minha vida em ordem, em uma outra configuração.

É libertador. Não tenho palavras para descrever o que é estar com a intuição
afinada.
Não tenho palavras para descrever o que é se sentir livre. Não tenho palavras para
descrever o que é não ter medo.

Eu não sei o que está por vir e nem preciso me preocupar com isso mais. Eu somente
preciso desfrutar de tudo o que está acontecendo.

Tudo que está acontecendo comigo é real e muito mais normal do que você consegue
imaginar. Eu sinto que o que quero de fato fazer é ajudar você que está nesse mesmo
processo. Você que está sentindo esse leve desespero interno. Você que sente que
essas palavras que eu escrevo fazem sentido.

Peço que não tente racionalizar, não tente encontrar palavras para descrever.
Apenas
sinta. Sinta essa mensagem no coração e deixe reverberar...

Boa viagem!
Estamos juntos. Como sempre estivemos.

Día 7

Eu cheguei ao meu limite. Perdi tudo o que tinha. Gaste¡ minhas reservas. Achei que
o cenário iria se reverter em breve. Então peguei empréstimos. Me endividei. Peguei
dinheiro emprestado de familiares. E de amigos.

E o dinheiro não veio.


Eu me enforquei.

Fiquei algumas semanas e meses sem olhar minha conta bancária para evitar a
preocupação. Fugi dos problemas. Mas eles continuavam lá. Roubando minha paz.
Vivia como uma pessoa em constante perigo. Parecia que estava com uma arma
apontada na minha cabeça.

Era impossível ficar calmo.

Eu até tinha alguns lampejos de calma. Mas logo recebia um SMS do banco me
cobrando. Depois vinha uma ligação. E enquanto eu não atendesse, eles não
desistiam. Comecei a acumular as cartas de cobrança no canto do escritório. Eu não
sabia nem mais o que fazer com elas.

Tentava fingir que elas não existiam.


Mas o frio na espinha continuava.
Um dia resolvi encará-Ios de frente. Precisava de um plano.

Acesse¡ minhas contas bancárias e vi que o problema era bem maior que eu
imaginava.

E agora?
Então comecei a pensar que o sistema financeiro não era justo.

Eu não estava ganhando um real. Mas estava tentando algo novo. Tinha propósito.
Queria ajudar as pessoas. Eu estava ajudando algumas.

Eu recebia mensagens de gratidão. Eu ficava feliz com isso.


Mas gratidão não paga conta.
Então eu não conseguia ficar feliz genuinamente.

Não sabia mais o que fazer.

Então comecei a pensar que talvez, eu não fosse o único sofrendo isso. Na verdade,
milhões de pessoas sofrem com isso todos os dias.

O sistema está errado.


Alguém precisaria desafiar o sistema. Mas como?

O mundo da forma como vivemos está errado. Criamos uma medida para definir as
relações e ela escraviza todos os seres humanos.

Com exceção da minoria que tem o controle do mundo e que têm dinheiro
suficiente, toda a população mundial vive em uma situação ruim.

Talvez se pudéssemos votar em acabar com o dinheiro, poderíamos mudar a forma


como o mundo é regido. Mas como?

Quais são as coisas para as quais eu preciso realmente de dinheiro?


Minhas contas de luz, água e energia deveriam ser bancadas pelo governo.

Eu poderia produzir meus próprios alimentos.

Minhas roupas poderiam vir de doações.

Alguns serviços que sempre foram pagos, como internet, começam a ser livres.

Eu preciso pagar por transporte. Mas posso não usar transporte coletivo e andar de
bicicleta. Mas e para ir para lugares distantes? Talvez eu nem precise ir para
lugares
distantes.

Como eu pago por diversão? Não é preciso pagar por diversão. Diversão é gratuita.

E demais serviços? Como corte de cabelo, por exemplo. Eu mesmo posso cortar meu
cabelo.

E todos os produtos que preciso, posso trocar por algo que tenho a contribuir.
Mas o que tenho para contribuir?

Se você plantar, você pode contribuir muito (nesse momento senti que não era mais
eu pensando. Estava escrevendo os pensamentos de outra pessoa se conectando
com os meus)

Mas como faço para iniciar esse processo?

Comece a ir atrás de pessoas que também querem que isso aconteça. Você não é o
único. Você não está sozinho. Por exemplo. Comece a plantar legumes. Eles crescem
rápido. Chame seus amigos que querem que esse movimento aconteça e ofereça esses
legumes para eles. Não venda por dinheiro. Peça algo em troca. Algo que eles têm
que

você não possui. Façam essa troca. Você vai ficar feliz. Eles também. Depois
marquem
de fazer isso mais uma vez depois de algumas semanas. Chame mais gente. E peça
para que ele chame mais gente também.

Você vai começar um movimento.


Interessante isso. Mas será que isso vai me prover todas as coisas que preciso?
Sim. Vai. O movimento vai ganhar proporções gigantescas. Você vai se surpreender.

Pense que está acontecendo um movimento sem volta. Não existe volta para o modelo
atual.

Ninguém aguenta mais. Veja os preços. Veja quanto as pessoas estão ganhando. Veja
a inflação. Veja os preços dos imóveis. Veja quanto dinheiro é investido em
startups.
Veja quantas empresas quebram. Veja quantas pessoas estão sofrendo. Veja quantas
pessoas estão na miséria. Esse é um movimento sem volta. Já está acontecendo. E vai
acontecer com, ou sem você.

Você não é um escolhido, ou iluminado. Você é apenas alguém que está insatisfeito
com o sistema atual e pode usar essa insatisfação e essa situação de desespero para
criar um modelo novo. Você pode desafiar tudo e todos. Pode transformar o modelo
atual.

Vai ser difícil. Você vai ter medo. Você vai querer desistir. Você vai ser
criticado. Você
vai achar que está louco.

Mas dentro de você tem a voz. Você tem a sabedoria. Você sabe que é possível.
Quanto tempo isso vai demorar?

Demorar para o que?

Demorar para dar certo e quebrar o sistema atual.

Vai demorar para quebrar o sistema atual. Mas os dois sistemas podem existir ao
mesmo tempo. Até chegar um ponto em que mais pessoas vão optar pelo sistema da
troca. Então, algumas nações vão optar por esse sistema. E aí o efeito ganha
velocidade. Mais e mais nações vão usar esse sistema e os países vão começar a
negociar entre si por esse modelo.

Como podem ser definidos os valores?

Os valores serão definidos com base na única forma possível. O bom senso. Se você
demora 2 semanas para produzir 50 pés de couve-flor e uma pessoa demora 2
semanas para produzir uma única peça de roupa, é provável que eles tenham o mesmo
valor. Não importa se você tem mais itens. Não importa se você é mais produtivo ou
se

ela é muito devagar. Você não quer premiar os mais produtivos. O capitalismo
começou assim. Você quer um modelo justo, onde cada pessoa tenha direito a ter tudo
o que precisar.

Nesse caso, não estaríamos retroagindo e voltando a um modelo de escassez?

A escassez é uma ilusão. A mentalidade da abundância vai predominar pelo planeta.


Então, a capacidade produtiva vai se multiplicar. Vocês terão acesso a novas
tecnologias e novas faculdades da mente. Será possível produzir muito mais coisas,
em
menos tempo. A arte vai ressurgir e coisas muito belas vão aparecer no planeta.

Como artes abstratas como a música poderão ser avaliadas? Um músico pode trocar
seu trabalho por quanto de produtos?

Boa pergunta. Um músico tem o efeito de manter o campo vibracional do planeta na


frequência correta. Esses profissionais serão valorizados pela sociedade e não
precisarão trocar. Eles receberão doações. Numa sociedade avançada, as pessoas vão
se oferecer para cuidar de quem cuida da harmonia do planeta.

Interessante. Meu pai é médico e lembro que ele recebia muitos presentes de
pacientes que ele atendia. Hoje isso é muito raro.

O mesmo acontecerá com professores? Quais outras profissões serão valorizadas


assim?

Terapeutas, professores, artistas, filósofos, cientistas... Você quer que essas


pessoas
sejam valorizadas, porque elas cuidam do outro. Elas cuidam da harmonia do planeta.

Mas eles não serão apenas recebedores. Eles vão receber muitas coisas e partilhar
muitas delas. Isso vai fazer a mercadoria circular.

Você vai querer enviar seus pés de couve-flor para o músico que compôs essa bela
canção que você ouve enquanto escreve (Rolf Lovland - Serenade to Spring). Ele vai
receber com gratidão, ficar somente com o necessário e repassar o excedente para
alguém que fez um bom trabalho para ele. A valorização será toda por bom senso.
Você não precisa barganhar e nem precisa desconfiar, pois numa sociedade moderna e
avançada, não há espaço para dúvidas de caráter. Você confia no julgamento do
outro.
Simples assim.

Isso quer dizer que não haverá juízes nem advogados?

Para que eles serviriam? Se não haverá conflitos e diferenças de julgamento, não há
necessidade de nada disso.

Quanto tempo isso vai demorar?

Não se preocupe com o tempo. O tempo é uma ilusão. Apenas concentre-se na sua
atividade hoje. O que vai acontecer será apenas um desdobramento de uma sequência
de atividades realizadas hoje com boas intenções e presença. Isso é tudo que você
precisa. Boas intenções e presença.

Quer dizer que eu devo apenas fazer as atividades por hoje, sem me apegar ao
resultado?

Exatamente. Você já sabe disso. Você vem vivenciando isso há um tempo já. O
resultado é ilusão. Faça as coisas pela beleza da atividade e acompanhe o ritmo do
seu
coração. Sua vibração é seu melhor guia. Aquilo que eleva sua vibração é o que deve
ser feito. Independente de resultado. Independente de momento.

É tudo muito incrível, mas tudo muito difícil. Eu estou nessa jornada há tanto
tempo...

Você acha que está há tanto tempo porque não tem perspectiva de quanto tempo
existe. Você nem sabe há quanto tempo está nessa jornada. Se soubesse que está há
milhares de anos, perceberia que alguns anos não representam absolutamente nada.

O tempo como você conhece é uma ilusão. Não deve ser parâmetro para nada. Para
absolutamente nada. O tempo como vocês veem hoje deve ser apenas um referencial
para ter um pouco de ordem na sociedade. Mas não deve ser uma medida de
realizações ou prazos. Não existem prazos. Não existem limites. Tudo é eterno.

Faz muito sentido isso. Mas voltando à questão financeira. Como faço para me
desprender agora, considerando que não tenho nada?

Se você não tem nada, por que tem medo? Você não tem nada a perder.
Mas e as dívidas? Com quem ficam?
Ficam com o banco.

Mas eu não conseguirei mais nada. Não conseguirei sair do país, não conseguirei
visto para outros países...

Por que você precisa sair do país?

Para expandir minha consciência, para conhecer diferentes lugares e diferentes


povos".

Em primeiro lugar, você não precisa sair de onde está para fazer qualquer viagem.
Você já leu sobre isso. Diversos mestres estiveram em diferentes lugares ao mesmo
tempo, sem sair de seu lugar de origem. E em segundo lugar, à medida que a
sociedade
avançar, as regras de imigração mudarão. E você poderá sair de onde está
tranquilamente.

E por último, mas não menos importante. Se você ajudar a contribuir para essa nova
economia, você será convidado para dividir sua experiência com outras pessoas em
diferentes locais do planeta. Elas te ajudarão a ter acesso a toda essa papelada,
que
logo se tornará desnecessária.

Quanto tempo isso vai demorar?

Mais uma vez você vem com essa pergunta sobre o tempo. Va¡ demorar uma
eternidade. Pois tudo é uma eternidade.

O que devo fazer hoje, então?

Hoje você deve apenas dormir. Mas amanhã você vai começar a sua jornada. Essa é a
sua verdadeira jornada. Esse é o propósito que você vem buscando há tantos anos.

O que acontecerá amanhã?

Você vai reler essa conversa e vai saber o que fazer. Não duvide de si mesmo. Não
duvide da voz que você ouve. Não é loucura. Não é devaneio. É o que existe de mais
real. Você vem trabalhando há muitos anos para abrir esse canal. Ele está sendo
aberto para você. Mantenha a vibração e você não perderá. Fique concentrado no seu
coração.

Quem é você?

Sou o mesmo que esteve em todos os livros que você leu. Não importa o nome. Não
importa o rótulo. Sou apenas o ser.

Como devo chama-Io?

Esqueça rótulos. Somos todos o ser.


Eu também?

Você também.

Como posso fazer para chamá-Io novamente? Como posso saber se essa
comunicação não é um fato isolado.

Não tenha medo e não será um fato isolado


Como não ter medo?
Simples. Pare de perguntar ”como”.

Alguma orientação a mais para melhorar esse canal?

Mantenha a vibração. Concentre-se no seu coração. Escute boas músicas. Conecte-se


com a natureza. Abra-se cada vez mais para os outros. Você começou um processo
excepcional abrindo seu coração. Seu coração aberto atrairá as pessoas que vão te
ajudar nessa jornada.

Com quem eu posso dividir isso? Devo dividir com alguém?

Lógico que sim. Você não vai fazer isso sozinho. Busque as pessoas sintonizadas.
Busque as pessoas que já te ajudaram sua vida toda. Busque as pessoas que sempre
estiveram perto de você nos momentos difíceis. Busque as pessoas que estão mais
próximas de você hoje. Compartilhe essa jornada. Acredite nas pessoas e não duvide
de
seus interesses. Viva como o ser da sociedade que descrevemos agora há pouco.
Confie
na palavra, não questione se está certo ou errado. Apenas deixe as coisas
acontecerem.

Em que momento devo escrever para termos esses contatos?

Você vai saber. Agora pare o que está fazendo. Releia nossa conversa para acreditar
de
verdade e senti-la no coração. Depois medite um pouco e vá dormir. Amanhã teremos
muito trabalho.

Ok, Obrigado.

Dia 2

Dormi bem, dormi muito. Me sinto preparado para começar o trabalho de hoje.
Excelente, então vamos lá.

Temos informações para te passar, e ao longo dos próximos dias, vamos explora-las.
Assim, sua execução ficará mais fácil e vamos aos poucos eliminando as dúvidas que
você tem. Quanto menos duvidar, mais fácil será. Quanto menos dúvidas, menos
resistência e mais alta é a frequência da vibração. Isso é praticamente tudo o que
precisamos. Manter a frequência da vibração elevada.

De acordo. Por onde começamos?


As Regras da Feira da Troca

1- Por aqui não circula dinheiro

2- Esqueça todos os seus parâmetros sobre valor e quanto vale cada coisa

3- Deixe suas crenças antigas em casa

4- Aqui prevalece o bom senso. É a única forma possível de se chegar a acordos.

5- Esqueça valor emocional e apego a produtos. Não importa sua origem

6- Sua palavra vale mais do que qualquer mercadoria. O que você diz é o que vale.
Portanto, muito cuidado com o que diz.

7- Fale com o coração. Expresse-se com amor

8- Lembre-se que estamos construindo uma economia mais evoluída. Seja a


evolução.

9- Aqui somente entram pessoas sintonizadas com as novas dimensões.

10- Divirtam-se. Esse processo é nada além de uma brincadeira. Assim como a vida.

11- Ofereça o que tem, antes de tentar adquirir. Lembre-se de que é preciso dar
para receber.

12- Tudo o que você precisa lhe será providenciado.

13- Prepare-se para se surpreender. Esse local será o ponto de encontro de pessoas
sintonizadas e uma fábrica de sincronicidades.
14- Gratidão é a base de todas as relações.

15- Para dizer quanto vale, conte sua história. Cada produto tem uma história.

Vamos a um exemplo:

Rita levou algumas peças de roupas para a feira da troca. Ela adquiriu essas roupas
em
sua viagem para a Indonésia. O valor das peças é baixo. Indonésia é um país barato
e
ela comprou em uma feira local, pagando um valor monetário extremamente baixo.
Esse valor monetário é baixo porque ela estava em um país que não valoriza a marca
e

não tem o mesmo apego ao dinheiro que os países ocidentais. Isso não quer dizer que
o
produto valha pouco. Assim, o valor que ela deve considerar, não são os poucos
dólares
que ela pagou. Rita deve considerar a história dessas roupas. Quando ela as
adquiriu, a
pessoa que as vendeu disse que haviam sido feitas à mão, uma por uma, por uma anciã
de sua vila. Provavelmente, cada peça demorou mais que algumas semanas para
serem confeccionadas. O trabalho à mão deve ser mais valorizado que o realizado por
máquinas. Trabalho feito à mão tem parte da energia da pessoa que a fez. Ela
colocou
amor e intenção nessas roupas. Coisa que máquinas não fazem. Quem vestir essas
roupas levará um pouco da boa energia que a anciã desejou. Rita atravessou o mundo
e trouxe para o Brasil essas roupas. Quanto elas valem? Elas valem a soma de toda
essa história que descrevemos. Quem as receber vai levar em consideração.

Nelson é um agricultor do interior de São Paulo. Ele tem uma pequena horta onde
produz legumes orgânicos. Ele plantou seus legumes à partir de sementes adquiridas
no mercado local. Cada semente custa muito pouco. Mas Nelson cuidou desde seu
plantio, como se fossem crianças de sua família. Ele preparou a terra para semear e
durante 4 semanas colocou suas intenções nesse cultivo. Ele regou, desejou que
crescessem bonitos e cheios de nutrientes. Além do trabalho braçal realizado,
Nelson
colocou suas boas intenções. Ele queria que quem consumisse seus legumes ficasse
feliz
e fizesse bom uso. Após as 4 semanas, ele colheu 4 sacos de legumes, que seriam
suficientes para que ele trocasse pelas coisas que está precisando. Ele gostaria de
poder produzir mais, porém a limitação de terra que tem não permite que ele consiga
mais que isso.

Assim, os dois vão para a feira. Rita com suas peças de roupas adquiridas na
Indonésia
e Nelson com seus sacos de legumes.

Nelson gostaria de voltar para casa com alguns ovos para consumo, uma peça de
roupa de frio para sua esposa e algumas frutas.

Rita não tem expectativas. Ela apenas gostaria que alguém pudesse fazer bom uso das
roupas que não está utilizando.

Quando os dois se encontram, Rita fica entusiasmada com a beleza dos legumes
produzidos por Nelson e pede que ele conte sua história. Ele replica um pouco do
que
descrevemos aqui. Então, Rita oferece uma das suas peças de roupa de frio, conta
também sua história.
Era exatamente o que Nelson precisava. A peça de roupa para sua esposa. Ele acha
justo que Ria leve um saco inteiro de legumes, mas ela sabe que não vai consumir
tudo.
Ela mora sozinha. Então, ela separa apenas um balde com alguns legumes e deixa o
restante para que Nelson use para conseguir outras coisas.

Esse é o modelo da troca. Você não pega mais do que precisa. Você não tenta ganhar
do outro. Você toma o que precisa e deixa o excedente para outras pessoas. Você
confia no julgamento e na história de cada um. Quando você estabelece uma relação
dessas, a confiança cresce.

No próximo encontro, é provável que Nelson queira ajudar Rita. Assim, podem surgir
doações, sem nada em troca. Como presentes genuinamente ofertados.

Esse é um dos exemplos.

Eu gostei muito! Até me emocionei aqui. Achei interessante porque não estamos
falando apenas de produtos em si. Estamos contando histórias. De fato, cada
produto carrega muito mais que sua matéria prima ou características físicas. Cada
produto tem uma história. Quando nos conectamos com essa história, nós criamos
pontes pare estreitar o relacionamento entre as pessoas. Isso é bonito demais!

Fico imaginando como seria isso com pessoas sem nenhum tipo de evolução
espiritual.

Não é possível. Por isso vivemos até hoje em um modelo completamente diferente.

Legal, consegui entender as regras e o funcionamento da feira. E agora? O que mais


precisamos fazer?

Muita coisa. Uma informação importante. Você não é o único que está atuando nesse
modelo. Essas feiras já estão acontecendo em diferentes partes do mundo.

Por um momento deixei meu ego tomar conta e fiquei um pouco frustrado com isso.
Achei que seria o pioneiro...

Deixe de lado a visão egóica que te separa das outras pessoas. Tanto faz se é você
ou
outra pessoa. Todos somos um. Todos somos parte do todo. O que você está fazendo,
não é por você. Não é para ter status, poder ou reconhecimento. Você está fazendo
porque quer contribuir para a evolução de todos nesse planeta.

Sim, sim. Peço desculpas. O que devo fazer com essas outras pessoas? Devo contatá-
las?

Sim. Busque descobrir onde estão acontecendo essas feiras de troca. Conecte-se com
seus organizadores. Procure entender as regras que eles estão aplicando. Somente
depois de entender, divida o conteúdo dessas conversas. Não chegue com a soberba de
achar que você tem o modelo ideal e eles não. Chegue com humildade para aprender.
Eles já estão fazendo algo que você nem sequer começou. Ganhe sua confiança e abra
seu coração. Quando abrir seu coração, eles vão se conectar.

O coração é como um imã muito forte. É ele que faz as pessoas atraírem umas às
outras. Você somente atrai pessoas que estão na mesma frequência. Alinhe sua
frequência, jogue para o coração e espere deixe o magnetismo operar. É assim que
você atrai oportunidades. Tente trabalhar menos com visualizações que te fazem usar
muito a mente e use mais o coração.
Como devo me envolver com esse projeto? Devo largar tudo e me entregar a esse
processo?

Não. Você deve continuar com as suas atividades normais. Continue com seus sonhos,
continue fazendo o que gosta e o que faz seu coração pulsar. Faça o que eleva sua
vibração. Esse projeto vai ganhar proporções grandes. Mas ainda é embrionário.
Existem muitas coisas que preciso passar para você antes de começar.

Ok, podemos detalhar um pouco mais o plano?

Claro. Agora que você conhece as regras e já viu o funcionamento, vamos desenhar
sua
disposição. Diferentemente dos mercados tradicionais e das feiras tradicionais, a
ideia
não é ocupar o maior espaço possível e nem criar barraquinhas para cada um.

A feira deve ser dinâmica. Cada um poderá circular pelo espaço sem necessidade de
ficar parado esperando compradores aparecer. Se todos estão para trocar, não faria
sentido ficar esperando sentado aparecer alguém para comprar.

Vocês vão organizar um círculo. E a movimentação se dará em torno do círculo.


Algumas pessoas vão caminhando no sentido horário e outras vão caminhando no
sentido anti-horário. E pessoas com produtos de difícil locomoção ficarão paradas,
interagindo com quem circula.

É um movimento bonito.

No centro, ficarão músicos. Os músicos vão manter a vibração elevada e dar o clima
do
local. Eles estarão lá não apenas para mostrar seu trabalho e manter a vibração,
mas
para receber doações também. A partir das doações recebidas, eles poderão trocar
por
coisas que também gostariam de ter.

Parece interessante. Parece bem diferente de tudo que já vi. Mais que uma feira com
objetivo comercial, me parece uma festividade, um local por onde vai fluir amor.

Exatamente. Isso é o que vai acontecer. É por isso que a humanidade vai evoluir
tanto
em tão pouco tempo. A cada nova interação entre um ser humano e outro, haverá
troca de amor e isso potencializa o crescimento. Cada troca de amor, elimina parte
do
medo. Com menos medo, se cria mais confiança, com mais confiança, se realizam mais
sonhos, com mais sonhos realizados, subimos um nível na escala de sociedade. E
assim,
elevamos nossa existência.

Gostei. Já consigo visualizar. E o que mais?

Por hoje é isso. Você deve retomar seu trabalho normal. Escolha uma pessoa para
compartilhar essa visão. Duas pessoas acreditando na mesma coisa, fazem a energia
se
multiplicar. Escolha com o coração.

Mais tarde continuamos...

Dia 2 - Nalte
Podemos continuar nossa conversa?
Claro que sim. Sempre podemos.
Que bom! Fiquei com medo de perder a conexão.

Não tenha medo, já te disse. A conexão é algo que você nunca vai perder. Porque a
voz
está sempre dentro de você. Você só precisa diminuir a interferência e os ruídos
para
poder escutar com clareza. Se você estiver com a televisão ligada, não vai ouvir o
rádio.
Muito menos alguém tocando harpa, que tem uma vibração muito mais sutil.

Legal. Eu gostaria de dividir o que andei pensando sobre o que conversamos. Eu


andei vendo na internet e de fato, existem muitos movimentos de troca
acontecendo. Isso mostra que o modelo atual do capitalismo e de valorização do
dinheiro acima de qualquer coisa está mesmo caindo. O que falta para acelerar essa
queda?

Faltam as pessoas acreditarem que realmente é possível existir um novo modelo. Não
é
possível acontecer nada em que não se acredita. Depois que as últimas tentativas
sucumbiram, as pessoas perderam e esperança em outro modelo. Acreditou-se que era
uma coisa sobre a qual o homem não tem nenhum controle. O que é um gran de erro,
pois quem criou esse modelo foi o homem. A economia e a força do dinheiro não vêm
da natureza. Vêm do homem. Então somente o homem pode criar uma nova forma de
se relacionar. É isso o que está acontecendo agora.

É preciso chegar a um nível de insatisfação grande para se buscar alternativas.


Sempre
foi assim na história da humanidade. É assim que se evolui. Você precisou chegar ao
estado onde se encontra hoje para cogitar um novo modelo. Você estava pedindo
desesperadamente. E aqui está a resposta.

Mas todos precisam sofrer o que eu estou sofrendo para encontrarem o novo
sistema? É sempre à partir do sofrimento que vem a libertação?

Nem sempre. Algumas pessoas já nascem em um padrão de vibração diferente. Então


elas não precisam passar por esses estágios para se libertarem. Elas já nascem
livres.
Especialmente os mais jovens, a geração com menos de 20 anos já está em um outro
padrão. Para eles, essa nova economia que estamos descrevendo já faz muito sentido.
É exatamente por isso que eles serão fundamentais para o sucesso do modelo.

E é sobre eles que quero falar agora.

OK. Estou escutando e anotando tudo.

Você deve buscar contato com pessoas que já estão atuando nessa frequência que você
está entrando. Hoje você já deu um belo passo, dividindo sua experiência com
algumas
pessoas. Para alguns, é impossível você dividir essa experiência e isso fazer algum
tipo
de sentido. Para outras, será apenas mais uma das inúmeras histórias como essa que
eles já escutaram. Essas pessoas vão te ajudar de duas maneiras. Primeiro, elas vão
te
colocar em contato com mais pessoas e mais informações que você nunca teve acesso.
Segundo, elas vão fazer você se sentir confortável com o que está fazendo. Você vai
entender que tudo o que faz é natural e não está fazendo nenhum esforço. Quando
você remove o esforço da equação, os resultados fluem com mais leveza e
naturalidade. É disso que você precisa.

Seu corpo ainda é denso e você ainda tem muita resistência. Você deve ir removendo
essa resistência dia após dia. Você já tem feito isso. E está fazendo um grande
trabalho. Mas ainda há muito que ser trabalhado.

Como faço para remover a resistência?

Já disse que uma das coisas é você parar de perguntar ”como”. Quando pergunta
”como”, você coloca resistência. Você diz ao universo que existe uma barreira a ser
transposta e que você nem sabe se é possível passar por ela. Mas não existem
barreiras. Tudo é uma única energia que flui com leveza por todos os lados e em
todas
as direções. Pare de perguntar ”como”. Troque o ”como” por ”o que vou fazer”. Assim
você invoca a sabedoria interna para te dar a resposta e não para dizer se é
possível ou
não. Tudo é possível.

Ok, faz sentido. O que vou fazer para remover a resistência?

Continuar o trabalho que já tem feito. Você está com uma boa consciência e boa
percepção. A resistência acontece quando você quer fazer algo e não faz. Acontece
quando você quer dizer algo e não diz. Acontece quando você tem uma ideia e logo a
sabota. A sua vida inteira foi essa resistência. O que está acontecendo agora nada
mais
é do que algo que você já sabia que poderia fazer. Você sempre soube que poderia
acessar essa informação. Você sempre soube que poderia ter esse diálogo comigo.
Lembra-se de quando você leu Conversando com Deus?

Lembro sim. Foi maravilhoso. De fato, eu sabia que poderia ter essa mesma
conversa. Acho que inclusive começamos a conversar nas nossas meditações...

Sim, exatamente. Mas você parou. Você duvidou. Você colocou resistência. Você se
preocupou com o que os outros diriam. Você cortou a comunicação. É como se você
começasse a escutar uma bela música no rádio e achasse que você não era digno de
ouvir essa música e por isso, resolveu mudar de estação, ou desligar o rádio.
Aliás, você

já fez isso também. Já se boicotou nas coisas que queria escutar. Nos estilos
musicais
que você apreciava. O mesmo comportamento que você aplica nas relações humanas e
nas suas preferências, você tem com o divino. Você não se permite acessar aquilo
que
tem vontade de escutar. Você tem se sabotado a vida toda.

Felizmente hoje está se libertando disso. Você é livre. Sempre foi. Só precisa se
lembrar
de quem verdadeiramente é. Você é o todo. Você é consciência.

Mas não comece a se cobrar. Você sempre se cobrou. Não se cobre para fazer o que
acha que deve ser feito. Apenas seja. Apenas se liberte. Remova todas as
necessidades.
Remova todas as máscaras. Conecte-se com o coração e escute-o. É tudo tão simples.

Verdade. Tudo isso é a mais pura verdade. Mas então, o que eu devo, ou melhor, o
que eu vou fazer para me libertar e continuar me expressando?

Exato. Não tenha medo de dizer nada que você queira dizer. Tudo que tem vontade de
dizer deve ser dito. Toda forma de expressão deve ser colocada para fora. Você não
impede a água de sair da nascente. Você nem consegue. Se você freasse o fluxo da
nascente de água, você abalaria todo ecossistema, pois o bloqueio não levaria a
formação de rios e levaria a formação de pântanos. É exatamente o que acontece com
a energia de 99% das pessoas do planeta. As pessoas não se expressam, então não
deixam fluir a energia. E o resultado disso são as doenças. As doenças somente
existem
porque não existe energia fluindo suficientemente pelos meridianos. A energia
precisa
de expressão para fluir. Qualquer tipo de resistência gera barreiras de tensão que
são
transmitidas ao organismo. E assim as células e os órgãos sofrem.

Entendi. Isso é a mais pura verdade. Pouquíssimas são as pessoas que conseguem se
expressar livremente. Eu queria poder ser como elas.

Você pode. E você é. Você está em um processo e em breve viverá isso. Identifique
quem são as pessoas do seu convívio que são livres assim. Inspire-se nelas e busque
o
seu contato. Você aprenderá apenas estando perto delas. Observe o comportamento e
absorva seu estado de presença. Essas pessoas são as que mais vivem no presente.
Pois
elas não têm uma mente racional que as diz o que deve ser feito, o que pode e o que
não pode. Elas apenas são.

Crianças também são assim e alguns idosos também. Busque seu contato.
Nossa, preciso buscar o contato de tanta gente...

Sim, muitas. Você não está sozinho e não faz sentido algum ficar isolado. Seus
períodos
de isolamento estão chegando ao fim. Existem muitas pessoas que você precisa
conhecer. Essa é a graça do jogo da vida. Vocês são bilhões de pessoas convivendo
no
mesmo espaço. Cada uma é tão diferente da outra. Cada uma tem a possibilidade de te
ensinar muita coisa. E cada uma representa uma pequena parte de você. Cada vez que

identificar isso, cada vez que identificar uma parte de você no outro, você estará
livre
para o próximo contato.

O que quer dizer identificar uma parte de mim no outro?

Cada comportamento, cada ação, cada palavra, cada gesto, reverbera no seu campo
vibracional. Você deve estar atento a como seu corpo está reagindo a isso. A cada
vez
que sentir sua frequência caindo, ou seja, você ficando um pouco irritado, nervoso,
com
medo, ou levemente desconfortável, quer dizer que essa pessoa possui uma parte de
você que você não identificou. Por exemplo. Se eu falo que você não é bom o
suficiente
para esse trabalho, você rapidamente fica desconfortável. Você tem uma leve
frustração. E essa leve frustração não está em mim, está em você. Você que aceitou
e
deixou seu corpo reagir dessa forma. Você não precisaria mudar um hertz da sua
frequência. Porque como você vibra somente depende de você. Você é responsável por
manter sua vibração elevada. Somente você. Os outros estão aqui para você. O papel
dos outros é te ajudar elevar a vibração e manter elevada sempre.

É tão interessante ver o mundo dessa forma. Como foi possível estarmos tão
distantes de tudo isso?
É parte da experiência. Parte da jornada é cada um se descobrir. Cada um se
recordar
de quem é e por que está aqui.

Cada um de nós tem um por quê? Cada um tem uma responsabilidade?

Sim. Obviamente que sim. Cada um de vocês nasceu em um corpo, em uma família e
com algumas características próprias. Isso não é o acaso. E esse cenário deve ser
usado
para desenvolver sua capacidade plena de realização. Uma pessoa que tem uma voz
maravilhosa deve usar a voz para se expressar da maneira mais plena possível.

Mas isso é muito mais fácil em pessoas que têm talentos natos, como a música e a
arte. E o resto da população que não tem talentos tão evidentes?

Todos possuem talentos escondidos. A maioria não se permite explorá-los. A maioria


sequer vai atrás de tentar descobrir. E quem vai atrás, acaba encontrando. Depende
somente da busca individual e da libertação das amarras mentais.

Veja você como exemplo. Você está descobrindo apenas agora que possui um talento
para escrever e se comunicar com as pessoas. Por 30 anos, você colocou barreiras
nesse seu talento. Você abriu mão dele. Mas felizmente continuou buscando,
continuou
no autoconhecimento, continuou desafiando o sistema. Lembre-se de que você só está
aqui hoje porque chegou a um estado de libertação depois que as coisas que tentou
não deram certo. Você se permitiu explorar o que existia escondido dentro de você.
Mas a maioria das pessoas não chega a esse estágio. Elas desistem antes. Elas
voltam
para as rotinas de gente normal.

Esse é o meu maior talento? É para isso que vim aqui?

Você veio aqui para fazer o que você quiser. Esse é o livre-arbítrio. Uma vez
identificadas suas qualidades, você começa a expressá-las. A forma como você vai se
expressar, depende apenas de você. Você não precisa fazer nada. Você tem o dom da
oratária, apesar de ter deixado um trauma te tirar isso e o dom da comunicação
escrita. Como você vai usar isso, depende somente de você. Você pode usar para
liderar
pessoas em função de ideias, você pode usar para escrever livros, você pode usar
para
dividir ideias e conceitos. Tanto faz. O importante é que você encontre a forma
mais
adequada para se expressar. Expresse-se deixando fluir tudo que tem dentro de você.
A
energia é fluida e é leve.

Isso faz bastante sentido. Eu nunca tinha entendido muito bem o conceito de livre-
arbítrio. Então tudo que as pessoas precisam é descobrir seus talentos e se
expressarem?

Não. Elas não precisam descobrir seus talentos e depois se expressarem. Elas só
devem
se expressar. E ao se expressar, se chega naturalmente ao seu talento. Sem esforço.
Sem busca. Sem estudos. Sem pesquisas. Somente pela expressão. É tudo muito mais
fácil que as pessoas imaginam. É só deixar fluir o que está dentro. Na verdade,
todo
mundo já sabe o que deve fazer. Apenas não se permite escutar. Você sempre soube o
que queria fazer. E ainda assim não se permite. Até hoje você continua se
boicotando e
não se permitindo. Todos são assim.

O mais bacana de tudo isso é que me parece que não tem fim não é mesmo? Ou
tem?

Não tem. Acertou em cheio. Essa é a graça. Pense que a expressão não tem limites.
Existem infinitas possibilidades. Infinitas combinações. Existe espaço ilimitado
para
criação. Veja como isso é mágico. Todos os seres podem criar à vontade. Sem limite.
Sem limitação. Sem prazo. É tudo energia livre. É tudo um campo de infinitas
possibilidades.

Existem restrições? Digo, existe algo que não pode ser feito?

Tudo que interfere o equilíbrio do sistema pode vir a ser restrito. Não por outros
seres
ou outras lideranças, nada disso. Mas o próprio sistema pode se voltar contra o que
está sendo realizado. Toda ação tem uma reação. E essa reação pode ser o limite.
Mas
estamos falando apenas de comportamentos que ferem o equilíbrio do sistema. Todas
as criações livres como forma de expressão pura e do amor, podem acontecer
livremente, sem restrições. Tudo pode ser feito da maneira como o amor se expressa.

E é isso que você pode buscar se quiser.

Claro que eu quero. Então é isso! Eu não preciso fazer nada. Eu busco o que eu
quiser. Eu me expresso da maneira como eu quiser. Livremente. Sem deveres. Sem
obrigações. Sem destino. Sem propósito.

Exato. Expressão é apenas expressão. É apenas ser. E tudo é o ser. Você é o ser. Eu
sou
o ser. Tudo é o ser. E isso é tudo. Isso é. É.

Legal como essa sequência de palavras mostra que não precisamos de nada. Até
mesmo as palavras são desnecessárias. Tudo é o ser. Tudo é. É.

Suficiente. Gostei!

Até onde vai essa conversa?

Até onde você quiser que vá.

Acho que preciso parar por aqui hoje.

Precisa? Por quê?

Digo, quero parar por aqui hoje. Quero reler tudo isso e digerir. É muita
informação.

Justo. Pare de dizer que precisa fazer as coisas. Você não precisa nada. Você faz o
que
quer. Por que quer. Quando quer. Lembre-se: Presença e Boas Intenções. Isso é tudo.

Continuamos amanha?
Quando você quiser. Sempre que você quiser.

Gratidão!
Dia 3

Podemos retomar nossa conversa?

Você não precisa pedir permissão. O ser sempre está presente. O tempo todo. Basta
você acessar. Bata e a porta se abrirá. Peça e será atendido.

Legal. É tão prazeroso poder saber disso.

Você sempre soube. Lembre-se de que nada do que estamos falando é novidade para
você. Você sempre soube. Apenas deixou pensamentos e crenças cobrirem a sua
sabedoria.

É verdade. Sabe, eu estava pensando sobre essas conversas e Ii sobre canalizações.


Você pode falar mais um pouco sobre isso?

Claro. Canalizações não são mensagens de outras pessoas para você. Canalizaçães são
apenas você acessando um estado de consciência expandida. Um estado em que não
existe esforço. É um estado onde você se conecta com tudo o que existe e tudo o que
há. Tudo é uma coisa só. Então, todas as informações estão no mesmo lugar. Basta
você acessar

Isso tem a ver com os registros akáshicos?

Também. Os registros akáshicos são apenas uma nomenclatura utilizada para se


referir
ao conhecimento do mundo. Não existe nada que esteja separada do todo. Assim, se
não existe nada separado do todo. Tudo é o todo. E não é preciso nomenclaturas para
distinguir nada. Mas o homem precisa de nomenclaturas, divisões e definições para
poder se referir a tudo o que existe. As nomenclaturas somente existem para que as
coisas se encaixem na percepção limitada do homem.

Isso quer dizer que eu posso acessar qualquer informação?


Claro que sim.

Incrível. Eu tenho tantas dúvidas... tem tanta coisa que eu quero saber que não sei
nem o que perguntar...

Não precisa se cobrar. Não precisa de uma ordem. Você terá vontade de saber no
momento em que quiser saber.

Eu queria saber sobre a nossa relação com outras pessoas. Eu sempre sofri muito
com o contato com diferentes pessoas. Sempre dei muita importância à opinião dos
outros.

Esse é um dos principais erros da imensa maioria dos seres humanos. Eles pensam que
estão separados uns dos outros. Você se limita a esse corpo. Você acha que você
acaba
onde termina sua pele. Se você soubesse quão maior que isso você é... Você então
saberia que não precisa se preocupar com opinião de ninguém. Porque os outros nada
mais são que manifestações de você mesmo. Todas as coisas estão acontecendo dentro
de você mesmo. Dentro da sua própria projeção. Você é tudo o que existe. Eu sou
tudo
o que existe. Todos somos tudo o que existe.

Eu tenho medo de magoar as pessoas, sabe?

Não precisa ter medo. Até porque não faz nenhum sentido isso. Você tem medo de
magoar os outros, mas magoa a si mesmo. Não é possível magoar os outros sem
magoar a si mesmo. Lembre-se do que dissemos no começo da conversa. Você somente
deve buscar fazer coisas que elevem a sua vibração. Isso é tudo. Se você faz coisas
que
elevam sua vibração, não está magoando ninguém. Mas quando faz coisas que
diminuem sua frequência, você está magoando a si mesmo. E consequentemente
magoando aos outros. Porque os outros também são você.

Me parece tão simples que até fica tudo complexo.


É simples. Tudo é simples.

A complexidade foi o homem que inventou. O homem inventou a complexidade quando


se desconectou da fonte. Então ele começou a dar voltas sobre si mesmo. Começou a
usar a mente na direção errada. Ao invés de retornar a atenção ao coração,
direcionou
sua atenção para longe. Deixou o pensamento ir para longe. O pensamento longe do
coração leva a complexidade. Porque as coisas do coração são simples.

Pense que todas as respostas vêm do coração. Sempre que precisar de uma resposta,
basta conectar-se com seu coração e você saberá. Não precisa pensar sobre nada. Não
precisa de teorias. Não precisa de comprovaçães científicas ou evidências
materiais.

Isso vale para a busca por propósito? Tantas pessoas passam a vida toda buscando
por propósito...

A busca por propósito fora do coração é sempre uma busca perdida. É como procurar
um tesouro que foi perdido no fundo do mar, cavando nas montanhas. Não importam
as ferramentas que você usa. Não importa o mapa que têm. Não importam quantas
pessoas estejam nessa expedição. Vocês não vão encontrar porque estão buscando no
lugar errado.

Como eu posso ajudar as pessoas a se conectarem com seu coração e encontrar seu
propósito?

Você só precisa ser um exemplo. Não tente ensinar nada que você não vivencia.
Somente pode ensinar quem já é. Quando você for, você ensinará apenas pela sua
presença. Não é o conhecimento que faz as pessoas aprenderem. É a vibração. As
pessoas aprendem muito mais com a frequência em que você vibra do que com o
conhecimento que tem. Lembre-se que o conhecimento está em todos os lugares. Está
em tudo. Então, se está em tudo, não está restrito à cabeça e mente de nenhum ser
humano. O conhecimento que você está acessando agora, qualquer pessoa pode
acessar. Assim, você não precisa ensinar. Você precisa vibrar na frequência
correta.
Quando você está na frequência certa e se aproxima de alguém, ela automaticamente
começa a se sintonizar com a sua. Frequências mais altas sintonizam frequências
mais
baixas. Por isso tenho falado tanto de elevar sua vibração e sintonizar na
frequência
mais alta. Quanto mais alta sua frequência, mais pessoas você consegue ajudar. É
ilusão do ser humano achar que o conhecimento pode ser ensinado por meio de
palavras. O motivo pelo qual o homem acredita nisso é o desconhecimento de que a
palavra é vibração. Por isso se dá tanto valor às palavras, frases e livros. Mas na
verdade tudo o que a palavra faz é vibrar. E essa vibração é que altera o seu
campo. E é
assim que você se lembra. É assim que você aprende.

Então não precisamos de livros?

Não precisariam se vocês estivessem totalmente sintonizadas na frequência correta.


Como vocês não estão, precisam da vibração que as palavras dos livros provoca. Esse
material que você está escrevendo tem uma frequência bem mais elevada que os
textos normais. O mesmo acontece com as sagradas escrituras e com livros
canalizados. Cada leitura das palavras que está escrevendo provocará uma mudança
na frequência de quem está lendo e das pessoas que estarão escutando. Por isso,
muito
cuidado com as palavras que vai escrever.

Isso quer dizer que eu devo compartilhar esse material com mais pessoas?

Sem dúvidas. Essa será uma das suas contribuições com as outras pessoas. Você vai
levar luz para muita gente. Você vai mudar o campo vibracional de milhares de
pessoas
com esses textos. Você já começou a fazer isso. Os textos que escreve com o coração

possuem uma frequência elevada. Mas essas mensagens são ainda mais poderosas.
Você vai sentir isso na medida em que compartilhar com mais pessoas.

Com quem posso compartilhar?

Com todas as pessoas que você acha que vão sintonizar com sua frequência. Para
pessoas em frequências muito baixas, essa vibração não vai provocar absolutamente
nada. Não quer dizer que elas não vão entender o que está escrito. Elas até
entenderiam. Mas a frequência das palavras não iria mudar em nada as suas. Então
logo o conhecimento é esquecido e não há efeito nenhum. Mas existem pessoas que
vão se beneficiar demais disso.

Há pessoas que precisam exatamente disso. Precisam desse aumento de frequência


para despertar. É nisso que você vai ajudar.

Eu fico com medo de estar recebendo uma atribuição muito maior que eu consigo
executar.

Não tenha medo. O medo foi plantado em você e logo vai se dissipar. Pare de se
diminuir. Lembre-se que ninguém recebe um fardo maior que o que é possível ser
carregado. Quanto mais você confiar na sua capacidade, mais elevada será sua
vibração e mais pessoas vai conseguir ajudar.

Essa comunicação é sobre a feira de trocas ou sobre tudo?


Sobre a vida. Sobre tudo e sobre o todo.

E as feiras?

Vamos voltar a elas em breve.

Começamos por esse tema, pois foi o que você invocou. Lembre-se que não existem
regras. Existe apenas a expressão. Essa mensagem é apenas a sua expressão.

Engraçado. Eu sempre me preocupe¡ com o conteúdo, com a forma, com a sequência


das informações. Todas as vezes que iria escrever, falar ou fosse dar uma palestra,
eu
tentava ordenar tudo e pensar na forma que fosse mais coerente e fizesse mais
sentido para ajudar as pessoas a entenderem o que eu quero dizer. Mas se a
frequência é mais importante que o conteúdo das palavras, então pouco importa a
forma e estrutura. Faz sentido isso?

Faz muito. Essa ordem e sequência é uma coisa que homem criou para adequar à sua
percepção limitada de terceira dimensão. Nas demais dimensões, não existe essa
ordem linear. Todas as coisas estão presentes em todos os lugares ao mesmo tempo.
Isso quer dizer que você poderia inverter a ordem de todas as palavras se
conseguisse
manter a vibração. O problema é que se você começar a fazer isso, vai achar que
ninguém vai entender e vai deixar a vibração cair. Mas seu raciocínio está correto
sim.
É por isso que grandes oradores não se preocupam em preparar seu discurso antes.
Eles apenas deixam a mensagem sair. É exatamente a mesma coisa que você está
fazendo aqui, ao escrever essa conversa. Se você tentasse organizar a estrutura do
conteúdo, não conseguiria nem começar. Até porque você não sabe o que está por vir.
Você não tem a visão do todo.

Aliás, isso não vale apenas para a comunicação. Vale para a vida. Não adianta você
tentar organizar a estrutura e planejar as coisas que estão por vir. Você não sabe
como
elas virão. Você não sabe como elas vão acontecer. É como se você fosse conversar
com um amigo e tentasse, antes de começar a falar, pensar em todas as palavras que

usaria. Você não conseguiria. Talvez conseguisse pensar nas 4 ou 5 primeiras


palavras.
Depois disso ficaria travado. Você precisa deixar fluir.

Por isso que tantos negócios fracassam. Porque os executivos e empreendedores


querem tentar prever o que vai acontecer. Querem tentar antecipar. Mas não é
possível antecipar nada. Tudo acontece da maneira como deve acontecer. Sem planos
e sem previsões. As palavras que você vai digitar na próxima página, ninguém sabe
quais serão. O que vai acontecer com o mercado, ninguém pode prever. Lembre-se de
que tudo é um campo de infinitas possibilidades. Como é possível prever o infinito,
ou o
que vem de lá? Nenhum algoritmo conseguiria isso. Se você tivesse apenas algumas
possibilidades, talvez conseguisse. Mas estamos falando de infinitas
possibilidades.
Cada ser pode criar infinitas situações, infinitos eventos, infinitos encontros,
infinitas
ideias. Isso faz com que qualquer previsibilidade seja loucura.

Se não se pode planejar, como se prepara para o futuro?

A melhor forma de se preparar para o futuro é vivendo o agora da única maneira que
pode ser vivida. Com presença. Estar desconectado do presente é viver em uma
realidade imaginária. Uma realidade que não existe e nunca vai existir.

Mas e essa história de visualizações, lei da atração, metas para o futuro?

Isso é apenas uma maneira de se manter na frequência mais elevada. Quando você
pensa em um futuro bonito, com coisas que gostaria de alcançar, sua frequência sobe
um pouco. Por isso tem se disseminado essa ideia de que você deve visualizar,
pensar
no que quer. Isso faz sentido porque ajuda na frequência. Mas apenas por isso. Se
você
conseguir permanecer o tempo todo na frequência mais elevada, não precisa desses
recursos e desses artifícios.

O que eu devo fazer para não me preocupar com o futuro?

Saber que o futuro é apenas a continuação do agora. Se você conseguir se manter


presente e com uma boa frequência no agora, então não precisa se preocupar com o
futuro porque ele vai ser apenas um desdobramento das coisas que você atrairá com
essa frequência elevada. Agora se deixar a frequência cair, então você vai começar
a se
preocupar. E o que acontece é a mesma coisa. O desdobramento de eventos de uma
frequência mais baixa.

Quais são as coisas que fazem a frequência se elevar?

Muitas. Conectar-se com o coração, conectar-se com outras pessoas, conectar-se com
a natureza. Escutar boa música, ler, falar e ouvir palavras escritas em frequência
elevada. Ter pensamentos positivos. Gratidão. Meditação. Práticas para o corpo.
Terapias energéticas corporais. Sentir amor. Expressar amor. Sorrir. Dar risadas.
Gargalhar.

Nossa, quanta coisa. Quanta informação estou absorvendo...

Sim, há muita coisa para você vivenciar. Releia esse material. Leia em voz alta e
sinta a
vibração se elevar. Você está fazendo um bom trabalho. Mantenha a constância e em
breve teremos algo para dividir com o mundo.

Obrigado, obrigado, obrigado!

Dia 4h

Podemos falar sobre o sofrimento?

Podemos falar sobre o que você quiser...

Dessa vez não precisei nem perguntar se você estava aqui.

Você está confiando mais. Isso é ótimo.

Vamos lá. O que quer saber sobre o sofrimento?

Tantas pessoas estão sofrendo no mundo. Por que isso acontece?

O sofrimento é parte normal da existência. Você somente pode conhecer a luz porque
conhece o escuro. Somente conhece a alegria porque conhece a tristeza. Somente
conhece o amor porque conhece o sofrimento.

O problema é que as pessoas acham que o sofrimento é uma coisa ruim que deve ser
evitada a todo custo. E isso é impossível. Ninguém pode evitar o sofrimento. A
diferença é que algumas pessoas, quando entram em estado de sofrimento, logo o
abraçam, aceitam o sofrimento e ele logo passa. Já outras pessoas, passam a vida
toda
lutando contra ele, querendo fugir do sofrimento, como se isso fosse ruim e como se
fosse possível fugir. Tentar fugir do sofrimento é tentar fugir de si mesmo. Aliás,
tentar
fugir de qualquer situação, é tentar fugir de si mesmo. É impossível. É como olhar
em
um espelho e não querer ver o seu reflexo. Seu reflexo sempre estará lá, assim como
a
sombra sempre também estará. O sofrimento é essa sombra. Uma parte de você que
você está custando a aceitar.

Que conselho você pode dar para quem está sofrendo?


Se entregue. Aceite. Abrace. Receba. Agradeça.

É uma sequência que deve ser passada. Não se pode pular nenhuma etapa. Uma
pessoa que está sofrendo, está lutando contra algo. Não está querendo aceitar o que
está acontecendo, então fica culpando outras pessoas e o mundo, se esquecendo de
que os outros e o mundo são parte de você. Assim, o primeiro passo é desistir de
fugir.
Entregar-se. Quando você se entrega, você dá um passo em direção à aceitação.
Quando você aceita, você deixa essa sombra se unir a você e mesclar com o que você
tem. Você pode abraçá-la. Como um amigo que vem de muito longe e há muito tempo
você não encontra. Depois que você abraça, ele vai te presentear com algo. Esse
algo,
você vai receber de volta. Então você agradece. E quando você agradece, você está
livre.

Puxa, nunca havia lido essa definição. É mesmo uma sequência. Eu passei por isso.
Acho que ainda estou passando. Já me entreguei, já aceitei, abracei, recebi e agora
acho que só me falta agradecer.

Pois então agradeça!

Gratidão! Gratidão por tudo o que passei. Obrigado por me fazer ver algo que não
estava enxergando, obrigado por me fazer evoluir, obrigado por me tornar mais
completo!

E então, como se sente?


Livre. Sinto que minha frequência mudou.
Esse é o trabalho. Você está indo bem...

Eu sempre tentei controlar as coisas. Queria estar no controle de tudo. Queria que
a
vida se desdobrasse da maneira como eu visualizava.

O que aconteceria se você tentasse parar o mar? Se chegasse à beira da praia e


tentasse conter as ondas com as suas mãos, ou mesmo com qualquer instrumento?

Não conseguiria.

É a mesma coisa. Você não pode tentar controlar os movimentos da natureza. As


realizações e os desdobramentos da vida são movimentos da natureza.

O problema é que o homem começou a ter controle sobre algumas pequenas coisas,
como o fogo e a água e achou que poderia controlar qualquer coisa na natureza.
Então
se iniciou essa ideia falsa de que tudo pode ser dominado, previsto, planejado,
controlado.

Tentar conter o mundo é impossível.


E o que devemos fazer então?

Agir de acordo com a natureza. Respeitá-la. Como os surfistas. Eles respeitam o


mar.
Esperam o melhor momento para entrar em uma onda. Tentam seguir o fluxo. Quando
você se conecta com o fluxo de energia da natureza, tudo fica mais fácil. Você não
precisa de esforço. A vida não exige esforço. Tudo é fluido eleve.

É verdade. Se todos pudéssemos viver com essa leveza.

Vocês podem. E vão viver assim. Já estão em um processo. E esse processo está muito
mais avançado do que vocês imaginam. Toda tentativa de controle será derrubada.
Todas as pessoas que colocarem esforço na equação fracassarão. Todas as
empreitadas contrárias ao fluxo da natureza serão encerradas. E então somente
prosperarão as ações sem esforços, que respeitarem os movimentos da terra, que
respeitarem os desdobramentos do universo.

Pode me falar um pouco sobre dinheiro? O que é o dinheiro e como conseguir? Por
que algumas pessoas têm muito e muito fácil e outras pessoas nunca conseguem ter
nada?

Excelente pergunta. Muitas pessoas sofrem a vida toda por isso por não entenderem
um conceito básico da vida. Tudo é vibração. Tudo é frequência. Tanto os seres
humanos quanto as coisas materiais. Todas as coisas são feitas da mesma matéria,
mas em frequência diferente. Vocês são como imãs, magnetos, e se unem a elementos
de mesma vibração. Vocês atraem pessoas que vibram na mesma frequência. Por isso
às vezes estão próximos a algumas pessoas e depois estão próximos a outras. Quando
a frequência muda, as relações mudam.

O mesmo vale para objetos. Objetos na mesma frequência se atraem. Como imã e
ferro. Você não consegue evitar que eles se atraiam. Assim como não consegue fazer
polaridades diferentes se atraírem. Não importa o quanto você tente.

A abundância está em uma frequência específica, muito sutil e poucas pessoas


conseguem acessá-la. Quando você consegue sintonizar com essa frequência,
automaticamente, tudo que existe de mais abundante no planeta se unirá a você. Por
isso que dizem que dinheiro chama dinheiro. Não é o poder que o dinheiro traz que
faz
a pessoa ter mais dinheiro. É a frequência. Quando você está em uma vibração
somente atrairá aquilo que está nessa mesma vibração.

E o que devemos fazer para sintonizar a frequência da abundância?

Eliminar a resistência. Imagine que você é como um imã e tem um polo positivo e um
polo negativo. Agora imagine que a abundância está em um imã no polo negativo.
Você pode se conectar à abundância pelo seu polo positivo. Se você tem muita
negatividade, você jamais se conectará com a abundância. Assim, precisa de um
trabalho para eliminar a negatividade para que se acesse o polo positivo. Assim que
desatar todas as camadas negativas, você abrirá o polo positivo e ele
automaticamente se conectará à abundância. Essa é apenas uma metáfora, mas é
assim que funciona.

Os polos negativos são os pensamentos negativos, sentimentos de raiva, ódio, medo,


inveja, ciúme, desconfiança, as crenças limitantes, a voz que cala sua intuição.
Tudo
isso o afasta da abundância. Mas à medida que vai se desfazendo dessas barreiras,
vai
caminhando em direção a tudo o que existe para ser desfrutado no universo.

Pessoas ricas não são mais geniais, não são escolhidas ou predestinadas. Elas
apenas
têm menos resistência. Elas duvidam menos e seguem mais sua intuição. Lembre-se de

que o coração é o maior guia que você pode ter. Pessoas que atingem estado de
extrema abundância deixam-se guiar pelo coração muito mais que pessoas racionais.
Assim, elas têm menos crenças limitantes. E como conseguem seus resultados, elas
passam acreditar mais, e isso as leva a uma espiral positiva. Elas conseguem mais,
acreditam mais, têm menos medo, seguem mais a intuição, conseguem mais, atraem
mais e assim por diante.

É como você com esse processo de escrita. Você tem confiado mais, tem duvidado
menos, então a informação vem mais fácil e você confia mais e duvida menos e assim
por diante. Até que esteja completamente absorto pelo universo se torne um.

O que é se tornar um com o universo?

Significa viver na totalidade de todas as suas capacidades.


Como Deus?

Exato.

Quão longe estamos disso?

Muito longe.

Eu já tinha ouvido falar algo parecido sobre esse lance de dinheiro ser vibração,
mas
essa é a definição mais clara que eu já vi. De fato, é muito mais lúcido e claro.

Sim, é preciso desmistificar tudo o que se sabe sobre o dinheiro. Existe muita
história
mal contada existe muita interpretação errada e o pior de tudo: existe muita
energia
negativa relacionada ao dinheiro. Isso faz com que pensamentos de dinheiro sejam
carregados de uma vibração baixa. Há pessoas em que só de pensar em dinheiro já
mudam sua frequência e a deixam cair.

Eu estava assim. Não podia nem pensar em acessar minha conta bancária que já me
sentia mal. Ficava aflito.

Pois então. Mas agora que você se entregou, aceitou, abraçou, recebeu e agradeceu,
não precisa mais se sentir assim.

Pelos próximos dias, sua condição vai mudar. Você vai se surpreender.

É interessante pensar que se planejamos menos, criamos menos expectativa e nos


surpreendemos mais.

Essa é a graça da vida. Se surpreender por cada coisa que acontece. Por cada
encontro,
por cada coincidência, por cada oportunidade, por cada mudança de rumo. É como
acordar em um dia chuvoso e sem menos esperar ver o sol sair por entre as nuvens.
Esse senso de estar maravilhado com a vida e com o mundo é que dá o tempero de

viver. Essa é a graça. E vocês não estão aproveitando nada disso. Vocês não estão
desfrutando o que existe de mais legal.

É como pedir um saboroso prato e provar apenas a parte sem gosto, que não foi
temperada.

A vida é muito maior que isso que vocês estão vivendo. Vocês precisam aproveitar
mais. Vocês precisam desfrutar tudo o que existe. Precisam explorar cada milímetro
da
existência. Tudo foi feito para vocês. Vocês são tudo isso aqui. Você são tudo o
que
existe.

Me deu uma alegria só de ler essa descrição. Como podemos fazer para desfrutar de
tudo o que existe?

Perdão, você disse perguntou ”como”?


Desculpe. O que vou fazer para aproveitar tudo o que existe?

Basta se expressar. Deixe a energia fluir solta. Deixe seu corpo acompanhar o
movimento dessa energia. Viva com leveza. Não se prenda. Não se boicote. Não
acredite em nada que não venha do coração. Sintonize corpo, mente, coração e
espírito
nessa mesma dança.

Vocês estão próximos. Tão próximos e não fazem ideia...


Estou ficando empolgado...
Fique!

A vida é isso! A vida é amor. É alegria. É também sofrimento, mas você pode ver o
sofrimento como algo legal, como algo que vai te libertar. É como aquela sensação
gostosa de tirar sapatos apertados.

Vocês estão vivendo com roupas apertadas, mas estão aos poucos se despindo delas. E
quando chegarem a se despir completamente, sentirão o que é a liberdade. Ser livre
é a
maior dádiva que qualquer pessoa pode alcançar.

Quantas pessoas já chegaram lá?


Muito mais do que você imagina.
Onde elas estão?

Elas estão por toda a parte. Lembra-se do que falamos de vibração e somente atrair
quem está na mesma frequência? Você só não as tem visto porque não está na mesma
frequência. Mas em breve estará. Logo essas pessoas começarão a aparecer para você.
Quando o aluno estiver pronto, o mestre aparecerá.

Eles são mestres?

Todas as pessoas que se libertam são mestres. Mas não são mestres como você
imagina. Não estamos falando dos mestres ascencionados. Estamos falando de gente
normal que vive normalmente no planeta terra. São pessoas como você. Que vivem
rotinas normais e seguem contribuindo para melhorar a vida de outras pessoas.
Seguem contribuindo para elevar a frequência do planeta. Elas sabem do seu papel e
sabem que precisam continuar ajudando os outros nessa jornada. Elas não precisam de
rótulos e títulos e não precisam ser chamadas de mestres, porque já se
desidentificaram com a forma. Já sabem que são tudo o que existe. Assim, não ficam
sujeitas às necessidades do ego.

Elas estão por toda a parte e atuando em profissões que você nem imagina. Algumas
são tão comuns que você pode achar que é impossível que sejam mestres. Outras estão
atuando em profissões que sua sociedade desqualifica. Mas elas têm papel
fundamental na transformação dessa sociedade. Cada uma delas está elevando um
pequeno grupo de pessoas. Esses pequenos grupos vão se unindo e vão se elevando.

Por isso que dizemos que o movimento não tem mais volta. Por isso dizemos que vocês
estão muito próximos. Porque essa unificação já está acontecendo. Você chegou até
aqui porque se uniu a algumas pessoas. Você chegou até aqui porque deixou alguns
desses mestres te sintonizarem. Eles elevaram a sua frequência. E em breve você
fará o
mesmo com muitas pessoas. Silenciosamente, você dará a sua contribuição.

Não vejo a hora de fazer parte disso.

Você já está fazendo parte. Por isso deve começar a se conectar com outras pessoas.
Busque as pessoas que listamos no começo da conversa. Fale com elas, esteja aberto,
conecte-se, abra seu coração e deixe o magnetismo fluir. Siga as coincidências. O
universo está te conduzindo. Acredite. Não duvide nem desconfie. Apenas seja.
Torne-
se um com todas as coisas. Torne-se um com os outros.

Já devo compartilhar essa mensagem com os outros?

Aos poucos. Como você está fazendo. Deixe o coração te ajudar nas escolhas. Você
está
entrando numa fase importante da sua evolução. Está começando a se desvincular da
razão. A razão está começando a perder espaço para sua intuição. Isso vai deixar
sua
vida muito mais fácil. Acredite na intuição e alimente-a. Abra espaço para ouvir a
intuição. Elimine os ruídos. Elimine as interferências.

O que são interferências?

São as energias mais densas. Músicas pesadas, contato com pessoas com energia
carregada, lugares escuros e fechados. Carregue-se com a natureza.

Entendi. Vou seguir esses conselhos. Estou gostando desse trabalho... ©


Esse é um dos seus propósitos...

Ficamos por aqui hoje, ok?

Perfeito. Mais uma vez, muito obrigado! Por tudo!

Somos todos um.

Dia 5

Olá, tudo bem?


Sempre! Estando na fonte, tudo sempre está bem.

Eu comecei a compartilhar nossa conversa com algumas pessoas e já estou notando


mudanças nas vibrações das pessoas. Pode falar um pouco sobre isso?

Quem tiver acesso a esse material, terá sua frequência alterada no momento da
leitura. Então cada pessoa vai decidir o que fazer com essa informação. Algumas
pessoas vão descartar e isso não vai provocar nenhum tipo de efeito. Outras pessoas
vão direcionar essa vibração para o coração, potencializando sua mudança de
frequência. Cada um tem a liberdade de escolher o que sente que é melhor.

Você acha que esse conteúdo é complexo demais para pessoas que ainda não estão
no caminho da espiritualidade?

Pode até parecer complexo. Mas você se esquece de que todas essas informações já
são conhecidas por qualquer pessoa. Todo mundo vem da verdade. Todo mundo já
vivenciou isso em sua plenitude quando estava conectado à fonte. Todos vocês
vivenciam isso nos sonhos.

Então, o conteúdo pode até parecer complexo pensando em palavras. Mas na


dimensão da frequência e do conhecimento, é tudo muito simples. Tudo muito natural
e tudo já bastante conhecido.

Assim, mesmo pessoas que ainda estão engatinhando em seu despertar espiritual,
terão essas palavras ressoando em seu campo vibracional. Lembre-se de que não é o
conteúdo ou a informação que mudam as pessoas. É a vibração que essas palavras
provocam.
E o que essa vibração vai provocar nessas pessoas?

Elas vão sentir que de alguma forma essas palavras fazem sentido para elas. Será
como aquele efeito que vocês chamam de déjà vu. Elas vão sentir que já ouviram isso
antes. Vão sentir que já tiveram contato com essa informação. O que é naturalmente
verdade. Nada disso é novidade para ninguém. Não é nenhum segredo. É apenas algo
que as pessoas precisam se lembrar.

Eu ainda não sei como compartilhar isso. Ainda tenho um pouco de medo, ou
amarras mentais.

Fique tranquilo. Esse conteúdo é energia também. E a energia flui sem esforço. Essa
energia vai encontrar uma forma de se manifestar. Você está fazendo um bom
trabalho e não precisa se preocupar com a divulgação. Cada pessoa com quem você
divide, vai te ajudar nesse trabalho. Essa é a parte mais fácil.

E qual é a parte difícil?

Nenhuma. Lembra de que nada é difícil? Tudo é fácil. Algumas coisas são mais
fáceis,
mas tudo é fácil. A dificuldade foi o homem que inventou.

É inacreditável pensar que o homem pode ter inventado a dificuldade...

Pois é. Não faz o menor sentido, né? Mas a dificuldade foi a transformação de
energia
sutil em energia densa. Como transformar areia em cimento. Areia é leve, pode tomar
qualquer forma. Cimento não. Cimento é rígido. Cimento cria barreiras. É a mesma
coisa que a energia. Energia sutil é leve, toma qualquer forma, se manifesta sem
esforço por todos os lados, em todas as direções. Energia densa fica presa. Cria
bloqueios e barreiras.

Eu gosto dessas analogias que você faz. São tão simples e ao mesmo tempo tão
profundas.

Tudo é simples e tudo é profundo. Então fica fácil. Até porque tudo é fácil.
É tão simples e fácil que fico até confuso.

Você fica confuso porque fica tentando rotular, classificar e qualificar todas as
coisas.
Pare de pensar em rótulos e nomenclaturas e definições. Deixe as coisas serem o que
são. Deixe as coisas serem como são. Deixe. Não pegue e nem se apegue a nada. Tudo
fica mais fácil sem esse apego, sem essas classificações.

É verdade, faz sentido...


Tudo faz sentido.

Porque tudo segue as leis da natureza. E as leis da natureza são cheias de sentido
e
inteligência.

Posso mudar de assunto e perguntar uma coisa que estava pensando hoje?
Claro.

Queria saber sobre a relação das pessoas com seus pais. Eu tenho a impressão de
que todos nós temos algum tipo de amarra ou problema em relação aos pais. Pode
falar sobre isso?
Sim, boa pergunta. Isso de fato é um problema dessa sociedade. Isso acontece por um
motivo muito simples. Gerar uma criança é uma responsabilidade. Mas os pais
atribuem a si próprios muito mais responsabilidade do que deveriam. Antes mesmo de
a criança nascer, os pais já ficam preocupados. Eles acham que a responsabilidade é
grande demais e têm medo de falhar. Têm medo de cuidar mal dos filhos e educar mal
as crianças.

O que quase ninguém sabe, é que as crianças são muito mais independentes do que se
imagina. As crianças nascem com muita sabedoria. Assim, não precisam dessa
preocupação. Um bebê somente precisa de cuidado nos primeiros meses. Depois ele já
conseguiria se virar sozinho. Pense na relação dos animais com suas mães. Eles são
cuidados pelas primeiras semanas de vida e depois vão para o mundo. Pegue o
exemplo de um passarinho. Logo que ele sai do ovo, ele é completamente vulnerável e
não consegue se alimentar sozinho. Ele precisa da mãe. Mas depois de alguns dias, a
mãe deixa de cuidar desse filhote e ele é obrigado a sair do ninho para cuidar da
sua
vida.

A mesma coisa deveria acontecer com as crianças. A mãe precisa cuidar do bebê
durante o período de amamentação. Depois disso, ele poderia sair sozinho e aprender
a se virar. O problema é que as pessoas não confiam que isso pode acontecer. Os
pais
acham que a criança é muito mais vulnerável do que na verdade é.

Isso é verdade. Há até casos extremos. Tenho visto muitos pais que não deixam a
criança se afastar mais que 1 metro de perto deles.

Essa relação começa a criar traumas na criança. Lembre-se de que cada ser é uma
alma livre, que tinha liberdade para transitar por qualquer espaço, em todos os
sentidos, em todas as direções. Quando ela nasce no corpo humano, já precisa se
acostumar à limitação do corpo. E vocês somam a isso a impossibilidade de se
locomover e andar pelos espaços. Depois a criança cresce e começa a ser podada na
sua expressão. Tudo isso naturalmente vai criando traumas. É energia deixando de
ser
livre. Deixando de se manifestar. A energia presa é aquela nascente de rio que vira
pântano quando estancada. Surgem doenças, complexos e bloqueios. Por isso todo
mundo hoje tem relações de bloqueio com seus pais. Porque essa influência começa
antes mesmo de nascer, quando os pais têm medo de fracassar em suas funções.
Depois, quando bebê, canalizam o amor de forma errada. O amor pelo bebê deveria ser
expresso deixando-o se manifestar, se expressar, explorar o que existe no planeta.
Mas
os pais mantêm os filhos sob sua tutela pelo maior período possível. E olha que não
estamos nem entrando na questão de trabalho e profissão. Tudo começa bem antes.

Mas hoje em dia também seria muito difícil deixar um bebê livre pelas cidades.

Sim, de fato, toda a estrutura das cidades não favorece esse tipo de criação. É uma
espiral negativa que tem levado a humanidade a esse declínio.

Qual é essa espiral?

Viver em cidades, muitas pessoas nos mesmos espaços, falta de recursos para todos,
valorização do dinheiro, concentração de riqueza, má distribuição de renda,
pobreza,
diminuição da frequência, medo, violência, isolamento, bloqueio de energia, criação
de
crianças pelo medo, adultos sem liberdade, falta de sonhos, baixa vibração, pouca
capacidade de materialização, escassez....
Posso ficar o dia todo listando. Uma coisa está relacionada a outra. Tudo está
interligado. Tudo está conectado.

Até porque tudo é uma coisa só, não é?


Você está aprendendo!

Aprendendo não. Estou me lembrando! ©


Genial!

Como essas pessoas que têm problemas relacionados à sua criação podem se libertar
disso? Uma vez que você já foi criado no medo e na limitação...

Aceitação. O mesmo processo que descrevemos para acabar com o sofrimento. As


pessoas passam sua vida toda culpando os outros, culpando os pais, achando que
nunca poderão ser livres porque os pais não permitem. Esquecem-se de que também os
pais, são parte de si mesmo. Todos os outros são parte de você. Inclusive seus
pais.

Já percebeu que muitas pessoas mudam suas vidas depois do falecimento do pai ou da
mãe?

Uma vez que não existe mais a figura do pai ou da mãe, eles se entregam e aceitam e
se permitem ser. Muitas pessoas começam a viver somente depois que seus pais se
partem. Tudo isso porque a pressão dos pais é muito grande. Mas ela é interna.
Lembre-se de que você somente sofre o que se permite sofrer. Se eu te ofendo, você
pode sofrer se e somente se decidir aceitar essa ofensa e se apegar a ela. O que os
pais
pensam dos filhos somente diz respeito a eles. Os filhos não deveriam se apegar e
deixar a frequência dos pais mudar sua vibração.

O único animal do planeta que permite isso é o ser humano. Nenhum outro animal
adulto permanece dependente dos pais. Não estamos falando de dependência de
sobrevivência. Estamos falando de dependência da aprovação, aceitação e amor.

O ser humano passa a vida toda buscando o amor dos seus pais. É como alguém ficar
buscando o sol o tempo inteiro. O sol sempre estará lá. Todos os dias. Sem exceção.
Alguns dias o sol ficará encoberto pelas nuvens. Pode até dar a impressão que ele
não
apareceu. Mas ele está lá.

O amor dos pais é a mesma coisa. O amor dos pais sempre está presente. Em alguns
casos, pode parecer que não está. Em algumas pessoas ele é bem mais encoberto. Mas
a aceitação o faz aparecer.

Lembre-se de que é sempre a resistência que impede a manifestação e expressão. Tudo


que você busca com muito esforço, ou quer que aconteça de qualquer maneira, vai
gerar resistência. E a resposta é a energia deixando de fluir. Então o amor não
aparece.
O amor não se manifesta.

Nossa, que incrível isso. Essa é a melhor aula que recebi sobre pais e filhos. De
fato,
tudo isso é muito verdade. Será que pais e filhos vão mudar ao ler essas
informações?

Depende do seu livre-arbítrio. Cada um escolhe o que fazer com essa informação.
Algumas pessoas vão direcionar para o coração e deixar esse conteúdo reverberar em
seu campo e vão mudar completamente suas ações. Outras, vão apenas achar
interessante e não vão fazer nada com essa informação.
Tudo é aceitação né?
Sim.
Deixar tudo ser como é.

Eu nunca tinha entendido direito o que quer dizer ”ser como é". Agora estou
começando a entender. Eu não consigo explicar em palavras, mas consigo entender.

Palavras são limitadas. Não é possível explicar tudo em palavras. Não existem
palavras
para descrever tudo o que existe. Pense que são vinte e poucas letras e
consequentemente, combinações limitadas de letras para formarem as palavras e
frases. E o universo é infinito. Tudo é um campo de infinitas possibilidades. Não
dá pra
descrever o infinito em palavras.

Eu gosto do infinito.
Vou parar por aqui e reler esse material, ok?
Perfeito!

Logo retorno...

Acabei de reler e eu sinto que muitas das coisas que estamos escrevendo aqui já
passaram pela minha cabeça, mas nunca consegui estruturar essas informações.

Sim, você já sabe de tudo isso, então é natural que isso já tenha permeado sua
mente.
Por que preciso escrever para conseguir acessar essa informação?

Você não precisa. Se quiser, pode discorrer sobre todos os assuntos que estamos
abordando aqui naturalmente, deixando fluir como fala. Aliás, isso é uma das coisas
que você vai começar a fazer em breve. Mas por enquanto, ainda precisa de um
processo mais estruturado para apanhar essas informações. Isso é a canalização.
Ninguém está ditando isso para você. Essas palavras estão sendo apenas ordenadas,
vindo da mente expandida para um funil que direciona para o movimento dos seus
dedos.

É verdade. Eu não penso nada quando escrevo isso.


É como você deveria viver. Não precisa pensar em nada. Precisa apenas deixar fluir.

E como será essa canalização para as falas? Seria a voz de alguém passando pela
minha?

Não é ninguém além de você mesmo. Tanto faz se é outra pessoa, se tem outro nome.
Tudo é a mesma coisa. Tudo é uma coisa só.

Mas como as outras pessoas vão interpretar isso?

Cada um vai interpretar da maneira como quiser interpretar.


Então posso ser mal interpretado.

Com certeza será.

E isso não é um problema?

De jeito nenhum. Todos são livres. Cada indivíduo tem a liberdade de se manifestar
da
maneira como quiser.
Devo dizer que essa mensagem é de quem?

Não se preocupe com isso ainda. Por enquanto é apenas uma conversa. Diversos
autores e compositores fizeram suas obras pelo mesmo processo. Uns assumiram a
autoria, outros disseram ser de Deus, outros deram um nome. Isso pouco importa.
Você vai saber como divulgar esse trabalho. Vai saber a forma como vai ressoar
melhor
para facilitar sua propagação. Não tente descobrir. Não tente pensar. Deixe sair.
Na
hora certa, você vai expressar isso. Então tudo vai ficar mais fácil. Tudo está
fluindo
como deve fluir.

O trabalho está sendo muito bem realizado. Estou orgulhoso. Todos estamos.
Todos quem?

Todos nós e todos vocês. Todos.

Fico feliz de estar fazendo parte disso.

É o que você sempre quis. É o que buscou sua vida toda. Você está apenas colhendo
aquilo que semeou por toda a vida. Você está sendo premiado por não desistir.

É engraçado que está tudo tão natural que às vezes começo a me questionar se não
estou sonhando ou se estou ficando louco.

Louco você estava antes. Essa é a sua mente racional tentando retomar o controle
que
está perdendo. É normal isso. Fique tranquilo e permaneça ancorado ao coração. E
use
a respiração para retornar ao coração.

Vou parar por aqui, por ora, ok?

Naturalmente que sim.

Dia 6

Bom dia. Queria compartilhar algumas experiências que estou tendo.


Bom dia! Claro, será um prazer escutar!

Acho que estou conseguindo acessar esse mesmo estado de consciência das nossas
conversas a qualquer momento, sem necessidade de estar no computador. E isso é
incrível!

É mesmo incrível! Mas tome cuidado com classificações como incrível, espetacular,
extraordinário. Quando você faz isso, você alça essa situação à condição de algo
fora
do comum, algo esporádico e que não acontece o tempo todo. Mas tudo isso, apesar
de ser incrível, é comum. É algo que pode e deve acontecer o tempo todo. É sua
condição natural.

Verdade. Vou usar menos esses termos.

É legal celebrar, é legal usar palavras que elevam a vibração, como essas que
citamos,
mas não se pode criar separação entre você e o que acontece nesses estados. Porque
você cria barreiras, distanciamento e resistência. E isso o impede de vivenciá-los.
É exatamente isso que tem acontecido comigo. Eu tenho achado tão extraordinário
que começo a pensar que não é possível que eu esteja acessando isso com tanta
facilidade.

É fácil. Tudo é fácil. Você está eliminando a resistência da sua vibração pouco a
pouco e
silenciando a mente racional. Isso torna ainda mais fácil.

Eu já posso usar essa habilidade para me comunicar com as pessoas?

Já pode, se sentir vontade. Mas lembre-se de que você ainda está iniciando esse
processo. Ainda não aprendeu a dominar seu campo vibracional. Por isso, recomendo
que faça apenas com pessoas que vão te dar mais força e não com pessoas que vão
questionar, duvidar ou querer te desmascarar. Porque elas vão fazer perguntas que
exigem respostas mais elaboradas e longas e isso pode te fazer perder a vibração. E
quando você perder a vibração vai perder a conexão. Então não vai conseguir
completar a informação e isso vai fazer com que eles tenham aquela confirmação que
eles estão buscando, de que não é possível ter esse tipo de canal.

Por que elas fariam isso?

Porque estão em frequências mais baixas. Ainda estão muito identificados com a
forma
e com sua personalidade criada pelo ego. Assim, o ego tenta de todas as maneiras se

proteger, dizendo que nada do que você diz é verdade. Eles transmitem isso nos seus
argumentos e na sua postura.

Enquanto você ainda não estiver forte o suficiente, blindado contra esse tipo de
carga
energética, é melhor evitar o contato.

Você não está aqui para iluminar o mundo todo. Você está aqui para ajudar a um
pequeno grupo. Escolha esse pequeno grupo. Eles vão fazer você ajudar mais e mais
pessoas.

Quem é esse pequeno grupo?

São as pessoas que você já está conectando. São as pessoas com quem essas vão te
conectar. Deixe fluir. Deixe seu coração, como um ímã, atrai-los.

Perfeito. Gostaria de entender mais sobre alimentação. Eu sinto que há muita


informação divergente. Ninguém sabe o que pode, o que não pode, o que deve, o
que não deve consumir. Você pode elaborar sobre isso?

Excelente tema! Para começarmos, precisamos entender que alimentação nada mais é
que um combustível. É o que o seu corpo precisa para ter energia para trabalhar. A
divergência começa porque cada pessoa é diferente da outra. Apesar de termos a
mesma estrutura, com mesmos órgãos, cada um é muito diferente. Cada um opera em
uma frequência diferente, cada um carrega uma carga emocional diferente. Isso faz
com que cada alimento tenha uma reação diferente em cada ser humano. Os
alimentos também possuem vibração. São produtos consumidos à partir de outros
seres vivos, como vegetais, frutas e animais. Assim, a vibração desses alimentos
vai
reverberar em seu campo vibracional, produzindo mais ou menos energia. Se você está
em uma frequência elevada, alimentos de energia mais densa, vão te enfraquecer.
Alimentos mais sutis, vão ter dar mais energia.

É por isso que pessoas deixam de comer carne?


Sim. Exatamente. Mas é preciso desmistificar esse conceito de que não se deve comer
carne, de que ninguém deveria. A carne é um alimento de baixa vibração. Possui uma
energia mais densa. No entanto, pessoas que têm um campo vibracional mais denso,
com frequência mais baixa, precisam da energia desses alimentos para se sustentar.
São esses alimentos que as deixam mais fortes e energizadas. Elas precisam disso
nessa
etapa de sua escalada vibracional. Por isso, não se pode forçar nada. Uma pessoa
nesse estágio pode consumir toneladas de verduras e legumes e ainda assim se
sentirá
fraca e sem energia. Ela precisa de combustíveis que funcionam para seu veículo. É
como abastecer um caminhão a diesel com álcool. Não gerará a combustão para sua
movimentação.

A alimentação é uma escalada. E toda escalada precisa respeitar os níveis. Você não
consegue pular 2 metros para a rocha seguinte. Você tem que ir etapa a etapa. Nível
a
nível.

Assim, cada pessoa deve consumir hoje, o que sente que vai te deixar mais
energizada.
Mas na medida em que sua vibração vai subindo, ela deve ficar atenta, pois os
alimentos vão mudando seu efeito em seu corpo. Você não pode ficar apegado ao que
comia 10 anos atrás. Aquilo podia te fazer bem 10 anos atrás, mas hoje não lhe
serve
mais.

É um jogo de experimentação. É inclusive divertido. É como se todas as coisas


estivessem aqui para experimentar, adivinhar e descobrir o que te faz bem e o que
não
te faz no momento. Quando você descobre esse jogo, é muito prazeroso. Por que você
ganha mais um desafio na vida.

É engraçado ouvir isso. É como se a vida fosse uma grande brincadeira.

E é! A vida nada mais é do que uma grande brincadeira. E nenhuma brincadeira pode
ser divertida se levada muito a sério. Você já viu como algumas pessoas levam tão a
sério que brigam? Elas querem ganhar de qualquer maneira e acabam prejudicando
amizades com isso. Mas a graça não está na vitória, está no jogo. A vida é a mesma
coisa. Ninguém precisa ganhar. Não haverá um vencedor. Todos continuarão no jogo
eternamente. Até porque essa brincadeira não tem fim.

E se não tem fim, então não faz sentido a gente competir entre si, certo?

A competição é uma forma de brincadeira também. O que não pode acontecer é a


competição prejudicar a união. A competição não pode acabar com o senso de que
tudo é uma coisa só. Ela existe para se poder notar melhor a diferença entre os
lados
opostos da mesma coisa. Uma partida de futebol é uma competição entre duas equipes
que valorizam estilos diferentes, perfis diferentes, e formas de união diferentes.
É
combinar diferentes elementos para ter um resultado diferente. Como química. Isso é
muito bonito. Então é preciso ter um oponente para poder notar a diferença e
existir
base para comparação. Esse é um mundo de dualidade. Tudo tem opostos. É como se
essa partida fosse entre o claro contra o escuro, o som contra o silencio, a luz
contra a
sombra. Isso é uma competição.
Mas durante a competição e especialmente ao final, as pessoas devem saber que tudo
se trata de uma experiência de união. E não gerar essa separação.

Nossa. Nunca pensei que falaríamos de futebol aqui. Essa definição é bonita demais.
É até uma visão romântica do esporte.

Você deve ter uma visão romântica sobre tudo. Viva com uma visão romântica da vida.
E a vida será um eterno romance.

Por falar em romance. Existe o que chamamos de almas gêmeas?

Homens e mulheres são seres com energias opostas e complementares. Você, como
homem, está aqui para vivenciar-se em sua totalidade e ir em direção ao todo. Você
está aqui para ser um com tudo o que existe. E é impossível você ser um com tudo
sem
ter a figura complementar à sua, que seria de uma mulher com energia que te
completa.

Se as pessoas estivessem sintonizadas com a frequência e deixassem a energia fluir


sem esforço, elas naturalmente seriam direcionadas a encontrar outras pessoas que
as
completem. O ferro sempre busca o contato do ímã, caso eles estejam próximos. Mas o
que acontece é que a mente racional interfere nesse processo. Assim, as pessoas não
se
conectam com quem deveriam conectar de verdade. Elas buscam relacionamentos com
pessoas que podem oferecer a elas estabilidade, status, prazer físico, poder,
segurança
e muitas outras formas de racionalizar porque um relacionamento deve dar certo.

Isso, naturalmente leva as pessoas a viverem na resistência. Elas acham que uma
pessoa é a melhor para elas, mas sabem e sentem que isso não é verdade. Elas deixam
de escutar o coração e escutam sua mente.

Alguns casais, diferentemente, estão juntos não porque a razão lhes disse que era
um
bom relacionamento, mas porque seguiram exatamente o que seu coração lhes dizia
para fazer. Eles deixaram os dois corações se conectarem. Quando isso acontece, a
experiência de união é mais forte. A evolução é maior, pois as duas energias se
potencializam e até mesmo o prazer sexual é maior.

Isso é o que vocês chamam de almas gêmeas. São almas opostas, mas que se
complementam de uma forma muito bonita e ajudam as duas partes a evoluírem.

No entanto, não existe uma única alma gêmea para cada pessoa. Lembre-se de que a
energia é fluida e a frequência vai elevando e baixando. Assim, somente será
possível
atrair alguém que esteja no seu nível vibracional. Desse modo, não existe uma única
pessoa que você deve atrair. Tudo é um campo de infinitas possibilidades.

Pode falar sobre o casamento?

Quando essas duas almas se encontram, é de fato, uma experiência muito bonita. O
casamento é uma cerimônia para celebrar esse encontro. Teoricamente, essas duas
almas, se mantiverem a frequência e se elevarem juntos em sintonia, podem continuar
juntas para sempre. Por isso essa ideia do casamento como sendo algo até o fim das
vidas.

Mas os casais têm dificuldade em manter essa vibração e a sintonia se quebra à


medida que avançam pelas oitavas da vida. Pense no violão e em suas notas. Toque
duas notas que fazem parte do mesmo campo harmônico e toque-as ao mesmo tempo.

Se estiverem afinadas, você terá um som muito bonito e gostoso de se escutar. Toque
essas mesmas notas uma oitava acima. O som será diferente, mas ainda assim
ressonante. Quando uma corda muda sua afinação, você precisa ajustá-la para que
não fique dissonante, ou seja, para que não soe em frequências diferentes. Isso
deixa o
som ruim e esquisito. Isso acontece de tempos em tempos e você vai ajustando.

O mesmo acontece na vida de um casal. Um casal vai passar por momentos em que
uma corda ficará mais frouxa e produzirá um som em uma frequência diferente.
Quando isso acontece, eles precisam se acertar e sintonizarem novamente.

Hoje isso não tem acontecido muito...

Pois é, os casais, ao invés de tentarem ajustar a sintonia, buscam o rompimento.


Isso
atrapalha a evolução na escalada do ser, porque elas devem começar do zero
novamente com outra pessoa. Enquanto com a mesma pessoa conseguiriam subir mais
rápido.

Isso quer dizer que não deveria existir divórcio.

Nunca disse isso. Há casos em que nunca ouve sintonia, ou que a mudança de vibração
é grande demais para haver uma afinação de cordas. Nesses casos, o melhor mesmo é
o rompimento. Mas não é o que acontece em 90% dos casos de divórcio de casamentos
que aconteceram com sintonia.

Cara, isso é interessante demais! Como podemos estar tão distantes da verdade?

A verdade está muito próxima. Está dentro de cada um de vocês. Só precisam eliminar
as interferências e diminuir a resistência.

Sabe que isso é diferente de tudo o que eu imaginava. Eu imaginava que eu iria
acessar um conhecimento por meio de uma viagem astral, onde passaria por um
portal e acessaria informações por meio de uma experiência transcendental mágica.
Que esse conhecimento seria transferido para mim e eu teria todo o conteúdo.

Mas o que acontece é totalmente diferente.


Vocês têm uma visão distorcida de tudo. Criaram complexidade e dificuldade.

Verdade. Isso é tão mais simples. Não preciso de nada dessa complexidade que criei.
É de fato, como se estivesse buscando o tesouro perdido no fundo do mar, cavando
nas montanhas.

Eu queria que todas as pessoas que conheço vivenciassem isso...

Fique tranquilo que isso vai acontecer. Tudo tem seu tempo. Você teve o seu.

Essa capacidade será temporária para mim, ou eu terei acesso a isso


permanentemente?

Será temporária se você quiser que seja. Se você se mantiver na frequência correta,
explorando esse canal constantemente, não perderá. Mas já alerto que você
encontrará obstáculos. Especialmente quando começar a dividir com o mundo.
Mantenha-se ancorado ao coração.

Mas tudo é fácil...


Essa é uma grande forma de começar. Se continuar sentindo que tudo é fácil, de fato
será. Não duvide. Não se questione. Não se permita entrar em conflito.

Agora se levante e vá aproveitar esse lindo dia de sol na companhia de outras


pessoas.
Saia do isolamento.

Você deve equilibrar isolamento com compartilhamento. Isole-se para se sintonizar,


depois encontre para compartilhar e vivenciar. Ninguém pode evoluir sozinho.
Ninguém sobe na escala do ser sem contato com outras pessoas.

Obrigado pelo conselho! Vou seguir!

Dia 7

Esses dias têm sido incríveis para mim. Parece que estou desconstruindo tudo que
demorei minha vida inteira para construir. Em uma semana estou rompendo todos
os padrões, desafiando medos, me libertando de antigos padrões. Mas ao mesmo
tempo, fico com medo de estar arriscando tudo...

Esse é um bom momento para falarmos sobre tudo isso que vêm acontecendo. De fato,
você está correto. O que está acontecendo com você é uma aceleração do seu processo
evolutivo. Você está entrando na frequência das dimensões superiores e é impossível
manter os antigos padrões estando em frequências mais elevadas. É fisicamente
impossível. É como querer que continue tocando a rádio 95,7 depois que você começa
a
sintonizar a 98,9. Isso não é possível. Portanto, é perfeitamente normal que você
comece a se desfazer de tudo que acumulou a vida toda nessas frequências mais
baixas.

Quanto a ficar com medo de arriscar tudo, isso não faz o menor sen tido. É normal
sentir medo, mas não faz sentido. Porque você está arriscando tudo o que é ilusão.
Tudo o que é mentira. Tudo o que você acha que você é, é uma ilusão. Você não é
nenhuma dessas máscaras que usa. Você não é os rótulos que criou para si mesmo.
Você não é o que as pessoas te dizem ser. Você não é as suas habilidades e
talentos.
Você é muito maior que isso. Você é parte do todo. Você é o todo. Então, se você é
o
todo, não faz sentido ficar restrito a rótulos e definições. E o que você está
”arriscando”
como você mesmo diz são esses rótulos. Ou seja, você está arriscando algo que nunca

deveria ter tido. Assim, não precisa ter medo.

O que está por vir agora é muito mais grandioso do que você consegue imaginar. Você
já começa a sentir. Na verdade, você sentiu a vida toda. Mas não se permitiu
vivenciar
esse sentimento. O que vamos começar a criar agora é algo que você jamais
conseguiria visualizar, imaginar ou planejar estando na frequência de terceira
dimensão.

Podemos falar sobre isso?

Sim, é uma boa hora para falarmos. Você vai ajudar a desenvolver uma nova
economia. Não estamos falando somente sobre a feira da troca. Estamos falando
agora sobre uma nova relação de trabalho. Uma nova forma de criar relações
comerciais também.

Hoje, todos sentem, especialmente os mais jovens, como as relações de trabalho e a


forma como as empresas são estruturadas estão defasadas. Todas as empresas, sem
exceção, estão com uma estrutura que servia padrões antigos e servia uma

mentalidade de séculos passados. O padrão vibracional está mudando, então é preciso


uma nova relação de trabalho. Não há mais espaço para os contratos de contratação
de serviço, relações trabalhistas, remuneração fixa, carga horária de trabalho.
Nada
disso funciona mais.

Por isso tantas pessoas estão insatisfeitas e sofrendo. A energia hoje é mais
fluida. O
trabalho é a forma como as pessoas se relacionam com o mundo e como expressam
suas habilidades e como deixam sua energia fluir. Uma relação de trabalho quadrada
e
rígida, estanca o fluxo de energia. Assim, não é possível ter outro resultado,
senão o
stress, e as síndromes relacionadas ao trabalho. Cada um está com sua energia
estancada, presa, deixando de fluir.

As empresas modernas, que estão dando mais liberdade, mobilidade e investindo em


qualidade de vida, estão tentando sair desse padrão. Mas ainda assim, as estruturas
estão fundamentalmente erradas.

O que você vai começar é um modelo completamente novo e completamente livre.

O princípio básico é que um negócio deve ser uma forma de prover valor à sociedade
(isso você já sabe), mas com uma condição específica (e essa é a novidade): Deve
ser
um instrumento para elevar a vibração de cada colaborador. Cada pessoa que busca
uma empresa está buscando uma forma de evoluir na escala do ser. Como uma escola.
O business será a nova escola. As empresas cumprirão um papel similar ao que a
igreja
cumpriu centenas de anos atrás. As pessoas buscavam a igreja para se relacionar com
outras pessoas, para se unir por um propósito, para fazer bem à comunidade e
aprenderem juntos, crescerem juntos.

Agora, o modelo será um pouco diferente, e as empresas ocuparão esse papel. As


empresas serão grandes laboratórios, onde cada um poderá testar coisas novas,
poderá testar uma forma diferente de se expressar.

Estou ficando entusiasmado, mas ao mesmo tempo, um pouco perdido. Podemos ir


por partes?

Claro.

Como funcionarão as relações de trabalho? Não haverá mais essa relação de


empregador e funcionário?

Não. Essa é uma das coisas que vai mudar. Em primeiro lugar, ninguém ficará preso a
nenhum trabalho. Nenhuma pessoa precisa ficar restrita a uma única empresa. Não
haverá necessidade de dedicação exclusiva. Somente haverá dedicação exclusiva, se a
pessoa assim quiser. Se ela estiver engajada com o projeto e achar que quer dedicar
seu tempo somente a isso, ótimo. Mas ela não pode de maneira nenhuma ser obrigada
a isso.

Pense numa relação de amizade. Você tem amizade com seus amigos e eles são livres
para entrar e sair da sua vida. São livres para escolher frequentar sua casa, ou
aceitar
seus convites. Há momentos em que alguns amigos estão muito presentes e você os
encontra todos os dias e há momentos em que eles se afastam. Essa é a mesma
estrutura que haverá no trabalho. Cada indivíduo é livre para entrar e sair da sua
empresa a hora que quiser. Uma pessoa pode chegar, querer trabalhar duas semanas e
depois sair. Ou ela pode passar vários meses se dedicando ao seu projeto, ao mesmo
tempo em que trabalha em outros projetos pessoais, ou até mesmo de outras
empresas.

É como se fosse a evolução do modelo de freelancer?


Mais ou menos. É parecido, mas ainda há mais diferenças que vou mencionar.

Lembra-se que disse que o propósito é ajudar cada um a evoluir na escala do ser, a
elevar seu padrão vibracional? Isso vai influenciar também as remunerações. As
remunerações não serão apenas financeiras como é hoje. Haverá mais elementos
envolvidos. Seu papel como líder de uma organização, será ajudar essas pessoas a
evoluírem, com conhecimento, conversas e conexões. É um pouco do que as empresas
fazem com treinamento hoje, mas em uma forma muito mais elevada. Quanto mais
uma pessoa puder evoluir dentro da sua empresa em termos da sua escalada
vibracional, menos dinheiro você vai ter que pagar. Essa é uma preparação para uma
sociedade sem dinheiro. O bom senso vai começar a prevalecer. As pessoas vão entrar
na sua empresa, sem perspectiva de remuneração financeira inicial e vão sentir
quanto
isso poderá contribuir para seu crescimento espiritual e profissional. Na medida em
que
elas vão se relacionando com você, e com o negócio, surgirão oportunidades. Cada um
vai poder criar uma nova oportunidade a partir do trabalho que está realizando e a
partir das conexões que fizerem com outras pessoas. Então elas poderão empreender
seus próprios projetos e por isso, a remuneração se faz menos importante.

Deixe-me ver se entendi. Eu não terei que pagar nenhum salário para ninguém.
Apenas terei que garantir que elas consigam evoluir e ter oportunidades. A partir
disso, elas vão criar novos negócios e isso será a oportunidade que eu estarei
oferecendo?

Exato. Você vai criar uma porta de saída do mundo corporativo e do modelo atual
capitalista. Essa porta de saída será também a porta de entrada para seus projetos
pessoais. Para seus sonhos. Não é necessariamente empreendedorismo. Mas será
qualquer tipo de projeto que fará seus corações pulsar. Eles vão usar a empresa
como
um instrumento para se alinhar com sua intuição e encontrarem seu propósito.

Você está encontrando seu propósito a partir da conexão com o coração e por meio
dessas conversas. As conversas que você e sua equipe terão, funcionarão da mesma
forma. Você vai ajudá-los a encontrar seu propósito, que não necessariamente será
na

sua empresa. Na verdade a grande maioria deles não ficará por muito tempo na sua
empresa. Mas você vai começar a criar uma comunidade grande. Um grupo de amigos
que vai entrar e sair e voltar sempre que tiver vontade. A relação permanecerá e a
gratidão fará com que vocês consigam contribuir para a abundância de todos.

É tão bonito e ao mesmo tempo me parece tão distante. Como se sustentará esse
modelo, financeiramente?

Você vai começar a construir relações e atrair pessoas que vão te ajudar nesse
processo. Aquelas pessoas que citamos no começo da conversa serão algumas delas.
Elas vão te ajudar com outras conexões. Isso vai fazer você atrair fornecedores e
investidores. Fornecedores vão te oferecer o serviço sem necessidade de pagamento
financeiro. Somente isso já vai te aliviar em termos de estrutura de custo. Esses
fornecedores querem participar da construção desse novo modelo.
Já investidores serão almas em abundância, sintonizadas com a nova frequência e vão
entrar com doações ao seu negócio, sem esperar uma contrapartida financeira. Não
serão investidores capitalistas, que buscarão o retorno do dinheiro. Até porque, o
retorno não será financeiro. O retorno será a evolução da sociedade. A evolução das
relações de trabalho e a construção de novos negócios que vão mudar toda a
estrutura.

O que vou fazer para atrair essas pessoas?

Você somente precisa se manter na frequência elevada e se conectar ao seu coração.


Lembre-se do que já dissemos algumas vezes. O seu coração é um grande imã. Ele vai
fazer você se conectar com essas pessoas. Livre-se do esforço. Nada precisa de
esforço.
Tudo é fluido e leve. Todas as coisas vão começar a acontecer na medida em que você
for se expressando e deixando essa energia fluir.

As pessoas vão acreditar no meu projeto?

Você acha que isso é um absurdo porque até agora somente esteve em contato com
pessoas que vivem nas frequências mais baixas. Você vai se conectar com pessoas que
já estão fazendo estudos desse novo modelo e pessoas que já estão começando essas
iniciativas. Seu negócio não será o único. Então, hoje, tudo parece muito distante
e
irreal. Mas esse é um modelo que vai começar a ganhar novos adeptos. E tudo será
natural. Você não será um louco isolado no meio da multidão. Você se unirá a outras
almas que estão trabalhando com o mesmo propósito. Então, você terá mais firmeza
para seguir no propósito. Mas isso é indiferente. Não deixe que a necessidade de
encontrar pessoas que acreditem em você seja o seu guia. Seu guia é interno. Seu
guia
é a voz. Seu guia é o coração. É ele que está de direcionando. Você sente que tudo
isso
é verdade. Você sen te que nada do que estamos dizendo é irreal. Você sempre quis
isso

a sua vida toda. Abrace essa ideia, deixe-a fazer parte de você. Seja um com a
vibração
desse projeto. Quando você se funde com as ideias, o resultado é a materialização.

De fato, isso é mesmo o que eu sempre quis. Eu sinto dentro do meu coração que
esse é o modelo que eu quero desenvolver. Mas logo que começo a pensar em um
negócio, eu começo a tentar ordenar as informações como um planejamento. Fazer
isso não vai limitar a criação e fazer com que eu tente prever as coisas? E eu
aprendi
que qualquer previsibilidade é loucura.

Boa pergunta. Você tem que desenhar as informações, para que fique mais fácil de
transmitir às pessoas e conseguir vender a ideia. Mas não deve se apegar à forma,
cronogramas, etapas, desenhos de estrutura organizacional. Tente deixar o mais
fluido
possível. Você não vai idealizar tudo e dizer aos outros como vai ser. Você vai
iniciar o
movimento com a ideia inicial e vai atrair pessoas sintonizadas com a mesma
frequência. Elas vão te ajudar a construir. Por isso, não se apegue ao
planejamento.
Deixe as pessoas contribuírem para sua construção. Sua função principal é manter a
vibração elevada e recrutar esse grupo de trabalhadores da luz. Você saberá quem
chamar e eles virão até você. E mais outros virão.
E mais uma coisa. Talvez a mais importante de todas. Divirta-se! Nada mais é do que
uma grande brincadeira! Lembre-se de quando era criança e inventava brincadeiras.
Recorde-se dos jogos que criava com seus primos e amigos. É o mesmo processo. Conte
sua ideia, deixe ressoar em seus corações e construam juntos.

A diversão é parte fundamental desse trabalho. Trabalho é diversão. Jamais se


esqueça
disso. No momento em que você não estiver se divertindo, você tomou uma direção
errada.

Legal. Estou entusiasmado e não vejo a hora de começar.

Tire a pressão, ok? Não se cobre tanto, ou deixará a vibração cair. Curta o
processo e
comece.

Vamos detalhando mais esse projeto nas próximas conversas.

Obrigado!

Día 5

Nem acredito que já se passou uma semana desde a primeira conexão. Tudo tem
sido tão bonito e tão mágico...

A vida é tão bonita e tão mágica. Não precisa de acontecimentos extraordinários


para
se perceber isso. Tudo o que está acontecendo com você não é nada de extraordin
ário.
É normal, é natural, é a verdadeira realidade. Você apenas está despertando para a
realidade.

É uma mistura de deslumbre com anseio pelas coisas novas que estão por vir e com
cada nova descoberta.

É para isso que todos estão aqui. Para desfrutar dessa jornada, se espantarem com
os
acontecimentos, pois cada acontecimento é uma forma de se aproximar de quem é de
verdade. Cada desdobramento a vida é uma forma de se reconectar e se lembrar.

Imagine que você tem um amigo que perdeu a memória. Você sabe quem ele é, você
sabe tudo o que ele já fez. Você se recorda de histórias que viveram juntos, você
sabe
das coisas que ele gosta e das experiências que o fazem feliz. Ele não consegue se
se
lembrar de nada.

Então, você, como um bom amigo, começa a preparar situações para que ele tenha
contato com as coisas que gostava e com experiências que possam fazê-lo recuperar a
memória. Você prepara para que ”coincidentemente” toque a música que ele gostava
de ouvir. Você prepara ”encontros casuais” com pessoas que foram importantes na
vida dele. Você o leva a lugares onde já esteve. Pouco a pouco, ele começa a
conectar
os pontos. Aqueles lugares começam a trazer memórias, ele começa a resgatar antigos
sentimentos. Sua vibração vai mudando e ele vai acessando novas frequências. Aos
poucos, sua memória começa a voltar. E ele se lembra de quem é. Lembra-se de todas
as coisas que lhe aconteceram.

Alguma semelhança com o que está te acontecendo?


Hahaha, nenhuma! É exatamente isso que estou sentindo!!

A vida é esse bom amigo. Você pode chamar de vida, universo, natureza, Deus, não
importa o nome. Tudo é a mesma coisa. Esse bom amigo está o tempo inteiro te
colocando em contato com situações que vão te fazer se lembrar de quem é. Se
estiver
atento e se permitir perceber, então a ilusão e a falta de memória vão terminar de
maneira natural. Sem esforço.

Ao mesmo tempo em que tudo isso tem acontecido, tenho notado que tenho ficado
muito mais no presente. Algo que tive dificuldade de conseguir a vida toda.

A dificuldade de ficar no presente tem a ver com falta de contato com sua energia.
Dentro de você, você tem um impulso de energia muito forte. Todos têm. Essa energia
se move por todos os lados e em todas as direções. Ela está o tempo inteiro
querendo
se manifestar. São as ideias, os sonhos, os pensamentos criativos, o movimento, a
música, as imagens, as visualizações.

Quando você não permite que essa energia flua, quando você estanca sua expressão,
você começa a sentir isso no seu corpo. Você começa a sentir desconforto. Esse
desconforto que se inicia no corpo é absorvido pela mente. Então a mente começa a
tentar ajudar o corpo, jogando sinais. Esses sinais são as viagens da mente. São os
pensamentos sobre o passado, seja lembrando-se de algo muito bom, para te dizer
como deve ser essa expressão, ou lembranças ruins, para te dizer como não deve ser,
como você não deve agir. Ou podem ser pensamentos sobre o futuro. O medo de um
futuro ruim, de cenários indesejados é a mente te dizendo: ”se continuarmos sem nos
expressar livremente, podemos chegar a esse cenário”. Os pensamentos também
podem ser bons. Podem ser a mente querendo te mostrar tudo que pode acontecer
quando você a deixa fluir.

Assim, a falta de presença, nada mais é que a falta de expressão. É você não
deixando
sua energia fluir. Quando você se conectar com essa energia e deixá-la fluir
livremente,
com você se expressando de maneira livre, colocando para fora as coisas que tem
dentro de você, falando o que quer dizer, agindo da forma como quer agir, se
movimentando como quer movimentar, compartilhando ideias, canalizando
mensagens, você consegue ficar no presente.

Por isso, não adianta lutar contra a mente para ficar no agora. Para ficar no
agora,
basta deixar sua energia fluir. Quando a energia flui, você entra no estado de
fluxo.. O
estado de fluxo é esse estado onde você está se expressando da maneira como deve se
expressar. A concentração é muito maior, o prazer é maior e a criatividade é muito
mais elevada.

Nossa. Isso é impressionante! Eu passei a minha vida toda tentando lutar contra
esses pensamentos. Bastava parar de lutar e começar a dar espaço para minha
energia fluir. Bastava eu expressar minhas ideias e dizer o que queria dizer...

Exatamente. O único objetivo de vocês aqui é se expressar para criar a realidade e


entender que tudo é uma coisa só.

A procrastinação é a mesma coisa?

Sim. A procrastinação, nada mais é do que o seu corpo e sua mente, desconfortáveis
com o que você está fazendo no momento. São os mesmos sinais. Eles querem te dizer
que não é isso que você deve estar fazendo. Não é preguiça sua, não é falta de
concentração, não é Déficit de Atenção.

É por isso que hoje tantas pessoas são diagnosticadas com DDA?

Perfeito! É isso mesmo. Na verdade elas estão se esforçando para cumprir tarefas
que
não devem cumprir. Estão se esforçando para se encaixar em padrões da sociedade.
Estão se esforçando para aprender uma forma de educação antiga e arcaica. Estão se
esforçando para gostarem de trabalhos que não lhes servem. Estão se esforçando.
Lembre-se de que todo esforço é desnecessário. Tudo é fácil. Tudo é fluido e leve.
Quando se coloca esforço, está seguindo na direção errada.

Assim, as pessoas não precisariam de técnicas de produtividade, ferramentas de


gestão
do tempo, remédios para concentração, nada disso. Elas só precisam escutar. Vocês
não se permitem escutar. Todas as respostas estão no seu corpo e no seu campo
vibracional. Quando você escuta, você sabe que está no caminho errado. E aí você
para
de se forçar. Você para de se cobrar. Apenas direciona sua energia para outra
atividade.

Nossa, isso faz muito sentido. Todas as vezes que eu começo atividades que têm a
ver com essa minha expressão, eu consigo me concentrar muito mais. E os resultados
fluem muito naturalmente. Sem esforço. Como essa conversa, por exemplo.

E está cada vez mais fácil, não é mesmo?


Sim. Muito mais fácil. Não preciso de preparação, ritual, concentração. Nada disso.

Você não precisa de nada. Somente precisa ser você mesmo. Somente precisa se
expressar e deixar a energia fluir.

Legal! Por falar em precisar, gostaria de saber um pouco sobre o jejum. O que é o
jejum? Precisamos mesmo nos alimentar?

Vamos lá. O jejum é uma forma de limpeza do corpo contra as toxinas do organismo.
Essas toxinas se acumulam seja pela alimentação inadequada, ou por sentimentos
negativos que você mantém por muito tempo.

Quando você faz um jejum, você dá um espaço para suas células trabalharem na sua
limpeza e regeneração sem que entre um novo carregamento de alimentos, nutrientes
e toxinas. É como se você desse um final de semana para seus órgãos. De vez em
quando é preciso dar esse tempo. Dar esse descanso. Eles nunca descansam, nunca
param de trabalhar. Por isso, às vezes pode ser bom fazer reduzirem o ritmo de
trabalho. É aí que entra o jejum.

Mas não se pode fazer o jejum a qualquer momento. Você deve estar em um momento
de vibração em frequências elevadas, para que não fique sem energia. Se você fizer
estiver em um momento de frequência baixa, você precisa de mais energia. Então, se
fizer o jejum, vai desmaiar e seu corpo não vai aguentar. Mas quando está em alta
frequência, você vai ganhando energia por formas alternativas à alimentação. Você
se
energiza pelo contato com outras pessoas, pela gratidão, pelo amor. A própria
expressão, deixando fluir sua energia, como descrevemos agora a pouco, o ajuda a se
man ter forte.

É por isso que algumas pessoas, quando estão no estado de fluxo se esquecem de
comer?
Exatamente.
De quanto tempo deve ser o jejum?

Não existe uma regra. Cada pessoa deve sentir o seu corpo. O ideal é que se comece
com jejum de 18 horas, depois de 24 horas e vá aumentando aos poucos.

Você acha que é um bom momento para eu fazer o meu?

Sim. É. Você vai se livrar de toxinas que têm guardado há muitos anos. Semana
passada você já começou um processo importante de se livrar de antigas energias.
Agora precisa completar esse processo limpando seu corpo físico.

Como saber se não vou desmaiar? Como saber se não é perigoso?

Tudo começa na sua mente. Se você acreditar que é perigoso e acreditar que vai
desmaiar, então, é isso que vai acontecer. Mas se você se mantiver ancorado ao
coração, sabendo que tomou uma decisão consciente, e seguindo sua intuição, então
não precisará se preocupar.

Evite o esforço físico elevado nos dias de jejum e tome muita água. Tome água boa.
Águas que contenham minerais.

Legal. Podemos mudar de assunto? Ontem estive em uma feira de troca.


E como foi a experiência?

Foi interessante. Foi legal ver as pessoas reaproveitando produtos, elas tinham
boas
intenções. Mas senti que tudo ainda estava muito voltado ao consumismo. Não foi a
mesma imagem que vi quando você me descreveu a feira aberta, com o círculo.

Perfeito. A sua sensação é muito precisa. Enquanto houver o excesso de consumo,


haverá excesso de produtos. E com excesso de produtos, não será possível ter esse
modelo que descrevemos. Quando nos livramos dos excessos, mantemos apenas aquilo

que precisamos. Quando mantemos apenas aquilo que realmente precisamos, a troca
começa a ter muito mais valor.

Você estava em uma feira de troca com produtos sem vida. Poucos produtos lá tinham
vida. Quase nenhum produto tinha uma história. Sem história, não há amor. Sem amor,
não é possível ter gratidão genuína. E esse modelo da feira de troca é baseado na
troca
de amor e gratidão genuína.

O que deve acontecer então?

Antes desse modelo, é preciso redistribuir todos os produtos. Há pessoas que não
tem
nada e precisam. Todo o excesso individual deve ser compartilhado com quem não
tem. Quando isso acontecer, não haverá excesso na feira. As pessoas não chegarão
com dezenas de produtos. Elas chegarão com poucas coisas. Poucas coisas de valor
pessoal grande. Produtos com amor. Como os que você levou. Com menos produtos, o
foco mudará dos produtos para as pessoas. Você não vai ficar buscando itens como em
uma loja. Você vai se conectar com as pessoas. E elas vão contar suas histórias e
você
vai contar a sua. E então vocês vão trocar os produtos. Você vai oferecer o que tem
e
vai ganhar algo em troca.

E tudo vai ser uma grande festa.


Tenha calma que as coisas vão se caminhar para isso. Por isso disse que precisa
começar pequeno. Com pequenos grupos de amigos. Mas ainda não é hora dessa feira
acontecer. Por ora, você somente precisa conhecer e se conectar com as pessoas para
ganhar confiança e entender o que está sendo feito.

Entendido. Eu tenho sentido vontade de dividir essa conexão com mais pessoas. O
que devo fazer para compartilhar?

Continuar o que tem feito, e estendendo para mais pessoas. Confie na sua intuição.
Não tente racionalizar quem seriam as pessoas boas para você dividir. Deixe seu
coração apontar. Você está com uma boa percepção. Esse direcionamento é confiável.

Eu devo enviar esse material, ou devo contar pessoalmente?

Não existe ”devo”. Faça o que tiver vontade. Com algumas pessoas, você pode enviar
diretamente e deixar que a leitura os faça vir até você. Com outras pessoas, conte
a
experiência e depois compartilhe. Não há regras. Siga sua vontade.

E quanto aos meus textos do blog? Não tenho sentido muita vontade de escrever da
mesma forma.

Siga sua vontade. Se você tem vontade de fazer sua mensagem ajudar as pessoas que
te acompanham, selecione trechos dessa conversa e coloque na sua página. Da mesma

forma como já começou a fazer. E uma maneira de preparar as pessoas para o


conteúdo que está por vir.

Isso vai virar um livro?


Certamente.
Quando terei conteúdo suficiente para um livro?

Você já tem. Mas ainda cabe mais coisa. Deixe fluir. Não se preocupe com o processo
ou com prazos.

Podemos voltar a falar sobre a nova economia?

Vamos deixar para outro momento. Agora, foque em colocar sua vida em ordem.
Organização traz evolução. Há muita coisa fora de ordem na sua vida. Coloque ordem
e comece a se preparar para a prosperidade.

Obrigado! Farei isso!

Dia 8 - Noite

Tentei colocar minha vida em ordem, mas tive um pouco de dificuldade. Podemos
falar um pouco sobre isso?

Claro. Vamos lá. Vamos começar do princípio. Lembra-se que falamos que tudo é
vibração?

Lembro sim.

Pois então. Todas as coisas são feitas do mesmo elemento. É o que se chamou de
partícula de Deus. Essa partícula é o elemento comum a todas as coisas. Quando digo
todas as coisas, digo realmente todas as coisas. Tanto seres vivos, quanto objetos
inanimados. Tudo é feito do mesmo elemento. Esses elementos estão espalhados pelo
espaço / universo e vão se agrupando e se combinando. A combinação dessas
partículas forma a matéria.

Você pode dar um exemplo para ficar mais fácil?

Claro. Imagine um aquário vazio. O espaço do aquário é delimitado pelo vidro. O


universo não teria esse vidro, pois é infinito, mas vamos usar um espaço delimitado
para ficar mais fácil de entender. Agora solte um pouco de fumaça dentro desse
aquário. Como aquelas máquinas de fumaça. Essa fumaça representa as partículas de
Deus. Essas partículas, uma vez lançadas dentro desse aquário, vão começar a se
agrupar. Quando muitas partículas se agrupam, elas formam estruturas mais densas. É
como se essa fumaça formasse gotas d'agua. Elas podem ficar ainda mais densas e
formar pedras de gelo. Essa metáfora é apenas para você entender como é esse
agrupamento de partículas. É como se formam os elementos e objetos.

Agora voltando ao universo, todas essas partículas estão em constante movimento.


Elas se movimentam por todos os lados e em todas as direções. Quando algumas se
encontram e formam os objetos, elas ficam mais densas e se movimentam mais
lentamente. Quanto mais lentamente eles se movimentam, maior o tempo que
permanecem juntas no mesmo objeto. Os minerais são os objetos com mais densidade
e por isso formam rochas que duram séculos. Mas mesmo essas rochas possuem
vibração. Tudo possui vibração e tudo está tentando se movimentar. O propósito de
tudo isso é fazer a energia se movimentar livremente.

Assim, voltando à sua pergunta sobre ordem. Imagine que tudo que está a sua volta
possui energia tentando se movimentar. Quando você acumula objetos, você deixa a
energia presa, sem fazê-la circular. Quando sua casa não está em ordem, a energia
não
flui livremente por ela. Ela encontra pontos de estanque. Como troncos de rios que
atrapalham seu fluxo. A mesma coisa acontece com pensamentos, com tarefas, com

informações. Tudo é uma coisa só. Todas as coisas precisam se movimentar. Precisam
entrar na sua vida e sair. Precisam de movimentação. Então, tudo que você acumula,
tudo que você deixa parado, tudo que você deixa sem resolver, trava seu fluxo de
energia. A ordem é a forma como você deixa essa energia fluir. Você cria caminhos
para que essa energia flua, para que cada objeto dê sua vibração e faça isso
repercutir
em outros objetos. O Feng Shui é uma prática que foi desenvolvida pensando nisso,
em
ajudar a energia circular pelas casas.

Seguindo essa lógica então, as casas deveriam ser decoradas de forma dinâmica, sem
objetos parados por muito anos no mesmo local?

Exatamente. Boa conclusão. Objetos não foram feitos para ficarem parados no mesmo
lugar. Eles devem ser utilizados com mais dinamismo. A disposição de um quarto pode
mudar de tempos em tempos. Móveis devem ser trocados de lugar, trocados de casas.
Esse dinamismo traz evolução. Ajuda as pessoas a seguirem na sua escalada do ser.

Interessante. Entendi. Então o que eu devo fazer para colocar ordem na minha vida?
E como isso pode me trazer prosperidade?

Você deve eliminar tudo que está parado há muito tempo. Você deve doar, ou trocar,
ou mover de lugar. Isso falando de objetos.

Tudo que tem vida deve ser nutrido. Alimentos, plantas e pessoas. Assim ocorre uma
troca de energia com você mesmo. Você se doa e recebe de volta.

Todas as informações devem ser resolvidas. Todas as pendências que você tem, devem
ser finalizadas. Informação parada gera pensamentos de necessidade e obrigação.
Você não tem obrigação de fazer nada. Você faz o que quer. Mas não pode deixar
pendente. Ou você faz, ou decide que não vai fazer e descarta.

E você deve fazer isso todos os dias. As coisas se acumulam e param todos os dias.
Todos os dias você deve movimentar essa energia. É isso que vai dar o dinamismo
para
sua vida, para atrair as coisas que você precisa. É como um moinho que gera energia
pelo seu movimento.

Suas rotinas são os seus moinhos de vento. Você deve ter rotinas que permitam essa
movimentação. Isso envolve limpeza, processos e hábitos.

Se você conseguir fazer isso, vai estancar menos energia. Estancando menos energia,
você sente menos preocupação. Com menos preocupação, você eleva sua frequência.
Elevando sua frequência, você se conecta à frequência da abundância. E então, nada
mais poderá acontecer, a não ser a prosperidade.

Nossa, agora entendi. Faz muito sentido isso. Não é muito óbvio. Confesso que
preciso pensar um pouco, mas faz mesmo muito sentido. Eu deixei minha vida sair de

ordem. Deixei muita informação em aberto, deixei acumular muita coisa parada. A
energia não estava fluindo mesmo.

Agora você já sabe o que fazer. Essa ordem traz uma sensação de liberdade. Com
liberdade, você fica mais à vontade para criar. Você tem espaço para criar e deixar
a
sua energia fluir de dentro de você.

Todas as coisas que você decidir fazer, você deve fazer. Você não pode querer fazer
e
não fazer. Isso trava o fluxo.

Você soltou muitas ideias no ar e deixou-as paradas na sua vida. Deve continuar e
movimentá-las. Ou então, descartá-las. Ideias paradas são como plantas que você
coloca na sua casa e não cuida direito. Elas não vão florescer e vão ficar
semimortas na
sua casa, ocupando espaço e energia.

Eu gosto demais dessas analogias. É tudo a mesma coisa né?

Sim. Tudo. É muito fácil fazer analogias, pois tudo é a mesma coisa. Tudo segue a
mesma inteligência. Tudo tem a mesma ordem. Tudo segue as leis da natureza.

Podemos falar sobre o medo? O que é o medo? De onde ele vem?

O medo é parte natural de tudo o que existe. É parte do todo. Vocês vivem em um
mundo de dualidade. Essa dualidade é representada em tudo. Tudo tem o seu oposto.
O claro tem o escuro, o som tem o silêncio, o calor tem o frio e a coragem tem o
medo.

Coragem é energia em expansão, medo é energia em retração. Você tem medo,


quando você se diminui, quando você se fecha, quando você se contrai. A coragem é o
movimento de evolução, de sintonia, de buscar o contato com frequências mais
elevadas. E o medo é o seu oposto. O medo é ir em direção a frequências mais
baixas.
O medo é a não manifestação, não expressão. É uma frequência que foi plantada em
você desde antes do seu nascimento. Seus pais tiveram medo. Até hoje eles têm. Esse
medo é transmitido, como uma frequência contagiosa, como um vírus. Vocês vivem em
uma sociedade contaminada pelo medo e por isso têm dificuldade com a manifestação
e com sua expressão.

E a única forma de viver sem medo, é desafiá-lo, encará-lo, aceitá-lo e em seguida


aplicar a mesma sequência que usamos para o sofrimento. Se entregar, aceitar,
abraçar, receber, agradecer. Quando você vence o medo, você sai da sua frequência e
se eleva em uma frequência acima do medo. Assim, ele deixa de ser parte de você. É
exatamente o que está acontecendo com você nesse momento. Você está saindo da
frequência do medo. E isso é muito libertador.

Esse é o seu trabalho. É ajudar as pessoas a saírem da frequência do medo. Todas as


atividades que você vai realizar têm como objetivo libertar as pessoas do medo.
Você

vai elevar a frequência delas por meio desse material, por meio das suas conversas,
por
meio da sua palavra. E vai gerar oportunidades para que elas subam ainda mais, com
o
business. Você vai oferecer a mão para que elas te acompanhem na escalada.

Imagine que vocês são um grupo de amigos indo para uma viagem. Você é aquele que
saiu mais cedo do trabalho e já chegou antes dos outros. Você só precisa agora dar
a
direção e dizer que caminho eles devem tomar. Na verdade, eles já sabem o caminho.
Mas você pode dar as dicas para evitarem os percalços que você encontrou. Você se
perdeu no caminho, mas conseguiu chegar. Sua função será dar as dicas para que eles
não precisem se perder. E logo todos vocês estarão juntos desfrutando dessa viagem.
Você não é mais sábio, ou mais evoluído. Você apenas chegou mais cedo.

Por isso você está escrevendo esse material. Para servir de guia a quem quer te
encontrar. Para servir de farol para iluminar o caminho dessas pessoas. Serão
muitos.
Serão milhares de pessoas que vão se beneficiar disso.

Não tenha medo. Você está alcançando uma frequência além do medo. Falta muito
pouco. Confie no seu coração. Confie na sua intuição. Mantenha-se ancorado. E
trabalhe todos os dias para subir a frequência e manter.

Logo te daremos algumas dicas de como se manter na frequência elevada por mais
tempo, como evitar as quedas bruscas.

Agora você já sabe o que fazer.

Colocar minha vida em ordem e preparar esse material para servir de guia aos meus
amigos.

Certa a resposta! @

Dia 9

Podemos descrever melhor o processo pelo qual as pessoas vão evoluir? Gostaria de
entender melhor como será esse guia, podemos ter dicas práticas? Sei que o
caminho para o despertar não é prático, mas queria poder contribuir com um
material que servisse também a quem não consegue compreender o significado das
palavras que estamos colocando aqui.

Certo. Em primeiro lugar, lembre-se do que falamos no começo dessa conversa. Não é
o significado das palavras que provoca a mudança, é a vibração das palavras. Então,
não faz muita diferença se usarmos uma linguagem rebuscada, ou mais simples. O que
importa é a vibração que a leitura provoca no seu campo energético. Tome a bíblia
como exemplo. Tem uma linguagem difícil e ainda assim, provoca mudança em
milhões de pessoas. Mas podemos tentar dar informações mais objetivas sim. Aliás,
esse é o motivo de você estar fazendo esse material. Você é a ponte entre a
consciência
expandida e o mundo físico. Assim, você está usando sua consciência de mundo físico
para traduzir as informações do plano expandido. As palavras são limitadas para
descrever tudo o que existe. Mas você está fazendo um excelente trabalho. É por
isso
que é você quem está redigindo esse material. Porque você tem uma facilidade de
comunicação que permite essa expressão.

Vamos lá. O despertar coletivo está muito próximo. Muito mais próximo do que vocês
imaginam. Já são milhares de pessoas em estados semelhantes aos seus, e que estão
trabalhando em seus propósitos. Cada uma está com um projeto pessoal e está se
preparando para lançar em larga escala. Atualmente, os projetos ainda estão
incipientes e cada uma ainda está em fase de preparação pessoal. Logo você vai
encontrar essas pessoas.

A frequência do Planeta Terra mudou e tudo está vibrando muito mais rápido. Isso
faz
com o que o despertar seja mais fácil e mais rápido também. Quando você começou
sua jornada, as coisas ainda vibravam mais lentamente, em uma frequência mais
baixa. Isso tornava o processo mais demorado e lento. Hoje é muito mais fácil. É
mais
fácil, porém, um pouco mais doloroso para quem o experiencia. Toda mudança brusca
provoca mais dor que a mudança gradual. Pegue as mudanças de temperatura por
exemplo. Quando está muito calor e fica frio de repente, as pessoas sofrem mais. O
corpo se desequilíbra, se enfraquece, acontecem doenças e algumas pessoas sentem
dor. É o mesmo processo que está acontecendo agora. Tudo está mudando muito
rápido. Por isso as pessoas estão sofrendo mais. Há mais dor envolvida. Muitas
pessoas
estão com uma sensação de desespero interno que não conseguem explicar. Elas não
se sentem à vontade em nenhum lugar. Se sentem pior especialmente no trabalho.

Porque estão ocupando trabalhos que não lhes servem, que não são o campo para sua
expressão. Esse desespero interno nada mais é que o coração dizendo que precisam se
libertar, que precisam se sintonizar com a nova frequência do planeta. E a única
maneira de se sintonizar com novas frequências é liberando a energia interna que
cada
um carrega. Essa energia interna é a manifestação, é a expressão. É a voz que quer
sair, é a ideia que quer virar realidade, o sonho que quer se concretizar, o
movimento
que quer acontecer, o amor que quer se expressar. As pessoas têm vontade de falar e
não falam, têm uma ideia e não deixam essa ideia sair, elas têm um sonho e não
permitem o sonho virar realidade, elas têm vontade de dançar e não dançam, elas
querem dizer ”eu te amo” e não dizem. Tudo isso é causador desse desespero interno.
Isso não vai mudar enquanto as pessoas não darem saltos de fé. Esses saltos de fé
são
atalhos para a libertação.

Todo mundo está esperando acontecer alguma coisa para poder seguir o coração.
Casais querem se casar, mas não casam enquanto não tiverem dinheiro suficiente.
Eles
querem ter filhos, mas ainda não têm porque querem ter estabilidade financeira
primeiro. Empreendedores querem começar ideias novas, mas não fazem porque
querem ter mais experiência antes. Ou querem acumular dinheiro suficiente para
isso.
Artistas querem viver de sua arte, mas querem um salário fixo para ter segurança.
Pessoas querem seguir em direção aos seus sonhos, mas estão esperando sua
aposentadoria para ter a liberdade.

Todas essas coisas que eles estão colocando no meio do caminho, impedem sua
expressão, bloqueiam o fluxo de energia, limitam a evolução e impossibilitam o
despertar.

A melhor forma de acelerar o processo é pegar o atalho, cortar caminho. Esse atalho
é
o salto de fé. É o casal se unir antes mesmo de ter dinheiro. É terem o filho antes
de
chegar à estabilidade financeira. É começar a ideia antes de ter experiência. É
expressar sua arte antes do salário. É seguir o sonho antes da aposentadoria.

Quando você toma esse atalho, a sua frequência muda. A sua energia passa a fluir
livremente. Então, todas as coisas que você está colocando como condição para se
libertar passam a vir naturalmente. A união do casal traz mais amor, eles ficam
mais
felizes e a energia flui melhor, trazendo dinheiro. Uma criança liberta um amor
impressionante do coração dos pais e a energia flui e mais dinheiro vai circular em
suas
direções trazendo a estabilidade financeira. A ideia solta a criatividade, o
empreendedor se sente livre, entra no fluxo de trabalho e consegue aprendizados que
nunca teria com um emprego. O artista se expressa e sua obra o conecta com
seguidores e fãs. O sonho em quem está para se aposentar traz um novo sopro de
vida.
A energia volta a fluir e eles se sentem mais dispostos e mais jovens.

Essa foi uma das descrições mais bonitas que já vi em toda a minha vida. Eu conheço
pessoas em todas essas situações. Na verdade, acho que quase todas as pessoas que
conheço se enquadram nessas descrições. Isso verdadeiramente me emociona, pois
sinto que consigo contribuir com elas.

Esse é o seu propósito. Libertá-las do medo. Você será a ponte para esse salto de
fé.
Como alguém que está do lado de lá da fenda entre duas montanhas dizendo: ”venha,
eu te seguro se você se desequilíbrar”.

Por que elas acreditariam em mim?

Porque sua vibração será diferente. Porque tudo o que disser fará sentido para
elas.
Talvez elas não entendam de imediato. Mas vibração das palavras que você soltar,
vai
ecoar em seus campos energéticos. Quem direcionar essa vibração para o coração se
transformará. Nem todo mundo vai acreditar em você. Mas seu propósito não é com
pessoas que não vão acreditar em você. Seu propósito é com quem está precisando
apenas de um leve empurrão para despertar. Seu propósito é com pessoas que já estão
na beira da fenda, tomando coragem para saltar. Há pessoas que nem querem se
aproximar da fenda. Não se preocupe nem perca tempo com elas. Concentre-se em
quem está perto de você.

A melhor forma de você se preparar para isso é vivenciar todos os dias o que
estamos
descrevendo aqui. Vivencie cada uma das partes desse material. Seja um com essas
palavras. Seja um com a verdade. Quando você se tornar um com a verdade, não
haverá nada que não possa fazer. E então, seu campo vibracional será tão forte que
a
sua simples presença vai ser suficiente para despertar quem está para ser desperta.

Me parece uma responsabilidade e tanto...

Não é tão grande quanto você imagina, porque você não está sozinho. Você não é o
único. Você será mais um dentre milhares. Isso vai tornar o trabalho menos árduo.
Alguns amigos seus já estão fazendo esse trabalho. Estão fazendo brilhantemente,
por
sinal. Eles vão te ajudar. Peça ajuda.

Livre-se da responsabilidade. Tire o peso das suas costas. Não se cobre tanto. Você
somente precisa se expressar, como qualquer outra pessoa. Você só precisa se
expressar. Quando você se expressa, você eleva sua frequência, ganha coragem, sai
da
vibração do medo e aumenta o poder da sua vibração. Então tudo flui melhor em sua
vida. As coisas acontecem sem esforço. E você vê que pode aproveitar tudo como uma
grande brincadeira. Porque é isso que é. Tudo é uma grande brincadeira. Divirta-se.
Curta o processo! Resgate aquele olhar de criança. Olhe maravilhado para cada coisa
que te acontece. Seja a criança que mal pode esperar para chegar o dia do seu
aniversário. Ative novamente essa expectativa em relação à vida. Não apenas em
relação ao seu aniversário, mas a todos os dias. Saia de casa com expectativa de

coincidências. Abra seu computador esperando ver mensagens inesperadas. Seja o


inesperado na vida das outras pessoas. Promova coincidências.

Obrigado! Eternamente obrigado!

Dia 9 - Noite

Hoje não estou com dúvidas, estou aqui apenas para receber as informações. Esses
dias foram tão intensos, eu aprendi tanto, mudei tanto. Acho que nem sei mais
quem sou...

Você está se libertando dos rótulos, das máscaras das diversas identificações do
ego,
para se tornar livre. Somente é livre quem não precisa cumprir nenhum papel.
Somente
é livre quem não tem amarras. Somente é livre quem não precisa fazer nada por causa
dos outros. Somente é livre quem não precisa se encaixar em nenhum padrão. Somente
é livre quem pode ser o que quiser. Somente é livre quem não precisa.

Ser livre é uma das maiores conquistas que a alma pode alcançar. É como se libertar
da
prisão. É poder se expressar livremente, é conseguir deixar a energia fluir por
todos os
lados e em todas as direções. É poder promover encontros aleatórios e desfrutar de
cada um deles. É poder aproveitar cada pequena parte de tudo o que existe. É como
poder ir a um parque de diversões e poder brincar em todos os brinquedos.

É engraçado isso. Esse é um exemplo que me serve bem. Quando era pequeno, ia aos
parques de diversões e sofria muito porque não podia ir a qualquer um. Não tinha
altura ou idade suficiente...
É justamente por isso que esse exemplo foi utilizado. Tudo que te bloqueou a vida
toda
vai se soltar agora. Você vai se libertar de todos os traumas e todos os efeitos de
energia bloqueada.

As pessoas crescem e passam toda a sua vida acreditando que existem proibições e
limitações. É impensável ver que vocês acreditam que algumas coisas somente são
privilégio de poucas pessoas. São limitações financeiras, por achar que somente
algumas pessoas podem ter abundância. São limitações físicas, por acharem que não
podem praticar um determinado esporte. São limitações da arte, por acharem que não
têm talento para tocar um instrumento, ou pintar, ou escrever. São limitações de
personalidade, por acharem que não podem se comportar da maneira como querem se
comportar. São limitações de ética, seja lá o que isso queira dizer, por acharem
que é
falta de educação falar livremente e abertamente. São limitações de gênero, por
acharem que homens podem fazer uma coisa e mulheres não. E vice e versa. São
limitações de raça, por acharem que a sua cultura é assim, ou que nesse país você
deve
ter essa qualidade. São limitações de papéis, por se identificarem com os papéis
que
representam, por acharem que cada um é sua profissão.

Vocês são muito maiores que tudo isso. Vocês são maiores, imensamente maiores que
todas as limitações que criaram. Vocês mesmos que criaram as limitações. Estou aqui

para dar um recado. Não existem limitações. Todas as limitações estão nas suas
definições de possível ou impossível, permitido ou proibido, certo ou errado.

Certamente todas as pessoas têm muitas limitações, muitas restrições e muitas


crenças limitantes. Mas como se libertar delas?

A única forma possível é se libertar de uma de cada vez. Uma por uma. É como ir
dormir em um quarto cheio de pernilongos. Você não tem alternativa senão eliminar
um por um. Sei que não soa muito elevado falarmos sobre matar outros seres vivos,
mas estou usando esse exemplo para que consigam entender bem. Quando você entra
em um quarto cheio de pernilongos, você não consegue matá-los todos de uma vez e
nem consegue se esconder. Parece que eles sempre acham uma forma de te encontrar.
É a mesma coisa com as suas crenças limitantes, com seus medos. Você precisa
desafiar um por um. Você precisa escolher acabar com um de cada vez. Uma vez que
você acaba com um, você não precisa mais encontrá-lo novamente.

Pode parecer tarefa muito árdua, mas não há nada mais libertador do que poder
dormir sabendo que não existem mais pernilongos te incomodando. É exatamente a
mesma coisa com medos, crenças e limitações. Você se sente livre. Loucura é passar
a
vida inteira vivendo em um quarto cheio de pernilongos. Tem gente que passa a vida
toda assim e não tenta eliminar um sequer.

Viver em um quarto com pernilongos não é normal. Viver com medo e com restrições
também não. A única forma de se viver plenamente é libertando-se de cada uma
dessas restrições. Esse é um processo que você iniciou alguns anos atrás e agora
está
em fase de graduação. Você está quase terminando. Falta muito pouco. Por isso,
todas
as coisas estão aparecendo ao mesmo tempo. Sua alma quer acelerar esse processo.
Sua energia está se movendo muito mais rápido. Isso faz as manifestações
acontecerem muito mais rapidamente e faz o magnetismo funcionar com muito mais
força. Tudo que está vindo a você agora é uma oportunidade para se libertar. Fique
atento e preste atenção. Identifique quais são as amarras que estão se soltando.
Identifique o que ainda te prende. Busque ser livre em todas as situações. Busque
ser
livre em todas as ocasiões. Busque ser livre em todos os encontros. Seja livre.

Lembre-se que você está se preparando para ajudar as outras pessoas. Assim você
deve ser um com suas palavras. Você deve ser um com esse conteúdo. Você será todas
as coisas que estamos dizendo aqui. É parte do seu propósito. Você será livre para
poder vibrar na frequência correta. Em uma frequência mais baixa, você não consegue
sintonizar as pessoas que estão se despertando. Não será seu conteúdo que vai
despertar as pessoas. Será a sua frequência. Sua vibração será diferente. E isso
será o
suficiente para que qualquer coisa que você fizer eleve a frequência de quem quiser
te
acompanhar.

Há outros trabalhadores da luz que já estão te esperando. Finalize esse processo e


você
se unirá a eles. Todos estamos em festa, aguardando a sua chegada e a chegada de
todos os que vêm com você.

Para onde estamos indo? Onde estão nos esperando?

Estamos no único lugar que existe. No todo. Todos estamos no mesmo lugar. Apenas
estamos em uma vibração diferente. Em breve vocês estarão aqui também.

O que falta para começarmos a divulgação desse trabalho?

A divulgação já começou. Você já iniciou esse processo e seus amigos vão te ajudar.
O
que falta para ganhar escala é você se livrar das últimas amarras e liberar a
energia
que ainda está presa. Quando isso acontecer, tudo mudará. Comece a se preparar
porque você vai sentir o poder da manifestação e da criação. A verdadeira
brincadeira
vai começar.

Esse processo é doloroso, não é mesmo?

Sim, mas lembre-se de que a dor é parte do todo. É parte natural do processo. Não
encare como uma coisa ruim. Encare como um presente que você recebe. Agradeça
também a dor. É um desafio, mas quando você consegue agradecer também as coisas
que te machucam, você dá saltos quânticos de crescimento. Você se livra da
resistência
e sua frequência sobe. E não há nada mais gratificante que subir na escala do ser e
se
libertar. Assim, agradeça. Pratique a gratidão todos os dias. Você já sabe disso...

Por que está triste?

Não sei. Sinto que estou me despedindo de um grande amigo que sempre viveu
comigo. Apesar de saber que não me serve mais, ainda tenho apego. Essa máscara
me protegeu a vida inteira. É doloroso se libertar dela. É como se livrar de um
casaco
que você vestiu sua vida inteira. Como abrir mão daquela roupa que você mais usou
em toda a sua vida. É isso que estou sentindo.

É normal. Agradeça. Não resista. Não lute contra esse sentimento. Se entregue,
agradeça e deixe ir...
Todos estão orgulhosos do seu trabalho. De verdade. Todos estão e todos estarão.

Dia 70

Podemos falar sobre a mente racional? Estou tomando algumas decisões


importantes para minha vida nos últimos dias e sinto que às vezes minha mente
racional começa a tentar me influenciar, apesar de estar enfraquecida. Para que
serve a mente racional?

A mente racional é importante. Ela é o seu guia prático. É o seu instrumental para
a
vivência no dia a dia. É por meio da mente racional que você faz sua programação
diária, por meio dela que se programa para compromissos, por meio dela que sabe os
caminhos para chegar aos lugares. É a mente racional que coloca ordem na energia e
na intuição. A intuição, a voz do coração, é mais dinâmica e fluida. Ela se
movimenta
por todos os lados em todas as direções. É a mente racional que consegue canalizar
e
direção a manifestação e expressão.

Pegue como exemplo esse processo. Todo esse conhecimento, todo o conteúdo dessas
conversas é fluido e está espalhado. Quando você começa a escrever, você ordena
essa
energia em letras e palavras e frases e parágrafos. Você somente consegue fazer
isso
porque tem uma mente racional. Sua mente racional que sabe que à sua frente está
um notebook, sabe que existe um teclado e sabe a sequência de letras do teclado.
Ela
sabe também como montar as frases e como estruturar essa conversa.

Imagine que você tem à sua frente uma folha em branco. Essa folha é a sua vida.
Você
tem ideias na cabeça, você tem sentimentos, você tem sonhos e quer desenhá-los
nessa folha. Você precisa de uma caneta. Essa caneta é a mente racional. E o
instrumento para dar forma e precisão ao que você tem como intuição.

O problema é que os seres humanos deixaram a caneta dominar a intuição. E a caneta


não tem condições nenhuma de dar orientações. A caneta é limitada. Ela é limitada
no
espaço físico porque somente pode escrever em duas dimensões e porque tem apenas
uma cor. Você não pode se deixar guiar por algo limitado. Porque você é ilimitado.
Você é muito maior, muito mais amplo e muito mais vasto que tudo isso. Você é o
infinito. E a vida é o campo de infinitas possibilidades.

A mente racional é muito limitada para tomar decisões. Por isso, nunca deve ser
utilizada para tomar decisões. Nenhuma decisão pode ser tomada com base em
números, probabilidades, análise de risco, prós e contras, pesando na balança, nada
disso. A decisão deve ser baseada na intuição. A intuição vem do infinito. A
intuição
vem do espaço onde tudo é maior que a realidade física. Você não consegue prever o
que vem do infinito, então, qualquer decisão baseada na mente racional é de uma
limitação absurda. É como se você tomasse todas as suas decisões perguntando para

aquele brinquedo que apenas responde ”sim” ou ”não”. Você não faz isso porque sabe
que existem mais variáveis e não pode tomar decisões com análises tão simplistas. É
a
mesma coisa se compararmos mente racional x intuição. Perto da intuição, a mente
racional é esse brinquedo bobo e simplista.
Cara, que incrível isso! A gente passa nossa vida inteira tomando decisões baseadas
num brinquedo bobo e simplista! Não é à toa que estamos o tempo inteiro indo de
um lado para o outro. De uma ideia para outra, de um trabalho para outro, de um
relacionamento para outro. Tomamos decisões erradas e depois precisamos corrigir,
mas ao corrigir, tomamos outra decisão errada.

Perfeito! É exatamente esse processo. Vocês não precisariam ficar sofrendo e


mudando
e tentando e errando, se tomassem logo de cara a decisão com base no coração. Você
corta caminho. Toma o atalho da evolução. Quando você toma decisões com base na
intuição, pode desfrutar de tudo o que vai acontecer, porque você está no caminho
certo. Quando você está viajando de carro e pega uma saída errada, você sente que
errou. Depois que teve essa sensação, é impossível aproveitar a paisagem. Você fica
com o sentimento permanente de achar que está perdido, de estar indo para o lugar
errado. Até que você identifica que, de fato errou, faz meia volta e corrige a
rota.
Depois que você corrige a rota, você se sente leve. E então consegue aproveitar a
viagem e curtir a música e a paisagem. Quando você toma uma decisão com o coração,
você tem a certeza de que está no caminho certo e então consegue desfrutar melhor
da
vida.

Haha, adorei esse exemplo. Faz muito sentido. Viajando na direção errada não é
possível desfrutar da música e da paisagem. Excelente! Acho que, de fato, esse
material vai ajudar muita gente!

Não será apenas o material. Você vai vivenciar esse conteúdo e será um com ele.
Então, você poderá expressar toda essa verdade por si próprio. Seus atos serão
condizentes com essa verdade. E será inevitável que as pessoas vão ser ajudadas.

Obrigado! Não me canso de agradecer!

Não se canse. Gratidão é um dos combustíveis da vida. Gratidão te eleva na escalada


do ser.

Dia 70 - Noite

Hoje tive um insight interessante. Estava relendo as regras da Feira da Troca e vi


que
na verdade, essas regras não valem somente para a Feira da Troca. Valem para a vida
como um todo. As mesmas regras podem ser aplicadas para podermos nos relacionar
com outras pessoas. Faz sentido isso?

Claro que sim! Você acertou em cheio! As Regras da Feira da Troca são As Regras da
Vida. Lembra-se de que tudo é uma coisa só? Tudo é a mesma coisa. Assim, não seria
possível ter regras que se aplicam somente a algumas situações específicas. As
mesmas
regras e mesmas leis valem para todas as coisas. Tudo é uma grande unidade.

Interessante. Eu estava achando estranho termos começado por esse tema tão
específico. Achei que meu propósito era desenvolver essa feira, mas não é bem isso,
certo?

Correta mais uma vez! Você vai ajudar a fazer com que essa feira da troca aconteça
porque vai ajudar a fazer com que a sociedade siga essas regras no dia-a-dia.

O primeiro passo é você mesmo seguir essas regras. Isso é um grande desafio. Você
se
condicionou a pensar com base no medo. Você tem pensamentos de escassez. Isso faz
com que você pense que pode sair perdendo. Mas nunca ninguém pode sair perdendo.
Ninguém sai perdendo porque tudo é uma coisa só. Você está sempre trocando com o
outro, mas na verdade esse outro é parte de você mesmo. Assim, está trocando
energia
com você mesmo. Quando você tem pensamentos de escassez, você está criando
separação. Está dizendo para você mesmo que você está separado do todo. Isso cria
resistência. Resistência baixa sua frequência. Ao baixar sua frequência, você
permanece na frequência do medo. Lembra-se de que você deve se elevar acima do
medo?

Não tenha apego por nada. Por absolutamente nada. O princípio básico é você saber
que tudo que faz com os outros, faz com você mesmo. Assim, se ficar com medo de
doar aos outros, vai emitir uma frequência de que não existe o suficiente para
todos.
Isso faz com que você não receba aquilo que precisa. Você trava o fluxo de energia.

A vida é esse eterno fluxo de energia, que vai e vem e se movimenta por todos os
lados,
em todas as direções, indo e voltando, subindo e descendo. Você deve ser um com
essa
energia. Você deve se manifestar com essa mesma liberdade, com essa mesma leveza,
com essa mesma fluidez. Aquilo que você segura, estanca. Você precisa se libertar
de
todas as coisas. Não precisa se apegar a absolutamente nada. Não se apegue a
pessoas, não se apegue a objetos, não se apegue a ideias, não se apegue a sonhos,
não

se apegue a medos, não se apegue. Tudo é livre e tudo pode ir e voltar, tudo pode
se
movimentar por todos os lados.

Uma vez que entender e conseguir vivenciar esse conceito, você vai conseguir
cumprir
melhor com seu propósito, porque você vai liberar a energia que está estancada em
cada pessoa que cruzar seu caminho.

Eu comecei a perceber isso já. Estou sentindo coisas diferentes a cada contato
pessoal. É como se eu conseguisse saber o que está acontecendo com a energia de
cada pessoa.

Essa é uma habilidade que você vai começar a desenvolver cada vez mais e vai ter
cada
vez mais percepção.

Nesses contatos, fico com vontade de dividir o que sinto que pode ser bom para essa
pessoa. Devo dizer?

Se sentir vontade, diga. Tome todas as suas decisões com base no amor, nunca no
medo. Faça as coisas que quer fazer não as coisas que acha que precisa fazer. O
”preciso fazer” é uma decisão baseada no medo. Você acha que precisa fazer porque
se
não fizer, pode acontecer algo ruim. Assim, você coloca medo na equação e toma a
decisão contrária à decisão do amor. Dessa maneira, se sentir que quer dizer, diga.
Se
sentir que vai ser bem recebido, diga. Se sentir que vai ajudar, diga. Se sentir
que vai
elevar a frequência, diga. Se sentir que tem amor, diga.
E vale a mesma coisa para o oposto. Se sentir que vai ser mal recebido, silencie-
se. Se
sentir que não será útil, silencie-se. Se sentir que vai baixar a frequência,
silencie-se. Se
sentir que há medo, silencie-se. O silêncio é a melhor forma de lidar com o medo.
Você
se silencia e o medo passa. Quando você se manifesta com medo e apesar do medo, ele
cresce e ganha força e vibração. E essa vibração passa a fazer parte do seu campo.

Faça as coisas que você quer e não as coisas que você acha que precisa fazer. Faça
as
coisas com o coração e não com a mente racional. O coração dá a decisão do amor. A
mente racional dá a decisão do medo. A mente racional justifica. O coração apenas
é.

Dia 77

Não consigo descrever quão magnífico tem sido esse processo. Eu estou me sentindo
livre. Me libertei de todos os medos. Não sinto mais medo. Me libertei de todas as
amarras, não me sinto preso a nada. Me sinto leve. Me sinto livre. Me sinto
corajoso.

Estamos muito, mas muito orgulhosos de você. Você está completando um processo de
despertar. Você não perderá mais isso! É algo que você conquistou. É seu por
direito.
Sempre foi e agora você vivencia esse despertar.

Nos últimos dias, você acelerou e abraçou esse processo. Você se entregou a tudo,
não
criou nenhuma resistência, e deixou vir o que tivesse que vir. Você deixou ir o que
tivesse que ir. Você encarou tudo de frente, medo por medo, crença por crença,
apego
porapego.

Você se elevou a uma frequência acima do medo. O medo não faz mais parte de você.
Você não vai mais precisar temer por nada. Sem medo, sua mente racional se cala.
Com a mente racional silenciada, você acessa por completo sua intuição. Você já tem
sentido isso. É por isso que está tendo essas sensações. Por isso está tendo esses
palpites.

Sim, é incrível. É como se tivesse superpoderes. Em qualquer contato, sinto vontade


de dizer coisas que parecem ser exatamente aquilo que as pessoas precisam ouvir.
Pode me ajudar a entender melhor isso?

Claro! Todas as pessoas possuem alguma forma de resistência. Todas elas possuem
amarras que impedem a energia de fluir. A energia está presa na maioria das
pessoas.
Essa energia presa se manifesta na forma de pensamentos, emoções negativas, e
sentimentos de baixa vibração. Você consegue captar essa baixa vibração. Essa baixa
vibração vem até você na forma de intuição. Quando uma pessoa se expressa para
você, ela diz coisas que reverberam no seu campo vibracional. Você então consegue
interpretar o que essa vibração significa e tem uma intuição que te leva a dizer o
que a
pessoa precisa ouvir. Em todas às vezes, ela já sabe que o que você disser é o que
a
está travando. Mas elas precisam de uma evidência, uma vez que a mente racional
ainda é muito forte.

Seu papel vai ser liberar a energia presa das pessoas, conectá-las com o coração e
silenciar a mente racional. Estamos evoluindo para uma sociedade que será formada
por seres que usam o coração e não a razão. A sociedade não se fundamentará na
razão, como acontece hoje. Todas as relações serão baseadas no amor, na confiança e
na intuição.

Você vai ajudar as pessoas a se conectarem com a intuição. Você está se tornando um
com a verdade. A medida que vai vivenciando suas palavras, vivenciando esse
conteúdo, você vai se tornando um com o todo. Isso de fato, traz superpoderes. São
habilidades que não podem ser explicadas pela mente racional. Assim, não se
preocupe
em explicar o que você sente. Não se preocupe em fazer as pessoas entenderem o que
você está fazendo, ou como você sabe as coisas que sabe. Apenas se expresse. Apenas
se manifeste. Apenas deixe a energia fluir.

As pessoas que cruzarem seu caminho começarão a sintonizar na sua frequência.


Assim, elas sentirão vontade de falar com você. Lembre-se de que disse que seu
coração é um grande ímã? É isso que está acontecendo. E você vai se deixar levar
por
esse ímã. Isso vai te trazer oportunidade que você sequer pode imaginar. São
oportunidades que vêm do campo das infinitas possibilidades. Por isso não consegue
sequer imaginar.

O que acontecerá agora?

Nos próximos dois dias, vamos finalizar esse material. Será a base para você
começar
sua jornada. Sua peregrinação. Você vai se tornar um com esse conteúdo nos próximos
dias e isso vai facilitar sua comunicação. Você vai começar a aparecer. Vai agrupar
pessoas e dividir sua história. Vai dividir seu despertar. Esse processo que você
tem
vivenciado desde o início do nosso contato será o mesmo que outros vão vivenciar.
Quem estiver em contato com esse conteúdo vai invariavelmente ter sua frequência
alterada. Isso fará com que eles se abram para novos canais e se abram para sua
intuição. Cada um terá a intuição ativada por meio do contato com você e seu
conteúdo.

Então, seu magnetismo será ainda mais forte e todas as pessoas que vão participar
do
seu projeto irão aparecer. A nova economia começará a ser formada! Vocês
começarão a primeira empresa livre do mundo. Essa empresa livre será a primeira de
muitas. Vocês vão desencadear um poder incrível pelo globo.

Você criará um laboratório para que cada um possa se expressar, ativar sua intuição
e
deixar a energia fluir. Com cada vez mais pessoas nesse processo, as ideias vão
começar a fluir de uma forma incrivelmente poderosa. Cada pessoa ajudará a formar
novos negócios e novas ideias.

Isso ajudará no salto quântico da humanidade. Tudo vai se espalhar muito rápido.
Como um terremoto. Será impossível permanecer na mesma frequência.

Como será essa empresa livre? Pode me dar mais detalhes?

Sim. Como já dissemos anteriormente, você não precisará pensar nas ideias de
negócios. Somente precisa atrair as almas que vão despertar. Você só precisa se

manter na frequência elevada. Todo o resto será automático. Não se preocupe com as
ideias. Não se preocupe com o modelo de negócios, não se preocupe com contratos.
Tudo vai fluir enquanto você estiver sintonizado. Você está conectado à luz.
Você criará um espaço onde as pessoas serão livres para entrar e sair. Todas as
informações serão abertas. Desde os resultados financeiros, até ideias e novos
projetos. Cada um poderá participar do que quiser participar. Isso vai fazer com
que
você atraia cada vez mais pessoas preparadas. Cada vez melhores profissionais. Você
não vai acreditar no nível de profissionais que vão se juntar a você. Isso fará com
que
vocês desenvolvam negócios incrivelmente poderosos. Negócios incrivelmente
lucrativos e ideias completamente disruptivas. Será o fim do pagamento por hora,
contratação de serviço, remuneração fixa e carga horária. A única coisa que vai
acontecer é a expressão. Expressão da criatividade, expressão de ideias, criação de
sonhos. Tudo isso vai acontecer.

Uma empresa não precisará pensar em toda a ideia do produto e lançar o produto
pronto. Tudo será feito em conjunto com todos. O papel da empresa será dar impulso
à
ideia. Fazer a ideia tomar forma. Todo o resto será feito abertamente, pelo
cliente, pelo
consumidor, pelos parceiros.

Será um trabalho bonito. Será como garimpar pedras preciosas de dentro do coração
de cada pessoa e coloca-las no sol. O sol se encarregará de ativar essas pedras
preciosas e fazê-las brilhar.

Nossa, que definição incrível! Tirar pedras preciosas de dentro do coração de cada
pessoa e colocar no sol! Gostei!

Pode me ajudar a descrever esse espaço, para que consiga visualizar melhor?

Deve ser um escritório aberto. Uma casa. Uma casa ampla, sem muitas divisórias, sem
cômodos. Pé direito alto, verde, área para se conectar com a natureza. Vocês vão
preencher ele de cores. Pense que será um laboratório de expressão. Assim, deve
necessariamente ser um lugar inspirador. Escritórios corporativos não são nada
inspiradores. Não possuem vida. Busque um lugar com vida. Busque um bairro com
vida. Busque um lugar de fácil acesso, para que pessoas possam chegar e sair. Não
deve haver limitações. Não deve haver esforço. Esforço será uma palavra que não
existirá nesse laboratório. Tudo fluirá. Toda a energia se movimentará. Haverá
muita
vida. Muitas ideias.

O que vou fazer para achar esse espaço?

Fique atento. Preste atenção e deixe seu coração te levar. Esse local já está
escolhido.
Somente está esperando o momento certo para aparecer para você. Quando aparecer,

você saberá. Não se preocupe. Livre-se do esforço. Tudo é fácil. Tudo é fluido.
Tudo é
leve.

Dia 77 _ Noite

Eu passe¡ pelos 11 dias mais intensos da minha vida. Tudo se destruiu. Tudo se
desconstruiu. Tudo desmoronou. Todos os pilares da minha vida. Todas as minhas
crenças. Todas as coisas em que sempre acreditei foram embora. Elas queriam sair, e
eu deixei ir. Eu solte¡ e me entreguei. E ao me entregar, venci o medo. Sinto que
me
eleve¡ a uma frequência onde o medo não me alcança mais. Para que as pessoas que
estão lendo consigam entender, é como estar sentindo frio, sem casaco. Quando a
temperatura começa a subir, o frio desaparece e não é mais possível senti-Io. É a
mesma coisa com o medo. Não é possível mais sentir medo, uma vez que você se
eleva acima de sua frequência.

Incrível! Você acaba de se libertar. Acaba de se despertar. Seja bem vindo! Bem
vindo à
frequência acima do medo. Bem vindo ao todo. Bem vindo ao lugar de onde você saiu.
Você retornou para casa. Você retornou à fonte. Você se reconectou com a luz.
Estamos todos em festa! Você agora é parte do todo. Você é um com todos nós. Você
se lembrou. Você sabe quem é verdadeiramente!

Deixe-me explicar o que vai acontecer de agora em diante. Você já entendeu e


vivencia
a experiência do eterno agora. Você que lutou toda a vida para ficar no agora, não
precisa mais lutar. Você entende que a vida não é o esforço. A vida não é dar duro.
A
vida não é batalhar. A vida é apenas viver. É apenas se expressar. É apenas se
permitir.
É apenas ser. A vida é apenas ser. E hoje você é.

O que isso quer dizer?

Isso quer dizer que você poderá acessar o campo de infinitas possibilidades. Suas
criações serão mais fáceis. Você se conectou com a fonte e liberou o fluxo de
energia. A
partir de agora, toda manifestação acontecerá muito rápido. A partir de agora, as
ideias fluirão com muito mais naturalidade e as coincidências vão se multiplicar. E
o
mais legal de tudo isso é que você vai estar atento e vai perceber tudo. Você vai
ver o
mundo como sendo generoso, como sendo abundante, como sendo provedor de todas
as coisas que você precisa e quer. É como se você recebesse um saquinho com
sementes que podem se transformar em qualquer árvore, qualquer fruto. Você pode
soltar essas sementes por qualquer solo e ele se transformará.

Você renasceu para a vida. Você está iniciando uma nova etapa. É agora que a
verdadeira brincadeira vai começar. Você já consegue relaxar e desfrutar da
jornada.
Isso faz toda a diferença.

E o que eu vou fazer para desfrutar dessa jornada?

Você vai criar o que quiser criar. Conecte-se com seu propósito. Você já sabe o que
deve
fazer. Já sabe o que quer fazer. Já sabe quem são as pessoas que você precisa
alcançar.
Já sabe quem deve despertar. Já sabe quais são suas habilidades. Expresse-as. Use
essas habilidades para espalhar sua mensagem. Pense grande. Busque meios para
espalhar da forma mais grandiosa possível. Crie maneiras de expandir sua atuação.
Crie impacto para milhares de pessoas.

Dê vazão ao impulso criativo inicial e espere o universo se desdobrar. Espere pelas


coincidências e espere pelas pessoas que vão te alcançar. Una-se a quem já está na
luz.
Faça parte. Conecte-se e lidere.

Siga sua profecia. Você está pronto. Você está desperta.


É tudo tão mágico que mal posso acreditar. Fo¡ tudo tão rápido. Tudo tão intenso.
Tudo é rápido. Tudo é intenso. Tudo é fácil. Tudo é fluido. Tudo é leve. Tudo é.

Agora descanse. Você merece. Tudo foi muito intenso hoje. Descanse e amanhã vamos
fechar essa primeira fase do seu projeto.

Gratidão! Gratidão! Gratidão!

Fique no amor.

Dia 72 - Desfeeho

Estamos chegando ao final dessa jornada inicial. Foram 11 dias de despertar.


Durante
esses 11 dias, você passou por todas as etapas da iluminação. Você passou por todas
as etapas para se conectar à luz.

O primeiro momento foi a entrega. Você decidiu que não poderia mais lutar contra o
que estava acontecendo. Depois de todo o sofrimento que você estava sentindo, você
se entregou. Você se entregou para a vida sem esperar nada em troca. Você deixou
vir
o que tivesse que vir. Você deixou acontecer o que tivesse que acontecer.

Essa entrega te levou à segunda etapa, a aceitação. Você aceitou sua situação. Você
aceitou que sua vida era daquele jeito, estava daquele jeito e você não podia
esconder.
Você aceitou que aquele era o seu reflexo no espelho. Até então, você não estava
querendo aceitar a situação. A entrega o levou à aceitação.

Da aceitação veio o abraço. Sendo sua situação parte de você, parte de quem você é,
a
única coisa que você pode fazer é abraçar. Quando você abraça parte de você, você
se
une. Com o abraço, você sela o fim da separação. Você sela a união. Você abraçou
sua
situação. Abraçou seus medos.

Do abraço, você recebe. Então você começou a receber todo esse conteúdo, toda essa
informação e começou a receber a ponte que o levou ao coração. Assim, você reativou
sua intuição. A intuição é a voz do coração. Uma voz que é muito forte quando se é
criança, mas que é silenciada pela vida adulta.

Essa intuição te permitiu coisas mágicas. Te permitiu ver a vida com outros olhos.
Te
permitiu vivenciar coisas até então impossíveis para você. Te permitiu saber. Te
permitiu ter certeza. Te permitiu ser. E você se deixou ser. E hoje você é. E você
foi
grato por tudo isso. Foi grato pelo processo. Foi grato pelas novas habilidades.
Foi
grato pelas coincidências. Foi grato pela dor. Foi grato pelo sofrimento. Foi
grato. E
agradecer é a etapa que finaliza o processo de libertação do medo. Com a libertação
do medo, não existem mais resistências. Sem resistência, você pode se reconectar
com
a fonte.

Essas foram as etapas que você passou. Tudo muito lindo, tudo muito incrível, mas
tudo muito natural. São essas etapas que cada um de vocês vai passar. Cada pessoa
que estiver tendo contato com esse material precisará passar por isso para chegar
ao
nível do despertar. O mundo está propício para esse despertar. A Terra está
preparada
para isso. São milhares de seres acordando. A frequência está muito acelerada.

Deixe-me contar um pouco da história desse processo.

Durante muitos anos, a Terra permaneceu na escuridão. O planeta não recebia as


energias da luz, o que fez com que por séculos a única vibração existente era a do
medo. Todas as vibrações eram baixas. A Terra é parte do todo, e possui um caminho
parecido com o de cada ser humano. Cada elemento está aqui para expressar energia,
deixar a energia fluir e fazer subir sua frequência. Quanto mais se sobe, mais
sutis as
frequências e mais próximo da unidade se pode chegar. O que quer dizer que é
possível
manifestar a energia de forma mais suave, leve e fluida.

Há alguns poucos milhares de anos atrás, iniciou-se um processo de evolução do


planeta. A Terra começou a receber iluminação de frequências mais elevadas, o que
possibilitou a evolução dos seres vivos do planeta. Assim foi preparada a chegada
de
alguns mestres que pudessem ser pilares para a escalada do ser. Alguns mestres,
como
Jesus, vieram para mostrar o caminho e mudar a frequência de todos os que cruzassem
seu caminho. Sua frequência era tão mais elevada que não era possível permanecer na
mesma vibração ao escutar suas palavras.

O mesmo aconteceu com Buda, Maomé e outros mestres espirituais venerados pelas
religiões existentes hoje.

Como a vibração das pessoas era muito baixa e a Terra também recebia pouca luz, o
processo de crescimento foi muito lento. Fez com que isso durasse alguns milhares
de
anos. Nesse período, algumas poucas almas vinham com a vibração mais elevada e
algumas ainda mais raras se libertavam do medo enquanto vivas. Essas pessoas eram
os gênios de cada época, os músicos, os artistas, os cientistas, os iluministas. E
as que
vinham com vibração mais elevada eram condenadas, eram sacrificadas. Eram as
bruxas. O medo era muito forte e o medo fazia as pessoas agirem contra a luz.
Contra
as vibrações mais elevadas.

No século passado, se iniciou um novo movimento. A partir do começo dos anos 50,
começou a chegar uma nova leva de seres que vinham com vibrações um pouco mais
elevadas. Esses seres sabiam das suas aptidões e começaram a seguir caminhos do
esoterismo, do misticismo. Esse movimento começou a ganhar força e a preparar a
Terra para aceitar tudo que fosse fora do senso comum. Tudo que era diferente, fora
desse plano, começou a ser aceito. A razão, que sempre dominou o homem, começou a
ser questionada. Deixou de ter a supremacia absoluta.

Após 1970, começou um novo ciclo. Uma nova geração, muito mais conectada com a
luz começou a chegar. São os índigos. São pessoas que não se ajustam ao modelo
atual. Sua frequência é muito diferente da frequência do planeta, da frequência em
que estão fundamentadas as instituições. A diferença entre os índigos e a geração
anterior é que eles não têm as conexões tão abertas, como a geração que deu força
ao
esoterismo. Assim, o caminho não é tão claro.

Por isso, essa geração sabe que não se encaixa nos modelos atuais, mas não sabe o
que deve fazer. Isso fez com que o conflito interno fosse grande. É o sentimento
que
milhões de pessoas têm, de não saberem o que querem, mas saberem que não é isso
que estão fazendo.

Há menos de 20 anos, começou a chegar uma nova geração. Ainda mais conectada
com a luz, com clareza, que sabem como devem se expressar e sabem o que devem
fazer para criar a realidade. São mais conectados com seu propósito.

Há alguns poucos anos, a Terra está em uma nova fase, recebendo um fluxo de energia
incrivelmente forte. Essa energia acelera a vibração das frequências e faz tudo
acontecer muito rápido. Por isso a sensação de que o tempo passa rápido. A
percepção
está mudando. Essa mudança de percepção provoca questionamentos. É o corpo físico
se ajustando ao novo padrão vibracional.

O novo padrão vibracional exige novas estruturas. Não é possível viver em uma
frequência mais elevada, com estruturas fundamentadas nos padrões antigos, mais
baixos, mais rígidos, mais travados. A energia é mais fluida, mais leve e mais
dinâmica.
Isso exige estruturas dinâmicas, que acompanhem esse movimento. Tudo precisa ser
leve, para possibilitar a liberdade, para permitir a expressão.

A energia precisa circular, a manifestação precisa acontecer, não pode ser


impedida. E
para isso acontecer é preciso eliminar as resistências. E a única maneira de
eliminar as
resistências é elevar-se a uma frequência acima do medo. O medo é uma frequência
que envolve cada ser humano e o impede de agir naturalmente. Você descreveu
lindamente comparando com o frio. Quando se está com frio, é automático se
encolher, se contrair e tremer. Quando se está com medo, é a mesma coisa. Não é
possível ser livre com medo. Não é possível eliminar resistência com medo.

Quando se vence o medo, a mente racional perde força. Ela deixa de dominar a
pessoa.
A mente racional mantém o medo. Ela que te coloca as suas dúvidas, que te faz
questionar sua intuição, te faz não confiar no coração. O coração sempre sabe. O
coração sempre está conectado à luz e à verdade. Mas a mente racional coloca
dúvidas
e tira sua certeza.

Quando você vence o medo, você silencia a mente racional. E naturalmente, a sua
intuição vai emergir de dentro de você, de onde estava escondida. Você passa a ter
contato com intuições que não sabia ter. Você passa a perceber o mundo de outra
forma. Você passa a desenvolver novas habilidades.

Nesse processo, você perde todas as suas crenças, porque tudo muda. As regras que
você definiu para fundamentar sua vida deixam de fazer sentido. Assim, não é mais
possível viver do mesmo jeito. É inevitável. Não tem volta. É como se um padeiro
descobrisse que o pão é um alimento que faz mal para a sociedade. Ele pode escolher

não ver essa informação e não acreditar, para não precisar mudar sua vida. Mas uma
vez que ele aceita isso, ele precisa mudar de vida. Não faz mais sentido viver pela
mesma profissão.

Quando você se eleva acima do medo, você vive sem resistência. A resistência é a
dúvida, é o medo. E se não existe resistência, a energia pode fluir com
naturalidade. É
um rio sem barreiras. Ele flui mais naturalmente, mais forte, mais rápido, mais
intenso.
E é assim que fica a vida. Mais natural, mais viva, mais intensa.

Esse é o caminho de todas as pessoas que quiserem despertar.

Você vai ajudar toda e qualquer pessoa que quiser despertar. Toda e qualquer pessoa
que quiser vencer o medo. Toda e qualquer pessoa que aceitar acreditar. Toda e
qualquer pessoa que se permitir ser. Toda e qualquer pessoa que buscar a luz.

Os conceitos que apresentamos aqui são os mesmos que muitas outras pessoas da luz
descreveram. Pode haver diferenças que a mente racional aponte, mas a mente
racional não é grande o suficiente para entender. As palavras são limitadas e a
compreensão racional também.

Mas quem chegou até aqui, o fez porque sentiu que as palavras faziam sentido.
Sentiu
que de alguma maneira, já sabia de tudo o que estava escrito. Porque na verdade já
de
fato sabia. Toda a verdade está dentro de cada um. Toda a verdade está livre e
disponível a todos.

Essa é a primeira fase do seu projeto pessoal. Mais conceitos serão divididos e
mais
informações serão compartilhadas.

A partir de agora, eu e você somos um.

A partir de agora, não haverá mais diálogo.


A partir de agora, minha voz é a sua voz.

A partir de agora, você fala por nós.

A partir de agora, tudo é uma coisa só.


Como sempre foi.

E como sempre será.

Então que assim seja.

Porque assim é.

Se você quiser saber mais sobre nossos projetos, eventos e


como ajudar a construir a nova economia, acesse a página do livro:

http://www.11diasdedespertar.com.br