Você está na página 1de 4

1. Criar bloco de trabalho.

Caminho – Edit – Various - Blank

Deve-se criar o bloco de acordo com as dimensões da peça.

As coordenas a seguir, devem ser programadas de acordo com a origem de trabalho G54.

X0 – Primeiro ponto das coordenadas do material em bruto em X. (Ex.: -3)

Y0 – Primeiro ponto das coordenadas do material em bruto em Y. (Ex.: -3)

X1 – Segundo ponto das coordenadas do material em bruto em X. (Ex.: Comprimento total


da peça em X + 3mm).

Y1 – Segundo ponto das coordenadas do material em bruto em Y. (Ex.: Largura total da peça
em Y + 3mm).

ZA – Sobremetal na face. (1mm)

ZI – Espessura total do material em bruto, considerando o quanto será fixado pela morsa.

2. Programando Cabeçalho.

G17 – Seleção do plano de usinagem (X,Y).

G71 – Unidade de medida (mm).


G94 – Seleção do avanço em mm/min ou inch/min.

G90 – Seleção de coordenadas no sistema absoluto.

G54 – Deslocamento do ponto zero máquina para zero peça.

T="CUTTER 16" – Fresa de topo Ø16mm.

M6 – Ativa a troca de ferramenta.

S1000 M3 F800 D1 – S1000 (RPM); M3 (Ativa o giro da ferramenta no sentido horário).

CFIN - Ativa controle de avanço pelo ponto de tangência da ferramenta com a peça para cantos
internos e pelo centro da ferramenta para cantos externos.

G64 - Ativa modo de contorno com “look-ahead”, chanfrando os cantos.

3. Programação do faceamento.
a) Através de coordenadas.
N160 G1 X-16 F1000

N170 G0 Y31

N180 G1 X96 F1000

N190 G0 Y45

N200 G1 X-16 F1000

N210 G0 Y59

N120 G0 X-16 Y3 Z2 M8 N220 G1 X96 F1000

N130 G1 Z0 F150 N230 G0 Z10

N140 X96 F1000 N240 X-10 Y-10

N150 G0 Y17

Obs.: No faceamento foi considerado a fresa de topo Ø16mm.

b) Através do ciclo de faceamento.

Caminho – Milling – Face Milling.

PL – Plano de usinagem (Ex.: G17 – XY).

SC – Distância segura de aproximação da ferramenta em movimentos rápidos de retração e


aproximação (Ex.: 2mm).

F – Avanço de corte (Ex.: 1000mm/min).

Machining – Tipo de operação a realizar (Selecionar a primeira operação).

Um triângulo – Desbaste.
Três triângulos – Acabamento.

Direction – Direção que a fresa irá seguir (Ex.: Escolher a primeira direção).

X0 – Primeiro ponto de coordenada do faceamento em X (Ex.: -3mm).

Y0 – Primeiro ponto de coordenada do faceamento em Y (Ex.: -3mm).

Z0 – Referência de coordenada para facemaneto em Z (Ex.: 1mm).

X1 – Segundo ponto de coordenada do faceamento em X absoluto (Ex.: 83mm).

Y1 – Segundo ponto de coordenada do faceamento em Y absoluto (Ex.: 63mm).

Z1 – Profundidade final do facemaneto em Z absoluto (Ex.: 0mm).

DXY – Incremento lateral da fresa para faceamento (Ex.: 90% do Raio da fresa).
UZ – Sobremetal para acabamento em Z (Ex.: 0mm).