Você está na página 1de 43

LAUDATE O nome de Cristo.

Magnificai, glorificai Jesus, o Senhor.


Grande Rei, glória ao grande Rei,
1 - A CIDADE, Ó DEUS, PROTEGE Ele morreu,
A morte venceu
A cidade, ó Deus protege, É Rei dos reis!
Suas ruas, cada lar, J.W.Hayford
Seus cansados transeuntes,
Todo humano labutar. 4 - ALEGRAI-VOS

Guarda, ó Deus, os escritórios, Alegrai-vos sempre no Senhor,


Quem governa e nossa lei, Alegrai-vos no Senhor.
E que graças, toda a gente
Alegrai! Alegrai!
Renda a ti, supremo Rei.
Alegrai-vos no Senhor!
Abençoa a nossa indústria Autoria desconhecida
E o trabalho para o pão,
5 - ALEGRIA NO SENHOR
E que nós, ó Deus, cantemos:
“Tudo vem da tua mão”. Alegria no Senhor a nossa força é! (3x)
Alegria sem medida ele dá.
Abençoa as ferramentas
Do fiel trabalhador, Se tu tens alegria, poderás cantar,
Faze-as ágeis no serviço; Se tu tens alegria, poderás sorrir,
Gratos faze-nos, Senhor. Se tu tens alegria, poderás louvar,
Alegria sem medida ele dá.
Abençoa os nossos dias,
Autoria desconhecida
Nossa igreja vem guardar,
E que sempre em nossas vidas 6 - SALMO 19
Nós possamos te louvar.
João W. Faustini A lei do Senhor é perfeita
Dulce A. Costa E restaura a alma.
O testemunho do Senhor é fiel
2 - A DEUS GRAÇAS DAI E dá sabedoria aos símplices.
A Deus graças dai pela vida, São mais desejáveis
Dai graças pelo que Ele dá. Do que o ouro depurado
Dai graças pelos tempos idos São mais doces do que o mel
E por bênçãos que nos dará. E o destilar dos favos.
Dai graças pela primavera, Os preceitos do Senhor são retos
Outono, inverno e verão. E alegram o coração.
E por todo o pranto vertido, O mandamento do Senhor é puro
E a paz que traz ao coração. E ilumina os olhos.
Dai graças pelas alegrias, O temor do Senhor é límpido
E por dores que há também, E permanece para sempre.
Por todas nossas esperanças, Os juízos do Senhor são verdadeiros
Dai graças para sempre. Amém. E todos igualmente justos.
August Storm
Geoffrey Laycock As palavras dos meus lábios
E o meditar do meu coração
3 - LOUVOR AO GRANDE REI Sejam agradáveis na tua presença, ó Senhor.
Ó Senhor, ó Senhor.
Adorai, louvai ao grande Rei! As palavras dos meus lábios,
A Jesus seja toda glória e louvor. E o meditar do meu coração
Grande Rei, Sejam agradáveis na tua presença, ó Senhor.
Tal é o seu poder Sobre o Salmo 19:7-10,14
Que do seu trono flui prá seu povo
As bênçãos de Deus.
Exaltou com grande voz
7 - ALELUIA O teu povo é o meu povo, e o teu Deus é o meu
Deus,
Aleluia! Aleluia! Dai graças ao Criador. É o meu Deus.
Aleluia! Aleluia! Louvai sempre ao Senhor. Onde quer que morreres, eu morrerei,
Cristo é o Rei de toda a terra, E ali eu serei sepultada.
Senhor de toda a criação. Seja só a morte que venha a separar-me de ti.
Don Fishel Ruth 1:16-17
Carlos C. Zink
8 - GRAÇA DESLUMBRANTE
12 - A PALAVRA DE DEUS
A amável graça de Jesus, jorrando sem parar,
Das trevas me levou prá luz, no amor me fez morar. A palavra de Deus é o sustento
Do seu povo que é o povo de irmãos.
Não tenho mais qualquer temor: a graça me Caminheiros na estrada da vida
acolheu; Sempre em busca de libertação.
Perdi-me inteiro nesse amor e sou um novo eu.
A palavra de Deus ilumina,
A tua graça deslumbrante, Jesus, me vem curar; Dá vida e ensina seu povo a viver.
Em teu convívio fascinante desejo sempre estar.
A palavra de Deus não engana,
Embora em meio da aflição às vezes fique só, É certeza de um mundo melhor!
A graça inunda o coração e eleva-me do pó. Toda a Bíblia é caminho e esperança
Que o Senhor revelou para nós.
A tua graça surpreendente banhou-me de alegria,
Me faz viver sempre consciente e, enfim, me “Não se vive somente do pão
desafia. Mas de toda a palavra de Deus”.
Honra e glória cantemos ao Pai,
Enquanto a vida perdurar, a graça cantarei: Que em Jesus a palavra nos deu.
No seu caminho quero andar, na graça viverei. Mateus 4:4
John Newton Frei Fabretti
Trad. Jaci C. Maraschin
Melodia Escocesa 13 - O EVANGELHO
9 - A MELHOR ORAÇÃO A palavra é verdadeira e merece aceitação.
Jesus Cristo ao mundo veio dar-nos vida e seu
A melhor oração é o amor. (2x) perdão.
Se tu queres orar, então deves amar.
A melhor oração é o amor. Ele disse: “Eu sou a porta. O caminho eu sou
também,
Ó Senhor, eu não posso orar. (2x) E se não por mim somente, a Deus Pai não vai
Se não podes orar, então deves amar. ninguém."
A melhor oração é o amor.
Entre Deus e minha alma só Jesus é mediador;
Ó Senhor, eu já posso orar. (2x) Outro nome não existe como Cristo, o Salvador.
Se já podes orar, então sabes amar.
A melhor oração é o amor. Cristo salva totalmente, vive sempre a interceder
Autoria desconhecida A favor de todo aquele que por ele chega a Deus.
10 - AMOR Numa vida de obediência poderei participar
Desse amor incomparável que Jesus quer me
Amor, amor, amor, amor. ofertar.
Ser cristão é ser amor.
Ama a teu próximo Sejam glória e domínio a Jesus, o vencedor
Como a ti mesmo, Para mim Jesus é tudo, é meu grande Salvador.
Deus é amor.
Autoria desconhecida 14 - A PRESENÇA DE DEUS

11 - RUTH A presença de Jesus


Nossa vida enche de luz.
Aonde quer que tu fores, irei também, Preciosa fica, cada vez mais rica,
E onde quer que pousares, ali eu pousarei. Nossa vida com Jesus.
Autoria desconhecida Ulisses Torres
Melodia folclórica chilena
15 - SALMO 91
19 - A TUA GRAÇA
Aquele que habita
No esconderijo do Altíssimo, A tua graça é melhor que a vida. (2x)
À sombra do Senhor Meus lábios te louvam e assim bendirei,
Onipotente descansará, E em teu nome minhas mãos levantarei.
Autoria desconhecida
Direi do Senhor, ele é o meu Deus (3x)
Amém. (3x) 20 - A TUA PALAVRA ESCONDI
Sobre o Salmo 91:1-2
A tua palavra escondi,
16 - A ÁGUA No meu coração escondi,
Prá não pecar contra ti, não pecar,
Aqui chegando, Senhor, A tua palavra escondi.
Que poderemos te dar?
O meu coração já é teu,
Um simples coração Pois tu me salvaste, Senhor.
E uma vontade de cantar. Só quero viver para ti, só viver,
Recebe o nosso louvor Viver no teu santo amor.
E tua paz vem nos dar. Sobre o Salmo 119:11
E. D. Sellers
A tua graça, Senhor,
Melhor que a vida, será, 21 - A TUA PALAVRA, SENHOR

E o teu amor em nós A tua palavra Senhor


Será manancial É sinal de interesse por nós

De água boa a jorrar, Como um pai ao redor de sua mesa


Prá nossa sede estancar. Revelando seus planos de amor.
Simei Monteiro É feliz quem escuta a palavra
Albete Correia E a guarda no seu coração.
João W. Faustini
Neste encontro feliz de amigos
17 - ASSIM DEUS NOS AMOU Aprendemos a grande lição.
Assim Deus nos amou, Frei Luiz Turra
Até seu Filho dar; 22 - BELO
O qual morreu na cruz,
A fim de nos salvar. Belo, prá mim, é criança a brincar,
Um dia ele há de vir, É ouvir mil canções numa concha de mar.
Com glória reluzir, É chuva caindo, é campo em flor,
Tal é o seu amor sem par. E acima de tudo é o amor.
João 3:16 Belo, prá mim, quando estou a sofrer
F. Towsend E a treva na alma começa a crescer,
A. B. Smith Lembrar com alegria que além, muito além,
A espera de mim existe alguém.
18 - A TI, SENHOR, TE PEDIMOS Ah! Ah! Existe alguém.
A ti, Senhor, te pedimos o teu perdão, teu alento; Ah! Ah! Existe alguém.
Pecamos por nossos atos, palavras e pensamentos. Autoria desconhecida

De tempos já sem memória vivemos tão separados 23 - SALMO 137


Da tua mesa bendita: perdoa nossos pecados. Bem pertinho do riacho,
De tempos já sem memória vivemos tão separados Lá nas terras da Babilônia,
De todos os que tu amas: perdoa nossos pecados. Nos sentamos com saudade,
Com vontade de chorar.
De tempos já sem memória viemos desesperados
Em lutas, ódio e malícia: perdoa nossos pecados No pezinho de salgueiro
Nossa harpa tão só ficou. Eu tenho um rei em Canaã. (3x)
Nos pediam canto novo, Ó! Glória a Deus!
Mas a gente não cantou. Caminhando eu vou para Canaã.
Que saudade lá de casa! Jesus me espera em Canaã. (3x)
Que saudade, meu Senhor! Ó! Glória a Deus!
Frei Fabretti Caminhando eu vou para Canaã.
24 - BENDITO E SANTO Nós todos vamos para Canaã. (3x)
Ó! Glória a Deus!
Bendito e santo (3x) Caminhando eu vou para Canaã.
És tu, Senhor, Autoria desconhecida
Humildemente nós te adoramos.
Bendito e santo és tu, Senhor. 28 - CAMINHEMOS UNIDOS
Reconhecemos nosso pecado, Caminhemos unidos guiados pela luz,
Arrependidos pedimos perdão. O Espírito é o poder que nos conduz.
Humildemente nós te adoramos.
Arrependidos pedimos perdão. Caminhemos guiados pelo seu poder,
O Espírito nos vem fortalecer.
Tu nos perdoas, (3x)
Senhor Jesus. Caminhemos crescendo no seu mais puro amor,
Humildemente nós te adoramos. O Espírito renasce como a flor.
Tu nos perdoas, Senhor Jesus. Caminhemos alegres prá nova criação,
Agradecidos, nós te louvamos. O Espírito nos fala na canção.
Agradecidos por teu grande amor.
Humildemente nós te adoramos. Ao seu reino de paz, de beleza e de alegria,
Agradecidos por teu grande amor. O Espírito nos chama noite e dia.
Amy Carmichel Jaci C. Maraschin
Trad. Lida E. Knight Sydney Carter
Mary Mills
29 - CANTA, DÉBORA, CANTA
25 - BUSCAI PRIMEIRO
Canta, Débora, canta (2x)
Buscai primeiro o Reino de Deus Mãe de Israel, líder dos exércitos,
E a sua justiça. Canta um hino ao Senhor:
Todas as coisas vos serão acrescentadas.
Aleluia! Aleluia! Como Deus é bom! Deus é bom!
Ele escolhe os humildes.
Nem só de pão o homem viverá, Como Deus é bom! Deus é bom!
Mas de toda a palavra Ele os fortalece com seu poder.
Que procede da boca de Deus.
Aleluia! Aleluia! Canta, Débora, canta (2x)
Mateus 6:33 Todos os que cantam levantem suas vozes,
Karen Lafferty Cantem um hino de louvor:
Sobre Juízes 5
26 - CAMINHAMOS PELA LUZ DE DEUS Luiza Cruz
Caminhamos pela luz de Deus, 30 - CANTAI AO SENHOR
Caminhamos pela luz de Deus.
Cantai ao Senhor um cântico novo. (3x)
Caminhamos, caminhamos. Ô! Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor.
Caminhamos pela luz de Deus.
Tradicional sul-africano Porque ele fez, ele faz maravilhas. (3x)
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor.
27 - CAMINHANDO EU VOU PARA CANAÃ
Cantai ao Senhor, bendizei o seu nome. (3x)
Caminhando eu vou para Canaã. (3x) Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor.
Ó! Glória a Deus!
Caminhando eu vou para Canaã. É ele quem dá o Espírito Santo. (3x)
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor.
Jesus é Senhor. Amém, aleluia. (3x) E vem comigo lutar, lutar
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. E vem comigo lutar,
Sobre o Salmo 98 Vem lutar, vem lutar.
Melodia popular brasileira Simei Monteiro
31 - CANTAI AO SENHOR 34 - ACLAMAÇÃO DA PALAVRA
Cantai ao Senhor um cântico novo. (3x) Chegou a hora da alegria.
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. Vamos ouvir esta palavra que nos guia. (2x)
Porque ele fez, ele faz maravilhas. (3x) Tua palavra vem chegando bem veloz
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. Por todo o canto hoje se escuta a tua voz.
Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!
Livrou o seu povo do mal do Egito. (3x)
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. Nada se cria sem a força e o calor
Que sai da boca de Deus, nosso Criador.
É sempre fiel a sua aliança. (3x) Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor.
A tua lei, ó meu Senhor, é perfeição.
Amados são todos que buscam justiça. (3x) Conforta a alma e nos educa prá união.
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!
Mandou-nos Jesus, o Salvador. (3x) O mandamento de meu Deus é retidão,
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. É luz nos olhos e prazer no coração.
Sobre o Salmo 98 Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!
Melodia popular brasileira
Esta é a palavra da certeza e da justiça
32 - VINDE, CANTEMOS AO SENHOR Que nos liberta da opressão e da cobiça.
(Cantemos!) Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!

Vinde, cantemos ao Senhor! É mais que ouro e mais que sol a tua lei.
(Cantemos!) Dos teus caminhos, meu Deus, não desviarei.
Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!
Amém, Senhor. Amém, Senhor.
Vinde, cantemos ao Senhor! Bendita seja esta palavra do Senhor,
Melodia tradicional africana Mel saboroso e alimento para o amor.
Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!
33 - A NOVA CANÇÃO
O céu proclama a tua glória, ó meu Senhor,
Canto o novo canto da terra, A terra inteira canta um hino de louvor.
Do homem que ama e espera, Senhor, Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!
A tua reconstrução. Zé Vicente
Falo a nova língua do povo
Palavras que já têm gosto, Senhor, 35 - COM CRISTO NO BARCO
Palavras do coração Com Cristo no barco
Que Cristo veio e morreu, Tudo vai muito bem,
E não apenas viveu, Vai muito bem, vai muito bem.
Que veio para ficar,
E vem comigo morar, morar, Com Cristo no barco
E vem comigo morar. Tudo vai muito bem
E passa o temporal,
Vivo a vida que é diferente, Passa o temporal, passa o temporal.
Que quer ver a minha gente, Senhor,
Te amar e ser como tu. Com Cristo no barco
Quero mudar a face do mundo, Tudo vai muito bem
E dar-lhe amor mais profundo, Senhor, E passa o temporal.
Do que se costuma dar. Seth Sykes
Pois Cristo veio e morreu,
E não apenas viveu,
E veio para ficar,
36 - COM GRATIDÃO NÓS CHEGAMOS A TI Sua vida trouxe a nós.
Aliança no Senhor
Com gratidão nós chegamos a ti, Eu tenho com você,
A tua mesa cantando louvor, Não existem mais barreiras
Tu nos convidas, por Cristo Jesus, Em meu ser.
A comungarmos em paz e amor. Eu sou livre prá te amar,
Não é sozinho que venho ao altar Prá te aceitar
Mas abraçado com muitos irmãos. E para te pedir: "Perdoa-me, irmão".
Juntos chegamos sem ter o que dar, Eu sou um com você
Buscando ansiosos, ó Deus, teu perdão. No amor do nosso Pai,
Dá-nos, por Cristo, coragem e fé, Somos um no amor de Jesus.
Dá que vivamos deste teu perdão; Benedito Carlos
Que, sendo aceitos por Cristo Jesus, 39 - COMO SÃO BELOS
Daqui saiamos em busca do irmão.
Como são belos os pés do mensageiro
Com gratidão nós partimos daqui, Que anuncia a paz.
Desta tua mesa, cantando louvor. Como são belos os pés do mensageiro
Tu nos permites que mais uma vez Que anuncia o Senhor.
Sigamos para viver teu amor. Ele vive, Ele reina, Ele é Deus e Senhor. (2x)
Nelson Kirst Sobre Isaías 52:7
37 - COMO É BOM E IMPORTANTE 40 - A CANÇÃO DO SENHOR NA TERRA
Como é bom e importante BRASILEIRA
Se fazer refeição Como vamos cantar
Ela aumenta a energia, Este canto imprevisto,
Fortalece a união. Tão distantes do lar,
É a Eucaristia Tão num mundo sem Cristo?
Uma ceia também, A canção do Senhor
Deus é nosso alimento Contra toda a canseira
No caminho do bem. Tem de ser um clamor
Na terra brasileira.
Sob a forma de vinho,
Sob a forma de pão, Como vamos cantar
Vem a nós Jesus Cristo, Se é tão grande a maldade,
Para ser comunhão. Se tem gente a chorar
Com temor e ansiedade?
Quando nós comungamos A canção do Senhor
Recebemos Jesus, Tem de ser a primeira
Que nos une aos outros À injustiça se opor
E ao Pai nos conduz. Na terra brasileira.
Celebremos, unidos, Como vamos cantar
Esta ceia de amor Se o irmão é explorado,
E teremos a força Se lhe fazem calar,
Que nos vem do Senhor! Se ele é sempre anulado?
Maria Sardenberg A canção do Senhor
Tem de ser verdadeira
38 - ALIANÇA Para ser o louvor
Como é precioso, irmão, Na terra brasileira.
Estar bem junto a ti Como vamos cantar
E juntos, lado a lado, Sem amor, liberdade,
Andarmos com Jesus. Sem poder partilhar
E expressarmos o amor O calor da igualdade?
Que um dia Ele nos deu; A canção do Senhor
Pelo sangue do Calvário Tem de ser mensageira
De inefável amor Sua mão libertadora
Na terra brasileira. Prá seu povo resgatar,
Jaci C. Maraschin Estandarte para os povos,
O Senhor levantará,
41 - CRISTO NOS AMA Ao seu povo, a sua Igreja
Cristo sente amor por mim. Toda a terra acorrerá.
Com certeza eu creio assim. A inveja, a opressão
Por amor de mim morreu, Entre irmãos acabará,
Vivo está por mim no céu. E a comunhão de todos
Cristo nos ama. Cristo nos chama. O inimigo vencerá.
Cristo proclama tão grande salvação. Poderosa mão de Deus,
Fez no Egito o mar secar.
Cristo tem por mim amor Para o resto do seu povo
E se fez meu Salvador. Um caminho abrirá.
Hoje ainda tem prazer Reginaldo Veloso
Em crianças receber. Folclore brasileiro
Por sentir seu rico amor, 43 - DAMOS GRAÇAS
Hei de amar meu Salvador.
E desejo aqui mostrar Damos graças ao Senhor, damos graças,
Seu amor tão exemplar. Graças pelo seu amor.
William B.Bradbury De manhã cedo os passarinhos
42 - DA CEPA BROTOU A RAMA Estão cantando, louvando ao criador.
E tu, amigo, porque não cantas
Da cepa brotou a rama, Louvando a Cristo Jesus, o Salvador?
da rama brotou a flor, Autoria desconhecida
Da flor nasceu Maria,
De Maria o Salvador. 44 - DÁ-NOS OLHOS CLAROS

O Espírito de Deus Dá-nos olhos claros, que vêem o irmão.


Sobre ele pousará; Dá, Senhor, ouvidos que dão atenção!
De saber, de entendimento, Mãos que aprenderam dores a aliviar,
Este espírito será. Pés que não hesitam na hora de ajudar!
De conselho e fortaleza
De ciência e de temor Corações que sabem repartir a dor,
Achará sua alegria Partilhar prazeres, propagar louvor!
No temor do seu Senhor.
Não será pela aparência, Lábios que, contentes, abrem-se a cantar,
Do olhar, do ouvir dizer, Convidando todos para se alegrar!
Que ele irá julgar os homens Pelos dons que deste: Graças, ó Senhor!
Como é praxe acontecer. Pois os recebemos por teu grande amor.
Mas os pobres desta terra
Com justiça julgará Nada nos pertence; tudo Deus quer dar:
E dos fracos o direito, Quer por nós, em Cristo, o mundo abençoar.
Ele é quem defenderá. Melodia neo-zelandesa
Neste dia, neste dia 45 - DA TERRA VAZIA
O incrível, o verdadeiro,
Coisa que nunca se viu, Da terra vazia ...
Morar lobo com cordeiro, Dos abismos fundos ...
A comer do mesmo pasto Das matas desfeitas ...
Tigre, boi, burro, leão, Das dores nascentes ...
Por um menino guiados, Da morte vertente ...
Se confraternizarão. Do caos solidão ...
Dos bichos sumidos ...
Neste dia, neste dia, Das tocas escuras ...
O Senhor estenderá, Das asas cortadas ...
Das vidas contidas ... Prá poder lançar a sorte.
Da espera sentida ...
Da destruição. No Egito e Babilônia
Tu vieste socorrer
Vem forte ruido, A gente que era tua
Vento impetuoso Sofrendo a dor mais crua
E a vida renova Na dura escravidão.
É ressurreição.
Zeni Soares E hoje, quando nós somos
Jaci C. Maraschin Teu povo ainda explorados,
Invocamos o teu poder:
46 - CARNAVALITO DE ANDAR Ó! Vem nos fortalecer
Na luta por nosso chão.
Lá, lá, lá, lá, lá, lá, iá, lá, iá, lá, iá. (2x) Mas teu povo sofredor
Dá tua mão, vamos seguir, Já não fica a lamentar;
Juntos iremos andar. Confiante em teu amor
Caminha para se libertar.
Com toda fé que temos num Deus
Capaz de libertar. No Egito e Babilônia
Tu vieste socorrer
Com a alegria, com a certeza A gente que era tua,
De um sol que ainda vai brilhar. Sofrendo a dor mais crua
Na dura escravidão.
Lutando contra toda a injustiça
Que há de se acabar. E hoje quando nós somos
Teu povo ainda explorados,
Lá, lá, lá, lá, lá, lá, iá, lá, iá, lá, iá. (2x) Invocamos o teu poder:
Felipe Zenteno e Ó! Vem nos fortalecer
Leonardo Fagundes Na luta por nosso chão.
Trad. Jaci C. Maraschin Flávio Irala
47 - DE JOELHOS PARTAMOS NOSSO PÃO João Francisco Esvael

De joelhos partamos nosso pão. (2x) 49 - A SEMENTE


Se de joelhos estou De uma pequena semente
Contemplando o nascer do sol, Pode brotar uma flor,
Senhor, tem pena de mim! De um grupinho apenas
De joelhos tomemos vinho, irmãos. (2x) Pode nascer o amor.
Se de joelhos estou Amor que chega e vai longe,
Contemplando o nascer do sol, Todos querendo fazer
Senhor, tem pena de mim! Participantes de um reino
De joelhos louvemos nosso Deus. (2x) Que entre nós quer crescer.
Se de joelhos estou Crescer fazendo justiça
Contemplando o nascer do sol, E a espalhar neste chão
Senhor, tem pena de mim! A vida que faz a gente
João W. Faustini Ser cada vez mais irmão.
Negro Spiritual Zeni Soares
48 - PEQUENOS 50 - DEUS AMADO
Desde pequenos Deus amado, Deus amado,
Temos ouvido, Senhor, Somos povo abençoado, Deus amado.
Sobre o que realizaste. Estendemos nossos braços
Sabemos que visitaste Em um gesto de amor,
O teu povo em servidão, Deus amado, Deus amado.
Oprimido até a morte Jesus Cristo, Jesus Cristo,
Sem ao menos ter um chão Somos filhos redimidos, Jesus Cristo.
Estendemos nossos braços Será manancial.
Em um gesto de amor,
Jesus Cristo, Jesus Cristo. De água boa a jorrar
Prá nossa sede estancar.
Santo Espírito, Santo Espírito, Simei Monteiro
Vem, renova nossas vidas, Santo Espírito. Albete Correia
Estendemos nossos braços
Em um gesto de amor, 54 - CANTAI ALEGREMENTE
Santo Espírito, Santo Espírito. É Deus quem faz a terra
Jimmy Owers Seus frutos produzir
51 - MOMENTO NOVO E sempre as estações do ano
Em ordem prosseguir.
Deus chama a gente prá um momento novo
De caminhar junto com seu povo. Cantai alegremente
É hora de transformar o que não dá mais: Cantai a Deus louvor!
Sozinho, isolado, ninguém é capaz. Cantai a ele em alta voz
Nosso amor!
Por isso vem!
Entra na roda com a gente também! bis Deus faz o céu tão belo
Você é muito importante! (vem!) E os peixes que há no mar,
Toda a doçura que há no mel,
Não é possível crer que tudo é facil, A clara luz do luar.
Há muita força que produz a morte,
Gerando dor, tristeza e desolação. É Deus que envia a chuva
É necessário unir o cordão. E os montes faz florir;
O campo verdejante e bom
A força que hoje faz brotar a vida De trigo faz cobrir.
Atua em nós pela sua graça. David Campbell
É Deus quem nos convida prá trabalhar,
O amor repartir e as forças juntar. 55 - ELAS ESTÃO CHEGANDO
Criação coletiva Elas estão chegando
52 - DEUS ESTÁ AQUI Pelas portas e janelas,
Avenidas e vielas.
Deus está aqui. Aleluia! Elas estão chegando.
Tão certo como o ar que eu respiro.
Tão certo como a manhã que se levanta. Chegando como um vento forte,
Tão certo como eu te falo e podes me ouvir. Chegando com vida e norte,
Chegando para questionar,
Deus está em mim ... Chegando prá mudar
Chegando sempre com doçura,
Deus está em ti ... Chegando com muita cintura,
Deus está em nós ... Chegando para encantar,
Autoria desconhecida Chegando prá alegrar.

53 - A MISSÃO Chegando prá sarar as juntas,


Chegando para juntar as forças,
E ao sairmos daqui Chegando para construir,
Que poderemos fazer? Chegando prá prosseguir.
Chegando para questionar
Deixar que o mundo veja em nós Chegando prá mudar,
A Cristo e seu poder. Chegando prá encantar,
Não temeremos o mal Chegando prá alegrar.
Nenhum poder terreal. Valdomiro de Oliveira
João Francisco Esvael
A tua graça, Senhor, Marcos Gianelli
Melhor que a vida será,
E o teu amor em nós
56 - HINO QUARESMAL O amor de Cristo sempre presente,
(Meia noite no Jardim das Oliveiras) Atrás não volto, não volto não.
É meia noite no jardim, da estrela o brilho já não Depois da luta vem a coroa,
vem. A recompensa é certa e boa.
Cristo sofrendo e, mesmo assim, ora sozinho, sem Depois da luta vem a coroa,
ninguém. Atrás não volto, não volto não.
Autoria desconhecida
É meia noite e, em solidão, ora e sofre o bom
Pastor; 59 - EU CREIO, SENHOR
É meia noite e seus irmãos não compartilham desta
dor. Eu creio, Senhor, na divina promessa,
Vitórias já tive nas lutas aqui.
É meia noite e, por amor, prá redimir pecados meus. Contudo, é bem certo que a gente tropeça,
Sangra o rosto do Senhor, em sacrifício para Deus. Por isso, Senhor, eu preciso de ti.
É meia noite. Lá do além rompe celestial louvor; A luz que me guia no escuro caminho
Anjos de Deus à terra vêm reconfortar o Salvador. Fulgura de cima, do sol criador.
Trad. Bispo Sydney A. Ruiz Contudo não posso segui-lo sozinho,
William B. Bradbury Por isso, Senhor, eu preciso de ti.
William Tappan
Bem sei que nas preces eu posso buscar-te,
57 - CANÇÃO DA CHEGADA Jamais desta bênção na vida descri.
Contudo é possível que eu dela me aparte,
Estamos aqui, Senhor, Por isso, Senhor, eu preciso de ti.
Viemos de todo lugar Antonio de C. Gonçalves
Trazendo um pouco do que somos Henriqueta Braga
Prá nossa fé partilhar.
60 - O MANDAMENTO NOVO
Trazendo nosso louvor,
Um canto de alegria, Eu lhes dou um mandamento novo:
Trazendo a nossa vontade Amem uns aos outros como os amei.
De ver raiar um novo dia. Amem uns aos outros,
E pois todos vão saber,
Estamos aqui, Senhor, Vocês são meus amando uns aos outros.
Cercando esta mesa comum,
Trazendo idéias diferentes, Cristo deu um mandamento novo:
Mas em Cristo somos um. Amem uns aos outros como nos amou.
Amemos uns aos outros,
E quando sairmos daqui, E pois todos vão saber
Nós vamos para voltar, Que somos dele amando uns aos outros.
Na força da esperança Luiza Cruz
E na coragem de lutar.
(Estamos aqui, Senhor ...) 61 - EU LOUVAREI
Valdomiro de Oliveira
Flávio Irala Eu louvarei, tu louvarás,
Nós louvaremos ao Senhor.
58 - ESTOU SEGUINDO A JESUS
João viu o número dos redimidos
Estou seguindo a Jesus Cristo. E todos louvavam ao Senhor.
Deste caminho eu não desisto. Uns oravam, outros cantavam,
Estou seguindo a Jesus Cristo, Mas todos louvavam ao Senhor.
Atrás não volto, não volto não. Autoria desconhecida
Se me deixarem os pais e amigos, 62 - EU O SEGUIREI
Se me cercarem muitos perigos,
Se me deixarem os pais e amigos, Eu o seguirei.
Atrás não volto, não volto não. Eu o seguirei por onde for.
E perto dele sempre estarei,
O amor de Cristo sempre presente, Pois nada pode me afastar.
Jesus é o guia onipotente. Ele é o meu destino.
Eu o seguirei. Que o futuro não me seja indiferente
Desde que tocou meu coração, Sem ter que fugir desenganado
Eu soube que não há oceano, Prá viver uma cultura diferente.
Nem montanha alta Leon Gieco
Que possa me afastar,
Nem manter-me longe, 66 - EU VOU SEGUINDO UMA ESTRELA
Longe do seu amor. Eu vou seguindo uma estrela
Adapt. Clódia Portugal Gomes. Que a luz dos olhos não vê,
63 - VASO NOVO E já que não posso vê-la,
Eu me pergunto: Por quê?
Eu quero ser, Senhor amado, A estrela que vou seguindo,
Como um vaso nas mãos do oleiro. Só vejo com minha fé,
Quebra a minha vida e faze-a de novo. Pois ela é a voz do menino,
Eu quero ser, eu quero ser Do moço de Nazaré.
Um vaso novo.
Eu vou seguindo um projeto
Como tu queres, Senhor amado, De vida e de construção,
Sou o barro e és tu o oleiro. A Cristo eu dou meu afeto
Quebra a minha vida e faze-a de novo. No bem que faço aos irmãos.
Eu quero ser, eu quero ser O meu projeto percebe
Um vaso novo. No amor o apoio melhor,
Sobre Isaías 64:8 É dando que se recebe
O bem que é muito maior.
64 - EU SÓ CONFIO José Acácio Santana
Eu só confio no Senhor que não vai falhar. 67 - FAZ-ME CHEGAR
Eu só confio no Senhor, sigo a cantar.
Se o céu chegar a escurecer e o sol toldar, Faz-me chegar aos teus rios, Senhor. (3x)
Eu só confio no Senhor que não vai falhar. Faz-me chegar, faz-me beber, faz-me viver.
Posso confiar, posso confiar Faz-me beber dos teus rios, Senhor. (3x)
Que um lar no céu Cristo vai me dar. Faz-me chegar, faz-me beber, faz-me viver.
Se o céu chegar a escurecer e o sol toldar,
Eu só confio no Senhor que não vai falhar. Faz-me viver nos teus rios, Senhor. (3x)
Autoria desconhecida Faz-me chegar, faz-me beber, faz-me viver.
Autoria desconhecida
65 - EU SÓ PEÇO A DEUS
68 - GLÓRIA PRÁ SEMPRE
Eu só peço a Deus
Que a dor não me seja indiferente, Glória prá sempre ao Cordeiro de Deus,
Que a morte não me encontre um dia A Jesus, o Senhor, ao Leão de Judá,
Solitário, sem ter feito o que queria. À raiz de Davi, que venceu e o livro abrirá.
O céu, a terra e o mar
Eu só peço a Deus E tudo o que neles há
Que a injustiça não me seja indiferente, O adorarão e proclamarão: “Jesus Cristo é o
Pois não posso dar a outra face Senhor”.
Se já fui machucado brutalmente.
Ele é o Senhor, ele é o Senhor,
Eu só peço a Deus Ressurreto dentre os mortos, ele é o senhor! bis
Que a guerra não me seja indiferente, Todo joelho se dobrará, toda língua confessará
É um monstro grande e pisa forte, Que Jesus Cristo é o Senhor!
Toda a pobre inocência desta gente. Sobre Apocalipse 5
Andrés Torres
Eu só peço a Deus
Que a mentira não me seja indiferente 69 - GLORIFICADO
Se um só traidor tem mais poder que um povo
Que este povo não esqueça facilmente. Glorificado seja teu nome. (2x)
Aleluia! Aleluia! Aleluia!
Eu só peço a Deus Glória a Jesus.
Bernard Sydow E te adorarão. (2x)
70 - GRAÇAS DOU Temei da Deus e dai-lhe glória,
Pois seu juízo é chegado,
Graças dou por esta vida, E adorai aquele que fez o céu e a terra
Pelo bem que revelou. E o mar e as fontes das águas.
Graças dou pelo futuro Amém (8x)
E por tudo que passou. Sobre Apocalipse 15:2-4
Pelas bênçãos derramadas,
Pela dor, pela aflição, 73 - HÁ UM REMÉDIO EM GILEÁ
Pelas graças reveladas,
Graças dou pelo perdão. Há um remédio em Gileá
Que pode nos curar.
Graças pelo azul celeste Há um remédio em Gileá
E por nuvens que há também, Que pode nos salvar.
Pelas rosas do caminho
E os espinhos que elas têm. Se estou desanimado
Pela escuridão da noite, No duro labutar,
Pela estrela que brilhou, O Espírito me ajuda
Pela prece respondida E forças vem me dar.
E a esperança que falhou. Se não cantas como os anjos
Pela cruz e sofrimento E não sabes tu pregar,
E também ressurreição; Fala deste amor de Cristo
Pelo amor que é sem medida, Que veio nos salvar.
Pela paz no coração. Sobre Jeremias. 8:22
Pela lágrima vertida Negro Spiritual
E o consolo que é sem par, 74 - HÁ UM SUAVE ESPÍRITO
Pelo dom da eterna vida
Sempre graças hei de dar. Há um suave Espírito aqui
Alice Denyszczuk E eu sei que é o Espírito do Senhor,
J. A. Hiltman Refletindo nas faces aqui
A presença benfazeja do Senhor.
71 - COMPARTILHAR
Vem, Santo Espírito, pássaro do céu,
Graças te rendemos Fica conosco dando-nos teu amor.
Ó querido Pai de amor, Os corações em louvor a ti elevamos.
Por compartilharmos Tu nos renovas no amor, és nosso Deus Salvador,
Deste vinho e deste pão, Jesus Cristo, Senhor!
Que nos une a todos Nesta vida vamos receber
Nesta mesa de comunhão Muitas bênçãos que só ele pode dar,
E nos fortalece E felizes, nós vamos dizer:
Nos alimenta de perdão “Com Jesus Cristo queremos caminhar”.
Ale! Aleluia! Do pecado, enfim, já nos salvou,
Ale! Aleluia! E as fraquezas, nossas dores, nossa cruz,
Laan Mendes de Barros Com amor prá sempre carregou.
72 - CÂNTICO DE MOISÉS E DO CORDEIRO É que o Espírito Sagrado nos conduz!
Dóris Akers
Grandes e admiráveis são tuas obras, Trad. Jaci C. Maraschin
Senhor Deus todo poderoso!
Justos e verdadeiros são teus caminhos, 75 - HOSANA, HEI!
Rei das nações! (3x) Hosana, hei! Hosana, há!
Quem não te temerá, Senhor, Hosana, hei! Hosana hei! Hosana há!
E não glorificará teu nome? Ele é o santo, ele é o filho de Maria,
Pois só tu és santo É o Deus de Israel, é o filho de Davi.
E por isso todas as nações virão Santo é seu nome, é o Senhor Deus do universo.
Glória a Deus de Israel, nosso Rei e Salvador. 79 - LAVAPÉS
Vamos a ele com flores dos trigais, Jesus, tu reuniste os teus amigos,
Com os ramos de oliveira, com alegria e muita paz. E lhes lavaste os pés, humildemente,
Santo é seu nome, é o Senhor Deus do universo. E enviaste-os logo, após, entre os perigos
Glória a Deus de Israel, nosso Rei e Salvador. De um mundo desumano e incoerente.
Roberto Malvezzi
Também pediste que este teu exemplo,
76 - SALMO DA ALEGRIA Se repetisse em nós e que ao invés
De nos fecharmos em teu santo templo,
Irmão sol com irmã luz trazendo o dia pela mão. Saíssemos, lavando ainda outros pés.
Irmão céu, de intenso azul, a invadir o coração.
Aleluia! Na poeira das estradas desta vida,
Vem nossos pés lavar, tão doloridos.
Irmãos, minhas irmãs, Vem dar-nos mãos que acalmem a ferida
Vamos cantar nesta manhã Dos que ainda longe estão de ti, perdidos.
Pois renasceu mais uma vez
A criação das mãos de Deus. Senhor, que nossos pés assim lavados
Irmãos, minhas irmãs, Nas águas transparentes de tuas fontes,
Vamos cantar: Aleluia! Indiquem sempre a cura dos pecados
Aleluia, Aleluia! E resplandeçam belos sobre os montes.
Jaci C. Maraschin
Irmã terra, que ao pé da segurança de chegar;
Irmã planta, que está suavemente a respirar. 80 - VEM, JESUS
Aleluia!
Jesus, vem agora,
Irmã flor, que mal se abriu, fala do amor que não Nesta hora, nos trazer amor.
tem fim; Vem encher de paz nossos corações.
Água irmã que nos refaz e sai do chão cantando Autoria desconhecida
assim:
Aleluia! 81 - JUBILATE DEO

Passarinhos, meus irmãos, com mil canções a ir e Jubilate Deo, jubilate Deo.
vir; Aleluia!
Homens todos, meus irmãos, que nossa voz se faça Glorificai a Deus, glorificai a Deus.
ouvir: Aleluia!
Aleluia! M. Praetorius
Valdeci Farias
82 - A CANÇÃO DO CATIVEIRO
77 - JESUS CRISTO É O SENHOR
Junto aos rios de Babilônia
Jesus Cristo é o Senhor, o Senhor, o Senhor. Nos sentamos a chorar.
Jesus Cristo é o Senhor. Glória! Aleluia! Penduramos nossas harpas
Da minha vida ele é o Senhor. Nos salgueiros do lugar.
Da sua igreja ele é o Senhor. Nossos chefes nos pediram,
Do universo ele é o Senhor. Prá zombar da nossa dor,
Glória! Aleluia! Que cantássemos um canto,
Jorge Himitian A canção do Deus de Amor.
78 - JESUS, LEMBRA-TE DE MIM Como agora cantaremos
Jesus, A canção, se em nossa voz
Lembra-te de mim A tristeza fez morada,
Quando entrares Nos abate e estamos sós?
Em teu reino. Esperamos no deserto
Sobre Lucas 23:42 Um caminho descobrir,
Melodia de Taizé Que nos leve, reunidos,
Às promessas do porvir.
E debaixo dessa bênção, Cristo sempre a luz para si requer,
Libertados da prisão, Percebendo logo se ela enfraquecer;
Já não mais no cativeiro Sempre a luz mostremos que Jesus nos deu;
Cantaremos a canção. Onde estivermos, você e eu.
Sobre o Salmo 127
Jaci C. Maraschin Ao redor, então, manda a luz raiar,
Para as densas trevas hoje dissipar.
83 - LOUVOR Com Jesus brilhemos, pois nos acendeu;
Onde estivermos, você e eu.
Louvar ao Senhor, eu louvarei Emily H. Miller
E os pés da terra não tirarei. Trad. R. H. Moreton
Buscar ao Senhor, eu buscarei Luiza Cruz
E a visão do mundo não perderei.
87 - MARAVILHOSO É CRISTO
Como fechar os olhos
A tão grande humilhação, Maravilhoso é Cristo, incomparável, sim.
Se negam qualquer direito Maravilhoso é Cristo, antes de tudo ele é prá mim.
Ao meu irmão? Maravilhoso é Cristo, que grande é seu amor!
Melhor amigo não tenho, tudo ele é prá mim.
Sabendo que o Senhor Benjamim A. Daun
Não vai nunca abandonar
O povo que, mesmo triste, 88 - DEIXA A LUZ DO CÉU ENTRAR
Está a louvar.
João Francisco Esvael Medo tens que o inimigo vá vencer?
Flávio Irala Pouca luz te faz agora estremecer?
Abre o coração e deixa Cristo entrar.
84 - LAUDATE Deixa o sol em ti raiar.
Louvemos todos juntos, Deixa a luz do céu entrar,
Louvemos o Senhor! Deixa o sol em ti nascer.
Louvemos todos juntos, Abre o coração e deixa Cristo entrar,
Louvemos o Senhor! Deixa o sol em ti nascer.
(Ou) Fraca está a tua fé no Salvador?
Deus não ouve as tuas preces com favor?
Laudate omnes gentes, Abre o coração e deixa Cristo entrar.
Laudate Dominum! Deixa o sol em ti raiar.
Laudate omnes gentes,
Laudate Dominum! Queres ir andando, alegre, para o céu,
Melodia de Taizé Ignorando todo o negro e denso véu?
Abre o coração e deixa Cristo entrar.
85 - MAGNIFICAT Deixa o sol em ti raiar.
Magnificat, magnificat, Ada Blenkhorn
Magnificat anima mea Dominum. Trad. A. Q. Lomba
Magnificat, magnificat, Charles H. Gabriel
Magnificat anima mea. 89 - CANÇÃO EM CATIVEIRO
Glorificai, glorificai, Mesmo sendo nós teu povo
Glorificai a nosso Deus, Senhor e Pai. Libertado pela fé,
Glorificai, glorificai, Continua o cativeiro
Glorificai a nosso Deus! E nos custa estar de pé.
Melodia de Taizé
A tristeza e o pranto
86 - MANDA-NOS LUZIR Ainda existem para nós;
Manda-nos luzir o Senhor Jesus, Em lamentos e clamores
Como a vela acesa dá de noite a luz. Elevamos nossa voz.
Quer que nós brilhemos como a luz do céu; Não podemos ficar mudos:
Onde estivermos, você e eu. É preciso proclamar
Que teu reino já é vindo.
Cristo veio libertar. Muitas as tarefas, um só sentir:
O sentir de Cristo.
Quando vemos os teus filhos Muitas as tarefas, um só sentir
Solidários em ação, Que nos unifica.
Percebemos que vale a pena
Resistir à opressão. Muitos são os membros, um corpo só:
Corpo de Jesus Cristo.
E tocamos bem mais forte Muitos são os membros, um corpo só
Celebrando o porvir Que nos unifica.
Com pandeiros e atabaques
Já dançamos a sorrir. Muitos ministérios, um só servir:
Te louvamos confiantes, O servir de Cristo.
Apesar de nossa dor, Muitos ministérios, um só servir
E pedimos que destruas Que nos unifica.
As muralhas do terror. A Frostenson
Simei Monteiro O. Widestrand
Flávio Irala Trad. Jaci C. Maraschin
90 - MEU BOM PASTOR É CRISTO 93 - BÍBLIA É VIDA
Meu bom pastor é Cristo, com ele andarei. Na Bíblia encontramos
Conduz-me às calmas águas, com ele andarei. A história do povo de Deus
Sempre, sempre, com ele andarei. (bis) E hoje formamos
Sobre o Salmo 23 A grande família de irmãos.
91 - OFERTA Mudando a história,
O povo de Deus sempre vai
Minha vida tem sentido, cada vez que eu venho Vivendo o Evangelho
aqui Em busca do Pai.
E te faço o meu pedido de não me esquecer de ti.
Feliz é aquele
Meu amor é como este pão, que era trigo Que ouve a palavra de Deus.
Que alguém plantou, depois colheu Transforma a sua vida,
E depois tornou-se salvação Também transfigura os seus.
E deu mais vida e alimentou o povo meu.
Estamos reunidos
Eu te ofereço vinho e pão, Presentes a nossa missão
Eu te ofereço meu amor. De sermos profetas
Minha vida tem sentido, cada vez que eu venho Da paz e da libertação.
aqui Celina Waschenfelder
E te faço o meu pedido de não me esquecer de ti. 94 - COMUNHÃO
Meu amor é como este vinho, que era fruto Na ceia do Senhor nós celebramos
Que alguém plantou, depois colheu A esperança de um mundo de fartura
E depois encheu-se de carinho E no partir do pão nós proclamamos
E deu mais vida e saciou o povo meu. Que já podemos ter a paz futura.
Pe. Zezinho
Assim como no altar nós somos um,
92 - UNIÃO Vamos ser também um no mundo afora
Muitos resplendores, só uma luz: E que, na promoção do bem comum,
Luz de Jesus Cristo. Possamos já viver no Reino agora.
Muitos resplendores, só uma luz Unidos neste vinho e neste pão,
Que nos unifica. Nós seremos alegres o teu povo,
Muitos são os dons, um só o amor: Inconformados com a escravidão,
O amor de Cristo. Na construção feliz de um mundo novo.
Muitos são os dons, um só o amor Jaci C. Maraschin
Que nos unifica.
95 - NADA TE TURBE 98 - GLÓRIA, GLÓRIA, ALELUIA!
Nada te turbe, nada te espante, Na verdade pressentimos a chegada do Senhor,
Quien a Dios tiene, Bem que vemos seu caminho, orientados pelo amor.
Nada le falta. Sua força prevalece na batalha pelo bem,
Nada te turbe, nada te espante Pois a verdade vem.
Solo Dios basta.
Melodia de Taizé Glória! Glória! Aleluia! (3x)
Louvemos ao Senhor!
96 - JESUS CRISTO, VIDA DO MUNDO
E o recado que trazemos para nossa geração,
Não é vida a vida que se vive por engano Vem do amor que aprendemos, vem da
Essa triste vida que não tem calor humano. comunicação.
Pois viver a vida é muito mais do que a aparência E a canção que oferecemos é inspirada pelo amor.
De viver a vida que só é sobrevivência. Busquemos ao Senhor.
Jesus Cristo é a vida, Nossas vozes se enriquecem, estendemos, nossas
É a vida do mundo. mãos.
Na mensagem que cantamos somos todos nós
Não é vida a vida que se vive como escravo irmãos.
Sem ter voz ou vez, sem lar, abrigo nem centavo. Repartimos a alegria, dividimos nosso pão.
Pois viver a vida é como a busca da aventura: O mundo é nosso irmão.
Só é vida a vida enquanto a liberdade dura. William Steffe
Não é vida a vida que se vive sem futuro, 99 - MEGALÓPOLIS
Que só tem memória, só passado vago e escuro.
Pois viver a vida é muito mais do que a lembrança: Nesta grande cidade vivemos
Só é vida a vida que ressurge da esperança. Onde muitos estão a lutar,
Entre a insônia e o trabalho constante
Essa vida é a vida que em Jesus nós alcançamos Para o pão cotidiano ganhar.
Quando junto a ele o mundo injusto transformamos,
E vencendo a morte, as opressões e a tirania Nesta grande cidade que cresce
Viveremos sempre no seu Reino de alegria. Há milhares sem fé, sem amor,
Jaci C. Maraschin Que precisam da graça de Cristo
Prá viver uma vida melhor.
97 - TUDO ELE É PRÁ MIM
Nesta grande e ruidosa cidade
Nas estrelas vejo a sua mão Há milhares sedentos de luz,
E no vento ouço a sua voz. Multidões sem ouvir a mensagem
Deus domina sobre a terra e mar, Do poder salvador de Jesus.
O que ele é prá mim?
Nesta grande cidade onde há crimes,
Eu sei o sentido do Natal, Onde há fome, dinheiro, ilusão ...
Pois na história teve o seu lugar. Nós, os filhos de Deus, fomos postos
Cristo veio para nos livrar. Como luz, a indicar salvação.
O que ele é prá mim?
Cresce, cresce, cidade gigante,
Até que um dia seu amor senti. Crescem fábricas e arranha-céus,
Sua imensa graça recebi. Mas não podes crescer desprezando
Descobri então que Deus não vive O evangelho do Cristo de Deus!
Longe lá no céu sem se importar comigo. João Dias de Araújo
Mas agora ao meu lado está, João Faustini
Cada dia sinto o seu cuidar, Décio E. Lauretti
Ajudando-me a caminhar. 100 - OFERTÓRIO DA COMUNIDADE
Tudo ele é prá mim.
Ralph Carmichael Nesta mesa da irmandade
A nossa comunidade
Se oferece a ti, Senhor,
Nosso sonho e nossa luta,
Nossa fé, nossa conduta Nossa língua já proclama: “Jesus Cristo é o
Te entregamos com amor. Senhor”.
M. A. Baughen
Novo jeito se sermos Igreja.
Nós buscamos, Senhor, na tua mesa. 103 - NÓS ESTAMOS AQUI REUNIDOS
Neste pão te oferecemos Nós estamos aqui reunidos
Os mutirões que fazemos, Como estavam em Jerusalém.
A partilha, a produção. Pois só quando vivemos unidos,
Neste vinho, a alegria É que o Espírito Santo nos vem.
Que florece a cada dia
Dentro de nossa união. Ninguém para este vento passando,
Ninguém vê, ele sopra onde quer.
Nesta Bíblia bem aberta Força igual tem o Espírito quando
Encontramos a luz certa Faz a Igreja de Cristo crescer.
Para aqui te oferecer.
Ele reune teu povo Feita de homens, a Igreja é divina,
Na busca do mundo novo Pois o Espírito Santo a conduz.
Onde os pobres vão viver. Como um fogo que aquece e ilumina,
Que é pureza, que é vida, que é luz.
Nosso coração inteiro,
Deus humano e companheiro, Sua imagem são línguas ardentes,
Deixamos no teu altar. Pois o amor é comunicação.
Nosso canto e a memória É preciso que todas as gentes
Do martírio e da vitória Saibam quanto felizes serão.
Nós trazemos prá te dar. Quando o Espírito espalha suas graças,
Zé Vicente Faz dos povos um só coração.
101 - NO ESPÍRITO UNIDOS Cresce a Igreja onde todas as raças,
Um só Deus, um só Pai louvarão.
No Espírito unidos, somos um no Senhor, (2x) Pe. Lúcio
Imploramos que um dia nos unamos no amor. Ir. Miria
Pelo amor conhecido é o cristão, pelo amor, 104 - POVO FIEL
Pelo amor conhecido é o cristão.
Nós, quem somos a cantar?
De mãos dadas iremos, somos todos irmãos, (2x) Somos seu povo.
Pregaremos as novas que Deus guia a nação. E este vinho e este pão?
São para o povo.
Lado a lado haveremos todos de trabalhar, (2x) Já muito tempo faz
Uns aos outros honrando vamos nos respeitar. Que o Cristo foi capaz
Glória a Deus entoemos, nosso Pai Criador De ser a plena paz
E louvemos a Cristo que nos veio salvar Pro povo fiel.
E ao Espírito Santo que nos vem congraçar. Que deseja ordenar
Peter Sholtes A nós, seu povo?
Trad. J. Costa Que vivamos prá servir:
102 - NOME SOBRE TODO NOME Servir o povo.
Mandou-nos, afinal,
Nome sobre todo nome é o nome do meu Cristo, Da terra ser o sal
Diante de tão grande nome todos se prostrarão. E fez-se a credencial
Do povo fiel.
Todas as forças da escuridão,
Todas as forças do mundo aqui, Confessamos só uma fé:
Todos os céus e as potestades, Somos seu povo.
Todos se prostrarão. Que palavra ele nos dá?
Vida pro povo.
Nossos olhos te contemplam, nosso coração te Queremos proclamar
adora, Que Cristo vem salvar
E nele congregar
O povo fiel. Que caminha em busca de libertação.
T. Herbert O’Driscoll Flávio Irala
Patrick Wedd João Francisco Esvael
105 - GALILÉIA 110 - É IMPOSSÍVEL
Nós queremos andar na Galiléia, Olho em tudo e sempre encontro a ti,
Para vê-lo nas ruas e nas praças, Estás no céu, na terra, onde for.
Encontrando-o não mais entre os que sofrem, Em tudo que me acontece encontro teu amor,
Mas nos braços abertos dos irmãos. Já não se pode mais deixar de crer no teu amor.
É impossível não crer em ti,
Nós queremos sentir sua presença É impossível não te encontrar, bis
Nos andaimes do novo céu imenso. É impossível não fazer de ti meu ideal.
Nós queremos juntar as nossas forças D.R.
Numa terra de amor ainda não vista.
Jaci C. Maraschi 111 - O BOM PASTOR
106 - O BARCO É PEQUENO O meu fiel e bom pastor
É o Salvador Jesus.
O barco é pequeno e grande é o mar. Nada me poderá faltar,
Jesus, segura-me a mão. A salvo me conduz.
Ele é o piloto e vai tudo bem, Ao pasto verdejante e bom
Na viagem prá Jerusalém. Ele me faz caminhar.
Autoria desconhecida À beira da água pura, então,
107 - ALEGRIA NO CÉU Me deixa descansar

O céu exulta contente, aleluia! Todo o momento comigo está


Porque na vida da gente Jesus, o Salvador.
Brilha a glória de Deus. E sempre me consolará
Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia! O braço do Senhor.
Sua bondade e seu amor
O céu exulta contente, aleluia! Agora e sempre me seguirão,
Porque a vida da gente E na presença do Senhor
Se encontra no amor de Deus. Terei habitação.
Aleluia, aleluia, aleluia,aleluia! Merla Watson
Mimi Farra
O céu exulta contente, aleluia!
Porque a vida da gente 112 - ONDE HÁ AMOR
Proclamará o Senhor.
Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia! Onde há amor, os montes cairão.
Pablo Sosa Onde há amor, a noite dia será.
Onde há amor, tudo tem solução,
108 - OFERTÓRIO Pois Deus está onde há amor.
Autoria desconhecida
Oferecemos nossos dons
Ao serviço de teu Reino. 113 - DERRAMA, SENHOR O TEU PODER
Oferecemos nossas vidas
Por tua causa e teu amor. O nosso encontro vai ser abençoado,
Edwin Mora Porque Jesus vai derramar o seu poder.

109 - APELO Derrama, Senhor, derrama, Senhor,


Derrama sobre nós o teu poder.
Oh, tu, que ouves o apelo do teu povo,
Vem, renova em nós o teu poder, Hoje vamos sair daqui alegres,
Para que sejamos construtores Porque Jesus vai derramar o seu poder.
De um novo dia, um novo amanhecer. Hoje vamos sair daqui cantando,
Que a justiça esteja em nós presente, Porque Jesus vai derramar o seu poder.
E o amor seja feito uma canção Autoria desconhecida
Nascida no meio de tua gente
114 - O POVO DE DEUS Rafael Cuna
O povo de Deus no deserto andava 116 - FALA DEUS
Mas à sua frente alguém caminhava.
O povo de Deus era rico de nada, O Senhor da ceifa está chamando,
Só tinha esperança e o pó da estrada. Quem quer ir por mim a procurar
Almas, que no mundo vão chorando,
Também sou teu povo, Senhor, Sem da salvação participar.
E estou nesta estrada.
Somente a tua graça Fala Deus, fala Deus,
Me basta e mais nada Toca-me com brasas do altar.
Fala Deus, fala Deus,
O povo de Deus também vacilava Eis-me pronto a ouvir o teu mandar.
Às vezes custava a crer no amor.
O povo de Deus chorando rezava, Muitos são os que vão expirando
Pedia perdão e recomeçava. Sem ter esperança de ver Deus.
Vai, depressa, lhes anunciando
Também sou teu povo, Senhor, Que Jesus nos leva para os céus.
E estou nesta estrada.
Perdoa se às vezes Breve os trabalhos serão findos,
Não creio em mais nada. Bênçãos vão os servos desfrutar,
E Jesus os saudará bem-vindos.
O povo de Deus também teve fome Esta glória espero alcançar.
E tu lhe mandaste o pão lá do céu Guido W. Oliveira
O povo de Deus cantando deu graças, George Bernnard
Provou teu amor, teu amor que não passa
117 - ADORAÇÃO
Também sou teu povo, Senhor,
E estou nesta estrada. Pai, eu te adoro.
Tu és alimento Minha vida te entrego,
Na longa jornada. Como eu te amo!
O povo de Deus ao longe avistou Jesus, eu te adoro.
A terra querida que o amor preparou. Minha vida te entrego,
O povo de Deus sorria e cantava Como eu te amo!
E nos seus louvores seu poder proclamava.
Espírito, eu te adoro.
Também sou teu povo, Senhor, Minha vida te entrego,
E estou nesta estrada. Como eu te amo!
Cada dia mais perto Autoria desconhecida
Da terra esperada.
Pe. Luiz A. Passos S.J. 118 - PALAVRA

115 - ABRIGO DE DEUS Palavra não foi feita


Para dividir ninguém,
O que habita no abrigo de Deus Palavra é a ponte
Morará sob as sombras do amor. Onde o amor vai e vem. (2x)
Sobre ele não virá nenhum mal
E em seus braços feliz viverá. Palavra não foi feita para dominar,
Destino da palavra é dialogar.
Ó, eu quero habitar no abrigo de Deus, Palavra não foi feita para opressão,
Só ali encontrarei um profundo amor. Destino da palavra é união.
Meu prazer é com ele comunhão desfrutar
E prá sempre seu nome louvar. Palavra não foi feita para vaidade,
Destino da palavra é a eternidade.
O que habita no abrigo de Deus Palavra não foi feita prá cair no chão,
Certamente mui feliz será, Destino da palavra é o coração.
Anjos guardarão sua vida
E seus pés nunca vacilarão. Palavra não foi feita para semear
Luiz Cuna A dúvida, a tristeza ou o mal-estar.
Destino da palavra é a construção
De um mundo mais feliz e mais cristão. 121 - MIGRANTE
Irene Gomes
Peregrino das estradas de um mundo desigual,
119 - A CEIA DO SENHOR Espoliado pelo lucro e ambição do capital,
Do poder do latifúndio, enxotado e sem lugar,
Partilhar o pão, Já não sei prá onde andar!
Distribuir o vinho, Da esperança eu me apego ao mutirão.
Estender a mão
A qualquer vizinho. Canta-se no início Quero entoar um canto novo de alegria
Alargar o chão, e no final Ao raiar aquele dia de chegada em nosso chão!
Retirar o espinho, Com meu povo, celebrar a alvorada.
Abraçar o irmão, Minha gente libertada, lutar não foi em vão!
Não ficar sozinho.
Sei que Deus nunca esqueceu dos oprimidos o
O pão da Eucaristia clamor
É mais que pura massa, E Jesus se fez do pobre solidário e servidor.
É feito de alegria, Os profetas não se calam, denunciando a opressão,
É dado a nós de graça. Pois a terra é dos irmãos!
E na mesa igual partilha tem que haver.
O vinho consagrado
É mais do que bebida: Pela força do amor o universo tem carinho
É sangue derramado E o clarão de suas estrelas ilumina o meu caminho.
Que dá sustento à vida. Nas torrentes da justiça, meu trabalho e comunhão,
Arrozais florecerão ...
Jesus, em qualquer parte, E em seus frutos, liberdades colherei!
És mais que forma e rito: Frei Domingos Santos
És pão que se reparte
No mundo injusto, aflito. 122 - PÕE TUA MÃO NA MÃO DO MEU
SENHOR
Permite que este trigo
Na terra amadureça, Põe tua mão na mão do meu Senhor da Galiléia,
E a fome do mendigo, Põe tua mão na mão do meu Senhor que acalma o
Enfim, desapareça. mar,
Meu Jesus que cuida de mim, noite e dia sem
Que o vinho nos anime cessar.
A celebrar a vida, Põe tua mão na mão do meu Senhor que acalma o
E a todos aproxime mar.
Na terra agradecida. Gene MacLellan
Jaci C. Maraschin
123 - POR UM PEDAÇO DE PÃO
120 - PEREGRINOS DE EMAÚS
Por um pedaço de pão
Pela estrada de Emaús E por um pouco de vinho
Caminhando lado a lado, Eu já vi mais de um irmão
Sem conhecer-te, Jesus, Se desviar do caminho.
Peregrino disfarçado. Por um pedaço de pão
Peregrino impertinente, E por um pouco de vinho
Disfarçado em todo irmão, Eu também vi muita gente
Que caminha com a gente, Encontrar novamente o caminho do bem;
Forçando a luz do poente, Eu também vi muita gente
Querendo partir o pão. Voltar novamente ao convívio de Deus.

Sem conhecer-te, Jesus, Por um pedaço de pão


Páscoa em caminho ainda E um pouquinho de vinho
Peregrinas de Emaús Deus se tornou refeição
Minha fé e tua vinda. E se fez o caminho
Pedro casaldáliga Por um pedaço de pão (4x)
Flávio Irala Por não ter vinho nem pão,
Por lhe faltar a comida,
Eu já vi mais de um irmão Quando Jesus a terra visitou
Desiludido da vida. A boa nova da justiça anunciou.
E por não dar do seu pão, O cego viu, o surdo escutou
E por não dar do seu vinho, E os oprimidos das correntes libertou.
Vi quem dizia ser crente
Perder de repente os valores morais; Nosso poder está na união,
Vi que o caminho da paz só se faz O mundo novo vem de Deus e dos irmãos.
Com justiça e direitos iguais. Vamos lutando contra a divisão
E preparando a festa da libertação.
Por um pedaço de pão Zé Vicente
E por um pouco de vinho
Eu já vi mais de um irmão 126 - A VOLTA DO CATIVEIRO
Tornar-se um homem mesquinho. Quando o Senhor nos libertar do cativeiro
Por um pedaço de pão Parecerá um sonho.
E por um pouco de vinho A nossa boca vai sorrir contente,
Vejo as nações em conflito, E cantaremos sem parar.
E este mundo maldito. Por não partilhar
Vejo metade dos homens morrendo Quando o Senhor nos restaurar, enfim, a aurora
De fome, sem Deus e sem lar. Parecerá um sonho.
Pe. Zezinho As nossas mãos vão se encontrar, felizes,
E a liberdade vão firmar.
124 - ESPÍRITO GLORIOSO
Quando o Senhor se constituir nosso horizonte
Quando a Igreja amedrontada Parecerá um sonho.
Se reúne em oração Os nossos olhos hão de ver, surpresos,
Não resulta em quase nada Um novo mundo a germinar.
Pois lhe falta comunhão.
Somos pobres peregrinos, Quando o Senhor nos reunir, vitorioso,
Esperamos tua luz Parecerá um sonho.
Prá guiar nossos destinos As nossas lágrimas terão passado
Às promessas de Jesus. E a terra e o céu se encontrarão.
Jaci C. Maraschin
Como vento impetuoso
Seja o som da tua voz. 127 - CANTO DE ESPERANÇA
Vem Espírito Glorioso,
Revelar-te entre nós. Quando se abate a esperança, ele se achega e nos
fala:
Caminhamos vacilantes Olha tua irmã que caminha e luta buscando um
Como ovelhas sem pastor, mundo melhor,
Sem teus raios flamejantes Vê teu irmão engajado que transforma a vida com
Nos dissipa o tentador. sangue e suor.
Vem Espírito Sagrado,
Santuário somos teus Cantemos ao nosso Deus, ele é o Senhor, Deus da
Desejamos teus cuidados vida.
Para termos paz em Deus. Vai alentando a esperança e veio a este mundo
Onofre Machado Ramos conosco lutar.

125 - POVO NOVO Quando se abate a esperança, ele se achega e nos


fala:
Quando o Espírito de Deus soprou Vai procurar tua irmã prá juntar-te a ela no esforço
O mundo inteiro se iluminou, da paz
A esperança da terra brotou E a teu irmão vai unir-te na luta da vida que o
E um povo novo deu-se as mãos e caminhou. mundo refaz.
Lutar e crer, vencer a dor Quando se abate a esperança, ele se achega e nos
Louvar ao Criador. fala:
Justiça e paz hão de reinar Bem junto a mim continuem, permaneçam firmes,
E viva o amor. que firme estarei.
Fiquem comigo na luta, que força e vitória lhes Que estou fazendo se sou cristão,
concederei. Se Cristo deu-me o seu perdão?
Ester Camac Há muitos pobres sem lar, sem pão,
Edwin Mora G. Há muitas vidas sem salvação.
Trad. Sérgio Marcus Lopes Aos poderosos eu vou pregar,
Aos homens ricos vou proclamar
128 - UTOPIA Que a injustiça é contra Deus
Quando o dia da paz renascer, E a vil miséria insulta os céus.
Quando o sol da esperança brilhar, João Dias de Araújo
Eu vou cantar. Décio Lauretti
Quando o povo nas ruas sorrir, 130 - PÃO E VINHO
E a roseira de novo florir,
Eu vou cantar. Que eu possa vislumbrar teu corpo e sangue neste
Quando as cercas caírem no chão, pão, neste vinho.
Quando as mesas se encherem de pão, Permita-me mostrar ao meu irmão teu amor, teu
Eu vou cantar. caminho.
Quando os muros que cercam os jardins, Que no partir do pão, Senhor Jesus, possa ver tua
Destruídos, então os jasmins, luz.
Vão perfumar. Que ao render-te graças pelo vinho, possa ter teu
carinho.
Vai ser tão bonito se ouvir a canção, Que eu tenha pelo irmão amor sem fim, que tua paz
Cantada de novo. reine em mim.
No olhar do homem, a certeza do irmão, Onofre Machado Ramos
Reinado do povo.
131 - QUEREMOS CANTAR UM HINO A TI,
Quando as armas da destruição, SENHOR
Destruídas em cada nação,
Eu vou sonhar. Queremos cantar um hino a ti, Senhor,
E o decreto que encerra a opressão Uma nova canção que vem do coração.
Assinado só no coração, Queremos cantar a nossa gratidão
Vai triunfar. Por toda beleza da tua criação.
Quando a voz da verdade se ouvir,
E a mentira não mais existir, Pelo céu tão vasto, o mar tão grande,
Será enfim Mundo tão belo que tu criaste
Tempo novo de eterna justiça, É incrível que em nós tu, Senhor, pensaste
Sem mais ódio, sem sangue ou cobiça, Ao deixar no teu plano lugar prá cada um!
Vai ser assim. Por isto cantamos de coração,
Zé vicente A ti cantamos nossa gratidão!
129 - QUE ESTOU FAZENDO? Luiza Cruz

Que estou fazendo se sou cristão, 132 - SÚPLICA


Se Cristo deu-me o seu perdão? Queremos invocar teu nome santo
Há muitos pobres sem lar, sem pão, Porque és Rei dos reis e Deus tu és.
Há muitas vidas sem salvação. Então aqui trazemos nosso canto,
Mas Cristo veio prá nos remir Que, humildes colocamos a teus pés.
(O homem todo, sem dividir); Queremos te pedir com humildade,
Não só a alma do mau salvar, Estende sobre nós a tua mão;
Também o corpo ressuscitar. E dá-nos a real felicidade
Há muita fome no meu país, De vermos tua face em cada irmão.
Há tanta gente que é infeliz, Permite que este pão e que este vinho,
Há criancinhas que vão morrer, Agora repartidos entre nós,
Há tantos velhos a padecer. Nos levem a seguir o teu caminho
Milhões não sabem como escrever, E a ouvir continuamente a tua voz.
Milhões de olhos não sabem ler; Por fim ainda pedimos, Deus amado,
Nas trevas vivem sem perceber Prostrados hoje aos pés da tua cruz,
Que são escravos de um outro ser.
Que a fé que nos redime do pecado Celebrai e bendizei seu santo nome!
Jamais se apague em nós, Senhor Jesus. José Weber
Onofre Machado Ramos
137 - LITURGIA DA UNIDADE
133 - QUERO CANTAR UMA LINDA
CANÇÃO Reúne o teu povo, Senhor nosso Deus,
Reúne os eleitos de toda a terra,
Quero cantar uma linda canção Para viver na união
De um homem que me transformou. Do Espírito Santo, teu dom,
Quero cantar uma linda canção Para louvar, bendizer e cantar teu amor. (2x)
De alguém que minha vida mudou.
É Jesus, o Senhor, é Jesus, o Senhor. Exorto-vos irmãos, em nome do Senhor,
Ele é Deus, ele é Rei, é amor e verdade, Que não haja entre vós discórdia e divisão.
Só nele encontrei esta paz que busquei, Ficai sempre unidos no mesmo parecer,
Só nele encontrei a felicidade. Na mesma fé comum, no Espírito de Cristo.
Autoria desconhecida Nós temos dons diversos, carismas diferentes;
134 - DIA A DIA COM JESUS Mas um só e mesmo Espírito atua em todos nós,
Levando à unidade, para na caridade
Quero estar ao pé da cruz continuamente Edificar o Corpo de Cristo, que somos nós.
A dizer porque Jesus é meu Senhor,
Anunciar que seu amor é permanente, O corpo é um só, mas tem membros diversos,
Sempre pronto a redimir ao pecador. Que apesar de muitos formam um só corpo,
Junto à cruz quero estar Assim também em Cristo, formamos um só Corpo,
A louvar o nome santo de Jesus, Pois fomos batizados num só e mesmo Espírito.
Seu louvor a cantar! José Weber
Quero estar continuamente ao pé da cruz. 138 - MUTIRÃO DO AVIVAMENTO
Com Jesus quero viver meu dia a dia, Reunidos neste grande mutirão,
A cantar-lhe um novo canto de louvor, Por Cristo a proclamar a salvação,
Carregar a minha cruz com alegria, Queremos anunciar
Desfrutando sua paz e seu amor. De Deus o amor sem par,
Ele é Deus, Ele é Rei. Reunidos neste grande mutirão.
Seu caminho para a glória me conduz.
Com amor cantarei! Reunidos neste grande mutirão,
Dia a dia quero estar com meu Jesus. Ao mundo dando exemplo de união,
Onofre Machado Ramos Cantando em teu louvor,
Ó Cristo Salvador,
135 - REI DOS REIS Reunidos neste grande mutirão. (2x)
Rei dos reis. (2x) A Igreja crescerá e Cristo vencerá
Toda a honra e glória a Cristo, Na Década da Evangelização.
Rei dos reis. À sombra de uma cruz,
Exaltai ao Rei que ressuscitou Servindo ao Rei Jesus,
E agora é Rei dos reis. Que irá se revelar partindo o pão,
Autoria desconhecida Reunidos neste grande mutirão.
136 - RESPLANDECEU A LUZ Onofre Machado Ramos

Resplandeceu a luz sobre nós, 139 - SANTO


Porque nasceu Cristo, o Salvador. Santo (5x)
Deus é Rei! Exulte a terra de alegria Santo é nosso Deus, Senhor de toda a terra,
E as ilhas numerosas rejubilem! Santo, santo é nosso Deus.
Os céus proclamam a justiça do Senhor, Santo (5x)
Todos os povos podem ver a sua glória. Santo é nosso Deus, Senhor de toda a história,
Santo, santo é nosso Deus.
Uma luz já se levanta para os justos
E a alegria, para os retos corações. Que acompanha nosso povo,
Homens justos, alegrai-vos no Senhor, Que vive em nossas lutas,
Do universo inteiro o único Senhor. Orando e confessando,
Não temas, seja o que for,
Benditos os que em seu nome anunciam o Segura na mão de Deus e vai.
Evangelho, Jesus Cristo, teu amigo,
A grande e boa notícia que traz libertação. Em tudo será contigo,
Missa Popular Salvadorenha Segura na mão de Deus e vai.
140 - SANTO ESPÍRITO Negro Espiritual

Santo Espírito, enche a minha vida, 143 - CANÇÃO DA CAMINHADA


Pois com Cristo eu quero brilhar. Se caminhar é preciso, caminharemos unidos
Santo Espírito, enche a minha vida, E nossos pés, nossos braços, sustentarão nossos
Usa-me as almas a salvar. passos,
Aleluia, aleluia, aleluia dou a Cristo Rei. Não mais seremos a massa sem vez, sem voz, sem
Aleluia, aleluia, aleluia dou ao Rei. história,
Autoria desconhecida Mas uma Igreja que vai em esperança solidária.
141 - SANTO É O SENHOR Se caminhar é preciso, caminharemos unidos
Santo, santo, santo é o Senhor. E nossa fé será tanta que transporá as montanhas.
Santo é o Senhor, Deus poderoso. Vamos abrindo fronteiras onde só havia barreiras,
Pois somos povo que vai em esperança solidária.
Que era, que é e que há de vir.
Santo, santo, santo é o Senhor. Se caminhar é preciso, caminharemos unidos
E o Reino de Deus teremos como horizonte de vida,
Digno, digno, digno é o Senhor. Compartiremos as dores, os sofrimentos e as penas,
Digno é o Senhor, Deus poderoso. Levando a força do amor em esperança solidária.
Que era, que é e que há de vir. Se caminhar é preciso, caminharemos unidos
Digno, digno, digno é o Senhor. E nossa voz no deserto fará brotar novas fontes.
E a nossa vida na terra será antevista nas festas,
Justo, justo, justo é o Senhor. É Deus que está entre nós em esperança solidária.
Justo é o Senhor, Deus poderoso. Simei Monteiro
Que era, que é e que há de vir. 144 - ORA ET LABORA
Justo, justo, justo é o Senhor.
Autoria desconhecida Sempre que a gente se encontra
E pede a Deus em oração,
142 - SEGURA NA MÃO DE DEUS Fica forte, fica forte,
Se as águas do mar da vida E logo se põe em ação.
Quiserem te sufocar, Sempre que a gente se encontra
Segura na mão de Deus e vai. Prá agir, prá trabalhar,
Se as tristezas desta vida Fica forte, fica forte,
Te fazem desesperar, E logo se põe a orar.
Segura na mão de Deus e vai.
É que a força do trabalho
Segura na mão de Deus, E a força da oração
Segura na mão de Deus, Andam juntas, andam juntas,
Pois ela, ela, te sustentará, Elas nascem da união.
Não temas, segue adiante Zeni Soares
E não olhes para trás, Flávio Irala
Segura na mão de Deus e vai.
145 - SEGUIREI A CRISTO
Se os passos te são pesados,
Cansado teu caminhar, Sempre, sempre seguirei a Cristo,
Segura na mão de Deus e vai. Onde quer que ele for, eu o seguirei.
Teus temores, teus cuidados Sempre, sempre seguirei a Cristo,
Ele ajuda a suportar, Onde quer que ele for, o seguirei.
Segura na mão de Deus e vai. Autoria desconhecida
146 - ORAÇÃO DE SÃO FRANCISCO Porque tudo é teu.
Senhor, fazei-me um instrumento de vossa paz. É teu o pão que oferecemos,
Onde houver ódio, que eu leve o amor, É tua a vida que vivemos.
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão, Obrigado, Senhor.
Onde houver discórdia, que eu leve a união,
Onde houver dúvida, que eu leve a fé. É teu o vinho que ofertamos,
Onde houver erro, que eu leve a verdade É tua a dor que suportamos.
Onde houver desespero, que eu leve a esperança, Obrigado, Senhor.
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria, A tua vida é nossa vida,
Onde houver trevas, que eu leve a luz. Na tua casa recebida.
Ó Mestre, fazei que eu procure mais Obrigado, Senhor.
Consolar que ser consolado, Na tua cruz, crucificados,
Compreender que ser compreendido, Seremos teus, ressuscitados.
Amar que ser amado. Obrigado, Senhor.
Pois é dando que se recebe, Pe. J.B.
É perdoando que se é perdoado,
E é morrendo que se vive para a vida eterna. 149 - GRANDIOSO ÉS TU
Pe. Zezinho
Senhor meu Deus, quando eu maravilhado,
147 - EU CREIO Contemplo a tua imensa criação,
A terra e o mar e o céu todo estrelado
Senhor Jesus, eu creio que Deus Pai Me vêm falar da tua perfeição.
Criou o céu, a terra
E a vida aos homens deu. Então minh’alma canta a ti Senhor:
Creio também que és Filho de Deus Grandioso és tu, grandioso és tu.
Nascido de Maria
Para só fazer o bem. E quando penso quanto Deus me ama,
E por amor, morreste numa cruz, Que em meu lugar na cruz Jesus sofreu,
Depois de ressurgir A gratidão meu coração inflama,
Voltaste para o céu. Pois foi por mim que ele padeceu.
E nos mandaste o Espírito de Amor, Tua palavra veio revelar-me
Presente na Igreja O eterno alvo que devo alcançar.
Com sua graça e sua luz. Com tantas bênçãos vens presentear-me,
Por isso eu quero me comprometer, Eternamente hei de te louvar!
Na minha fé fiel permanecer, Stuart K. Hine
Mas para eu ser verdadeiro cristão Melodia sueca
Dá-me tua ajuda, ó, dá-me tua mão. 150 - SENHOR, QUE É NOSSO TEMPLO?
Senhor Jesus, eu creio na missão Senhor, que é nosso templo
Que à Igreja confiaste Se não estás presente?
De ao mundo anunciar Que valem as paredes,
A boa nova da tua salvação; Seus bancos, seu altar?
Eu creio em Deus que é Pai Que é o coro melodioso,
E que tu és nosso irmão. O órgão tão potente,
Creio no amor que veio nos unir Se a divinal presença
E aos homens transformar Não vive no lugar?
No povo do Senhor.
Eu sou feliz por hoje renovar Que valem nossas vozes
Na Igreja o compromisso Unidas num só canto?
De seguir os passos teus. Palavras ou silêncio,
Miria Kollig Discursos, oração,
Se o hálito divino
148 - SENHOR MEU DEUS Não cobre com um manto
Senhor meu Deus, O íntimo aposento
Obrigado, Senhor, De cada coração?
Que valem cerimônias, Irmãos na fé, na caridade,
Os credos, simbolismos, Na comunhão do culto paroquial,
Os salmos, os louvores, Fiéis à Igreja missionária
E a bíblica porção, Que quer amor universal.
Se existe entre teus filhos Aury Brunetti
Um tão profundo abismo,
Que priva as nossas almas 154 - GRÃO
Da franca comunhão? Se o grão não morrer
Senhor, enche este templo, Debaixo da terra,
Sê tu aqui presente; Não virá a espiga
Que no silêncio grato Alegrar a mesa.
De tão feliz mansão Se o grão resistir
Nós todos, irmanados, Ao vento e à chuva,
Ergamos altamente Não terá o vinho
As fervorosoas notas O vigor da uva.
De nossa adoração.
Federico Pagura Se o grão não morrer
Skinner Chávez – Melo Na mó do moinho,
O corpo estará
151 - SANTUÁRIO Cada vez mais sozinho.
Senhor, quem entrará no santuário prá te louvar? Se o grão se entregar
(2x) À força do pão,
Quem tem as mãos limpas e o coração puro, Convívio haverá
Quem não tem vaidade e sabe amar. Na ressurreição.
Senhor, eu quero entrar no santuário prá te louvar. Armindo Trevisan
(2x) Flávio Irala
Ó dá-me mãos limpas e um coração puro, 155 - XOTE DA VITÓRIA
Afasta a vaidade, ensina-me a amar.
Se perguntarem sobre o dia da vitória,
Senhor, já posso entrar no santuário prá te louvar. Tu dirás, com esperança:
(2x) Tudo aqui vai melhorar.
Teu sangue me limpa, me oferta perdão, O povo, alegre, realizará a História
O Espírito Santo me enche de amor. E no fim do tempo certo
Sobre o Salmo 24 A colheita se dará.
152 - OFERTÓRIO A fome haverá? Não!
Senhor, recebe o trigo moído; Violência haverá? Não!
Vê como é bom o grão! Se a nossa força for além da romaria
Seja o teu corpo! O Senhor da harmonia
Afastará de nós a dor.
Senhor, recebe a uva pisada;
Vê como é belo o vinho! É caminhando com os olhos no futuro,
Seja o teu sangue! Clareando onde é escuro
Com a força da união,
Senhor, recebe o pecador contrito; Que venceremos quem vai contra a natureza,
Vê como é grande o amor! Pois sabemos, com certeza,
Seja outro Cristo! Que haverá ressurreição!
Donald S. Barrows
A fome haverá? Não!
153 - SENHOR, TRAZEMOS NOSSA OFERTA Violência haverá? Não!
A nossa terra terá vida abundante
Senhor, trazemos nossa oferta: Prá que a gente cante e dance
Um dom de amor de laboriosas mãos. A plenitude do amor.
Assim de ti somos mais filhos,
Assim de todos mais irmãos. Lá, lá, iá, lá, iá, lá, iá, lá, iá, lá, iá, lá, iá.
Laan Mendes de Barros
João Francisco Esvael
Entre nós está e não o conhecemos,
156 - SE SOFRIMENTO TE CAUSEI, SENHOR Entre nós está e nós o desprezamos.
Se sofrimento te causei, Senhor; Seu nome é Jesus Cristo e é analfabeto,
Se a meu exemplo o fraco tropeçou; E vive mendigando um subemprego;
Se em teus caminhos eu não quis andar, E a gente quando o vê, diz: “É um à-toa!
Perdão, Senhor! Melhor que trabalhasse e não pedisse!”
Seu nome é Jesus Cristo e está doente,
Se vão e fútil foi o meu falar; E vive atrás das grades da cadeia,
Se a meu irmão não demonstrei amor; E nós tão raramente vamos vê-lo:
Se ao sofredor não estendi a mão, Sabemos que ele é um marginal.
Perdão, Senhor!
Seu nome é Jesus Cristo e anda sedento
Se indiferente foi o meu viver; Por um mundo de amor e de justiça:
Tranqüilo, calmo, sem lutar por ti; Mas logo que contesta pela paz
Devendo estar mui firme no labor, A ordem o obriga a ser de guerra
Perdão, Senhor! Seu nome é Jesus Cristo e é analfabeto,
Escuta, ó Deus, a minha oração; E vive nos imundos meretrícios;
E vem livrar-me de incertezas mil: Mas muitos o expulsam da cidade
Transforma este pobre pecador, Com medo de estender a mão a ele.
Amém, Senhor! Seu nome é Jesus Cristo e é todo homem.
C. M. Battersby Que vive neste mundo e quer viver,
Pablo Sosa Pois prá ele não existem mais fronteiras,
157 - FESTA SINGULAR Só quer fazer de todos nós irmãos.
Anônimo
Se somos companheiros em missão,
Se é Cristo nosso elo de união, 159 - SEU NOME É MARAVILHOSO
Ninguém nos deterá Seu nome é maravilhoso, (3x)
E a fé triunfará, Pai da eternidade,
Se somos companheiros em missão. Príncipe da paz.
Se somos companheiros em missão, Seu nome é conselheiro, (3x)
O “Cem” fará vibrar sua canção, Pai da eternidade,
Se não estamos sós, Príncipe da paz.
Ergamos nossa voz
Mostrando o amor de Cristo a nosso irmão, Seu nome é Deus forte, (3x)
Se somos companheiros em missão. Pai da eternidade,
Príncipe da paz.
E o mundo então verá,
E a Igreja entenderá, Seu nome é maravilhoso,
Que não nos alegramos sem razão, Seu nome é conselheiro,
Cem anos festejar, Seu nome é Deus forte,
Em festa singular, Pai da eternidade,
Reunidos, partilhando vinho e pão, Príncipe da paz!
Se somos companheiros em missão. Sobre Isaías 9:6
Onofre Machado Ramos
160 - SHALOM
158 - SEU NOME É JESUS CRISTO
Shalom, Adonai, shalom, (3x)
Seu nome é Jesus Cristo e passa fome Shalom, shalom.
E grita pela boca dos famintos;
E a gente quando o vê, passa adiante, A paz do Senhor, irmão, (3x)
Às vezes, prá chegar depressa à Igreja. A paz, a paz.
Seu nome é Jesus Cristo e está sem casa, Que Deus te abençoe, irmão, (3x)
E dorme pelas beiras da calçada; Amém, amém.
E a gente, quando o vê, apressa o passo, Melodia hebraica
E diz que ele dormiu embriagado. 161 - SHALOM, CHAVERIM
Shalom, chaverim. (2x) 164 - SOMOS UM NO AMOR DE DEUS
Shalom, shalom.
Somos um no amor de Deus,
A paz do Senhor. (2x) Somos um no amor de Deus.
Shalom, shalom. Somos pelo Espírito unidos em Deus,
Somos um no amor de Deus.
Shalom, meu irmão. (2x)
Shalom, shalom. Vamos todos nós cantar.
Melodia hebraica Seu amor manifestar.
De mãos dadas para o mundo ver,
162 - FIGUEIRA E PARREIRAL Somos um no amor de Deus.
Sob a figueira e o parreiral Francis Collins
Habitarão todos em paz. Otis Skillings

Derreterão seus fuzis e espadas, 165 - SONDA-ME


Deles farão foices e enxadas. Sonda-me, ó Deus
Melodia hebraica E conhece o meu coração.
163 - BAIÃO DAS COMUNIDADES Prova-me, Senhor,
E conhece os meus pensamentos.
Somos gente nova vivendo a união,
Somos povo semente da nova nação, ê, ê! Vê se há em mim algum caminho mau
Somos gente nova vivendo o amor, E guia-me, guia-me
Somos comunidade povo do Senhor,ê, ê!. Pelo caminho eterno.
Sobre o Salmo 139:23-24
Vou convidar meus irmãos trabalhadores,
Operários, lavradores, biscateiros e outros mais, 166 - SÓ O PODER DE DEUS
E juntos vamos celebrar a confiança, Só o poder de Deus
Nossa luta na esperança de ter terra, pão e paz, ê, ê! Pode mudar teu ser,
Vou convidar os índios que ainda existem, A prova que eu te dou:
As tribos que ainda insistem no direito de viver, Ele mudou o meu.
E juntos vamos, reunidos na memória, Não vês que sou feliz
Celebrar uma vitória que vai ter que acontecer, ê, ê! Seguindo ao Senhor.
Nova criatura sou,
Convido os negros, irmãos no sangue e na sina, Nova sou.
Seu gingado nos ensina a dança da redenção, Autoria desconhecida
De braços dados no terreiro da irmandade,
Vamos sambar de verdade, enquanto chega a razão, 167 - SURGE A ALVORADA
ê, ê! Linda e perfeita, surge a alvorada,
Vou convidar Oneide, Rosa, Ana Maria, Da passarada soa a canção;
A mulher que noite e dia luta e faz nascer o amor Nós damos graças pela beleza
E reunidos no altar da liberdade, Da natureza, da criação.
Vamos cantar a verdade, vamos pisar sobre a dor, ê, Surgindo os raios do sol brilhante
ê! Tão cintilante o orvalho faz;
Vou convidar a criançada e a juventude, Agradecidas brilham as flores
Tocadores que me ajudem: vamos cantar por aí E a Deus louvores à terra traz.
E o nosso canto vai encher todo o país, Bela é a aurora, bela a alvorada;
Velho vai dançar feliz, quem chorou vai ter que rir, Ambas criadas por santa mão,
ê, ê! A cada dia, sendo refeitas,
Desempregados, pescadores, desprezados Obras perfeitas da criação.
E os marginalizados, venham todos se ajuntar Eleanor Farjeon
A nossa marcha para a nova sociedade Melodia galesa
Quem nos ama de verdade pode vir, que tem lugar,
ê, ê!
Zé Vicente 168 - TEMPO MAIOR
Tempo maior de esperança, Tu me encontraste em meio à noite,
Risos e cantos no ar; E me chamaste a em ti viver,
Abram espaço à criança: Eu não sabia, confesso agora,
O Reino vai se implantar. Que ainda existia o amanhecer.
Flores e frutas, sementes, Tu me seguiste por tanto tempo,
Reino de graça e esplendor; E eu era triste sem perceber,
Bichos amigos da gente, Até que um dia eu vi teu mundo,
Paz com justiça e amor. Com alegria e pude crer.
Se a luta agora é bem dura Deixei de lado a indiferença
Não há por que enfraquecer; Fui abalado por teu poder.
Se agora há guerra e tortura, Meu egoismo mudaste em luta
Com Cristo vamos vencer. No meu batismo sem merecer.
Sergio Marcus Lopes
Flávio Irala Te achei sofrido com fome e sede
Ernesto B. Cardoso Te vi oprimido a padecer,
Te achei cansado, te achei nos pobres,
169 - TUA PALAVRA Desempregado a esmorecer.
Tua palavra na vida Te achei na face de tanta gente,
É fonte que jamais seca, Em qualquer classe, te pude ver,
Água que anima e restaura Eu faço parte da tua história,
Todos que a queiram beber. Na qual amar-te é renascer.
Jaci C. Maraschin
Tua palavra na vida
É qual semente que brota; 172 - O CORPO
Torna-se bom alimento,
Pão que não há de faltar. Tu nos deste este corpo que é teu templo,
Não queremos destruí-lo;
Tua palavra na vida É tão bom sentí-lo livre, assim,
É espelho que bem reflete, Sem amarras e mazelas.
Onde nos vemos, sinceros, Tu nos deste este corpo como exemplo
Como a imagem de Deus. De harmonia e de beleza;
Não permitas que o tornemos
Tua palavra na vida Um motivo de tristeza,
É espada tão penetrante Mas que expresse com alegria
Que revelando as verdades Teu alento e o dom da vida.
Vai renovando o viver.
Tu nos deste este corpo que percebe
Tua palavra na vida Os afagos de ternura,
É luz que os passos clareia, E que em gestos sabe conversar
Para que ao fim no horizonte Expressando os seus desejos.
Se veja o Reino de Deus. Tu nos deste este corpo que reune
Simei Monteiro A razão e o sentimento;
170 - TUA VONTADE Não permitas que o façamos
Prisioneiro de um engano
Tua vontade seja feita e nada mais, (3x) Mas que em tudo glorifique
Minha alma diz amém, amém. E consagre o Criador.
Mesmo que em sombras eu venha a caminhar
E que desprezos eu venha suportar Tu nos deste este corpo para a vida,
E minha cruz eu tenha que levar, Não o queremos para a morte,
Minha alma diz, amém, amém. Mas a fome e a desnutrição
Autoria desconhecida O reduzem à miséria.
Tu nos deste este corpo para a glória
E a perfeita plenitude;
Não permitas que ele seja
171 - INSISTÊNCIA Negação da humanidade
Mas que em Cristo restaurado
Nos revele a tua imagem. Um ano mais de vida guardou-vos o Senhor,
Simei Monteiro E deu-vos fiel guarida no seu divino amor.
Flávio Irala
De coração dai graças ao vosso eterno Pai
173 - PESCADOR DE HOMENS Pois mais um ano passa, a Deus mil graças dai!
Tu vieste à margem do lago, De noite e em claro dia, no inverno e no verão,
Não buscaste nem sábios, nem ricos, Na dor e na alegria, gozaste proteção.
Somente queres que eu te siga.
No coração que sente as bênçãos do Senhor,
Senhor, tu me olhaste nos olhos Um canto alegre e ardente espalha o seu louvor.
E, sorrindo, disseste meu nome. Anônimo
Lá na areia deixei o meu barco
E contigo vou buscar outro mar. 177 - HINO DA FAMÍLIA

Tu sabes tudo o que tenho, Uma vida, um amor,


No meu barco não há ouro, nem prata, Com o nosso Redentor,
Somente redes pro meu trabalho. Somos uma família una no amor.
Um no pão, um no vinho,
Tu necessitas de mim, Somos povos que sorriem,
Do meu cansaço que a outros descanse, Somos uma família una no amor.
Amor que queira seguir amando.
Ao Pai e ao Filho
Tu, pescador de outros lagos, Ao Espírito Divino
Ânsia eterna de homens que esperam, Canta toda a criação:
Meu bom amigo, que assim me chamas. Venha o teu reino.
Cesareo Gabarian
Venha o teu reino,
174 - UBI CARITAS A tua vontade
Assim na terra
Ubi caritas et amor, Como no céu.
Ubi caritas Canta toda a criação:
Deus ibi est. Venha o teu reino.
Onde há amor e caridade, Melodia galesa
Onde há amor 178 - JESUS CRISTO, ESPERANÇA PARA O
Deus ali está. MUNDO
Melodia de Taizé
Um pouco além do presente,
175 - UMA ESPIGA DOURADA PELO SOL Alegre, o futuro anuncia
Uma espiga dourada pelo sol, A fuga das sombras da noite,
Ofertada pelas mãos do semeador, A luz de um bem novo dia.
Se converte agora em pão e vinho de amor, Venha teu reino, Senhor.
No corpo e no sangue do Senhor. A festa da vida recria.
Comungamos a mesma comunhão, A nossa espera e ardor
Somos trigo do mesmo semeador. Transforma em plena alegria.
Qual moinho, a vida nos tritura na dor, Aiê - eiá, aiê - aê - aê.
Deus nos faz Eucaristia no amor. Botão de esperança se abre,
Como grãos que formam um só pão, Prenúncio da flor que se faz.
Como notas que tecem um cantar, Promessa da tua presença
Como gotas de água que se unem no mar, Que vida abundante nos traz.
Os cristãos num só corpo hão de estar. Saudade da terra sem males,
Cesareo Gabarian Do Éden de plumas e flores,
Da paz e justiça irmanadas,
Num mundo sem ódio nem dores.
176 - GRAÇAS PELO ANIVERSÁRIO Saudades de um mundo sem guerras,
Anelos de paz e inocência:
De corpos e mãos que se encontram, 181 - REUNIÃO DO POVO
Sem armas, sem mortes, violência.
Vejam que belo, como é tão bom! (2x)
Saudades de um mundo sem donos: Vejam como é bonito ter o povo reunido,
Ausência de fortes e fracos, Para fazer da terra novo mundo redimido.
Derrota de todo sistema
Que cria palácios, barracos. Vejam que belo, como é tão bom! (2x)
Vejam que coisa boa, que perfume qual orvalho,
Já temos preciosa semente, Quando se faz alegre a tristeza do trabalho.
Penhor do teu Reino, agora.
Futuro ilumina o presente, Vejam que belo, como é tão bom! (2x)
Tu vens e virás sem demora. Vejam que maravilha nessa benção que não passa,
Sílvio Meincke Quando o Senhor derrama sobre nós a sua graça.
Edmundo Reinhardt Pablo Sosa
João Carlos Gottinari 182 - INÍCIO DE REUNIÃO
179 - UNIDOS Vem ajuda-nos, ó Cristo,
Unidos, unidos, em teu nome unidos, (2x) Nesta nossa reunião.
Pois neste mundo paz e amor teremos, (2x) Vem, escreve o teu ensino,
Unidos, sempre unidos, tomando-nos as mãos Firme em cada coração.
Iremos pelo mundo cantando o amor, o amor. Fica em nossa companhia,
Faze-nos vir sempre aqui,
E a glória de Jesus enfim resplandecerá Ó, dirige nossos passos
E o mundo se encherá Cada vez mais junto a ti.
De amor e de paz (e de paz). Charles C. Converse
Autoria desconhecida
183 - VEM EU MOSTRAREI
180 - A FILA
Vem, eu mostrarei
Vamos entrando na fila Que o meu caminho te leva ao Pai.
Prá receber o Senhor Guiarei os passos teus
Ele quis ser alimento E junto a ti hei de seguir.
E se entregou por amor. Sim, eu irei e saberei como chegar ao fim.
De onde vim, para onde vou,
Isto é o meu corpo, comei. Por onde irás, irei também, também.
Isto é o meu sangue, bebei.
Comemorando o que fiz, Vem, eu te darei
A mesma coisa fazei. O que ainda estás a procurar.
A verdade é como o sol
A fila dos que têm fome E invadirá teu coração.
Dá volta no mundo inteiro. Sim, eu irei e aprenderei minha razão de ser.
Fome de pão, de justiça, Eu creio em ti, que crês em mim
Fome de amor verdadeiro. E na tua luz, serei a luz, a luz.
A fila dos explorados Vem, eu te farei
Não tem tamanho, é imensa; Da minha vida participar.
Trabalho duro ou mal pago, Viverás em mim aqui,
Causando morte ou doença Viver em mim é o bem maior.
A fila dos humilhados Sim, eu irei e viverei a vida inteira assim.
Percorre nossa cidade, Eternidade é na verdade
Gente que nós expulsamos O amor vivendo sempre em nós, em nós.
Da terra e até da amizade. Vem que a terra espera
A fila dos irmãos tristes Quem possa e queira realizar
Passa por nós cada dia. Com amor, a construção
Mas nunca nós temos tempo De um mundo novo e muito melhor.
De lhes servir alegria. Sim, eu irei e levarei teu nome aos meus irmãos.
Pe. Jocy Rodrigues Iremos nós e o teu amor
Vai construir enfim a paz, a paz.
Valdeci Farias Com o Reino.
Ninguém ficará com fome. (3x)
184 - VEM, JESUS, NOSSA ESPERANÇA (Ninguém)
Vem Jesus, nossa esperança, Elza Tamez
Nossas vidas libertar. Flávio Irala
Vem nascer em nós, criança, 187 - NOTÍCIAS
Vem o teu poder nos dar.
Vestidas de tecidos ainda limpos,
Vem, liberta os prisioneiros Mulheres ofegantes
Da injustiça e da aflição; Procuram vida nos garimpos
Vem, reúne os brasileiros Distantes.
Em amor e em compreensão.
Entre rendas tramadas com desvelo
Vem tecer um mundo novo Carregam, pressurosas,
Nos caminhos da verdade; Depois do imenso pesadelo,
Para que, afinal, o povo As rosas.
Viva em plena liberdade,
No meio das sentidas agonias,
Vem, Jesus, abre o futuro São portas e primícias
Do teu reino de alegria, Que fazem dessas alegrias
Vem, derruba o imenso muro Notícias.
Que separa a noite e o dia. Jaci C. Maraschin
Jaci C. Maraschin
Marcilio de Oliveira Filho 188 - O REI DAVI
185 - VEM, Ó SANTO ESPÍRITO Viva o Rei Davi
Que cantava salmos,
Vem, vem, vem ó Santo Espírito. Salmos ao Senhor.
(Santo Espírito) Viva o Rei Davi!
Vem, vem, vem em nós viver. Viva o Rei Davi!
(Ó vem em nós viver) O Rei Davi, o Rei Davi,
Ó vem, ó vem, ó vem. O Rei Davi, VIVA!
(Vem Santo Espírito) Frei Fabreti
Melodia da Nigeriana
189 - MARAVILHOSO OLHAR
186 - CONVITE AO COMPROMISSO
Vivi tão longe do Senhor, assim eu quis andar
Venham, celebremos Até que eu encontrei o amor em seu bondoso olhar.
A ceia do Senhor.
Façamos todos juntos um enorme pão; Seu maravilhoso olhar, seu maravilhoso olhar,
Preparemos muito vinho, como em Caná. Transformou meu ser, todo o meu viver,
Seu maravilhoso olhar.
Que as mulheres não esqueçam o sal
E os homens tragam o fermento. Seu corpo vi na rude cruz sofrendo ali por mim
Que venham muitos convidados: E ouvi a voz do meu Jesus: “Por ti morri assim”.
Cergos, surdos, coxos, presos, pobres.
Em contrição então voltei à fonte desse amor,
Pronto sigamos a receita do Senhor, Perdão e paz em Cristo achei, pertenço ao Salvador.
Batamos todos juntos a massa com as mãos, Autoria desconhecida
E veremos com alegria
Como cresce o pão. BÊNÇÃOS DE MESA

Que as mulheres não esqueçam o sal 190 - AO SENHOR OFERECEMOS


E os homens tragam o fermento. Ao Senhor oferecemos. Aleluia!
Que venham muitos convidados: O alimento que nós temos. Aleluia!
Cegos, surdos, coxos, presos, pobres. Ao Senhor agradecemos. Aleluia!
Porque hoje celebramos O alimento que nós temos. Aleluia!
O encontro com Jesus. Negro spiritual
Hoje celebramos nosso compromisso
191 - JESUS ABENÇOA ESTE ALIMENTO
Oré poria Juverekó
Jesus abençoa este alimento. Aleluia! Jesus Cristo
Autoria desconhecida
Oré poria Juverekó
192 - O SENHOR ABENÇOE ESTE Ñandeyara
ALIMENTO Autoria desconhecida
O Senhor abençoe este alimento. Aleluia! (3x) 199 - KYRIE
Para Natal: Jesus nasceu da Virgem Maria. Aleluia!
Para Páscoa: Jesus está vivo, ressuscitado. Aleluia! Senhor, tem piedade de nós.
Para Ascensão: Jesus subiu ao céu, vencedor. Cristo, tem piedade de nós.
Aleluia! Senhor, tem piedade de nós.
Para Pentecostes: Jesus mandou o Espírito Santo. Sim, tem piedade de nós.
Aleluia! Clara A. Lázaro
Nosso alimento ele abençoa. Aleluia! Pedro T. Fernandez
Autoria desconhecida 200 - EVANGELHO
193 - ORAÇÃO PARA ANTES E DEPOIS DAS Teu evangelho, ó bom Jesus,
REFEIÇÕES Nós vamos receber,
Ó Senhor vem abençoa A lei do amor que Deus nos dá
Esta nossa refeição Convém obedecer.
Que hoje tem mais alegria (2x) Jaci C. Maraschin
Melodia tradicional
Com a tua, com a tua
Com a tua companhia. 201 - ALELUIA DA JAMAICA

Ó Senhor agradecemos Ale, ale, ale-luia (3x)


Esta nossa refeição Aleluia! Aleluia!
Que hoje tem mais alegria (2x) Autoria desconhecida
Melodia folclórica brasileira 202 - ALELUIA DE ZIMBABUE
MÚSICAS LITÚRGICAS Aleluia! (4x)
Abraham Maraire
194 - ADORAI AO SENHOR
203 - A NOSSA ORAÇÃO
Adorai ao Senhor (2x)
Na beleza da sua santidade. Amém. A nossa oração, a nossa oração,
Dione de Vasconcelos Ao clamarmos, ouve, Senhor.
A nossa oração, a nossa oração,
195 - KYRIE ELEISON Vem e ouve, Senhor!
Kyrie eleison, eleison. Melodia de Taizé
Kyrie eleison, Kyrie eleison. 204 - TEM PIEDADE
Eleison.
Simei Monteiro Ouve Senhor.
Eu estou clamando.
196 - KYRIE Tem piedade de mim
Kyrie eleison. (3x) E me responde.
Igreja ortodoxa russa Simei Monteiro

197 - KYRIE DE TAIZÉ 205 - SENHOR EM TUA MISERICÓRDIA

Kyrie, Kyrie eleison. Senhor, em tua misericórdia


Melodia de Taizé Atende nossa súplica,
198 - KYRIE GUARANI Em tua misericórdia,
(Significa “Tem piedade, Jesus Cristo”) Atende-nos, Senhor!
Autoria desconhecida
Oré poria Juverekó
Ñandeyara 206 - A PAZ
Aleluia! Aleluia!
A paz de Jesus eu te dou Celebremos a festa! Aleluia!
A paz do Senhor é o seu amor.
Julie Howard Cristo ressuscitou. (2x)
Ressuscitemos com ele.
207 - OFERTÓRIO Cristo nossa vida.
Tudo vem de ti, Senhor Aleluia! Aleluia!
E do que é teu t’o damos. Celebremos a festa! Aleluia!
Tradicional Melodia de Taizé

208 - NOSSA OFERTA 214 - GLÓRIA A DEUS

Eis a nossa oferta, ó Deus, Glória a Deus (2x)


Dada com prazer e amor. Glória nas alturas.
Nós pedimos que ela seja A Deus glória para sempre.
Útil para o teu louvor. Aleluia, amém! (3x)
Frederick A. Hervey Melodia Peruana

209 - SANCTUS 215 - GLÓRIA

Santo, santo, santo é o Senhor, Glória, glória, glória,


Deus do Universo, Nas alturas a Deus.
Os céus e a terra estão plenos da tua glória. E na terra paz para aqueles
Hosana nas alturas! Hosana! Que amam o Senhor.
Bendito o que vem em nome do Senhor. Pablo Sosa
Hosana nas alturas! Hosana! 216 - GLÓRIA
Flávio Irala
Glória ao Pai e ao Filho Único
210 - SANCTUS ARGENTINO E ao Santo Espírito.
Santo, santo, santo, Glória! Glória! Glória!
Meu coração te adora. Donald B. Monteiro
Meu coração te sabe dizer, 217 - BÊNÇÃO
Santo és tu Senhor!
Autoria desconhecida A bênção do Deus de Sara, Abraão e Hagar;
A bênção do Filho, nascido de Maria;
211 - AGNUS DEI A bênção do Espírito Santo de Amor,
Cordeiro de Deus. Que cuida com carinho,
Que tiras os pecados do mundo, Qual mãe cuida da gente,
Tem piedade de nós. Esteja sobre todos nós.
Amém.
Cordeiro de Deus. Trad. Jaci C. Maraschin
Que tiras os pecados do mundo, Pablo Sosa
Dá-nos a paz.
Autoria desconhecida SUPLEMENTO 1998

212 - AGNUS DEI 218 - ORAÇÃO DE SÃO FRANCISCO

Ó Cordeiro Santo, Cristo nosso Salvador Faz-me instrumento de tua paz,


Tem piedade. Que onde houver discórdia eu leve a união;
Que onde houver ódio eu leve o amor;
Ó Cordeiro Santo, Cristo nosso Salvador, Que onde houver ofensa, o teu perdão.
Dá-nos tua paz! Amém!
M. Praetorius Ó Mestre, que eu procure mais
Consolar que ser consolado.
213 - CRISTO RESSUSCITOU Compreender que ser compreendido,
Amar, amar que ser amado!
Cristo ressuscitou. (2x)
E a morte foi vencida. Faz-me instrumento de tua paz,
Cristo nossa vida. Que onde houver treva eu leve a luz;
Que eu leve a esperança que nos dás; Glória a Deus, nas alturas,
E a alegria que há em ti, Jesus. E na terra paz, boa vontade entre os homens.
Nós te louvamos, bendizemos, adoramos,
Faz-me instrumento de tua paz, Glorificamos e te damos graças por tua grande
Perdoando como tu nos dás perdão, glória.
Morrendo é que voltamos a nascer, Ó Senhor Deus, Rei do Céu, Deus Pai Onipotente.
Pois tu, só tu nos dás ressurreição! Ó Senhor, Unigênito Filho, Jesus Cristo;
Sebastian Temple Ó Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho do Eterno
Adaptação: Maria Helena Gastal Pai,
219 - A PAZ DO SENHOR Que tiras os pecados do mundo,
Tem misericórdia de nós.
A paz do Senhor, a paz do Senhor, Tu que tiras os pecados do mundo,
A paz do ressuscitado, Recebe a nossa oração.
A paz do Senhor a ti e a mim, Tu que estás à destra de Deus Pai,
A todos alcançará. Tem misericórdia de nós.
Porque só tu és Santo;
A paz do Senhor, a paz do Senhor, Só tu és o Senhor;
A paz do ressuscitado Só tu, ó Cristo, com o Espírito Santo,
Se faz presente agora e aqui, És altíssimo na glória de Deus Pai. Amém. Amém.
Apressa-te a recebê-la. Texto litúrgico
A paz do Senhor, a paz do Senhor, Canto anglicano
A paz do ressuscitado 222 - TUA PALAVRA É LÂMPADA PARA OS
Não pode viver trancada em ti, MEUS PÉS
Dispõe-te a compartilhá-la.
Anders Runth Tua palavra é lâmpada para os meus pés, Senhor.
Lâmpada para os meus pés e luz, luz para o meu
220 - TU ÉS O CRISTO caminho. (2x)
Tu és o Cristo, filho de Deus vivo, Simei Monteiro
Que veio ao mundo trazer a salvação! 223 - ASSIM COMO A CORÇA
Eu sou a palavra do Pai, Assim como a corça suspira pelas águas,
Eu sou o Deus e homem Jesus Por ti suspira minha alma, Espírito de Deus!
Meu nome com fé proclamai,
E dai testemunho da luz. Ó! Enche-me, Espírito! Enche-me, Espírito!
Ó! Enche-me Espírito de Deus!
O mundo não crê nem conhece, Benedito Carlos
O filho que o Pai enviou Alda Célia
O Espírito Santo esclarece,
E vós professais quem sou. 224 - É TEMPO DE LOUVAR A DEUS
E todos que a mim receberam, Hoje é tempo de louvar a Deus.
O Pai os tornou filhos seus. Em nós agora habita o seu Espírito.
Sangue não foi que nasceram, Então é só cantar e a Cristo exaltar
Porém da vontade de Deus. E sua glória encherá este lugar.
Vem louvar (vem, vem) vem louvar.(2x)
Que sempre, ao pedir uma graça
Ao Pai e Senhor Deus Javé No meio de louvores Deus habita.
Em vós aconteça e se faça É seu prazer cumprir o que nos diz.
Conforme o tamanho da fé. Então é só cantar e a Cristo exaltar
E sua glória encherá este lugar.
Quem der testemunho de mim, Vem louvar (vem, vem) vem louvar.(2x)
Diante do mundo e dos seus, Autoria desconhecida
Eu vou professá-lo sem fim,
Diante da face de Deus. 225 - SALMO 134
José Acácio Santana
Erguei as mãos para o santuário
221 - GLÓRIA IN EXCELSIS E bendizei ao Senhor.
E lá do céu ele te abençoa,
Pois ele fez céu e terra com amor. Amém, amém.
Frei Fabretti Amém, amém, amém, amém.
Autoria desconhecida
226 - SALMO 103
229 - GLÓRIA
Bendize, ó minha alma,
Bendize ao Senhor! Glória a Deus!
E tudo que há em mim, Glória a Deus!
E tudo que há em mim Glória nas alturas!
Bendiga o seu santo nome.
Paz na terra a todos
Bendize, ó minha alma, Que têm boa vontade
Bendize ao Senhor! Homens e mulheres
E não te esqueças, Partilhando com amor.
E não te esqueças
De nenhum de seus benefícios. Glória a Deus!
João W. Faustini Glória a Deus!
Glória a Jesus Cristo!
227 - AVE E ESPÍRITO
Paz na terra a todos
Carregada pelo vento ela voa sob o sol Que têm boa vontade
Na manhã da criação, a dançar. De fazer a criançada
E no seu vôo ela canta dia e noite sem parar Crescer e viver com amor.
Entre risos e na luz, ela voa.
Glória a Deus!
Águas silenciosas, num embalo vão e vêm, Glória a Deus!
Como um berço disponível para o bem. E ao Espírito Santo!
E o Espírito divino cria a vida sobre o mar:
Ele é a mãe que os filhos quer amamentar. Paz na terra a todos
Que têm boa vontade
Sonhadores viram mais além do sonho vão De sentir felicidade
Que seu sonho era mais que só visão: Reconciliados no amor.
Os desertos floresceram, toda a vida se enfeitou João Francisco Esvael
Quando o Espírito do universo fecundou.
230 - QUEM DISSE QUE NÃO SOMOS NADA
E saudou Maria no seu vôo imemorial,
Feito um pássaro sutil e sideral, Quem disse que não somos nada
Anunciando uma criança que traria ao mundo paz Que não temos nada para oferecer.
E mostrou de que beleza ele é capaz. Repare nossas mãos abertas
Trazendo as ofertas do nosso viver.
No Jordão sagrado, como pomba apareceu,
E o menino já crescido a recebeu. Ô, ô, ô, ô, recebe, Senhor. (2x)
Ao sair das águas limpas ele teve a compreensão A fé do homem nordestino
De que a vida era o final da criação. Que busca um destino
Bem depois das trevas essa ave retornou, Um pedaço de chão,
Recriando as manhãs e repousou A luta do homem oprimido
Sobre a igreja e sobre o mundo espalhando o seu Que abre caminho
amor, Transforma a nação.
Dando vida com seu sopro e seu calor. Ô, ô, ô, ô, recebe, Senhor. (2x)
Gordon Light
Trad. Jaci C. Maraschin Retalhos da nossa história
Bonitas vitórias
228 - A PALAVRA DO SENHOR Que meu povo tem.
A palavra do Senhor Palmares, Canudos, Cabanas
Não voltará vazia. São lutas de ontem
Amém, amém. E de hoje também.
E se nós nos calássemos Ô, ô, ô, ô, recebe, Senhor. (2x)
As pedras falariam.
Aqui trazemos a semente Que tu renovas toda a criação.
Sangue dessa gente
Que fecunda o chão: Igreja a gente vive com paixão,
Do Gringo e tantos lavradores Igreja é o povo de Deus em missão.
Santo, operários em libertação. Igreja em nova evangelização;
É o povo de Deus repartindo o pão.
Ô, ô, ô, ô, recebe, Senhor. (2x)
Pelos sinais, pelas boas notícias,
Coragem de quem dá a vida Por tua herança, pelos dons, Senhor.
Seja oferecida neste vinho e pão Pelos bons frutos e pelas primícias
É força que destrói a morte Graças Te rendemos, Cristo Salvador.
E muda nossa sorte: é ressurreição! Há muito o que fazer neste país;
Zé Vicente Não basta acreditar na tradição.
Jesus ensina a gente a ser feliz.
231 - CONFIANÇA NO FUTURO Igreja, a gente vive em comunhão.
Porque ele entrou no mundo e em nossa história, João Francisco Esvael
Porque quebrou o silêncio e a agonia, 233 - AINDA QUE EU FALE
Porque mostrou na terra a sua glória,
Porque foi luz em nossa noite fria, Ainda que eu fale
Porque nasceu em pobre estrebaria, As línguas dos homens
Porque viveu semeando amor e vida, E dos anjos,
Porque partiu os corações mais duros, Mas se eu não tiver amor
E levantou os tristes e abatidos. Serei como um metal
Ou címbalo que retine.
Por isso é que hoje temos esperança,
Por isso é que lutamos destemidos, Nada serei, sim, nada terei
Por isso olhamos hoje com confiança Se eu não tiver amor.
Para o porvir dos povos oprimidos.
Por isso é que hoje temos esperança Ainda que eu tenha
Por isso é que lutamos destemidos, O dom de profetizar
Por isso olhamos hoje com confiança E conheça todos os mistérios,
Para o porvir. Toda a ciência.
Ainda que eu tenha
Porque atacou corruptos mercadores, Tamanha fé que transporte montes.
E denunciou maldade e hipocrisia,
Porque exaltou crianças e mulheres, Nada serei, sim, nada terei,
E condenou aos que de orgulho ardiam; Se eu não tiver amor.
Porque levou a cruz de nossas penas, Asaph Borba
E saboreou o fel de nossos males, 234 - ONDE DOIS OU TRÊS
Porque aceitou sofrer a nossa culpa,
E assim morrer por todos os humanos. Onde dois ou três me invocam ao orar, com eles
estarei.
Porque uma aurora viu sua vitória Onde dois ou três me invocam ao orar, com eles
Sobre as mentiras, sobre a morte e o medo, estarei.
Já nada pode interromper sua história Ali estarei, ali estarei.
Nem a chegada de seu Reino eterno. Onde dois ou três me invocam ao orar, com eles
Federico J. Pagura estarei.
Homero Perera Bayiga Bayiga
232 - EM MISSÃO 235 - DEUS QUE A TERRA E CÉU FIZESTE
Do sul ao norte estamos no caminho, Deus que a terra e céu fizeste,
Celebrando a vida, partilhando o pão. Treva e fulgor;
Do mesmo cálice bebemos vinho. Tu que a luz do dia deste
Somos o teu povo em peregrinação. Para o labor,
Na caminhada nossa voz ecoa, Quando a noite vem chegando
Denunciando a morte e a escravidão. Os trabalhos terminando,
Anunciamos nesta terra boa Que durmamos confiando
No teu amor. A Cristo, o Senhor.
Saí, falai do que ele fez,
Quando a luz do sol nascente Do seu imenso amor.
Resplandecer,
Faze-nos, de corpo e mente Saí, falai, dizei que Deus
Te obedecer. Ao pecador salvou.
Ó Senhor, no novo dia Saí, falai que para nos salvar
Ao teu povo então envia Na cruz Cristo expirou.
Tua santa companhia
Que dá poder! Erguei-vos, saí e dizei
Que ele é o rei, também salvador.
Nosso passo até a morte Saí, falai da sua glória, da sua vitória,
Tu guardarás. Pois Cristo venceu.
Nosso eterno abrigo forte
Só tu serás. Saí, dizei para o mundo
Vindo a hora da partida Que Cristo é caminho, verdade e vida.
Ó concede-nos guarida, Saí, dizei para o mundo
Dá-nos, Pai, na outra vida Que Cristo é caminho, verdade e vida.
Eterna paz! Caminho ... vida ...
Bispo Reginald Herber (1783-1826) Caminho ... verdade ...
Rev. William Mercer, 1864, 2ª estrofe Marcelo Gonçalves
Rev. Richard Whately, 3ª estrofe
Trad. J. Costa, 1969 238 - OUTRA CANÇÃO DE NATAL
236 - GRANDES COISAS TE PROCLAMAM A cada momento que passa
No passo do que há de vir,
Grandes coisas te proclamam Mais claro ainda fica o rumo
Ó Cidade de Sião; Que vamos seguir
As promessas te declamam,
Do Senhor serás mansão. Uma estrela vai se acender
Numa rocha estás firmada Pra que a esperança
Quem te pode perturbar? Não morra e faça nascer
De muralhas circundada De novo a criança.
Do inimigo irás zombar.
E, em meio aos que eram famintos,
Vede as fontes cristalinas Muito pão vai sobejar.
Que provêm do eterno Amor, As vinhas cederão seus frutos
Para as almas que, divinas, Prá nos alegrar,
Não têm fome, nem temor. E a terra será lugar
Quem de sede desfalece Prá trabalho e festanças,
Junto a um puro manancial? E livres poderão crescer
Seu amor não se arrefece, Todas as crianças.
É nas eras, perenal.
O cativeiro ficará apenas na memória
Vede as nuvens que candentes Dos homens de boa vontade
Cobrem cada habitação, Numa nova história
Anunciando estar presente Pois um dia uma estrela
O Senhor da Criação! Caiu num curral:
Dos remidos as bandeiras
Têm um brilho singular, É Natal, é Natal!
Desta Ceia verdadeira, Flávio Irala
Santos vêm participar. 239 - ORAÇÃO DA FAMÍLIA
John Newton (1725-1807)
Trad. J. Costa (1969) Que nenhuma família comece em qualquer de
repente.
Que nenhuma família termine por falta de amor.
237 - SAÍ, FALAI Que o casal seja um para o outro de corpo e de
Saí, falai, saí, pregai mente
E que nada no mundo separe um casal sonhador. Ao mal que quer vencer-te e que insiste
Que nenhuma família se abrigue debaixo da ponte. Quanto mais firme e mais fiel te vejo.
Que ninguém interfira no lar e na vida dos dois.
Que ninguém os obrigue a viver sem nenhum É Cristo teu pastor e tua glória
horizonte. Os mártires fizeram tua história
Que eles vivam do ontem, no hoje e em função de E tudo quanto pregas é real.
um depois. Por isso eu ergo a vóz calmo e sereno
Que a família comece e termine sabendo onde vai. E em nome de Jesus eu te ordeno
E que o homem carregue nos ombros a graça de Levanta-te Igreja Episcopal.
um pai. Onofre Machado Ramos
Que a mulher seja um céu de ternura, aconchego e
calor.
E que os filhos conheçam a força que brota do IGREJA EPISCOPAL ANGLICANA DO
amor. BRASIL
Abençoa, Senhor as famílias, amém. DIOCESE MERIDIONAL
Abençoa, Senhor, a minha também. SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CRISTÃ
1998
Que marido e mulher tenham força de amar sem
medida.
Que ninguém vá dormir sem pedir ou sem dar seu LAUDATE
perdão.
Que as crianças aprendam no colo o sentido da
vida, Apresentação
Que a família celebre a partilha do abraço e do pão. O hinário que agora chega às tuas mãos é a
Que marido e mulher não se traiam, nem traiam resposta à antiga demanda de clérigos e leigos por
seus filhos. um livro que reunisse todas as canções ausentes do
Que o ciúme não mate a certeza do amor entre os hinário tradicional que as paróquias e missões da
dois. Diocese tem utilizado em suas celebrações,
Que no seu firmamento a estrela que tem maior encontros e reuniões.
brilho, Consideramos não só a música, mas toda a
Seja a firme esperança de um céu aqui mesmo e liturgia a expressão do louvor e adoração
depois. comunitários e neste aspecto devem ser o reflexo de
Pe. Zezinho seu tempo e lugar. O LAUDATE (Latim: louvai)
veio não só para contemporizar música e liturgia
240 - HUMILDADE E MAJESTADE como também unificar letra e música de hinos que
Grande humildade e majestade provenientes de diversos cancioneiros são cantados
Encontro sempre em ti, Cristo Jesus. de diferentes formas entre as comunidades.
Filho de nosso Deus, Que este trabalho realizado para a glória do
Vieste a mim dos céus, Senhor possa servir o enriquecimento e renovação
Quero louvar-te, ajoelhar-me a teus pés. litúrgica da Diocese.
Júlia Moroszuk
Vem abençoa a minha vida, Maria Helena Lamego Gastal
Ó, Pastor amado, infinito bem. Walter Erwin Gress
Estás comigo, meu Cristo amigo.
Ó, fica a meu lado para sempre. Amém. Comissão de Liturgia e Música:
Graham Kendrick Rev. Onofre Machado Ramos
Maria Helena Gastal Rev. Caio Márcio Álvares Lacerda
Sem. Walter Erwin Gress
241- LEVANTA-TE IGREJA EPISCOPAL Vanda Fernandes
Maria Helena Lamego Gastal
Levanta-te e anda minha igreja
E ante um mundo amargo pobre e triste, Ilustrações: Walter Erwin Gress
Em meio a erva daninha que persiste Pela presente autorizamos o uso de LAUDATE na
Sê como a flor do campo que viceja. Diocese Meridional da Igreja Episcopal Anglicana
do Brasil.
Levanta e como um bravo na peleja Porto Alegre, maio de 1998 A.D.
Aponta a Cristo e pela fé resiste
segunda edição, é bom avisar toda a comunidade
NOTAS PARA A SEGUNDA EDIÇÃO antes de cantar para que se evite a indesejada
diferença no cantar.
A Comissão ouvirá novas sugestões e
É com muita alegria que constatamos que, críticas com muita atenção. Acima de tudo
cinco anos após a primeira edição, o LAUDATE, esperamos que o nosso Laudate possa continuar
está esgotado. Algumas novidades ocorreram neste servindo à glória do Senhor.
tempo. A principal delas, seguindo orientação dos Rev. Caio Márcio Álvares Lacerda, Profª Maria
Cânones Diocesanos, é a eleição de uma Comissão Helena Lamego Gastal, Rev. Onofre Machado
de Liturgia e Música realizada em maio último na Ramos, Sra. Vanda Dutra Fernandes e Walter Erwin
103ª Reunião Conciliar em Caxias do Sul. Gress.
Apesar de todos os defeitos e críticas, o Porto Alegre, maio de 1998
LAUDATE foi recebido com carinho e está sendo
cantado em quase todas as comunidades da nossa
diocese. Entretanto algumas observações se fazem ÍNDICE ALFABÉTICO DO PRIMEIRO
necessárias. VERSO
Muitas pessoas reclamam que cantam
diferente do que está escrito no LAUDATE.
Concluímos que a explicação está no processo de 1 - A cidade, ó Deus protege
aprendizagem das músicas: alguém canta uma 2 - A Deus graças dai pela vida
canção nova, gosta e ensina outro(s) e assim por 3 - Adorai, louvai ao grande Rei
diante. Com perdão pela corruptela ao dito popular: 4 - Alegrai-vos sempre no Senhor
“Quem canta aumenta um ponto”, cada 5 - Alegria no Senhor a nossa força é
comunidade vai aprendendo de ouvido e 6 - A lei do Senhor é perfeita
multiplicando para outras a sua versão de uma 7 - Aleluia! Aleluia! Dai graças ao Criador
música que considera original. Mas temos a 8 - Amável graça de Jesus
convicção de que o cantar deve ser um ato 9 - A melhor oração é o amor
comunitário. Para tanto precisamos de um mínimo 10- Amor, amor, amor, amor
de uniformidade. Este é um dos objetivos básicos 11- Aonde quer que tu fores, irei também
do LAUDATE: unificar o jeito de cantar da 12- A palavra de Deus é o sustento
comunidade maior que é a nossa Diocese. Existem 13- A palavra é verdadeira e merece aceitação
diversos hinários e coletâneas que serviram de fonte 14- A presença de Jesus
para o LAUDATE. Muitas vezes encontramos 15- Aquele que habita
várias versões para uma mesma música. Como 16- Aqui chegando, Senhor
critério de escolha, procuramos saber qual a versão 17- Assim Deus nos amou
mais próxima da intenção original do(a) autor(a). 18- A ti, Senhor, te pedimos
Mas não temos a pretensão de afirmar que a versão 19- A tua graça é melhor que a vida
do LAUDATE é a original. O LAUDATE passou 20- A tua palavra escondi
por uma revisão criteriosa. Desejamos 21- A tua palavra, Senhor
profundamente ter encontrado e sanado todos os 22- Belo, pra mim, é criança a brincar
erros. Pedimos desculpas a todos(as) os(as) 23- Bem pertinho do riacho
autores(as) que foram injustiçados(as) com os erros 24- Bendito e santo
da primeira edição. 25- Buscai primeiro o reino de Deus
Nesta edição resolvemos suprimir as 26- Caminhamos pela luz de Deus
páginas em branco no final do livro, pois 27- Caminhando eu vou pra Canaã
percebemos que não eram usadas. Mas 28- Caminhemos unidos
acrescentamos algumas músicas novas. Outras 29- Canta, Débora, canta
ficaram de fora, ou por falta de espaço ou por 30- Cantai ao Senhor um cântico novo
restrições quanto à teologia implícita. É uma edição 31- Cantai ao Senhor um cântico novo
digital e será impressa conforme a demanda. Tem 32- Cantemos
um novo e diferente formato que, esperamos, torne 33- Canto o novo canto da terra
mais fácil o manuseio. Pedimos então a atenção 34- Chegou a hora da alegria
especial do(a) clérigo(a) ou a(o) dirigente de 35- Com Cristo no barco
música: Convém observar se todas as pessoas têm 36- Com gratidão nós chegamos a ti
em mãos a mesma versão do LAUDATE. Senão, e 37- Como é bom e importante
no caso de uma música ter sido corrigida na 38- Como é precioso irmão
39- Como são belos os pés do mensageiro 95- Nada te turbe
40- Como vamos cantar 96- Não é vida a vida que se vive por engano
41- Cristo sente amor por mim 97- Nas estrelas vejo a tua mão
42- Da cepa brotou a rama 98- Na verdade pressentimos
43- Damos graças ao Senhor, damos graças 99- Nesta grande cidade vivemos
44- Dá-nos olhos claros, que vêem o irmão 100- Nesta mesa da irmandade
45- Da terra vazia 101- No Espírito unidos somos um no Senhor
46- Dá tua mão, vamos seguir 102- Nome sobre todo o nome
47- De joelhos partamos nosso pão 103- Nós estamos aqui reunidos
48- Desde pequenos 104- Nós, quem somos a cantar
49- De uma pequena semente 105- Nós queremos andar na galiléia
50- Deus amado, Deus amado 106- O barco é pequeno
51- Deus chama a gente prá um momento novo 107- O céu exulta contente
52- Deus está aqui, aleluia! 108- Oferecemos nossos dons
53- E ao sairmos daqui 109- Oh, tu que ouves o apelo do teu povo
54- É Deus quem faz a terra 110- Olho sempre em tudo e sempre encontro
55- Elas estão chegando a ti
56- É meia noite no jardim 111- O meu fiel e bom pastor
57- Estamos aqui Senhor 112- Onde há amor, os montes cairão
58- Estou seguindo a Jesus Cristo 113- O nosso encontro vai ser abençoado
59- Eu creio, Senhor, na divina promessa 114- O povo de Deus no deserto andava
60- Eu lhes dou um mandamento novo 115- O que habita no abrigo de Deus
61- Eu louvarei, tu louvarás 116- O Senhor da ceifa está chamando
62- Eu o seguirei 117- Pai, eu te adoro
63- Eu quero ser, Senhor amado 118- Palavra não foi feita
64- Eu só confio no Senhor que não vai falhar 119- Partilhar o pão
65- Eu só peço a Deus 120- Pela estrada de Emaús
66- Eu vou seguindo uma estrela 121- Peregrino nas estradas de um mundo
67- Faz-me chegar aos teus rios, Senhor desigual
68- Glória prá sempre ao cordeiro de Deus 122- Põe tua mão na mão do meu Senhor da
69- Glorificado seja teu nome Galiléia
70- Graças dou por esta vida 123- Por um pedaço de pão
71- Graças te rendemos 124- Quando a Igreja amedrontada
72- Grandes e admiráveis 125- Quando o Espírito de Deus soprou
73- Há um remédio em Gileá 126- Quando o Senhor nos libertar do cativeiro
74- Há um suave espírito aqui 127- Quando se abate a esperança
75- Hosana, hei! Hosana, há! 128- Quando o dia da paz renascer
76- Irmão sol com irmã luz 129- Que estou fazendo se sou cristão
77- Jesus Cristo é o Senhor 130- Que eu possa vislumbrar teu corpo e
78- Jesus, lembra-te de mim sangue
79- Jesus, tu reuniste os teus amigos 131- Queremos cantar um hino a ti, Senhor
80- Jesus, vem agora 132- Queremos invocar teu santo nome
81- Jubilate Deo, jubilate Deo 133- Quero cantar uma linda canção
82- Junto aos rios de Babilônia 134- Quero estar ao pé da cruz continuamente
83- Louvai ao Senhor eu louvarei 135- Rei dos reis
84- Louvemos, todos juntos 136- Resplandeceu a luz sobre nós
85- Magnificat, magnificat 137- Reúne o teu povo, Senhor nosso Deus
86- Manda-nos luzir 138- Reunidos neste grande mutirão
87- Maravilhoso é Cristo, incomparável, sim 139- Santo
88- Medo tens que o inimigo vá vencer? 140- Santo Espírito, enche a minha vida
89- Mesmo sendo nós teu povo 141- Santo, santo, santo é o Senhor
90- Meu bom pastor é Cristo, com ele andarei 142- Se as águas do mar da vida
91- Minha vida tem sentido 143- Se caminhar é preciso
92- Muitos resplendores, só uma luz 144- Sempre que a gente se encontra
93- Na Bíblia encontramos 145- Sempre, sempre seguirei a Cristo
94- Na ceia do Senhor nos celebramos
146- Senhor, fazei-me instrumento de vossa 194- Adorai ao Senhor
paz 195- Kyrie eleison
147- Senhor Jesus, eu creio que Deus Pai 196- Kyrie eleison
148- Senhor meu Deus 197- Kyrie, kyrie eleison
149- Senhor meu Deus, quando eu 198- Oré poria Juverekó
maravilhado 199- Senhor, tem piedade de nós
150- Senhor, que é nosso templo 200- Teu Evangelho, ó bom Jesus
151- Senhor, quem entrará no santuário prá te 201- Ale, ale, aleluia
louvar 202- Aleluia
152- Senhor, recebe o trigo moído 203- A nossa oração
153- Senhor, trazemos nossa oferta 204- Ouve senhor
154- Se o grão não morrer 205- Senhor em tua misericórdia
155- Se perguntarem sobre o dia da vitória 206- A paz de Jesus eu te dou
156- Se sofrimento te causei, Senhor 207- Tudo vem de ti, Senhor
157- Se somos companheiros em missão 208- Eis a nossa oferta, ó Senhor
158- Seu nome é Jesus Cristo e passa fome 209- Santo, santo, santo é o Senhor
159- Seu nome é maravilhoso 210- Santo, santo, santo
160- Shalom, adonai, shalom 211- Cordeiro de Deus
161- Shalom, chaverim 212- Ó cordeiro Santo
162- Sob a figueira e o parreiral 213- Cristo ressuscitou
163- Somos gente nova vivendo a união 214- Glória a Deus
164- Somos um no amor de Deus 215- Glória, glória, glória
165- Sonda-me, ó Deus 216- Glória ao Pai e ao Filho único
166- Só o poder de Deus 217- A benção de Deus de Sara, Abraão e
167- Tal como feita, surge a alvorada Hagar
168- Tempo maior de esperança
169- Tua palavra na vida SUPLEMENTO
170- Tua vontade seja feita e nada mais 223- Assim como a corça suspira pelas águas
171- Tu me encontraste em meio à noite 238- A cada momento que passa
172- Tu nos deste este corpo que é teu templo 228- A palavra do Senhor
173- Tu vieste à margem do lago 219- A paz do Senhor, a paz do Senhor,
174- Ubi caritas et amor 233- Ainda que eu fale
175- Uma espiga dourada pelo sol 243- Bem alto a cruz
176- Um ano mais de vida guardou-vos o 226- Bendize, ó minha alma
Senhor 227- Carregada pelo vento ela voa sob o sol
177- Uma vida, um amor 235- Deus que a terra e céu fizeste
178- Um pouco além do presente 232- Do sul ao norte estamos no caminho
179- Unidos, unidos, em teu nome unidos 225- Erguei as mãos para o santuário
180- Vamos entrando na fila 218- Faz-me instrumento de tua paz
181- Vejam que belo, como é tão bom 229- Glória a Deus!
182- Vem ajuda-nos, ó Cristo 221- Glória a Deus, nas alturas,
183- Vem e eu mostrarei 240- Grande humildade e majestade
184- Vem Jesus, nossa esperança 236- Grandes coisas te proclamam
185- Vem, vem, vem ó Santo Espírito 224- Hoje é tempo de louvar a Deus
186- Venham celebremos 241- Levanta-te e anda minha Igreja
187- Vestidas de tecidos ainda limpos 242- Mil vozes eu quisera ter pra proclamar o
188- Viva o rei Davi teu amor
189- Vivi tão longe do Senhor 234- Onde dois ou três me invocam ao orar,
BENÇÃO DE MESA com eles estarei
231- Porque ele entrou no mundo e em nossa
190- Ao Senhor oferecemos história
191- Jesus abençoa este alimento 239- Que nenhuma família começe em
192- O Senhor abençoe este alimento qualquer de repente
193- Ó Senhor vem abençoa 245- Que o teu amor
230- Quem disse que não somos nada
MÚSICAS LITÚRGICAS 244- Rude cruz se erigiu
237- Saí, falai, saí, pregai
220- Tu és o Cristo, filho de Deus vivo,
222- Tua palavra é lâmpada para os meus pés,
Senhor
246- Tu vens a nós