Você está na página 1de 66

V.1.

02

Apostila
ECUSpace
Cargo
Sumário

Substituir Módulos............................................................................................................... - 3 -
Senha do Bloqueio Autônomo – Valor Padrão de Fábrica................................................... - 4 -
Verificar Bloqueio Autônomo ............................................................................................... - 4 -
Disparidade - Módulo Expansão ......................................................................................... - 4 -
Códigos de Piscada – Luz do PATS (Vermelha) ................................................................. - 4 -
Códigos de Piscada – Luz do TBM (Amarela) ..................................................................... - 6 -
Visualização Memória de Erros – Tacógrafo ....................................................................... - 7 -
Identificação do Veículo ......................................................................................................... - 8 -
Lista de módulos disponíveis.................................................................................................. - 9 -
Identificação do VIN ............................................................................................................ - 9 -
Detecção dos módulos ...................................................................................................... - 10 -
Funções genéricas - aplicáveis à todos os módulos ............................................................. - 15 -
Informações gerais ............................................................................................................ - 15 -
Leitura e gravação do VIN ................................................................................................. - 16 -
Leitura e limpeza de DTCs ................................................................................................ - 18 -
Autoteste ........................................................................................................................... - 20 -
Parâmetros Programáveis – Leitura dos Parâmetros Programáveis ................................. - 21 -
Funções específicas para cada módulo ............................................................................... - 22 -
ABS................................................................................................................................... - 22 -
Programando Flash ....................................................................................................... - 22 -
Calibração dos sensores de guinada e de posição do volante ...................................... - 23 -
Data Logger .................................................................................................................. - 24 -
Cluster – Painel de Instrumentos ...................................................................................... - 25 -
Funções do PATS ......................................................................................................... - 25 -
Parâmetros Programáveis ............................................................................................. - 32 -
Torqshift_Cluster - Painel de Instrumentos........................................................................ - 35 -
Funções do PATS ......................................................................................................... - 35 -
Programar Chaves Adicionais ....................................................................................... - 38 -
Contador de par de chaves ........................................................................................... - 44 -
Parâmetros Programáveis ............................................................................................. - 45 -
Aviso de Próxima Troca de óleo .................................................................................... - 47 -
RKE .................................................................................................................................. - 48 -
Parâmetros Programáveis ............................................................................................. - 48 -

-1-
Datalogger..................................................................................................................... - 49 -
Programação do Controle Remoto ................................................................................ - 52 -
TBM – Módulo de rastreio e bloqueio ................................................................................ - 53 -
Restaurar ID de Expansão ............................................................................................ - 53 -
Restaurar ID de segurança ........................................................................................... - 55 -
Redefinir senha do bloqueio autônomo ......................................................................... - 57 -
Parâmetros Programáveis ............................................................................................. - 59 -
Ler FORD ID ................................................................................................................. - 62 -
Data logger.................................................................................................................... - 63 -
Programando Flash ....................................................................................................... - 64 -

-2-
Substituir Módulos
Sempre que for necessário efetuar a substituição ou recalibração (no caso do módulo do motor)
de algum dos módulos eletrônicos do caminhão, será necessário que algumas funções sejam realizadas.
Após a substituição, siga os passos abaixo de acordo com o módulo correspondente:

Módulo do motor (ou recalibração do módulo)


1. Realizar procedimentos através do INSITE;
2. Acessar Cluster;
3. Parâmetros programáveis;
4. Alteração dos parâmetros programáveis;
5. PATS;
6. Restaurar parâmetros de segurança (IC);
7. Acessar TBM;
8. Parâmetros programáveis;
9. Alterar parâmetros programáveis;
10. PATS;
11. Restaurar ID de segurança.

CLUSTER
1. Acessar Cluster;
2. Parâmetros programáveis;
3. Alteração dos parâmetros programáveis;
4. Programar chaves;
5. PATS;
6. Restaurar parâmetros de segurança (IC);
7. Acessar TBM;
8. PATS;
9. Restaurar ID de segurança.

RKE
1. Acessar RKE;
2. Parâmetros programáveis;
3. Alterar parâmetros programáveis.

TBM
1. Acessar TBM;
2. Parâmetros programáveis;
3. Alterar parâmetros programáveis;
4. PATS;
5. Restaurar ID de segurança;
6. Acessar Cluster;
7. PATS;
8. Restaurar parâmetros de segurança.

ABS
1. Acessar ABS;
2. Parâmetros programáveis;
3. Alteração dos parâmetros programáveis;
4. Gravar VIN.

-3-
Senha do Bloqueio Autônomo – Valor Padrão de Fábrica
Para retornar a senha do bloqueio autônomo do caminhão para o valor padrão de fábrica (42),
executar a função Redefinir senha do bloqueio autônomo.

Verificar Bloqueio Autônomo


Para verificar se o módulo TBM está impedindo a partida do caminhão, verificar os parâmetros
Estado de bloqueio do TBM e Causa do bloqueio do Sistema T&B na função Data logger do TBM.

Disparidade - Módulo Expansão


Para efetuar a disparidade do módulo TBM com o módulo da Autotrac, executar a função
“Restaurar ID de expansão”.

Códigos de Piscada – Luz do PATS (Vermelha)

Código
Efeito inicial da luz do Solução para o
de Descrição Causas prováveis
PATS problema
Piscada

Verificação de circuito
Sinal da antena do PATS aberto (medir
Piscando rápido por 1 (Transceptor localizado a) Chicote desconectado / continuidade) e
11
minuto próximo ao cilindro da mau contato. verificação do encaixe do
chave de ignição) conector do módulo IC e
do conector da antena.

Verificação de circuito
Sinal da antena do PATS aberto (medir
Piscando rápido por 1 (Transceptor localizado a) Chicote desconectado / continuidade) e
12
minuto próximo ao cilindro da mau contato. verificação do encaixe do
chave de ignição) conector do módulo IC e
do conector da antena.

a) Chave com problema no


Piscando rápido por 1 Código da chave não chip. Substituição da chave em
13
minuto recebido pelo módulo. b) Tipo de chave não questão
compatível com o veículo.

a) Chave não pertence ao


veículo.
Código da chave Programar a chave para
Piscando rápido por 1 b) Antena do PATS mal
14 incorreto ou código este veículo. Verificar
minuto posicionada
recebido parcialmente. antena do PATS.
c) Chave reserva muito
próxima da chave principal

a) Chave não pertence ao


Código da chave
Piscando rápido por 1 veículo. Programar a chave para
15 incorreto ou código
minuto b) Chave reserva muito este veículo.
recebido parcialmente.
próxima da chave principal

-4-
a) Chicote interrompido / mal
conectado / mal contato.
b) Conector do módulo IC com
Módulo do painel (IC) não
mau contato ou solto.
tem comunicação com
Piscando rápido por 1 c) Conector do módulo do Verificar chicotes e
16 módulo do motor (ECM).
minuto motor ECM com mau contato conectores.
Problemas com a rede
ou solto.
CAN.
d) Conectores de 40 pinos do
chicote principal-chicote do
motor (cinza e preto).

Programar 2 chaves para


a) Falta de programação de
Apenas uma chave este veículo através do
Acesa por 1 minuto 21 uma chave. O sistema requer
programada. menu "Apagar e
2 chaves gravadas.
programar chaves"

a) ECM já pareada com outro


Executar o procedimento
Falta de paridade com o módulo IC.
Acesa por 1 minuto 22 para restabelecimento de
módulo do motor (ECM). b) ECM não pareada com o
paridade da ECM.
módulo IC.

a) ECM já pareada com outro


Executar o procedimento
Falta de paridade com o módulo IC.
Acesa por 1 minuto 23 para restabelecimento de
módulo do motor (ECM). b) ECM não pareada com o
paridade do módulo IC.
módulo IC.

a) TBM já pareado com outro


Executar o procedimento
Piscando rápido por 1 Falta de paridade com o módulo IC.
52 para restabelecimento de
minuto módulo TBM. b) TBM não pareado com o
paridade do módulo TBM.
módulo IC.

Piscando rápido por 1 a)Chave programada em outro Programar as chaves


25/5 Falha na leitura da chave
minuto veículo para este veículo.

ATENÇÃO: Quando o véiculo está bloqueado:

Modelos Motor de partida


Série – F Gira, porém motor não aciona
Linha Cargo Gira, porém motor não aciona
Cargo Extra Pesado Não gira e motor não aciona

-5-
Códigos de Piscada – Luz do TBM (Amarela)
Ao ligar a ignição, esta luz acenderá por 3 segundos indicando o correto funcionamento do
sistema. Para indicação de falha a luz começará a piscar rapidamente e, após 1 minuto, piscará
repetidamente alguns dos códigos a seguir:
Exemplo: A luz acende cinco vezes e, após alguns segundos, mais uma vez (código 51).

Código de Piscada Descrição

11 Bateria auxiliar não está corretamente conectada ou está sem carga

21 Há uma falha no chip GSM do dispositivo

22 O chip GSM do dispositivo não pode ser lido

Número de identificação do GSM do dispositivo está bloqueado e


23
não pode ser utilizado
31 Antena de recepção GPS está danificada

32 Antena de recepção GPS está desconectada


Há uma falha de comunicação entre o dispositivo e a unidade de
51
controle do motor

Há um erro de reconhecimento para validação entre o sistema de


52
localização e bloqueio e a unidade do motor

-6-
Visualização Memória de Erros – Tacógrafo
Para verificar as falhas presentes no sistema do Tacógrafo basta pressionar duas vezes a tecla
“M”. Com as teclas “+” e “-“ podem ser indicados outros erros que estejam ativos. Para retornar, pressionar
a tecla “M” por mais de 2 segundos ou não pressionar qualquer tecla por 20 segundos.

Código Descrição
900A Erro no caso de transmissão CAN
900B Erro no caso de transmissão CAN
900F Erro no teclado, tecla pressionada por muito tempo ou bloqueada
9010 Erro no LCD (visor)
9053 A hora foi mudada ou o MTCO 1390 altera de forma automática para
(a hora pisca) hora de verão ou inverno
Erro na gaveta
9060
Pressione a tecla de abertura da gaveta, fechando-a novamente ao
final
Erro no sistema de gravação
9061
O MTCO 1390 vai registrar os erros no diagrama
Erro no sistema de gravação
9062
O MTCO 1390 vai registrar os erros no diagrama
Erro no sistema de gravação
9063
O MTCO 1390 vai registrar os erros no diagrama
Erro no mecanismo de acionamento do suporte dos discos
9064
(os pontos do relógio não piscam) Verificar se o pacote de diagramas foi corretamente inserido e se
os diagramas separados não bloqueiam o transporte
A velocidade de aviso pré-ajustada foi ultrapassada
(O código de erro não pode ser encontrado na memória de erros)
9065
NOTA: Com a opção "saída de aviso de velocidade programável" é
possível indicar externamente (de forma óptica ou acústica) a
passagem da velocidade de aviso ajustada

9430 Erro na saída do impulso "B7"


A00C Erros internos no aparelho
Viagem sem diagrama
(O código de erro não pode ser encontrado na memória de erros)
A050
Insira o pacote de diagramas
Corte de alimentação elétrica
A400 (O código de erro não pode ser encontrado na memória de erros)
(visor em branco)
O MTCO vai registrar uma falha de alimentação no diagrama
A411 Interrupção de comunicação com o indicador (velocímetro)
A822 Erro no sinal do emissor
Erro no caso de comunicação do emissor (só com o gerador de
impulsos KITAS 2170)
A423
O MTCO 1390 documenta estes erros no diagrama

-7-
Identificação do Veículo
Na tela inicial do ECUSpace o técnico deverá selecionar o veículo que será diagnosticado.

-8-
Lista de módulos disponíveis

Linha de
Módulo Descrição
comunicação
Cluster Painel K-line 3
Torqshift_Cluster Painel CAN
ABS Módulo do sistema de freio ABS CAN
RKE Módulo de conforto K-line 3
TBM Módulo de localização e bloqueio K-line 3

NOTA: No caso da linha Cargo H534, não será necessário a troca de K-line na interface do ECUSpace
(HS Light II).

Identificação do VIN
Ao selecionar qualquer veículo, o ECUSpace comunicará com o primeiro módulo da lista na
tentativa de identificar o VIN do caminhão.

-9-
No exemplo abaixo, o ECUSpace realizou a leitura o VIN do caminhão diretamente do Cluster, por
ser o primeiro módulo.

Detecção dos módulos


Para realizar o diagnóstico de qualquer módulo, antes será necessária a detecção do mesmo.
Para detectar cada módulo, clique em seu nome, ou clique no botão “Identificar todos os módulos”.

- 10 -
DICA:
Caso o módulo não seja detectado, seguir os seguintes passos:

 Verificar se a chave de ignição está na posição ligada;

 Verificar os cabos e se estão bem conectados.

Caso nenhum módulo esteja sendo detectado, verifique se os ícones abaixo aparecem na àrea de
trabalho do computador. Estes ícones são referentes aos drivers da interface HS Light II:

Se os ícones não estiverem aparecendo na Área de trabalho, ou se após as verificações acima


alguns módulos ainda não estejam sendo detectados, os drivers deverão ser instalados/reinstalados, para
isso realize os seguintes passos:
 Se os drivers já estiverem instalados, acesse o painel de controle e
desinstale o “samtec samDiaX ActiveX Control”;
 Vá na pasta de instalação do ECUSpace, que foi “baixada” do FMCDealer;

 Abra a pasta “ECUSpace_V1.1.1”, e abra a pasta “FSAO_PreInstaller”;

- 11 -
 Clique duas vezes no ícone “setupsamdiax_6.2.7.0” e realize a instalação;

 A instalação iniciará, clique em “Next”;

- 12 -
 Selecione “I accept the terms in the license agreement” e clique em “Next”;

 A opção “Complete” já estará selecionada, porém caso não esteja, selecione


“Complete” e clique em “Next”;

- 13 -
 Clique em “Install”;

 Após a instalação ser finalizada, clique em “Finish”.

Agora os ícones já estarão disponíveis na Área de trabalho, e a interface HS Light II funcionará


normalmente.

- 14 -
Funções genéricas - aplicáveis à todos os módulos

Informações gerais
Ao clicar no botão “Ler parâmetros de identificação da ECU” ou “Ler dados de identificação
da ECU”, os principais dados do módulo que está sendo diagnosticado serão apresentados.

- 15 -
Leitura e gravação do VIN
Para ler o VIN que está gravado nos módulos, clique em “Ler VIN”. Alguns módulos não saem de
fábrica com esta informação gravada.

2
1
3

Para gravar o VIN ou alterá-lo, caso o módulo tenha sido trocado de outro caminhão, clique em
“Registrar VIN”, digite-o no campo “VIN” e clique no botão “Registrar VIN”.

2
1 4

- 16 -
A mensagem abaixo aparecerá. Desligue e ligue a chave de ignição e clique em “OK”.

- 17 -
Leitura e limpeza de DTCs
Para ler as falhas que estão registradas no módulo, clique em “Ler DTCs”.

Serão apresentados os Códigos das Falhas e a Descrição de cada uma, para alguns módulos
também será apresentado o status da falha.

1 3

Para apagar as falhas clique em “Limpeza de DTCs” e depois no botão “Apagar DTCs”. Esta
função apagará todas as falhas, porém se existirem falhas que ainda não foram corrigidas, elas voltaram
a aparecer conforme a lógica para o reconhecimento de cada falha.

- 18 -
2
1 3

- 19 -
Autoteste
O Autoteste verifica se há alguma falha interna ou específica de cada módulo. Esta função está
disponível nos módulos ABS, TBM e Cluster. Para realizar o Autoteste, clique em “Autoteste” e depois em
“Iniciar Teste”. Caso haja alguma falha, ela será apresentada na parte inferior da tela.

2
1

- 20 -
Parâmetros Programáveis – Leitura dos Parâmetros Programáveis
A leitura dos parâmetros programáveis permite visualizar os parâmetros que cada módulo foi
configurado. Esses parâmetros, se configurados incorretamente pode prejudicar o funcionamento do
caminhão. Clique me “Parâmetros Programáveis”, “Leitura dos Parâmetros Programáveis” em
seguida “Ler Parâmetros Programáveis”.

3
1

- 21 -
Funções específicas para cada módulo

ABS
Programando Flash
No caso do módulo ABS apresentar falhas internas, que não são possíveis de serem sanadas, ou
caso haja a necessidade de trocar o módulo de um caminhão equipado com ESP por um de um caminhão
não equipado com ESP. É necessário realizar o flash do módulo. Para realizar o flash do módulo, clique
em “Programando Flash” e depois clique no botão “Flash”.

1 2

Após clicar no botão “Flash”, uma mensagem perguntando se o caminhão é equipado com ESP
aparecerá.

Selecione:

SIM: Para os caminhões que forem equipados com ESP;

NÃO: Para os caminhões que forem equipados somente com ABS.

ATENÇÃO: Todos os módulos disponíveis no P&A são programados para caminhões que não
possuem ESP, desta forma, caso o técnico esteja substituindo um módulo de um caminhão SEM
ESP, NÃO é necessário realizar o flash, caso o técnico esteja substituindo o módulo de um
caminhão COM ESP (somente o C2842 pode ser equipado com ESP), é necessário realizar o flash
do módulo.

- 22 -
Calibração dos sensores de guinada e de posição do volante
Esta função só funciona nos Cargo Extrapesados equipados com controle de estabilidade (ESP).
A linha Cargo não são equipados com essa funcionalidade e consequentemente não possuem os sensores
de guinada e posição do volante instalados no veículo.

Antes de inciar o processo de calibração, o ECUSpace pergunta se o caminhão possui controle


de estabilidade.

- 23 -
Data Logger
O ECUSpace possui a função Datalogger, permitindo o monitoramento dos sensores de
velocidade de cada roda.

NOTA: Os sensores de velocidade das rodas adicionais no Data Logger recebem os mesmos sinais dos
sensores das rodas traseira.

- 24 -
Cluster – Painel de Instrumentos
Funções do PATS

Apagar e programar chaves


O Cluster é responsável por armazenar e fazer o reconhecimento das chaves do veículo, desta
forma, se for necessária a troca da chave do caminhão, ou a troca do Cluster, será necessário realizar a
limpeza das chaves que já estavam gravadas no Cluster, e a gravação das novas chaves.

Para apagar e programar chaves, o técnico deverá acessar as funções de diagnóstico do Cluster,
clicar em “PATS”, “Funções do PATS” clicar em “Apagar e programar chaves”.

Verifique se a chave está na posição “ligada” e clique em “OK”.

- 25 -
Aguardar 16 minutos para o acesso de segurança.

- 26 -
Após o acesso de segurança, deve-se selecionar a quantidade de chaves que serão gravadas.

Após selecionar a quantidade de chaves, um caixa de diálogo aparecerá conforme ilustração a


seguir. Esse procedimento deve ser feito com a chave que está no contato.

Após clicar em “OK”, a primeira chave já foi gravada, siga os passos da ilustração a seguir para
gravar a próxima chave.

- 27 -
Após clicar em “OK”, o processo está finalizado.

- 28 -
Verificar Estado PATS
Esta função permite verificar quantas chaves estão gravadas no Cluster.

2
3

Na ilustração abaixo, o campo “Numero de chaves” informa a quantidade de chaves que estão
gravadas, neste caso 2 chaves.

- 29 -
Redefinir parâmetros IC
Esta função refaz a paridade entre o Cluster, TBM e o ECM. Caso o Cluster, TBM ou ECM seja
substituído, utilize esta função para fazer a paridade entre esses componentes.

2 3

Verifique se a chave está na posição “ligada” e clique em “OK”.

Aguardar 16 minutos para o acesso de segurança.

- 30 -
- 31 -
Parâmetros Programáveis

Os parâmetros programáveis do Cluster para a Linha Cargo comercializados no Brasil são:

Parâmetros Padrão - Módulo Cluster


Transmissão 9 marchas *
Barra de nível de uréia **
TBM HW entrada selecionada Inativo
TBM presente Ativo
MTCO Presente ***
Luz vermelha de advertência do EBS Ativo
Luz de restrição do filtro de combustível Ativo
Controle de pressão do freio de estacionamento Inativo
Luzes de advertência do ABS/ASR ****
Luz de advertência para motor Euro V **
Luz de restrição do filtro de ar *****
Relação do eixo traseiro *

* Varia de acordo com o modelo;


** Euro 3 – Inativo / Euro 5 – Ativo;
*** Tacógrafo presente – Ativo para Argentina e Brasil;
**** Ativo para veículos equipados com ABS / Inativo para veículos que não possuem ABS;
***** Inativo para C-816 e C-1119 / Ativo para os demais modelos da linha Cargo.

- 32 -
Para alterar os parâmetros, clique em “Parâmetros Programáveis”, em seguida “Alteração dos
Parâmetros Programáveis”, faça as alterações e clique em “Calibrar ECU”.

Desligue e ligue a ignição ao final da alteração dos parâmetros.

- 33 -
- 34 -
Torqshift_Cluster - Painel de Instrumentos

Funções do PATS

Apagar e programar chaves

O Cluster é responsável por armazenar e fazer o reconhecimento das chaves do veículo, desta
forma, se for necessária a troca da chave do caminhão, ou a troca do Cluster, será necessário realizar a
limpeza das chaves que já estavam gravadas no Cluster, e a gravação das novas chaves.

Para apagar e programar chaves, o técnico deverá acessar as funções de diagnóstico do Cluster,
clicar em “PATS”, “Funções do PATS” clicar em “Apagar e programar chaves” e clicar no botão
“Continuar”.

2
3

1
4

- 35 -
Uma mensagem informando que a chave de ignição deverá estar na posição “ON” (ligada)
aparecerá. Verifique se a chave está na posição “ligada” e clique em “OK”.

Aguardar o período de 16 minutos para o acesso de segurança.

Após o acesso de segurança, seguir as instruções:

- 36 -
Clique em “OK” e o processo de gravação de chaves será concluído.

ATENÇÃO: A linha Cargo, necessita que seja gravado, no mínimo, 2 (duas) chaves. Caso seja feito a
gravação de apenas 1 (uma) chave, o caminhão poderá ser ligado até 15 vezes, na 16ª o caminhão será
bloqueado.

Programar Chaves Adicionais


A função “Programar chaves adicionais”, permite gravar chaves além das 2 (duas) chaves que são
obrigatórias.

- 37 -
Programar Chaves Adicionais
A função “Programar chaves adicionais”, permite gravar chaves além das 2 (duas) chaves que são
obrigatórias.

1
4

Verifique se a chave está na posição “ligada” e clique em “OK”.

- 38 -
Aguardar 16 minutos para o acesso de segurança.

Após o acesso de segurança, seguir as instruções:

- 39 -
Substituição do ECM
Esta função refaz a paridade entre o Cluster e o módulo do motor. Caso o módulo do motor seja
substituído, utilize esta função para fazer a paridade.

3
1
4

- 40 -
Verifique se a chave está na posição “ligada” e clique em “OK”.

Aguardar 16 minutos para o acesso de segurança.

- 41 -
Restaurar Parâmetros de Segurança
Esta função refaz a paridade entre o Cluster, módulo do motor e TBM. Caso o Cluster ou o TBM
seja substituído, utilize esta função para fazer a paridade entre os 3 componentes.

3
1
4

Verifique se a chave está na posição “ligada” e clique em “OK”.

- 42 -
Aguardar 16 minutos para o acesso de segurança.

- 43 -
Contador de par de chaves
Esta função permite verificar quantas chaves estão gravadas.

2
3

- 44 -
Na ilustração abaixo, temos 2 chaves programadas no Cluster.

Parâmetros Programáveis
Os parâmetros programáveis (Brasil) para o Cluster Torqshift são:

Parâmetros Padrão - Módulo Cluster


Idioma Português
Próxima Troca de óleo *
Máxima Distância para Abastecimento *
País Brasil
Capacidade do Tanque de Combustível **
PTO *
Reboque com ABS *
Suspensão do 3º Eixo *
Front 2nd Axle Lifting *

* Função poderá ser habilitado pelo Distribuidor;


** Opções: 275L e 550L, depende do modelo do veículo.

OBS: Próxima troca de óleo e Máxima Distância para Abastecimento são parâmetros que não serão
habilitados de fábrica porém o Distribuidor poderá habilitar utilizando o ECUSpace.

- 45 -
Para alterar os parâmetros clique em “Parâmetros Programáveis”, em seguida “Alteração dos
Parâmetros Programáveis”, faça as alterações e clique em “Calibrar ECU”.

- 46 -
Aviso de Próxima Troca de óleo
Esta função após habilitado nos Parâmetros Programáveis é possível inserir a próxima troca de
óleo do caminhão. Por exemplo, se o odômetro estiver com 41.000km, e a revisão prevista é rodoviária,
40.000km, deve-se inserir o valor 81.000km que será a próxima troca de óleo.Dessa forma o Cluster irá
indicar o valor da quilometragem que falta para a próxima troca.

- 47 -
RKE
O módulo RKE é responsável pela trava elétrica das portas e pelos vidros elétricos.

Parâmetros Programáveis
Os parâmetros programáveis do módulo RKE são:

Parâmetros Padrão - Módulo RKE


Configuração do levantamento do vidro Habilitado
Interruptor das portas Aberto
Abertura global Ativo

- 48 -
Datalogger
O Datalogger do módulo RKE permite realizar testes de acionamento da trava das portas e
acionamento dos vidros das portas. Os itens em negrito podem ser acionados/desacionados.

- 49 -
Clicando em “trava central” o botão “Start Actuator” será habilitado.

Clicando em “Start Actuator” os botões “” e “” serão habilitados, possibilitando o teste da
trava de portas.

Clique em “Stop Actuator” para sair do teste de acionamento da “trava central”.

- 50 -
Para realizar os testes de acionamento dos vidros elétricos, clique em “Janela motorista” ou
“Janela de passageiros”.

Clique em “Start Actuator” para iniciar os testes.


Para realizar o teste de acionamento dos vidros elétricos clique no botão “” ou “”, e verifique
o acionamento dos vidros elétricos.

- 51 -
NOTA: O tempo de acionamento dos vidros pode ser diferente entre o vidro do motorista e o vidro do
passageiro.

Programação do Controle Remoto


Os caminhões da Nova Linha Cargo que são equipados com travas elétricas, possuem controle
remoto para travamento e destravamento das portas. Para programar o controle remoto, seguir o seguinte
procedimento:

1. Com as portas do caminhão fechadas e destravadas, inserir a chave no cilindro de ignição e girar da
posição 0 (desligada) para a posição II (ligada) por 8 vezes. No oitavo ciclo, manter a chave na posição II;

2. Ao ouvir o travamento das portas, manter a chave na posição II e pressionar o botão para travamento e
o botão para destravamento no controle remoto;

3. As portas deverão travar e destravar indicando que o procedimento foi executado com sucesso;

4. Aguardar 30 segundos enquanto o módulo armazena o código do controle remoto.

- 52 -
TBM – Módulo de rastreio e bloqueio

Restaurar ID de Expansão
Essa função refaz a paridade entre o TBM e a UCC (módulo da Autotrac).

3
1
4

Após clicar em “OK”, aguarde o acesso de segurança. Este processo tem duração de 8 minutos.

- 53 -
- 54 -
Restaurar ID de segurança
Esta função refaz a paridade entre o Cluster e o TBM. Caso o módulo TBM ou o Cluster seja
substituído, utilize esta função para fazer a paridade entre os 2 componentes.

3
1
4

Vire a chave e clique em “OK”.

Após clicar em “OK”, aguarde o acesso de segurança. Este processo tem duração de 8 minutos.

- 55 -
Com o processo concluído, desligue a chave e ligue novamente para que o Cluster receba as
informações do TBM.

- 56 -
Redefinir senha do bloqueio autônomo
Esta função permite que a senha do bloqueio autônomo seja redefinida para os padrões de fábrica
(42). Utilize esta função caso o cliente tenha esquecido a ultima senha gravada.

NOTA: Caso o veículo esteja bloqueado pelo bloqueio autônomo e o motorista tenha esquecido a senha,
deve-se utilizar a função “Redefinir senha do bloqueio autônomo”, dessa forma a senha será redefinida
para os padrões de fábrica, porém o módulo ainda estará bloqueado, aguardando pela senha de
desbloqueio (42).

3
1
4

- 57 -
Após clicar em “OK”, aguarde o acesso de segurança.

O acesso de segurança tem duração de aproximadamente 8 minutos.

- 58 -
Parâmetros Programáveis
No momento da leitura dos parâmetros a mensagem abaixo será visualizada:

A tela abaixo mostra como consultar o prefixo do módulo.

- 59 -
1

BC45 – Módulo Continental

EC45 – Módulo Kostal

As configurações dos parâmetros programáveis dos módulos TBM produzidos pela “Continental”
(prefixo BC45) e pela “Kostal” (prefixo EC45) para a Série-F comercializados no Brasil são:

Parâmetros Padrão - Módulo TBM


Aviso sonoro Luz de advertência
Tipo de Transmissão *
Tensão de alimentação **
Modo de dispotenciamento ***
Bloqueio autônomo Habilitado

*Manual ou Automatizada

Modelos ** ***
816 / 1119 12V ISF / ISBe
1319/1419/1519/1719/1723/1729/2423/2429/2623/2629/3129 24V ISF / ISBe
1933 / 3133 24V ISL /FPT

ATENÇÃO: O Módulo “Continental” não suporta o parâmetro ”Tipo de transmissão”, ou seja, sempre será
configurado “Manual” mesmo que seja selecionado o parâmetro “Automatizada”. Porém isso não
influenciará no funcionamento do caminhão. No módulo da “Kostal”, esse parâmetro deve ser respeitado,
pois o módulo TBM irá comunicar com o módulo da transmissão automatizada.

- 60 -
2

- 61 -
Ler FORD ID
A partir da versão V.2.0.4.0 o nome da função “Ler SIM RAV ID” foi substituida por “Ler FORD ID”
. Esta função permite comparar os dados gravados no módulo TBM com os dados da etiqueta do módulo.
No caso de veículos habilitados com “Fordtrac Cargo”, caso seja necessário a substituição do módulo
TBM, este código deverá ser informado à Autotrac.

- 62 -
Data logger
No Data logger do TBM, são apresentados alguns estados referentes ao módulo.

ATENÇÃO: “Paridade com o Cluster” indica que o módulo TBM e o Cluster estão “casados”, porém esta
função funciona apenas com os módulos fabricados pela Kostal, prefixo EC45.

- 63 -
Programando Flash
Os módulos fabricados pela Kostal (prefixo EC45), permitem realizar a função Flash, ou seja, a
atualização do software do módulo.

ATENÇÃO:

 Esta função é permitida caso exista um comunicado orientando utilizá-la;


 Certifique-se de que a bateria do veículo esteja com a tensão nominal durante todo o processo;
 O processo de programação não pode ser interrompido por qualquer motivo, pois acarretará a
perda permanente do módulo.

Após clicar no botão “Flash” a mensagem “ Essa função só deve ser utilizada nos módulos com prefixo
EC45” aparecerá.

Tempo total da programação: 1h15min.

- 64 -
- 65 -