Você está na página 1de 25

Sistemas Industriais

Layout de Produção

Valter Vander de Oliveira


Kelly Patrícia Dias

Tipos de Sistemas de Produção

1
Layout Produtivo

Layout Produtivo

2
Layout Produtivo

Layout Fixo

3
Layout Fixo

Layout Fixo

4
Layout Fixo

Layout Fixo

5
Layout Funcional

Layout Funcional

6
Layout Funcional

Layout Funcional

7
Layout Funcional

Layout Funcional

8
Layout Celular

Layout Celular

9
Layout Celular

Layout Celular

Layout Funcional
Layout Celular

10
Layout Celular

Layout Celular

11
Layout Celular

Layout Celular

12
Layout Celular

Layout Linear

13
Layout Linear

Layout Linear

14
Layout Linear

Layout Linear

15
Layout Linear

Layout Linear

16
Layout Linear

Contínuo

17
Resumindo

Resumindo

18
Resumindo

Mudanças no Layout

Necessário quando:

 Congestionamentos freqüentes c/ precária utilização do


espaço;
 Quantidades excessivas de materiais estão em processo;
 Distâncias percorridas pelo produto/serviço são
excessivas;
 Trabalhadores especializados executando trabalho não-
especializado;
Gargalos numa seção e ociosidade em outra;
 Atrasos nas entregas e ciclos longos de operação;
 Dificuldade de controle do trabalho e pessoal.

19
Mudanças no Layout

Mudanças no Layout

20
Dimensionamento do Layout

Layout por produto:

Foco central está sobre a análise de linhas de produção

Os objetivos da análise da linha de produção são:

 Determinar quantas estações de trabalho deve-se ter;


 Determinar quais tarefas atribuir a cada estação de trabalho;
 Minimizar a quantidade de trabalhadores e máquinas utilizados;
 Fornecer a quantidade necessária de capacidade.

Balanceamento do Linha é uma parte fundamental da análise.

Balanceamento de Linhas
Critérios para a Construção de um Layout
– minimização do custo de manuseamento de materiais;
– minimização da distância percorrida pelos operadores;
– maximização da proximidade de departamentos relacionados.
Restrições:
– limitação de espaço;
– necessidade de manter localizações fixas para certos
departamentos;
– regulamentos de segurança e regulamentos relativos a incêndios.
Como otimizar a definição de postos de trabalho ao longo de uma linha de
produção?
O balanceamento de linhas corresponde à distribuição das atividades
sequenciais por postos de trabalho.

21
Exercício de Aplicação
A execução de um produto requer 12 operações, de acordo com a tabela
que se segue. Para satisfazer as previsões de vendas é necessário produzir
420 unidades por dia, sabendo que em cada dia funciona um turno de 7
horas.

a) Determine o tempo de ciclo.


b) Calcule o número mínimo de estações.
c) Construa o diagrama de precedência.
d) Faça o balanceamento da linha de produção.
e) Determine a eficiência atingida.

Dimensionamento do Layout

Diagrama de precedência:

0,11

6
0,7
0,32 0,27

0,2 3 7 9
0,5 0,12
1 0,6
0,1
8 11 12
0,38
0,4
4
10
2 0,3

22
Resolução (1)

Inicialmente é necessário calcular o tempo de ciclo:

7 * 60
Tc = = 1 min
420

Sabendo o tempo de ciclo é possível calcular o número de


estações que iremos considerar:

N=
∑T i
=
4
=4 estações
Tc 1

logo o número mínimo de estações necessárias é de 4.

Resolução (2)

Ordenação das operações por ordem decrescente do tempo de


operação:

Operação Tempo Operação Operações Precedentes


3 0,7 1
8 0,6 3, 4
11 0,5 9, 10
2 0,4 -
10 0,38 5, 8
7 0,32 3
5 0,3 2
9 0,27 6, 7, 8
1 0,2 -
12 0,12 11
6 0,11 3
4 0,1 1, 2

23
Resolução (3)

Aplicando a heurística estudada,


Estação Operação Tempo de Soma dos Tempos
Operação por Estação
1 2 0,4
5 0,3
1,0
1 0,2
4 0,1
2 3 0,7
0,81
6 0,11
3 8 0,6
0,98
10 0,38
4 7 0,32
0,59
9 0,27
5 11 0,5
0,62
12 0,11

Calculando a eficiência,
ε =
∑T i
=
4
= 0,8
N * Tc 5 *1

Exercício 1

A montagem de um produto exige 11 operações (tabela


anexa). Para satisfazer as previsões de vendas é necessário
produzir 180 unidades por cada turno de 450 minutos.

Operação Tempo Operações


Operação Precedentes a) Desenhe o diagrama de
A 1,1 -
B 1,5 A
precedências.
C 0,3 B, E
D 1,3 - b) Determine o tempo de ciclo.
E 1,7 D
F 0,5 E c) Calcule o número mínimo de
G 0,7 -
H 0,2 G estações.
I 0,5 C, F
J 1,1 F, H d) Faça o balanceamento da
K 0,4 I, J
linha de produção.
e) Determine a eficiência
atingida.

24
Referências

FERREIRA, J. C. E. Sistemas Integrados de Manufatura. Notas de


aula do curso de pós-graduação em engenharia mecânica.
Universidade Federal de Santa Catarina, 1998.

GROOVER, Mikell P.. Automation, production systems, and


computer-integrated manufacturing. 2nd ed. New Jersey: Prentice-
Hall, 2000. 856 p.

SLACK, Nigel et al. Administração da Produção. Ed. Atlas-SP, 2


edição 2009.

25