Você está na página 1de 13

A Genética

Genética
A Genética

• a continuidade das espécies está dependente da


capacidade dos seres vivos se reproduzirem

• aquando da fecundação, forma-se um ovo (ou


zigoto) que recebeu através dos gâmetas parentais
(espermatozóide e óvulo), informação do pai (23
cromossomas) e da mãe (23 cromossomas)

Genética
• a conjugação dessas informações dá
origem a um novo ser distinto dos
progenitores

• muitas características que são


herdadas dos progenitores:
a cor dos olhos, a cor do cabelo, a
estatura, etc.

• outras características herdadas são


fortemente influenciadas pelo meio
ambiente

Genética
Mitose
• o ovo é a primeira célula que
constitui o indivíduo
• esta célula vai dividir-se em duas que
por sua vez se subdividirão até gerar
o organismo
• este processo de divisão celular
(divisão do núcleo das células) designa-se
por mitose

Ovo com dois dias


a mitose na base
• da produção das células novas que também têm por função
substituir as células que morrem
• do crescimento e desenvolvimento do indivíduo ao longo da
vida
Genética
Meiose
• a quantidade de material genético em cada
espécie mantém-se constante de geração em
geração graças à ocorrência de um processo de
divisão celular

a meiose

• da qual resultam as células sexuais que possuem


metade do número de cromossomas
característicos da espécie

Genética
• o material genético, que contém
a informação de cada um de nós, é
o ADN (ácido desoxirribonucleico)

molécula formada por duas cadeias


muito longas de sequências de
nucleótidos, enrolados em hélice

Genética
• a meiose é de grande importância porque contribui para a

variabilidade genética das espécies

variações genéticas entre os membros de uma população

Genética
• o segmento de ADN que
determina uma característica
denomina-se de gene

• unidade de informação
genética que codifica e regula a
síntese de proteínas que
definem características tais
As secções a vermelho assinalam as partes do
como a cor dos olhos, cabelo, ADN que são genes.

formato das sobrancelhas, dos


lábios, etc.

Genética
• os cromossomas são segmentos de ADN
responsáveis pela transmissão hereditária

• a espécie humana apresenta: 46 Cariótipo humano

cromossomas que se organizam em 23 pares

• os cromossomas de cada par apresentam


genes para a mesma característica, pelo que
se denominam de cromossomas homólogos

Genética
• o cariótipo é o conjunto cromossómico de
uma espécie (número e forma dos cromossomas são
característicos de cada espécie)

78 cromossomas
• a diferentes espécies corresponde um
número diferente de cromossomas.

• um maior número de cromossomas não


implica uma maior complexidade do ser
vivo, nem significa que estamos diante de
uma espécie mais desenvolvida.

46 cromossomas

Genética
Genes de desenvolvimento
• os genes não são todos iguais nem têm a mesma importância
• os genes de desenvolvimento definem o ser, o organismo, como
flor, cão ou ser humano
• são designados por “genes arquitetos” porque definem a forma
e as características dos órgãos

• planificam o processo de construção do organismo


• são decisivos nas etapas de construção do cérebro
permitindo o seu desenvolvimento até à morte
• a sua expressão depende da influência do meio

Genética
O genoma humano

• genoma - conjunto de todos os genes de um organismo

• o genoma humano tem aproximadamente 120 mil genes

• não é o número de genes que distingue os seres humanos de


outros seres vivos mas a complexidade da forma como se associam

Genética
Objetivos do Projeto Genoma Humano

• interpretar o genoma, identificando os genes, definindo as suas


funções e relações (decifrar o código do ADN)
• foram sequenciados mais de 99% dos 2,9 biliões de pares de bases
do genoma humano
• Identificaram-se genes responsáveis por doenças e sua prevenção
• Conhecemos melhor a história da humanidade e da evolução da vida
na terra
• conhecer a sequência do ADN não permite definir o que é que uma
pessoa vai ser
Genética