Você está na página 1de 62

AULA 1 – Revisão de Fundamentos da Topografia

Prof. Pabllo Araujo


Eng. Civil, Me.

Campina Grande-PB
Fevereiro de 2019
Topografia

É a ciência aplicada cujo objetivo é


representar no papel (forma, dimensão e
posição), a configuração de uma porção
de terreno com benfeitorias que estão na
superfície (detalhes naturais, artificiais,
desprezando a curvatura da Terra).
Topografia

É de importância básica, fundamental, a contribuição da Topografia em


qualquer obra de Engenharia, Arquitetura e outros ramos de atividades.

Engenharia Civil Arquitetura e Urbanismo Engenharia Mecânica

Engenharia Elétrica Engenharia de Minas Eng. Sanit. e Ambiental


Topografia
Topografia

O levantamento topográfico de uma determinada área visa obter com precisão,


usando-se métodos e instrumentos adequados, os elementos que permitam a
elaboração das plantas topográficas.

Sistema de varredura a
Convencional
laser
Sistema de
Aerofotogrametria
Posicionamento Global
Topografia

A hipótese do plano topográfico exige


certa restrição no que se refere à
extensão da área a ser levantada, uma
vez que todas as medidas são
realizadas partindo do princípio da
Terra ser plana, ou seja, não
considerando a sua curvatura.
Topografia

Topografia
Pequenas porções da superfície
terrestre.

Geodésia
GRANDES porções da superfície
terrestre, levando em consideração a
curvatura da Terra.
Topografia
Topografia
Topografia

O Desenho Topográfico é a projeção de todas as medidas obtidas no


terreno sobre o plano do papel.

Ângulos Verdadeira Grandeza


ESCALA
Distâncias Reduzida
Topografia

Qualquer planta topográfica deverá estar referida a um Sistema de


Coordenadas.
Topografia

 Radianos
Um radiano é o ângulo central que subentende um arco de circunferência de
comprimento igual ao raio da mesma. É uma unidade suplementar do SI (Sistema
Internacional) para ângulos planos.
Topografia
Topografia

 Trigonometria Plana
A soma dos ângulos internos de um triângulo é igual
a 180°.
Topografia

 Triângulo qualquer (Lei dos Senos)


Topografia

 Triângulo qualquer (Lei dos Cossenos)


Topografia

 Sistemas de coordenadas
o Os sistemas de coordenadas são indispensáveis na representação da posição
de pontos sobre uma superfície.
o Um dos princípios fundamentais da cartografia compreende o estabelecimento
de um sistema de coordenadas sobre a Terra, de maneira que cada ponto de
sua superfície possa ser relacionado a esse sistema.

NECESSÁRIAS PARA EXPRESSAR A POSIÇÃO DOS PONTOS


SOBRE A SUPERFÍCIE TERRESTRE
Topografia

Um dos principais objetivos da


Topografia é a determinação de
coordenadas relativas de pontos.
Para tanto, é necessário que estas
estejam expressas em um sistema
de coordenadas.
Topografia

Coordenadas Coordenadas Coordenadas


Geográficas Esféricas Cartesianas

Obs.: Existem ainda as polares, cilíndricas e elípticas.


Topografia

Sistema de Posicionamento Global (GPS – Global Positioning System)

O Sistema de Posicionamento Global (GPS) é


um sistema de navegação baseado em sinais
de satélite, composto de uma rede de 24
satélites (órbitas em torno de 20.000 km),
colocados em órbita pelo Departamento Norte-
Americano de Defesa.
Topografia

Com 1 satélite: Estamos em algum


ponto sobre a esfera
20.000 km

4 incógnitas:
Latitude
Longitude
Altitude
Hora
Topografia

Navegação - erros em torno de 20 m


Topografia

Topográficos - erros abaixo de 1 m


Topografia

Geodésicos - erros abaixo de 0,01 m


Topografia
Topografia

Sistema de Posicionamento Global (GPS – Global Positioning System)

• Rapidez nos levantamentos;


• Os pontos não precisam ser visíveis entre si;
• Qualidade dos serviços e precisão;
• Grande integração com SIG;
• Baixo custo do levantamento;
• Coordenadas e altitude reais;
• Facilidade de operação;
• Trabalho de dia ou à noite, em qualquer condição de tempo.
Topografia

• Dificuldade para trabalho em áreas urbanas ou com obstruções


físicas - multicaminhamento.

Sinal Sinal
bloqueado direto

• Levantamento de pequenas áreas.


• Levantamentos altimétricos.
Topografia

Uma das operações básicas em


Topografia é a medição de ângulos
horizontais e verticais. Na realidade,
no caso dos ângulos horizontais,
direções são medidas em campo, e a
partir destas direções são calculados os
ângulos.
Topografia

Ângulo Horizontal

A partir de dois alinhamentos definem-se dois planos verticais que passam pelas
extremidades desses alinhamentos. Um ângulo horizontal é um ângulo diedro entre
esses dois planos verticais.

  Lq  L p
Topografia
Topografia

Ângulo Horizontal

Palavra chave  ORIENTAÇÃO


Ao se falar de posicionamento geográfico, o
primeiro conceito que surge é o de “NORTE”.

– Norte Magnético;
– Norte Geográfico ou Verdadeiro;
Topografia

Ângulo Horizontal Azimute

Azimute de uma direção é o ângulo


horizontal formado entre a meridiana de
origem que contém os Pólos, magnéticos
ou geográficos, e a direção considerada. É
medido a partir do Norte, no sentido
horário e varia de 0º a 360º. O Azimute
pode ser de Vante ou Ré.
Topografia

Ângulo Horizontal Rumo


Rumo é o menor ângulo horizontal formado pela meridiana que materializa o
alinhamento Norte Sul e a direção considerada. Varia de 0º a 90º, sendo contado
do Norte ou do Sul por Leste e Oeste. Este sistema expressa o ângulo em função
do quadrante em que se encontra. Além do valor numérico do ângulo acrescenta-
se uma sigla (NE, SE, SW, NW) cuja primeira letra indica a origem a partir do qual
se realiza a contagem e a segunda indica a direção do giro ou quadrante. O
Rumo pode ser de Vante ou de Ré.
Topografia

Ângulo Horizontal Rumo


Topografia

Ângulo Horizontal Deflexão

 É o ângulo formado entre o prolongamento do alinhamento anterior e o


alinhamento que segue. Varia de 0° a 180°.
 Deflexão à direita: sentido horário
 Deflexão à esquerda: sentido anti-horário
Topografia

Ângulo Horizontal Deflexão


Topografia

Ângulo Vertical (V)

São ângulos medidos no plano vertical, ou seja, no plano perpendicular ao plano


topográfico, uma vez que é um ângulo de elevação ou depressão em relação
ao horizonte.
Quando medido a partir de algum plano de referência, o ângulo será positivo se o
ponto estiver acima do horizonte do observador e negativo caso contrário.
Topografia

Ângulo Vertical (V)


Topografia

Ângulo Zênital (Z)

É o ângulo formado entre a vertical do


lugar (zênite) e a linha de visada. Varia de
0º a 180º, sendo a origem da contagem o
zênite. A relação entre o Z e o V é dada
pela equação:
Topografia

A medida de distâncias de forma


direta ocorre quando esta é
determinada a partir da
comparação com uma grandeza
padrão, previamente estabelecida,
através de trenas ou diastímetros.
Topografia

Tipos de Distância

• Distância Horizontal (DH): é a distância medida entre dois pontos, no plano


horizontal.
• Distância Inclinada (DI): é a distância medida entre dois pontos, em planos que
seguem a inclinação da superfície do terreno.
• Distância Vertical ou Diferença de Nível (DV ou DN): é a distância medida
entre dois pontos, num plano vertical que é perpendicular ao plano horizontal.
Topografia

• DI – distância inclinada
• DH – distância horizontal
• DV ou DN – distância vertical ou diferença de nível
Topografia
Topografia

Erros na medida direta de distâncias

Dentre os erros que podem ser cometidos na medida direta de distância,


destacam-se:
 Erro relativo ao comprimento nominal da trena;
 Erro de catenária;
 Falta de verticalidade da baliza quando posicionada sobre o ponto do
alinhamento a ser medido, o que provoca encurtamento ou alongamento deste
alinhamento.
Topografia

Tipos de Medidas
Topografia

Distância Horizontal com Visada horizontal


Topografia

Distância Horizontal com Visada inclinada


Topografia

Distância Vertical ou Desnível


Luneta inclinada para cima (Visada ascendente)
Mira DN – desnível;
DH – distância horizontal
A
 – ângulo de inclinação;
M S

B
Lm – leitura no fio médio;
O

hi – altura do instrumento.
hi

DN P

DH
Topografia

Distância Vertical ou Desnível


Luneta inclinada para baixo (Visada descendente)
Mira DN – desnível;
O hi – altura do instrumento;
 A  – ângulo de inclinação;
hi
M S Lm – leitura no fio médio.
C B
DN

DH
Topografia

Na planimetria estudam-se as diversas maneiras de medir e representar uma área


através de sua projeção no plano topográfico.

Caminhamento Interseção

Irradiação Ordenadas
Topografia

Erros no levantamento planimétrico

 Nas medições indiretas, por estadimetria, a precisão dependerá dos erros cometidos nas
leituras dos ângulos horizontais e verticais e nas leituras dos retículos:
o Erro angular de fechamento da poligonal
o Erro angular tolerável
o Correção angular
o Ângulo compensado
Topografia

Sequência de Cálculos
Topografia

A partir do Ponto de Partida (0PP), calculam-se as coordenadas dos demais pontos


até retornar ao ponto de partida. A diferença entre as coordenadas calculadas e as
fornecidas para este ponto resultará no chamado Erro Planimétrico ou Erro Linear
Cometido. Como os ângulos foram ajustados, este erro será decorrente de
imprecisões na medição das distâncias.
Topografia

O Erro Planimétrico pode ser decomposto em uma componente na direção X


(abscissas) e outra na direção Y (ordenadas).
Topografia

• 8º passo: Calcular as distâncias, quando medidas pelo método indireto;


• 9º passo: Calcular as coordenadas ou projeções parciais;
• 10º passo: Calcular a variação de erro nas projeções;
• 11º passo: Calcular o erro linear;
• 12º passo: Calcular o erro linear de fechamento (tolerável);
• 13º passo: Determinar o fator de correção;
• 14º passo: Determinar a correção linear;
• 15º passo: Corrigir as projeções;
• 16º passo: Determinar o ponto mais OESTE;
• 17º passo: Determinar as coordenadas totais ou absolutas.
Topografia

 A avaliação de áreas é uma atividade comum na


Topografia. Por exemplo, na compra e venda
de imóveis rurais e urbanos esta informação se
reveste de grande importância.
 É fundamental para planejamentos de
engenharia, agricultura, loteamentos, limites de
preservação ambiental, levantamentos
cadastrais para compra e venda, partilha,
escrituras, etc.
 As áreas topográficas são projeções
horizontais das obras projetadas e executadas
pela engenharia.
Topografia
Topografia
Topografia
Topografia

Processos Computacionais
Atualmente é uma forma bastante prática para o cálculo de áreas. Baseado no
emprego de algum programa gráfico, como por exemplo, o AutoCAD, no qual são
desenhados os pontos que definem a área levantada e o programa calcula esta
área, por métodos analíticos.
Topografia

Processos Gráficos
 Transformação Geométrica
 Faixas de Igual Espessura
 Divisão de Quadrículas
 Figuras Geométricas Equivalentes.
Dúvidas???

Prof. Pabllo Araujo – Eng. Civil, Me. 040101991@prof.uninassau.edu.br