Você está na página 1de 3

Sociedade Rorschach de São Paulo 50 anos de Tradição

CRONOLOGIA
PROF. DR. ANIBAL SILVEIRA
(1902-1979)
1902 Nasce Anibal Cipriano da Silveira Santos em São Roque, São Paulo.
1924 Recebe diploma da Escola Normal e Grau de Bacharel em Ciências e Letras (Psicologia).
1927-1931 Estudos de Genética Humana (Orientação: Charles Davenport (EEUU), Nilson-Ehle e H.
Lundborg (Suécia) “Higiene Mental e Combate à esterilização eugênica compulsória”.
1930 Recebe o diploma da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.
1931 Tese de Doutoramento em Clínica Psiquiátrica – Faculdade de Medicina da Universidade de
São Paulo.
1931-1934 Anátomo-Patologista Clínica Assistência aos Psicopatas no Estado de São Paulo.
1935-1941 Médico do Hospital do Juqueri.
1941 Livre Docência em Psiquiatria pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo: “O Carta de Meduna (16/10/1937)
método de Meduna em esquizofrênicos crônicos”. “Seus resultados são
surpreendentes, aconselho-o a
publicar em inglês ou alemão”.
Membro da Orthopsychiatrie Association;
Presidente do Departamento Neuropsiquiátrico da Associação Paulista de Medicina
1941-1942 Fellow em Fisiologia do Cortex Cerebral da John Simon Guggenheim Memorial Foundation Carta de W.S. McCulloch
– Pesquisa da Interação Córtico-Cortical entre a área 7 (Parieto-temporal) e área 6 (Frontal), (11/12/1942) ao diretor da
utilizando termo coagulação laminar, aplicação local da estricnina e eletrocorticograma. Faculdade de Medicina da
Aprovado pelos professores Dusser de Barenne, Foerster, Kleist e Vogt. Universidade de São Paulo:
“Verificamos desde o começo a
capacidade mental incomum do
Dr. Silveira. Espero, não por
causa dele mas por nossa causa,
que ele disponha de facilidades
para continuar no Brasil. Os
cérebros de alguns animais de
Sociedade Rorschach de São Paulo 50 anos de Tradição

experiência ficarão conosco para


preparações histológica, as quais
a enviaremos para ele”.
Nota: Naufrágio do navio e
desaparecimento de todo material
de pesquisa.
1942-1943 Pesquisador no Programa de Pesquisas de Bailey (Neurocirurgia), McCulloch
(Neurofisiologia) e Von Bonin (Citoarquitetônica Cerebral).
1942 Membro do Institute for Psychoanalysis de Chicago (Prof. F. Alexander).
1945 Prêmio “A Austragésilo” de Neurologia. Academia Nacional de Medicina.
1946 Professor Livre Docente de Cursos de Aperfeiçoamento da Faculdade de Medicina da Não integrou o Corpo Docente
Universidade de São Paulo.
1950 Diretor brasileiro da III Seção Internacional de Anatomofisiologia Cerebral e Biologia.
1952-1953 Presidente da Sociedade Rorschach de São Paulo.
1953 Professor de Psicologia nos Cursos de Filosofia, Pedagogia e Ciências Sociais da Faculdade
de Filosofia Ciências e Letras da Universidade de São Paulo.
1958-1964 Professor do Primeiro Curso Oficial de Psicologia da Faculdade de Filosofia Ciências e Letras Departamento nega realização de
da Universidade de São Paulo (disciplinas Psicologia Fisiológica, Psicopatologia Geral e Concurso e não renova o contrato
Especial e Prova de Rorschach). do professor.
1959 Atividade Clínica e Frankfurt am Main com o Professor Kleist. Carta de Kleist (tradução
13/07/1959):
“Não conheço pessoa alguma que
haja compreendido tão
completamente o meu modo de
trabalho e os resultados de
minhas pesquisas com o senhor.
Eu seria muito feliz se
pudéssemos novamente nos
encontrar”.
1964 Concurso de Títulos na Faculdade Paulista de Medicina.
Sociedade Rorschach de São Paulo 50 anos de Tradição

1965-1967 Organizador e Diretor do Departamento de Psiquiatria da Faculdade de Ciências Médicas e


Biológicas, Botucatu, SP
Professor de Psiquiatria da Faculdade de Medicina de Botucatu.
1968-1969 Organizador e Orientador Técnico-Científico do Instituto de Neuro-Psiquiatria da Fundação
“Américo Bairral”, Itapira, SP.
1970 Organizador e Coordenador do Departamento de Psiquiatria, Faculdade de Medicina de
Jundiaí, SP.
1970-1973 Chefe do Departamento de Psiquiatria da Faculdade de Ciências Médicas, Universidade
Estadual de Campinas, SP.
1973-1975 Orientador Técnico-Científico do Departamento Psiquiátrico II, Coordenadoria de Saúde
Mental do Estado de São Paulo.
1977 Diretor da Faculdade de Medicina de Jundiaí, SP.
1979 Falece Aníbal Cipriano da Silveira Santos.

Trabalhos Científicos:
Os 425 trabalhos pode ser distribuído em 7 rubricas:

1) Higiene mental e eugenia; genética humana, em 60 unidades;


2) Patologia cerebral; localizações cerebrais – 36;
3) Psiquiatria clínica e geral – 125;
4) Psicologia em geral; antropologia Aplicada – 52;
5) Fisiologia cerebral; eletroencefalografia – 30;
6) Psicodiagnóstico de Rorschach – 112;
7) Leucotomia cerebral – 10 trabalhos.