Você está na página 1de 23

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS

CAMPUS DE JATAÍ
UNIDADE JATOBÁ
CURSO DE ZOOTECNIA

AULA: IMUNODIAGNÓSTICO

Profª Drª Vera Lúcia Dias da Silva Fontana


IMUNODIAGNÓSTICO:

INTRODUÇÃO:

* significado etimológico da palavra

(imune – latim (immune = isento, livre) +

(diagnóstico – grego (diagnostikós = capaz de discernir);

•Importância no reconhecimento e o delineamento da inci-

dência de uma série de doenças animais;


•Meios de diagnóstico: técnicas sorológicas (macrotécnica e

microtécnica);

• Classificação das técnicas sorológicas:

* Testes de conjugação primários;

* Testes de conjugação secundários;

* Testes de conjugação terciários.


REAGENTES EMPREGADOS NOS TESTES SOROLÓGICOS

•Soro:

•Complemento:

•Antiglobulina:

•Anticorpos monoclonais:
Quadro: Menor quantidade de anticorpo protéico detectável,
por certos testes imunológicos selecionados.

Testes Concentração de proteína/µg.cm3

Testes de ligação primária


Elisa 0.0005
Radioimunoensaio competitivo 0.00005
Testes de ligação secundária
Teste do anel 18
Precipitação em gel 30
Aglutinação bacteriana 0.05
Hemaglutinação passiva 0.01
Inibição da hemaglutinação 0.005
Teste de fixação de complemento 0.05
Neutralização de vírus 0.00005
Atividade bacteriana 0.00005
Neutralização de antitoxina 0.06
Testes Terciários (in vivo)
Anafilaxia cutânea passiva 0.02

:
Fonte TIZARD. I. R., 1998.
Bibliografia Consultada

TIZARD, I. Imunologia Veterinária – Uma Introdução. 5 ed.


São Paulo: ROCA, 1998. 545p;

ABBAS. A. K.; LICHTMAN, A. H.; POBER, J. S. Imunologia


celular & molecular. 3 ed. Rio de Janeiro: Revinter, 2000. 486
p;

ROITTI, I.; BROSTOFF, J.; MALE, D. Imunologia. 5 ed. São


Paulo: Manole, 1999. 467p;

MADRUGA, C. R,; ARAUJO, F. R.; SOARES, C. O.


imunidiagnóstico em Medicina Veterinária. 1 ed. Mato Grosso
do Sul: Embrapa Gado de Corte, 2001. 360p.
OBRIGADO!!