Você está na página 1de 12

INFORME AOS

INVESTIDORES
1T21
São Paulo, 13 de maio de 2021 – A BRADESPAR [B3: BRAP3 (ON), BRAP4 (PN); LATIBEX: XBRPO (ON), XBRPP
(PN)] anuncia os resultados referentes ao 1T21.

Estrutura dos Investimentos – 31.03.2021

Desde 2017, os investimentos da BRADESPAR se concentram na VALE, empresa na qual a BRADESPAR tem
representantes no Conselho de Administração, diferencial este significativo em termos de gestão de investimentos.

Em 31 de março de 2021, o valor de mercado dos ativos da BRADESPAR, correspondia a R$ 28,8 bilhões.

%V = % Capital Votante BRADESPAR


%T = % Capital Total

5,73% V/T

2
BALANÇO PATRIMONIAL

ATIVO (R$ mil)


31/03/2021 31/03/2020
CIRCULANTE 1.301.206 553.142
Caixa e Equivalentes de Caixa 1.241.718 199.618
Juros s/ Capital Próprio e Dividendos a Receber - 353.338
Tributos a Compensar e Recuperar 59.110 -
Despesas Antecipadas 378 186
NÃO CIRCULANTE 12.065.787 10.478.545
Realizável a Longo Prazo 168.253 171.247
Tributos a Compensar e Recuperar 160.514 163.389
Depósitos Judiciais 7.739 7.858
Investimentos 11.896.665 10.306.259
Imobilizado 74 98
Intangível 795 941
TOTAL 13.366.993 11.031.687

PASSIVO (R$ mil)


31/03/2021 31/03/2020
CIRCULANTE 1.194.992 276.072
JCP e Dividendos a Pagar 1.139.763 248.000
Impostos e Contribuições a Recolher 26.253 194
Arrendamentos Direito de Uso 72 68
Outras Obrigações 28.904 27.810
NÃO CIRCULANTE 7.842 233.261
Debêntures a Pagar - 225.395
Provisões e Obrigações Legais 7.040 6.943
Arrendamentos Direito de Uso 802 923
PATRIMÔNIO LÍQUIDO 12.164.159 10.522.354
Capital Social 4.100.000 4.100.000
Reservas de Lucros 1.983.625 2.106.573
Ajuste de Avaliação Patrimonial 4.624.596 4.262.025
Resultado do Período 1.455.938 53.756
TOTAL 13.366.993 11.031.687

3
COMENTÁRIOS SOBRE O DESEMPENHO DA COMPANHIA

Abaixo, apresentamos a Demonstração do Resultado Consolidado, em conformidade com as práticas contábeis


adotadas no Brasil.

Demonstração de Resultado (R$ mil)

1T21 1T20 Var %

Equivalência Patrimonial 1.736.319 54.748 3071,5%

Resultado Operacional 1.736.319 54.748 3071,5%

Despesas de Pessoal (3.590) (2.241) 60,2%

Despesas Tributárias (22.846) (190) -

Despesas Gerais e Administrativas (1.767) (751) 135,3%

Outras Despesas Operacionais (10.031) - -

Receitas / Despesas Financeiras 2.853 2.190 30,3%

Resultado Operacional antes do IR/CS 1.700.938 53.756 3064,2%

Imposto de Renda e Contribuição Social - - -

Resultado do Período 1.700.938 53.756 3064,2%

Receita Operacional

Como Companhia de Investimentos, a BRADESPAR tem sua receita operacional originada do resultado de equivalência
patrimonial e juros sobre o capital próprio da VALE.

No 1T21, a BRADESPAR registrou receita operacional de R$ 1,74 bilhão, sendo o melhor resultado apresentado em um
1º trimestre na história da Companhia.

Cumpre destacar que a VALE, no mesmo período, reportou EBITDA ajustado de US$ 8,47 bilhões, com ênfase para a
área de Minerais Ferrosos (US$ 7,81 bilhões), principalmente, por maiores preços realizados das commodities, que,
inclusive, compensaram volumes sazonalmente menores.

Resultado Financeiro

No trimestre, o resultado financeiro da BRADESPAR atingiu o valor positivo de R$ 2,9 milhões, decorrente de aplicações
financeiras e de remuneração sobre Impostos a Recuperar. Tal resultado é reflexo do resgate antecipado total da Terceira
Emissão de Notas Promissórias e da amortização total antecipada da Sétima Emissão Pública de Debêntures Simples,
que eliminaram o endividamento da Companhia.

Despesas de Pessoal, Gerais e Administrativas

As despesas de pessoal, gerais e administrativas da BRADESPAR totalizaram, no 1º trimestre de 2021, R$ 5,4 milhões.

4
Resultado do Trimestre

No 1º trimestre de 2021, a BRADESPAR apresentou lucro líquido de R$ 1,7 bilhão, ante resultado positivo de R$ 53,8
milhões registrado no final dos três primeiros meses de 2020, reflexo do excelente resultado apresentado pela VALE,
sendo este o maior lucro líquido apresentado em um primeiro trimestre da história da Companhia.

Desempenho do Resultado (R$ milhões)

1.700,9

623,8
383,7 358,0 332,4 423,0
334,3
262,4
122,3 120,1 113,6 142,0 156,5 53,8
3,9

-71,6 -82,7 -22,1


-117,7
-283,5 -355,1
-569,2

1T00 1T01 1T02 1T03 1T04 1T05 1T06 1T07 1T08 1T09 1T10 1T11 1T12 1T13 1T14 1T15 1T16 1T17 1T18 1T19 1T20 1T21

5
COMENTÁRIOS SOBRE A INVESTIDA

VALE

Empresa privada de origem brasileira, a VALE está presente em cerca de 30 países, sendo uma das maiores mineradoras
do mundo na produção de minério de ferro, pelotas de minério de ferro e níquel. Além disso, produz minério de manganês,
ferroligas, carvão térmico e metalúrgico, cobre, subprodutos de metais do grupo da platina, ouro, prata e cobalto. Opera,
ainda, grandes sistemas de logística no Brasil e em outras regiões do mundo, incluindo ferrovias, terminais marítimos e
portos, integrados às suas operações.

Cumpre ressaltar que, em fevereiro do ano corrente, posteriormente certificado por decisão judicial em abril, a VALE, o
Estado de Minas Gerais, a Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais e os Ministérios Públicos Federal e do Estado
de Minas Gerais celebraram o Acordo Global para a Reparação Integral dos danos causados pelo rompimento da
Barragem I, na Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, MG. Com valor econômico aproximado de R$ 37,7 bilhões, o
Acordo Global encerra, de forma definitiva, as ações civis públicas sobre danos socioambientais causados pelo desastre,
bem como sobre a reparação socioeconômica. As instituições que participaram da construção do Acordo Global
asseguraram soluções céleres, justas e eficazes, em um processo conduzido com transparência, legitimidade e
segurança jurídica.

Além disso, para promover operações cada vez mais seguras, ambientalmente responsáveis, que garantam a integridade
dos seus ativos, o Conselho de Administração da VALE aprovou medidas que visam reduzir riscos e permitem manter o
foco contínuo nos principais negócios. Destaca-se a conclusão da venda da operação da Vale Nova Caledônia (“VNC”),
marco importante no desinvestimento de ativos no-core, em linha com sua estratégia na agenda climática.

Nos primeiros três meses do ano, a empresa registrou lucro líquido de US$ 5,55 bilhões, uma variação positiva de US$
5,30 bilhões em relação ao resultado positivo de US$239,0 milhões no 1º trimestre de 2020.

Por fim, destaca-se, ainda, o programa de recompra de ações de emissão da própria Companhia limitado a 270 milhões
de ações ordinárias e seus respectivos ADRs, representando até 5,3% do número total de ações em circulação, com
base na composição acionária de 28 de fevereiro de 2021. Regido pela disciplina na alocação de capital, o programa
será executado em um período de até 12 meses, demonstrando a confiança da gestão da VALE e no potencial de criar
e distribuir valor de forma consistente.

Todas as implementações na Governança da VALE tiveram o apoio, a iniciativa e a aprovação dos acionistas integrantes
do antigo bloco de controle, com destaque para a BRADESPAR, e fecham o ciclo, iniciado em 2017, de transformação
da empresa em uma True Corporation.

Mercado de Capitais

Desde a sua constituição, as ações do capital social da BRADESPAR estão listadas na B3, sob os códigos BRAP3 (ON)
e BRAP4 (PN), e seus títulos são negociados no Latibex – Mercado de Empresas Latino-Americanas da Bolsa de Valores
de Madri, na Espanha –, em Euros, por meio do Programa de Depositary Receipts (GDRs).

Adicionalmente, a BRADESPAR integra dois índices de destaque: o Ibovespa, que inclui as companhias mais líquidas
do mercado brasileiro, e o Índice de Governança Corporativa (IGC), composto pelas companhias que assumiram
compromisso com elevados padrões de governança corporativa, desde 2001, quando aderiu ao Nível I de Governança
Corporativa da B3.

No 1T21, as ações da Companhia tiveram valorização de 7% (BRAP4) e 2% (BRAP3), enquanto o IBOVESPA


apresentou baixa de 2% e as ações da sua investida, a VALE, subiram 17%.

6
Desempenho das Ações na B3 no 1T21

Cotações ajustadas por proventos, incluindo Dividendos e/ou Juros Sobre Capital Próprio.
Fonte: Economatica

7
Liquidez

A média diária do volume de ações preferenciais de emissão da BRADESPAR (BRAP4) negociadas no 1T21, foi de
R$194,0 milhões. 16,589 foi a média diária do número de negócios realizados com BRAP4 na B3 no período.

Volume Financeiro Médio Diário de Ações Negociadas (R$ milhões)

194,0

113,4

69,2
58,3 60,3
52,5
47,7
32,2 32,8 33,9 35,4 33,9 37,4 29,7
27,3 27,1
14,1
8,1
2,10,11,1 1,5 5,40,5 1,3 0,9 0,4 0,4 0,3 0,2 0,4 0,9 0,4 0,2 0,3 0,7 0,8 0,7 1,7 2,9
0,2 0,1 0,1 0,4

BRAP3 BRAP4

Fonte: Facset.

8
Prêmio / Desconto

Ao final do 1T21, o valor de mercado da participação na VALE detida pela BRADESPAR alcançou R$ 28,8 bilhões. O
valor de mercado da BRADESPAR, em relação ao da VALE, apresentou desconto de 25,0%, ou seja, o valor de mercado
da BRADESPAR equivale a 75,0% do valor líquido de seus ativos.

Valor Líquido dos Ativos da Bradespar X Valor de Mercado da Bradespar (preços de fechamento em 31/03/21)

Participação da Bradespar
% do Valor de Valor de Valor de
Cotação Qtde de
Companhias Capital Mercado Mercado Mercado
(R$/ação) Ações
Total (3) (R$ mil) (US$ mil) (EURO mil)
VALE ON
97,97 293.907.266 5,73% 28.794.095 5.102.622 4.341.548
Valor Total dos Ativos da Bradespar (A) 28.794.095 5.102.622 4.341.548
Caixa Líquido da Bradespar (B) (1) 1.238.377 219.454 186.721
Caixa da Bradespar 1.238.377 219.454 186.721

Valor Líquido dos Ativos da Bradespar (C)


30.032.472 5.322.076 4.528.269
= (A) + (B)

Valor de Mercado da Bradespar (D) 22.534.165 3.993.295 3.397.682


Ações Ordinárias (BRAP3) 58,16 122.171.449 7.105.491 1.259.169 1.071.360
Ações Preferenciais (BRAP4) 68,31 225.862.596 15.428.674 2.734.126 2.326.322
Diferença entre o Valor Líquido dos Ativos
e Valor de Mercado Bradespar (C) - (D) 7.498.307 1.328.781 1.130.587
DESCONTO (2) 25,0%

(1) Caixa Líquido em 31/03/2021


(2) ((Valor de mercado da Bradespar)/(Valor dos Ativos + Caixa Líquido)) - 1
(3) Não considera ações em tesouraria

9
Histórico do Desconto entre o Valor Líquido dos Ativos e o
Valor de Mercado da BRADESPAR

45,9%
41,5%

31,8%
29,0%
26,4%
25,0%
21,9%
18,5%
16,6%
15,1%
12,9%
10,9%
9,4%

2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020
Obs: Média entre os descontos ao final de cada mês.

24,9% 24,7% 25,0%


24,1% 23,9%

22,0%

19,6%
19,0%

17,1% 17,0%
16,1%
15,5% 15,2%
14,3%
12,6%

jan/20 fev/20 mar/20 abr/20 mai/20 jun/20 jul/20 ago/20 set/20 out/20 nov/20 dez/20 jan/21 fev/21 mar/21

Obs: Desconto no último dia útil do mês.

10
DIVIDENDOS E JUROS SOBRE CAPITAL PRÓPRIO

Em consonância com a sua Política Indicativa de Remuneração Anual ao Acionista, a BRADESPAR anunciou, em 25 de
março do ano corrente, o pagamento de dividendos e juros sobre o capital próprio (JCP), no montante de R$ 1,160
bilhão, conforme segue:

- Dividendos, utilizando parte do saldo da conta “Reservas de Lucros - Estatutária”, no valor de R$ 915,0 milhões, sendo
R$ 2,468833979 por ação ordinária e R$ 2,715717377 por ação preferencial, não havendo retenção de Imposto de
Renda na Fonte, nos termos do Artigo 10 da Lei nº 9.249/95;

- JCP, a serem computados no cálculo dos dividendos obrigatórios do exercício de 2021 previsto no Estatuto Social, no
valor de R$ 245,0 milhões, sendo R$ 0,661053907 por ação ordinária e R$ 0,727159298 por ação preferencial, pagos
nos valores líquidos de R$ 0,561895821 por ação ordinária e R$ 0,618085403 por ação preferencial, considerando a
dedução do Imposto de Renda na Fonte de 15% (quinze por cento), exceto para os acionistas pessoas jurídicas que
estejam dispensados de tributação.

Os dividendos e juros sobre o capital próprio foram pagos em 12 de maio, compondo a maior distribuição de proventos
da história da BRADESPAR, como observa-se no quadro abaixo:

Histórico de Pagamento de Juros Sobre Capital Próprio e Dividendos

1,160
915,0
944,3
385,0
755,0
575,4 627,1 580,5 433,0

342,1
256,8 460,8 272,5 417,4 559,3
385,1 383,7 392,7
344,3 127,8 348,2 43,2
99,2 99,3
143,5 88,9 81,6 374,2
285,9 293,4 318,6
285,0
333,0 308,0 196,6 322,0
240,2 255,4 266,6 245,0
159,2
37,4

2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2017 2018 2019 2020 2021

JCP (R$ Mi) Dividendos (R$ Mi)

11
CONTATO DE RI

Para mais informações, favor contatar a área de Relações com Investidores:

Fernando Buso - CEO

Gustavo Bonetti

Daniel Picerni Sarmento

Tel.: 55 11 2178-6300

Fax: 55 11 2178-6315

E-mail: bradespar@bradespar.com

Site: www.bradespar.com

12