Você está na página 1de 4

Funções Sintácticas

Modificador do Nome restritivo e apositivo

Objectivos: Identificar o modificador do nome


Distinguir modificador do nome restritivo de modificador do
nome apositivo

1. Observa com atenção as frases que se seguem.


a. D. Manuel, rei de Portugal, edificou o Mosteiro dos Jerónimos.
b. As descobertas, por mar e por terra, foram penosas para os
Portugueses.
c. O estudo de Os Lusíadas revelou-se difícil para alguns alunos.
d. Tétis, linda e graciosa, acolheu os Portugueses na Ilha dos
Amores.
e. A hospitalidade em Melinde foi magnífica.
f. A navegação por mares desconhecidos era inquietante naqueles
tempos.
g. Os marinheiros doentes mantiveram-se de quarentena.
h. Veloso, marinheiro pretensioso, vangloriou-se dos seus feitos.

1.1. Sublinha as palavras ou expressões que se encontram à direita do


núcleo do grupo nominal, como no exemplo:
a. D. Manuel, rei de Portugal, edificou o Mosteiro dos Jerónimos.

1.2. Reescreve as frases, retirando-lhes as palavras ou expressões


destacadas, como na frase a’.:
a’. D. Manuel edificou o Mosteiro dos Jerónimos.

b'
.
c'
.
d'
.
e'
.
f'.
g'
.
h'
.

Apercebeste-te de que a frase mantém o sentido, mesmo quando


retiramos as palavras ou expressões que se encontram à direita do nome.
Isto quer dizer que são constituintes sintácticos opcionais, não
seleccionados pelo nome, aos quais chamamos modificadores do
nome.

2. Lê agora as frases com atenção.

i. Os alunos interessados estudam muito.


j. Os alunos, interessados, estudam muito.

No caso da frase i., a ideia que se transmite é a de que apenas os alunos


interessados estudam muito. O vocábulo ”interessados” restringe (limita)
o universo dos alunos somente a um pequeno grupo.
Na frase j., pelo contrário, o vocábulo “interessados” não restringe a
referência do nome (alunos) que modifica. Todo o universo de alunos é
contemplado e considerado interessado.

 Conclusão:
Na frase i., “interessados” é um modificador do nome restritivo/apositivo
(risca o que não interessa).
Em j., o adjectivo “interessados” funciona como um modificador do nome
restritivo/apositivo (risca o que não interessa).
N.B.: O que permite distinguir um modificador do nome restritivo de um
modificador do nome apositivo é o sinal gráfico de pontuação que
designamos por vírgula.
2.1. Retoma as frases enunciadas em 1., atentando particularmente nas
alíneas a., b., d. e h.
2.1.1. Identifica os modificadores do nome segundo a designação que
aprendeste acima.

Decerto te apercebeste de que todos os modificadores do nome


______________ se encontram entre vírgulas.

3. Identifica a classe de palavras a que pertence o vocábulo (ou o primeiro


vocábulo das expressões) que sublinhaste em 1.1..

Modificador do Classe de palavra a que pertence


nome
a. rei (de Portugal)
b. por (mar e por
terra)
c. de (Os Lusíadas)
d. linda (e graciosa)
e. em (Melinde)
f. por (mares
desconhecidos)
g. doentes
h. marinheiro
(pretensioso)

3.1. Os elementos que funcionam como modificadores do nome podem ser


nome(s) ou grupo nominal, como nas frases ___ e ___, adjectivo(s) ou
grupo adjectival, como nas frases ___ e ___, e grupo preposicional,
como nas frases ___, ___, ___ e ___.

N.B.: Os modificadores do nome constituídos por nome ou grupo nominal


apenas se verificam em modificadores do nome apositivos.
 Em breve, quando estudares as frases subordinadas adjectivas relativas,
verificarás que existe outro tipo de elementos que funciona como
modificador do nome – o tipo frásico.