Você está na página 1de 15

AMANSANDO SEU BEBÊ AGAPORNIS

Agapornis Minas Gerais


Criadouro de Agapornis localizado em Belo Horizonte – MG

Instagram: @lovebird_mg (contate-nos via direct)


© Hans Thomassen Andrade e Jéssica Alves dos Santos

WhatsApp: (31) 9.7585-2500 (VIVO)


_______________________________________________________________________________

Olá, somos a Jéssica e o Hans, temos um pequeno criatório chamado Agapornis


Minas Gerais. Este é um manual prático de como cuidar de um filhote de Agapornis na
papinha, a maneira mais fácil de começar o processo de amansamento. Somos conhecidos
como @lovebird_mg no instagram e https://www.facebook.com/agapornisbelohorizonte/
no facebook. Nossos viveiros ficam localizados em Belo Horizonte e Florestal - Minas
Gerais.
O manual visa auxilia-lo, mas se permanecer alguma dúvida, pode entrar em contato
direto conosco. Mande um direct no nosso instagram @lovebird_mg ou um WhatsApp no
(31) 97585-2500.
Se quiser ver fotos das nossas aves e viveiros, siga-nos no instagram @lovebird_mg
Vamos começar?

Dependendo da idade, não se deve tirar o filhote do ninho. Aves muito novas ainda não
desenvolveram a microbiota necessária para conseguirem fazer a digestão dos alimentos
sozinhos, elas recebem estes microrganismos benéficos diretamente dos pais. Além disso,
elas não possuem nenhuma penugem para mantê-las aquecidas e são muito pequenas, e,
portanto, também são muito frágeis. Tratar de filhotes muito novos na papinha só deve ser
feito caso os pais a negligenciem.
- Fatores importantes no amansamento:
Com aproximadamente 10 dias o bebê vai abrir seus olhos pela primeira vez, mas por que
isto importa?
Na nossa experiência, quando se começa a amansar um bebê antes dele abrir o olho
este tem maiores chances de ficar mansinho. Acreditamos que isto é porque você será a
primeira “coisa” que ele vê na vida, então ele te reconhece como a um igual. Mas, aves
tiradas mais velhas (entre 14 e 21 dias) também ficam mansas e carinhosas. É importante
ressaltar que quando se pega um bebê bem novinho (10 dias) este ainda é bem pequeno,
frágil, com pouca penugem para se aquecer e, portanto, precisa de muito mais cuidado.
Então, apesar de se ter maiores chances da ave ficar mansa se você pegar ela antes de abrir
os olhos, os riscos também serão maiores. Pense bem antes de decidir.

Outro fator importante nos Agapornis é o sexo. Machos costumam ser mais mansos
que as fêmeas. Isto se deve a natureza territorialista das fêmeas. Elas são protetoras e,
portanto, um pouco mais bravas. Mas independente do sexo os Agapornis possuem sua
própria personalidade/individualidade, não existe uma ave igual a outra, umas são mais
bagunceiras, outras mais manhosas, outras mais independentes, outras caçadoras de
confusão, você só vai saber como a sua vai ficar quando tiver uma.

Obs.: com a idade de se tirar um filhote do ninho ainda não dá tempo de saber o sexo do
filhotinho, então vai ter que ser na sorte mesmo.

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg


Já está com o seu bebê? Então vamos, mãos à obra.
Material necessário:
1- Colher de chá dobrada (Nós usamos uma colher comum e a dobramos com alicate, mais
estreito na ponta do que atrás).

Algumas pessoas usam seringa para alimentar os bebês, nós tivemos uma experiencia ruim
com elas, achamos que a seringa é muito invasiva e estressa mais os filhotes, por isto
preferimos usar a colher dobrada. Mas a escolha é sua, muitos criadores preferem usar
seringas e tem sucesso dessa forma.
2- Papinha para filhotes de psitacídeos. Existem muitas marcas. No nosso criadouro usamos
a Gold da marca Reino das Aves, mas sabemos que existem muitas outras marcas boas por
aí. Já usamos a Alcon e outras com sucesso. Atualmente usamos a Gold pois ela sempre
nos serviu bem, é fácil de achar e nossos bebês todos crescem saudáveis com ela.

3- Um rolo de papel toalha ou papel higiênico para higienização.


4- O “ninho”. Pode ser uma caixinha própria como esta da foto abaixo, ou pode ser até uma
caixa de sapatos furada ou uma vasilha de plástico furada. (Gostamos de usar um recipiente
transparente, assim o bebê vai se acostumando mais rápido com a nossa presença.

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg


Observações:
1- O ninho deve ser forrado com um pano ou bastante papel toalha para ficar macio. Caso o
ninho fique duro as patas do filhote podem ter problemas no desenvolvimento. Por cima,
coloque uma camada de papel toalha que você deve trocar todo dia para manter a higiene.
2- Após dar a papinha para seu bebê, limpe bem a sujeira da papinha que ficou no bico,
cabeça e corpo dele. Papinha velha pode fungar, o bebê pode comer isso e acabar
adoecendo.
3- Siga a programação de alimentação a risca. Se observar qualquer problema procure um
veterinário especializado imediatamente.
4- Lembre-se de deixar o bebê sempre em local onde possa descansar, com pouco
movimento, luz e barulho. Nesta idade eles possuem pouca energia e, portanto, precisam de
muito descanso.
5- Se você morar em uma região que faz muito frio (14o C para menos) será importante
providenciar uma fonte de calor para as primeiras duas semanas que estiver cuidando do
seu bebê. Isto pode ser uma lâmpada fraca posicionada perto do “ninho”. Após ele ter o
corpo coberto de penas o mesmo não será mais necessário.
6- Limpe bem todo material usado para evitar desenvolvimento de fungos e outras doenças.
7- Sempre observe os sinais de saúde da sua ave. Observe sempre se ela está emagrecendo,
mesmo se ela estiver comendo normalmente. Para isto, toque o peito dela e tente sentir se o
osso esterno (osso no meio do peito posicionado na vertical) está saliente demais, com
pouca musculatura em sua volta. Se estiver saliente, a sua ave adoeceu por algum motivo.
Neste caso, procure um veterinário imediatamente. Obs.: aves não demonstram estar
doentes a não ser poucas horas antes de morrerem.
Como preparar a papinha?
Use água filtrada ou fervida para diminuir as chances microrganismos maléficos
contaminarem a papinha. Esquente um pouco de água no micro-ondas, use uma xicara
pequena. Aqui usamos xicaras bem pequenas pois o bebê não come mais que 4-10ml, fora
o que desperdiçam. Após esquentada a água, vá adicionando papinha até que a mesma
ganhe consistência. Ela deve continuar liquida, como se fosse uma sopa grossa ou um leite
condensado. Aguarde então até que a papinha fique morna, você tem que conseguir manter
o seu dedo com tranquilidade dentro da papinha, sem se queimar. Agora pode servir!
Obs.: Nunca reutilize a papinha que sobrou, mesmo se tiver guardado ela na geladeira. As
chances de algum microrganismo maléfico ter se desenvolvido ali é alta e isto pode levar o
seu bebê ao óbito.
Alguns criadores colocam 1 gota de Nistatina (remédio antifúngico) na papinha antes de
dar aos filhotes, evitando assim o desenvolvimento de fungos dentro do papo
(aconselhamos consultar um veterinário antes do uso de qualquer medicamento).

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg


Como alimentar? Quanto e quantas vezes?

Idade Número de alimentações por dia


Uma a cada 2 horas (inclusive de madrugada)
1-4 dias (apenas tratar nesta idade em caso de emergência)
Uma a cada 3 horas (inclusive de madrugada)
5-7 dias (apenas tratar nesta idade em caso de emergência)

8-14 dias 6:00 AM, 10:00 AM, 2:00 PM, 6:00 PM, 11:00 PM

15-24 dias 6:00 AM, 12:00 (meio dia), 6:00 PM, 11:00 PM
25-34 dias 6:00 AM, 6:00 PM, 11:00 PM

35-44 dias 6:00 AM, 6:00 PM

45 dias até desmamar 6:00 PM

01 a 04 dias: (idade não recomendada para ser tratado). Apenas colocamos aqui para caso,
em alguma emergência, você precise tratar de um filhote tão novo.

O bebê nesta idade vai precisar além da papinha de um probiótico +


prebiótico para formar a fauna de microrganismos benéficos em seu trato digestivo.
Sugerimos também misturar um pouco de mamão na alimentação por causa de suas
enzimas digestivas contidas no mesmo. Aqui usamos a marca Organew
probiótico+prebiotico. Neste caso, continue fornecendo o Organew até o 14o dia e
mantenha aquecimento no “ninho” sempre.
A papinha aqui deve ser bem ralinha e liquida. Você deve administrá-la bem lentamente.
vai ser difícil alimenta-lo nesta idade, eles vão se debater e provavelmente recusar a
comida. Nesta fase você vai precisar de uma seringa, a colher não vai servir pois a boca do
neném é muito pequena, não enfie a seringa na boca dele, apenas vá alimentando gota por
gota e tomando cuidado para não encher a boca dele demais, isto pode engasga-lo. Papinha
pode entrar no trato respiratório, causando sérios problemas.

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg


05 a 7 dias:
Agora você deve engrossar a papinha um pouquinho só, para permitir que
passe a dar papinha de 3 em 3 horas. Mas continue mantendo-a bem liquida.
Obs.: Não sugerimos tirar o bebê do ninho com esta idade, apenas em caso de
abandono pelos pais ou outra emergência. Nossa sugestão é adotar o bebê com idades
entre 10 e 21 dias.

8 a 14 dias de idade:
5 alimentações (6:00 AM, 10:00 AM, 2:00 PM, 6:00 PM, 11:00 PM).
Muitos outros criadores alimentam 4 vezes a cada 4 horas neste momento, mas não
queremos que o filhote passe fome no meio da noite. A consistência da papinha neste
período é um pouco rala, mas já começa a engrossar. Faça a consistência como se fosse
uma sopa mais grossinha, mas mais ralo que um leite condensado. Lembre-se de deixa-la
esfriar até ficar morna antes de servir, se estiver quente demais vai causar queimaduras
internas no papo do bebê.
Para alimentar, pegue a papinha com a colher dobrada, leve-a ao bico do neném e
vire a continuamente para que a papa vá escorrendo sem parar para dentro do bico. Deixe
escorrer até que acabe a comida da colher ou até bebê se recusar a continuar. Para ajudar,
segure a cabeça do neném, assim como na foto abaixo.
A quantidade de comida varia para o tamanho do bebê. Nós nunca estabelecemos
uma quantidade em ml, enchemos os papos dos bebês até que se pareçam com balões
cheios, fica apenas um pouquinho de ar lá dentro, o que pode ser observado externamente.
O bebê a esta altura já vai começar a te reconhecer, então dê nome e converse com ele. Não
brinque muito com ele neste período, ele precisa de muito descanso. Sugiro apenas fazer
um carinho em quanto colocá-lo para dormir após a papinha. Deixe-o dormir
continuamente nos intervalos entre as alimentações.

Obs.: As primeiras 2-3 vezes que bebê se alimentar com a colher ele pode estranha-
la, e acabar comendo um pouco menos por não estar acostumado, mas é importante insistir
(sem força-lo) para que coma o máximo possível. Na 3-4 vez ele já deve estar acostumado
e comendo com facilidade.

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg


15 a 24 dias de idade:

4 alimentações (6:00 AM, 12:00 (meio dia), 6:00 PM, 11:00 PM). A papinha pode
ficar um pouco menos rala agora, tente deixa-la com consistência de leite condensado. Mas,
tome cuidado para não fazer papinha grossa demais, se ficar muito grossa o filhote pode
ingerir pouca água e corre o risco de ficar desidratado. Além de correr o risco de não
conseguir digerir a comida e criar fungos dentro do papo. Agora basta preencher o papo até
que se pareça com um balão cheio.
Faça carinho nele por uns 5 minutos antes de coloca-lo para dormir. Lembre-se de
deixa-lo descansando. Se ele começar a querer te bicar, não deixe. Uma forma de evitar isto
sem agressividade é soprando o rostinho dele.
25 a 34 dias de idade:

3 alimentações (6:00 AM, 6:00 PM, 11:00 PM). Pode engrossar a papinha, mas bem
pouquinho, ela sempre deve se manter liquida, escorrendo com facilidade.
Lá para o vigésimo quarto dia o baby vai começar a bicar as coisas. Neste momento,
pode começar a tentar introduzir alguma comidinha solida, escolha algo gostoso, mas, que
seja saudável, nada de pães, doces e comida de gente (pode: pipoca sem sal, um pedacinho
de girassol já descascado, um pedacinho de couve, manga, maçã, ração extrusada etc..).
Após dar a papinha, coloque um pedaço bem pequeno (migalha) em suas bocas até que
comecem a gostar. Isto também ajudará no processo de deixa-lo manso.
Comece também a deixar espalhado na caixinha deles um pouco de sementes e
ração extrusada, farinhada. Ainda pode demorar, mas eventualmente ele vai acabar

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg


brincando com a comida espalhada e conseguir come-las. É brincando com a comida que
eles aprendem a comer. Lembre-se, mesmo que ele ainda não saiba comer comidas solidas,
sempre a introduza.
Pode brincar um pouco mais com ele a esta altura, uns 15 minutos. Mas depois
deixe-o descansando continuamente.
35 a 44 dias de idade

2 alimentações a cada 12 horas (6:00 AM, 6:00 PM). Só diminua a papinha para 2x
se ele já estiver comendo comida solida.
Durante esta idade o bebê começa a conseguir ficar empoleirado. Você pode agora
tentar ensina-lo a comer papinha sozinho. Faça assim, coloca a papinha numa cumbuca
estável, deixa ele empoleirado na beira da cumbuca e mostre para ele que lá dentro tem
papa ao aproximar a colher e o bico dele da papinha. Ele rapidamente vai aprender a comer
papinha sozinho. Mas não o deixe comer somente sozinho, quando ele começar a ficar
disperso termine de encher o papo com a colher.
Depois de alimentá-lo com papinha, coloque ele sobre uma tigela de comida sólida
(Verduras, frutas, ração extrusada, farinha e/ou sementes) para tentar familiariza-lo com a
comida. Este é o momento em que introduzimos um pequeno prato de água também,
rasinho, só para ele experimentar e aprender.

No final desta semana o bebê deve estar começando a brincar ativamente, comer comida de
adultos regularmente e começará a pedir não só comida, mas também sua atenção. Brinque
com ele um pouco mais antes de colocá-lo para dormir, use as sementes e diferentes
brinquedos (tampinhas de garrafa, metais brilhantes que ele não consiga engolir, bolinhas
com sininhos etc.). Tente ficar na mesma altura dele em quanto brincam.

Agora também pode começar a deixa-lo em uma gaiola, com poleiro e um cantinho
reservado e quente para dormir.

Continue deixando sempre, água, sementes, ração extrusada, farinhas e/ou verduras

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg


frescas espalhadas pelo ninho. Isto vai estimular ele a brincar com elas e continuar
aprendendo a comer. Lembre-se, é brincando que os bebês aprendem a comer.
Na quinta semana e meia o bebê começará a voar. O primeiro voo é quase sempre
para nossa direção. É um sinal de que ele te reconhece e é um marco importante para a
socialização do bebê.
Esta é também a semana em que as sementes se tornam muito importantes. Quando
começam a gastar muita energia por causa do voo, eles também começam a precisar de uma
explosão extra de energia que a gordura das sementes tem no armazenamento. A gordura
também os enche mais e os ajuda a sentir menos fome entre as alimentações. Fique de olho
se ele as está comendo.
Durante a semana de voo o bebê costuma ficar um pouco mais magro por causa da
energia extra que gasta, mas não muito magro. É muito importante não os deixar se
esforçarem demais, nada de deixar voar o dia inteiro, eles ainda precisam de muito
descanso.
Continue reparando se ele não está emagrecendo muito. Para isto, sinta o peito do bebê,
você deve sentir uma musculatura forte “inchada”, de maneira alguma deve sentir o osso do
peito muito saliente (quando o ossinho fica muito acima da musculatura significa que ele
está emagrecendo demais e provavelmente, ou não está se alimentando direito, ou está
doente e precisa ir a um veterinário).
45 dias, até desmamar:
1 alimentação por dia às 6:00 PM
É muito importante observar se o bebê está comendo sementes e outras comidas de adulto
antes de diminuir as alimentações. Diariamente pegue-o e tente sentir se ele está forte ou
emagrecendo. Se perceber que comecou a emagrecer volte a alimenta-lo 2x ao dia até que
começe a comer bastante sementes e comida de adulto sozinho.

50 dias. A esta altura ele já deverá estar se alimentando sozinho.

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg


Desenvolvimente de um bebê a partir do primeiro dia de vida:
(A numeração na foto corresponde a idade do bebê).

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg


AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg
AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg
AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg
AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg
Esperamos ter ajudado vocês

Obrigado!

Todos os direitos autorais das fotos e texto presente neste guia pertencem a Jéssica
Alves dos Santos e Hans Thomassen Andrade. É estritamente proibido copiar, alterar,
ou usar este guia de forma comercial.
01-08-2018

AGAPORNIS - MG WhatsApp (31) 9.7585.2500 Instagram @lovebird_mg