Você está na página 1de 3
U NIVERSIDADE T ECNOLÓGICA F EDERAL DO P ARANÁ Campus Cornélio Procópio

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Campus Cornélio Procópio

U NIVERSIDADE T ECNOLÓGICA F EDERAL DO P ARANÁ Campus Cornélio Procópio

PRIMEIRA LISTA DE EXERCÍCIOS

Disciplina: Mecânica dos Fluidos 1 Curso: Engenharia Mecânica Turma: M51 Data: 26/2/2018 Número de exercícios: 12 Nome completo:

Valor: 10,0 pontos

Matrícula:

Exerc. 1) A distribuição de velocidade para um escoamento laminar desenvolvido entre placas paralelas é dada por:

u

máx = 1 2y

u

h

2

na qual h é a distância separando as placas e a origem está situada na linha mediana entre as placas. Considere um escoamento de água a 15 C com velocidade máxima de u máx = 0, 1[ m ] e h = 0, 1[mm].

s

a) Calcule a tensão de cisalhamento na placa superior e dê o seu sentido;

b) Esboce a variação da tensão de cisalhamento em uma seção transversal do canal;

c) Qual a força atuante sobre uma seção de 1[m 2 ] da placa inferior?

Exerc. 2) Descreva, com suas palavras, os efeitos das propriedades físicas do ar (ρ, µ) no consumo de combustível de um carro popular em duas condições distintas: (a) Na cidade e com velocidade máxima de 40[km/h] e; (b) na estrada, com velocidades entre 60[km/h] e 120[km/h].

Exerc. 3) Uma patinadora de estilo livre no gelo desliza sobre patins à velocidade V = 6[ m ]. O seu peso, de 450[N ], é suportado por uma fina película de água fundida do gelo pela pressão da lâmina do patim. Considere que a lâmina possui comprimento L = 0, 3[m] e largura w = 3[mm], e que a película de água tem espessura h = 0, 0015[mm]. Estime a desaceleração da patinadora que resulta do cisalhamento viscoso na película de água, desprezando efeitos das extremidades do patim.

s

Exerc. 4) Um viscosímetro com cilindros concêntricos pode ser formado pela rotação do membro interior de um par de cilindros bem ajustados. Para pequenas folgas anulares, um perfil de velocidade linear pode ser considerado no líquido que preenche essa folga. Um viscosímetro possui um cilindro interno de diâmetro igual a 100[mm] e altura de 200[mm], com a largura da folga anular de 0.025[mm], preenchida com óleo castor a 32 C. Determine o torque para mater o cilidro interno girando a 400[rmp].

] , preenchida com óleo castor a 32 ◦ C . Determine o torque para mater

Exerc. 5) Foi proposto empregar um par de discos paralelos para medir a viscosidade de uma amostra líquida. O disco superior gira a uma altura h acima do disco inferior. A viscosidade do líquido na folga deve ser calculada a partir de medições do torque necessário para girar o disco superior continuamente em regime permanente. Determine uma expressão algébrica para o torque necessário para girar o disco superior. Esse dispositivo poderia ser utilizado para medir a viscosidade de um fluido não-newtoniano? Explique.

a viscosidade de um fluido não-newtoniano ? Explique. Exerc. 6) Desenvolva uma expressão algébrica para o

Exerc. 6) Desenvolva uma expressão algébrica para o torque adimensional no membro esférico mostrado, como uma função de α. A folga entre o membro esférico e seu alojamento tem largura constante h.

membro esférico e seu alojamento tem largura constante h . Exerc. 7) Um cubo de carvalho
membro esférico e seu alojamento tem largura constante h . Exerc. 7) Um cubo de carvalho
membro esférico e seu alojamento tem largura constante h . Exerc. 7) Um cubo de carvalho

Exerc. 7) Um cubo de carvalho maciço, de volume 125[mL], é mantido submerso por um tirante, conforme mostrado. Calcule a força real da água sobre a superfície inferior do cubo e a tração no tirante.

a superfície inferior do cubo e a tração no tirante. Exerc. 8) O tubo mostrado está
a superfície inferior do cubo e a tração no tirante. Exerc. 8) O tubo mostrado está
a superfície inferior do cubo e a tração no tirante. Exerc. 8) O tubo mostrado está

Exerc. 8) O tubo mostrado está cheio com mercúrio a 20 C. Calcule a força aplicada no pistão.

a 20 ◦ C . Calcule a força aplicada no pistão. Exerc. 9) Um reservatório com
a 20 ◦ C . Calcule a força aplicada no pistão. Exerc. 9) Um reservatório com
a 20 ◦ C . Calcule a força aplicada no pistão. Exerc. 9) Um reservatório com
a 20 ◦ C . Calcule a força aplicada no pistão. Exerc. 9) Um reservatório com
a 20 ◦ C . Calcule a força aplicada no pistão. Exerc. 9) Um reservatório com

Exerc. 9) Um reservatório com dois tubos cilíndricos verticais de diâmetros d 1 = 39, 5[mm] e d 2 = 12, 7[mm] é parcialmente preenchido com mercúrio. O nível de equilíbrio do líquido é mostrado no diagrama da esquerda. Um objeto cilíndrico sólido, feito de latão, flutua no tubo maior conforme mostrado no diagrama da direita. O objeto possui

2

diâmetro D = 37, 5[mm] e altura H = 76, 2[mm]. Calcule a pressão na superfície inferior necessária para fazer flutura

o objeto. Determine o novo nível de equilíbrio, h, do mercúrio com a presença do cilindro de metal.

h , do mercúrio com a presença do cilindro de metal. Exerc. 10) Água flui para

Exerc. 10) Água flui para baixo ao longo de um tubo inclinado de 30 em relação à horizontal conforme mostrado. A diferença de pressão p A p B é causada parcialmente pela gravidade e parcialmente pelo atrito. Deduza uma expressão algébrica para a diferença de pressão. Calcule a diferença de pressão se L = 1, 5[m] e h = 150[mm].

de pressão se L = 1 , 5[ m ] e h = 150[ mm ]

Exerc. 11) Um tanque retangular, aberto para a atmosfera, está cheio com água até uma profundidade de 2, 5[m], conforme mostrado. Um manômetro de tubo em U é conectado ao tanque em um local 0, 7[m] acima do fundo do

tanque. Se o nível zero do fluido, com óleo Meriam azul, está a 0, 2[m] abaixo da conexão, determine a deflexão l após

a instalação do manômeto e a remoção de todo ao ar no tubo de conexão.

manômeto e a remoção de todo ao ar no tubo de conexão. Exerc. 12) O manômetro

Exerc. 12) O manômetro de utbo inclinado mostrado tem D = 96[mm] e d = 8[mm]. Determine o ângulo θ, necessário para fornecer um aumento de 5: 1 na deflexão do líquido, L, comparada com a deflexão total de um manômetro comum de tubo em U. Avalie a sensibilidade do manômetro de tubo inclinado.

3
3