Você está na página 1de 83

1

INTRODUCTION

A língua inglesa é estruturalmente fácil, porém, num primeiro momento, pode soar estranha para quem
nunca teve um contato mais íntimo. Além disso, apresenta algumas particularidades e diferenças bem
acentuadas com relação ao português. Para que você não se perca, leia as seguintes observações:

1° - Saber os seguintes termos será muito útil ao longo do seu curso:

 Noun: substantivo = palavra com que se designa um ser ou objeto = house, door, car, sky, water.
 Adjective: adjetivo = palavra que qualifica o substantivo a que está ligado: blue, wonderful, hot.
 Verb: verbo = palavra que designa os processos, o estado, a ação, os fenômenos: to rain, to go, to
be, to pretend, to run.
 Preposition: preposição = partícula que estabelece a relação entre dois termos da frase: in, at, on,
with, for, through.
 Adverb: advérbio = palavra que indica tempo, lugar, quantidade...: here, there, yesterday, very.
 Conjunction: conjunção = palavra que liga termos ou orações: who, that, which.

2° - Embora haja algumas exceções, o adjetivo, quando acompanha o substantivo, vem antes dele:

 Pretty woman
 Blue house
 Green curly hair

3° - Quanto mais parecida for uma palavra inglesa com uma da língua portuguesa, maior deve ser a sua
desconfiança. Verifique sempre num bom dicionário os falsos cognatos:

 Tenant: não é tenente, mas sim inquilino


 Fabric: não é fábrica, mas sim tecido
 Realize: não é realizar, mas sim perceber

4° - Alguns verbos vem acompanhados de preposições. Estas podem mudar completamente o sentido do
verbo, o que geralmente causa confusão se seguirmos o sentido literal:

 Put out: apagar


 Look for: procurar
 Run out of: acabar

5° - As expressões idiomáticas são uma constante em inglês. Verifique sempre no dicionário se o sentido
lhe parecer bizarro:

 Once in a blue moon: não é “uma vez numa lua azul”, mas sim, raramente, muito de vez em
quando.
 To have cold feet: não é “ter pé frio”, mas sim, não ter coragem para fazer algo.
2

LESSON 1

SUBJECT PRONOUNS

Pronome é a palavra que substitui ou determina o nome. Classificam-se em pessoais, possessivos,


demonstrativos, indefinidos, interrogativos e relativos. Os pronomes pessoais retos são usados como sujeito
da oração, ocupando a posição antes do verbo em inglês. São eles: I (eu), you (você, tu), he (ele), she (ela),
it (ele, ela), we (nós), they (eles):

I am a teacher.
You are Brazilian.
He is a doctor.
She likes him.
It is blue.
We are hungry.
They are intelligent.

São sempre expressos, exceto em frases imperativas. “I” é sempre escrito com letra maiúscula e o pronome
neutro “it” é usado:

 Para coisa ou animal quando não há afetividade: The dog is beautiful. It is white.
 Para expressar tempo e medida: It‟s ten o‟clock. – It’s 30 miles to London.

THE VERB TO BE

É um dos verbos mais usados na língua inglesa. Serve para descrever ou dar informação sobre algo ou
alguma coisa. Nesse sentido equivale aos verbos SER e ESTAR do português. No entanto, pode apresentar
muitos outros sentidos dependendo do contexto: existir, ter, dever, etc. Apresenta a seguinte
conjugação/estrutura:

Conjugação do verbo TO BE no simple present


Positive Negative Interrogative
I am I am not am I?
you are you are not are you?
he is he is not is he?
she is she is not is she?
it is it is not is it?
we are we are not are we?
you are you are not are you?
they are they are not are they?

Como é possível perceber, as perguntas são feitas mediante a inversão do verbo e do sujeito enquanto as
negativas são feitas apenas com o acréscimo da palavra NOT:

I am a student. Are you a student too?


They are happy.
She is an intelligent girl.
Is it ok with you?
It isn’t cold today.
We are not at home now.
3

Contractions: São junções entre os pronomes pessoais e um verbo (no caso to be) ou outras palavras,
usadas geralmente na fala, na linguagem coloquial/informal:

Positive Negative
I am = I’m I’m not
you are = you’re you’re not ou you aren’t
he is = he’s he’s not ou he isn’t
she is = she’s she’s not ou she isn’t
it is = it’s it’s not ou it isn’t
we are = we’re we’re not ou we aren’t
you are = you’re you’re not ou you aren’t
they are = they’re they’re not ou they aren’t

Come on little boy, you aren’t brave enough to do it.


She isn’t a good girl.
That’s a good idea!
How’s it going?
What´s your name?

Observações:

O verbo THERE TO BE (haver, existir) tem apenas duas formas THERE IS para o singular e THERE ARE
para o plural. THERE IS NOT (there isn‟t) e THERE ARE NOT (there aren‟t) são usados para as formas
negativas e IS THERE? ARE THERE? para as interrogativas:

THERE IS a book on the table. (Há um livro sobre a mesa)


THERE ARE many books on the table. (Há muitos livros sobre a mesa)
THERE ISN’T any bread.
THERE AREN’T mountains in Nauru.
IS THERE a cat under the sofa?
ARE THERE big cities in The Philippines?

Ao se referir a idade, use sempre o verbo TO BE:

She´s 19 years old.


I´m in my sixties.

LESSON 2

ARTIGO INDEFINIDO

 A: um, uma  usado antes de palavras no singular que comecem com som consonantal: a horse,
a door, a mouse, a pen, a university.
 AN: um, uma  usado antes de palavras no singular que comecem por som vocálico: an apple, an
hour, an office, an artist.

Usa-se A / AN antes dos nomes das profissões:

I am a teacher.
She’s an engineer.

Não é usado antes de substantivos no plural. Nesse caso coloca-se some:

a boy  some boys


4

PRESENT CONTINUOUS

Descreve, geralmente, uma ação que está acontecendo agora, no momento da fala. É formado com as
formas do presente do verbo TO BE mais a forma terminada em ING do verbo principal. Corresponde ao
gerúndio em português:

Verbo TO BE + verbo principal acrescido de ING  I AM workING = estou trabalhando

The birds ARE flyING in the sky.


She’S speakING English.
It’S rainING a lot in Japan now.
They’RE NOT playING the video-game at the moment.

A forma negativa é feita com o acréscimo de NOT ao verbo auxiliar TO BE e a interrogativa invertendo-se
o verbo auxiliar TO BE e o sujeito:

I AM NOT watchING tv.


She’S NOT writING a letter.
ARE YOU workING hard?
What ARE THEY lookING at?
IS PETER goING to Greece next summer?

Observações:

Nos verbos terminados em E omite-se esta letra antes do acréscimo de ING: lose losing; make  making
Nos verbos curtos terminados em C-V-C (consoante+vogal+consoante) dobra-se a consoante final antes do
acréscimo de ING: stop  stopping; get  getting
Alguns verbos nunca são usados no present continuous. São eles: LIKE, PREFER, LOVE, HATE, WANT,
NEED, KNOW, MEAN, UNDERSTAND, BELIEVE, REMEMBER, FORGET, DEPEND. Nesse caso, deve-
se usar o simple present:

I don’t REMEMBER his name (não estou me lembrando do nome dele)

LESSON 3

SIMPLE PRESENT

Descreve um fato ou estado permanente, ou uma ação que acontece com freqüência no presente. A forma
básica do presente dos verbos principais na afirmativa é a mesma do infinitivo (aquela forma que você
as
encontra no dicionário) sem o TO (to smoke  smoke) com exceção das 3 pessoas do singular (he/she/it)
que levam um “S”:

I GET up at 7 everyday.
She GETS up at 7 everyday.
5

Nas frases negativas do presente usa-se DO NOT = DON‟T, para I, You, We, They e DOES NOT =
DOESN‟T, para He, She, It. O verbo principal seguido do auxiliar sempre fica no infinitivo sem o TO:

I DON’T like coffee.


She DOESN’T like coffee.
Mary and John DON’T eat meat. They’re vegetarian.

As frases interrogativas são formadas colocando-se DO ou DOES no início das perguntas sendo
precedidos apenas por pronomes interrogativos. O verbo principal sempre fica no infinitivo sem o TO. Nas
respostas curtas, DO-DON‟T, DOES-DOESN‟T substituem o verbo principal:

DO you like hamburguers?


DOES it often rain in Bahamas?
What time DO you usually go to work?
Where DO you go to school?
DO you speak English? Yes, I DO.
DOES she enjoy parties? Yes, she DOES.
DOES he take the 10:00 am train? No, he DOESN’T.

Modelo de conjugação do verbo TO WORK no simple present em inglês


Positive Negative Interrogative
I work I don’t work do I work?
you work you don’t work do you work?
he works he doesn’t work does he work?
she works she doesn’t work does she work?
it works it doesn’t work does it work?
we work we don’t work do we work?
you work you don’t work do you work?
they work they don’t work do they work?

Observações:

 Verbos terminados em S/SH/CH/X/Z/O levam ES na 3ª pessoa do singular: He passES; she goES;


it itchES.
as
 Verbos terminados em Y precedidos de CONSOANTE mudam para IES nas 3 pessoas do
singular: reply=replies
 O verbo TO BE (ser, estar), por ser um verbo anômalo, tem uma conjugação totalmente especial.

OS PRONOMES

Subjetivos Objetivos Adjetivos Pronomes


(Caso reto) (Oblíquos) Possessivos Possessivos
I me my mine
you you your yours
he him his his
she her her hers
it it its its*
we us our ours
you you your yours
they them their theirs

* não aceito por muitos autores


6

OBJECT PRONOUNS

Os pronomes pessoais oblíquos funcionam como objeto ou complemento. Tem uma única forma em
inglês tanto para o objeto direto quanto para o indireto. São eles: ME (me, mim), YOU (te, você), HIM (o,
lhe), HER (a, lhe), IT (o, a, lhe), US (nos), THEM (os, as, lhes).

She likes HIM, but he doesn’t like HER.


We’re going to the movies. Why don’t you come with US?
I wrote a letter to Margaret yesterday. Can you post IT to ME?

LESSON 4

PRONOMES E ADJETIVOS DEMONSTRATIVOS

Determinam, no tempo ou no espaço, a posição do ser indicado:

Near (Perto) Far (Longe)


This That
These Those

THIS/THESE referem-se a coisa, pessoa ou animal que está próximo de quem fala. THIS para o singular,
THESE para o plural:

Mmm, THIS hot-dog is delicious!


These computers are made in Taiwan.

THAT/THOSE referem-se a coisa, pessoa ou animal que está distante de quem fala. THAT para o singular,
THOSE para o plural:

THAT car isn’t mine.


THOSE boys are students at Riverside University.

Todos podem funcionar como adjetivos antes dos substantivos ou como pronomes substantivos:

These are good.


Those are bad.
7

PLURAL OF NOUNS

Normalmente recebem S porém:

 Substantivos terminados em S, SS, CH, SH, X, Z  “ES”.


 Substantivos terminados em CH com som de K  “S”: Epoch, Monarch, Patriarch, Conch, Stomach.
 Substantivos terminados em Y após vogal  “S”.
 Substantivos terminados em Y após consoante  “IES” (-Y).
 Substantivos terminados em O após vogal  “S”.
 Substantivos terminados em O após consoante  “ES”.

EXCEÇÕES – Palavras de origem estrangeira (piano, photo, casino, solo, studio, kilo, radio)  “S”.

 Alguns substantivos terminados em F ou FE perdem esta terminação e recebem VES

Singular Plural Significado


calf calves vitela, bezerro, panturrilha
elf elves duende, gnomo
half halves metade
knife knives faca
leaf leaves folha
life lives vida
loaf loaves pão
self selves o eu, ego
sheaf sheaves feixe
shelf shelves prateleira
thief thieves ladrão
wife wives esposa
wolf wolves lobo

TODOS OS OUTROS  “S”

Singular Plural Significado


belief beliefs crença
chef chefs cozinheiro-chefe
chief chiefs chefe
cliff cliffs penhasco
proof proofs prova
puff puffs sopro
reef reefs recife
roof roofs telhado
safe safes cofre
serf serfs servo
gulf gulfs golfo, baía
handkerchief handkerchiefs lenço

CLICK

Substantivos que podem formar o plural com S ou VES:

DWARF (anão) – dwarfs - dwarves


HOOF (casco, pata) – hoofs - hooves
SCARF (cachecol) – scarfs - scarves
WHARF (cais) – wharfs - wharves
STAFF (equipe, bastão) – staffs - staves
8

 Ortografia irregular dos substantivos plurais:

Alteração vocálica:

Singular Plural Significado


Foot feet pé
Goose geese ganso
Louse lice piolho
Man men homem
Mouse mice, mouses¹ rato
Tooth teeth dente
Woman women mulher
¹ mouses é somente empregue em linguagem informática

Adição do sufixo (r)en:

Singular Plural Significado


Brother brethren irmão(s)
Child children criança(s)
Ox oxen boi(s)

 Alguns substantivos não possuem plural em inglês, portanto, o VERBO que os acompanha é
sempre usando no SINGULAR:

FURNITURE - mobília
INFORMATION - informação
NEWS - notícia
ADVICE - conselho
KNOWLEDGE - conhecimento
PROGRESS - progresso
BAGGAGE / LUGGAGE - bagagem
THIS luggage IS very heavy.
Esta bagagem está muito pesada.

Watch Out

“news, politics, mathematics, physics, optics”, embora pareçam estar no plural, são usadas com o verbo no
SINGULAR.

Ex.: The news IS very interesting.


A notícia é interessante OU as noticias são interessantes.

 Alguns substantivos não possuem singular em inglês, portanto o verbo sempre fica no plural:

Ex.: SCISSORS - tesoura


TROUSERS - calças
PANTS - calças
PLIERS - alicate
SHORTS - calças curtas
GLASSES ou SPECTACLES - óculos
9

 Alguns substantivos, embora pareçam estar no singular, têm sentido plural; portanto, o verbo que os
acompanha é usado no plural:

Ex.: CATTLE - gado PEOPLE - pessoas


GENTRY - classe educada PEOPLES - nações, povos.
POLICE - polícia

 Alguns substantivos não mudam no plural:

Singular / Plural Significado


carp carpa
cod bacalhau
deer veado
grouse galo silvestre
mackerel cavala
pike pique, pedágio
Plaice (Flounder) solha (espécies de linguado)
salmon salmão, salmões
sheep ovelha
trout truta
English inglês, ingleses
Portuguese português, portugueses
Japanese japonês, japoneses
swine suíno
fish, fishes² peixe
means meio, modo, método
species espécie
series série
² quando são vários tipos.

Ex.: This SPECIES IS in danger.


Theses SPECIES ARE in danger.

 Alguns substantivos de origem grega ou latina conservam, geralmente, o plural de origem:

Ex.:

Phenomenon  Phenomena
Criterion  Criteria
Agendum  Agenda
Datum  Data
Memorandum  Memoranda
Bacterium  Bacteria
Hypothesis  Hypotheses
Crisis  Crises
Thesis  Theses
Basis  Bases
Axis (eixo)  Axes
Oásis  Oases
Dogma (doutrina)  Dogmas ou Dogmata
Formula  Formulas ou Formulae
Ameba  Amebas ou Amebae
Alga  algae
Radius  radii
Stimulus  stimuli
Fungus  fungi
10

 Os nomes dos povos terminados em “SS” e “SE” conservam a mesma forma tanto no singular como
no plural:

Ex.: Japanese  Japanese (japoneses)


Chinese  Chinese (shineses)
Swiss  Swiss (suíços)

 O plural dos substantivos compostos forma-se pluralizando o elemento principal:

Ex.:

Sister-in-law  sisters-in-law (cunhadas)


Father-in-law  fathers-in-law (sogros)
Looker-on  lookers-on (espectadores)
Baby-sitter  baby-sitters (babás)
Passer-by  passers-by (transeuntes)
Mas...
Grown-up  grown-ups (adultos)
Fly-over  fly-overs (viadutos)

LESSON 5

POSSESSIVE PRONOUNS

Possessive Adjectives: Vêm sempre antes dos substantivos a que se referem. São invariáveis,
concordam com o possuidor e não com a coisa possuída. São eles: MY (meu), YOUR (seu), HIS (dele),
HER (dela), ITS (dele/dela), OUR (nosso), THEIR (deles/delas):

MY name is Philip.
Elton John is a famous singer. HIS songs are beautiful.
We are from France. OUR city is Paris.
She loves HER son. (Ela ama seu filho)

Possessive Pronouns: Nunca são seguidos de substantivo. São eles: MINE, YOURS, HIS, HERS, ITS,
OURS, THEIRS:

Os pronomes possessivos virão depois do substantivo.

Ex.: The son is HERS. (O filho é seu / O filho é dela)


Whose book is that? It’s MINE. (it‟s = that book)

Podem ser sujeito da frase:

This is my book. Where is yours? MINE is in the bookcase.

Genitive Case („S): É usado quando o possuidor é pessoa ou animal. Expressa a posse no sentido amplo,
podendo também ser usado com expressões de tempo:

The king’S crown is made of gold.


The cat’S tail is long.
Yesterday’S party was great!
11

Se forem dois ou mais os possuidores de uma mesma coisa, apenas o último leva o apóstrofo:

Sara and Janice’S car is blue.

Se o objeto é possuído separadamente, cada um é seguido de ‟S:

Eistein’S and Newton’S discoveries were very important.

Se o possuidor for plural, coloca-se apenas o apóstrofo:

The flowers’ petals are red.

Substantivos compostos seguem as regras dos substantivos comuns:

My sister-in-law’S house is enormous.

Em alguns casos é comum a omissão do elemento possuído. Isso acontece em geral com lugares já
mencionados ou subentendidos. Entre eles estão HOUSE, SHOP, CATHEDRAL, COLLEGE, OFFICE,
RESTAURANT:

We’re going to have a sandwich at McDonald’S. (fast food restaurant)


See you at Mary’S! (house)

Quando o possuidor é coisa, usa-se a construção com OF:

The legs OF the table.


She’s going to change the cover OF the book.

LESSON 6

SIMPLE PAST

Expressa uma ação terminada e realizada num passado definido (isto é, em geral vem acompanhado de
advérbios como YESTERDAY, LAST NIGHT, LAST MONTH, LAST YEAR, TWO DAYS AGO, WHEN,
WHILE). Todos os verbos em inglês pertencem a uma das duas conjugações: ou são regulares ou são
irregulares. Os regulares formam o passado com o acréscimo de ED enquanto os irregulares possuem uma
forma própria para o passado. Assim, são regulares verbos como:

Work  worked Mary workED at Coca-Cola Company in 1998.


Travel  travelled They travellED to Jamaica last year.
Dance  Danced We dancED all night long.

E são irregulares:

Begin  began The game BEGAN earlier last night.


Fall  Fell The boy FELL off the tree this morning.
Buy  Bought I BOUGHT a book for my cousin Ana two days ago.
12

Há apenas uma forma no passado para todas as pessoas. Para se formar uma frase no passado
interrogativo usa-se o auxiliar DID (invertendo-o com o sujeito); para formar uma frase negativa usa-se DID
NOT = DIDN‟T. O verbo principal fica no infinitivo sem o TO:

DID Morris walk 100 miles yesterday?


DID you receive the letter?
They DIDN’T like you at all.
Her parents DID NOT approve of her boyfriend.

Observações:

 Verbos que terminam em Y precedidos de consoante mudam para IED: Cry  crIED
 Verbos que terminam em Y precedidos de vogal apenas recebem o ED: play  playED
 O verbo TO BE, por ser anômalo, não segue o mesmo modelo de conjugação dos outros verbos no
passado. Lembre-se de que as interrogativas são formadas mediante inversão sujeito-verbo e as
negativas com o acréscimo de NOT. Tem no passado a seguinte conjugação:

I was
you were
he was
she was
it was
we were
you were
they were

 As contractions do verbo TO BE na negativa são WASN‟T e WEREN‟T.


13

LESSON 7

Quadro geral dos pronomes em inglês. Outros pronomes:

PRONOUNS
PERSONAL POSSESSIVE
REFLEXIVE
SUBJECT OBJECT ADJECTIVES PRONOUNS CASE
I me myself my mine
you you yourself your yours
he him himself his his
she her herself her hers „s
it it itself its its
we us ourselves our ours
you you yourselves your yours
they them themselves their theirs (Of)
one one oneself one’s

Usados Usados como


Usados como objeto reflexivos, Virão antes do Virão depois Indicam o
como sujeito direto ou enfáticos ou substantivo do substantivo possuidor
indireto idiomáticos.

YOU-ONE: YOU tem forma única para o singular, plural, pronome reto e oblíquo. Também é usado como
pronome indefinido, funcionando como sujeito indeterminado, referindo-se a pessoas no sentido geral: a
gente, se. Nesse caso é sinônimo de ONE, que é mais usado na linguagem formal.

YOU/ONE can’t trust everybody nowadays.

PRONOMES REFLEXIVOS: Ocupam a posição após o verbo. São usados quando o sujeito e o objeto são
a mesma pessoa ou coisa que faz e recebe os efeitos da ação.

Mary looks at HERSELF in the mirror.


One should take care of ONESELF.

Também são usados enfaticamente, para reafirmar o fato de a própria pessoa praticar a ação:

You YOURSELF told me that story.


You told me that story YOURSELF.

Junto com a preposição BY adquirem o sentido idiomático de SOZINHO, sem ajuda ou companhia.

This machine works by ITSELF. (=sozinha)


I did the homework by MYSELF. (sem ajuda de ninguém)
14

Observação:

EACH OTHER e ONE ANOTHER são pronomes recíprocos, isto é, são usados para indicar reciprocidade
ou relação mútua. EACH OTHER indica ação recíproca entre dois elementos, ONE ANOTHER entre
vários elementos:

Jane and Will were playing in the park and hurt EACH OTHER. (Um machucou o outro).
The children were playing in the park and kissed ONE ANOTHER. (várias crianças se beijaram
mutuamente).
They love EACH OTHER. (Eles se amam.) Amam um ao outro.
The players hurt ONE ANOTHER. (Os jogadores se machucaram.) Isto significa que machucaram
uns aos outros.

INTERROGATIVES

São empregados na formulação de perguntas. No quadro abaixo apresentamos os principais pronomes


interrogativos:

What O que? Qual? What’s your name?


Where Onde? Where did you go?
When Quando? When did she arrive?
Why Por que? Why do you ask?
How Como? How are you?
Who/Whom Quem? Who sold the cat?
Whose De quem? Whose car is that?
Which O que? Qual? (seletivo) Which one do you want?

HOW pode ter diversas combinações com adjetivos ou advérbios que lhe conferem significados distintos:

How many?
Quantos? How many cars do you have?
How much? How much money do you have?
Quanto? How much does it cost?
How often?
Com que freqüência? How often do you come here?
How far?
Qual a distância?
Quão longe? How far will you go?
How long?
Quanto tempo? How long does it take you to go home?
Qual o comprimento? How long is that river?
How wide?
Qual a largura? How wide is it?
How old?
Quantos anos? How old are you?
How tall?
Qual o tamanho (estatura)? How tall are you?
How high?
Qual a altura? How high is that building?
15

Observações:

WHAT refere-se a um número ilimitado de elementos:

WHAT would you like to have?

WHICH é seletivo e se refere a um número limitado de elementos:

WHICH do you prefer? Coffee or tea?

Quando a pergunta é feita sobre o sujeito da oração, não se usa verbo auxiliar. WHO é usado para
pessoas e WHAT para coisas:

WHO broke that window? The boys did.


WHO understands Japanese? Sachiko does.

WHAT broke the window? A stone broke it.


WHAT happened? A collision between two cars.

WHOM é usado no inglês formal e se refere ao objeto direto ou indireto da oração. Por isso, também formal
é o uso de WHOM precedido de preposição:

WHOM did you meet?


To WHOM did you give the letter?

WHY é usado para fazer perguntas, BECAUSE para respondê-las:

WHY did you lie to her? BECAUSE I had to.

WHOSE (de quem) tem uma estrutura diferente do português. É seguido pelo substantivo em inglês:

WHOSE car is that?


WHOSE house did he buy?

No inglês informal as preposições geralmente vêm no final da frase em perguntas interrogativas:

What is that for?


Where is your family from?
Who are you looking at?
16

LESSON 8

ARTIGO DEFINIDO

Só existe uma forma “THE” (o, a, os, as) que é usada quando está claro a que pessoa ou coisa nos
referimos. É empregado antes de substantivos masculinos ou femininos, singulares ou plurais: THE SKY,
THE BOYS, THE GIRLS, THE RAIN, THE CLOUDS.

What’s THE name of this street?


My office is on THE first floor.
What’s THE time?

Com nomes de canais, rios, mares e oceanos:

THE Atlantic Ocean


THE Nile
THE Suez Canal

Não usamos THE com as palavras TELEVISION, BREAKFAST, LUNCH, DINNER, NEXT e LAST:

What did you do last summer?


What time do you usually have dinner?
Do you like to watch television?

Também não usamos THE diante de nomes de lugares (continentes, países, cidades, ilhas):

France is a very large country.


China is in Asia.

Mas usamos THE em nomes como Republic (república), States (estados), Kingdom (reino):

The Irish Republic


The United States of America
The United Kingdom

Em geral não se usa THE diante de nomes de ruas, edifícios, aeroportos, universidades, castelos, estações
e lugares dentro de uma cidade:

Kevin lives in Newton Street.


Times Square is in New York.
Kennedy airport
Victoria Station
London Zoo

Mas usamos THE com nomes de restaurantes, cinemas, teatros, hotéis, bares, museus:

The Hilton (Hotel) / The National Theatre / The Star of India (restaurant)
17

PAST CONTINUOUS

Expressa o que estava acontecendo num ponto do passado ou uma ação em andamento quando outra
aconteceu. É formado pelas formas verbais do verbo TO BE no passado (was/were) mais verbo principal
acrescido de ING:

What WERE you doING at 6 o’clock yesterday?


You WERE doING your lesson when I called.
As the man WAS lookING at the picture, the thief stole his wallet.

Também pode expressar duas ações que ocorriam simultaneamente:

While Barbara WAS swimmING, I WAS playING soccer.

LESSON 9

COUNTABLE AND UNCOUNTABLE NOUNS

Um substantivo, em inglês, pode ser CONTÁVEL ou INCONTÁVEL. Dependendo dessa característica


certas palavras poderão ou não acompanhá-lo. Veja a tabela abaixo:

COUNTABLE UNCOUNTABLE
a / an -
some some
few / a few little / a little
many much
a lot of / lots of a lot of / lots of

Would you like AN apple?


I need SOME new shoes.
Would you like SOME tea?
I have FEW / A FEW friends.
How MUCH money do you have?
How MANY girlfriends does he have?
I got A LOT OF / LOTS OF presents.
Let´s make A Lot Of / Lots Of money .

As seguintes palavras são incontáveis em inglês, mas geralmente contáveis em português:

Information
Advice
Weather
News
Bread
Hair
Furniture
18

Por serem incontáveis, é comum que com essas palavras, para que se dê uma idéia de plural, usemos
expressões como a piece of, a bar of, a pint of, a liter of, a glass of, a can of, etc. Se assim acontecer,
lembre-se de que essas expressões têm plural:

Would you like a piece of cheese?


I have some pieces of advice for you.
She bought two bars of soap in the market.

Se uma palavra é incontável, o verbo que a acompanha deve estar obrigatoriamente no singular:

The news is amazing.


The weather is nice today.
The information was given yesterday night.
19

LESSON 10

MODAL VERBS

Há certos verbos em inglês que exigem uma atenção especial. São os auxiliares conhecidos como
defectivos, anômalos ou simplesmente modais. São eles: CAN, COULD, MAY, MIGHT, SHALL,
SHOULD, OUGHT TO, MUST, MUSTN‟T E NEEDN‟T. Apresentam as seguintes características comuns:

 São seguidos do verbo principal no infinitivo sem o TO. Exceção: OUGHT TO.
 Não tem formas de particípio ou infinitivo. Se preciso, são substituídos por expressões verbais de
sentido equivalente.
 Não levam “S” na 3ª pessoa do singular do presente. Portanto, a mesma forma é usada para todas
as pessoas.
 Formam a interrogativa e a negativa da mesma forma que o verbo TO BE.

Abaixo segue a tabela com os respectivos modais:

MODAL EXPRESSA TEMPO FORMA SUBSTITUÍDA


Pres.
Habilidade
CAN Fut. To be able to (capacidade)
Capacidade
COULD Pass. To be allowed to
Permissão informal
Cond.

Possibilidade Pres.
MAY
Permissão formal Fut.
To be possible
Pres. To be allowed to (permissão)
Possibilidade mais
MIGHT Pass.
remota
Cond.
Indicar futuro
SHALL Fut. What do you think of?
Pedir opinião
Conselho
SHOULD Pres.
Recomendação To be advised to
OUGHT TO Fut.
forte

Obrigação
MUST Dedução
Conclusão lógica
Pres.
MUSTN‟T Proibição Have to
Fut.

Não obrigação
NEEDN‟T
Não necessidade

CAN (poder, saber, ter capacidade ou aptidão para): Indica habilidade em se fazer alguma coisa,
capacidade, permissão ou pedido informal. É igual a TO BE ABLE quando indica capacidadade. Tem como
forma negativa CANNOT = CAN‟T. Para formar a interrogativa basta invertê-lo com o sujeito da frase:

Superman CAN fly, but we CAN’T.


This machine CAN work non-stop for hours.
CAN I help you?
CAN I smoke here?
20

COULD (podia, poderia): é o passado e condicional do verbo CAN. Pode ser usado na interrogativa como
forma de fazer pedidos educados:

COULD you bring me a glass of water, please?

Forma negativa: COULD NOT = COULDN‟T.

They COULDN’T help the old man.

MAY (poder, ter licença ou permissão para). É usado em linguagem mais formal para fazer pedidos (= TO
BE ALLOWED TO). Indica também a possibilidade de certa ação ocorrer. Sua forma negativa é MAY
NOT.

MAY I come in, teacher?


It MAY rain tomorrow.
They MAY NOT come.

MIGHT: (poder) Indica a possibilidade de a ação ocorrer, no entanto com intensidade menor, mais fraca:

It MIGHT rain tomorrow.

SHALL: Assim como WILL, é o auxiliar do futuro. No entanto é apenas usado com as primeiras pessoas (I
e We):

I SHALL be late tomorrow. (= I WILL be late tomorrow)


I think we SHALL win. (= I think we WILL win)

Pode também ser usado para pedir uma opinião. Nesse caso equivale a um implícito “você acha que é
uma boa idéia...”

It’s warm today. SHALL I open the window?


SHALL I phone you this evening? Yes, please.

SHOULD/OUGHT TO (dever, deveria): Expressam conselho, recomendação forte, obrigação moral. Formas
negativas: SHOULDN‟T (should not) e OUGHTN‟T TO (ought not to):

You SHOULD stop smoking. We SHOULD help the poor.


You OUGHT TO stop smoking. You OUGHTN’T TO say that to him.

MUST (dever, ter que): expressa obrigação, no presente e no futuro (= HAVE TO ou HAVE GOT TO):

We MUST go to the bank today. We haven’t got any money.


MUST I clean the windows too? Yes, they are very dirty.

MUST NOT = MUSTN‟T: Expressa proibição:

Children MUSTN’T play with matches.


You MUSTN’T touch the pictures.
21

NEEDN‟T: expressa a não necessidade; não é preciso fazer isso:

I NEEDN’T clean the windows. They aren’t dirty.


You NEEDN’T go to the bank today. I can give you some money.

Você também pode dizer:

I DON’T NEED to clean the windows...


You DON’T NEED to go to the bank...

LESSON 11

DEGREES OF ADJECTIVES - COMPARATIVE FORM

Na tabela abaixo temos os graus de comparação dos adjetivos:

COMPARATIVO - Comparar um ser com outro.


Inferioridade Igualdade Superioridade
Adjetivos de uma sílaba e/ou duas sílabas terminadas em
less...than Afirmativas: as...as = (tão quanto)
(y), (er), (lê) e (ow): ...er than
(menos do que) Negativas: not (as/so)...as
Adjetivos de duas ou mais sílabas: more...than (mais do que)

O comparativo de inferioridade é formado utilizando-se a estrutura LESS + adj. +THAN:

This car is LESS expensive THAN that one.

Obs.: Também se usa LESS antes de substantivos incontáveis. Ex.: less oil. (menos
petróleo). Porém, se substantivo for contável, deve se usar FEWER. Ex.: fewer roads
(menos estradas).

O comparativo de igualdade é formado com AS + adj. + AS ou SO (AS) + adj. +AS (este último apenas
para as frases negativas):

Peter is AS intelligent AS Homer.


Italy is not SO rich AS France.

O comparativo de superioridade é formado dependendo do número de sílabas do adjetivo. Se este tiver


apenas uma sílaba e/ou duas terminadas em (Y), (ER), (LE) e (OW) recebem a desinência ER THAN. Com
palavras de duas ou mais sílabas usamos MORE...THAN.

This blouse is shortER THAN that blue one (short – só uma sílaba).
The house is MORE expensive THAN the apartment. (expensive – várias sílabas)

 Às palavras acabadas em Y após consoante o Y muda para “i” antes de acrescentar ER.
 As palavras acabadas em Y após vogal, apenas acrescente ER.
 Com adjetivo monossilábico terminado em E, acrescente penas R.
 Se as ultimas três letras forem CVC (consoante - vogal - consoante) dobre a ultima letra e acreste
ER THAN.

She´s luckiER THAN her brother. (Ela é mais sortuda que o irmão)
She was gayER THAN her sister. (Ela era mais alegre que sua irmã)
He is braveR THAN you. (Ele é mais bravo que você)
Cristina is sadDER THAN Carla. (Cristina é mais triste que Carla).
22

Observações:

Alguns comparativos são irregulares:

Good (bom) – Better than


Bad (mau) – Worse than
ill (doente) – Worse than
Much (muito, a) – More than
Many (muitos, as) – More than
Little (pouco) – Less than
Little (pequeno) – Smaller than
Few (poucos) – Fewer than
Far (longe) – Farther than

A conjunção THAN só é necessária se o outro termo da comparação aparecer na sentença.

DEGREES OF ADJECTIVES - SUPERLATIVE FORM

SUPERLATIVO - Comparar um ser com um grupo.


Superioridade Inferioridade
the...est / the most.... (o mais) the least... (o menos)

O superlativo de superioridade é formado acrescentando-se THE...EST aos adjetivos de uma sílaba e/ou
de suas terminadas em (Y), (ER), (LE) e (OW) e THE MOST... para os de duas ou mais sílabas:

Brian is THE richEST boy in the city. (rich – uma só sílaba)


They are THE MOST important people in this city. (important – várias sílabas)

O superlativo de inferioridade é formado com THE LEAST...

Willy is THE LEAST old of the group.

Observações:

 Todas as regras especiais do grau comparativo de superioridade também aparecem aqui com os
adjetivos monossilábicos.
 Y após consoante muda em “i”; os dissilábicos em ER, LE e OW recebem THE...EST; os CVC
dobram a ultima letra antes do EST.
 Lembre-se dos irregulares e dos que acabam em Y:

Good (bom) – The Best


Bad (mau) – The Worst
ill (doente) – The Worst
Much (muito, a) – The Most
Many (muitos, as) – The Most
Little (pouco) – The Least
Little (pequeno) – The Smallest
Few (poucos) – The Fewest
Far (longe) – The Farthest
Easy fácil) - The Easiest
23

A estrutura THE + COMPARATIVO DE SUPERIORIDADE... THE + COMPARATIVO DE SUPERIORIDADE


corresponde a quanto mais (menos)... mais (menos):

THE HARDER you work, THE MORE you earn.


THE MORE I try, THE WORSE it gets.
THE LESS you speak, THE LESS it’ll ache.

Atenção aos seguintes adjetivos que, devido a seu próprio significado, não aceitam comparação:

perfect – unique – full – empty – daily

AUMENTO GRADUAL

Tall = alta
TallER = mais alta
tallER and tallER = cada vez mais alta.

She is getting / becoming taller and taller.


Ela esta ficando cada vez mais alta.

Beautiful = bonita
More beautiful = mais bonita
More and more beautiful = cada vez mais bonita

She is getting more and more beautiful.


Ela esta ficando cada vez mais bonita.

AUMENTO PARALELO

The tallER, the better!


Quanto mais alto, melhor.

The coldER, the worse!


Quanto mais frio, pior.

The deepER, the more dangerous!


Quanto mais fundo, mais perigoso.

LESSON 12

PRESENT PERFECT

Tempo verbal composto com o auxiliar TO HAVE + past participle (particípio passado) do verbo principal.
O particípio passado dos verbos regulares em inglês é formado acrescentando-se ED, enquanto os verbos
irregulares têm uma forma própria:

Like  liked (verbo regular)


Run  Run (verbo irregular)
24

PRESENT PERFECT DO VERBO COMER (IRREGULAR) EM INGLÊS


Positive Negative Interrogative
I have eaten I have not eaten Have I eaten?
You have eaten You have not eaten Have you eaten?
He has eaten He has not eaten Has he eaten?
She has eaten She has not eaten Has she eaten?
It has eaten It has not eaten Has it eaten?
We have eaten We have not eaten Have we eaten?
You have eaten You have not eaten Have you eaten?
They have eaten They have not eaten Have they eaten?

Observações:

Na afirmativa, as formas contraídas do auxiliar TO HAVE são: I’VE, YOU’VE, HE’S, SHE’S, IT’S, WE’VE,
YOU’VE, THEY’VE. Não confunda as formas das 3ª pessoas do singular que acabam em “S” com as
contrações do verbo TO BE que têm a mesma forma. O contexto dirá qual forma está sendo usada.

Na negativa, as formas contraídas são HAVEN‟T e HASN‟T.

As short answers são formadas com o auxiliar HAVE:

-HAVE you ever been abroad?


-Yes, I HAVE.
-No, I HAVEN’T.

USOS DO PRESENT PERFECT

Expressar uma ação que aconteceu num passado recente, porém não determinado. O importante não é
quando algo aconteceu, mas a comunicação do fato em si e os seus reflexos no momento presente:

I HAVE paintED the room.

Uma ação que acabou de acontecer, caso em que se usa o advérbio JUST. Outros advérbios comumente
usados neste caso são ALREADY, YET, EVER, NEVER:

He HAS just arrivED.


He HAS already paintED the room.
HAS she washED the car yet?
You HAVEN’T washED the car yet.
HAVE you ever BEEN to Moscow?
I HAVE never BEEN to Moscow.
25

Expressar uma ação repetida em várias ocasiões de um passado indeterminado:

I HAVE LOST my keys several times.

Indicar que uma certa ação ou estado tem se desenvolvido desde (SINCE...) certo momento do passado, ou
há certo tempo (FOR...), até o momento presente. Ação que começou no passado e continua até o
momento presente:

Brazil HAS BEEN a Republic SINCE 1889.


Brazil HAS BEEN a Republic FOR more than one hundred years.
Mary’S learnED ballet SINCE she was a child.

LESSON 13

DIFERENÇAS ENTRE O PRESENT PERFECT E O SIMPLE PAST

O simple past é usado com alguma palavra/expressão que denote tempo definido, tais como
YESTERDAY, IN 1945, LAST YEAR, etc.

I saw Paula yesterday.


We didn´t have a holiday last year.

Também se usa o simple past com os interrogativos WHEN e WHAT TIME:

When did you go?


What time did she arrive?

E com a palavra AGO:

They met 5 years ago.

Se não houver tempo definido, use o present perfect:

HAVE you ever SEEN a camel?


HAS she GOT dressed yet?
26

LESSON 14

PRESENT PERFECT CONTINUOUS

Tempo verbal formado com:

TO HAVE + particípio passado do verbo TO BE + verbo principal no gerúndio (ING):


I have been doing

Indica que uma certa ação ou estado iniciado no passado continua se desenrolando no momento presente.
É comum, nesse caso, expressar também desde quando (SINCE...) ou há quanto tempo (FOR...) essa
ação está se desenvolvendo:

It has been raining since yesterday evening. (Está chovendo desde ontem à noite – a ação
começou no passado e ainda está se desenvolvendo).

Às vezes o Present Perfect e o Present Perfect Continuous são equivalentes:

They’ve lived here for ten years. (Eles moram aqui há dez anos)
They’ve been living here for ten years. (Eles estão morando aqui há dez anos).

Em alguns casos indicam idéias bem diferentes:

I have painted the room. (O quarto está pintado. Ação completa)


I have been painting the room. (O quarto ainda está sendo pintado. Ação em andamento)

LESSON 15

PAST PERFECT

Tempo verbal formado pelo auxiliar TO HAVE + past participle do verbo principal. Expressa uma ação que
aconteceu antes de outra no passado simples (de duas ações passadas é a que acontece em primeiro
lugar). É comum vir acompanhado de conjunções como BEFORE, AFTER, WHEN:

When I called up Sue, Ralph HAD just LEFT. (Isto é, Ralph saiu antes de eu chamar Sue.)
They HAD already cookED dinner before I got there with a pizza. (isto é, o jantar já estava pronto
quando cheguei com a pizza)

Veja o seguinte exemplo:

Sarah arrived at the party.

Este é o ponto de partida da nossa história. Se quisermos falar de coisas que aconteceram antes desse
tempo, usamos o past perfect:

When Sarah arrived at the party, Paul HAD already GONE home. (Paul foi embora para a casa
antes de Sarah chegar a festa.)
27

LESSON 16

PAST PERFECT CONTINUOUS

Formado com HAD + BEEN + verbo principal com ING. Enfatiza a duração ou repetição da ação até
determinado tempo no passado. É comum vir acompanhado de advérbios como FOR, WHEN¸ AFTER:

It was 8:00 pm and she was tired because she HAD BEEN workING for ten hours.
Yesterday morning I got up and looked out of the window.The sun was shining but the ground was
very wet. It HAD BEEN rainING.

Atenção para não confundir past continuous com past perfect continuous:

When I met Sarah, I saw she WAS cryING


(ela estava chorando quando a encontrei)

When I met Sarah, I saw she HAD BEEN cryING


(ela não estava mais chorando, mas deu para perceber que estivera chorando antes).

LESSON 17

FUTURE

O tempo futuro em inglês pode ser expresso de várias formas:

Com o auxiliar WILL seguido de infinitivo sem o TO. Esta construção também é comum com palavras
como MAYBE, PERHAPS, PROBABLY, I THINK.... A forma contraída de WILL é ‟LL. Perguntas são feitas
invertendo-se WILL e o sujeito enquanto as negativas com o simples acréscimo de NOT. WILL NOT =
WON‟T:

Sue travels a lot. She’s in Madrid today. She WILL BE in Rome tomorrow. Next week she’LL BE
in Tokyo.
You cannot phone me this evening. I WILL NOT (=won’t) BE at home.
Leave the old bread in the garden. The birds WILL probably EAT it.
I think Diana WILL PASS the exam.

Não se usa WILL para coisas ou situações que já foram decididas ou planejadas. Nesse caso deve-se usar
TO BE + GOING TO ou o PRESENT CONTINUOUS:

I am GOING TO buy some books tomorrow. (Eu já decidi, até deixei o dinheiro reservado para isso)
I am not GOING TO have breakfast this morning. I am not hungry.
Are you GOING TO invite John to your party?
I AM not workING tomorrow. (present continuous)
Mary IS playING tennis with Julia tomorrow. (present continuous)

Se estiver claro ou houver fortes indícios de que a ação vai acontecer, use GOING TO:

Look at those black clouds in the sky. It’s GOING TO rain!


Oh shit! It’s 9:00 o’clock now and the meeting is at 9:15. I am GOING TO be late!
28

O future continuous é formado com WILL + BE + verbo principal com ING. Indica uma ação que estará
se desenvolvendo em algum ponto do futuro:

They WILL BE leavING for Australia next month.


I WILL BE readING this text in my English class tomorrow morning.

O Future Perfect é formado com WILL + HAVE + verbo principal no particípio passado. Expressa uma
ação que terá sido feita em algum ponto do futuro:

Classes WILL HAVE finishED by Christmas.

WOULD é o auxiliar do condicional em inglês. Pode ser o passado de WILL em alguns casos ou então ter
um uso idiomático. É seguido do infinitivo sem o TO:

He said he WOULD VISIT his family at Christmas.


(Ele disse que visitaria a família no Natal).

I WOULD BE with you now if he hadn’t made that mistake.


(Eu estaria com você agora se ele não tivesse feito aquela trapalhada.)

WOULD you LIKE to come with us?


(gostaria de vir conosco? – Nesse caso é usado para fazer convites)

O condicional perfeito é formado com WOULD + HAVE +verbo principal no past participle. Usado em
orações condicionais (IF CLAUSES) ou como o passado de WOULD:

I WOULD HAVE helpED you if I had time.


(Teria te ajudado se tivesse tempo).

I WOULD HAVE BEEN there if you had asked me to.


(eu teria ido lá se você tivesse pedido).

WILL e WOULD também são usados para fazer pedidos. WOULD é mais formal que WILL:

WILL you open the door, please? (Você quer abrir a porta, por favor?)
WOULD you open the door, please? (poderia fazer o favor de abrir a porta?)
29

LESSON 18

IMPERATIVE

O imperativo afirmativo em inglês, usado para dar ordens ou fazer pedidos, é formado com o infinitivo sem o
TO para todas as pessoas, exceto a 1ª pessoa do plural que usa o auxiliar LET US = LET‟S. O imperativo
negativo é formado acrescentando-se o auxiliar DO NOT = DON‟T ou LET US NOT =LET‟S NOT:

GO home! (Vá pra casa!)


COME here please! (venham aqui por favor!)
Please DON’T GO! (por favor não vá!)
DON’T kill him! (não mate-o!)
LET’S have some fun! (vamos nos divertir!)
LET’S NOT disturb him. (não o atrapalhemos)
The light is green, LET’S cross the street. (O sinal está verde, vamos atravessar a rua)

LESSON 19

INFINITIVE AND GERUND

O infinitivo é a forma original do verbo tal qual se encontra num dicionário. Pode aparecer na frase com ou
sem o “to”. O gerúndio é o verbo com a terminação ING.

O infinitivo com “TO” é de uso mais amplo aparecendo após a grande maioria dos verbos, adjetivos,
advérbios, nomes, pronomes, etc:

I Expect TO BE there.
This car is hard TO PARK.
She knows where TO FIND the keys.

Também pode indicar propósito, finalidade:

They went there TO BUY something = They went there in order TO BUY something.

Use o infinitivo sem o “TO”:

 após modal verbs (CAN, COULD, MUST, etc.)


 após os auxiliares DO-DOES-DID-WILL-WOULD
 após HAD BETTER, WOULD RATHER, RATHER THAN
 após as preposições BUT e EXCEPT: She did nothing but complain.
 após os verbos MAKE e LET: You make me feel brand new.
Let me help you!

O gerúndio é usado como substantivo nas funções de sujeito, objeto direto ou objeto indireto.
APÓS PREPOSIÇÃO USE SEMPRE O GERÚNDIO:

SWIMMING is his favourite sport.


He LIKES swimmING.
They were prevented FROM swimmING.
30

É usado também após os verbos GO e COME indicando atividade física, e na expressão GO SHOPPING:

We’re GOING ridING this afternoon.


When are you GOING SHOPPING? As soon as we get our salary.

Sempre use o gerúndio após os verbos abaixo:

Admit Understand
Avoid Excuse
Appreciate Finish
Consider Keep
Delay Mention
Fancy Mind
Deny Miss
Detest Practice
Dislike Resist
Enjoy Risk
Escape Quit

Da mesma forma com os verbos de percepção:

Feel See
Observe Notice
Hear Watch

Atente para o uso das seguintes expressões abaixo. Algumas vêm acompanhadas de infinitivo (com ou
sem o “to”), outras de gerúndio:

 HAD BETTER (’D BETTER): é melhor, seria melhor - sem o “TO” (expressa conselho).

You’D BETTER tell me the truth.


HAD she BETTER try again?
You’D BETTER not leave late.

 WOULD RATHER (‟D RATHER): preferir.

We’D RATHER stay home.


WOULD you RATHER watch tv?
I’D RATHER not see her now.

 USED TO: costumava; indica ação habitual no passado:

I USED TO love you.


Did he USE TO play tennis as a child?
They didn’t USE TO go to the movies.

 BE USED TO / BE ACCUSTOMED TO / GET USED TO: estar acostumado a – são sempre


seguidas de gerúndio porque o “TO”, no caso, é preposição:

We’RE USED TO getting up late.


31

 CAN‟T HELP: não poder deixar de – sempre seguida de gerúndio:

I CAN’T HELP fallING in love.

 TO BE WORTH / WORTHWHILE: valer a pena.

It WAS WORTH listening to him.

LESSON 20

IF CLAUSES

CONDITIONAL - TYPE 1

1 O CONDITIONAL TYPE 1 emprega-se para exprimir uma condição muito provável no presente ou no
futuro.

2 A forma básica do CONDITIONAL TYPE 1 é:

IF + PRESENT + WILL

Isto é,
IF + PRESENT SIMPLE + FUTURE SIMPLE

Exemplo:

IF he COMES, I WILL show him the book.


Se ele vier, mostrar-lhe-ei o livro.

3 Além da utilização do PRESENT SIMPLE na oração condicional IF-CLAUSE, pode-se também empregar
a seguir ao IF:

(a) outras formas verbais no presente:

PRESENT “BE”
PRESENT “THERE + BE”
PRESENT SIMPLE
IF + + FUTURE SIMPLE
PRESENT CONTINUOUS
PRESENT PERFECT SIMPLE
PRESENT PERFECT CONTINUOUS

Exemplos:

IF I AM hungry, I WILL let you know.


Se eu estiver com fome, avisar-lhe-ei.

IF THERE IS a problem, I WILL call you.


Se houver algum problema, chamar-lhe-ei.

IF you LEAVE early, you WILL catch the train.


Se saíres cedo, apanharás o comboio.
32

IF she IS NOT studyING right now, I WILL tell her off.


Se ela não estiver a estudar neste momento, vou brigar com ela.

IF he HAS DONE the homework, I WILL buy him an ice cream.


Se ele tiver feito os trabalhos de casa, comprar-lhe-ei um sorvete.

IF you HAVE BEEN studyING for hours, you WILL need a rest.
Se tens andado a estudar durante horas, precisarás de descanso.

(b) e verbos modais CAN e MUST:

CAN
IF + + FUTURE SIMPLE
MUST

Exemplos:

IF I CAN come to the party, I WILL let you know.


Se eu puder vir à festa, avisar-lhe-ei.

IF I MUST stay at home, I WILL give you a ring.


Se eu tiver que estar em casa, telefonar-lhe-ei.

4 Além da utilização do FUTURE SIMPLE na oração principal MAIN CLAUSE, pode-se também empregar:

(a) outras formas verbais no futuro:

FUTURE “GOING TO”


FUTURE SIMPLE
IF + PRESENT SIMPLE + FUTURE CONTINUOUS
FUTURE PERFECT SIMPLE
FUTURE PERFECT CONTINUOUS

Exemplos:

IF the weather IS fine tomorrow, I am GOING TO play tennis.


Se o tempo estiver bom amanhã, vou jogar tênis.

IF I SEE her, I WILL tell her.


Se eu a vir, dir-lhe-ei.

IF I GO to the disco tomorrow, I WILL BE dancING all night long.


Se eu for à discoteca amanhã, ficarei a dançar durante toda a noite.

IF you don't HURRY, the train WILL HAVE LEFT before you get there.
Se não apressares, o comboio terá partido antes de tu lá chegares.

IF I STAY in this country till next year, I WILL HAVE BEEN livING here for five years.
Se eu permanecer neste país até o ano que vem, fará cinco anos a minha permanência
aqui.
33

CONDITIONAL - TYPE 1A

1 Uma variante do CONDITIONAL TYPE 1 - aqui designada por TYPE 1a - é empregue para exprimir uma
condição que é sempre verdadeira ou habitual.

2 Esta variante tem a forma de:

IF + PRESENT SIMPLE + PRESENT SIMPLE


Exemplos:

IF you DROP an egg, it BREAKS.


Se deixares cair um ovo, ele parte-se.

IF water FREEZES, it EXPANDS.


Se a água congelar, ela expande-se.

IF you MIX red and yellow, you GET orange.


Se misturares o vermelho e o amarelo, tens a cor laranja.

IF the wind BLOWS from the south, the living room IS very cold.
Se o vento soprar do sul, a sala de estar fica muito fria.

IF someone KNOCKS on the door, he never ANSWERS it.


Se alguém bater à porta, ele nunca vai ver quem lá está.

CONDITIONAL - TYPE 1B

1 Uma variante do CONDITIONAL TYPE 1 - aqui designada por TYPE 1b - é empregue para exprimir uma
condição muito provável no presente ou no futuro.

2 Esta variante tem a forma de:

PRESENT “BE”
PRESENT “THERE + BE”
PRESENT SIMPLE
IF + + IMPERATIVE
PRESENT CONTINUOUS
PRESENT PERFECT SIMPLE
PRESENT PERFECT CONTINUOUS

Exemplos:

IF you ARE hungry, HAVE a sandwich.


Se estiveres com fome, come um sanduíche.

IF THERE IS a problem, CALL me.


Se houver algum problema, chama-me.

IF you SEE her, SAY hello for me.


Se a vires, manda-lhe os meus cumprimentos.

IF it IS rainING, TAKE an umbrella.


Se estiver a chover, leva o chapéu de chuva.
34

IF he HAS Done the homework, BUY him an ice cream.


Se ele tiver feito os trabalhos de casa, compra-lhe um sorvete.

IF you HAVE BEEN studyING for hours, TAKE a rest.


Se tens andado a estudar durante horas, descansa.

CONDITIONAL - TYPE 1C

1 Uma variante do CONDITIONAL TYPE 1 - aqui designada por TYPE 1c - é empregue para dar conselho
ou permissão, exprimir uma possibilidade ou capacidade, fazer uma sugestão, etc.

2 Esta variante tem a forma de:

IF + PRESENT + MODAL
Isto é,

CAN
PRESENT “BE”
COULD
PRESENT “THERE + BE”
MAY
PRESENT SIMPLE
IF + + MIGHT
PRESENT CONTINUOUS
SHOULD
PRESENT PERFECT SIMPLE
OUGHT TO
PRESENT PERFECT CONTINUOUS
MUST

Exemplos:

Capacidade: IF YOU GIVE me a hand, we CAN both lift the box.


Se me deres uma ajuda, podemos os dois levantar o caixote.

Sugestão: IF YOU LIKE, we COULD go to the cinema.


Se quiseres, podemos ir ao cinema.

Permissão: IF IT STOPS raining, you MAY go out.


Se parar de chover, podes sair.

Possibilidade: IF the weather GETS worse, they MAY not come. (the weather = it)
Se o tempo piorar, eles poderão não vir.

Possibilidade: IF John IS at loggerheads with Mary, he MIGHT not come to the party.
Se o João estiver em desavença com a Maria, ele poderá não vir à festa.

Conselho: IF YOU ARE sick, you SHOULD see a doctor.


Se estás doente, deves consultar um médico.

Conselho: IF SHE IS tired, you OUGHT TO help her.


Se ela está cansada, deves ajudá-la.

Obrigação: IF you HAVEN'T DONE the washing-up, you MUST do it now.


Se ainda não lavaste a louça, terás de o fazer agora.
35

CONDITIONAL - TYPE 1D

1 Uma variante do CONDITIONAL TYPE 1 - aqui designada por TYPE 1d - é empregue para exprimir uma
condição cuja ação, embora possível, é pouco provável.

2 Esta variante tem a forma de:

IF + SHOULD + IMPERATIVE

E é freqüentemente utilizada:

(a) para fazer um pedido, ou sugestão, de uma forma delicada


(b) na escrita.

NOTA: Na oração principal MAIN CLAUSE, é também possível utilizar a forma WILL, embora esta é pouco
freqüente, por ex., IF + SHOULD + WILL.

Exemplos:

IF you SHOULD require anything, DO NOT hesitate to contact me.


Se precisar de qualquer coisa, não hesite em contactar-me.

IF you SHOULD come to Portugal, VISIT Sintra.


Se vier a Portugal, visite Sintra.

3 Da mesma variante existe uma outra forma ainda mais formal:

SHOULD + IMPERATIVE

Isto é, na oração condicional IF-CLAUSE:

(a) o IF é suprimido
(b) o SHOULD e o sujeito são invertidos.

Esta forma é freqüentemente utilizada na escrita.

Exemplos:

SHOULD you require anything, DO NOT hesitate to contact me.


Se precisar de qualquer coisa, não hesite em contactar-me.

SHOULD you come to Portugal, VISIT Sintra.


Se vier a Portugal, visite Sintra.
36

CONDITIONAL - TYPE 1E

1 Uma variante do CONDITIONAL TYPE 1 - aqui designada por TYPE 1e - é empregue para aconselhar,
ameaçar, fazer um pedido, subornar, etc.

2 Esta variante tem a forma de:

IMPERATIVE + CONJUNCTION + WILL

isto é,

AND
OR SHALL
IMPERATIVE + +
OR ELSE WILL
OTHERWISE

Exemplos:

Suborno: EAT this, AND I'LL give you an ice cream.


Come isto, e eu dou-te um sorvete.

isto é,
If you eat this, I'll give you an ice cream.
Se comeres isto, dou-te um sorvete.

Pedido: HELP your mother, OR she'LL be late.


Ajuda a tua mãe, senão ela atrasa-se.

isto é,
If you don't help your mother, she'll be late.
Se não ajudares a tua mãe, ela atrasa-se.

Ameaça: DO the homework, OR ELSE you WON'T go to the cinema.


Faz os trabalhos de casa, senão não vais ao cinema.

isto é,
If you don't do the homework, you won't go to the cinema.
Se não fizeres os trabalhos de casa, não vais ao cinema.

Conselho: WEAR some warm clothes, OTHERWISE you'LL catch a cold.


Veste alguma roupa quente, senão apanhas uma constipação.

isto é,
If you don't wear some warm clothes, you'll catch a cold.
Se não vestires alguma roupa quente, apanhas uma constipação.

3 Repare na diferença entre os dois exemplos seguintes:

IF you EAT the cake, and I'LL smack you.


Se comeres o bolo, dou-te uma palmada.

EAT the cake, OR I'LL smack you.


Come o bolo, senão dou-te uma palmada.
37

CONDITIONAL - TYPE 2

1 O CONDITIONAL TYPE 2 emprega-se para exprimir uma condição pouco provável, ou impossível, no
presente ou no futuro.

2 A forma básica do CONDITIONAL TYPE 2 é:

IF + PAST + WOULD

isto é,

IF + PAST SIMPLE + WOULD + Base do Verbo

Exemplos:

IF I HAD the money, I WOULD give it to you.


Se eu tivesse o dinheiro, dar-to-ia.

IF I HAD a car, I WOULDN'T need to come by train.


Se eu tivesse um carro, não precisaria de vir de trem.

IF we SAVED £1000, we WOULD have enough to buy a new car next year.
Se poupássemos £1000, teríamos o suficiente para comprar um carro novo no próximo ano.

CONDITIONAL - TYPE 2A

1 Uma variante do CONDITIONAL TYPE 2 - aqui designada por TYPE 2a - é empregue para exprimir uma
condição pouco provável, ou impossível, no presente ou no futuro.

2 Esta variante tem a forma de:


IF + PAST 'BE' + WOULD

Isto é,

(WAS)
IF + + WOULD + Base do Verbo
WERE

A forma WERE é utilizada em todas as pessoas do singular e do plural. É também empregue em todas as
situações formais e na escrita.

Em linguagem informal, a forma WAS é por vezes empregue, mas somente com I, HE, SHE, IT.

Exemplos:

IF I WERE you, I WOULD call the police.


Se eu fosse o senhor, eu chamaria a polícia.

IF he WERE here, things WOULD be different.


Se ele estivesse aqui, as coisas seriam diferentes.

IF the car WEREN'T so expensive, I WOULD buy it.


Se o carro não fosse tão caro, eu comprá-lo-ia.
38

CONDITIONAL - TYPE 2B

1 Uma variante do CONDITIONAL TYPE 2 - aqui designada por TYPE 2b - é empregue para exprimir uma
condição cuja consequência é pouco provável, ou quando a mesma consequência se refere a habilidade,
possibilidade, etc.

2 Esta variante tem a forma de:

IF + PAST + MODAL
isto é,

COULD
IF + PAST + + Base do Verbo
MIGHT

Exemplos:

IF Mary WERE here now, we COULD play chess.


Se a Maria estivesse aqui, poderíamos jogar xadrez.

IF he HAD a visa, he COULD go to the United States.


Se ele tivesse um visto, poderia ir ao Estados Unidos.

IF you ASKED her to marry you, she MIGHT say yes.


Se a pedisses em casamento, ela poderia dizer que sim.

IF he WERE here, he MIGHT give us a hand.


Se ele estivesse aqui, poderia dar-nos uma ajuda.

CONDITIONAL - TYPE 2C

1 Uma variante do CONDITIONAL TYPE 2 - aqui designada por TYPE 2c - é empregue para exprimir uma
condição pouco provável no futuro e reforçar a idéia de dúvida.

2 Esta variante tem a forma de:

IF + PAST 'BE TO' + MODAL

isto é,

SHOULD
(WAS TO) WOULD
IF + + Base do Verbo + + Base do Verbo
WERE TO COULD
MIGHT

WERE TO é a forma mais utilizada em todas as pessoas do singular e do plural. É também empregue em
todas as situações formais.

WAS TO é empregue em linguagem informal, e é somente utilizado com I, HE, SHE, IT.

Exemplos:

IF I WERE TO lend you my car, WOULD you promise to be careful with it?
Se eu lhe emprestasse o meu carro, prometeria ser cuidadoso com ele?
39

IF you WERE TO ask her to marry you, she MIGHT say yes.
Se o senhor a pedisse em casamento, ela poderia dizer que sim.

IF we WERE TO save £1000, we WOULD have enough to buy a new car next year.
Se poupássemos £1000, teríamos o suficiente para comprar um carro novo no próximo ano.

3 Da mesma variante, existe uma outra forma ainda mais formal:

PAST 'BE TO' + MODAL

Isto é,

SHOULD
WOULD
WERE + Sujeito + TO + Base do Verbo + + Base do Verbo
COULD
MIGHT

isto é, na oração condicional IF-CLAUSE:

(a) o IF é suprimido
(b) o WERE e o sujeito são invertidos.

NOTA: Não se emprega WAS TO nesta variante mais formal.

Exemplos:

WERE I TO lend you my car, WOULD you promise to be careful with it?
Se eu lhe emprestasse o meu carro, prometeria ser cuidadoso com ele?

WERE you TO ask her to marry you, she MIGHT say yes.
Se o senhor a pedisse em casamento, ela poderia dizer que sim.

WERE you TO save £1000, we WOULD have enough to buy a new car next year.
Se poupássemos £1000, teríamos o suficiente para comprar um carro novo no próximo ano.

CONDITIONAL - TYPE 3

1 O CONDITIONAL TYPE 3 emprega-se para exprimir uma condição hipotética no passado, cuja
consequência nunca ocorreu, ou nunca poderá ocorrer, porque a condição nunca se concretizou no
passado.

2 A forma básica do CONDITIONAL TYPE 3 é:

IF + PAST PERFECT + WOULD HAVE

Isto é,

IF + PAST PERFECT SIMPLE + WOULD HAVE + Particípio Passado


40

Exemplos:

IF I HAD studIED, I WOULD HAVE passed the exam.


Se eu tivesse estudado, teria passado o exame.

IF it HADN'T rainED, I WOULD HAVE gone fishing.


Se não tivesse chovido, eu teria ido à pesca.

IF he HAD DRIVEN carefully, he WOULDN'T HAVE had an accident.


Se ele tivesse conduzido cuidadosamente, não teria tido o acidente.

3 Além da utilização do PAST PERFECT SIMPLE na oração condicional IF-CLAUSE, pode-se também
empregar a seguir ao IF, a forma contínua:

IF + PAST PERFECT CONTINUOUS + WOULD HAVE + Particípio Passado

Exemplos:

IF he HADN'T BEEN studyING, I WOULD HAVE told him off.


Se ele não tivesse andado a estudar, eu teria ralhado com ele.

IF she HAD BEEN wearING a seat belt, she WOULDN'T HAVE been injured so seriously.
Se ela tivesse andado com o cinto de segurança, não teria sido ferida tão gravemente.

4 Da mesma forma básica do CONDITIONAL TYPE 3, existe uma outra forma mais formal:

PAST PERFECT + WOULD HAVE + Particípio Passado

Isto é, na oração condicional IF-CLAUSE:

(a) o IF é suprimido
(b) o HAD e o sujeito são invertidos.

NOTA: Não se aplica a forma contraída dos verbos na negativa devido ao elevado grau de formalidade.

Exemplos:

HAD he not DRIVEN carefully, he WOULD HAVE had an accident.


Se ele não tivesse conduzido cuidadosamente, teria tido o acidente.

HAD I BEEN informed earlier, I WOULD HAVE taken all the necessary measures.
Se eu tivesse sido informado mais cedo, teira tomado todas as medidas necessárias.

HAD she BEEN wearing a seat belt, she WOULD NOT HAVE been injured so seriously.
Se ela tivesse andado com o cinto de segurança, não teria sido ferida tão gravemente.
41

CONDITIONAL - TYPE 3A

1 Uma variante do CONDITIONAL TYPE 3 - aqui designada por TYPE 3a - é empregue para exprimir uma
condição hipotética no passado, cuja conseqüência nunca ocorreu, ou nunca poderá ocorrer, porque a
condição nunca se concretizou no passado.

2 Esta variante tem a forma de:

COULD
IF + PAST PERFECT + MIGHT + HAVE + Particípio Passado
SHOULD

Exemplos:

Possibilidade: IF I HAD studIED, I MIGHT HAVE passed the exam.


Se eu tivesse estudado, poderia ter passado o exame.

Habilidade: IF the box HADN'T BEEN so heavy, I COULD HAVE lifted it easily.
Se o caixote não estivesse tão pesado, eu teria conseguido levantá-lo facilmente.

Permissão: IF little Tom HADN'T BEEN naughty at school, he COULD HAVE gone home
earlier.
Se o pequeno Tom tivesse comportado bem na escola, poderia ter ido para casa
mais cedo.

Dever: IF he HAD SEEN her, he SHOULD HAVE told her.


Se ele a tivesse visto, deveria ter-lhe dito.

LESSON 21

RELATIVE CLAUSES

O pronome QUE, com função de sujeito:

antecedente (pessoa) + WHO / THAT + verbo


antecedente (coisa ou animal) + WHICH / THAT + verbo

Exemplos:

The girl WHO / THAT read the palm of my hand yesterday was a gypsy.
People WHO / THAT are deaf are often victims of language prejudice.
The road WHICH / THAT leads to the country is paved.
The horse WHICH / THAT won the race is famous.

No caso de ser sujeito da oração, o pronome relativo QUE usado em referência a uma pessoa é de
preferência WHO; THAT é menos usado.
42

O pronome QUE, com função de objeto do verbo:

antecedente (pessoa) + WHOM / THAT / WHO + sujeito + verbo


antecedente (coisa ou animal) + WHICH / THAT + sujeito + verbo

Exemplos:

The writer WHOM / THAT they admire is J. Joyce.


The telegram WHICH / THAT I received today has brought me very good news.

Quando o pronome relativo é objeto do verbo, podemos empregar:

1. THAT, com qualquer antecedente.


2. WHOM, para pessoas.
3. WHO, para pessoas em linguagem informal.
4. WHICH, para coisas ou animais.
5. podemos omitir o pronome. Atenção: Depois de PREPOSIÇÃO não se usa THAT. Usa-se: WHOM
(para pessoas) e WHICH (para coisas ou animais).

Exemplos:

The girl about WHOM you are talking is my niece.


The table on WHICH you put your shoes cost 300 dollars.

O pronome relativo CUJO(S), CUJA(S):

Para indicar idéia possessiva usa-se WHOSE, para qualquer antecedente.

Pessoa, coisa, animal + WHOSE + substantivo + verbo

Exemplos:

I once met a worker WHOSE fingers had been cut off by a machine.
A crocodile is a reptile WHOSE teeth are very sharp.

Uso dos pronomes WHAT e WHICH, significando O QUE:

WHAT: a coisa, o que, tudo aquilo que.

Introduz uma oração e não é precedido de vírgula.

Exemplo:

Picasso painted WHAT he wished.


43

WHICH: o que, e isto.

É usado depois da vírgula e se refere a toda a oração anterior.

Exemplo:

The thief said he had found the jewel on the floor, WHICH of course was a big lie.

Pronomes relativos usados em orações explicativas (são aquelas que acrescentam mais informação sobre
o antecedente, já definido, e são dispensáveis. Elas vêm separadas da oração principal por meio de
vírgulas e nelas não se pode usar THAT nem fazer a omissão do pronome).

Antecedente (pessoa) Who Whom Whose


Antecedente (coisa ou animal) Which Which Whose

Exemplos:

Uncle Gus, WHO must be over sixty, still dances quite well.
Abraham Lincoln, WHOM almost everybody admires, was a great man.
Bernard Shaw, WHOSE best play was “Pygmalion”, was a good writer.
Science and Charity, WHICH depicts a sickbed scene, is a famous picture.
My dictionary, WHICH I bought ten years ago, is still the best one available.
Pigeons, WHICH most people like, can be a nuisance.

Atenção:

THAT é o ÚNICO pronome relativo usado após SUPERLATIVOS e palavras como: SOME, ANY, NO,
EVERYTHING, MUCH, LITTLE, ONLY, ALL.

Exemplos:

He is THE BEST doctor THAT I know.


She is THE ONLY woman THAT loves you.

PRONOMES INDEFINIDOS

São os pronomes, que embora sejam invariáveis, mudam de função de acordo com a forma da frase em
que forem usadas.

Interrogative Form

ANY = algum, alguma


ANYBODY = alguém
ANYONE = alguém
ANYTHING = alguma coisa

Ex:
Is there ANYTHING that you want?
Is there ANYONE / ANYBODY here?
Do you have ANY English book to me?
44

NOTE:

Nesta forma o pronome ANY tem a tradução: alguma, algum. Embora quando aparecer em frases
AFIRMATIVAS a tradução será: QUALQUER.

Ex: I have ANYTHING to eat now?

Affirmative Form

SOME = algum, alguma


SOMEBODY = alguém
SOMEONE = alguém
SOMETHING = alguma coisa

Ex:

SOMEBODY wants to speak with you.


I see SOME toys in that box.
You have SOMETHING to my sister.
SOMEONE left this letter here.

NOTE:

SOME pode aparecer em PERGUNTAS. Neste caso terá o sentido de OFERECIMENTO, CONVITE ou
como SUGESTÃO. DESDE QUE A RESPOSTA SEJA AFIRMATIVA.

Ex:

Do you want to speak with SOMEBODY? Yes, I want.


Would you like SOME coffee ? yes, I would like.

Negative Form

NO ANY = nenhum, nenhuma


NO ANYBODY = ninguém
NOT ANYONE = ninguém
NOBODY = ninguém
NOT anything = nada
NOTHING = nada

Neste caso uma frase ou oração negativa pode admitir apenas uma negação. Por isso uma frase negativa
pode ser expressa de duas formas.

1. se o verbo já estiver na forma negativa pode-se usar ANY.

Ex: there isn’t ANY piece of cake here.

2. o pronome não aparece se o verbo estiver na forma afirmativa.

Ex: there is no piece of cake here.


45

Logo, uma frase negativa pode ser expressa das seguintes formas:

Ex: She don’t speak with ANYBODY. Ou She speaks with NOBODY.

Outras expressões que causam confusão são:

NO = no sentido de nenhum, nenhuma e


NONE = também com sentido de nenhum, nenhuma.

A diferença entre eles será:

1. NO = deve ser usado sempre seguido de substantivo.

Ex: You have NO toy.


They buy NO car.

2. NONE = não deve ser seguido de substantivo. Porque seu objetivo na oração é substituir o próprio
substantivo.

Ex: Do you have any book? I have NONE.


I bought a new blouse, but my sister bought NONE.

NOTE:

Esta expressão NONE OF = nenhum de, pode ser usada em três situações:

1. quando for seguida de pronomes objetos.

Ex: NONE OF yours came here yesterday.

2. quando vier seguido the + nome no plural.

Ex: I don’t see NONE OF the girls there.

3. com adjetivos possessivos + substantivo no plural.

Ex: NONE OF our friends went to the beach.

Memorize também estes Advérbios Indefinidos

SOMEWHERE = em algum lugar


ANYWHERE = em algum lugar, em nenhum lugar, em qualquer lugar
NOWHERE = em nenhum lugar
46

PRONOMES INDEFINIDOS II

MUCH Muito,a
LITTLE Pouco, a
A LITTLE Algum, a Só podem ser usados com
SO MUCH Tanto, a substantivos incontáveis.
TOO MUCH Demais
HOW MUCH Quanto, a
MANY Muitos, as
FEW Poucos, as
A FEW Alguns, as Só podem ser usados com
SO MANY Tantos, as substantivos contáveis.
TOO MANY Demais
HOW MANY Quantos, as

 MUCH: pode ser substituído por: A LOT OF, LOTS OF, A LOT, PLENTY OF, A GREAT DEAL OF.
 MANY: pode ser substituído por: A LOT OF, LOTS OF, A LOT, PLENTY OF, A GREAT NUMBER OF.

PRONOMES INTERROGATIVOS

WHO = Quem (pergunta pelo sujeito). ANTES do verbo principal.


WHOM = Quem (pergunta pelo objeto). ANTES do verbo auxiliar.
WHITCH = O qual, quais, (escolha, seleção).
WHOSE = De quem (pergunta pelo dono). Geralmente seguido do substantivo.
WHAT = O que, qual (sentido geral). Também pergunta pelas profissões.
HOW = Como...?
WHY = Por que...?
BECAUSE = Porque (na resposta).
WHEN = Quando...?
WHERE = Onde...?
HOW OLD = Que idade...?
HOW TALL = Que altura…? (pessoas).
HOW HIGH = Que altura...? (coisas).
HOW FAR = Que distância...?
HOW BIG = Que tamanho...?
HOW DEEP = Que profundidade...?
HOW LONG = Quanto tempo...?; Que comprimento...?
HOW OFTEN = Com que freqüência...?
HOW MUCH = Quanto, a (incontáveis)...?
HOW MANY = Quantos, as (contáveis)...?

CLICK

WHAT FOR? = Para que? Por quê?

WHAT + TO BE + SUJEITO + LIKE? = Como é…?

What is she like? She’s tall, blonde and very shy.


Como ela é? Ela é alta, loura e muito tímida.

WHAT + TO DO + SUJEITO + LOOK LIKE? = Como é, como se parece…?

What does he look like? He’s short, bald and looks like his father.
Como ele é, com quem ele se parece? Ele é baixo, careca e se parece com o pai.
47

LESSON 22

PREPOSITIONS

Preposições são palavras usadas com nomes para mostrar sua relação com outras palavras da sentença.
A seguir, apresentamos as principais preposições em inglês e seu uso:

Time Place
Meses: In January Cidades: In London
Anos, séculos: in 1995 Estados: In Arkansas
In Estações: in winter Países: in Nicaragua
Partes do dia: in the morning, in the
Continentes: In Asia
afternoon, in the evening
Dias da semana: on Sunday
Datas (mês +dia): on April the 3rd Ruas, avenidas, praças: on
On
Portugal Avenue
Determinadas datas: On Christimas day

Endereços (rua +número): at


Horas: at 7
456 Lincoln St.
At
Lugares públicos: at the club,
Certos feriados: At Christmas
at the airport, at a party

Na dúvida, as sugestões abaixo podem ajudá-lo a resolvê-la, mas lembre-se: o uso nem sempre segue a
regra geral.

Use IN para indicar “dentro de alguma coisa”:

In the box
In the fridge
In a shop
In a garden
In France

Use ON para indicar contato:

On a shelf
On a plate
On the grass

Use AT para indicar um lugar definido. Nesse caso, seu sentido é o de “junto a”, “na”:

At the bus stop


At the top
At the bottom
48

Outras preposições:

ABOUT: sobre, a respeito de:


Tell me about your life.
ABOVE: acima de:
John’s apartment is above Mara’s.
ACROSS: através de, do outro lado:
The dog swam across the river.
AFTER: depois de:
She always arrives after 9 o’clock.
AGAINST: contra:
The motorbike was against the wall.
AMONG: entre (vários):
The pencil was among the books.
AROUND: em volta de:
They travelled all around the world.
BEFORE: antes de:
She never arrives before 7 o’clock.
BEHIND: atrás de:
Tim is behind Peter.
BELOW: abaixo de:
Mara lives below John.
BESIDE: ao lado de:
The earphones are beside the monitor.
BESIDES: além de:
Besides English, she can also speak Russian.
BETWEEN: entre (dois):
He was sitting between the two old ladies.
BEYOND: além de:
The valley is beyond the mountains.
BUT: exceto:
Everybody went to the party, but Philip.
BY: por, junto, ao lado de:
Let’s rest by the fireplace.
They live by the sea.
DOWN: abaixo, para baixo
UP: acima, para cima
Their house is halfway down/up the hill
DURING: durante:
He was in the army during the war.
FOR: a favor de:
Who’s not for us is against us.
FOR: por, para, há (tempo):
The train for Moscow leaves at noon.
Fresh air is good for health.
They’ve lived here for ages.
FROM: de (origem):
Where are you from?
IN FRONT Of: na frente de:
Peter is in front of Tim.
INSIDE / OUTSIDE: dentro de/fora de:
Let the dog sleep inside / outside the house.
INSTEAD Of: em vez de:
You should be studying instead of playing video-games.
INTO: para dentro, em:
The cars disappeared into the mist.
LIKE: como:
What’s that like?
49

NEAR: perto de:


The post office is near the cathedral.
OFF: para fora (de uma superfície):
Marky fell off his bike.
OUT Of: para fora de:
Take these books out of the box.
OVER: sobre, acima de, por cima de:
There were over 1.000 people in the concert
Throw the stone over the wall
SINCE: desde:
I’ve known her since 1995.
THROUGH: através de:
The soldiers walked through the forest.
TILL/UNTIL: até (tempo):
The book won’t arrive till tomorrow.
TO: para:
People say that Teresa will go to France next week.
TOWARDS: para, em direção a:
The nasty boy threw the stone towards the window.
UNDER: em baixo de:
the cat lays under the bed.
WITH/WITHOUT: com/sem:
Go with us!
I can’t live without you.
WITHIN: dentro de:
The noise came from within the stable.
AS FAR AS: até, distância:
He walked as far as the club.
(Ele caminhou até o clube.)

Observações:

Assim como em português, em inglês também temos regência verbal. Assim, preste atenção aos seguintes
verbos e às preposições regidas por eles:

Accuse of
Aim at
Apologise to somebody for
Apply for (a job)
Approve of
Ask for
Believe in
Blame somebody/something for
Break into
Bump into
Care about
Care for
Collide with
Concentrate on
Congratulate someone on/ compliment someone on
Consist of
Crash into
Cut into
Depend on
Die of
Divide into
Drive into
Explain/Describe something to somebody
Fill with
50

Glance at
Happen to
Have a discussion about
Have a look at
Insist on
Invite someone to (a party)
Laugh at
Leave a place for another place
Listen to
Live on
Look at
Look for
Pay for
Prefer one thing/person to another
Protect somebody/something from (ou against)
Provide with
Read about
Rely on
Run into
Search for
Smile at
Speak to somebody
Specialise in
Spend money on
Split into
Stare at
Succeed in
Suffer from
Supply with
Suspect of
Take care of
Talk about
Talk to somebody
Tell somebody about
Thank somebody for –forgive somebody for
Translate (a book) from one language into another
Wait for
Write (a letter) to

Alguns verbos têm regência com mais de uma preposição, porém com mudança de significado:

Hear about (ouvir sobre)


Hear of (saber que algo ou alguém existe)
Remind somebody about (dizer para alguém não se esquecer)
Remind somebody of (fazer alguém se lembrar de algo)
Shout at somebody (quando se está nervoso)
Shout to (para que nos ouçam)
Throw at somebody / something (para acertá-los)
Throw something to somebody (para que alguém pegue)

Atenção também à regência de alguns substantivos e adjetivos:

A cause of
A increase / decrease / rise / fall in
A need for
A photograph / picture / map / plan / drawing of
A reason for
51

An advantage / disadvantage of
Angry/annoyed / furious about something
Angry/annoyed / furious with somebody for doing something
Damage to
Delighted / pleased / satisfied / disappointed with something
Excited / worried / upset / nervous / happy about something
Fed up / bored with
Invitation to
Nice / kind / good / generous / polite / cruel of (somebody doing something)
Nice / kind / good / generous / polite / cruel to somebody
Relationship / contact / connection with
Solution / answer / key / reply / reaction to
Sorry about something
Sorry for doing something
Surprised / shocked / amazed / astonished at / by something

LESSON 23

PASSIVE VOICE

Usamos a voz passiva em inglês quando destacamos a ação do verbo em si, o objeto que recebe a ação. A
pessoa que praticou a ação – o agente – fica em segundo plano e freqüentemente não é mencionado.
Prefere-se a voz passiva, por exemplo, na linguagem impessoal, quando não interessa o agente ou ele é
indefinido, ou desconhecido, ou óbvio. A voz passiva é formada em inglês com o auxiliar TO BE + past.
participle do verbo principal. Veja a tabela abaixo:

TEMPO VERBAL VOZ ATIVA VOZ PASSIVA


Simple present take / takes is / are taken
Simple past took was / were taken
Present Continuous am / is / are taking am / is / are being taken
Past continuous was / were taking was / were being taken
Simple Future will take will be taken
Simple conditional would take would be taken
Present perfect have / has taken have / has been taken
Past perfect had taken had been taken
Modal auxiliary can / could / must / etc... modal + be + past. part.

Exemplos:

VOZ ATIVA VOZ PASSIVA


My father is a builder. He builds the house. The house is built (by my father).
My father built the house. The house was built.
My father is building the house. The house is being built.
My father was building the house. The house was being built.
My father will build the house. The house will be built.
My father would build the house. The house would be built.
My father has built the house. The house has been built.
My father had built the house. The house had been built.
My father could build the house. The house could be built.
52

Compare estes outros exemplos:

Somebody cleans this room everyday.


This room is cleaned everyday.

Martin washed his car yesterday.


His car was washed yesterday.

The maid will do the dishes later.


The dishes will be done later.

The room looks nice. Somebody has put it away.


It has been put away.

The room looked nice. Somebody had put it away.


It had been put away.

She is making a cornmeal cake now.


The cornmeal cake is being made now.

She was making the cornmeal cake when I arrived.


The cornmeal cake was being made when I arrived.

Observações:

Verbos com dois objetos podem ter duas construções na passiva:

They asked me many questions.


I was asked many questions.
Many questions were asked to me.

Em português não se faz voz passiva com verbos transitivos indiretos. Em inglês, porém, isso é bastante
comum:

Someone is shooting at him.  He’s been shot at.


The manager called off the meeting.  The meeting was called off.

Muitas frases em inglês começam com sujeito indeterminado (Dizem que...; espera-se que...; acredita-se
que...) especialmente com verbos como SAY, THINK, KNOW, EXPECT, BELIEVE, REPORT, HOPE,
PRESUME, PROVE, UNDERSTAND, CONSIDER, etc. Quando isso acontecer, teremos duas formas na
passiva:

(Voz ativa) They believe that the old castle is haunted.


(Voz passiva) 1. It is believed that the old castle is haunted.
2. The old castle is believed to be haunted.

 No primeiro caso o pronome It será o sujeito da passiva.


 No segundo caso o sujeito da oração subordinada será o sujeito da voz passiva. O verbo da oração
subordinada passa para o infinitivo com “TO” ou para o infinitivo perfeito (TO HAVE + PAST.
PART.). O infinitivo perfeito é usado quando o tempo do verbo da oração subordinada for anterior
ao tempo do verbo da oração principal:

People say that he had too many enemies.


He is said to have had too many enemies.
53

LESSON 24

DIRECT AND INDIRECT SPEECH

No discurso direto, nós temos as palavras exatamente como são ditas pela pessoa que fala e geralmente
indicadas entre aspas ou travessão. No discurso indireto, quando relatamos as palavras ditas por alguém,
mantemos o mesmo significado, mas com uma forma diferente. SAY e TELL são os verbos usados nesse
tipo de estrutura. Veja nas tabelas a seguir as principais mudanças a serem feitas para converter o discurso
direto em indireto:

MUDANÇA NOS TEMPOS VERBAIS


DISCURSO DIRETO DISCURSO INDIRETO
Simple Present Simple Past
Present Continuous Past Continuous
Simple Past Past Perfect
Present Perfect Past Perfect
Simple Future Simple Conditional
Simple Conditional Conditional Perfect
May Might
Can Could
Past Continuous Past Continuous
Past Perfect Past Perfect
Could Could
Might Might
Should Should
Ought Ought

Exemplos:

Ringo SAID, “I STUDY hard to pass my exams”.


Ringo SAID he studiED hard to pass his exams.

Anthony SAID “I AM goING downtown now”.


Anthony SAID he WAS goING downtown then.

Emilia SAID “I DIDN’T buy that dog!”


Emilia SAID she HADN’T BOUGHT that dog.

I SAID “I HAVE livED here for ages”.


I SAID I HAD livED there for ages.

The boys SAID to his friends “we’LL WIN the match!”


The boys TOLD his friends that they WOULD WIN the match.

I SAID to my girlfriend “love CAN tear us apart”.


I TOLD my girlfriend that love COULD tear us apart.
54

Observações:

O verbo SAY é usado tanto no discurso direto quanto no indireto e pede a preposição TO quando
acompanha o objeto indireto. O verbo TELL é usado apenas no discurso indireto, sem preposição. A
conjunção THAT é opcional.

OUTRAS MUDANÇAS
DISCURSO DIRETO DISCURSO INDIRETO
here there
now then
today that day
tomorrow the next day (the following day)
yesterday the day before (the previous day)
last week the week before
ago before
this/these that/those

Observações:

As perguntas indiretas têm estrutura afirmativa aparecendo com verbos como ASK, KNOW, WONDER,
TELL, WANT TO KNOW:

The boss WANTS TO KNOW where the files are.


Could you TELL me where I can take a taxi?
Mom’s ASKING if you’ve got a pencil.

LESSON 25

WORD ORDER

O inglês é muito mais rígido que o português quando o assunto é a ordem de colocação das palavras na
sentença. Por isso, preste muita atenção às seguintes características:

 Numa sentença afirmativa, em inglês, a ordem natural é SUJEITO + VERBO + COMPLEMENTOS.


Nas interrogativas os pronomes interrogativos vêm antes dos verbos auxiliares e estes vêm antes
do sujeito; nas negativas os verbos auxiliares vão depois dele:

What do you like?


Do you like pizza?
I like pizza.
I don’t like pizza.

 As posições para os advérbios são: I. antes do verbo. II. No final da frase. III. No começo da frase.
Isso sempre vai depender de suas características:

It often snows at Christmas in Russia.


Authorized personnel only.
Sometimes I think I’m crazy.

 Os adjetivos, salvo raras exceções, precedem os substantivos a que se referem:

That yellow ball is ours.


Have you seen my lovely cat?
55

 No inglês informal e em certas estruturas, as preposições vêm no final da frase:

Who were you talking to?


She’s just been operated on.

 Quando houver phrasal verbs, os pronomes objetos devem vir entre o verbo e a preposição. Com
os substantivos duas posições são possíveis:

Turn down the radio. ou Turn the radio down.


Turn it down.

 Objetos diretos e indiretos vão após o verbo. Quando o verbo puder ser seguido pelos dois (give,
send, por exemplo) duas ordens de colocação são possíveis:

I love my car!
He’ll never approve of our relationship.
Give that book to me! Ou Give me that book.

 Às vezes colocamos o verbo antes do sujeito em frases que não são interrogativas para dar ênfase,
ou em poesia:

Here comes the sun...

LESSON 26

ALSO - TOO - AS WELL - EITHER

ALSO = também. É usado em sentenças afirmativas e interrogativas.

a) antes do verbo principal:

she also sings. (Ela também canta)

b) após o verbo TO BE e outros auxiliares.

She is also a Singer. (Ela também é uma cantora)


They have also gone away. (Eles também foram embora)
They can also dance samba. (Eles também sabem dançar samba)

TOO = também. É usado em sentenças afirmativas e interrogativas. Sempre no final da sentença.

I am a teacher too. (Sou professora também)


Does she sing too? (Ela também canta?)

AS WELL = a expressão “as well” é equivalente a “too”, isto é, aparece no final de frases interrogativas e
positivas.

Nancy speaks Spanish too / as well. (Nancy fala Espanhol também)


56

EITHER = também. É usado no final de sentenças negativas.

I don’t like to smoke either.

Very Important !

TOO será usado sempre no final da frase. Se vier em outro lugar, será traduzido como (MUITO, DEMAIS).

She is too old. (Ela está velha demais)

LESSON 27

ADVÉRBIOS

Advérbios: Posição na Frase.

Em inglês, nunca se deve separar o verbo de seu complemento pelo advérbio.

He opened the letter quickly. (Ele abriu a carta rapidamente)


v c adverb.

Se houver vários advérbios, usamos a ordem da MULATA, isto é, Modo, Lugar e Tempo:

He sang well at the party yesterday.


M L T

They sang beautiful at the show last night. (Eles cantaram lindamente no show a noite passada)
M L T

Last night they sang beautiful at the show. (ênfase)

Com verbos de movimento, a ordem deverá ficar alterada para Lugar, Modo e Tempo (LAMUTA).

She went to the club by car yesterday. (Ela foi de carro ao clube)
L M T

Se houver vários advérbios de tempo ou de lugar, estes deverão ser colocados na ordem crescente.
th
She was Born at 10 o’clock on a Monday, on June 15 in 1990.
(Do mais específico para o mais geral)

NOTE: Quando tivermos mais de um advérbio de modo, o menor será usado antes.

She walked slowly and carefully. (Ela caminhou lenta e cuidadosamente)


57

LESSON 28

GÊNERO DOS SUBSTANTIVOS

Forma-se o feminino da maior parte das palavras, acrescentando-se o sufixo ESS ao masculino.

MASCULINO FEMININO
Poet Poetess
Tiger Tigress
Prince Princess

FEMININOS IRREGULARES

MASCULINO FEMININO
Sir Madam
Gentleman/lord Lady
King Queen
Bachelor Spinster
Monk (monge, frade) Nun
Male Female
Father Mother
Son Daughter
Brother Sister
Uncle Aunt
Nephew Niece
Husband Wife
Bridegroom Bride
Widower Widow
Dog Bitch
Horse Mare
Bull (touro) Cow
Cock Hen

FEMININO DE PALAVRAS COMPOSTAS

MASCULINO FEMININO
Manservant Maid
Boyfriend Girlfriend
Peacock Peahen
He-goat She-goat

Obs: As coisas inanimadas pertencem ao gênero neutro, ( navio ) que também pode ser considerado
feminino com exceção de "ship"
58

LESSON 29

QUESTION TAGS (affirmative - affirmative)

É bastante freqüente o falante empregar o verbo na afirmativa na question tag quando o verbo na oração
principal estiver na afirmativa. O falante reage ao que ouve, manifestando-se assim o seu interesse,
surpresa, decepção, desaprovação, ou uma outra reação.

Entoação ascendente na question tag – interesse, surpresa.

Example Significado
So you're going to the cinema, are you? Então vais ao cinema!
So you're getting married, are you? Então vais casar!
So you can play chess, can you? Então sabes jogar xadrez!

Entoação descendente na question tag – decepção, desaprovação.

Example Significado
So you're going to the cinema, are you? Então vais ao cinema?
So you're getting married, are you? Então vais casar?

QUESTION TAGS (affirmative - negative)

Quando o verbo na oração principal estiver na afirmativa, o verbo na question tag é normalmente empregue
na negativa:

Exemplo: It's easy, isn't it?

Quando o verbo na oração principal é BE, emprega-se o mesmo na question tag:

Example Significado
I'm late, aren't I? (1) Estou atrasado, não estou?
You're sick, aren't you? Estás doente, não estás?
He's angry, isn't he? Ele está zangado, não está?
It's hot, isn't it? Está calor, não está?
They're tall, aren't they? São altos, não são?
I was late, wasn't I? Estive atrasado, não estive?
You were there, weren't you? Estiveste lá, não estiveste?
He was here, wasn't he? Ele esteve aqui, não esteve?
It was cold, wasn't it? Estava frio, não estava?
They were here, weren't they? Estiveram aqui, não estiveram?
(1)
note a diferença entre os dois verbos (am, are) na 1ª pessoa do singular - aqui é uma excepção

Quando o verbo na oração principal é THERE+BE, emprega-se o mesmo na question tag (mas em forma
invertida):

Example Significado
There's a lot of hunger in the world, isn't there? Há muita fome no mundo, não há?
There are a lot of people, aren't there? Está muita gente, não está?
There was something wrong, wasn't there? Houve alguma coisa de errado, não houve?
There were a lot of people, weren't there? Estavam muitas pessoas, não estavam?
59

Quando o verbo na oração principal é precedido por um verbo auxiliar, emprega-se este último na question
tag:

Example Significado
You're joking, aren't you? Estás a brincar, não estás?
She can swim, can't she? Ela sabe nadar, não sabe?
He'll be here, won't he? Ele estará cá, não estará?
He has finished, hasn't he? Ele acabou, não acabou?
You would do it, wouldn't you? Tu farias, não farias?
There has been a lot of rain, hasn't there? Tem caido muita chuva, não tem?

Quando o verbo na oração principal é precedido por mais que um verbo auxiliar, emprega-se sempre o
primeiro dos auxiliares na question tag:

Example Significado
He's going to do it, isn't he? Ele vai fazê-lo, não vai?
You've been running, haven't you? Estiveste a correr, não estiveste?

Quando o verbo(2) na oração principal não é precedido por um verbo auxiliar, emprega-se DO, DOES ou
DID na question tag:

Example Significado
You remember, don't you? Lembras-te, não te lembras?
She likes it, doesn't she? Ela gosta, não gosta?
They saw him, didn't they? Eles viram-no, não viram?
(2)
exceto BE e THERE+BE

QUESTION TAGS (imperatives)

Quando o verbo na oração principal estiver no imperativo, é freqüente empregar o verbo auxiliar WILL na
question tag. Esta forma é normalmente empregue para pedir a alguém para fazer algo:

Example Significado
Shut up, will you? Podes calar-te?
Turn on the light, will you? Podes acender a luz?
Open the door, will you? Podes abrir a porta?

Existe outras formas possíveis para as question tags quando o verbo na oração principal estiver no
imperativo. Os verbos auxiliares podem ser WON'T, WOULD, CAN, CAN'T, SHALL:

Example Significado
(1)
Close the window, would you? Podes fechar a janela?
(2)
Sit down, won't you? Sente-se!
Shut up, can't you? Não podes calar-te?
(3)
Let's go, shall we? Vamos?
(1)
Esta é a forma mais delicada que WILL.
(2)
Esta forma serve para convidar alguém para fazer algo.
(3)
Esta forma é empregue com LET'S para sugestões.
60

QUESTION TAGS (intonation v. meaning)

Em inglês, quando empregamos a entoação ascendente na question tag significa que não temos a certeza
da resposta. A última palavra (em letras maiúsculas nos exemplos) na question tag é acentuada à medida
que a entoação na question tag vai subindo:

Example Significado
He likes swimming, doesn't HE? Ele gosta de nadar, não gosta?
He doesn't like swimming, does HE? Ele não gosta de nadar, gosta?

Quando empregamos a entoação descendente na question tag significa que temos quase a certeza de que
a resposta que nos virá a ser dada é aquela que pensamos ser. A primeira palavra (em letras maiúsculas
nos exemplos) na question tag é acentuada à medida que a entoação na question tag vai descendo:

Example Significado
He likes swimming, DOESN'T he? Ele gosta de nadar, não gosta?
He doesn't like swimming, DOES he? Ele não gosta de nadar, gosta?

NOTA: É bastante freqüente os estudantes portugueses da língua inglesa terem muita dificuldade em
empregar a entoação descendente devido à influência da sua língua materna.

QUESTION TAGS (negative - affirmative)

Quando o verbo na oração principal estiver na negativa, o verbo na question tag é normalmente empregue
na afirmativa:

Exemplo: It isn't difficult, is it?

Quando o verbo na oração principal é BE, emprega-se o mesmo na question tag:

Example Significado
I'm not late, am I? Não estou atrasado, estou?
You aren't sick, are you? Não estás doente, estás?
He isn't rich, is he? Ele não é rico, é?
It isn't hot, is it? Não está quente, está?
They aren't poor, are they? Não são pobres, são?
I wasn't late, was I? Não estive atrasado, estive?
You weren't there, were you? Não estiveste lá, estiveste?
He wasn't here, was he? Ele não esteve aqui, esteve?
It wasn't cold, was it? Não estava frio, estava?
They weren't here, were they? Não estiveram aqui, estiveram?
61

Quando o verbo na oração principal é THERE+BE, emprega-se o mesmo na question tag (mas em forma
invertida):

Example Significado
There isn't enough rain in some parts of the Não há chuva suficiente em algumas partes do
world, is there? mundo, há?
There aren't a lot of people here today, are Não há muita gente aqui hoje, há?
there?
There wasn't anything wrong, was there? Não houve nada de errado, houve?
There weren't a lot of people, were there? Não haviam muitas pessoas, haviam?

Quando o verbo na oração principal é precedido por um verbo auxiliar, emprega-se este último na question
tag:

Example Significado
You aren't joking, are you? Não estás a brincar, estás?
She can't swim, can she? Ela não sabe nadar, sabe?
He won't be here, will he? Ele não estará cá, estará?
He hasn't finished, has he? Ele não acabou, acabou?
You wouldn't do it, would you? Não farias, farias?
There hasn't been a lot of rain, has there? Não tem caído muita chuva, tem?
You don't remember, do you? Não te lembras, lembra?
She doesn't like it, does she? Ela não gosta, gosta?
They didn't see him, did they? Eles não o viram, viram?

Quando o verbo na oração principal é precedido por mais que um verbo auxiliar, emprega-se sempre o
primeiro dos auxiliares na question tag:

Example Significado
He isn't going to do it, is he? Ele não vai fazê-lo, vai?
You haven't been running, have you? Não estiveste a correr, estiveste?

QUESTION TAGS (negative - negative)

É rara a utilização do verbo na negativa na question tag quando o verbo na oração principal estiver na
negativa. Esta utilização é normalmente empregue para exprimir agressividade:

Example Significado
So he won't give me my money back, won't Então ele não vai me devolver o dinheiro, não
he? vai?
So you're not going to study, aren't you? Então não vai estudar, não vai?

QUESTION TAGS (nothing, somebody, etc.)

Emprega-se IT na question tag quando o sujeito do verbo na oração principal for NOTHING ou
EVERYTHING:

Example Significado
Nothing is the same, is it? Nada é igual, é?
Everything is fine, isn't it? Está tudo bem, não está?
62

Emprega-se THEY na question tag quando o sujeito do verbo na oração principal for SOMEBODY,
ANYBODY, NO ONE, NOBODY, etc.:

Example Significado
Somebody broke the vase, didn't they? Alguém quebrou o vaso, não quebrou?
I don't think anyone will go, will they? Acho que ninguém vai, vai?
No one wants to go, do they? Niguém quer ir, quer?

LESSON 30

CONJUNCTIONS

Além do IF, as seguintes conjunções podem também ser empregues para introduzir as orações condicionais
IF-CLAUSEs, apesar das mesmas nem sempre terem o mesmo significado que IF:

Exemplos:

AS LONG AS (desde que)

As long as you have a valid driving licence, you can drive anywhere you like in the country.
Desde que tenhas uma carta de condução válida, podes conduzir em qualquer parte que quiseres
neste país.

ASSUMING (that) (supondo que; admitindo que)

Assuming (that) you are wrong about it, what will you do?
Supondo que estejas enganado sobre isso, o que vais fazer?

EVEN IF (mesmo que)

Even if I had the money, I would still not buy the house.
Mesmo que eu tivesse o dinheiro, não compraria a casa.

IF ONLY (se pelo menos; se ao menos)

If only I had the money.


Se eu ao menos tivesse o dinheiro.

IN CASE (no caso de; para o caso de)

Take your umbrella in case it rains.


Leva o teu chapéu de chuva para o caso de chover.

ON CONDITION (that) (com a condição de que; só se)

I'll go to the cinema with you on condition (that) you let her come with us.
Só vou contigo ao cinema se a deixares vir connosco.
63

PROVIDED (that) (desde que)

Provided (that) you leave early, you'll catch the train.


Desde que saias cedo, apanharás o comboio.

PROVIDING (that) (desde que)

Providing (that) your mother doesn't complain, I'll take you to school.
Desde que a tua mãe não se queixe, levo-te à escola.

SO LONG AS (desde que)

You can go out with your friends so long as you come back home by 10 o'clock.
Podes sair com os teus amigos desde que voltes para a casa antes das 10.

SUPPOSE (that) (supondo que)

Suppose (that) he doesn't come, what will you do?


Supondo que ele não vem, o que farás?

SUPPOSING (that) (supondo que)

Supposing (that) he asks you to marry him, what will you say?
Supondo que ele te peça em casamento, o que vais dizer?

UNLESS (a menos que; a não ser que)

Unless you help her, she won't be able to do the exercise.


A não ser que tu ajudes, ela não conseguirá fazer o exercício.

WHETHER OR NOT (quer...quer não; quer queira, quer não)

Whether you like it or not, eat it.


Quer gostes quer não, come-o.

WORDS OF CONNECTION

Words of connection são conjunções, advérbios, preposições, locuções, etc., que servem para estabelecer
uma relação lógica entre frases e idéias. Em português essas palavras são chamadas de articuladores ou
palavras conectivas. O uso correto destas palavras confere solidez ao argumento e conseqüentemente
elegância ao texto.

As listas abaixo se constituem numa ajuda decisiva para quem compõe um texto em inglês, independente
do nível de capacidade do redator.
64

Os conectivos, mais freqüentemente usados, são:

Em primeiro lugar, ... / Para começar, ... First of all, ... / In the first place, ... / To begin with, ...

De acordo com ... According to ...

Principalmente ... Especially ... / Mainly ...

A principal razão ... / O principal motivo ... The main reason ...

A partir de agora ... / De agora em diante ... From now on ...

Por enquanto (passado) ... / Até agora ... So far ... / Up till now ...

Por enquanto (futuro) ... / Até que mude de


... for some time. / ... for a while. / For the time being ...
idéia.

Ainda não ... ... not ... yet.

Nesse meio tempo, ... / Enquanto isso, ... In the meantime, ... / Meanwhile, ...

Em meio a ... In the midst of ...

Via de regra ... As a rule ...

Sempre que ... Whenever ...

À medida em que o tempo passa, ... As time goes by, ...

A propósito, por falar nisso, ... By the way, … / Speaking of that, …

Pelo que eu sei, … / Pelo que me consta, … As far as I know, … / As far as I can tell, … / To the best of
/ Que eu saiba, … my knowledge, …

No que se refere a mim, … / No que diz


As far as I'm concerned, …
respeito a mim, …

Do ponto de vista de … From the standpoint of …

Sem dúvida … Without a doubt …/ Of course …

Da mesma forma que … In the same way that …

De maneira (forma) que … So that … / In order that …

Desde que … As long as …

Em outras palavras, … / O que eu quero


In other words, … / What I'm trying to say ... / That is, …
dizer ... / Quer dizer, … / Ou seja, …

Por um lado, … On the one hand, …

Por sua vez, ... In his/her/its turn, ...

Por outro lado, … / Em compensação, … On the other hand, …

Da mesma forma, … / Por seu turno … Likewise …


65

Enquanto que … / Ao passo que … While … / Whereas …

Entretanto, … / No entanto, … However, …

Embora … / Mesmo que … Although … / Even though … / Even if …

Em último caso, … As a last resort, …

Mesmo assim, … Nevertheless, … / Still, …

Apesar de … In spite of … / Despite …

Além disto, … Besides that, … / In addition to that, …

Não apenas …, mas também … Not only …, but also …

Afora isso, … Aside from that, …

Pelo menos … At least …

De qualquer modo, … / Seja como for, … Anyway, … / At any rate, … / In any case, …

Senão … / Caso contrário … / Sob pena de


Otherwise … / Or else ...
...

Ao contrário de … Unlike …

Em vez de … / Ao invés de … Instead of … / In place of …

A não ser que … Unless …

A não ser por … / Com exceção de … Except for …

Uma vez que … / Já que … Since …

Afinal … After all …

Por exemplo, … For example, … / For instance, …

Em função de … / Devido a … In face of … / Due to …

Por esta razão, … / Neste sentido … / Desta


forma, … / Diante do exposto, … / Levando For this reason, … / With this in mind, …
isto em consideração, …

Portanto, … Therefore, … / So, …

Finalmente, … / Por fim, … Finally, … / At last, …

Levando tudo isso em consideração, … / Em


All things considered, … / Finally, … / In summary, …
resumo, …

A coesão de um texto depende muito da relação entre as orações que formam os períodos e os parágrafos.
Os períodos compostos precisam ser relacionados por meio de conectivos adequados, se não quisermos
torná-los incompreensíveis!
66

LESSON 31

AS / LIKE

Similaridade: Podemos usar AS ou LIKE para dizermos que coisas são similares.

LIKE é uma preposição, devendo ser usada, portanto, antes de um nome ou pronome:

You look like a friend of mine. (e não ...as a friend...)


It’s like a joke.

Usamos LIKE para darmos exemplos:

She’s good at some sports, like basketball. (e não as basketball)

AS é uma conjunção, devendo, desse modo, ser usado antes de uma frase ou de uma expressão iniciada
com preposição:

Nobody swins as I do.


We play soccer, as they do in Brazil.
On Friday, as on Thursday, I met her.

Porém, informalmente, LIKE é usado, ao invés de AS:

Nobody swins like I do.

FUNÇÃO

Usamos AS, e nunca LIKE, para expressarmos a função que algo/alguém exerce:

He worked as a teacher before moving to England. (e não like a teacher)


Don’t use your front yard as a waste basket. (e não like a waste basket)

LESSON 32

IT TAKES + TIME

O verbo TO TAKE seguido por uma expressão de tempo, indica duração que uma determinada ação leva
para ser executada.

Ex.: IT TAKES time to learn a foreign language.


Leva tempo para aprender uma língua estrangeira.

Poderá vir acompanhado de um objeto:

Ex.: it took us two hours to get there.


Nós levamos duas horas para chegar lá.

It will take her half an hour to get home.


Ela levará meia hora para chegar em casa.
67

LESSON 33

CONFUSABLE WORDS

1. Besides the guitar = Além do violão // Beside (or by the side of = ao lado de)
2. I can hardly move = Mal posso me mover
3. Allow me to introduce = Permita-me apresentar (NB: You say let me introduce)
4. He lives beyond his means = Vive além de suas posses
5. You ought to study = You should study = Você deve, é aconselhável que você estude. (NB:
Pode-se usar a particular to depois do modal ought)
6. Must you play it so loud? = (Você tem que tocá-la tão alto?)
7. We had better hurry = É bom nos apressarmos. (NB: „Would rather‟ expressa preferência.)
8. I used to play soccer = (costumava jogar futebol)
9. He‟s also an understanding man or He‟s an understanding man, too.
10. I wept because … weep (wept, wept) [i.v] significa chorar.
11. on my way to work = a caminho do trabalho // in my way = obstruindo a passagem.
12. the former = o 1°de dois a ser citado; the latter = o 2° a ser citado.
13. economic measures = medidas econômicas (relativas à ciência econômica)
14. I advise (r.v) (= Eu aconselho) // My advice (Meu conselho) (n.)
15. to have an open mind (= ter a mente aberta) but I have opened the door (Abri a porta)

CLICK

THE FORMER - o primeiro


De dois elementos mendionados.
THE LATTER - o segundo (o último)

Ex.: Henry and John are brothers; the former (Henry) is tall and the latter (John) is short.
Henry e John são irmãos; o primeiro é alto e o segundo (o último) é baixo.

EXPRESSÕES

BOTH OF THEM = Ambos (as)  concorda no plural.


ALL OF THEM = Todos eles  concorda no plural.
ALL OF US = todos nós  concorda no plural.
ONE OF THEM = um deles  concorda no singular.
NONE OF THEM = nenhum deles  concorda no singular.
NEITHER OF THEM = nenhum deles  concorda no singular.
NONE OF US = nenhum de nós  concorda no singular.
NEITHER OF US = nenhum de nós  concorda no singular.
ONE OF US = um de nós  concorda no singular.
EACH OF US = cada um de nós  concorda no singular.

MORE LINKS (CONECTIVOS)

BOTH ... AND = tanto ... quanto


EITHER ... OR = ou .. ou
NEITHER ... NOR = nem ... nem
NOT ONLY ... BUT ALSO = não apenas ... mas também
68

Exemplos:

Podemos expressar enfaticamente a combinação de duas coisas (substantivos, verbos, adjetivos, etc.).
Usando BOTH ... AND (tanto ... quanto).

Ex.: She both dances and sings. (Ela tanto dança quanto canta)
Both he and she like English. (Tanto ele quanto ela gostam de inglês)

EITHER ... OR e NEITHER ... NOR: São usados enfaticamente quando duas alternativas, contraditórias ou
não, forem apresentadas.

Ex.: You can either stay or go. (Você pode ou ficar ou ir)
Neither Brazil nor Portugal speak(s) Spanish. (Nem o Brasil nem Portugal fala(m) espanhol)
Inglês formal: Verbo no singular

Nas frases negativas podemos usar duas possibilidades:

a) EITHER ... OR + um verbo negativo:

She hasn’t bought either the meat or the coffer. (Ela não comprou nem a carne nem o café)

b) NEITHER ... NOR: + um verbo positivo:

Neither you nor he is (are) wrong. [nem você nem ele está(ão) errado(s)]
Inglês formal: Verbo no singular.

NOT ONLY ... BUT ALSO = não apenas ... mas também:

You are not only rich, but also very intelligent.


(Você não é apenas rico, mas também muito inteligente)

They went not only to Canadá, but also to the Bahamas.


(Eles não foram apenas ao Canadá, mas também às Bahamas)

LESSON 34

TOO - SO - EITHER - NEITHER

TOO e ALSO

 São usados em senteças afirmativas.


 Servem para evitar a repetição de palavras já mencionadas.
 São usados com verbo auxiliar.
 Sea sentença anterior não possuir verbo auxiliar, usa-se DO, DOES ou DID dependendo do tempo
do verbo principal e do sujeito.
69

TAKE A LOOK

Ao invés de dizer:

I work in that bank and they work in that bank.


(Eu trabalho naquele banco e eles trabalham naquele banco)

Diga:
┌ presente ┌ suj. + DO + too
I work in that bank and they do too.

ou

┌ presente ┌ so + DO + suj.
I work in that bank and so do they.

┌ suj. + aux. + too


John Is a good lawyer and Charles is too.

ou

┌ so + aux. + suj.
John is a good lawyer and so is Charles.

LESSON 35

EITHER e NEITHER

 São usados em sentenças negativas.


 Servem para evitar a repetição de palavras já mencionadas.

TAKE A LOOK

Em vez de dizer:

She doesn’t live here and he doesn’t live here.


(Ela não mora mais aqui e ele não mora mais aqui)
Diga:

She doesn’t live here and he doesn’t either.


ou
She doesn’t live here and neither does he.

I didn’t swim yesterday and they didn’t either.


ou
I didn’t swim yesterday and neither did they.

CUIDADO! Usando “neither” o verbo auxiliar perde a negação NOT.


70

LESSON 36

PASSIVE VOICE

A voz passiva, que é usada freqüentemente em inglês, é sempre formada pelo verbo auxiliar TO BE que
vem seguido por um particípio passado do verbo principal da sentença.

VOZ ATIVA VOZ PASSIVA


A - Carol sells milk. Milk is sold by Carol.
B - Carol sold milk. Milk was sold by Carol.
C - Carol will sell milk. Milk will be sold by Carol.

Observe que na voz ativa o sujeito da setença é Carol e o objeto é milk, mas na voz passiva acontece o
contrário:

Carol passa a ser agente da passiva e milk passa a ser sujeito.

Note também que o verbo TO BE (is, was, will be) nas sentenças A, B e C respectivamente está no mesmo
tempo SELLS (sentença A), SOLD (sentença B) e WILL BE (sentença C).

Obs.: Quando o sujeito da voz ativa for SOMEONE, SOMEBODY, etc., não o usamos como agente da
passiva:

Ex.: SOMEONE took my book  My book was taken.

Partes da Voz Passiva

1. O objeto da ativa torna-se sujeito.


2. O verbo auxiliar TO BE vai para o mesmo tempo do verbo principal da voz ativa.
3. O verbo principal é usado sempre no particípio passado.
4. O sujeito da voz ativa torna-se agente da passiva.

LESSON 37

PROBLEMAS DE CONCORDÂNCIA

EACH = cada  concorda só com o substantivo e verbo no singular.

Ex.: EACH student has to bring his atlas.


(Cada aluno tem que trazer seu atlas)

Each worker is important.


(Cada trabalhador é importante)

EACH OTHER = um(a) ao outro(a)  como função recíproca (entre duas pessoas).

The two nurses helped each other.


(As duas enfermeiras ajudavam uma à outra)
71

ONE ANOTHER = uns aos outros  mais de duas pessoas (usa-se one another como sinônimo de each
other no inglês moderno).

All the nurses helped one another


(Todos os enfermeiros ajudavam uns aos outros)

EVERY = todo(a), todos(as)  concorda som substantivo no singular.

We talk to her every Saturday.


(Nós conversamos com ela todos os sábados)

Every child needs love.


(Toda criança precisa de amor)

EXPRESSÕES COM EVERY:

EVERY OTHER DAY = dia sim, dia não.


EVERY TREE DAYS = a cada três dias.

ALL = todo(a), todos(as), tudo  concorda com substantivo no singular ou no plural, contável ou incontável.

He eat all the bread. (Ele comeu todo o pão)


All children need love. (Todas as crianças precisam de amor)

Obs.: ALL (tudo) = EVERYTHING (tudo)

EVERYBODY, EVERYONE, SOMEBODY, SOMEONE, NOBODY, NO ONE: (todo mundo, todos, alguém,
ninguém)  são considerados terceira pessoa do singular:

Nobody is angry. (Ninguém está zangado)


Everybody has his problens. (Todo mundo tem seus problemas)

Note: O pronome possessivo HIS é usado na linguagem formal, embora no inglês informal THEIR
também é empregado.
72

LESSON 38

DO x MAKE

DO - utilizado quando temos ações em geral. Veja os exemplos abaixo:

Ex.: What are you doing next weekend? (O que você vai fazer no próximo fim de semana?)
I´ll do the shopping on Monday. (Eu farei as compras na segunda-feira)

MAKE - utilizado quando você vai produzir a ação ou mesmo criar. Para esta ação existir, você precisa
elaborar uma sequência para ela ser finalizada.

Ex.: I´ll make the dinner for us tonight. (Eu farei o jantar para nós hoje à noite)
I make clothes for poor people. (Eu faço roupas para pessoas pobres)

Aqui vão algumas expressões que podem ser utilizadas com DO ou MAKE:

DO MAKE
an exam, a test a mistake, an appointment
a course, homework a phone call, a list
a favor, housework a noise, a bed

MAKE, DO, TAKE & GET EXPRESSIONS

MAKE EXPRESSIONS

make an agreement - fazer um acordo


make an announcement (to) - fazer uma comunicação oficial
make an appointment (with) - marcar uma hora
make arrangements (for) - fazer preparos
make an attempt (to) - fazer uma tentativa
make the bed - fazer a cama
make believe - fazer de conta
make breakfast (dinner, a sandwich) - preparar o café da manhã (a janta, um sanduíche)
make a clean copy - passar a limpo
make it clear (to) - deixar claro
make a complaint (about) - apresentar queixa, reclamar
make a date (with) - marcar um encontro
make a deal (with) - fazer um negócio, negociar
make a decision (about) - decidir, tomar uma decisão
make a (any, no) difference (to) - fazer diferença
make do with - contentar-se com o que tem
make a down payment - dar de entrada, dar um sinal
make an effort (to) - fazer um esforço
make an excuse (for) - arranjar uma desculpa
make a face (at) - fazer careta
make a fool of someone - fazer alguém de bobo
73

make for - dirigir-se a


make friends (with) - fazer amizade
make fun of - ridicularizar
make a fuss (about, over something) - criar confusão devido à preocupação excessiva
make a fuss (over someone) - dar atenção afetuosa, mimar
make good - cumprir com o prometido
make a good/bad impression (on) - causar boa/má impressão
make someone happy - fazer ficar feliz, deixar feliz
make an investment - investir, fazer um investimento
make a list (of ) - fazer uma lista
make a living - ganhar a vida
make love (to) - manter relações sexuais
make mistakes (in) - cometer erros
make money - ganhar dinheiro
make someone nervous - deixar alguém nervoso
make noise - fazer barulho
make an offer - fazer uma oferta
make out - entender o significado; beijar, namorar; sair-se; preencher (um cheque)
make a payment - fazer um pagamento, pagar uma conta
make a phone call (to) - telefonar, dar um telefonema
make plans - fazer planos
make a point - fazer uma observação, apresentar um ponto de vista
make a presentation - fazer uma apresentação
make a profit - lucrar, ter lucro
make progress (in) - progredir
make a promise (to) - fazer uma promessa, prometer
make public - divulgar
make a reservation (for) - fazer uma reserva
make a resolution - fazer uma promessa, tomar uma decisão importante
make a scene - fazer uma cena, agir histericamente
make sense (to) - fazer sentido
make a speech (to) - fazer um discurso
make sure (about) - certificar-se
make trouble - criar problemas ou confusão
make up - inventar, improvisar, compensar, maquiar, reconciliar
make up your mind - tomar uma decisão
make war - guerrear, entrar em guerra
make way - abrir caminho, dar passagem, progredir
make yourself at home - sinta-se à vontade

DO EXPRESSIONS

do the (my, your, ...) best (to) - fazer o melhor possível


do business (with) - trabalhar em negócios com
do the cleaning (for) - fazer limpeza
do damage/harm (to) - prejudicar, ferir
do a deal (predominantly in the expression "it's a done deal") - negócio fechado
do some dictation - fazer um ditado
do the dishes - lavar a louça
do drugs - usar drogas
do your duty - cumprir com suas tarefas
do an exercise - fazer um exercício
do an experiment - fazer uma experiência
do a favor (for) - fazer um favor
do good - fazer bem
do a good/bad job - fazer um bom trabalho
do your homework - fazer o seu tema
do the housework - fazer os trabalhos domésticos
74

do the laundry - lavar a roupa


do an operation (on) - operar
do (something) over again - fazer de novo
do overtime - fazer hora extra
do a poll - fazer uma pesquisa (de opinião)
do a problem/a puzzle - resolver um problema (em matemática, por exemplo), um quebra-cabeça
do a project - fazer (desenvolver) um projeto
do research (on) - pesquisar, fazer uma pesquisa (investigação científica)
do the right thing - ter uma atitude correta
do the shopping - fazer compras
do someone - transar, ter relações sexuais com alguém
do something - fazer algo
do time in prison - cumprir pena carcerária
do a translation - fazer uma tradução
do well/badly (in) - sair-se bem/mal
to be done - estar pronto
to have nothing to do with ... - não ter nada a ver com ...
to have your hair done - arrumar o cabelo
that will do it - isto será suficiente

TAKE EXPRESSIONS

take advantage - levar vantagem


take advice - aceitar conselhos
take (something) apart - separar, desmontar
take back - levar de volta
take the blame - assumir, levar a culpa
take a break - fazer uma pausa, dar uma folga
take care - cuidar-se, tomar cuidado, ser cuidadoso
take care of - cuidar de
take a chance - arriscar
take a course (lessons) - fazer um curso
take it easy - acalmar-se
take effect - vigorar a partir de
take an injection - tomar (levar) uma injeção
take into consideration - levar em consideração
take it as ... - crer, supor, entender, aceitar como ...
take it or leave it - é pegar ou largar
take a leak - urinar
take lessons - tomar aulas
take liberties - tomar liberdades
take a look (at) - dar uma olhada
take medicine - tomar remédio
take a nap - tirar uma sesta
take notes - fazer anotações
take off - decolar, ir embora
take (something) off - tirar (casaco, óculos, etc.)
take the opportunity - aproveitar a oportunidade
take (somebody/something) out - levar alguém para sair, remover algo
take over - assumir controle, tomar conta
take part - fazer parte, participar
take a piss - mijar
take personal offense - ofender-se
take place - acontecer, ocorrer
take pride - orgulhar-se, ter orgulho
take a poll - fazer uma pesquisa de opinião
take the responsibility - assumir a responsabilidade
take a rest - fazer um descanso
75

take a shower - tomar banho


take steps - iniciar preparativos
take a taxi (bus, plane) - pegar um taxi
take the temperature - tirar a febre
take a test - fazer um exame
It takes time - leva tempo
take one's time - tomar seu tempo, não ter pressa
take a trip - fazer uma viagem
take up something - começar a estudar ou praticar algo
take a walk - dar uma caminhada
take your time - não te apressa

GET EXPRESSIONS

meaning of become: ficar

It’s getting dark. - Está ficando escuro.


We got tired yesterday. - Ficamos cansados ontem.
I’m getting confused. - Estou ficando confuso, estou fazendo confusão.
I’m getting accustomed/used to working hard. - Estou ficando acostumado a trabalhar muito.

meaning of receive: ganhar, receber

She got a nice present for her birthday. - Ela ganhou um presente legal de aniversário.
Language teachers get about R$15 an hour in Brazil. - Professores de línguas ganham cerca de
R$15 por hora no Brasil.
I hope to get better news tomorrow. - Espero receber notícias melhores amanhã.
I got a postcard from Germany. - Recebi um cartão postal da Alemanha.

meaning of obtain/buy: arranjar, conseguir, comprar

He’s going to get a job after college. - Ele vai arranjar um emprego depois da faculdade. (conseguir,
arranjar emprego)
I got a promotion. - Eu consegui uma promoção. (ganhar, conseguir)
He got $800 for his old car. - Ele conseguiu 800 dólares pelo seu velho carro (conseguir dinheiro
pela venda de algo)
You can get cheap things in Hong Kong. - A gente consegue comprar coisas baratas em Hong
Kong.
I'm planning to get a new car soon. - Estou planejando comprar um carro novo em breve.

meaning of fetch/pick up: pegar, trazer, buscar

Go and get the newspaper. - Vai lá e pega o jornal.


Shall I get you a book from the library? - Você quer que eu traga um livro da biblioteca para você?
Stay here. I’ll get you some slippers. - Fica aqui. Vou buscar (arranjar) uns chinelos para você.

meaning of arrive at/reach: chegar, ir

I got home late last night. - Cheguei em casa tarde ontem de noite.
We got to the airport by taxi. - Fomos ao aeroporto de taxi.
Can you get to the roof of the house? - Você consegue chegar (trepar) no telhado da casa?

meaning of have (possession): ter

I haven’t got much time. - Não tenho muito tempo.


Have you got enough money? - Você tem dinheiro que chegue?
76

meaning of have to (obligation, same as need and must): ter que

I’ve got to go now. - Tenho que ir agora.


You’ve got to study harder. - Você tem que estudar mais.

meaning of catch (illness, vehicle, thief): pegar

I don’t want to get a cold. - Não quero pegar um resfriado.


I hope you get on a train before midnight. - Espero que você consiga pegar um trem antes da meia-
noite.
The thief ran away but the police got him. - O ladrão fugiu correndo mas a polícia o pegou.

meaning of prepare/make: preparar

I’ll get some coffee. - Vou preparar (pegar, buscar) um café.


She’s getting dinner for her family. - Ela está preparando o jantar para sua família.

meaning of be (as passive auxiliary): ser

She got hit by a car. - Ela foi atropelada.


The robber got killed by the police. - O assaltante foi morto pela polícia.
He got robbed last night. - Ele foi assaltado ontem à noite.

meaning of persuade/convince: convencer

He got his father to buy him a car. - Ele convenceu o pai a dar-lhe um carro.
I got him to help me. - Consegui convencê-lo a ajudar-me.

meaning of have something done, order something: mandar

He got his car fixed. - Ele mandou consertar o carro.


I got my hair cut. - Ele cortou o cabelo. (mandou cortar, foi ao barbeiro)

meaning of understand: entender

I got you. - Entendi o que você quer dizer.


Did you get the idea? - Você entendeu a idéia?

other meanings and in combination w/prepositions:

get across - comunicar, esclarecer, convencer


get along (with) - dar-se, relacionar-se com
get away - escapar
get back - recuperar
get back from - retornar de
get something back - reaver algo
get by - sair-se, virar-se
get a chance - ter uma oportunidade
get a cramp - dar uma câimbra
get somebody down - deprimir alguém
get down to - concentrar-se em
get even - acertar contas, ficar quites, vingar-se
get a flat tire - furar o pneu
get a haircut - cortar o cabelo
get ...ing! - usado em comandos imperativos
get in - entrar
get into - entrar, envolver-se com
get in touch (with) - fazer contato, manter contato com
get in trouble - meter-se em confusão, dar-se mal
77

get laid - ter relações sexuais


get lost! - te some!
get married - casar-se
get something off - remover algo
get off - descer de um ônibus ou trem
get on - produzir efeito indesejável; embarcar (em veículo)
get on with someone - relacionar-se com alguém
get out - sair, partir
get over - curar-se, recuperar-se; transmitir
get ready - aprontar-se
get rid of - livrar-se de, dar um sumiço em
get there - chegar ao destino
get through with something - terminar algo
get to a place - chegar a algum lugar
get to someone - afetar ou irritar alguém
get together (with) - reunir-se com
get something under way - pôr a caminho, pôr em execução
get up - levantar de manhã
get upset - irritar-se, descontrolar-se
78

LESSON 39

FALSOS COGNATOS

Com a globalização, a língua inglesa passou a desempenhar um papel ainda mais importante na
comunicação entre os povos. Algumas palavras e expressões inglesas parecem muito parecidos com
palavras e expressões utilizadas na língua portuguesa.

Mas cuidado! Muitas vezes, o significado destas palavras é bem diferente do que se imagina.

1) Assess = avaliar / access = acesso


2) advice = aconselhar / avisar = warn
3) anthem = hino / aerial = antena
4) army = exército / arma = gun / arm = braço
5) assist = ajudar / watch = assistir
6) chute = corredeira/pára = quedas / kick = chute
7) cigar = charuto / cigarro = cigarette
8) collar = colarinho, gola / necklace = colar
9) college = universidade, faculdade / school = colégio
10) compass = bússola / compasso = compasses
11) conceit = convencimento / conceito = concept
12) data = dados, fatos, identificação / data = date
13) deception = fraude, trapaça / disappointment = decepção
14) educated = instruído, culto / polite = educado, cortês
15) eventually = finalmente, por fim.= finally / Occasionally = eventualmente
16) exit = saída / success = êxito
17) expert = perito, especialista / smart = esperto
18) gratuity = gorjeta / gratuitous, free = gratuito
19) guitar = violão / electric guitar = guitarra.
20) hazard = risco, dano, mal, perigo / mischance, jinx = azar
21) hospice = abrigo para viajantes / Bedlam, madhouse = hospício.
22) intimate = íntimo(s), sugerir, insinuar (v) / summon, cite = intimar
23) large = grande / broad, wide = largo
24) lecture = conferência / reading = leitura
25) library = biblioteca / bookstore = livraria
26) notice = observar, notar / news = notícia
27) parents = pais / relatives = parentes
28) particular = determinado, específico / private = particular, privado
29) physician = médico clínico / physicist = físico
30) policy = diplomacia, política / police = polícia
31) pretend = fingir ( Ufrgs 88/1 ) / intend = pretender
32) proper = adequado / own = próprio
33) push = empurrar / pull = puxar
34) quote = citar / cota = share, quota.
35) realize = perceber, dar-se conta / accomplish, achieve, realizar
36) respite = trégua/ repouso / respect = respeito
37) resume = recomeçar, retomar / sum up, summarize = resumir
38) retire = aposentar-se / remove = retirar
39) rim = borda, beira ( de copo, xícara ) / kidney = rim
40) sap = seiva / toad = sapo
41) sensible = sensato, ajuizado / sensitive = sensível
42) terrific = excelente / terrível = terrible
43) traduce = caluniar, difamar, criticar / traduzir = translate
79

LESSON 40

EXEMPLOS DE ERROS COMUNS COMETIDOS POR BRASILEIROS:

Thanks God!

Na tentativa de traduzir literalmente a expressão "Graças a Deus!", o estudante brasileiro costuma dizer
"Thanks God". No entanto, esta expressão não é impessoal em Inglês e o verbo "to thank" deve ser
conjugado normalmente. Portanto, diga "Thank God", considerando que o sujeito é "I":

(I) thank God.


(He) thanks God.

Lend ou Borrow?

É comum a confusão entre os dois verbos cujo equivalente em Português é "emprestar". No entanto, em
Inglês eles diferem conforme a direção do objeto emprestado: "to lend" significa "emprestar a alguém",
enquanto "to borrow" significa "emprestar de alguém":

I'll lend some money to you. (I → you)


I'll borrow some from you. (You → I)

I'll explain you.

Freqüentemente, ouve-se os alunos dizerem "I'll explain you".


Como não se pretende explicar ninguém e nem seu jeito de ser, mas algo à pessoa, a correta maneira de
dizer é usando a expressão "to":

"I'll explain (something) to you."

We are in four – Estamos em quatro?

Isso é Português e está errado em Inglês. A expressão correta leva o verbo "there to be". Diga: "There are
four of us".

Como estão os negócios? More or less?

Embora também signifique "mais ou menos", em Inglês esta expressão é usada para expressar ordem de
grandeza.

"How many people were killed in the disaster? More or less 300 hundred."

Em outras situações, ela não é equivalente ao "mais ou menos" do Português. Veja alguns exemplos:

"Como se sente? Mais ou menos."


"How do you feel? Not very well."

"Lembra-se da Jennifer? Mais ou menos."


"Do you remember Jennifer? Yes I do, vaguely."

"O trabalho está pronto? Mais ou menos."


"Is the work ready? Yes, nearly." ou "Almost."
80

Quando stay é ficar?

Da mesma forma, nem sempre se pode usar "stay" quando se quer dizer "ficar".
Use-o quando o sentido for o de "ficar em algum lugar, se hospedar":

"How long will you be staying in São Paulo?"

Mas cuidado com expressões como:

"Fiquei supresa."
"I was surprised."

"Fico chateado."
"I get upset."

"A bateria ficou sem carga."


"The battery went flat/low."

"Ela ficou doente por três semanas."


"She was ill for three weeks."
81

NUMBERS:

Abaixo está a relação dos números cardinais e ordinais em inglês. Compare:

CARDINAL ORDINAL
1 One 1º First
2 Two 2º Second
3 Three 3º Third
4 Four 4º Fourth
5 Five 5º Fifth
6 Six 6º Sixth
7 Seven 7º Seventh
8 Eight 8º Eighth
9 Nine 9º Ninth
10 Tem 10º Tenth
11 Eleven 11º Eleventh
12 Twelve 12º Twelfth
13 Thirteen 13º Thirteenth
14 Fourteen 14º Fourteenth
15 Fifteen 15º Fifteenth
16 Sixteen 16º Sixteenth
17 Seventeen 17º Seventeenth
18 Eighteen 18º Eighteenth
19 Nineteen 19º Nineteenth
20 Twenty 20º Twentieth
21 Twenty-one 21º Twenty-first
22 Twenty-two 22º Twenty-second
30 Thirty 30º Thirtieth
40 Forty 40º Fortieth
50 Fifty 50º Fiftieth
60 Sixty 60º Sixtieth
70 Seventy 70º Seventieth
80 Eighty 80º Eightieth
90 Ninety 90º Ninetieth
100 One (A) Hundred 100º One hundredth
101 One Hundred one 101º One hundred-first
200 Two Hundred 200º Two hundredth
300 Three Hundred 300º Three hundredth
1,000 One (A) Thousand 1,000º One thousandth
1,000,000 One Million 1,000,000º One millionth
1,000,000,000 One Billion 1,000,000,000º One billionth

Percebe-se facilmente que os números ordinais são formados com o acréscimo do sufixo th. No entanto,
tome cuidado, pois alguns números mudam a grafia: twelfth, ninth.
82

IRREGULAR VERBS

INFINITIVE (TO) SIMPLE PAST PAST PARTICIPLE TRANSLATION


arrise arose arisen surgir
awake awoke awoken despertar
be was/were been ser, estar
bear bore born dar a luz
beat beat beaten bater
become became become tornar-se
begin began begun começar
bite bit bitten morder
blow blew blown soprar
bring brought brought trazer
catch caught caught pegar, capturar
choose chose chosen escolher
come came come vir
cost cost cost custar
cut cut cut cortar
do did done fazer
draw drew drawn desenhar
dream dreamt dreamt sonhar
drink drank drunk beber
drive drove driven dirigir
eat ate eaten comer
fall fell fallen cair
feel felt felt sentir
fight fought fought luta
find flew flown voar
forbid forbade forbidden proibir
forgive forgave forgiven perdoar
get got gotten obter
give gave given dar
grow grew grown crescer
hang hung hung pendurar
have had had ter
hear heard heard ouvir
hide hid hidden esconder
hit hit hit bater
hold held held segurar
hurt hurt hurt machucar
keep kept kept manter
know knew known saber, conhecer
lay laid laid colocar, depositar
lead led led conduzir, levar
learn learnt learnt aprender
leave left left partir
lend lent lent emprestar
let let let permitir, deixar
lie lay lain repousar
light lit lit acender, clarear
lose lost lost perder
make made made fazer
mean meant meant querer dizer
meet met met encontrar
pay paid paid pagar
put put put pôr, colocar
read read read ler
ride rode ridden andar de
ring rang rung tocar, soar
83

rise rose risen erquer-se


run ran run correr
say said said dizer
see saw seen ver
seek sought sought procurar
sell sold sold vender
send sent sent enviar
shake shook shaken sacudir
shine shone shone brilhar
shoot shot shot atirar (com um arma)
show showed shown mostrar
shut shut shut fechar
sing sang sung cantar
sink sank sunk afundar
sit sat sat sentar
sleep slept slept dormir
smell smelled smelled cheirar
speak spoke spoken falar
spend spent spent gastar
stand stood stood permanecer
steal stole stolen roubar
sting stung stung picar, ferroar
stink stank stunk cheirar mal
strike struck stricken golpear
sweep swept swept varrer
swim swam swum nadar
take took taken pegar, tomar
teach taught taught ensinar
tear tore torn rasgar
tell told told dizer, contar
think thought thought pensar, achar
throw threw thrown atirar, jogar
understand understood understood compreender
wake woke woken acordar
wear wore worn usar
wed wed wed casar
weep wept wept chorar
win won won vencer
write wrote written escrever