P. 1
Actividades gimnicas - Ginstica - documento de apoio

Actividades gimnicas - Ginstica - documento de apoio

|Views: 1.758|Likes:
Publicado porPedro Teopisto

More info:

Published by: Pedro Teopisto on Mar 26, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/16/2012

pdf

text

original

________________________

Escola Secundária /2,3 Prof. Ruy Luís Gomes

Ginástica
A ginástica é uma modalidade muito vasta que pode ser pratica com ou sem carácter competitivo. A ginástica engloba um conjunto de exercícios, com ou sem aparelhos, muito exigentes do ponto de vista físico, técnico e psicológico, fazendo apelo a elevados níveis de força e flexibilidade. Os elementos a executar são complexos pelo que é necessário atenção, persistência e cooperação. De acordo com a FIG a ginástica apresenta as seguintes áreas: 1234567Ginástica Artística Masculina Ginástica Artística Feminina Ginástica Rítmica Ginástica Acrobática Ginástica Aéróbica Ginástica de Trampolins Ginástica para Todos

GINÁSTICA ARTISTICA A Ginástica Artística (da tradução à letra da designação dada pela Federação Internacional de Ginástica e vulgarmente conhecida em Portugal como Ginástica Desportiva) engloba duas modalidades: Ginástica Artística Masculina (GAM) e Ginástica Artística Feminina (GAF).

.

Estas modalidades regem-se por um Código de Pontuação e um Regulamento Técnico próprios e são modalidades constantes do programa olímpico. Os seus objectivos são os de numa base de preparação aprofundada, assimilar exercícios gímnicos de dificuldade superior, atingindo um elevado aperfeiçoamento na técnica de execução desses exercícios, mostrando uma elevada mestria desportiva. A Ginástica Artística Masculina, compreende um conjunto de 6 aparelhos: Movimentos Livres, Cavalo com Arções, Argolas, Saltos de Cavalo, Paralelas Simétricas e Barra-fixa. Características dos Aparelhos: Solo: Os exercícios no solo, devem conter predominantemente elementos acrobáticos, combinados com outros movimentos de força de flexibilidade e de equilibrio com combinações coreográficas, formando um todo harmonioso. O ginasta dispõe de um tempo máximo de apresentação de 70 segundos. Cavalo com arções: Os exercícios devem conter movimentos circulares apelidados de "circulos" e pendulares "tesouras" com utilização de todas as partes do cavalo, devendo ser executados sem paragens. Professora Amélia Paredes

Todos os exercícios têm acompanhamento musical. Trave Olímpica. pares mistos. e os saltos de cavalo. Saltos de Cavalo. amplitude e complexidade dos movimentos das suas executantes. A Ginástica Artística Feminina. bola. Os movimentros de balanço devem ser predominantes. Paralelas Simétricas e Barra Fixa. Professora Amélia Paredes . pode ser praticada por ginastas nas categorias individuais. deve demonstrar mudanças de pegas com rotações. Saltos de cavalo (bock e plinto). compreende um conjunto de 4 aparelhos: Movimentos Livres. Saltos: Os saltos são executados a partir de uma corrida prévia de 25 metros com chamada a dois pés no trampolim e um curto apoio das mãos na "mesa" de saltos (nome actualmente em vigor).________________________ Escola Secundária /2. Paralelas Assimétricas e Trave Olímpica. Só pode ser praticado por ginastas femininas. ritmo. O ginasta deve utilizar todo o comprimento dos banzos e apresentar movimento por baixo e sobre os banzos. Ruy Luís Gomes Argolas: Neste aparelho o ginasta deve apresentar uma variedade de movimentos estáticos. Utiliza cinco aparelhos diferentes (corda. Esta modalidade rege-se por um Código de Pontuação e um Regulamento Técnico próprio e é uma modalidade que faz parte do programa olímpico. maças e fita). Dois aparelhos comuns na ginástica artística masculina e feminina: O exercício no solo (movimentos livres). Em competição pode ser apresentada individualmente ou em grupo de 5 ginastas. alternados com elementos de balanço à frente e à rectaguarda e de força. Esta modalidade quando tem um carácter representativo também pode ser praticada por ginastas masculinos. Paralelas simétricas: Um exercício contemporâneo de paralelas deve conter uma combinação de movimentos de balanços de vôo e estáticos. alegria e música ritmada. elementos com voo (despegues) com largada da barra e retorno.3 Prof. trios e conjuntos nos escalões infantil (8-10 anos) Juvenil (11-14). Júnior (15-17) e Sénior (+18). Na nossa escola trabalhamos os seguintes aparelhos: Solo. Barra-Fixa: O ginasta deve apresentar movimentos de balanço contínuos sem tocar com o corpo na barra. GINÁSTICA RÍTMICA A Ginástica Rítmica caracteriza pela beleza. sendo a grande representatividade de grupos masculinos japoneses. As saídas são parte integrante da execução do exercício e são movimentos acrobáticos espectaculares. após o que o ginasta realiza uma série de rotações. Termina com uma saída acrobática. GINÁSTICA AERÓBICA Caracterizada pela intensidade. O exercício deve ser concluído com uma saída acrobática. Conclui-se com uma recepção equilibrada. arco.

a sua abordagem é utilizada para a iniciação ao duplo minitrampolim. Desde 1995 que a FIG.3 Prof. Os diferentes pares/grupos podem executar três tipos de exercícios/esquemas: • equilíbrio – implicam um contacto efectivo entre os elementos do grupo (pinos. tais como: Actividades para todos os grupos etários. etc) • combinados – exercícios com combinação de elementos de equilibri e elementos dinâmicos. infinitas combinações de elementos em sincronismo com a música. trios femininos e quadras masculinas. pares masculinos. e consequentemente a FGP. GINÁSTICA ACROBÁTICA As provas oficiais de ginástica acrobática realizam-se em: pares femininos. flexibilidade e coordenação.________________________ Escola Secundária /2. demonstrando força. GINÁSTICA DE TRAMPOLINS Em competição formal realizam-se exercícios no duplo minitrampolim (exercícios individuais) e trampolim (exercícios individuais e sincronizados). elementos acrobáticos. envolvendo exercícios gímnicos com e/ou sem aparelhos. etc) • dinâmicos – exercícios com fase de voo. onde os chutos altos. nos quais existe separação entre os acrobatas (mortais. bem como jogos. diferentes cordas. os polichinelos e os push ups eram os exercícios obrigatórios de todas as rotinas da “ginástica aeróbica de competição”. Estas actividades ganham um destaque especial quando enquadradas culturalmente. ritmo e estilo livremente escolhidos pelos competidores. integram esta disciplina gímnica que se caracteriza pela prestação dinâmica de rotinas de grande intensidade. GINÁSTICA para TODOS Área da ginástica que orientada para o lazer proporciona um vasto conjunto de oportunidades de actividade gímnica. presenters das convenções internacionais. as flexões abdominais. a UEG em 1999. utilizando-se uma diversidade de saltos. Todos os exercícios devem ser elaborados utilizando os vários elementos técnicos harmoniosamente acompanhados com música. Ruy Luís Gomes A Ginástica Aeróbica tem origem nas competições entre instrutores de fitness. As componentes artística e técnica encontram-se plenamente integradas na música. Em competição não se realizam provas no mini-trampolim. Algumas das variantes da Ginástica para todos: O Rope Skipping é uma actividade física que tem por base o saltar à corda. Professora Amélia Paredes . pares mistos.

Uma competição de Teamgym é composta por três disciplinas: Programa de Solo. sendo de todo interdita a participação a ginastas com menos de 10 anos. As equipas estão divididas em três secções: masculinas. sapo • Elementos de ligação (saltos. femininas ou mistas com o número de elementos a poder variar entre os 6 e os 12. seguido de rolamento à frente • Roda (a duas mãos e a uma mão) • Rodada (rondada) • Posições de equilíbrio (avião. roda e apoio fácil invertido) Saltos realizados em posição transversal e posição longitudinal. Caracteriza-se pela realização de exercícios em grupo com grande harmonia espectacularidade e com situações acrobáticas de grande efeito.3 Prof. A título meramente comparativo. podemos referir que esta iniciativa reúne actualmente mais do dobro dos participantes de uns "Jogos Olímpicos". balanços em apoio de mãos. Este Festival Mundial de Ginástica organizado sob os auspícios da Federação Internacional de Ginástica (FIG) decorre desde 1953 e possuí aspectos que o tornam único no universo desportivo: ausência de competição formal. Tumbling e Mini-Trampolim. relativamente ao número de participantes envolvidos. de membros superiores flectidos e em extensão e rolamento saltado) • Apoios invertidos (apoio facial invertido. posição angular e saídas) Professora Amélia Paredes . bandeira) • Posição de flexibilidade (ponte. A Ginástica como nós a trabalhamos na Escola De solo: aprendizagem e aperfeiçoamento de elementos gímnicos isolados e sequências de elementos gímnicos. é a mais recente variante das “ginásticas” e tem a sua origem na Ginástica Geral tendo a primeira competição internacional sido realizado em 1996 na Finlândia. conhecido na sua génese como Euroteam. Rolamentos (à frente.________________________ Escola Secundária /2. espargata. Cada grupo apenas poderá apresentar um máximo de 10% dos seus elementos com idade inferior a 12 anos. Ruy Luís Gomes O Eurogym destina-se a grupos de jovens “Ginástica para Todos” com idade igual ou superior a 12 anos. • Paralelas Simétricas (entrada. voltas. comparticipação dos participantes nos custos do evento (incluindo o pagamento integral das suas deslocações). entre mãos. Ginástica de aparelhos: • Saltos no Plinto e Boque (eixo. A Gymnaestrada Mundial é o maior evento desportivo de carácter mundial de uma só modalidade. estadia "low cost" (tradicionalmente em regime de acantonamento em escolas e institutos politécnicos). atrás. Nas equipas mistas os dois géneros tem de ter igual número. afundos) Aspectos muito importantes: Regras de segurança As ajudas Os aspectos técnicos de execução dos elementos (ver no livro de EF). O Teamgym.

pirueta vertical e mortal à frente engrupado) Aspectos muito importantes: Regras de segurança As ajudas Os aspectos técnicos de execução dos elementos (ver no livro de EF). técnico e psicológico. Os elementos a executar são complexos pelo que é necessário atenção. Ruy Luís Gomes Barra Fixa (balanços em suspensão. marcha na ponta dos pés. persistência e cooperação. balanços. salto a pés juntos. rotações. salto de gato. A Ginástica Rítmica: Realização de exercícios com cordas. avião. pivot. (salto em extensão. A ginástica engloba um conjunto de exercícios. muito exigentes do ponto de vista físico. rolamento à frente e saída em balanço à frente) Trave Olímpica (entrada a um pé com apoio. Professora Amélia Paredes .________________________ • • • Escola Secundária /2. salto engrupado.3 Prof. lançamentos. deixarem de trabalhar os aspectos gerais da condição física. saltos e saltitares e batimentos). O processo de aprendizagem dos diversos elementos da ginástica depende não só da exercitação dos elementos técnicos mas também do nível da condição física. com ou sem aparelhos. arcos e bolas. contudo. meia volta. fazendo apelo a elevados níveis de força e flexibilidade. saída em saltos variados) Trampolins – saltos realizados no minitrampolim e duplo minitrampolim. subida de frente. Aspectos técnicos de base dos vários elementos de aparelho (manipulação. Por isso devem preocupar-se com o trabalho das capacidades motoras que condicionam a qualidade de execução sem. salto de carpa com os membros inferiores afastados e unidos.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->