Você está na página 1de 3

Os Dez Mandamentos da SERENIDADE

1- Só por hoje, tratarei de viver exclusivamente este meu dia, sem querer resolver os problemas da minha
vida todos de uma vez.
2- Só por hoje, terei o máximo cuidado com o modo de tratar os outros; delicado com as minhas maneiras,
nao criticarei ninguém, nao pretenderei melhorar nem disciplinar ninguém, senão a mim.
3- Só por hoje, me sentirei feliz com a certeza de ter sido criado para ser feliz nao só no outro mundo, mas
também neste.
4- Só por hoje, me adaptarei as circunstâncias, sem pretender que as circunstâncias se adaptem todas aos
meus desejos.
5- Só por hoje, dedicarei dez minutos do meu tempo a uma boa leitura, lembrando-me que, assim como é
preciso comer para sustentar o meu corpo, também a leitura é necessária para alimentar a vida da minha
alma.
6- So por hoje, praticarei uma boa ação sem contá-la a ninguém.
7- Só por hoje, farei uma coisa de que não gosto e se for ofendido nos meus sentimentos procurarei que
ninguém o saiba.
8- Só por hoje, farei um programa bem completo do meu dia. Talvez não o execute perfeitamente, mas em
todo caso, vou fazê-lo. E me guardarei bem de duas calamidades: a pressa e a indecisão.
9- Só por hoje, ficarei bem firme na fé de que a Divina Providência se ocupa de mim, como se existisse
somente eu no mundo, ainda que as circunstâncias manifestem o contrário.
10- Só por hoje, não terei medo de nada. Em particular, não terei medo de crer na bondade. Durante doze
horas de um dia, posso fazer bem o que me desanimaria se pensasse que teria que fazê-lo durante toda a
minha vida.
Fonte:Livro Mensagens e orações inesquecíveis, de Jose
Alberto.

Maçã: ela aparece em todos os rituais ciganos e é usada como base de perfumes, 
banhos, óleos e poções. Nas festas de casamento, as mesas com toalhas 
vermelhas e enfeites dourados também devem ser forradas com essa fruta, pois 
ela simboliza o amor e a paixão. Mais: casamentos sem maçãs significam que o 
amor não durará para sempre. Pêras: são as frutas preferidas dos ciganos, junto 
com as maçãs. Entre os persas, acreditava­se que o seu sabor perdurava até 
depois da morte. Por isso a pêra também está ligada à imortalidade e à boa saúde,
além, é claro, da prosperidade, pelo tom amarelo da fruta. Melancia: muito 
presente na decoração das festas, significa prosperidade (pela abundância de 
sementes) e fertilidade (pela cor vermelha do seu interior). Morango: mais uma 
fruta vermelha empregada em poções de amor. A cor vermelha e o sabor da fruta 
dão a energia necessária para conquistar o ser amado. É utilizada também para 
curar desilusões amorosas, em chás e poções. Abacates: os ciganos não têm 
dúvida em adoptar frutas de outros países, desde que sejam doces. É o caso do 
abacate, originário do México. Uvas: se um cigano lhe der um cacho de uvas 
rosadas bem doces, saiba que ele quer se aproximar de você e ser seu amigo – ou 
talvez algo mais do que isso. Para eles, uvas e amizade andam sempre junto. 
Como em outras culturas, elas também são sinónimo de prosperidade. Os ciganos
afirmam, convictos, que o costume de comer doze uvas no reveillon – uma para 
cada mês – é uma tradição originada entre eles, assim como o hábito de ter frutas 
secas na mesa de Natal. Figo: outro estimulante sexual (aberto, assemelha­se ao 
órgão genital feminino). Usado também como remédio para combater a 
depressão, a ansiedade e a falta de memória. Romã: uma fruta muito antiga. É 
empregada em chás e essências, como atrativo de dinheiro e felicidade. Em 
banhos ou talismãs, é garantia de fertilidade. Damasco: é a fruta afrodisíaca por 
excelência, vinda dos países mediterrâneos. A sua cor, o laranja, traz vitalidade, 
fortalecendo a energia sexual. Os ciganos transformam os damascos em óleos 
aromatizantes, para envolver o casal apaixonado com o seu perfume. Amoras e 
framboesas: pela cor, significam paixões arrebatadoras. As folhas de framboesa 
são usadas sobre o corpo da mulher, para proporcionar um bom parto. Essas 
frutinhas também são utilizadas como ingredientes em poções afrodisíacas. 
Cereja: é uma das frutas fundamentais na decoração das mesas de noivado e 
casamento, pois significa o amor. Em poções e banhos, tem a função de atrair um
parceiro. Os ciganos afirmam que as cerejas são diuréticas e calmantes. Melão: 
pode significar prosperidade e um casamento rico pela frente. A fruta veio da 
Ásia e faz parte da cultura cigana há muito tempo, muitas vezes substituindo a 
pêra. É usada na magia cigana para garantir a união da família. Amêndoas e 
castanhas: no ano­novo, as amêndoas são colocadas na carteira para atrair 
dinheiro. As castanhas são comidas para garantir o vigor sexual.

Interesses relacionados