Você está na página 1de 37
PPoonnttooss ddee AAccuuppuunnttuurraa MMEERRIIDDIIAANNOO WWEEII MMOOVVIIMMEENNTTOO TTEERRRRAA 1
PPoonnttooss ddee AAccuuppuunnttuurraa
MMEERRIIDDIIAANNOO WWEEII
MMOOVVIIMMEENNTTOO TTEERRRRAA
1
EESSTTÔÔMMAAGGOO--YYaanngg MMiinngg--WWeeii • Inicia no ponto E1 na borda infraorbitária, foramen infraorbitário,
EESSTTÔÔMMAAGGOO--YYaanngg MMiinngg--WWeeii
• Inicia no ponto E1 na borda infraorbitária,
foramen infraorbitário, borda dos lábios,
masseter, ATM. Dirige-se caudalmente na
direção ventrolateral cervical , onde se
lateraliza na tuberosidade coxal, região dorso
lateral do membro pélvico, passando pelo
joelho, seguindo pelo bordo cranio-lateral da
tíbia, 2 º metatarso até atingir o ângulo
ungueal lateral do 2º dedo (E 45).
• Ramo interno: segue caudalmente passando
levemente dorsal ao meridiano do pulmão
para atingir o tórax, aonde um ramo segue
através da cavidade torácica e diafragma
para conectar o estômago e o baço. 3
MMeerriiddiiaannooss ee NNeeuurrooaannaattoommiiaa Relação entre os meridianos de acupuntura e os nervos do plexo
MMeerriiddiiaannooss ee NNeeuurrooaannaattoommiiaa
Relação entre os meridianos de
acupuntura e os nervos do plexo
lombossacro
Canal do Estômago
Nervo femoral
Canais dos Rins, Fígado e Baço-
Pâncreas
Nervo Safeno
Canal da Vesícula Biliar
Nervo Fibular
Canal da Bexiga
Nervo Ciático
YAMAMURA, Y., et al. Importância da Inervação macro e microscópica do
joelho no tratamento das gonalgias pela acupuntura e sua relação com
a teoria dos canais de energia e pontos de acupuntura da medicina
chinesa. F. méd., v108(1-2), p.29-34, 1994.
5
2
2
4 PPeessqquuiissaass MMeerriiddiiaannooss xx nneerrvvooss Efeito Sem efeito Total Agulhamento "Zuzanli",
4
PPeessqquuiissaass MMeerriiddiiaannooss xx nneerrvvooss
Efeito
Sem efeito
Total
Agulhamento "Zuzanli", Intacto
27* (64.28%)
15 (35.72%)
42 (100.%)
Após secção do n. ciático e
femural, osso do fêmur e todos
os músc. do membro.
25
(56.81)
19 (44.19%)
44 (100.%)
Durante tração da artéria
femural
24
(64.8%)
13 (35.2%)
37 (100.%)
Após bloqueio da parede da
art. femural com 0.6 ml de
lidocaína,
9
(45.0%)
11 (55.0%)
20 (100.%)
Após bloqueio da parede da
9
(34.61%)
17 (65.39%)
26 (100%)
art. femural com 0 ,1% de
lidocaína,
6
((SSUUGGAANNOO,, 22000033))
MMeerriiddiiaannoo WWeeii xx nn ffeemmoorraall
MMeerriiddiiaannoo WWeeii xx nn ffeemmoorraall

Esquema

da

inervação

do

membro

posterior

de

cão

com

meridiano

do

estômago

sobreposto.

Fonte: HORLEIN (1978) e CHRISMAN

(1992).

EESSTTÔÔMMAAGGOO 7 8
EESSTTÔÔMMAAGGOO
7
8

MMeerriiddiiaannooddoo EEssttôômmaaggoo

9
9

MMúússccuullooss && MMeerriiddiiaannoo ddoo EEssttôômmaaggoo

s s c c u u l l o o s s & & M M

10

SSiiggnniiffiiccaaddoo eemm tteerrmmooss ccllíínniiccooss MMeerriiddiiaannoo ddooEEssttôômmaaggoo • Tremores de MP
SSiiggnniiffiiccaaddoo eemm tteerrmmooss ccllíínniiccooss
MMeerriiddiiaannoo ddooEEssttôômmaaggoo
• Tremores de MP ao longo do membro e do tibial cranial;
• Espasmos da musc. do quadríceps e reto abdominal;
• Contratura de iliopsoas levando a dor lombar por desvio
de postura (encurvado);
• Dificuldade em manter postura para urinar e defecar;
• Passo a frente com MP pode estar mais curto
11
12
12
13
13
15
15
E01- Chéng qi – Lágrimas contidas Função energética: - Dispersa frio e vento perverso; -
E01- Chéng qi – Lágrimas contidas
Função energética:
- Dispersa frio e vento perverso;
- Dispersa vento frio/ vento calor;
- Dispersa vento interno: tique na pálpebra.
Indicações: conjuntivite, oftalmopatias,
ceratite, retinite, glaucoma, ptose
palpebral, paralisia local.
17
E01- Chéng qi – Lágrimas contidas. Localização: diretamente abaixo do centro da pupila, entre o
E01- Chéng qi – Lágrimas contidas.
Localização:
diretamente abaixo do centro da pupila,
entre o globo ocular e a borda da
cavidade infraorbitária (nervo
infraorbitário)
Imagem:
estoque e liberação das lágrimas
14
16
16
E02- Sì bái – Quatro brilhos Localização: no forâmen infraorbitário Imagem: “brilho do olhos”, habilitando
E02- Sì bái – Quatro brilhos
Localização:
no forâmen infraorbitário
Imagem:
“brilho do olhos”, habilitando enxergar nas
quatro direções com claridade renovada
18
19
19
E02- Sì bái – Quatro brilhos Função energética: - expele o vento calor-frio; - limpa
E02- Sì bái – Quatro brilhos
Função energética:
- expele o vento calor-frio;
- limpa o calor
Indicações:
V
Expele parasitas
V
Oftalmopatias
V
influencia músculos, tendões e nervos da face
21
23
23
NNeerrvvoo IInnffrraaoorrbbiittáárriioo E02- Sì bái – Quatro brilhos VVLLiinnhhaa eennttrree BBoorrddaa
NNeerrvvoo IInnffrraaoorrbbiittáárriioo
E02- Sì bái –
Quatro brilhos
VVLLiinnhhaa eennttrree BBoorrddaa ssuuppeerriioorr ddoo
aarrccoo zziiggoommááttiiccoo ee bbaassee ddoo ccaanniinnoo
ssuuppeerriioorr ((ppoonnttoo mmééddiioo))
20
E04- Dì cãng – Celeiro da terra Localização: Na comissura lateral da boca. Ponto de
E04- Dì cãng – Celeiro da terra
Localização:
Na comissura lateral da boca.
Ponto de confluência com o meridiano do
Dachang (IG)
22
24
24
E04- Dì cãng – Celeiro da terra Função energética: - Expele o vento; - Remove
E04- Dì cãng – Celeiro da terra
Função energética:
- Expele o vento;
- Remove obstruções do meridiano;
- Beneficia músculos e tendões.
Indicações:
Principal ponto local para paralisia de nervo
facial e afasia, dores de dente, alterações em
lábio, neuralgia do trigêmio, espasmo
palpebral
25
27

27

E06 – Jia Che – Carruagem da mandíbula Localização: Depressão na “barriga” do músculo masseter,
E06 – Jia Che – Carruagem da
mandíbula
Localização:
Depressão na “barriga” do músculo masseter,
rostral ao ângulo da mandíbula.
Imagem:
Influencia no músculo masseter que movimenta
a mandíbula
24
E05 – Daying Localização: Situa-se na borda inferior do músculo masseter, onde se palpa a
E05 – Daying
Localização:
Situa-se na borda inferior do músculo masseter,
onde se palpa a artéria facial.
FE:
Cruzamento com IG;
Indicações:
Odontalgia, gastrite, paralisia facial, alterações
de faringe e pescoço
Não é IV 26 AS
28
28
24
24
31
31
E18– Ju Gen – Rota da mama. Localização – craniolateral ao umbigo, em um ângulo
E18– Ju Gen – Rota da mama.
Localização
– craniolateral ao umbigo, em um ângulo entre o arco costal
e o processo xifóide
– local
onde
a
veia
epigástrica
cranial
superficial
se
internaliza, normalmente entre o 9 e 8 EIC.
Indicações:
ponto para
liberação
de
leite para
o
bezerro.
Não é IV 33
AS
35
35
E06 – Jiá Che – Carruagem da mandíbula Função Energética: - dispersa frio e vento
E06 – Jiá Che – Carruagem da
mandíbula
Função Energética:
- dispersa frio e vento perverso;
- dispersa o calor;
Indicações:
V
Patologias locais
V
Paralisia facial
V
Rigidez musculatura cervical
V
Afasia
V
Dor dentária
V
Disfunção temporomandibular
32
E25 – Tian shu – Pilar celestial Localização: 2 tsun ao lado da cicatriz umbelical
E25 – Tian shu – Pilar celestial
Localização:
2 tsun ao lado da cicatriz umbelical
Imagem:
V Área de influência – VC8 – portão do palácio do
espírito
V
Porta de entrada das energias
hereditárias (Jing-Yuan Chi)
V
Nome de estrela na constelação de Ursa
menor (estrela polar que se move no
equinócio)
34
E25 – Tian shu – Pilar celestial Pon t o de alarme do I G
E25 – Tian shu – Pilar celestial
Pon t o de alarme do I G ( D a c h a n g )
Funções:
V
Regula
V Chi e Yang do Baço (Pi)
V Chi e Yin do Estômago (Wei)
V
regula umidade GI
V regula a estagnação digestiva
Indicações:
V alterações digestórias
36
E29 – Gui Lai/ Yang Ming – Palácio púrpura BOVINO • Localização: nas laterais da
E29 – Gui Lai/ Yang Ming –
Palácio púrpura
BOVINO
• Localização:
nas
laterais da base do teto (4
pontos por teto).
• Homem: lateral ao VC3
• Indicações: mastite,
vaginite, retenção urinária
Não é IV 37 AS
39
39
41
41
E30 – Qi Chong – Caminho do Qi Ponto mar da nutrição; Ponto de intersecção
E30 – Qi Chong – Caminho do Qi
Ponto mar da nutrição;
Ponto de intersecção do VC,
VG e Chong Mai no canal
do estômago;
FE:
• estabiliza a essência e os
orifícios inferiores;
• regula o Qi, Xue, tonifica o Qi
nutritivo;
• regula a menstruação,
revigorando e contendo o
sangue;
• Alterações genitais
Não é IV 38 AS
E35- Du bi – Nariz do bezerro Localização: V depressão distal a patela e lateral
E35- Du bi – Nariz do bezerro
Localização:
V depressão distal a patela e lateral ao ligamento
patelar
V Olho lateral do joelho
Imagem:
V Na flexão do joelho humano, os dois orifícios
lateral e medial distais à patela aparentam um
nariz de bezerro
40

E35- Du bi – Nariz do bezerro

42
42
orifícios lateral e medial distais à patela aparentam um nariz de bezerro 40 E35- Du bi
43
43
44
44
E35- Du bi – Nariz do bezerro Função Energética: V Dispersa vento e frio perverso
E35- Du bi – Nariz do bezerro
Função Energética:
V
Dispersa vento e frio perverso
V
Clareia o calor
Indicações:
V
Dor local
V
Rigidez muscular local
V
Paralisia de membro pélvico
45
46
Xiyan – Olho do joelho medial Localização: V depressão distal a patela e medial ao
Xiyan – Olho do joelho
medial
Localização:
V
depressão distal a patela e
medial ao ligamento patelar
V
Olho medial do joelho
Função Energética:
V
Dispersa
vento
e
frio
Xiyan
perverso
V
Clareia o calor
47
48
48
E36 – Zu san li – Três milhas Localização: • 3 Tsun distal a patela
E36 – Zu san li – Três milhas
Localização:
• 3 Tsun distal a patela ou ao E35, 1 tsun ao lado da
crista anterior da Tíbia
Imagem:
V
Efeito tonificante
V
Aumenta a força muscular antes do exercício
V
Número 3: atividade; Yang
V
“três unidades no pé” - localização
49
51
51
E 36 53
E 36
53
LLooccaalliizzaaççããooddoo PPoonnttooEE3366 50
LLooccaalliizzaaççããooddoo PPoonnttooEE3366
50
52
52
E36 – Zu san li – Três milhas • Função Energética – Ponto mais terra
E36 – Zu san li – Três milhas
• Função Energética
– Ponto mais terra do
corpo
– “Terra na terra”
– Ponto mestre de
abdômen superior e GI
– Tonifica Gu Chi
(alimento)
– Tonificação geral
54
E36 – Zu san li – Três milhas • Função Energética – Transforma a umidade
E36 – Zu san li – Três milhas
• Função Energética
– Transforma a umidade
– Tonifica e regula Bp (Chi e Yang)
– Regula E (Chi e Yin)
– Regula TA médio e inferior
– Regula digestão
– Redireciona Chi rebelde
para baixo
– Dispersa vento e frio
55
E36 – Zu san li – Três milhas • Indicações: – Regula e tonifica Pulmão
E36 – Zu san li – Três milhas
• Indicações:
– Regula e tonifica Pulmão (Fei)
– Tonifica Rim (Shen) e Jing
– Facilita fluxo de Chi e Xue
– Regula umidade e umidade-calor
– Tonificação muscular em casos de paresia e
paralisia
57
E36 – Zu san li – Três milhas • Indicações: – Alterações abdominais – Alterações
E36 – Zu san li – Três milhas
• Indicações:
– Alterações abdominais
– Alterações GI
• Gastrite
• Hiporexia
• Gastralgia
• Vômito
56
EE 4400 –– FFeenngg lloonngg –– FFlloorreesscceerr aabbuunnddaannttee Localização V a meia distância entre o
EE 4400 –– FFeenngg lloonngg –– FFlloorreesscceerr
aabbuunnddaannttee
Localização
V a meia distância entre o E35 e o maléolo lateral da
fíbula, entre os músculos tibial cranial e extensor
digital longo (ou 8 tsun do maléolo lateral da tíbia)
Imagem
V
Ponto de conexão do E onde o Chi é profuso
V
Também traduzido como “trovão” – energia
abundante que quando em excesso passa ao Baço
58
Pontos de influência B a Hu i X u e • E 40 - fleugma
Pontos de influência
B a Hu i X u e
• E 40 - fleugma
59 54
54
 

60

55

54

61 62
61
62
63
63
EE 4400 –– FFeenngg lloonngg –– FFlloorreesscceerr aabbuunnddaannttee Indicações V Problemas respiratórios
EE 4400 –– FFeenngg lloonngg –– FFlloorreesscceerr
aabbuunnddaannttee
Indicações
V
Problemas respiratórios
V
Alterações GI
V
Dor de garganta
V
Fadiga das extremidades
V
Paralisia
V
Atrofia muscular
V
AVC
56
EE 4400 –– FFeenngg lloonngg –– FFlloorreesscceerr aabbuunnddaannttee Função energética V PONTO PARA
EE 4400 –– FFeenngg lloonngg –– FFlloorreesscceerr
aabbuunnddaannttee
Função energética
V
PONTO PARA COMBATER UMIDADE
V
Regula sistema GI
V
Reduz calor do E (Wei)
V
Drena influência patogêinica do P (Fei)
V
Transforma Umidade/fleuma
V
Acalma o Shen, transforma fleuma/calor
V
Dispersa vento e vento/fleuma
64

54

65

E 41 – Jie xi – Libera a correnteza/ o fluxo

Localização:

V

linha média ventral da articulação do tarso

V

entre o tendão do extensor digital longo e o músculo tibial cranial

Imagem:

V

Liberação de estagnação de fluxo de Chi

V

Liberação da restrição articular

V

“desatar” - local que os pés eram atados

66

57

fluxo de Chi V Liberação da restrição articular V “desatar” - local que os pés eram

54

67
67
69
69

58

68
68
70
70

54

71 59 72 54

71

59

72
72

54

E 41 – Jie xi – Libera a correnteza/ o fluxo • Função Energética: –
E 41 – Jie xi – Libera a
correnteza/ o fluxo
• Função Energética:
– Ponto Rio e Fogo;
• Indicações:
– Harmoniza função energética E e BP;
– Dispersa vento e calor
– Acalma o espírito e clareia a mente
– Dor distal em membro pélvico
– Atrofia muscular
73
E 43 – Xian Gu – Vale profundo (F3?) • Localização: • depressão distal a
E 43 – Xian Gu – Vale profundo (F3?)
• Localização:
• depressão distal a junção do segundo e
terceiro osso metatarsos
• Imagem
– “vale” entre o segundo e terceiro metatarso
75

60

E 41 – Jie xi – Libera a correnteza/ o fluxo Indicações: - Padrões de
E 41 – Jie xi – Libera a
correnteza/ o fluxo
Indicações:
- Padrões de excesso psicossomáticos
- Convulsão
- Atrofia muscular de membro pélvico
- Edema cerebral e facial
- Tontura
- Vômito
- Distensão abdominal
74
- Constipação
76
76
E 43 – Xian Gu – Vale profundo (F3?) • Função Energética: – Ponto riacho
E 43 – Xian Gu – Vale profundo (F3?)
• Função Energética:
– Ponto riacho e madeira
– Regula o Qi do W ei
– Transforma a umidade e calor do Wei
– Dispersa vento e calor;
54

77

78

61

54

E 44 Nei ting Pátio interno

E 43 – Xian Gu – Vale profundo (F3?) • Indicações: – Edema – Dor
E 43 – Xian Gu – Vale profundo (F3?)
• Indicações:
– Edema
– Dor abdominal
– Tonsilite
– Conjuntivite
– Dor muscular
– Edema local
79
81
81

62

E 44 – Nei ting – Pátio interno Localização: • distal as articulações metatarso-falangeanas do
E 44 – Nei ting – Pátio
interno
Localização:
• distal as articulações metatarso-falangeanas
do 2º e 3º dedo, próximo a “rede” interdigital
Imagem:
• Localização no espaço interdigital
80
EE4444 82
EE4444
82
E 44 – Nei ting – Pátio interno Função energética • Ponto água e fonte
E 44 – Nei ting – Pátio
interno
Função energética
• Ponto água e fonte (cinco movimentos)
• Regula o Qi do E (Wei) e Intestinos;
• Transforma a umidade e calor do Wei;
• Drena as influencias patogênicas do Wei.
• Drena vento-calor da face
54

83

• Trata a dor no canal do Wei

84

63

54

E 44 – Nei ting – Pátio interno Indicações • Diarréia por umidade-calor • Enterite
E 44 – Nei ting – Pátio
interno
Indicações
• Diarréia por umidade-calor
• Enterite aguda ou crônica
• Constipação por calor
• Dor e distensão abdominal
• Hiporexia
• Epistaxe
• Neuralgia do trigêmio
• Paralisia facial
85
E45 – Li dui – Dissipa o mal Localização: • No canto ungueal lateral do
E45 – Li dui – Dissipa o mal
Localização:
• No canto ungueal lateral do segundo dedo
Imagem:
• Habilidade de acalmar o espírito para dissipar
as forças externas
• “Li” – violento
• Vento: ser “possuido” por espírito
• “dui”- palavras que dispersam a tristeza e
agradam o ouvido
87

64

86
86
88
88

54

EE4455

89

90

65 54
65
54
E E 4 4 5 5 8 9 9 0 65 54
E45 – Li dui – Dissipa o mal Função Energética: - Ponto metal e poço
E45 – Li dui – Dissipa o mal
Função Energética:
- Ponto metal e poço
V Seda o meridiano, pois o metal é filho da terra;
V Traz o calor para as partes baixas do corpo;
V Dispersa calor perverso e umidade;
V Acalma o espírito por
dispersas
as
forças
externas – ataques de ventos extremos
V Frio e perda de sensibildade periférica
91
Baço-Pâncreas PI 93
Baço-Pâncreas
PI
93
95 66
95 66
E45 – Li dui – Dissipa o mal Indicações: • Hepatite • Indigestão • Edema
E45 – Li dui – Dissipa o mal
Indicações:
• Hepatite
• Indigestão
• Edema facial
• Dor dentária
• Amigdalite
• Dor abdominal
• Febre
• Epilepsia
92
94
MMeerriiddiiaannooddoo BBaaççoo-- PPâânnccreeaass r 54
MMeerriiddiiaannooddoo BBaaççoo--
PPâânnccreeaass
r
54
 

96

67

54

97
97
99
99

68

Trajeto do Baço-pâncreas • Ângulo ungueal medial do segundo dedo do membro pélvico. Ascende pela
Trajeto do Baço-pâncreas
• Ângulo ungueal medial do segundo dedo do
membro pélvico. Ascende pela porção
medio-dorsal do membro até a virilha, se
lateraliza atingindo a tuberosidade coxal,
onde segue cranialmente pelo abdome
ventro-lateral até o 7º EIC. Ramo profundo:
penetra a cavidade abdominal, estômago,
baço e através do diafragma atinge o
coração. Um outro ramo pequeno passa a
região laringo faríngeana até a região
sublingual
98
BP3 – Tai bai – grande brilho Localização: • Porção medial do membro pélvico, proximal
BP3 – Tai bai – grande brilho
Localização:
• Porção medial do membro pélvico, proximal a
articulação metatarsofalangeana
• Lado medial do 2º metatarso
Imagem:
• Planeta Vênus
• Para os antigos Vênus é guerreiro (movimentos
planetários correspondiam aos conflitos
militares na terra)
100

54

101 102 69 54
101
102
69
54
103
103
BP3 – Tai bai – grande brilho Indicações: • Gastroenterite • Edema • Náusea/vômito •
BP3 – Tai bai – grande brilho
Indicações:
• Gastroenterite
• Edema
• Náusea/vômito
• Diarréia/Constipação
• Obesidade
105

70

BP3 – Tai bai – grande brilho Função Energética: - Ponto fonte, ribeirão e terra
BP3 – Tai bai – grande brilho
Função Energética:
- Ponto fonte, ribeirão e terra
• Harmoniza e fortalece o Qi e Yang do BP (Pi)
• Regula o E (Qi e Yin) e IG
• Transforma umidade e umidade calor
• Afeta os estágios iniciais de alterações no
Intestino Grosso (Metal/ Yang).
• Fortalece e endireita a coluna;
• Dispersa a fleuma do Fei por deficiência do Pi.
104
BP4 – Gong sun – ancestral e descendente Localização: • 1 tsun proximal ao BP3
BP4 – Gong sun – ancestral e
descendente
Localização:
• 1 tsun proximal ao BP3 em uma depressão
distal a base do primeiro osso metatarsiano
Imagem:
• Ponto de confluência do Chong Mai (vaso
penetrante) - relacionado ao Jing – concepção
e nutrição do feto (Bp4-Pc6)
• Ponto Luo
• Sobrenome do Imperador Amarelo
106

54

107 108 71 54
107
108
71
54
109
109
BP4 – Gong sun – ancestral e descendente Indicações: • Dor abdominal • Icterícia •
BP4 – Gong sun – ancestral e
descendente
Indicações:
• Dor abdominal
• Icterícia
• Enterite
• Edema
• Vômito
• Sangramento digestivo
• Sonolência
111

72

BP4 – Gong sun – ancestral e descendente Função Energética: - Ponto Luo • Regula
BP4 – Gong sun – ancestral e
descendente
Função Energética:
- Ponto Luo
• Regula o W ei, o jiao médio e o inferior;
• Revigora o sangue; regula o Chong Mai e a
menstruação
• Transforma umidade e umidade/calor
• Acalma o espírito
110
BP 6 – SAN YIN JIAO (Encontro dos 3 yins) Localização: • 3 tsun proximal
BP 6 – SAN YIN JIAO
(Encontro dos 3 yins)
Localização:
• 3 tsun proximal ao maléolo medial, na face
posterior da tíbia (contrário VB 39)
Imagem:
• interseccção dos 3 canais Yin do membro
pélvico
112

54

113
113

73

113 73 114 54

114

54

Ponto mestre • BP 6 – abdomen caudal – urogenital BBPP 66 115
Ponto mestre
• BP 6
– abdomen caudal
– urogenital
BBPP 66
115
117
117
BP 6 – SAN YIN JIAO (Encontro dos 3 yins) Indicações • Pancreatite • Enterite
BP 6 – SAN YIN JIAO
(Encontro dos 3 yins)
Indicações
• Pancreatite
• Enterite
• Edema
• Fadiga de membro pélvico
• Dirréia com dor abdominal
• Leucorréia
• Infecção do trato genitourinário
• Sangramento
• Parto difícil
74
116
116
BP 6 – SAN YIN JIAO (Encontro dos 3 yins) Função energética: MESTRE DO ABDÔMEN
BP 6 – SAN YIN JIAO
(Encontro dos 3 yins)
Função energética:
MESTRE DO ABDÔMEN INFERIOR E
GENITOURINÁRIO
• Fortalece o Chi dos três meridianos Yin do pé;
• Harmoniza Chi do sangue; Tonifica o baço;
• Harmoniza Via das águas;
• Harmoniza a função do útero e próstata;
• Dissolve umidade calor;
• Beneficia o rim e fígado
• Regula menstruação
118

prolapso

119

54

BP 9- Yin Lin Quan – Nascente yin do monte

Localização:

• abaixo e posterior ao côndilo medial da tíbia e o gastrocnêmio, na altura do platô da tíbia

• Oposto ao VB34

Imagem:

• Localização: fonte na base do monte

• Fonte de Yin

12

0

75

do platô da tíbia • Oposto ao VB34 Imagem: • Localização: fonte na base do monte

54

121
121
123
123
BP10- Xue hai – Mar de sangue Localização: • com o joelho flexionado, o ponto
BP10- Xue hai – Mar de sangue
Localização:
• com o joelho flexionado, o ponto se localiza 2
tsun sobre a borda crânio-medial da patela, à
frente do côndilo femoral
Imagem:
• Função de regulação e distribuição de
sangue
76
BBPP99 122
BBPP99
122
BP 9- Yin Lin Quan – Nascente yin do monte) Função energética e Indicações: •
BP 9- Yin Lin Quan –
Nascente yin do monte)
Função energética e Indicações:
• Ponto HO: água que mantém líquido na circulação;
• Resolve a umidade; beneficia a micção
• o
Beneficia
jiao
inferior;
remove
obstrução
dos
meridianos
• Ponto de influência da circulação venosa
124

54

125 126 77 54
125 126 77 54

125

126

77

54

127
127
BP10- Xue hai – Mar de sangue Função energética e Indicações: • Esfria o Xue
BP10- Xue hai – Mar de
sangue
Função energética e Indicações:
• Esfria o Xue
• Remove a estase de Xue
• Regulariza a menstruação;
• Tonifica o Xue
• Todos os tipos de sangramento
• Herpes Zoster
129
Efeito da acupuntura, eletroacupuntura e erva chinesa na coagulação sangüínea em eqüinos • 24 equinos
Efeito da acupuntura, eletroacupuntura e erva
chinesa na coagulação sangüínea em
eqüinos
• 24 equinos divididos em 4 grupos de 6 animais
– G1: Bp 10, B 17 and 20 e VG 7 por 20 minutos
– G2: pontos falsos pr 20 minutos
– G3: eletroacupunctura como em G1 (5 Hz/3 V)- 10
min
– G4 2 g de Yun Nan Bai Yao Wan ( Panax
ps eudogi ns eng )
78
BBPP1100 128
BBPP1100
128
AAnnggeellii,, AA LL ;; JJooaaqquuiimm,, JJ GG FF ;; ;; BBuullllaa,, CC ;; LLuunnaa,, SS
AAnnggeellii,, AA LL ;; JJooaaqquuiimm,, JJ GG FF
;;
;;
BBuullllaa,, CC
;;
LLuunnaa,, SS PP
TTaakkaahhiirraa,, RR KK
LL
VVeetteerriinnaarryy RReeccoorrdd,, vv 115577,, pp 666622--666644,, 22000055
130
VVGG 77 BB 1177 BB 2200 54
VVGG 77
BB 1177
BB
2200
54

1

3

1

BBpp 1100

132

79

54

Efeito da acupuntura, eletroacupuntura e erva chinesa na coagulação sangüínea em eqüinos • Mensurações: –
Efeito da acupuntura, eletroacupuntura e
erva chinesa na coagulação sangüínea em
eqüinos
• Mensurações:
– Antes do tratamento (controle)
– 30 minutos após o final da acupuntura e
eletroacupuntura (G1, G2 e G3)
– 1 h após a administração da erva (G4)
– 24 horas após em todos os grupos
133
Plaquetas (celc/ l) aanntteess aappóóss 3300--6600 mmiinn aappóóss 2244hh ** 118800000000 ** 114400000000
Plaquetas (celc/ l)
aanntteess
aappóóss 3300--6600 mmiinn
aappóóss 2244hh
**
118800000000
**
114400000000
110000000000
6600000000
2200000000
00
EEAA
FFaallssaa
AAccuupp
eerrvvaa
u
ggrr 1 u
u 35 ppoo
Conclusões • Acupuntura aumentou a atividade da fase extrínsica de coagulação e mais especificamente o
Conclusões
• Acupuntura aumentou a atividade da
fase extrínsica de coagulação e mais
especificamente o fator VII relacionado
à hemostasia secundária
• Pana x p s e u d o g i n s e n g aumentou a
contagem de plaquetas, relacionada
com hemostasia primária
80
Tempo de protrombina (segundos) aanntteess 2222 aappóóss 3300--6600 mmiinn 2211 ** 2200 1199 1188 EEAA
Tempo de protrombina (segundos)
aanntteess
2222
aappóóss
3300--6600 mmiinn
2211
**
2200
1199
1188
EEAA
FFaallssaa
AAccuupp
eerrvvaa
ggrruuppoo
134
Efeito da acupuntura, eletroacupuntura e erva chinesa na coagulação sangüínea em eqüinos • Contagem de
Efeito da acupuntura, eletroacupuntura e
erva chinesa na coagulação sangüínea em
eqüinos
• Contagem de plaquetas aumentou 1 h
após a administração da erva e
permaneceu aumentada por 24 hs
• Tempo de protrombina reduziu 24 hs
após acupuntura
136

54

137

81

54