Você está na página 1de 3

ESTADO DO PERNAMBUCO

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E ESPORTE – SEE


“Juntos, fazemos mais”
EREM JOSÉ SEVERINO DE ARAÚJO – EJSA
“Construindo Valores e Educação de Qualidade”

Segmento: Ensino Médio Série: 2º Ano A, B e C


Componente Curricular: Química Carga horária anual: 200 horas/aulas
Professor: Fágner Gonçalves Lopes
PLANEJAMENTO BIMESTRAL QUÍMICA

JUSTIFICATIVA
 O ensino de química no ensino médio propicia o aluno reconhecer os materiais, as
substancias presentes nas diversas atividades do seu dia-a-dia, a compreensão das
transformações químicas nos processos naturais, industriais, agrícolas e
tecnologicos. A química oferece subsídios para compreender, planejar e executar as
transformações dos materiais

OBJETIVOS/COMPETENCIAS A SEREM DESENVOLVIDAS.


l EA10 - Reconhecer a solubilidade das substâncias, por meio de representação
gráfica.
l EA11 - Prever a quantidade de determinada substância, que se dissolve em água, a
partir dos valores de solubilidade, a uma determinada temperatura.
l EA31 - Reconhecer substâncias inorgânicas, tais como ácidos, bases, sais e óxidos,
a partir de suas fórmulas e características.
l EA36 - Identificar o soluto como a substância em menor quantidade na solução e o
solvente como a parte da solução, que
l dissolve o soluto.
l EA37 - Reconhecer as misturas coloidais como heterogêneas, tais como dispersões
e emulsões.
l EA38 - Diferenciar a solução diluída da concentrada pela relação entre a
quantidade de soluto e a quantidade de solvente.
l EA39 - Calcular a proporcionalidade entre a massa ou volume do soluto e a massa
ou volume do solvente, em termos percentuais.
l EA40 - Calcular a concentração da solução dada pela quantidade em mol do
soluto, em relação ao volume da solução em litros.
l EA41 - Compreender os procedimentos utilizados para efetuar cálculos de
concentração das soluções em % e em g/L.
l EA42 - Compreender a relação entre a quantidade de matéria mol de soluto por
volume de solução ou concentração mol/L.
l EA43 - Calcular a concentração de soluções em g/L, mol/L e % percentual,
levando em consideração as informações sobre as massas molares e, também a
densidade e o volume.
l EA44 - Interpretar informações contidas em rótulos de produtos, como
medicamentos ou produtos de limpeza constituídos por soluções.
l EA45 - Compreender unidades de concentrações expressas em rótulos.
ESTADO DO PERNAMBUCO
SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E ESPORTE – SEE
“Juntos, fazemos mais”
EREM JOSÉ SEVERINO DE ARAÚJO – EJSA
“Construindo Valores e Educação de Qualidade”

l EA17 - Reconhecer os fenômenos de volatilidade e pressão de vapor dos líquidos.


l EA18 - Reconhecer os processos, que alteram os valores das temperaturas de
ebulição e de congelamento de substâncias líquidas.
l EA19 - Compreender os efeitos de variações da temperatura de ebulição e de
congelamento de líquidos, por adição de soluto não volátil.
l EA20 - Reconhecer que a adição de um soluto não volátil provoca a variação da
pressão osmótica de um líquido

CONTEÚDOS/EIXOS TEMÁTICOS:
l Soluções
l Concentrações das soluções
l Propriedades dos materiais
PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS
l Investigação do conhecimento prévio atraves de atividade difersificadas.
l Exposição de vídeos e documentarios contendo situações e aplicações.
l Aulas práticas
l Utilização de software educativos, aplicativos em smartphone.
l Seminários.
l Leitura e debates.
l Aulas expositivas e dialogadas.
l Desenvolvimento de projetos.
l Utilização do material didático do Educa PE.
l Aulas pelo Goolgle Meet.
l Adesão a metodogoligia Ativas (sala de aula invertida)

PROCEDIMENTOS AVALIATIVOS E ESTRATÉGIAS DE AVALIAÇÃO.


l Avaliação diagnóstica:
Ø Avaliação dos conhecimentos prévios, escritos e orais.
Ø Leitura e discursçao de textos.
Ø Confecção de cartazes e murais.

l Avaliação formativa.
Buscando avaliar os discentes de forma mais qualitativa, através das atividades
vivenciadas em sala de aula de forma presencial ou remota,levando em
consideração as etapas de apredezagem dos alunos, essa avaliação ocorerá por
meio de:
Ø Trabalhos e pesquisas.
Ø Trabalhos em grupos e individuais.
Ø Semiários.
Ø Atividades extraclasse.
Ø Resolução de exercicios.
Ø Testes de verificação de aprendizagem aplicador no google forms.
ESTADO DO PERNAMBUCO
SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E ESPORTE – SEE
“Juntos, fazemos mais”
EREM JOSÉ SEVERINO DE ARAÚJO – EJSA
“Construindo Valores e Educação de Qualidade”

Ø Participaçõ e interação nas aulas presenciais e remotas.


Ø Avaliação Bimentral.

ITINERÁRIO FORMATIVO INTERDIMENSIONAL.


l Utilizar os Quatro Pilares da Educação Integral que constituem o eixo estruturador
de uma propotade educação para o século XXI, são ela (I) aprender a ser, (II)
aprender a conviver, (III) aprender a fazer, (IV) aprender a conhecer.