Você está na página 1de 44

Ecomorfologia

1. Alimentação
2. Morfologia externa e funcional
3. Morfologia interna e funcional
Prof. Carlos E. L. Ferreira
LECAR
Ecomorfologia – O estudo de como os fatores
abióticos influenciam a formato do organismo.
“Any theory of species formation that fails to
explain the intimate tie-up that exists between
habitat and characters is at the least
incomplete.” Hubbs 1941
• Adaptações relacionadas a alimentação claramente
envolvem estruturas usadas na aquisição e
processamento do alimento, incluindo músculos e
ossos da mandíbula, dentes, arcos branquiais e o
sistema digestivo ;

• Adaptações de função e posição dos olhos, formato


do corpo, padrões de locomoção, pigmentação e
iscas;

• A morfologia funcional da alimentação merece


exploração detalhada visto estar intimamente
relacionada com todos os aspectos da evolução e
biologia dos peixes;
• Uma simples observação na morfologia da
mandíbula, tipos de dentição e forma do corpo permite
uma acurada predição dos hábitos alimentares e de
como a presa é capturada;
• Peixes quase alongados com corpo comprimido,
caudal furcada, dentição limitada e boca proctatil ;
Planctívoros
3. Posição da boca

- Inferior
a posição da boca, o tipo dos dentes
- Subterminal e o número e a forma dos rastros
- Terminal branquiais tem a ver com o hábito
alimentar do peixe
- Superior

Obs: Geralmente as partes visíveis da boca são a


mandíbula a pré-maxila e a maxila. Quase todos os
peixes poder projetar a boca para frente, mas muitos
não tem essa capacidade. Na mandíbula podem ser
encontrados barbilhões, que apresentam função
sensorial (tátil e química)
Mecânica da mandíbula em peixes
Captura da presa: mecânica mandíbular
altamente modificada em Epibulus insidiator
Captura da presa: Tarpão Megalops atlanticus
Musculatura relacionada a alimentação:
ex. do Peroá Balistes capriscus
Mecânica alimentar de 16 Labrídeos
recifais na Austrália: Análise de
Comporentes Principais
Presas com concha dura

Mandíbula faringeal: Labridae, Carangidae, Haemulidae, Sciaenidae

Mandíbula oral: Diodontidae, Tetraodontidae, Balistidae, Sparidae


Presas pequenas e presas ao substrato
Ecomorfologia
4. Forma dos Dentes:
Caninospredadores
Incisivos raspadores
Molares quebrar
Conicos carnívoros
Viliformes detritívoros (comum
nos siluriformes)

5. Forma e número dos rastros


branquiais
Curtos e pouco numerosos
carnívoros
Longos e numerosos
filtradores e
planctófagos
Nadadeiras
Nadadeiras ímpares – dorsal, anal, caudal
Nadadeiras pares – peitoral e pélvica

Interesses relacionados