Você está na página 1de 3

A Teoria dos Tipos Psicológicos Junguianos

Tipos Psicológicos – C.g. Jung:


Jung identificou quatro funções psicológicas fundamentais:- Pensamento; -
Sentimento; - Sensação; - Intuição.

Estas funções podem ser experimentadas de maneira INTROVERTIDA ou


EXTROVERTIDA.

Introversão e Extroversão
Principais características da introversão:

O movimento da energia consciente é em direção ao mundo interior. A realidade


interior é de vital importância.

Costuma ser caracterizada por uma natureza vacilante, meditativa, reservada, isolada
dos outros, recua diante dos objetos e está sempre na defensiva. Há o “medo do
objeto”.

A força motivadora (julgamentos, percepções, sentimentos, afeto e ações) vem de


fatores internos ou subjetivos.

As pessoas introvertidas são conservadoras, preferem o lar e amigos íntimos.


Considera o extrovertido um fanfarrão superficial.

Principais Características da Extroversão


- O movimento da energia consciente é em direção ao mundo exterior;

- O objeto (as coisas, as outras pessoas), a realidade exterior é de vital importância;

- Costuma ser caracterizado por uma natureza saliente, franca, que se adapta com
facilidade às situações propostas, estabelece rapidamente ligações e, pondo de lado
qualquer tipo de apreensão, arrisca-se com despreocupada confiança, a viver
situações desconhecidas;

- Há o “medo do que está dentro”;

- Suas forças motivadoras são os fatores externos;

- As pessoas extrovertidas gostam de viajar, de encontrar novas pessoas, de conhecer


novos lugares. São aventureiras e têm vida social intensa;

- Considera o introvertido desmancha prazeres, maçante e negativo.

As Quatro Funções
Jung chamou de FUNÇÕES RACIONAIS OU DE JULGAMENTO, o pensamento e o
sentimento, e de FUNÇÕES IRRACIONAIS OU DE PERCEPÇÃO, a intuição e a
sensação.
Funções Racionais (de julgamento):
Pensamento (fogo)
- É racional por ser função de discriminação lógica (julgamento);

- Refere-se ao processo de pensamento cognitivo;

- Nos diz do que se trata aquilo que existe;

- São tipos reflexivos, são planejadores;

- Julgam em termos de lógica e eficiência.

Sentimento (água)
- É racional porque avalia do que gostamos;

- É discriminatória e reflexiva;

- É a função do julgamento ou da avaliação subjetiva;

- Nos dá o valor;

- Tomam decisões de acordo com um julgamento de valores próprios: bom ou mau,


certo ou errado;

- Preferem emoções fortes e intensas, ainda que negativas, a experiências “mornas”.

Funções Irracionais (de percepção):


Sensação (terra)
- Vê o que está no mundo exterior;

- É a percepção por meio dos órgãos dos sentidos;

- Nos assegura que algo existe.

Intuição (ar-metal)
- Vê (capta) o que está no mundo interior;

- É a percepção a partir do inconsciente;

- Nos dá um palpite do que podemos fazer com isso.

Função Superior e Função Inferior:


O ideal seria ter acesso consciente à função exigida ou apropriada para cada
circunstância, mas não há controle consciente. Cada pessoa tem uma função
fortemente dominante, chamada de SUPERIOR OU DOMINANTE, e a mais utilizada,
porque é onde o indivíduo tem mais facilidade. Outras são relativamente
INFERIORES. As FUNÇÕES INFERIORES permanecem num estado mais ou menos
primitivo e infantil, às vezes semiconsciente ou totalmente inconsciente.

A FUNÇÃO INFERIOR guarda uma grande concentração de vida (sombra), e a


pessoa tem pouco entendimento ou controle sobre ela. Na meia idade, aspectos da
personalidade sempre negligenciados são cobrados. Este processo gera sofrimento,
pois para elevar a função inferior ao nível da consciência, é necessário inferiorizar a
função superior.

A FUNÇÃO INFERIOR é autônoma. Ex: vai desde a paixão até a raiva cega
(desequilíbrio no eixo madeira-metal do tipo I). Temos também A FUNÇÃO AUXILIAR,
que é consciente e parcialmente desenvolvida. É de natureza diferente da superior,
porém não antagônica. FUNÇÃO RACIONAL + FUNÇAO IRRACIONAL E VICE-
VERSA. Ex: PENSAMENTO PRÁTICO está associado à SENSAÇÃO PENSAMENTO
FILOSÓFICO, CIENTÍFICO está associado à INTUIÇÃO. INTUIÇÃO ARTÍSTICA está
relacionada com o SENTIMENTO INTUIÇÃO FILOSÓFICA sistematiza sua visão por
meio do PENSAMENTO.

Quanto mais desenvolvidas e conscientes forem às funções dominantes e auxiliar,


mais profundamente inconscientes serão seus opostos.