Você está na página 1de 222

3

m
A
d
ir
n
t
s

ao
ã

29,7 cm
Anhanguera Publicações
A
d
m
in
i
s
t
ra
çã
o
Alameda Maria Tereza, 2.000 ISBN 978-85-7969-062-4

Valinhos - SP - CEP 13278-181


C
a
d
e
rn
od
e
At
i
v
id
ad
e
s

9 788579 690624
3
LOMBADA
CONTRA-CAPA 21 cm 1,2 cm CAPA 21 cm
Universidade Anhanguera - Uniderp
Centro de Educação a Distância

Caderno de Atividades

Administração
Coordenação do Curso
Mônica Ferreira Satolani

Autores
Décio Henrique Franco
Eliabe Moraes de Oliveira
Luciano Gamez (org.)
Maria José de Castro Silva
Mario Francisco Ferreira
Matheus Jensen Ribeiro
Ricardo Guilherme Monteiro de Almeida
Walter César Camuri
Universidade Anhanguera - Uniderp
Centro de Educação a Distância
Chanceler Diretor-Adjunto
Ana Maria Costa de Sousa Luciano Sathler
Reitor Coordenação de Qualidade do Material
Guilherme Marback Neto Didático
Vice-Reitora Luciano Gamez: Coordenador e organizador
Heloisa Helena Gianotti Pereira da publicação
Barbara Monteiro Gomes de Campos
Pró-Reitores
Bruno Tonhetti Galasse
Pró-Reitor Administrativo: Antonio Fonseca
Fernanda Bocchi Balthazar
de Carvalho
Helena Okada
Pró-Reitor de Extensão, Cultura e
Lucia Helena Paula do Canto
Desporto: Ivo Arcângelo Vendrúsculo Busato
Waurie Rolão
Pró-Reitor de Graduação: Eduardo de
Oliveira Elias Ilustrações
Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação: Carol Enguetsu Lefèvre
Elizabeth Tereza Brunini Sbardelini Ednei Marx
Thinkstock
CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
Diretor-Geral
ANHANGUERA PUBLICAÇÕES
José Manuel Moran Gerente Editorial
Adauto Damásio

C129 Caderno de atividades: administração / Décio Henrique Franco...


[et. al.]; Organizador Luciano Gamez; Coordenação do curso
Mônica Ferreira Satolani. – Valinhos : Anhanguera Publica-
ções, 2011.
224 p.

ISBN: 978-85-7969-062-4

© 2011 Anhanguera
Publicações - Proibida
a reprodução final ou 1. Matemática aplicada. 2. Contabilidade. 3. Administração
parcial por qualquer meio – Processos. 4. Tecnologia de gestão. 5. Administração – Direito e
de impressão, em forma
idêntica, resumida ou legislação. I. Franco, Décio Henrique. II. Gamez, Luciano. III. Sa-
modificada em língua
portuguesa ou qualquer
tolani, Mônica Ferreira.
outro idioma. Impresso CDD – 20.ed. : 658
no Brasil 2011
Nossa Missão, Nossos Valores
Desde sua fundação, em 1994, os fundamentos da “Anhanguera Educacional” têm sido o principal motivo do
seu crescimento.
Buscando permanentemente a inovação e o aprimoramento acadêmico em todas as ações e programas, é uma
Instituição de Educação Superior comprometida com a qualidade do ensino, pesquisa de iniciação científica e
extensão, que oferecemos.
Ela procura adequar suas iniciativas às necessidades do mercado de trabalho e às exigências do mundo em cons-
tante transformação.
Esse compromisso com a qualidade é evidenciado pelos intensos e constantes investimentos no corpo docente
e de funcionários, na infraestrutura, nas bibliotecas, nos laboratórios, nas metodologias e nos Programas Institu-
cionais, tais como:
• Programa de Iniciação Científica (PIC), que concede bolsas de estudo aos alunos para o desenvolvimento de
pesquisa supervisionada pelos nossos professores.
• Programa Institucional de Capacitação Docente (PICD), que concede bolsas de estudos para docentes cursa-
rem especialização, mestrado e doutorado.
• Programa do Livro-Texto (PLT), que propicia aos alunos a aquisição de livros a preços acessíveis, dos melhores
autores nacionais e internacionais, indicados pelos professores.
• Serviço de Assistência ao Estudante (SAE), que oferece orientação pessoal, psicopedagógica e financeira aos
alunos.
• Programas de Extensão Comunitária, que desenvolve ações de responsabilidade social, permitindo aos alunos
o pleno exercício da cidadania, beneficiando a comunidade no acesso aos bens educacionais e culturais.
A fim de manter esse compromisso com a mais perfeita qualidade, a custos acessíveis, a Anhanguera privilegia
o preparo dos alunos para que concretizem seus Projetos de Vida e obtenham sucesso no mercado de trabalho.
Adota inovadores e modernos sistemas de gestão nas suas instituições. As unidades localizadas em diversos Es-
tados do País preservam a missão e difundem os valores da Anhanguera.
Atuando também na Educação a Distância, orgulha-se em oferecer ensino superior de qualidade em todo o Terri-
tório Nacional, por meio do trabalho desenvolvido pelo Centro de Educação a Distância da Universidade Anhan-
guera - Uniderp, nos diversos polos de apoio presencial espalhados por todo o Brasil. Sua metodologia permite
a integração dos professores, tutores e coordenadores habilitados na área pedagógica, com a mesma finalidade:
aliar os melhores recursos tecnológicos e educacionais, devidamente revisados, atualizados e com conteúdo cada
vez mais amplo para o desenvolvimento pessoal e profissional de nossos alunos.
A todos, bons estudos!

Prof. Antonio Carbonari Netto


Presidente - Anhanguera Educacional
Sobre o Caderno de Atividades
Caro(a) Aluno(a),
Você está recebendo o Caderno de Atividades, preparado pelos professores do Curso de Graduação em que você
está matriculado, com o objetivo de contribuir para a sua aprendizagem. Ele aprofunda os conteúdos disponíveis
nas publicações que fazem parte do Programa do Livro-Texto (PLT), trazendo orientações de estudo, destaques,
propostas de atividades individuais e em grupo e desafios de aprendizagem a serem realizados.
As questões propostas foram elaboradas pelos docentes ou adaptadas de provas públicas já realizadas, inclusi-
ve do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE), que tem o objetivo de aferir o rendimento dos
alunos dos cursos de graduação em relação a conhecimentos, habilidades e competências, necessários ao seu
futuro desempenho profissional. Essa inclusão de perguntas, selecionadas a partir de avaliações ocorridas fora
do âmbito universitário, colabora na sua preparação para o enfrentamento de situações mais contextualizadas.
Você também vai encontrar caminhos para vincular os textos e questões com as teleaulas do seu curso. Isso
permite planejar com antecedência seu tempo e dedicação, estudar os temas previamente e se preparar para
aproveitar ao máximo a interação com a equipe docente.
Desejamos que você tenha um ótimo semestre letivo.

José Manuel Moran e Luciano Sathler


Diretoria do Centro de Educação a Distância
Universidade Anhanguera - UNIDERP
Autores
Décio Henrique Franco
Graduação: Administração de Empresas - Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP), 2000.
Especialização: Controladoria e Finanças Empresariais - Universidade Federal de Lavras (UFLA), 2009.
Mestrado: Engenharia de Produção - Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP), 2006.

Eliabe Moraes de Oliveira


Graduação: Bacharel em Ciências Contábeis - Universidade da Amazônia (UNAMA), 1998.
Especialização: Auditoria, Controladoria e Contabilidade - Pontifícia Universidade Católica de Campinas
(PUCCamp), 2000.

Luciano Gamez - Organizador da publicação


Graduação: Psicologia - Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação - Universidade de Lisboa (FPCE-UL), 1992.
Mestrado: Engenharia Humana - Universidade do Minho (UMINHO), 1998.
Doutorado: Engenharia de Produção - Área de concentração: Ergonomia - Universidade Federal de Santa Catarina
(UFSC), 2004.

Maria José de Castro Silva


Graduação: Licenciatura em Matemática - Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCCamp), 1971.
Especialização: Lógica Matemática - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), 1974.
Especialização: Psicopedagogia Construtivista - Universidade São Francisco (USF), 2000.
Mestrado: Educação - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), 2003.
Doutorado: Educação - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), 2008.

Mário Francisco Ferreira


Graduação: Licenciatura Plena em Matemática com direito a Física, Desenho Geométrico e Descritivo -
Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Arapongas (FAFICLA), 1982.
Especialização: Pós-Graduação em Administração - Instituto Alberto Mesquita de Camargo (USJT), 1988.

Matheus Jensen Ribeiro


Graduação: Administração de Empresa - Universidade Paulista (UNIP), 2001.
Especialização: Gestão de Negócios - Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), 2004.
Mestrado: Administração - Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP), 2012.

Ricardo Guilherme Monteiro de Almeida


Graduação: Bacharel em Administração - Centro Universitário Padre Anchieta (UniAnchieta), 1997.
Especialização: Gestão Empresarial - Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), 1999.
Mestrado: Educação Física - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), 2009.

Walter César Camuri


Graduação: Direito - Faculdade de Direito de Bauru (FDB), 1998.
Especialização: Gestão Estratégica de Negócios - Instituto Nacional de Pós Graduação (INPG), 2004.
Mestrado: Administração - Centro Universal Salesiano (UNISAL), 2009.
Sumário

Matemática Aplicada
Tema 1 - Revisão dos Conceitos Fundamentais............................................................ 15
Tema 2 - Conceito de Função e Função de Primeiro Grau............................................ 23
Tema 3 - Função de Segundo Grau............................................................................. 29
Tema 4 - Função Exponencial e Logarítmica................................................................ 34
Tema 5 - Funções Potência, Polinomial, Racional e Inversa........................................... 39
Tema 6 - Conceito de Derivada................................................................................... 43
Tema 7 - Técnicas de Derivação.................................................................................. 47
Tema 8 - Aplicações das Derivadas no Estudo das Funções.......................................... 52

Contabilidade Geral
Tema 1 - Introdução à Contabilidade/Patrimônio......................................................... 64
Tema 2 - Demonstrações Financeiras........................................................................... 70
Tema 3 - Balanço Patrimonial/Atos e Fatos Contábeis.................................................. 75
Tema 4 - Demonstração do Resultado do Exercício...................................................... 80
Tema 5 - Plano de Contas e Contabilização do Débito e Crédito/Livros Contábeis....... 86
Tema 6 - Balancete de Verificação/Apuração do Resultado do Exercício (ARE).............. 91
Tema 7 - Contas Redutoras do Ativo........................................................................... 97
Tema 8 - Folha de Pagamento/Princípios de Contabilidade (PC)................................. 102
Processos Administrativos
Tema 1 - Planejamento Estratégico........................................................................... 118
Tema 2 - Planejamento Tático................................................................................... 123
Tema 3 - Planejamento Empresarial........................................................................... 127
Tema 4 - Desenho Organizacional, Desenho Departamental e Modelagem
do Trabalho................................................................................................ 131
Tema 5 - Direção...................................................................................................... 135
Tema 6 - Gerência e Supervisão................................................................................ 139
Tema 7 - Controle Estratégico, Controle Tático e Controle Operacional..................... 143
Tema 8 - Competências Organizacionais e Criação de Valor...................................... 147

Tecnologia de Gestão
Tema 1 - Desafios para o Gestor Contemporâneo..................................................... 162
Tema 2 - Algumas Tecnologias de Gestão Organizacional.......................................... 168
Tema 3 - Algumas Ferramentas de Gestão................................................................ 175
Tema 4 - Novas Demandas e Ambientes para o Gestor Contemporâneo................... 180

Direito e Legislação
Tema 1 - Introdução ao Direito, Teoria Geral do Estado e Direito Constitucional........ 194
Tema 2 - Direito Tributário e Direito Civil: Parte Geral e Direito de Família
e das Sucessões.......................................................................................... 200
Tema 3 - Direito das Obrigações, Direito das Coisas e Direito Contratual
e de Propriedade........................................................................................ 205
Tema 4 - Direito do Consumidor, Direito Comercial e Direito do Trabalho.................. 210
Matemática
Aplicada

Autores:
Maria José de Castro Silva
Mario Francisco Ferreira
Matemática Aplicada

Orientações de estudo
Caro(a) aluno(a),
Este caderno de atividades foi elaborado com base
no livro “Matemática Aplicada à Administração, Eco-
nomia e Contabilidade”, dos autores Afrânio Murolo
e Giácomo Bonetto, da Editora Cengage, PLT 59.
Ele é composto por 8 temas:

Tema 1
Revisão dos Conceitos Fundamen-
tais
Aborda os conteúdos situados no Apêndice, Atividades para Revisão, nas páginas 229 a 241. Neles, você
observará que, para a resolução de problemas, cuja solução envolva dados quantitativos, faz-se necessário o
conhecimento dos conceitos fundamentais de Matemática, referentes aos cálculos das operações fundamen-
tais, à simplificação de expressões algébricas e à resolução de equações.
Dessa forma, a revisão proposta se dará por meio de situações que abordam as expressões numéricas conten-
do as operações de adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação e radiciação de números racionais;
simplificação de expressões algébricas, produtos notáveis, fatoração e resolução de equações. Serão, também,
abordados os conjuntos numéricos, dada a sua relevância no estudo dos gráficos das funções.

Tema 2
Conceito de Função e Função de Primeiro Grau
Aborda os conteúdos situados nos Capítulos 1 e 2, páginas 1 a 11 e páginas 12 a 30. Neles, você observará
os seguintes conceitos:
Conceito de função: utiliza o conceito de função quando estão relacionadas duas grandezas variáveis, o que
ocorre com muita frequência em situações práticas nas áreas relacionadas à administração e às tecnologias
diversas. Por exemplo, as empresas, quando pretendem lançar um novo produto no mercado, recorrem a
pesquisas para conhecer qual a demanda do mesmo, isto é, quantas são as pessoas interessadas em adquirir
o referido produto em relação a cada preço. Os dados coletados são modelados matematicamente e esse
modelo matemático é expresso por uma função.
A representação gráfica de uma função se constitui em um excelente recurso para a visualização rápida e
eficiente de cada situação proposta.
Função do primeiro grau: no item anterior, as funções são abordadas de forma geral; nas próximas etapas
você irá conhecer mais profundamente alguns tipos de função. A primeira a ser estudada é a função do pri-
meiro grau. O foco do estudo será a caracterização desse tipo de função, a sua interpretação gráfica e suas
aplicações.
A abordagem do conceito de função do primeiro grau será sempre do ponto de vista de suas aplicações em
situações práticas, o que possibilitará o entendimento de como tais conceitos poderão ser utilizados. Por
exemplo, por meio de uma função de primeiro grau - caso esse modelo matemático seja adequado - é possível
calcular o custo, o lucro, a receita, ou a demanda de um produto no mercado.

12 3
Tema 3
Função de Segundo Grau
Aborda os conteúdos situados no capítulo 3, páginas 31 a 48. Nele, você poderá observar que a função de
segundo grau se distingue por ter a variável elevada ao quadrado. Em uma empresa, o conhecimento, por
exemplo, da receita para a comercialização de um determinado produto, ou seja, a relação entre as quantida-
des de mercadorias vendidas e o preço das mesmas é fundamental para o dimensionamento correto de sua
produção. Essa informação pode ser obtida por intermédio de um modelo matemático representado por uma
função de segundo grau. O estudo dessa função, portanto, é muito importante do ponto de vista prático, por-
que possibilita identificar de forma segura as relações entre preço e quantidade de um determinado produto
a ser ofertado no mercado.
A análise da representação gráfica da função quadrática permite conhecer, por meio da determinação das
coordenadas do vértice da parábola, pontos de máximo ou mínimo, que podem estar associados à receita
máxima ou custo mínimo. E, além disso, permite a visualização de intervalos de crescimento ou decrescimento.

Tema 4
Função Exponencial e Logarítmica
Aborda os conteúdos situados no capítulo 4, páginas 49 a 66 e 66 a 75. Nele, você observará que se caracte-
riza como função exponencial aquela em que a variável está no expoente. Os cálculos relacionados à determi-
nação do capital, dos juros ou do montante em uma operação financeira são exemplos de aplicação da função
exponencial. O cálculo da depreciação de uma máquina também pode ser obtido por intermédio desse tipo
de função, Ainda, o aumento populacional que pode estar relacionado à demanda de um produto pode ser
determinado por uma função exponencial.
Dessa forma, dada a importância das aplicações da função exponencial, considera-se que, para uma boa com-
preensão do conceito, é necessário que sejam oferecidas muitas situações-problema que simulem casos reais.
Logaritmos: O logaritmo é o resultado de uma operação em que o valor desconhecido é o expoente. Sua
utilização tem por finalidade a simplificação de cálculos complexos, isto é, as propriedades dessa operação
permitem transformar uma multiplicação em uma adição, uma potenciação em um produto. Isso facilita o
cálculo de valores expressivamente grandes ou pequenos. Para o cálculo de logaritmos é necessária a utilização
de uma calculadora científica. Por exemplo, em 10x = 2, tem-se que encontrar log2, que é igual, com 5 casas
decimais, a 0,30103.

Tema 5
Funções Potência, Polinomial, Racional e Inversa
Aborda os conteúdos situados no capítulo 5, páginas 78 a 111. Nele, você observará os seguintes conceitos:
• Exponencial: Utilização nas aplicações financeiras que envolvam aumento e diminuição, bem como no
processo de produção empresarial, quantidades produzidas e de insumos.
• Polinomial: No estudo da derivada dessas funções você entenderá o comportamento das mesmas
(taxa de variação, crescimento, decrescimento, inflexão) e preço de produto.
• Racional e Inversa: Analisaremos situações de oferta e preço, custo médio, aumentos e depreciação.

13
Tema 6
Conceito de Derivada
Aborda os conteúdos situados no capítulo 6, páginas 113 a 142. Nele, você observará os seguintes conceitos:
• Utilização do conceito de derivada na aplicação de taxa de variação.
• Análise do comportamento local de uma função.
• Aplicação nas taxas crescentes e taxas decrescentes.

Tema 7
Técnicas de Derivação
Aborda os conteúdos situados no capítulo 7, páginas 143 a 166. Nele, você observará as aplicações práticas
das técnicas de derivações, visando agilidade e desempenho na utilização das mesmas. É importante que você
treine cada técnica apresentada.

Tema 8
Aplicações das Derivadas no Estudo das Funções
Aborda os conteúdos situados nas páginas 167 até 227. Nele, você observará os seguintes conceitos:
• Aplicações das funções marginais (custos, receitas, lucros).
• Elasticidade (preço da demanda e renda da demanda).

ATENÇÃO! As respostas para as atividades deste caderno estão disponíveis no ambiente


virtual do curso. Consulte seu tutor presencial para mais informações.

14
Tema 1
Revisão dos Conceitos Fundamentais

Objetivos de Aprendizagem
• Realizar de forma correta as operações aritméticas fundamentais por serem a base para as operações
mais complexas, que serão estudadas nos próximos capítulos do Livro-Texto.
• Operar os fatos básicos da álgebra elementar, por meio da simplificação de expressões algébricas, de
produtos notáveis, da fatoração e da solução de equações.
• Representar geometricamente a reta dos números reais para futura aplicação em gráficos de funções.

Para início de conversa


Você já percebeu que a resolução de um problema prático como,
por exemplo, conhecer qual será a demanda de um produto X,
pode ser um trabalho que necessite a aplicação de operações
aritméticas, a resolução de uma equação e ter na solução gráfica
a sua melhor expressão? Assim, realizar com segurança as
operações matemáticas e compreender os princípios da álgebra
elementar farão com que você perceba que a matemática não é
um amontoado de regras sem sentido.

Por dentro do tema


No estudo desse tema serão propostas situações-problema contendo expres-
sões numéricas envolvendo a adição, a subtração, a multiplicação, a divisão e
a potenciação nos diversos conjuntos numéricos.
Os conceitos da álgebra elementar serão tratados a partir de expressões algé-
bricas, produtos notáveis e fatoração. As equações, que permitem encontrar
um valor desconhecido em uma igualdade, serão apresentadas também por
meio de situações simples, para que possam ser compreendidas e posterior-
mente aplicadas.
Para alcançar os objetivos propostos para esse tema, acompanhe a seguir a
revisão de alguns conceitos matemáticos.

I. Para que a revisão das operações aritméticas fique completa, é necessário, inicialmente, identificar os
principais conjuntos numéricos:
Conjunto dos números Naturais  N = {0,1, 2, 3, 4, ...}
Conjunto dos números Inteiros  Z = {..., -4, -3, -2, -1, 0, 1, 2, 3, 4,...}
p,q
Conjunto dos números Racionais  Q = { q ≠ 0 , sendo p , q ∈ Z } (Todos os números que podem ser
escritos sob a forma de uma fração).

15
Conjunto dos números Irracionais  Todos os números que não podem ser escritos na forma de uma fração,
isto é, aqueles que têm infinitas casas decimais não periódicas.
Conjunto dos números Reais  R = Composto pela reunião do conjunto dos números racionais com os nú-
meros irracionais.

II. A realização das operações aritméticas fundamentais torna-se possível pela aplicação das seguintes regras
para as operações.

Adição e subtração de números inteiros:

1) Se os números têm o mesmo sinal, somam-se os valores absolutos das parcelas e conserva-se o sinal.
Exemplos:
2+7=9
-3 – 8 = - 11

2) Se os números têm sinais diferentes, subtraem-se os valores absolutos e o sinal do resultado é o mesmo do
número de maior valor absoluto.
Exemplos:
-3 + 7 = + 4
2–9=-7

Multiplicação e divisão de números inteiros:

1) Se os números tiverem o mesmo sinal, o produto ou o quociente será positivo.


Exemplos:
Para a multiplicação: (+2) . (+5) = +10; para a divisão: (+36) : (+9) = +4
Para a multiplicação: (-3) . (-5) = +15; para a divisão: (- 15) : (-3) = +5

2) Se os números tiverem sinais contrários, o produto ou o quociente será negativo.


Para a multiplicação: (+2) . (-5) = -10; para a divisão: (-36) : (+9) = -4
Para a multiplicação: (-3) . (+5) = -15; para a divisão: (+15) : (-3) = -5

Potenciação de números inteiros:

1) Se o expoente for par, a potência será sempre positiva.


2) Se o expoente for ímpar, a potência terá o sinal da base.
Exemplos:
(+4)2 = 16
(-4)2 = 16
(-3)3 = -27
(+3)3 = + 27

16
Operações com números racionais – Números que podem ser representados por frações - Os núme-
ros decimais, portanto, fazem parte desse conjunto.
É importante o conhecimento do conceito e das aplicações das frações equivalentes para compreensão das
operações com números racionais.
Duas frações são chamadas equivalentes quando representam a mesma quantia do todo considerado.
3 6 4 12
Exemplos: = ; =
4 8 5 15
a c
Como reconhecer frações equivalentes: = , b, d ≠ 0 ↔ a . d = b .c
b d

a c
Como encontrar frações equivalentes: = , sendo c = x .a e d = x .b
b d

Como esse conceito pode ser aplicado:


12 2
Simplificação de frações: Exemplo: = , pois 12 : 6 = 2 e 30 : 6 = 5
30 5

1 1 2 3
Redução ao mesmo denominador: ; → ;
6 4 12 12

Operações com frações:


Adição e subtração:
a c a ±c a c ad ± cb
± = ,b ≠0 ± = , b,d ≠ 0
b b b b d bd

3 2 5 2 1 4 3 7 1 6 1 6 2 4 1
Exemplos: + = ou + = + = =1 − = − = =
7 7 7 3 2 6 6 6 6 8 4 8 8 8 2

Multiplicação:
a c a .c
. =
b d b.d

3 1 3
. =
5 4 20

Divisão:
a
b = a . d = a .d
c b c b.c
d

Exemplo:
3 2 3 5 15
: = . =
4 5 4 2 8

17
Potenciação:
3
2 8
  =
5 125

Propriedades das potências de mesma base:


am.an = am+n
am:an = am-n
(am)n = am.n
Lembrando:
0
0 0 2
Todo número elevado a zero é igual a 1  a = 1. Exemplos: (-5) = 1;   = 1
5
n 2 −1 1
 1  Exemplos:
Se o expoente for negativo: a − n =   (− 3)− 2 =  1  = 1 ;  
2 3
= 
a  3 9 3 2
Observação: As regras de sinais utilizadas para as operações com números racionais são as mesmas que as
utilizadas para os números inteiros.
Expressões numéricas:
Ordem das operações: Quando há uma expressão numérica com mais de uma operação a ser feita, segue-se
a seguinte ordem: 1.º potenciação; 2.º multiplicação ou divisão (na ordem que aparecem); 3.º adição e subtra-
ção (na ordem em que aparecem).
Exemplo:
-3 - 6 . 4 : 2 + 20 : 5 . 7 – 8 =
-3 – 24 : 2 + 4 . 7 – 8 =
-3 – 12 + 28 – 8 =
- 15 + 28 – 8 =
+ 13 – 8 = + 5
Sinais de associação: São sinais de associação os parênteses ( ), os colchetes [ ] e as chaves { }. Esses sinais
indicam a prioridade das operações, isto é, deverão ser resolvidas primeiramente as que estiverem dentro dos
parênteses seguidas das que estiverem dentro dos colchetes e finalmente dentro das chaves.
Exemplo:
-5 . (7 – 4)2 – (5 – 12 . 2) =
- 5 . 32 – (5 – 24) =
- 5 . 9 – (-19) =
- 45 + 19 = - 26
III- Para a compreensão dos fatos da álgebra elementar é necessário entender que um número pode ser re-
presentado por uma letra com as mesmas propriedades operatórias. Portanto, uma expressão algébrica é
toda sentença matemática que contenha letras, números ou ambos.
Exemplos: 2x; 2x2 + y; 15x3 – 3xy – 4, etc...
Para simplificar as expressões, devem ser obedecidas as seguintes regras operatórias:
Para somar ou subtrair as expressões algébricas, reduzem-se os termos semelhantes (são semelhantes os
termos que possuem a mesma parte literal):
Exemplos: 2x + 3y – 2xy + 5x – 7y + 4x = (2 + 5 + 4) x + (3 – 7) y – 2xy = 11x – 4y – 2xy
Multiplicação:
3x1. 4x2 = 12 x3  Multiplicam-se os coeficientes (termos numéricos) e somam-se os expoentes dos mesmos
termos literais.
(2x + y) (x + 1) = 2x.x + 2x.1 +y.x + y.1 = 2x2 +2x +xy + y  aplicação da propriedade distributiva.

18
Divisão:
12x5: 3x2 = 4x3. Dividem-se os coeficientes e subtraem-se os expoentes dos mesmos termos literais.
Produtos notáveis. São aqueles que, por suas características, podem ser desenvolvidos diretamente.
Alguns casos de produtos notáveis:
Quadrado da soma ou da diferença de dois termos.
(a + b)2 = a2 + 2ab + b2 (quadrado do primeiro termo mais o duplo produto do primeiro pelo segundo mais o
quadrado do segundo)
(a – b)2 = a2 - 2ab + b2 (quadrado do primeiro termo menos o duplo produto do primeiro pelo segundo mais
o quadrado do segundo)
Produto da soma pela diferença de dois termos.
(a + b) (a – b) = a2 – b2 (quadrado do primeiro menos o quadrado do segundo termo)
Fatoração: significa transformar em fatores uma determinada expressão.
Casos de fatoração:
Fator comum em evidência: ax + bx = x (a + b)
Agrupamento: ax + ay + bx + by = a (x + y) + b(x + y) = (x + y) (a + b)
Trinômio quadrado perfeito: a2 + 2ab + b2 = (a + b)2
Diferença de quadrados: a2 – b2 = (a + b) (a – b)
IV- Equações. Resolver uma equação significa encontrar o valor da variável em uma sentença aberta. O que
determina o grau da equação é o valor do maior expoente nela contida, assim, se o expoente for 1, a equação
é de 1.º grau; se for 2 é de 2.º grau e assim por diante.
Uma equação de primeiro grau, em sua forma geral, apresenta-se como ax + b = 0 e sua resolução é encon-
trada por meio de x =
−b
Exemplo: a
3x + 5(x – 4) + 2 = 3x – 11
3x + 5x – 20 + 2 = 3x – 11 (aplicação da propriedade distributiva)
8x – 18 = 3x – 11 (somando-se os termos semelhantes em cada membro)
8x – 3x = -11 + 18 (agrupando os termos semelhantes)
5x = 7
7
x=
5

A equação de 2.º grau, cuja forma geral é ax2 + bx + c = 0, pode ser resolvida por intermédio da
2
fórmula: x =
− b ± b − 4 ac .
Exemplo: 2a
x2 – 5x + 6 = 0
Portanto: a = 1; b = - 5; c = 6
Aplicando a fórmula:
5± 25 − 24
x =
2
5 ±1
x = =
2
4 6
x1 = = 2 ; x2 = =3
2 2
Os conceitos e regras acima expostos devem servir como orientação para cada uma das atividades que serão
propostas a seguir.

19
Tema 1 - Atividades Matemática Aplicada

Atividades Agora, é com você! Responda às questões a se-


guir para conferir o que aprendeu!

INSTRUÇÕES
Para uma aprendizagem eficiente serão ne- Questão 1
cessários estudos individuais e em grupo, de
acordo com a indicação de cada proposta. Para
Em grupo, resolva as expressões de números 135,
facilitar a revisão do conteúdo, retome a leitu-
139, 143, 148, 151, 154 e 156, enunciadas nas pá-
ra do item “Por dentro do Tema” que resume
ginas 232/233 de seu Livro-Texto. As respostas,
conceitos importantes da disciplina e apresenta
que estão escritas no final das atividades, devem
exemplos que servem de roteiro para elaborar
ser conferidas após discussão de todo o grupo
as atividades propostas. Algumas dessas ativida-
para a obtenção de um único resultado.
des podem ser solicitadas por seu professor EAD
para que sejam postadas no ambiente virtual.
Fique atento!

Questão 2
Ponto de partida
Cada uma das respostas das expressões abaixo
Para solucionar problemas como o proposto a está associada a uma letra. Individualmente, des-
seguir, é necessário o conhecimento das regras cubra a palavra que está escrita, resolvendo as
operatórias para o conjunto dos números racio- expressões corretamente, na ordem em que es-
nais, a resolução de uma equação e a discussão tão enunciadas.
de suas soluções. Caso sinta dificuldades em 2 −1
 1   − 2   − 4  2
resolvê-lo, reveja os passos da revisão proposta a)   . −  .  =
e, ao final, tente novamente, comparando a sua  2   3   3  3
solução com as respostas corretas que o tutor
 11  9    − 2 
 :  : (− 3 + 5 ): 
presencial apresentará.
b) 1 −  =
Situação-problema: O lucro na venda de um  8  8   3 
2
produto é dado por L = p − 25 p − 5
3 1 − 1  −2  − 2 
2 2
3 3 c)  +  .   − (− 2) −    =
(em milhares de reais), sendo L o lucro e p o seu 2 3  2    3  
preço. Sabendo-se que o lucro em determina-
 2 1  1   1 1   − 2  
do mês foi de R$195,00 (em milhares de reais), d)  −  :  :  +  .   =
descubra qual foi o preço comercializado desse  5 6  5   6 3   3  
produto no referido mês.
2
 3   4   − 2  −1 
e)   .   +   .(2)  =
 2   3   3  

f) [3 . (15 – 12) – 6] : (23 : 22) =

2 1 1   4 1   −2 
g)  +  :  +  −  :   =
5 5 2   5 2   5 

47 −7 9 3 1
C= ; E = ; O= ; S = ; U =
72 2 20 2 9
(Obs.: pode haver mais de uma expressão com o
mesmo resultado) A palavra é: ________________

20
Matemática Aplicada Tema 1 - Atividades

Questão 3 Questão 6
Em grupo, utilizando o Livro-Texto nas páginas Os dados publicados na revista “Veja” de
230/231, reduzir os termos semelhantes das ex- 12/4/2000 mostram que, de cada 100 pessoas
pressões de números: 42, 43, 48, 52, 54, 57, 59 com o ensino médio, apenas 54 conseguem em-
e 64. As respostas estão no final das atividades. prego. Se num determinado grupo de 3.000 pes-
soas, 25% têm ensino médio, o número provável
de pessoas do grupo com ensino médio que, de
acordo com os dados da pesquisa, irão conseguir
Questão 4 emprego, é·
a) 375
Em grupo, utilizando o Livro-Texto, desenvolva b) 400
os produtos notáveis contidos na página 233, c) 405
de números 135, 139, 143, 148, 151, 154 e 156.
d) 450
e) 725

Questão 5
Questão 7
9 6 2
A fatoração de − x+x e o produto
25 5 A receita obtida na comercialização de um de-
de ab(a+b)², respectivamente correspondem a: terminado produto pode ser obtida por meio
da equação R=12,50 x, na qual x representa a
 3  3  quantidade de produtos comercializados. Nesse
a)  − x  + x  e a3 + b3
 20   20  contexto, descubra quantos produtos foram co-
mercializados, se a receita for de R$18.750,00.
2
3 
b)  − x  e a³b + 2a²b² + ab³
5 
2
3 
c)  + x  e 2a2 + 2b2
5 
2
3 
d)  − x  e a3 + b3
5 
e) Nenhuma das respostas anteriores.

21
Tema 1 - Atividades Matemática Aplicada

Questão 8
Se a receita de R$1.870,00 for aplicada, renden-
do juros de 2,5% ao mês, por um período de um
mês, qual será o montante após esse período?

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Quer saber mais sobre esse assunto? Então, con-
sulte os links:
• Disponível em: <http://pessoal.sercomtel.com.
br/matematica/fundam/fundam.htm>.
Nesse site, é encontrado um resumo conceitual
Questão 9 de todos os temas relacionados à Matemática,
necessários para os assuntos que serão desen-
O lucro na venda de um produto depende do volvidos nesse curso.
preço a que ele é comercializado, e essa depen- Disponível em: <http://www.somatematica.
dência é expressa por L = p2 + 10p + 25. Se o lu- com.br/soexercicios.php>.
cro obtido foi de R$400,00, qual será o preço que • Nesse site, pode-se acrescentar aos exercícios
esse produto foi vendido? referentes à aritmética e à álgebra elementar,
já efetuados, outros para melhor fixação dos
conceitos.

FINALIZANDO
Nesse tema, você estudou as operações aritmé-
ticas, os fatos básicos da álgebra elementar, por
meio da simplificação de expressões algébricas,
de produtos notáveis, da fatoração e da solução
de equações. Você viu também a representação
geométrica da reta dos números reais, compre-
endendo a sua aplicação em gráficos de fun-
ções.
Questão 10 No apêndice do Livro-Texto, de onde foram re-
tiradas algumas das atividades solicitadas neste
caderno, encontram-se outros exercícios. Resol-
Um produto oferecido a um preço de R$15,00 va-os para obter melhor embasamento dos con-
tem uma demanda de 300 compradores. Se esse ceitos aqui abordados, solicitando ajuda do seu
preço aumentar em R$85,00, qual será a deman- tutor presencial, sempre que necessário.
da para esse produto, sabendo-se que essas gran-
dezas são inversamente proporcionais.

22
Tema 2
Conceito de Função e Função
de Primeiro Grau

Objetivos de Aprendizagem
• Compreender o conceito de função matemática como uma relação estabelecida entre duas variáveis e
a sua aplicação para a resolução de situações práticas nas áreas financeiras e administrativas.
• Observar, por meio de exemplos, os tipos e as características de uma função como função crescente,
decrescente, limitada ou composta.
• Identificar as funções de primeiro grau.
• Analisar, por meio de situações práticas aplicadas às áreas administrativas, os conceitos de taxa de va-
riação, função demanda, função receita, custos, lucro, ponto de equilíbrio (break-even point), além do
cálculo de juros simples.
• Realizar a representação gráfica de uma função como meio para uma melhor compreensão das grande-
zas relacionadas.

Para início de conversa


Você já percebeu que para conhecer o comportamento do
preço de um produto ao longo de um determinado período,
pode ser elaborada uma tabela, cujo registro relaciona os
meses ao preço em cada mês? Isso permite estabelecer um
modelo matemático, no qual se confirma que o preço pode ser
dado em função do tempo. Analisar essa relação por meio de
uma função matemática que resulta desse modelo possibilitará
prever situações futuras, o que é importante para operações
financeiras e de mercado.
Assim, em cada situação, a função que representa o modelo
matemático estudado tem determinadas características. A
função de primeiro grau, primeira a ser estudada, é uma das
mais simples e também das mais utilizadas para a simulação
de situações reais.

Por dentro do tema


Para compreender o conceito de função é necessário compreender que essa
“ferramenta” permite analisar o comportamento de duas grandezas interde-
pendentes.
Em um exemplo simples, como o preço a ser pago em um estacionamento
que cobra R$5,00 pela primeira hora e R$1,50 por hora excedente, a função
matemática que representa essa situação é dada por: P = 5,00 + 1,50 . x, no
qual “P” é o preço a ser pago e “x” a quantidade de horas excedentes que o
veículo permaneceu no estacionamento.

23
As grandezas inter-relacionadas são o preço e o tempo, sendo que o preço é dado em função do tempo.
Ainda utilizando o exemplo anterior, percebe-se que essa função é crescente, pois quanto maior o tempo em
que o veículo permanecer estacionado, maior será o preço a ser pago. Da mesma forma, em outras situações,
com a demanda de um determinado produto em função de seu preço, pode-se ter uma função decrescente,
pois, à medida que o preço aumenta, a demanda tende a diminuir.
Uma função pode também ser limitada, ou seja, o estudo pode ser realizado em determinado tempo ou a
partir de determinado custo.
Para a aplicação de funções em áreas financeiras administrativas, financeiras ou contábeis, torna-se necessário
conhecer o conceito de demanda, oferta, receita, custos, lucro, ponto de equilíbrio (break-even point), além
do cálculo de juros simples, que, ao longo das atividades propostas, serão melhor esclarecidos.
As funções de primeiro grau têm sua expressão geral em y = ax + b e, apesar da simplicidade desse modelo,
são empregadas em muitas situações, como a utilizada em P = 5,00 + 1,50. x. Nesse caso, a taxa de variação
é 1,50.

24
Matemática Aplicada Tema 2 - Atividades

Atividades Questão 1
INSTRUÇÕES Resolva em grupo os problemas 1, 3 e 5, encon-
Observe no enunciado de cada questão as ati- trados nas páginas 9-10 de seu Livro-Texto.
vidades que deverão ser realizadas de forma
individual e as que deverão ser realizadas em A seguir resolva as questões 2, 3 e 4 individual-
grupo. Para auxiliar na resolução dos proble- mente.
mas propostos, retome os conceitos específicos
necessários em cada situação. Algumas dessas
atividades podem ser solicitadas por seu tutor
presencial para que sejam postadas no ambien- Questão 2
te virtual.

A função que representa o valor a ser pago


após um desconto de 3% sobre o valor x de uma
Ponto de partida mercadoria é:
a) f(x) = x - 3
O proprietário de uma fábrica de brinque- b) f(x) = 0,97x
dos verificou que, quando se produziam 1.500 c) f(x) = 1,3x
brinquedos por mês, o custo total da empresa d) f(x) = -3x
era de R$ 3.080,00, e quando eram produzidos e) f(x) = 1,03x
2.250 brinquedos o custo era de R$ 4.580,00.
Sabendo que o custo C é dado por uma função
de primeiro grau em relação ao número (x) de
brinquedos fabricados, encontre C em função
de x.
Questão 3
O que se pede nesse problema é a relação ma-
temática entre o número de brinquedos fabri- Por demanda entende-se a procura de uma
cados e o seu custo. Caso isso ainda não lhe seja mercadoria por um determinado preço durante
possível, sugere-se acompanhar as atividades a certo tempo, isto é, a quantidade de comprado-
seguir propostas e novamente tentar a sua re- res dispostos a adquirir certa utilidade (bem ou
solução. serviço) durante um período de tempo. Nesse
contexto, se a demanda D, dada em função do
preço p for expressa pela função D = 80 – 5p,
encontre:
a) A demanda para um preço unitário de
R$2,00.
b) O preço unitário para uma demanda de 25
unidades.
c) Construa o gráfico da função e verifique por
meio dele se a ela é crescente ou decrescen-
te.

Agora, é com você! Responda às questões a se-


guir para conferir o que aprendeu!

25
Tema 2 - Atividades Matemática Aplicada

A seguir resolva as questões 6, 7 e 8 individual-


Questão 4 mente.

A receita (R) é determinada em função da quan-


tidade vendida (q) de certa mercadoria. Sendo Questão 6
R = 7q, (0<q<52), determine:
a) A receita para uma venda de 52 unidades
Se forem conhecidas as funções receita (R) e cus-
vendidas.
to (C), torna-se possível conhecer o lucro (L), pois
L = R – C.
Dessa forma, sabendo-se R = 12q e C = 6q + 50,
o lucro será:
a) L = 18q – 50
b) L = 6q + 50
c) L = 6q – 50
b) O gráfico da função. Pela análise do gráfico, d) L = 18q + 50
verifique se a função é crescente ou decres- e) Não haverá lucro.
cente.

Questão 7
O preço de equilíbrio (break-even point) para
certa mercadoria é o preço para o qual a deman-
da (D) e a oferta (S) coincidem, ou seja, o ponto
c) A quantidade de unidades vendidas para em que os gráficos que representam as funções
uma receita de R$315,00. coincidem. Assim, encontre, algebricamente, o
preço e a quantidade de equilíbrio para D = 34 –
5p e S = -8 + 2p.

Questão 5
Resolva em grupo o problema 7 da página 26
de seu Livro-Texto.

26
Matemática Aplicada Tema 2 - Atividades

Questão 8 Questão 10
Paulo emprestou R$5.000,00 a um amigo a uma (Adaptado ENEM 2009). Uma empresa produz
taxa de juros simples de 5%. Considere x o nú- jogos pedagógicos para computadores com
mero de meses do empréstimo e M(x) o mon- custos fixos de R$1.000,00 e custos variáveis de
tante a ser devolvido para Paulo no final de R$100,00 por unidade de jogo produzida. Desse
meses. Nessas condições, o valor a ser devolvido modo, o custo total para x jogos produzidos é
para Paulo pode ser representado por: dado por C(x) = 1 + 0,01x (em R$1.000,00). A
a) M(x) = 5000x gerência da empresa determina que o preço
b) M(x) = 5500x de venda seja de R$700,00. Com isso, a receita
bruta para x jogos produzidos é dada por R(x)
c) M(x) = 5250x = 0,7x (em R$1.000,00). A partir desses dados,
d) M(x) = 5000 + 5x determine:
e) M(x) = 5000 + 250x a) A função L(x) para x jogos produzidos.
b) O gráfico que representa essa função.
A seguir, resolva em grupo as questões 9 e 10.

Questão 9
A depreciação de uma mercadoria pode ser
medida pela redução de seu valor (V) em fun-
ção do tempo (t). A função depreciação pode
ser uma função de primeiro grau, como nesse
caso em que o valor de uma máquina hoje é
R$10.000,00 e daqui a 5 anos estima-se que será
de R$2.500,00. Dessa forma, pergunta-se:
a) Qual será o valor dessa máquina em t anos?
b) O gráfico que representa a função é limita-
do? É crescente ou decrescente?
Justifique sua resposta.

27
Tema 2 - Atividades Matemática Aplicada

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Quer saber mais sobre esse assunto? Então, con-
sulte:
Disponível em:
• <http://pessoal.sercomtel.com.br/matematica/
financeira/matfin.htm>.
• <http://pessoal.sercomtel.com.br/matematica/
medio/medio.htm>.
• <http://www.somatematica.com.br/financeira.
php>.
• <http://www.somatematica.com.br/financeira.
php>.
Nos sites acima são apresentados os conceitos de
matemática financeira de forma didática, possi-
bilitando a compreensão e ampliação dos conhe-
cimentos sobre o tema.
Você poderá conferir também os conceitos de
função de primeiro grau e problemas relaciona-
dos a sua aplicação.

FINALIZANDO
Nesse tema, você viu os conceitos e aplicações
das funções e das funções de primeiro grau. No
Livro-Texto, esses conceitos se encontram no
primeiro e segundo capítulos (páginas 2 a 30).
O Livro-Texto e os sites de pesquisa indicados
complementam-se para que você possa resolver,
além dos problemas já propostos, os demais. Pa-
rodiando Einstein, também em Matemática, 10%
são inspiração e 90% são transpiração, o que sig-
nifica ser decisivo para a aprendizagem a quanti-
dade de problemas que são resolvidos.

28
Tema 3
Função de Segundo Grau

Objetivos de Aprendizagem
• Estudar a função do segundo grau, suas características e a sua aplicação para a resolução de situações
práticas nas áreas financeiras e administrativas.
• Construir e analisar o gráfico da função de segundo grau.
• Determinar os pontos principais do gráfico, como, por exemplo, o vértice, podendo identificá-lo como
ponto de máximo ou de mínimo, e consequentemente, intervalos de crescimento e decrescimento.
• Analisar, por meio de situações práticas aplicadas às áreas administrativas, os conceitos de receita, cus-
tos, lucro, ponto de equilíbrio (break-even point), além de outras situações, cujos modelos podem ser
determinados por uma função do segundo grau.

Para início de conversa


Você já percebeu que a receita, quando se considera o preço
e a quantidade comercializada de um produto, pode ser dada
por meio de uma função de segundo grau? Para que se possa
realizar a análise dessa aplicação prática, torna-se necessário o
estudo dos modelos dessa função e suas características.
A função de segundo grau é definida por f(x) = ax2 +bx +c,
sendo a ≠ 0. O gráfico dessa função é uma parábola e quem
determina a sua concavidade é o coeficiente “a”. Quando
f(x) = 0 tem-se as raízes ou zeros da função. O vértice da
parábola permite conhecer pontos de máximo ou de mínimo,
associando-o, por exemplo, à receita máxima ou aos custos
mínimos.
As aplicações, portanto, decorrem da análise e do conhecimento
dos modelos e características específicas dessa função.

Por dentro do tema


Ao estudar a função de segundo grau por meio de suas características, você
poderá resolver problemas práticos, como o do conhecimento da receita,
que relaciona o preço e a quantidade de produtos comercializados.
Por intermédio do gráfico da função de segundo grau, que é uma curva
denominada parábola, você observará aspectos importantes como sua con-
cavidade, vértice e raízes. Por exemplo, se R = - 4q2 + 100 é a função que
permite conhecer a receita de certo produto, tem-se como coeficiente de
q2 o número -4, que, por ser negativo, implica ter a concavidade voltada para
baixo. Além disso, ao fazer R = 0 podem ser conhecidos os valores em que
a receita é nula.

29
−b −∆
O vértice da parábola, cujas coordenadas são  ,  , permite identificar, no caso em questão, a
 2a 4a 
quantidade de produtos comercializados para que a função atinja seu valor máximo.
Desse modo, essa e outras aplicações são possíveis se forem adequadamente analisados os modelos de função
de segundo grau, seu gráfico e seus pontos principais, como raízes, vértice, intersecção com o eixo y. Tudo isso
devidamente relacionado às situações práticas apresentadas.

30
Matemática Aplicada Tema 3 - Atividades

Atividades
Questão 1
INSTRUÇÕES Assinale qual das funções abaixo representa uma
Observe no enunciado de cada questão as ativi- função de segundo grau.
dades que deverão ser realizadas de forma indi- a) f(x) = (x – 1)(x +3) – x2
vidual e as que deverão ser realizadas em grupo. 5
Para auxiliar na resolução dos problemas propos- b) f(x) = 2
tos, retome os conceitos específicos necessários x
em cada situação. Algumas dessas atividades po- c) f(x) = 2(x +3) – (2x + 3)(x – 2)
dem ser solicitadas por seu tutor presencial para
que sejam postadas no ambiente virtual. d) f(x) = (x2 – 2)(2x + 4)
e) Todas representam funções de segundo grau.

Ponto de partida
Questão 2
Além das aplicações anteriormente menciona-
das, a análise financeira de um investimento Uma parábola pode dar importantes informa-
pode ser realizada a partir de um modelo em ções sobre o lucro em função da quantidade de
que a função que representa determinada apli- produtos comercializados por uma empresa. Essa
cação seja uma função de segundo grau, como informação expressa que:
mostra o problema a seguir enunciado: I. O gráfico pode fornecer o lucro máximo.
Uma pessoa investiu em papéis de uma empre- II. O gráfico permite avaliar o número de fun-
sa no mercado de ações durante um determi- cionários necessários para a produção dessa
nado número de meses. O valor das ações dessa empresa.
empresa variou de acordo com a função V(t) = III. O gráfico possibilita o conhecimento da
t2 - 4t +10. Considere t = 0 o momento da compra quantidade de unidades a serem comercia-
das ações; t = 1 após 1 mês, e assim por diante. lizadas para que se obtenha o máximo de
Considere também o valor aplicado em milha- lucro.
res de reais. A partir desses dados, auxilie esse
Desse modo, estão corretas as afirmações:
investidor a acompanhar o movimento de suas
ações analisando as seguintes questões: Qual o a) I e II.
valor desembolsado na compra? Se ele vender b) I e III.
as ações após um mês de aplicação, terá lucro c) II e III.
ou prejuízo? De quanto? Em que mês as ações
d) I, II e III.
atingirão seu valor mínimo e qual é esse valor?
Quantos meses o investidor necessita para recu- e) Nenhuma das afirmações está correta.
perar o capital empregado? Após 1 ano de apli-
cação, o investidor terá lucro ou prejuízo? De
quanto? Mostre graficamente ao investidor o
resultado de sua análise.
Caso ainda não lhe seja possível resolver o pro-
blema apresentado, você deverá acompanhar as
atividades a seguir propostas e tentar novamen-
te a sua resolução.

Agora, é com você! Responda às questões a se-


guir para conferir o que aprendeu!

31
Tema 3 - Atividades Matemática Aplicada

Questão 3 Questão 5
A receita pela venda de determinado produto O preço (p) do ingresso em uma sessão de cine-
é dada pela relação R = p.q. Se a função que ma relaciona-se à quantidade (q) de pessoas que
determina o preço é p = - q + 100, qual será a a assistem por meio da relação p = -0,1q + 50.
função que determina a receita para a venda de Nesse contexto, a quantidade de expectadores e
q unidades desse produto? Qual será a receita a receita máxima (R) por sessão correspondem a:
se forem vendidas 70 unidades? a) q = 250 e R = $ 5.000,00
Para a situação apresentada, qual deverá ser a b) q = 100 e R = $ 500,00
quantidade comercializada desse produto para
c) q = 250 e R = $10.000,00
que seja obtida a receita máxima?
d) q = 250 e R = $ 6.250,00
e) q = 1000 e R = $ 5.000,00

Questão 6
Resolva os problemas de números 9 e 13 do Li-
vro-Texto (páginas 46 e 48).

A seguir, as atividades 4, 6, 7 e 10 devem ser


feitas em grupo e as demais individualmente.

Questão 4
Resolva os exercícios 1, 2 e 3 (páginas 44-45) de Questão 7
seu Livro-Texto.
Um agricultor percebeu que a produção de goia-
bas (G) em milhares de sacas variava de acordo
com a quantidade (x) em litros do fertilizante
empregado. Estudando, chegou à conclusão de
que essa relação era dada por: G(x) = 8x – x2. As-
sim, a produção máxima e sua respectiva quanti-
dade de fertilizante são:
a) 16.000 sacas e 6 litros de fertilizantes.
b) 14.000 sacas e 4 litros de fertilizantes.
c) 16.000 sacas e 4 litros de fertilizantes.
d) 14.000 sacas e 6 litros de fertilizantes.
e) Não há produção máxima.

32
Matemática Aplicada Tema 3 - Atividades

Assinale a afirmativa correta.


Questão 8 a) Somente as afirmativas II e IV são verdadei-
ras.
Um investidor fez aplicações em ações de duas b) Somente as afirmativas I, III e IV são verda-
diferentes empresas. O desempenho das ações deiras.
da empresa A é descrito por V1 = - 6 + 3x e o da c) Somente as afirmativas I, II e IV são verda-
empresa B por V2 = x2 – 6x + 8. Como as ações deiras.
possuem formas diferentes de valorização, per- d) Somente as afirmativas I e II são verdadei-
gunta-se após quanto tempo, em meses, as duas ras..
terão o mesmo valor? E qual será esse valor? In- e) Somente as afirmativas I e III são verdadei-
terprete os resultados encontrados. ras.

Questão 9 AMPLIANDO O CONHECIMENTO


Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
Para um produto comercializado, a receita (R) consulte os links.
e o custo (C) são dados respectivamente por Disponível em:
R= -0,2q2+8q e C = 12+1,6q. Nesse caso, os pon- • <http://www.gilmaths.mat.br>.
tos de nivelamento (break-even point) são res- • <http://pessoal.sercomtel.com.br/matematica/
pectivamente:
medio/medio.htm>.
a) 1 e 15
• <http://www.mundofisico.joinville.udesc.br/.
b) 2 e 30
PreVestibular/2005-1/mod1/node47.html>.
c) 20
d) 40
e) Não há pontos de nivelamento. FINALIZANDO
Nesse tema, são tratados os conceitos relacio-
nados à função de segundo grau, encontrados
Questão 10 no Livro-Texto, capítulo 3 (páginas 32 a 48). O
Livro-Texto e os sites de pesquisa indicados se
complementam para que você possa resolver,
(UFPR). O lucro diário L é a receita gerada por R além dos problemas já propostos, os demais.
menos o custo de produção C. Suponha que, em Como já foi mencionado, a eficiência da apren-
certa fábrica, a receita gerada e o custo de pro- dizagem da Matemática encontra-se na dedica-
dução sejam dados, em reais, pelas funções R(x) ção aos estudos, para que sejam compreendidos
= 60x – x2 e C(x) = 10(x + 40), sendo x o número os conceitos e na variedade de situações-pro-
de itens produzidos no dia. Sabendo que a fábri- blema que você se proponha a resolver.
ca tem capacidade de produzir até 50 itens por
dia, considere as seguintes afirmativas:
I. O número mínimo de itens x que devem ser
produzidos por dia para que a fábrica não
tenha prejuízo é 10.
II. A função lucro L(x) é crescente no intervalo
[0,25].
III. Para que a fábrica tenha o maior lucro pos-
sível, deve produzir 30 itens por dia.
IV. Se a fábrica produzir 50 itens num único dia
terá prejuízo.

33
Tema 4
Função Exponencial e Logarítmica

Objetivos de Aprendizagem
• Estudar a função exponencial a partir do fator multiplicativo e em sua forma geral.
• Analisar, entre outras, as aplicações da função exponencial no cálculo de juros compostos, na deprecia-
ção de uma máquina e no crescimento populacional.
• Interpretar e esboçar o gráfico da função exponencial.
• Identificar o logaritmo como uma operação inversa da potenciação e que permite conhecer o valor
desconhecido do expoente.
• Compreender que o logaritmo possibilita a simplificação dos cálculos por meio de suas propriedades
operatórias.

Para início de conversa


Você já percebeu que estudar a função exponencial a partir
do fator multiplicativo significa encontrar, de maneira direta, o
aumento percentual em uma quantidade?
Identificar a função exponencial em sua forma geral requer
perceber que se trata de uma relação em que a variável é o
expoente. A sua forma geral é: f(x) = b.ax.
Aplica-se a função exponencial para se encontrar os juros
compostos, a depreciação de uma máquina em certo período de
tempo e crescimento populacional.
Interpretar e esboçar o gráfico da função exponencial permite
observar visualmente o crescimento de uma grandeza, como o
rendimento de uma aplicação, ou dívida, enquanto a depreciação,
graficamente, revela-se uma curva decrescente.
O logaritmo deve ser identificado como uma nova operação
que possibilita o conhecimento do valor da variável quando esse
cálculo se torna difícil de ser encontrado de forma direta.
As propriedades operatórias dos logaritmos são utilizadas para
permitir que operações trabalhosas sejam resolvidas por meio de
cálculos mais simples.

34
Por dentro do tema
O cálculo de juros compostos pode ser feito partindo-se do princípio de que, nes-
sa modalidade, o valor apurado a cada mês se incorpora ao capital. Assim, se um
capital de R$1.000,00 for aplicado a juros de 10% ao mês, ao final de um mês, o
valor de R$100,00 será incorporado ao capital para o cálculo do juro no mês se-
guinte. Portanto, o juro será calculado sobre R$1.100,00, gerando um valor de
R$ 110,00. E, assim, sucessivamente, os valores podem ser calculados mês a
mês.
No entanto, para um período indefinido, torna-se importante conhecer a fun-
ção matemática que possibilita estabelecer a relação entre o montante, o ca-
pital, a taxa e o juro acumulado em um período de tempo. Essa função é dada
por: M = C.(1 + i)t, sendo M o montante, C o capital empregado, i a taxa e t
o tempo de aplicação.
De forma geral a função exponencial é definida por f(x) = b.ax, (a > 0 e a ≠ 1), sendo que a variável é o expoente.
É possível determinar os valores de a e b por meio da razão entre dois valores conhecidos da função.
Com uma função exponencial pode-se também calcular a depreciação de uma máquina em função de seu
tempo de vida útil e o crescimento populacional em um determinado período de tempo.
O gráfico da função exponencial é crescente para valores de a>1 e decrescente para 0<a<1. Para a>1, pode-se
visualizar o crescimento de um investimento e, para 0<a<1, o gráfico mostra, por exemplo, a depreciação de
uma máquina. (ver página 59 do Livro-Texto)
Determinar o valor de x em uma função exponencial, em algumas situações, pode ser uma operação de fácil
resolução. Em outras, porém, poderá ser impossível sem a utilização de uma nova operação, que é realizada
por meio do cálculo logarítmico. Define-se: log a b = x ⇔ a x = b (a>0, a≠1). As propriedades operatórias
dos logaritmos permitem realizar cálculos complicados por meio de operações mais simples. Assim, realizar
uma multiplicação ou uma divisão pode se transformar, respectivamente, em uma adição ou uma subtração de
logaritmos e, a potenciação, em multiplicação de um número por um logaritmo. Há, ainda, a propriedade que
permite mudar a base de cálculo. Alie-se a tudo isso a facilidade das calculadoras científicas que fazem essa
tabulação de forma simples e confiável.

35
Tema 4 - Atividades Matemática Aplicada

Atividades
Questão 1
INSTRUÇÕES Uma quantia de R$5.000,00 foi aplicada a uma
Observe no enunciado de cada questão as ativi- taxa de juros de 1,2% ao mês. A expressão que
dades que deverão ser realizadas de forma indi- indica o montante para essa aplicação após t me-
vidual e as que deverão ser realizadas em grupo. ses é:
Para auxiliar na resolução dos problemas propos- a) M = 5000. 1,12t
tos, retome os conceitos específicos necessários b) M = 5000.1,012t
em cada situação. Algumas dessas atividades po-
c) M = 5000. 2,2t
dem ser solicitadas por seu tutor presencial para
que sejam postadas no ambiente virtual. d) M = 5,012t
e) M = 501,2t

Ponto de partida
Questão 2
Uma aplicação da função exponencial pode ser
feita para a simulação do lucro obtido em uma Estima-se que a população de uma cidade cresça
aplicação financeira. Supondo que um investidor 3% a cada 8 anos. Qual será o crescimento espe-
fará uma aplicação no valor de R$ 15.000,00, a rado para um período de 24 anos?
juros compostos, com uma taxa de 3,2% ao mês,
pergunta-se após quantos meses essa aplicação
dobrará o valor do capital?

Obs.: As atividades 3, 4, 5, 7 e 9 devem ser feitas


em grupo e as demais individualmente.

Questão 3
Resolva os problemas 2 e 3 de seu Livro-Texto
(página 71).

Caso ainda não lhe seja possível resolver o pro-


blema apresentado, sugere-se acompanhar as
atividades a seguir propostas e novamente ten-
tar a sua resolução.

Agora, é com você! Responda às questões a se-


guir para conferir o que aprendeu!

36
Matemática Aplicada Tema 4 - Atividades

d) Reduzido a aproximadamente a um quinto


Questão 4 de seu valor de compra.
e) Reduzido em 20%.

(UFRS). Uma loja instrui seus vendedores a calcu-


lar o preço de uma mercadoria nas compras com
cartão de crédito, dividindo o preço à vista por
0,80. Dessa forma, pode-se concluir que o valor
Questão 7
da compra com cartão de crédito em relação ao
preço à vista, apresenta: Resolva os problemas 9 e 11 (págs. 73-74) de seu
a) Um desconto de 20%. Livro-Texto.
b) Um aumento de 20%.
c) Um desconto de 25%.
d) Um aumento de 25%. Questão 8
e) Um aumento de 80%.
(PUC-RJ). Um banco pratica sobre o seu serviço
de cheque especial a taxa de juros de 11% ao
mês. Para cada 100 reais de cheque especial, o
Questão 5 banco cobra 111 no primeiro mês, 123,21 no se-
gundo, e assim por diante. Sobre um montante
A população de uma cidade cresce exponencial- de 100 reais, ao final de um ano, o banco irá co-
mente e pode ser modelada pela função: brar aproximadamente:
P (t) = a) 150 reais.
20 , sendo P a população em milha-
t
300 .3 b) 200 reais.
res de habitantes e t o tempo medido em anos. c) 250 reais.
Se t = 0 para o ano 2000, assinale a alternativa d) 300 reais.
que indica a previsão do número de habitantes e) 350 reais.
no ano de 2020.
a) 900.000.000.
b) 900.
c) 300.000. Questão 9
d) 900.000.
e) 90.000. Para se resolver uma equação do tipo 2x = 64,
procura-se pela decomposição em fatores primos
igualar as bases. Isso significa que 2x = 26, o que
resulta encontrar o valor de x, que é 6. Porém,
Questão 6 quando não é possível igualar as bases, deve-se
usar o logaritmo, por meio de sua definição e de
suas propriedades. Por exemplo: para 1,4x = 2 não
Um trator, após sua compra, se desvaloriza expo-
é possível encontrar uma forma para se igualar
nencialmente à razão de 20% ao ano. Se o valor
da compra foi de R$ 150.000,00, depois de 5 anos as bases, então se pode fazer: log 1, 4 x = log 2
esse trator terá seu valor: . Aplicando a propriedade do logaritmo de uma
potência, vem: x.log1,4 = log2, utilizando-se uma
a) Reduzido a aproximadamente a metade de
calculadora científica, que permite calcular o lo-
seu valor de compra.
garitmo, fica: x. 0,14613 = 0,30103, o que decorre
b) Reduzido a aproximadamente um terço de
seu valor de compra. 0,30103
ser x = = 2,06 .
c) Reduzido a aproximadamente um quarto de 0 ,14613
seu preço de compra.

37
Tema 4 - Atividades Matemática Aplicada

Nesse contexto, utilizando a forma que mais se


adequar a cada situação, calcule:
a) 4 . 3x = 324
b) 2 . 5x = 1250
c) 1,5x = 15
d) 2,1x = 5

Questão 10
(VUNESP). Uma instituição bancária oferece um
rendimento de 15% ao ano para depósitos feitos
numa certa modalidade de aplicação financeira.
Um cliente desse banco deposita 1.000 reais nes-
sa aplicação. Ao final de n anos, o capital que
esse cliente terá em reais, relativo a esse depó-
sito, é:
a) 1000 + 0,15n
b) 1000 x 0,15n
c) 1000 x 0,15n
d) 1000 + 1,15n
e) 1000 x 1,15n

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Quer saber mais sobre esse assunto? Então, con-
sulte:
Disponível em:
• <http://www.gilmaths.mat.br/>.
• <http://pessoal.sercomtel.com.br/matematica/
medio/medio.htm>.
• <http://www.mundofisico.joinville.udesc.br/
PreVestibular/2005-1/mod1/node47.html>.

FINALIZANDO
Nesse tema, são tratados os conceitos relaciona-
dos à função exponencial e ao cálculo de logarit-
mos. No Livro-Texto, encontra-se no quarto capí-
tulo (páginas 49 a 75). O Livro-Texto e os sites de
pesquisa indicados se complementam para que
você possa resolver os demais problemas além
dos já propostos. Como já mencionado, a eficiên-
cia da aprendizagem da Matemática encontra-se
na dedicação aos estudos. A compreensão dos
conceitos depende da variedade de situações-
problema que você se proponha a resolver.

38
Tema 5
Funções Potência, Polinomial, Racional
e Inversa

Objetivos de Aprendizagem
• Aplicar os conceitos matemáticos e seus desenvolvimentos na prática do dia-a-dia.
• Reconhecer os diversos tipos de funções e suas utilidades.
• Elaborar uma tabela construindo o respectivo gráfico e, consequentemente, possa analisá-lo.

Para início de conversa


Você percebeu que o administrador não é aquela pessoa que
somente delega afazeres, mas é o responsável pela tomada de
decisão na empresa? Isso na maioria das vezes depende de um
resultado matemático.
A análise de custos, receitas e ponto de equilíbrio são fatores
prioritários na organização empresarial.
A visão financeira, que não deixa de ser exponencial, auxilia no
aprendizado de aumentos, descontos, depreciações e outros.
Nunca podemos nos esquecer que o nosso universo é matemático
e sem ele não sobreviveríamos. O sincronismo perfeito existe
graças aos números que nos mostra esse equilíbrio.

Por dentro do tema


O entendimento dos conceitos exige que você tenha intensificado a cada dia
a leitura e releitura, observando os exemplos indicados e refazendo-os tantas
vezes quantas forem necessárias.
A retomada do conhecimento em nível de ensino fundamental e médio é
necessária.
Para fixação do conhecimento é primordial adquirir o hábito de fazer revisão
do conteúdo.
- Nos dias de hoje, a análise gráfica se torna indispensável. É o visual que de-
termina com maior velocidade o entendimento de uma ocorrência.
- As tabelas também demonstram os acréscimos e decréscimos funcionais.
Todas as oscilações proporcionais diretas, inversas ou não, podem ser observadas nas tabelas. Você deve sem-
pre se lembrar que gráficos e tabelas estão sempre interligados.

39
Tema 5 - Atividades Matemática Aplicada

Atividades Agora, é com você! Responda às questões a se-


guir para conferir o que aprendeu!

INSTRUÇÕES
Observe no enunciado de cada questão as ativi- Questão 1
dades que deverão ser realizadas de forma indi-
vidual e as que deverão ser realizadas em grupo.
A produção de um funcionário, quando relacio-
Para auxiliar na resolução dos problemas propos-
nada ao número de horas trabalhadas, leva à
tos, retome os conceitos específicos necessários
função P = -2t² + 24t + 128.
em cada situação. Algumas dessas atividades po-
dem ser solicitadas por seu tutor presencial para a) Esboce o gráfico ressaltando os principais
que sejam postadas no ambiente virtual. pontos.
A sinceridade e a honestidade na resolução de b) Em que momento a produção é máxima?
cada problema é que irá proporcionar o seu pró- c) Qual a produção máxima?
prio crescimento. d) Em que momento o funcionário não conse-
gue mais produzir?
e) Quais os intervalos de crescimento e decres-
Ponto de partida cimento para a produção?

A função receita de um produto versus


Veja a importância do conhecimento do ponto quantia investida em propaganda dada por
máximo e mínimo de um polinômio. Imagine 100 x + 200
que uma empresa venda seus produtos de modo R(x ) =
que o preço unitário dependa da quantidade de x +4
unidades adquiridas pelo comprador. Por exem- é medida em milhares de reais. Com estas infor-
plo, se, sob determinadas restrições, para cada mações responda às questões de 2 a 6.
x unidades vendidas o preço unitário é (50 – x)
reais, então a receita total obtida pela venda é
dada por: R(x) = x(50 – x), ou R(x) = - x² + 50x.
Em economia R(x) é chamada de função receita Questão 2
(preço unitário versus quantidades vendidas).
Uma análise da função receita permite-nos to- Para que valor é definido a função dada, uma
mar decisões acertadas no sentido de aperfeiçoar vez que na função racional o denominador
a lucratividade da empresa. Por exemplo, na fun- deve ser diferente de zero?
ção R(x) acima, podemos concluir que a receita
máxima é de R$ 625,00 e é obtida com a venda
de 25 unidades do produto. Observe:

R(x)
625

25 50 X (unidades vendidas)
16

40
Matemática Aplicada Tema 5 - Atividades

Questão 3 Questão 6
Onde a função corta o eixo da receita? Com os dados das questões anteriores construa o
gráfico da função receita.

Questão 4
Onde a função corta o eixo das quantias investi-
das?

Questão 7
Qual a função inversa da função custo C(q) =
4q + 60?

Questão 5
Analisar o comportamento da função quando
seu limite tende para +∞ e -∞

41
Tema 5 - Atividades Matemática Aplicada

Questão 8 Questão 10
Sabemos que o fator de aumento e de redução
A função demandada para um produto é dada
200 é dado por (1 + i) e (1 – i) respectivamente. Um
pela relação q = −4 . automóvel após a compra tem seu valor depre-
p ciado a uma taxa de 10% ao ano. Sabendo-se
Sendo q a quantidade demandada e “p” o preço que o valor da venda pode ser expresso por uma
unitário, determine: função exponencial e que o valor da compra é de
R$ 35.000,00, depois de decorridos 3 anos, como
1. O preço em função da quantidade;
podemos representar esta função?
a) Venda = 35000. (1,1)³
b) Venda = 35000. (10)³
c) Venda = 35000. (0,9)³
d) Venda = 35000. (90)³
e) N.D.A.

2. O preço para uma quantidade de 36 unida-


des. AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
consulte os links a seguir:
Disponível em:
• <http://pessoal.sercomtel.com.br/matematica/
fundam/fundam.htm>.
• < h t t p : / / w w w. s o m a t e m a t i c a . c o m . b r /
soexercicios.php>.
• <http://pessoal.sercomtel.com.br/matematica/
financeira/matfin.htm>.
Questão 9
Define-se custo médio de produção Cm (x) o valor FINALIZANDO
de produção de uma peça de um lote de x peças. Para finalizar o estudo deste tema, realize os
Assim, o custo médio é calculado dividindo-se o exercícios propostos no capítulo 5 do seu PLT
custo total pelo número de peças produzidas: e complemente seus estudos. Pesquisar os sites
C ( x) também é importante, pois oferecem boas orien-
Cm ( x ) = .
x tações no desenvolvimento de seu curso.

Se o custo médio de produção de certa mercado-


10
ria é dado por C m ( x ) = − x + 3 + ,
x
então obtenha:
a) A equação do custo de produção.
b) O custo para a produção de 0, 1, 3 e 5 mil
unidades.
c) Construa o gráfico com os dados do item an-
terior.
d) O custo médio para 5 unidades.

42
Tema 6
Conceito de Derivada

Objetivos de Aprendizagem
• Calcular e reconhecer o conceito de taxa de variação média e instantânea.
• Compreender o conceito de derivada como a inclinação da reta tangente à curva num determinado
ponto, ou mesmo como taxa de variação instantânea.
• Encontrar a equação da reta tangente à curva em um de seus pontos, bem como aplicar o conceito da
derivada em seus cálculos.

Para início de conversa


Você percebeu que é por meio do conceito de taxa de variação
média e taxa de variação instantânea que você chegará ao
conceito de derivada? Irá notar que a derivada não deixa de ser
uma reta tangente à curva num ponto determinado. Aprenderá,
também, a inclinação desta reta, por intermédio da tangente
do ângulo que a mesma faz com o eixo horizontal.

Por dentro do tema


A taxa de variação média é a inclinação da reta que passa por dois pontos da
curva. O conceito de tangente é necessário para o entendimento, lembrando
que é a razão entre cateto oposto e cateto adjacente.
Recordando que, quando um determinado ponto tende a zero, a reta, antes
secante, passa a ser uma reta tangente a este ponto, determinando, assim,
derivada.
Como a inclinação da reta é dada pela tangente, você precisará utilizar conhe-
cimentos da geometria analítica para encontrar a equação da reta que passa
por um ponto, conhecida sua inclinação.

43
Tema 6 - Atividades Matemática Aplicada

Atividades Questão 2
INSTRUÇÕES Dada a função y = x² - 5x + 7, qual a expressão ge-
Para iniciar seu estudo, busque por meio de livros ral do acréscimo da função, a partir do ponto x1?
conhecer um pouco de geometria analítica, prin- a) ∆ y = ( 2 x + 5 ) . ∆ x − ( ∆ x )2
1
cipalmente as noções de como construir a equa-
b) ∆ y = ( 2 x 1 − 5 ) . ∆ x + ( ∆ x ) 2
ção da reta que passa por um ponto, conhecido
sua inclinação e o cálculo da declividade da reta. c) ∆ y = ( 2 x + 5 ) . ∆ x + ( ∆ x ) 3
1
Após este pré-requisito é só mãos à obra e iniciar d) ∆ y = ( 2 x1 − 5 ) . ∆ x − ( ∆ x ) 2
o estudos das derivadas.
e) N.D.A.

Ponto de partida Questão 3


Uma fábrica tem seu custo total representado
Com a aplicação da regra geral de derivação,
pela função C ( q ) = 4 q 3 − 2 q 2 − 10 q , onde q re-
encontrar a derivada da função f ( x ) = 7 x , apre-
presenta a quantidade produzida e C(q) o custo
sentando todo seu desenvolvimento ao profes-
total em reais. Para obtermos a equação do custo
sor da sala.
marginal devemos obter a derivada dessa função
custo.
Assim, teremos que o custo marginal será:
Cmg ( q ) = C ' ( q) = 12 q 2 − 4 q − 10

Agora, é com você! Responda às questões a se-


guir para conferir o que aprendeu!

Questão 1
Dada a função y = x² + 3x + 1, consideremos o Questão 4
valor inicial x1 = 0 e um segundo valor x2. Calcule
o acréscimo da variável e o correspondente da
função. Achar a equação da reta tangente à curva
y = 2 x 2 + 5 x − 7 no ponto (0, -7).

44
Matemática Aplicada Tema 6 - Atividades

Questão 5 Questão 8
Dada a função f ( x ) = 3 + x 2 , encontre a taxa Encontrar, algebricamente, a função derivada
de variação média no intervalo 2 ≤ x ≤ 3 . da receita R ( q ) = q 2 − 7 q + 8 em relação a
quantidades vendidas. (Obs.: usar definição)

Questão 6
Questão 9
Escolher a alternativa correta.
a) A taxa de variação média é a inclinação da Determinar a equação da reta tangente à curva
reta tangente. C ( q ) = q 2 − 6 q + 8 no ponto q=1, construindo
seu gráfico.
b) A taxa de variação média é a inclinação da
reta concorrente.
c) A taxa de variação média é a inclinação da
reta externa.
d) A taxa de variação média é a inclinação da
reta secante.
e) N.D.A

Questão 7
A taxa de variação instantânea, conhecida como
derivada, é a inclinação da reta _____________ à
curva num ponto.

45
Tema 6 - Atividades Matemática Aplicada

FINALIZANDO
Questão 10 Nesse tema, são tratados os conceitos e aplica-
ções das derivadas, bem como a noção de taxa
Determinar numericamente a taxa de variação de variação e taxa de variação instantânea. Mos-
instantânea do custo médio Cme = 2 q 2 − q − 5 tra que a derivada é a própria inclinação da reta
para q = 1 (usar a definição). tangente à curva, que normalmente é conhecida
como coeficiente angular ou declividade.

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
consulte:
Disponível em:
• <http://www.colegioweb.com.br/.../derivada-
de-funções>.
• <http://www.somatematica.com.br/superior/
derivada.php>.
• <http://www.mundofisico.joinville.udesc.br/
PreVestibular/2005-1/mod1/node47.html>.
• <http://www.qfojo.net/criar+/mat/deriv/
derivadas.htm>.
Os sites acima o ajudarão muito, pois têm concei-
tos bastante simples e pedagógicos.

46
Tema 7
Técnicas de Derivação

Objetivos de Aprendizagem
• Aplicar as técnicas de derivação e seus desenvolvimentos no dia-a-dia.
• Reconhecer os diversos tipos de funções e suas formas de derivação.
• Entender e analisar as utilizações da derivada.

Para início de conversa


Você já percebeu que a análise de valores de custos, receitas e
elasticidade, são fatores culminantes em uma organização?
A visão comercial em todos os aspectos de nossos dias, em que
a tecnologia é dominante, tem cunho puramente matemático.
O desenvolvimento do raciocínio lógico passou a ser uma
necessidade para nossa vida.

Por dentro do tema


Além dos conhecimentos obtidos nos temas anteriores, agora você tem uma
novidade que não é ministrada em nível de ensino médio atualmente. Tudo
isso faz com que você perceba que precisará de um empenho muito maior na
captação desse novo conhecimento.
A busca de auxílio por meio da internet, de amigos e profissionais da educação
será um ponto crucial caso você sinta alguma dificuldade.
A prática do refazer tantas vezes quanto for necessário será seu ponto forte.
Seja otimista e vá em frente!
Não haverá necessidade de conhecimento das funções chamadas transcen-
dentes e nem funções circulares inversas, apenas as funções algébricas.

47
Tema 7 - Atividades Matemática Aplicada

Atividades
Questão 1
INSTRUÇÕES Calcular a derivada de f(x) = 3x² + 5x – 12.
Faça e refaça! Esse deverá ser seu lema no de-
sempenho das atividades.
A leitura visual não dá a você condições de de-
senvolver cada tema; temos de utilizar o slogan
“preto no branco”.
É gastando seu lápis que você se sentirá seguro
e verá como as coisas começam a fluir natural-
mente.
Mais uma vez reforço a necessidade de você uti-
lizar bem o seu PLT, material importante para o
seu engrandecimento.

Ponto de partida
A importância desse conhecimento está em en-
contrar a equação da reta tangente à curva de
equação f ( x ) = x 3 , no ponto x = 2.
Resolução
Aplicando a regra geral, encontramos a derivada
f '( x ) = 3 x2 ;
O coeficiente angular (taxa de variação) no pon- Questão 2
to 2 será f ' ( 2 ) = 12 ;
No ponto de abscissa 2, a ordenada é y = 2³ = 8 Obtenha a derivada segunda de
ou seja, coordenada (2,8); 5 2
f (x)= x −7x
Logo a equação da tangente no ponto 2 será:
y - 8 = 12(x - 2) ou 12x – y -16 = 0;
Obs.: para obter a equação da reta dado seu
ponto (xo, yo) e sua declividade (m) precisamos
buscar conhecimento da geometria analítica que
nos dá a seguinte relação:
y – yo = m(x – xo)

Agora, é com você! Responda às questões a se-


guir para conferir o que aprendeu!

48
Matemática Aplicada Tema 7 - Atividades

Questão 3 Questão 5
Achar a taxa de variação da reta tangente à cur- Aplicando a regra de derivação para
va f(x) = 5x³, no ponto x = 3. f(x) = (2x +1).(x² - 3), encontre f’(x).

Questão 4 Questão 6
Sabendo-se que o preço é função da quantidade, x −3
Achar a derivada de y = .
encontre a derivada de P ( q ) = 35 q 3 5 . x +5

49
Tema 7 - Atividades Matemática Aplicada

Questão 7 Questão 9
x Calcular as três primeiras derivadas da seguinte
Calcular a derivada de f ( x ) = 3 .
3
função f ( x ) = 3 x 4 − 4 x + 1 .

Questão 8
Escrever a equação da reta tangente ao gráfico Questão 10
da função f(x) = x² + 3x – 1 no ponto x = 1.
2
Sendo y = − x + 60 x , determine y’’(30).

50
Matemática Aplicada Tema 7 - Atividades

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Os sites abaixo servirão de apoio a você na busca
de soluções e entendimento de novas questões,
além da prática das técnicas e regra de derivação.
Disponível em:
• <http://www.colegioweb.com.br/.../derivadade-
funções>.
• <http://www.somatematica.com.br/superior/
derivada.php>.
• <http://www.mundofisico.joinville.udesc.br/
PreVestibular/2005-1/mod1/node47.html>.
• <http://www.qfojo.net/criar+/mat/deriv/derivadas.
htm>.

FINALIZANDO
Nesse tema, você viu os exercícios propostos no
capítulo 7 do seu PLT para um melhor entendi-
mento das técnicas. Exemplos e modelos já resol-
vidos irão ajudá-lo nessa prática.

51
Tema 8
Aplicações das Derivadas
no Estudo das Funções

Objetivos de Aprendizagem
• Identificar pontos críticos e estabelecer a relação de máximo e mínimo de uma função.
• Relacionar o conhecimento às áreas administrativas e contábeis tendo uma visão de custos, receitas, de-
mandas e elasticidade.
• Aplicar o aprendizado de forma segura nas práticas do dia a dia, desenvolvendo uma visão e domínio
empresarial amplo.

Para início de conversa


Você já percebeu que as aplicações de derivadas em problemas de
economia e administração exigem o conhecimento de algumas
funções já vistas anteriormente em outros capítulos?
A visão de receita total e receita média, custo total e custo médio,
noções de lucratividade e marginalidade.

Por dentro do tema


Além do conhecimento das técnicas e prática, o refazer das questões ajuda no
processo de fixação.
As dúvidas devem ser tiradas a cada questão.

52
Matemática Aplicada Tema 8 - Atividades

Atividades Questão 1
INSTRUÇÕES O custo para produzir x unidades é
2
Para uma aprendizagem eficiente serão neces- C ( q ) = 2 q + 71q + 35 reais, sendo a produção
sários estudos individual e em grupo, seguindo diária igual a 10 unidades.
cada proposta. Em todas as situações, procure a) Calcule o custo adicional quando o nível de
encontrar a resposta antes de olhar o gabarito, produção aumentar de 10 para 11.
que se encontra no final das atividades propos-
tas para esse tema. Para auxiliar na resolução
dos problemas propostos, será necessário o es-
tudo dos conceitos específicos em cada situação.

Ponto de partida
Toda quantidade comercializada gera uma
receita que é dada por uma função. No caso,
temos R(q) = 300q – 3q². Por intermédio desta
função, podemos encontrar uma quantidade a
ser comercializada para que a empresa obtenha
uma renda máxima.
b) Calcule o custo marginal para q = 10.
Veja que na derivada primeira de R(q), sendo
igualada a zero e resolvida, teremos o chama-
do ponto crítico (ponto que indica a quantida-
de para uma receita máxima ou mínima), como
poderá ver abaixo.
Temos, então, R’(q) = - 6q + 300 = 0, que resulta
em q = 50.
Na derivada segunda de R(q), R”(q) = -6, nota-
mos que R” (50) = -6 < 0. Isto indica que a quan-
tidade que maximiza a receita é de 50 unidades.

Agora, é com você! Responda às questões a se-


guir para conferir o que aprendeu!

Questão 2
Sendo q = - 0,5p + 300 a função da demanda de
um bem, onde q é a quantidade demandada e p
o preço em reais, determinar:
a) A função receita total.
b) A função receita marginal.
c) A receita marginal para q = 70 unidades.

53
Tema 8 - Atividades Matemática Aplicada

Questão 3 Questão 6
Uma companhia fabrica peças de motocicletas, A empresa “MAFRA S/A” tem função de de-
manda dada por q = 100 – 4p e função custo
tendo uma função custo total representada pela
3 2
equação C ( q ) = 4 q 3 − 15 q 2 + 12 q , onde q re- C ( q ) = q − 30 , 25 q + 100 q + 20 . Determine o
nível do produto no quais os lucros são maxi-
presenta a quantidade.
mizados.
a) Qual o custo marginal?
a) 1,34
b) Qual é o custo médio para q = 20, em reais?
b) 18,60
c) Calcular o lucro para q = 10, sabendo-se que
3
c) 18,66
a função receita total é R ( q) = 6 q − 8 . d) 13,40
e) N.D.A.

Questão 4
Questão 7
Determine os pontos máximos e mínimos da fun-
ção f ( x ) = 2 x 3 − 9 x 2 − 24 x + 7 . Na questão anterior (N.º 6), determine o nível
Obs.: Como curiosidade procure construir o grá- do produto nos quais os custos marginais são
fico desta função. minimizados.
a) (-1, 4) e (20, -105)
b) (-1, 20) e (4, -105)
c) (-1, -105) e (20, 4)
d) (4, 20) e (-105, -1)
e) N.D.A.

Questão 5
Determinado produto tem uma função receita
2
R ( q ) = 40 q − q . Determine o nível do produto
no qual a receita é maximizada. Qual a receita Questão 8
máxima?
Suponha que o custo total (em reais) de fabri-
cação de x peças de automóveis seja dado por
2
C ( q ) = 3q + 47 q + 27 . Em que nível de produ-
ção o custo médio por unidade será menor?

54
Matemática Aplicada Tema 8 - Atividades

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Questão 9 Quer saber mais sobre esse assunto? Então, con-
sulte os links abaixo.
Sabe-se que a equação de demanda de um pro- Considerando a importância de complementar
duto é p = - q³ + 12q². Determine a quantidade suas informações sobre a matemática aplicada,
q e o correspondente preço p que maximiza o assim como revisar e ampliar os conceitos básicos
faturamento. sobre derivadas, consulte mais em:
Disponível em:
• <http://www.colegioweb.com.br/.../derivada-
de-funções>.
Questão 10 • <http://www.somatematica.com.br/superior/
derivada.php>.
Encontre a equação da elasticidade do Custo, • <http://www.mundofisico.joinville.udesc.br/
sendo que C(q) = q3 + 90q2. PreVestibular/2005-1/mod1/node47.html>.
• <http://www.qfojo.net/criar+/mat/deriv/
derivadas.htm>.
Nos sites citados são apresentados os conceitos
de derivadas de forma didática e pedagógica,
possibilitando a compreensão e ampliação dos
conhecimentos sobre o tema.

FINALIZANDO
Nesse tema, você viu os conceitos e aplicações
das derivadas primeira e segunda encontradas
no Livro-Texto, nos capítulos 7 e 8. O Livro-Texto
e os sites de pesquisa indicados complementam-
se para que o estudante possa resolver os proble-
mas propostos e até outros, se tiver curiosidade.

55
Desafio de Aprendizagem Matemática Aplicada

Autores: Maria José de Castro Silva - Mario Francisco Ferreira

Este desafio de aprendizagem tem por objetivos:


• Favorecer a aprendizagem.
• Estimular a corresponsabilidade do aluno pelo aprendizado eficiente e eficaz.
• Promover o estudo, a convivência e o trabalho em grupo.
• Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado.
• Oferecer diferenciados ambientes de aprendizagem.
• Auxiliar no desenvolvimento das competências requeridas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais dos
Cursos de Graduação.
• Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução de problemas relativos à profissão.
• Direcionar o estudante para a emancipação intelectual.

Para atingir esses objetivos, as atividades foram organizadas na forma de um desafio, que será solucionado
por etapas, ao longo da disciplina.
Realizar essas atividades é essencial para o desenvolvimento das competências e habilidades requeridas na
atuação do aluno, no mercado de trabalho.
Aproveite a oportunidade de estudar e aprender com os desafios da vida profissional.

Competências e Habilidades
Ao concluir as etapas propostas nesse desafio, você terá desenvolvido as competências e habilidades descritas
a seguir:
• Reconhecer as funções por meio de seus tipos, modelos, características, gráficos e aplicações.

Desafio
O desafio proposto é para que o aluno selecione os principais conceitos, acrescentando, a estes, exemplos que
ilustrem situações práticas das funções: receita, lucro, demanda, oferta, juros e montante que se encaixem em
modelos de função de 1º grau, função de 2º grau e exponencial, formando um manual que relaciona funções
e os tipos que as descrevem.
O manual confeccionado, por conter teoria e prática, deverá acompanhar o aluno em sua graduação contri-
buindo para a formação do senso crítico, permitindo, assim, que saiba tomar decisões pró-ativas tornando-o
um profissional eficiente.

Etapa n.o 1
Escolher sua equipe de trabalho, que deverá conter no mínimo cinco e no máximo dez participantes. Entregue
a seu tutor presencial os nomes e os RAs de todos os membros. A partir daí percorra os seguintes passos:

PASSOS
Passo 1 - Revisar todas as atividades a partir do tema funções, separando os conceitos e os problemas de
aplicação para cada tópico estudado.
Passo 2 - Complemente os conceitos teóricos com definições, propriedades e particularidades por meio de
seu Livro-Texto e dos links:
1. http://www.gilmaths.mat.br/

56
Matemática Aplicada Desafio de Aprendizagem

Autores: Maria José de Castro Silva - Mario Francisco Ferreira

2. http://pessoal.sercomtel.com.br/matematica/medio/medio.htm
3. http://www.mundofisico.joinville.udesc.br/PreVestibular/2005-1/mod1/node47.html
4. http://www.mundoeducacao.com.br/matematica/
Em cada um dos links acima pesquisar sobre função, função de primeiro grau, função de segundo grau, fun-
ção exponencial, logaritmos, funções potência, polinomial, racional e inversa, conceito de derivada e técnicas
de derivação.
Passo 3 - Selecione pelo menos duas aplicações práticas para cada um dos temas abordados para servirem de
exemplos após a explanação teórica.
Passo 4 - Finalize o manual e o entregue ao seu tutor presencial, encadernado com uma capa contendo o títu-
lo “Aplicações Matemáticas na Administração”, os nomes dos integrantes, a disciplina, o curso, a instituição,
o nome do professor(a), local (cidade) e data (semestre/ano).
JUNIOR, Dorival Bonora, et al. Matemática, complementos e aplicações nas áreas de Ciências Contá-

57
Referências Bibliográficas Matemática Aplicada

beis, Administração e Economia. 3. ed. São Paulo: Ícone, 2000.

DANTE, Luiz R. Matemática contexto e aplicações. 3. ed. São Paulo: Ática, 2008.

SILVA, Sebastião M. da. Matemática para os cursos de Economia, Administração e Ciências Contábeis.
5. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

MUROLO, Afrânio; BONETTO, Giácomo. Matemática aplicada à Administração, Economia e Contabili-


dade. São Paulo: Cengage, 2008.

REYNOLDS, Harshbarger. Matemática aplicada a Administração, Economia, Ciências Sociais e Biológi-


cas. São Paulo: Mc Graw Hill, 2006.

58
Contabilidade
Geral

Autor:
Eliabe Moraes de Oliveira
Contabilidade Geral

Orientações de estudo
Este Caderno de Atividades foi elaborado com base
no Livro-Texto “Contabilidade Financeira”, dos au-
tores Alessandra Cristina Fahl e José Carlos Marion,
Editora Anhanguera Publicações, PLT 312.
Ele é composto de oito temas:

Tema 1
Introdução à Contabilidade/Pa-
trimônio
Aborda os conteúdos dos capítulos 1 e 2 do PLT.
Neles, você observará os seguintes aspectos:
a) Para a tomada de decisão empresarial é necessário que o seu principal instrumento auxiliador, a contabilidade,
requeira dados e informações confiáveis que reflitam a realidade do negócio em seus aspectos financeiros, eco-
nômicos e patrimoniais, no intuito de promover a eficácia e a continuidade da empresa.
Como eficácia empresarial, pode-se entender o resultado final de todos os esforços despendidos na empresa para
alcançar seu principal objetivo: o lucro.
b) A contabilidade é uma ciência social que estuda o patrimônio das empresas com a finalidade de oferecer infor-
mações sobre o andamento e os impactos das variáveis que afetam o negócio.
c) Por meio do levantamento dos dados, do registro, da elaboração dos relatórios, a contabilidade cumpre seu
papel social, tanto para usuários externos como para internos, pois oferecerá diagnósticos e prognósticos da
saúde aziendal.
d) O patrimônio é constituído de bens, direitos e obrigações, formando a equação Ativo = Passivo + Patrimônio
líquido; as principais fontes de recursos da empresa são formadas pelo capital próprio, quando seus proprietários
injetam recursos próprios na empresa, pelo capital de terceiros, por meio de empréstimos, financiamentos, com-
pras a prazo. O capital da empresa é formado pelo lucro, advindo das suas operações normais.

Tema 2
Demonstrações Financeiras
Aborda os conteúdos do capítulo 3 do PLT. Nele, você observará que a elaboração e a apresentação das demons-
trações contábeis são regulamentadas pela Lei nº. 6.404/1976, Lei nº. 11.638/2007 e Lei nº. 11941/2009, que
atualizam a lei societária. Nestas legislações são expressas a forma de elaboração, a obrigatoriedade de publicação
e os tipos de demonstrativos exigidos.
O balanço patrimonial, a demonstração do resultado do exercício, a demonstração do fluxo de caixa, a demons-
tração de lucros e prejuízos acumulados são os principais demonstrativos exigidos por lei. Uma alteração impor-
tante na legislação societária obriga as companhias de capital aberto a publicarem também a demonstração do
valor adicionado (DVA).

60
Além das demonstrações contábeis exigidas pela legislação societária, as notas explicativas surgem como item
opcional na forma de complemento àquelas demonstrações.
Alguns pontos importantes precisam se conhecidos pois se referem ao cumprimento da legislação vigente. São
eles:
a) Exercício social.
b) Apuração do resultado pelo lucro real.
c) Trimestralidade.
d) Sociedades anônimas de capital aberto.
e) Faturamento.

Tema 3
Balanço Patrimonial/Atos e Fatos Contábeis
Aborda os conteúdos dos capítulos 4 e 5 do PLT. Neles, você observará que o balanço patrimonial constitui um
dos principais demonstrativos contábeis para os usuários da informação contábil. Ele é uma foto da empresa em
determinado período, evidenciando a posição financeiro-econômica dela.
A legislação que trata desse demonstrativo é a lei societária nº. 6.404/1976, em seu artigo 178, atualizada pelas
Leis nº. 11.638/2007 e nº. 11.941/2009. As contas que compõem esse demonstrativo são: Ativo Circulante, Ativo
não Circulante, Passivo Circulante, Passivo não Circulante e Patrimônio Líquido.
O Ativo, conjunto de bens e direitos, deverá estar disposto em ordem decrescente de grau de liquidez, ou seja, do
mais líquido ao menos líquido. A sua principal subdivisão está em Circulante e não Circulante. Como Circulante
entende-se o início e o fim de um ciclo operacional, ou seja, sua trajetória: compra, paga, vende, recebe.
O Passivo constitui as exigibilidades da empresa, tanto de curto como de longo prazo e reflete as origens dos
recursos na formação do patrimônio da entidade.

Tema 4
Demonstração do Resultado do Exercício
Aborda os conteúdos do capítulo 6 do PLT. Nele, você observará que a demonstração do resultado do exercício é
um relatório que evidenciará de forma dinâmica a situação econômica da Companhia. É a principal demonstração
de fluxos. Relata as receitas auferidas e as despesas incorridas sobre determinado período.
As receitas de uma Companhia são um dos principais incrementos para a continuidade aziendal. Ela, quando
maior que as despesas, proporciona o lucro que é o principal objetivo social para as empresas com fins lucrativos.
As despesas são necessárias para que o andamento dos negócios seja realizado. Salários dos funcionários, aluguel
da empresa, energia elétrica, telefone são exemplos de que para um empreendimento obter seus resultados é
preciso sacrificar recursos na obtenção das receitas necessárias.

Tema 5
Plano de Contas e Contabilização do Débito e Crédito / Livros Contábeis
Aborda os conteúdos dos capítulos 7 e 8 do PLT. Neles, você observará que o plano de contas é um conjunto siste-
mático de normas e diretrizes que objetivam a uniformização dos registros contábeis, e é dividido em três partes:
elenco de contas, manual de contas e modelos padronizados de demonstrações contábeis.

61
Cada empresa poderá ajustar seu plano de contas mediante suas peculiaridades, seus interesses e até mesmo pela
criatividade do contador.
O elenco de contas consiste na relação das contas dispostas para serem utilizadas na escrituração dos fatos admi-
nistrativos decorrentes da gestão da empresa. Nome e código da conta são os itens-chave.

Tema 6
Balancete de Verificação / Apuração do Resultado do Exercício (ARE)
Aborda os conteúdos dos capítulos 9 e 10 do PLT. Neles, você observará que o balancete contém uma relação de
contas, todas extraídas do Livro-Razão, com seus saldos devedores e credores. É uma peça contábil com todas as
contas do Ativo, Passivo, Patrimônio Líquido e Contas de Resultado.
O saldo credor representa as origens de recursos, que podem ser próprias ou de terceiros. Ocorre sempre quando
o total de créditos é maior que o total de débitos e configura-se sempre no lado do Passivo.
O saldo devedor são as aplicações de recursos. Ocorre sempre quando o total dos débitos é maior que o total dos
créditos e configura-se sempre no lado do Ativo.

Tema 7
Contas Redutoras do Ativo
Aborda os conteúdos do capítulo 11 do PLT. Nele, você observará que essas contas são de natureza credora que,
por força da Lei nº 6.404/1976, deve figurar no balanço patrimonial, do lado do Ativo, como contas retificadoras
das contas.
As principais contas retificadoras que serão estudadas neste tema são: duplicatas descontadas, provisão para cré-
dito de liquidação duvidosa, provisão para ajuste dos bens do Ativo ao valor de mercado, provisão para perda em
investimentos, depreciação acumulada, amortização acumulada e exaustão acumulada.

Tema 8
Folha de Pagamento / Princípios de Contabilidade (PC)
Aborda os conteúdos dos capítulos 12 e 13 do PLT. Neles, você observará que os princípios de contabilidade cons-
tituem o núcleo essencial que norteia a profissão para que os objetivos da contabilidade sejam alcançados. É a
essência das doutrinas e teorias relativas às Ciências Contábeis.
Por intermédio da Resolução CFC nº 1.282, de 28 de maio de 2010 (publicada no Diário Oficial da União de 2 de
junho de 2010), foram atualizados e consolidados dispositivos da Resolução CFC nº 750/1993, que dispõe sobre
os Princípios Fundamentais de Contabilidade.
Dentre as alterações promovidas pela referida Resolução, destaca-se a nova denominação dos princípios contábeis
que passarão a ser chamados apenas de “princípios de contabilidade” (PC), anteriormente denominados como
“princípios fundamentais de contabilidade” (PFC).
Os princípios de contabilidade são:
a) Entidade - tem como fundamento a distinção do patrimônio da pessoa física e da pessoa jurídica e que esses
não podem se confundir por serem personalidades jurídicas distintas.
b) Continuidade - tem como pressuposto a Companhia em andamento, com prazo indeterminado de funciona-
mento.
c) Oportunidade - refere-se à tempestividade e à integridade do registro e de suas mutações, ou seja, registra,
ainda que incerto, o fato administrativo.

62
d) Registro pelo valor original - o registro será baseado pelos valores de entrada, de aquisição do bem ou pelo
preço de fabricação, incluindo neste todos os gastos necessários para colocar o bem em funcionamento e gerar
benefícios para a Companhia.
e) Competência - tem como principal objetivo apurar o resultado, lucro ou prejuízo, mediante as receitas geradas
e as despesas incorridas, no período.
f) Prudência - consiste na cautela do contador para os itens do Ativo e do Passivo. No caso de dúvidas no registro
contábil, evidenciar o menor valor para os itens do Ativo e o maior valor para os itens do Passivo.

ATENÇÃO! As respostas para as atividades deste caderno estão disponíveis no ambiente


virtual do curso. Consulte seu tutor presencial para mais informações.

63
Tema 1
Introdução à Contabilidade/Patrimônio

Objetivos de aprendizagem
• Entender a importância da contabilidade no processo decisorial das organizações.
• Conhecer as funções do contador e os objetivos da contabilidade.
• Reconhecer os principais usuários da contabilidade.
• Compreender o conceito de patrimônio: bens, direitos e obrigações.
• Conceituar e classificar Ativo, Passivo e Patrimônio Líquido.

Para início de conversa


Neste primeiro momento, você irá entender como a contabi-
lidade é uma importante ferramenta para quem quer tomar
decisões. Decisões sobre aspectos financeiros e econômicos
das entidades. O foco de estudo será o patrimônio, sua cons-
tituição, seus elementos principais e, em especial, os seus in-
teressados, chamados usuários. A contabilidade será tratada
como sistema de informação que emitirá relatórios diversos
para que seus usuários escolham as melhores decisões a se-
rem tomadas para a continuidade das organizações.

Por dentro do tema


O profissional da contabilidade é o responsável pelo registro dos fatos administrati-
vos, pela elaboração e análise dos relatórios contábeis para que a administração da
entidade obtenha suporte para tomar decisões e alavancar os rumos do negócio e,
sempre que possível, maximizar os seus resultados (lucro).
As organizações estão inseridas em ambientes que requerem o maior número de
informações sobre sua situação patrimonial, para que possam sobreviver e alcançar
seus objetivos sociais, prestando serviço, vendendo ou produzindo.
Mas os objetivos sociais alcançados pela organização interessam a outros segmen-
tos, que da mesma forma trabalham para realizar os seus. Neste momento, as in-
formações contábeis revelam dados importantes para fornecedores, investidores,
bancos, governo, sindicatos e outros interessados.
O interesse desses segmentos são os bens, os direitos e as obrigações da entidade; a classificação de seus bens
e direitos e seu potencial em converter em benefícios para a empresa; suas dívidas e o potencial da empresa em
poder pagá-las; os resultados obtidos por meio de sua atividade principal.

64
Os “Ativos” de uma entidade são todos os bens e direitos que estão à disposição da empresa sobre seu controle.
São conhecidos como a parte positiva do patrimônio da entidade.
Os bens podem ser tangíveis e intangíveis, ou seja, de forma física ou incorpórea. Contanto que bens e direitos
são os responsáveis por fazerem a empresa atingir seus objetivos. Com a utilização desses Ativos (mercadorias
para revenda, máquinas e equipamentos, dinheiro, duplicatas a receber e outros) é que se busca maximizar os
resultados da empresa.
Mas, em contrapartida, existem certas operações que geram dívidas com terceiro. Essas são denominadas ”Passi-
vo”. Elas não são pontos negativos para a empresa, por mais que alguns assim o conheçam. Se tiverem dentro de
uma razoabilidade, esses recursos são importantes para alavancar a empresa, pois esta irá utilizar recursos de ou-
tros (mercadorias compradas a prazo para pagamento em 60 dias) para futuro pagamento. Os Passivos também
são conhecidos como ”obrigações exigíveis”, ”origens de recursos”, ou “dívidas”. As obrigações mais comuns
existentes nas empresas são com fornecedores (mediante compra de mercadorias a prazo), com funcionários
(salários e encargos sociais dos colaboradores), com o governo (oriundos dos impostos), com bancos (juros sobre
financiamentos e empréstimos), contas diversas (luz, água, aluguéis e outros).
No confronto dos Ativos e Passivos, encontra-se, contabilmente, o Patrimônio Líquido.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

65
Tema 1 - Atividades Contabilidade Geral

Atividades c) A contabilidade está arraigada na nossa so-


ciedade e é fundamental para o nosso siste-
ma econômico. Você concorda? Explique.
____________________________________________
INSTRUÇÕES ____________________________________________
As atividades do ponto de partida devem ser ____________________________________________
elaboradas individualmente e discutidas em ____________________________________________
sala com o tutor presencial. Cada aluno deverá ____________________________________________
levar suas considerações e juntos formular con- ____________________________________________
ceitos e finalidades para a contabilidade e seu
____________________________________________
objeto de estudo.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Ponto de partida ____________________________________________
____________________________________________
Este é um momento para testar seus conheci- ____________________________________________
mentos prévios sobre alguns elementos fun-
damentais no que se refere à introdução aos
conceitos de contabilidade. Para tanto, indivi-
dualmente, utilizando apenas o seu entendi- Agora é com você! Responda às questões a
mento prévio, faça as seguintes questões: seguir para conferir o que aprendeu.
a) Descreva o significado de “decisão”.
____________________________________________
____________________________________________ Questão 1
____________________________________________
____________________________________________ (Exame de Suficiência I, 2004 - Adaptado). Ana-
____________________________________________ lise o seguinte Balanço Patrimonial.
____________________________________________ ATIVO
____________________________________________ Caixa R$ 1.500,00
____________________________________________ Bancos conta movimento R$ 2.000,00
____________________________________________ Duplicatas a receber R$ 1.500,00
____________________________________________ Veículos R$ 5.000,00
____________________________________________ Ativo total R$ 10.000,00

b) Faça uma análise de algumas variáveis ex- PASSIVO


ternas e internas que possam afetar as deci- Fornecedores R$ 2.000,00
sões empresariais. Empréstimos a pagar R$ 4.000,00
____________________________________________ PATRIMÔNIO LÍQUIDO
____________________________________________ Capital social R$ 4.000,00
____________________________________________ Passivo total R$ 10.000,00
____________________________________________
____________________________________________ Os percentuais de capital próprio e de terceiros
____________________________________________ são, respectivamente:
____________________________________________ a) 40,00% e 60,00%.
____________________________________________ b) 57,14% e 175,00%.
____________________________________________ c) 87,50% e 50,00%.
____________________________________________ d) 162,50% e 70,00%.
____________________________________________

66
Contabilidade Geral Tema 1 - Atividades

Questão 2 Questão 4
Complete na tabela os valores que faltam para Depois de um mês da autopeças em funciona-
o fechamento do Balanço Patrimonial. mento, o Sr. Afrânio incluiu uma dívida com o
fornecedor de materiais de consumo no valor
de R$ 2.500,00. Ele deseja saber qual o valor de
PATRIMÔNIO capital.
ATIVO PASSIVO
LÍQUIDO
____________________________________________
a. 24.000,00 15.000,00
____________________________________________
b. 56.000,00 37.400,00
____________________________________________
c. 27.000,00 41.500,00
____________________________________________
d. 31.600,00 18.500,00
____________________________________________
e. 98.000,00 0
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

Questão 3
Um conhecido seu, mecânico, chamado Sr. Afrâ- Questão 5
nio, abriu uma mecânica e autopeça e investiu
em dinheiro R$ 45.000,00, R$ 65.000,00 em pe- Marque com um “B” as opções que represen-
ças para revenda e R$ 5.000,00 em equipamen- tam os bens, com um ”D” as opções que repre-
tos. Ele deseja saber qual o valor do capital da sentam um direito, e com um “O” as opções que
sua empresa. Você pode ajudá-lo? representam uma obrigação.
____________________________________________
ITEM CONTA RESPOSTA
____________________________________________
A Dinheiro no caixa
____________________________________________
B Dinheiro no banco
____________________________________________
C Contas a pagar
____________________________________________ D Fornecedores
____________________________________________ E Aluguel a pagar
____________________________________________ F Duplicatas a receber
____________________________________________ G Veículo - comprado a prazo
____________________________________________ H Veículo - comprado à vista
____________________________________________ I Salários a pagar - em atraso
____________________________________________ J Títulos a receber
____________________________________________ K
Empréstimos bancários a
pagar
____________________________________________
L Mercadorias para revenda
____________________________________________
Máquinas - compradas a
____________________________________________ M
prazo
____________________________________________ N Encargos sociais a pagar
____________________________________________ O Máquina - leasing
____________________________________________ P Terrenos
____________________________________________ Q Computadores e periféricos
____________________________________________ R Marcas e patentes
____________________________________________ S Juros a pagar
____________________________________________ T Impostos a pagar

67
Tema 1 - Atividades Contabilidade Geral

Com base na seguinte representação gráfica,


responda às questões 6, 7 e 8. Questão 8
ITENS BENS DIREITOS OBRIGAÇÕES
Caixa 500,00 Assinale a alternativa incorreta.
Contas a
1.300,00 a) O valor das aplicações de recursos é de
receber
R$ 2.570,00.
Equipamentos 750,00
b) O valor dos direitos é de R$ 1.300,00.
Contas a pagar 1.350,00
c) O valor do capital de terceiros é de
Impostos a
80,00 R$ 1.430,00.
pagar
d) O valor do capital próprio é zero.
Patrimônio
líquido e) O valor do Ativo fixo é de R$ 750,00.

Questão 6 Questão 9
Considerando a equação patrimonial, qual a si- Sobre a finalidade da contabilidade, é correto
tuação líquida do patrimônio? afirmar:
____________________________________________ a) Determinar o resultado das entidades.
____________________________________________ b) Atender às legislações comercial e fiscal,
que exigem das empresas a elaboração das
____________________________________________
chamadas demonstrações financeiras.
____________________________________________
c) Controlar o patrimônio das entidades, apu-
____________________________________________ rar o resultado e prestar informações sobre
____________________________________________ a situação patrimonial e o resultado das en-
____________________________________________ tidades aos usuários da informação contá-
bil.
____________________________________________
d) Registrar os custos, as despesas, as receitas e
____________________________________________
apurar o resultado das entidades.
____________________________________________
e) Estabelecer as relações de débito e de crédi-
____________________________________________ to do proprietário com os agentes consigna-
____________________________________________ tários e agentes correspondentes.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Questão 10
____________________________________________

(ESAF). A contabilidade tem por objeto:


a) A empresa.
Questão 7 b) A pessoa física e a jurídica.
c) A apuração de resultado de uma entidade.
Assinale a alternativa que representa o valor d) O patrimônio.
das origens de recursos. e) Os lançamentos a débito de uma conta e a
a) R$ 1.270,00. crédito de outra conta.
b) R$ 2.570,00.
c) R$ 1.430,00.
d) R$ 1.300,00.
e) R$ 500,00.

68
Contabilidade Geral Tema 1 - Atividades

AMPLIANDO O CONHECIMENTO ____________________________________________


Você quer saber mais sobre esse assunto? En- ____________________________________________
tão: ____________________________________________
• Leia o 1º. e o 2º. capítulos do livro de ____________________________________________
Contabilidade empresarial. 10. ed. São Paulo: ____________________________________________
Atlas, 2010. O livro aborda aspectos importantes
____________________________________________
da contabilidade no âmbito empresarial.
____________________________________________
• Leia o artigo A contabilidade. Disponível
em: <http://www.contabeis.ucb.br/sites/000/96/ ____________________________________________
00000136.pdf>. Acesso em: 18 nov. 2010. Esta ____________________________________________
pesquisa tem por objetivo principal apresentar ____________________________________________
a opinião dos pequenos e médios empresários ____________________________________________
em relação ao profissional contábil, fazendo
comparação com a fundamentação teórica de ____________________________________________
diversos autores, a partir do surgimento da ____________________________________________
contabilidade, bem como seus fundamentos ____________________________________________
técnicos e teóricos e seus objetivos ____________________________________________
• Leia o artigo O perfil profissional do ____________________________________________
século XXI. Disponível em: <http://www.sare.
unianhanguera.edu.br/index.php/rcger/article/ ____________________________________________
view/305/305>. Acesso em: 18 nov. 2010. Esse ____________________________________________
trabalho retrata o perfil do profissional nas ____________________________________________
organizações, demonstrando que é possível ____________________________________________
chegar ao sucesso profissional com eficácia e
____________________________________________
eficiência.
____________________________________________
____________________________________________
FINALIZANDO ____________________________________________
Neste tema, você viu que a contabilidade se re- ____________________________________________
sumiu em um sistema de informação capaz de ____________________________________________
auxiliar os gestores na tomada de decisão. A ____________________________________________
contabilidade somente traduz aquilo que a ges-
tão da empresa executa, refletindo sua atuação ____________________________________________
por meio dos relatórios contábeis divulgados. É ____________________________________________
função da contabilidade também servir como ____________________________________________
instrumento prognóstico para ações que bene- ____________________________________________
ficiem a estratégia organizacional e possibilitar
____________________________________________
com isso a continuidade do empreendimento.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Anotações ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________

69
Tema 2
Demonstrações Financeiras

Objetivos de aprendizagem
• Identificar os principais demonstrativos contábeis segundo a Lei nº 6.404/1976, alterada pela Lei nº.
11638/2007 e pela Lei nº. 11.941/2009.
• Reconhecer as empresas de grande porte e as de capital aberto, principalmente as sociedades anônimas e
as sociedades limitadas.
• Conhecer os requisitos para a publicação das demonstrações financeiras.

Para início de conversa


Neste primeiro momento, você irá entender que a partir dos
registros contábeis efetuados pela contabilidade surge o pro-
duto final do sistema de informação contábil: as Demons-
trações Financeiras. Esses demonstrativos devem atender às
necessidades dos usuários externos e internos, como bancos,
investidores, administradores, funcionários. Além disso, co-
nhecerá os tipos de empresas e suas responsabilidades pe-
rante a publicação das demonstrações financeiras, que de-
pende do tipo de constituição societária. As principais são as
companhias sociedades anônimas de capital aberto e fecha-
do e as sociedades por cotas de responsabilidade limitada.

Por dentro do tema


É importante destacar que após a identificação, o registro e a síntese das transa-
ções, são elaboradas, no mínimo, quatro demonstrações financeiras a partir dos
dados sintetizados:
a) O balanço patrimonial, que apresenta o Ativo, o Passivo e o patrimônio de uma
empresa em determinada data.
b) A demonstração do resultado do exercício, que relaciona as receitas e despesas,
determinando o lucro ou prejuízo do exercício da Companhia em um período
específico.
c) A demonstração do fluxo de caixa, que sintetiza as informações do fluxo finan-
ceiro (recebimentos e pagamentos) para um determinado período.
d) A demonstração de lucros acumulados, que evidencia as variações dos lucros acumulados para um determi-
nado período.
Cada uma das demonstrações fornece informações relevantes à administração, aos acionistas e às demais partes
interessadas.

70
Há apenas um grupo de registros para todo o conjunto de demonstrações financeiras e não um conjunto de
registros para cada demonstração financeira.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

71
Tema 2 - Atividades Contabilidade Geral

Atividades Agora é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

INSTRUÇÕES
Questão 1
As atividades do ponto de partida devem ser
elaboradas individualmente e discutidas em
sala com o tutor presencial. Cada aluno deve Ao fim de cada exercício social, a Lei nº
levar suas considerações e juntos apresentarem 6.404/1976, alterada pela Lei nº 11.638/2007 e
suas colaborações. pela Lei nº 11.941/2009 exige que o contador
das sociedades anônimas de capital aberto ela-
bore, com base na escrituração mercantil da
Companhia, as seguintes demonstrações finan-
Ponto de partida ceiras. Indique quais são essas demonstrações.
a) Balanço Patrimonial, Demonstração do Re-
sultado do Exercício, Demonstração da Mu-
Por que as quatros demonstrações financeiras tação do Patrimônio Líquido e Demonstra-
são elaboradas na sequência seguinte? ção dos Fluxos de Caixa.
1º - Demonstração do Resultado do Exercício. b) Balanço Patrimonial, Demonstração dos Lu-
2º - Demonstração dos Lucros Acumulados. cros e Prejuízos Acumulados, Demonstração
3º - Balanço Patrimonial. do Resultado do Exercício, Demonstração
4º - Demonstração do Fluxo de Caixa. dos Fluxos de Caixa e Demonstração do Va-
lor Adicionado, se Companhia fechada.
Comente.
c) Balanço Patrimonial, Demonstração dos Lu-
____________________________________________ cros e Prejuízos Acumulados, Demonstração
____________________________________________ do Resultado do Exercício, Demonstração
____________________________________________ dos Fluxos de Caixa e Demonstração do Va-
____________________________________________ lor Adicionado, se Companhia aberta.
____________________________________________ d) Balanço Patrimonial, Demonstração dos Lu-
cros e Prejuízos Acumulados, Demonstração
____________________________________________
do Resultado do Exercício, Demonstração
____________________________________________ das Origens e Aplicações de Recursos, De-
____________________________________________ monstração do Fluxo de Caixa e Demons-
____________________________________________ tração do Valor Adicionado, se Companhia
aberta.
____________________________________________
e) Balanço Patrimonial, Demonstração do Re-
____________________________________________
sultado do Exercício, Demonstração dos Flu-
____________________________________________ xos de Caixa.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Questão 2
____________________________________________
Com base na Lei nº 11.638/2007 é correto afir-
____________________________________________
mar sobre as empresas de grande porte:
____________________________________________
a) Têm Ativo total superior a R$ 240.000.000,00.
____________________________________________
b) Todas as empresas de grande porte são con-
____________________________________________ sideradas sociedades anônimas.
____________________________________________ c) Não são obrigadas a ter escrituração nem a
____________________________________________ elaborar as demonstrações financeiras.
____________________________________________

72
Contabilidade Geral Tema 2 - Atividades

d) Têm receita bruta anual superior a R$ ____________________________________________


200.000.000,00. ____________________________________________
e) São obrigadas pela Lei nº 6.404/196 a cons- ____________________________________________
tituírem auditoria interna, para fiscalização
____________________________________________
de suas atividades.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Questão 3 ____________________________________________
____________________________________________
Identifique se as seguintes proposições são ver- ____________________________________________
dadeiras (V) ou falsas (F).
____________________________________________
I. Todas as companhias sociedades anônimas
____________________________________________
são obrigadas a ter escrituração e a elaborar
seus demonstrativos contábeis. ____________________________________________
II. Para as companhias de capital aberto, a de- ____________________________________________
monstração de lucros e prejuízos acumula- ____________________________________________
dos deverá ser substituída pela demonstra- ____________________________________________
ção das mutações do Patrimônio Líquido.
____________________________________________
III. A definição do término do período do exer-
____________________________________________
cício social da Companhia é exclusiva do pro-
prietário da empresa, podendo este mudá-la ____________________________________________
a qualquer momento, sem que a justifique. ____________________________________________
IV. Apresentar as demonstrações financeiras em ____________________________________________
duas colunas, ano atual e ano anterior, é re-
quisito para a publicação das demonstrações
financeiras, conforme o CPC-01.
V. O princípio da consistência deve ser obser- Questão 5
vado em caso de mudanças de critérios na
publicação das demonstrações financeiras. (CFC/Exame Suficiência). Relativamente aos
a) I-V; II-F; III-V; IV-F; V-V. usuários das informações contábeis, pode-se
b) I-V; II-F; III-V; IV-V; V-F. considerar que:
c) I-F; II-V; III-V; IV-V; V-F. a) Podem ser tanto internos quanto externos,
d) I-F; II-F; III-V; IV-F; V-V. com interesses diversos.
e) I-V; II-F; III-F; IV-V; V-V. b) Podem ser tanto internos quanto externos,
sempre com interesses semelhantes.
c) Somente são internos.
d) Somente são externos.
Questão 4
De acordo com os requisitos para a publicação
das Demonstrações Contábeis, pesquise livre-
Questão 6
mente na internet, ou em outro material de di-
vulgação, um Demonstrativo Financeiro de uma (ESAF). São contas patrimoniais as que indicam:
empresa de Capital Aberto e identifique todos a) O custo de produção de uma indústria.
os requisitos obrigatórios para sua publicação.
b) Os impostos já pagos incidentes sobre
Escreva o resultado de sua pesquisa. vendas.
____________________________________________ c) As vendas realizadas num período.
____________________________________________ d) O ICMS a recolher ao Estado.
____________________________________________ e) A despesa de depreciação.

73
Tema 2 - Atividades Contabilidade Geral

Questão 7 Questão 10
(Silva & Silva). Assinale a alternativa que apre- (CFC Suficiência). O Balanço Patrimonial na data
senta apenas contas do Ativo Circulante. de sua elaboração é uma Demonstração Contá-
a) Caixa; estoques e aplicações financeiras a bil que reflete uma situação:
longo prazo. a) Estática.
b) Banco movimento; imóveis de venda e imó- b) Dinâmica.
veis de uso. c) Estático-dinâmica.
c) Estoque em almoxarifado; ferramentas e in- d) Transitória.
vestimentos em coligadas.
d) Estoque de mercadorias; duplicatas a rece-
ber em até um ano e caixa. AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Você quer saber mais sobre esse assunto? En-
tão:
Questão 8 • Leia o capítulo 2 do livro Contabilidade
empresarial, de José Carlos Marion, 10. ed. São
Paulo: Atlas, 2010. Este capítulo evidencia os
(Silva & Silva). O Ativo Circulante é composto: relatórios contábeis.
a) Pelos bens e direitos cujo ciclo seja de 12 • Acesse o site da Petrobras. Disponível em:
meses. <http://www2.petrobras.com.br/ri /port/Infor-
b) Pelos bens e direitos exigíveis, até o término macoesFinanceiras/cvm.asp>. Acesso em: 18 nov.
do exercício seguinte. 2010. Apresenta os demonstrativos financeiros
c) Pelos bens e direitos em circulação e os bens da empresa e o relatório da administração.
numerários. • Acesse o site da Comissão de Valores
d) Pelos bens numerários, os bens e direitos Mobiliários. Disponível em: <www.cvm.gov.br>.
realizáveis até o término do exercício se- Acesso em: 18 nov. 2010. Escolha a Sociedade
guinte e pelas despesas pagas antecipada- anônima e destaque em seus demonstrativos: o
mente. balanço patrimonial, as notas explicativas e os
ajustes de exercícios anteriores.

Questão 9 FINALIZANDO
Neste tema, você viu que os demonstrativos fi-
Os grupos de contas que compõem o Ativo não nanceiros são relatórios que evidenciam as si-
Circulante: tuações financeira e econômico-patrimonial da
entidade. Esta tem algumas obrigatoriedades
a) Realizável a Longo Prazo, Investimentos,
por lei em divulgar seus relatórios, favorecen-
Imobilizado, Intangível.
do assim a transparência das informações. Fo-
b) Exigível a Longo Prazo, Imobilizado, Intan- ram destacados, também, os tipos de empresas:
gível. grande porte, sociedade anônima e limitada,
c) Realizável a Longo Prazo, Imobilizado, In- conhecendo suas obrigações perante a lei socie-
tangível. tária no que se refere aos demonstrativos finan-
d) Realizável a Longo Prazo, Capital Social. ceiros.

74
Tema 3
Balanço Patrimonial/Atos e Fatos Contábeis

Objetivos de aprendizagem
• Identificar os grupos que formam o balanço patrimonial.
• Reconhecer os critérios de avaliação do Ativo e do Passivo.
• Elaborar o balanço patrimonial.
• Identificar os fatos permutativos, modificativos e mistos.

Para início de conversa


Você vai perceber neste estudo que o balanço patrimonial é
a peça contábil mais importante das demonstrações financei-
ras. Identificar como é formado o patrimônio da empresa, na
composição dos diversos ativos, na constituição das exigibi-
lidades e, consequentemente, verificar a evolução do patri-
mônio dos proprietários, sem dúvida, passa a ser de grande
utilidade e poder de informação para o profissional contábil.
Ele é a foto da empresa em um momento estático e de gran-
de poder preditivo para a tomada de decisão. A identificação
dos atos e fatos contábeis são importantes para as análises
das variações no patrimônio.

Por dentro do tema


Alguns temas serão discutidos neste estudo. A partir de agora serão evidenciados os
principais conceitos a serem estudados.
Ativo - todos os bens e direitos de posse, controle ou propriedade da empresa,
mensuráveis em dinheiro, que possam trazer benefícios presentes e futuros para a
entidade. Exemplo: veículos, terrenos, dinheiro, mercadorias e outros. São as aplica-
ções de recursos da empresa.
Passivo - toda obrigação, dívida, exigível que a empresa tem com terceiros. Essas
podem ser de curto ou longo prazo. Mediante a lei societária é dividido em Passivo
Circulante e não Circulante. Ambos os grupos representam o Passivo Exigível, isto
é, os terceiros que podem executar a empresa, caso não ocorra a quitação das
obrigações. É conhecido como o capital de terceiros, com quem a empresa contrai dívidas, inclusive com seus
funcionários ao provisionar (reconhecer) que o seu salário será pago no mês seguinte.
Patrimônio líquido - diferença entre o Ativo e o Passivo em um determinado momento. Configura-se como a
parte dos proprietários, dos que investiram na empresa. Alguns autores chamam-no de Passivo não Exigível, pois
os proprietários não requerem de imediato tudo que investiram na empresa. Configura-se como o capital próprio
da entidade.

75
Ato administrativo - ação que provoca mudanças na gestão da empresa, podendo ocorrer o fato contábil, caso
exista uma situação de aumento ou redução patrimonial, ou, ainda, o recebimento ou pagamento, derivado de
um ato administrativo ou decisão.
Fato contábil - corresponde ao registro a débito ou a crédito de uma transação patrimonial ou financeira, deri-
vada de uma decisão empresarial.
Balanço Patrimonial - demonstração contábil que evidencia a situação da empresa em termos patrimoniais.
Demonstrativo estático. É a foto da empresa em determinado momento.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

76
Contabilidade Geral Tema 3 - Atividades

Atividades Questão 1
Em relação ao balanço patrimonial assinale a
INSTRUÇÕES questão com a proposição verdadeira.
As atividades do ponto de partida devem ser I. A disposição das contas do Ativo será em
elaboradas individualmente e discutidas em ordem decrescente de grau de liquidez, ou
sala com o tutor presencial. Cada aluno deve- seja, do Ativo menos líquido ao mais líquido.
rá levar suas considerações e juntos, em sala de II. O Ativo Circulante reflete a trajetória do ci-
aula, apresentarem suas colaborações clo operacional da Companhia.
III. O ciclo operacional da Companhia deverá
obrigatoriamente ser de 12 meses (365 dias)
para efeito contábil.
Ponto de partida IV. Compõem o Passivo Circulante todas as exi-
gibilidades que serão pagas em curto prazo.
Pesquise na internet livremente e recolha um V. O décimo terceiro salário a pagar é exemplo
balanço patrimonial de uma entidade da ativi- de dívida em longo prazo.
dade industrial. Leve para a sala de aula e ve- a) I-F; II-V; III-V; IV-F; V-F.
rifique se este demonstrativo contém todos os b) I-F; II-V; III-V; IV-V; V-V.
grupos de contas evidenciados segundo a lei
c) I-F; II-V; III-F; IV-V; V-F.
societária.
d) I-V; II-F; III-V; IV-F; V-V.
Escreva os comentários do grupo nas linhas
abaixo. e) I-V; II-F; III-F; IV-F; V-F.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________ Questão 2
____________________________________________
____________________________________________ (Exame de Suficiência CRC, 2004). Analise o se-
____________________________________________ guinte Balanço Patrimonial:
____________________________________________ ATIVO
____________________________________________ Ativo Circulante R$ 5.000,00
____________________________________________ Caixa R$ 1.500,00
____________________________________________ Bancos conta movimento R$ 2.000,00
____________________________________________ Duplicatas a receber R$ 1.500,00

____________________________________________ Ativo permanente R$ 5.000,00

____________________________________________ Veículos R$ 5.000,00

____________________________________________ Ativo total R$ 10.000,00

____________________________________________ PASSIVO
Passivo Circulante R$ 6.000.00
____________________________________________
Fornecedores R$ 2.000,00
____________________________________________
Empréstimos a pagar R$ 4.000,00
____________________________________________
PATRIMÔNIO LÍQUIDO
Capital social R$ 4.000,00

Agora é com você! Responda às questões a Passivo Total R$ 10.000,00


seguir para conferir o que aprendeu.

77
Tema 3 - Atividades Contabilidade Geral

Os percentuais de capital próprio e de terceiros


são, respectivamente: Questão 5
a) 40,00% e 60,00%.
b) 57,14% e 175,00%. É exemplo de transação do grupo do Ativo não
c) 87,50% e 50,00%. Circulante.
d) 162,50% e 70,00%. a) Seguro das máquinas da fábrica, cobrindo o
período de 12 meses.
b) Provisão para devedores duvidosos, cons-
tituída com base nas contas a receber de
Questão 3 clientes que vencem em curto prazo.
c) Dinheiro em caixa.
(Adaptado - Exame de Suficiência CRC, 2003). d) Mesas, cadeiras e armários utilizados pelo
Determinada empresa apresenta as contas de pessoal administrativo.
seu balanço patrimonial.
e) Recebimento de clientes por venda a prazo,
Caixa R$ 30.000,00 com recebimento após 24 meses.
Capital social R$ 100.000,00
Contas a pagar de curto R$ 160.000,00
Prazo
Duplicatas a receber R$ 90.000,00 Questão 6
Estoques R$ 120.000,00
Financiamentos a pagar de R$ 60.000,00 Identifique os exemplos dos grupos investimen-
longo prazo tos e intangíveis, respectivamente.
Fornecedores R$ 180.000,00 a) Direitos autorais de livros, revistas, produ-
Reserva de lucros R$ 30.000,00 ções artísticas; compra de matéria-prima.
Máquinas e equipamentos R$ 150.000,00 b) Pedras preciosas que a administração da so-
Participações em outras R$ 140.000,00 ciedade tem a intenção de alienar após o
empresas ano seguinte; direitos de concessões ou ex-
plorações de serviço de água, esgoto, eletri-
O valor do Ativo Permanente e o do Passivo Cir- cidade e transporte, de jazidas de petróleo
culante são, respectivamente: ou de minas.
a) R$ 240.000,00 e R$ 340.000,00. c) Adiantamento concedido a fornecedor de
b) R$ 130.000,00 e R$ 340.000,00. equipamentos; marcas e patentes.
c) R$ 290.000,00 e R$ 400.000,00. d) Mercadorias destinadas à venda em um su-
permercado; fundo de comércio.
d) R$ 430.000,00 e R$ 150.000,00.
e) Fórmulas de novos produtos; instalações de
ar-condicionado da área do departamento
de vendas.
Questão 4
É exemplo de transação do grupo do Ativo Cir- Questão 7
culante.
a) Biblioteca utilizada pelos funcionários da
Certa Companhia obteve um empréstimo em
sociedade.
dólares em 10/1/20x1 no valor de US$ 1.000,00,
b) Terreno onde está o edifício administrativo para pagamento do principal em 10/1/20x1. Le-
da sociedade. vando em consideração que a taxa de câmbio
c) Conta-corrente bancária no exterior. em 10/1/20x1 era de R$ 1,80 e em 31/12/20x1 era
d) Aquisição de um nome fantasia de um pro- de R$ 1,50, qual o efeito cambial no resultado
duto famoso no mercado. da sociedade no exercício social em 20x1? De-
monstre seus cálculos.
e) Caminhões utilizados pelo pessoal da área
de produção. ____________________________________________

78
Contabilidade Geral Tema 3 - Atividades

____________________________________________
____________________________________________ Questão 9
____________________________________________
____________________________________________ É exemplo de fato permutativo:
____________________________________________ a) Pagamento de despesa.
____________________________________________ b) Receitas obtidas por serviços prestados.
____________________________________________ c) Pagamento de duplicatas com descontos.
____________________________________________ d) Pagamento de fornecedores.
____________________________________________ e) Pagamento de impostos com juros.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Questão 10
____________________________________________
____________________________________________ É exemplo de fato misto:
____________________________________________ a) Pagamento de despesas.
____________________________________________ b) Receitas obtidas por serviços prestados.
____________________________________________ c) Pagamento de fornecedores.
d) Compra de mercadorias a prazo.
e) Pagamento de fornecedores com juros.

Questão 8
AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Atendendo às Leis nº11.638/2007 e 11.941/2009, Você quer saber mais sobre esse assunto? En-
marque a questão INCORRETA. tão:
a) As reservas de lucros são compostas de: re- • Leia o capítulo 3 do livro Contabilidade
serva legal, reservas estatutárias, reservas empresarial, de José Carlos Marion. 11. ed. São
para contingências, reservas de incentivos Paulo: Atlas, 2010. O texto aborda o Balanço
fiscais, reservas de retenção de lucros e re- Patrimonial e seus aspectos preliminares.
servas de lucros a realizar. • Leia o artigo Análise das práticas de
b) As ações em tesouraria deverão ser destaca- evidenciação. Disponível em: <http://www.
das no Balanço Patrimonial como dedução scielo.br/scielo.php?script=sci_
da conta do Patrimônio Líquido. arttext&pid=S1519-70772007000400005&lng=p
c) A conta capital social discriminará o mon- t&nrm=iso>. Acesso em: 18 nov. 2010. Este artigo
tante subscrito e realizado, não permitida foi publicado na revista Finança e Contabilidade
por lei a apresentação por dedução da parte da USP e retrata as informações divulgadas nos
não realizada. relatórios contábeis.
d) A conta lucros acumulados não é menciona-
da nas novas alterações da lei societária, en-
tretanto não poderá ficar com saldo positi- FINALIZANDO
vo, pois a sociedade precisa destinar o lucro Neste tema, você viu que o balanço patrimonial
gerado no período. é a mais importante demonstração financeira.
e) A lei optou pela apresentação das contas do Pôde conhecer seus grupos de contas e suas
Passivo por ordem decrescente de grau de classificações, além de conhecer o seu poder
exigibilidade, em linha com as do Ativo, que preditivo, que consiste na razoabilidade, dose
são divulgadas por ordem decrescente de de confiança para como os dados serão tratados
grau de liquidez. no futuro. Entendeu como os fatos administra-
tivos interferem diretamente na situação patri-
A partir do estudo do PLT, responda às questões monial, podendo ser por permuta ou por fatos
9 e 10. que modifiquem a situação líquida da entidade.

79
Tema 4
Demonstração do Resultado do Exercício

Objetivos de aprendizagem
• Identificar as Contas de Resultado que compõem a demonstração do resultado do exercício.
• Elaborar a demonstração do resultado do exercício.
• Analisar a demonstração do resultado do exercício.

Para início de conversa


A demonstração do resultado do exercício é uma demons-
tração financeira que evidencia de maneira ordenada as re-
ceitas e despesas da empresa em determinado período. Ela
é disposta de forma vertical com as receitas subtraindo as
despesas, indicando posteriormente o resultado, lucro ou
prejuízo. Evidencia todos os esforços que a empresa impôs
em um período de operações com a finalidade de obter bons
resultados para a continuidade da empresa. Essa continuida-
de só poderá vir por meio do lucro, que é o melhor indicador
de eficácia empresarial. Para os futuros contadores e adminis-
tradores, passa ser uma grande ferramenta de gestão.

Por dentro do tema


A demonstração do resultado do exercício tem por finalidade apresentar um re-
sumo das variações positivas (receitas e ganhos) e negativas (despesas e perdas).
Toda empresa, no decorrer de suas operações, incorre em certos gastos inerentes
à sua atividade principal, necessários à manutenção do dia a dia para o alcance de
seus objetivos. Chamam-se despesas operacionais aquelas que causam reduções
no Patrimônio Líquido e consequentemente diminuem o resultado final. Deve-se
levar em consideração também certos fenômenos incontroláveis, não planejados,
contingenciais, que poderão ocorrer na empresa. Essa contingência é denominada
por perda, que também diminuirá o resultado e consequentemente o Patrimônio
Líquido da empresa.
Mas nem só de diminuições o resultado é produzido. As receitas e os ganhos favorecem o Patrimônio Líquido no
momento em que aumentam o resultado da empresa. As receitas, como oriundas das vendas realizadas, são a
locomotiva que conduz a empresa a auferir lucros.
Portanto, a demonstração do resultado do exercício apresenta dados exclusivos sobre a da performance da empre-
sa no período. Sua característica é dedutiva para mostrar o que foi gerado por meio das atividades operacionais.
É importante lembrar que outras receitas não operacionais podem ser incluídas na demonstração do resultado,
representando a gestão da empresa. Mas as atividades operacionais não devem ser misturadas às atividades não

80
operacionais da empresa. Logo, a atividade operacional é contínua e a não operacional é descontinuada, por
se tratar de uma decisão da empresa em baixar um Ativo para transformá-lo em receita não operacional para a
entidade. Assim ocorrem com as despesas que não fazem parte das operações normais da empresa, a exemplo
das “multas”. O caráter dedutivo da DRE deve considerar, em separado, os aspectos operacionais e os não ope-
racionais, para a determinação do resultado.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

81
Tema 4 - Atividades Contabilidade Geral

Atividades Agora é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

INSTRUÇÕES
Questão 1
As atividades do ponto de partida devem ser
elaboradas individualmente e discutidas em
sala com o tutor presencial. Cada aluno deve- Considerando as hipóteses na seguinte tabela:
rá levar suas considerações e juntos, em sala de DRE - HIPÓTESE 1 DRE - HIPÓTESE 2 DRE - HIPÓTESE 3
aula, apresentarem suas colaborações. Receita bruta Receita bruta Receita bruta
Deduções das Deduções das Deduções das
vendas vendas vendas

Ponto de partida Receita líquida


Custos das
Receita líquida
Despesas
Receita líquida
Custo das vendas
vendas e serviços operacionais e serviços
Este é um momento para testar seus conheci- Lucro bruto Lucro marginal Lucro
mentos prévios sobre alguns elementos funda- operacional
mentais no que se refere à demonstração do Despesas Custo das vendas Despesas
resultado do exercício. com vendas, com vendas,
financeiras e financeiras e
No site a seguir estão os demonstrativos finan- administrativas administrativas
ceiros da Companhia aérea TAM. Verifique na
Lucro ou prejuízo Lucro ou prejuízo Lucro ou prejuízo
demonstração do resultado do exercício (DRE) operacional operacional operacional
em que esta demonstração não atende às no- Outras receitas e Participações Participações
vas atualizações na legislação societária? Dis- despesas
ponível em: <http://www.tam.com.br/b2c/img/ Resultado do Resultado do Resultado do
empresa/infFinanceiros/Relatorios/Anual_TA- exercício antes exercício antes exercício antes
MLA_2002_pt.pdf>. Acesso em: 18 nov. 2010. do IR do IR do IR
____________________________________________ Provisão para Participações, Participações,
o IR inclusive partes inclusive partes
____________________________________________ Participações beneficiárias beneficiárias
____________________________________________ de debêntures,
empregados e
____________________________________________ administradores
____________________________________________ Lucro ou prejuízo Lucro ou prejuízo Lucro ou prejuízo
____________________________________________ líquido do líquido do líquido do
exercício exercício exercício
____________________________________________
____________________________________________
É correto afirmar:
____________________________________________
a) As hipóteses 1 e 2 atendem à legislação so-
____________________________________________ cietária.
____________________________________________ b) Somente a hipótese 2 atende à legislação
____________________________________________ societária.
____________________________________________ c) Somente a hipótese 3 atende à legislação
____________________________________________ societária.
____________________________________________ d) Somente a hipótese 1 atende à legislação
____________________________________________ societária.
____________________________________________ e) As hipóteses 2 e 3 atendem à legislação so-
cietária.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

82
Contabilidade Geral Tema 4 - Atividades

Em 31/12/2002, o Custo das Mercadorias Vendi-


Questão 2 das foi de 70% da Receita Operacional Líquida.
O valor do Estoque de Mercadorias existente
em 31/12/2002 foi de R$ 10.560,00.
Apure o valor da receita líquida com base nas
Em 31/12/2002, o Lucro Operacional Bruto, a Re-
seguintes informações quando aplicáveis.
ceita Operacional Líquida e o Custo das Merca-
Despesa com vendas 100,00 dorias Vendidas foram, respectivamente:
Devolução de vendas 40,00 a) R$ 20.736,00, R$ 69.120,00 e R$ 48.384,00.
PIS sobre vendas 33,00 b) R$ 20.736,00, R$ 76.800,00 e R$ 48.384,00.
Receita bruta 2.000,00 c) R$ 28.416,00, R$ 69.120,00 e R$ 76.800,00.
Cofins sobre vendas 152,00 d) R$ 28.416,00, R$ 76.800,00 e R$ 69.120,00.
Custo das mercadorias vendidas 750,00 e) R$ 20.736,00, R$ 48.384,00 e R$ 76.800,00.

a) R$ 1.250,00.
b) R$ 1.775,00.
c) R$ 1.025,00. Questão 5
d) R$ 925,00.
e) R$ 1.900,00. A empresa “A Seguir” tem como objeto social
o comércio de frutas e verduras e receitas pela
prestação do serviço de entrega. Ajude a cons-
truir o Resultado Operacional Bruto e o Resul-
Questão 3 tado Líquido do Exercício, respectivamente, em
face do relatório apresentado dos saldos das
contas relacionadas abaixo, demonstre os cálcu-
Determine o valor do lucro bruto com base nos los e marque a alternativa correta.
seguintes dados, quando aplicáveis.
CONTAS SALDOS
Despesas financeiras 320,00
Impostos sobre serviços R$ 30.000,00
Custo das mercadorias vendidas 700,00
ICMS sobre vendas R$ 204.000,00
PIS sobre vendas 25,00
Despesas financeiras R$ 180.000,00
Receita bruta 1.500,00
Despesas administrativas R$ 150.000,00
Cofins sobre vendas 115,00
Custo de serviços prestados R$ 100.000,00
Participações 200,00
Custo de mercadorias vendidas R$ 600.000,00
Venda de mercadorias R$ 1.200.000,00
a) R$ 660,00.
Dividendos propostos R$ 30.000,00
b) R$ 1.360,00.
Receitas de serviços prestados R$ 600.000,00
c) R$ 1.040,00.
Provisão para imposto de renda R$ 80.400,00
d) R$ 840,00.
e) R$ 1.180,00.
a) R$ 1.070.000,00 e R$ 659.600,00.
b) R$ 896.000,00 e R$ 425.600,00.
c) R$ 866.000,00 e R$ 455.600,00.
Questão 4 d) R$ 770.000,00 e R$ 485.600,00.

(Exame de Suficiência - CFC, 2003). Uma em-


presa, do ramo comercial, encerra seu exercí-
cio social em 31 de dezembro de cada ano. Em
31/12/2002, as deduções da Receita Operacional
Bruta da empresa foram de R$ 7.680,00 e repre-
sentaram 10% da Receita Operacional Bruta.

83
Tema 4 - Atividades Contabilidade Geral

Questão 6 Questão 8
Se o valor da receita líquida for R$ 76.850,00 e Identifique a questão correta.
os impostos sobre venda R$ 21.150,00, qual o a) O objetivo da demonstração do resultado
valor da receita bruta? Demonstre os cálculos e do exercício é relatar a situação patrimonial
responda. da entidade.
____________________________________________ b) As receitas e despesas são computadas no
____________________________________________ resultado do exercício de acordo com as
____________________________________________ regras contábeis estabelecidas pela Lei nº.
6.404/1976 e alterações posteriores pelas
____________________________________________
Leis nº 11.638/2007 e 11.941/2009 e de acor-
____________________________________________ do com os pronunciamentos contábeis - CPC-
____________________________________________ 01, sendo o principal regime de apuração o
____________________________________________ de competência, independentemente de as
____________________________________________ receitas terem sido recebidas e de as despe-
sas terem sido pagas.
____________________________________________
c) As receitas financeiras são registradas quan-
____________________________________________ do auferidas em função de os proprietários
____________________________________________ utilizarem os recursos da empresa.
____________________________________________ d) De acordo com o pronunciamento contábil
____________________________________________ - CPC 26, a demonstração do resultado, as
despesas não podem ser apresentadas em
dois formatos. Apenas demonstradas de
acordo com sua natureza.
Questão 7
Se o valor do custo das vendas for R$ 52.700,00;
o estoque no final do período, R$ 27.500,00; os
Questão 9
descontos obtidos com compras, R$ 3.200,00;
as bonificações recebidas de fornecedores, Considerando as informações destacadas a se-
R$ 1.700,00; o frete e seguro no transporte, guir, calcule o resultado com mercadorias e mar-
R$ 5.600,00; as devoluções a fornecedores, que a alternativa correta.
R$ 2.500,00; o valor bruto das compras, R$ Devolução de vendas de mercado- R$ 7.000,00
61.000,00, qual o valor do estoque inicial do pe- rias
ríodo? Demonstre. Estoque final de mercadorias R$ 8.000,00
____________________________________________ Estoque inicial de mercadorias R$ 12.000,00
____________________________________________ Fretes pagos sobre compras de R$ 5.000,00
____________________________________________ mercadorias

____________________________________________ ICMs incidente sobre as compras de R$ 15.000,00


mercadorias
____________________________________________
ICMs incidente sobre as vendas de R$ 33.000,00
____________________________________________ mercadorias
____________________________________________ Total das compras de mercadorias R$ 180.000,00
____________________________________________ Total das vendas de mercadorias R$ 240.000,00
____________________________________________
a) R$ 33.000,00.
____________________________________________
b) R$ 31.000,00.
____________________________________________
c) R$ 26.000,00.
____________________________________________
d) R$ 11.000,00.
____________________________________________
____________________________________________

84
Contabilidade Geral Tema 4 - Atividades

____________________________________________
Questão 10 ____________________________________________
____________________________________________
As contas contábeis de juros pagos, descontos ____________________________________________
concedidos, variação cambial passiva sobre ope- ____________________________________________
rações com moeda estrangeira são exemplos ____________________________________________
de:
____________________________________________
a) Despesas administrativas.
____________________________________________
b) Despesas com vendas.
____________________________________________
c) Despesas financeiras.
____________________________________________
d) Outras despesas.
____________________________________________
____________________________________________
AMPLIANDO O CONHECIMENTO ____________________________________________
Você quer saber mais sobre esse assunto? En- ____________________________________________
tão: ____________________________________________
• Leia o capítulo 6 do livro de MARION, J. ____________________________________________
C. Contabilidade empresarial. 11. ed. São ____________________________________________
Paulo: Atlas, 2010. Ele retrata a demonstração
____________________________________________
do resultado do exercício e seus aspectos
preliminares. ____________________________________________
• Leia o artigo de PONTE, V. M. R. Análise ____________________________________________
das práticas de evidenciação de informações ____________________________________________
obrigatórias, não-obrigatórias e avançadas ____________________________________________
nas demonstrações contábeis das sociedades ____________________________________________
anônimas no Brasil: um estudo comparativo
dos exercícios de 2002 e 2005. Disponível em: ____________________________________________
<http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_ ____________________________________________
arttext&pid=S1519-70772007000400005&lng ____________________________________________
=pt&nrm=iso>. Acesso em: 18 nov. 2010. Este ____________________________________________
artigo foi publicado na revista Contabilidade
____________________________________________
& Finanças, da USP, e retrata as informações
divulgadas nos relatórios contábeis. ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
FINALIZANDO ____________________________________________
Neste tema, você viu que, assim como o balanço ____________________________________________
patrimonial é a principal demonstração situa- ____________________________________________
cional da entidade, a demonstração do resulta-
do do exercício é a principal demonstração de ____________________________________________
receitas e despesas, perdas e ganhos, apuran- ____________________________________________
do o resultado no confronto entre as receitas ____________________________________________
e despesas, proporcionando aumento ou dimi- ____________________________________________
nuição no Patrimônio Líquido da Companhia.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Anotações ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

85
Tema 5
Plano de Contas e Contabilização do Débito e
Crédito/Livros Contábeis

Objetivos de aprendizagem
• Organizar e utilizar um plano de contas simplificado.
• Efetuar a contabilização dos fatos contábeis.
• Entender a contabilização por meio de débitos e créditos.
• Conhecer os principais livros de registro contábil.

Para início de conversa


Você irá perceber que o trabalho da contabilidade começa
com a escrituração dos eventos ocorridos nas organizações.
Mas sem um plano de contas ordenado seria quase impossí-
vel se manter um trabalho eficiente e produtivo por causa da
grande quantidade de operações que ocorrem na empresa
em determinado período. Cada empresa terá um plano de
contas mediante a sua realidade organizacional e é respon-
sabilidade do contador elaborá-lo. Após a definição do plano
de contas, os registros em débito e crédito poderão ser efe-
tivados, em livros contábeis, como Diário e Razão. Por isso,
não perca a oportunidade de conhecê-los.

Por dentro do tema


É necessária a utilização de um plano de contas para o registro contábil, pois ele
tem a finalidade de organizar em grupos e uniformizar todos os relatórios contábeis
divulgados pela empresa.
Por isso o chamam de relação lógica e ordenada de todas as contas patrimoniais e
de resultado. Por meio do plano de contas é que são extraídos os elementos patri-
moniais e de resultado que influenciam na organização dos relatórios emitidos pela
contabilidade.
O plano pode ser analítico ou sintético, ou seja, pode ser organizado em diversos
graus ou grupos e depende da particularidade e da necessidade de cada empresa.
Um plano de uma indústria detalha mais o grupo de custos do que uma prestadora
de serviços. Caso a empresa seja de grande porte, geralmente o plano de contas terá um número maior de ope-
rações, desde as mais simples às mais complexas. Logo, o plano de contas será extenso e bem mais analítico, bem
diferente de se a empresa fosse uma empresa de pequeno porte.

86
O método das partidas dobradas é o método utilizado pela contabilidade e assim se fundamenta: para cada
débito deverá existir um crédito totalizando o mesmo valor, ou seja, todo o recurso originado na empresa é for-
mado pelo capital próprio e pelo capital de terceiros, que estão aplicados no Ativo da empresa. Se há origens de
recursos no valor de R$ 100,00, obrigatoriamente deverão estar aplicados em ativos, totalizando na balança de
dois pratos e representando a igualdade entre Passivos (origens) e ativos (aplicações). Dessa forma o seu balanço
estará fechado, portanto, não pode ter diferenças.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

87
Tema 5 - Atividades Contabilidade Geral

Atividades Agora é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

INSTRUÇÕES
Questão 1
As atividades do ponto de partida devem ser
elaboradas individualmente e discutidas em
sala com o tutor presencial. Cada aluno deve- Considerando as seguintes informações:
rá levar suas considerações e juntos, em sala de I. O plano de contas é uma relação lógica e or-
aula, apresentar suas colaborações. denada das contas patrimoniais.
II. O primeiro grau do plano de contas é distri-
buído por: 1- Ativo, 2 -Passivo, 3 - Receitas e
4 - Despesas.
Ponto de partida III. As contas sintéticas efetivamente recebem
lançamentos a débito e crédito.
Este é um momento para testar seus conheci- IV. O plano de contas é elaborado de acordo
mentos prévios sobre alguns elementos funda- com a necessidade de cada empresa.
mentais no que se refere ao plano de contas e à Estão corretas as afirmativas:
escrituração contábil.
a) As afirmativas I, II e III estão corretas.
a) Considerando a hipótese de que você tenha
b) As afirmativas III e IV estão corretas.
uma empresa comercial na venda de auto-
móveis, descreva para esta empresa dez con- c) As afirmativas II e III estão incorretas.
tas de Ativo e dez contas de exigibilidades. d) As afirmativas II e IV estão corretas.
____________________________________________ e) Somente a afirmativa IV está correta.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________ Questão 2
____________________________________________
____________________________________________ Parte do plano de contas da empresa “X” é as-
____________________________________________ sim elaborado:
____________________________________________ 1. ATIVO
____________________________________________ 1.1. CIRCULANTE
____________________________________________ 1.1.1. Disponível
b) No próximo passo elabore duas colunas com 1.1.2. Créditos
os saldos devedores e saldos credores e in- 1.1.3. Estoques
clua cada Ativo e cada Passivo em seu res-
pectivo saldo. 1.1.3.1. Matéria-prima
____________________________________________ 1.1.3.1.1. Calcário
____________________________________________ 1.1.3.1.2. Cimento
____________________________________________ 1.1.3.1.3. Polietileno
____________________________________________ É correto afirmar:
____________________________________________ a) “Disponível” é conta de 4º grau.
____________________________________________ b) “Estoques” é uma conta de 1º grau.
____________________________________________ c) “Calcário” é uma conta analítica de 5º grau.
____________________________________________ d) “Polietileno” é uma conta sintética de 5º
grau.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

88
Contabilidade Geral Tema 5 - Atividades

Questão 3 Questão 5
(ENADE, 2009). Em relação aos Sistemas de In- O lançamento contábil da questão anterior gera
formações, analise as afirmativas que seguem: o seguinte efeito:
I. As entradas, os mecanismos de processa- a) Diminuição em contas patrimoniais.
mento e as saídas são elementos de um Sis- b) Diminuição em Contas de Resultado.
tema de Informações.
c) Aumento no resultado e aumento patrimo-
II. O Plano de Contas de uma empresa é usado nial.
no processamento dos dados do Sistema de
d) Aumento somente em conta patrimonial.
Informação Contábil.
e) Aumento somente em conta de resultado.
III. O Balanço Patrimonial é um dado a ser pro-
cessado no Sistema de Informação Contábil.
IV. A Folha de Pagamento dos funcionários de
uma empresa é um exemplo de informação
(output) do Sistema de Informação Contá-
Questão 6
bil.
“Compra de móveis e utensílios a prazo” gera
Estão CORRETAS apenas as afirmativas:
os seguintes efeitos no patrimônio:
a) I e II.
a) Aumento no Ativo.
b) I e IV.
b) Aumento no Ativo e no Passivo.
c) II e III.
c) Diminuição no Passivo.
d) II e IV.
d) Diminuição no Ativo e no Passivo.
e) III e IV.
e) Diminuição no Ativo.

Questão 4 Questão 7
Num serviço prestado com recebimento à vista
As seguintes afirmativas referem-se aos livros
o lançamento contábil correto é:
contábeis , exceto:
a) Débito em contas a receber e crédito em re-
a) É obrigatório mediante Lei nº. 8.218/1991.
ceita de serviços.
b) Os atos e fatos devem ser escriturados em
b) Débito em conta-corrente bancária e crédi-
ordem cronológica de dia, mês e ano.
to em receita de serviços.
c) É permitida a escrituração por processamen-
c) Débito em duplicatas a receber e crédito em
to eletrônico de dados.
receita antecipada de serviços.
d) Deve ser completa, realizada em moeda e
d) Débito em duplicatas a receber e crédito em
idioma correntes nacionais.
receita de serviços.
e) Demonstra a situação econômica da em-
e) Débito em duplicatas a receber e crédito em
presa.
receita de vendas.

89
Tema 5 - Atividades Contabilidade Geral

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Questão 8 Você quer saber mais sobre esse assunto? En-
tão:
Para fins do Imposto de Renda estão desobriga- • Leia o modelo de Plano de contas. Dispo-
das da escrituração contábil: nível em: <http://www.antt.gov.br/manuais_
a) A sociedade anônima de capital fechado. contabilidade/PlanodeContas_Rodovias.PDF>.
Acesso em: 18 nov. 2010. Nele, são apresentados
b) A sociedade limitada.
os itens necessários para um plano de contas.
c) A sociedade por comandita.
• Leia o artigo de Janaína Zaffani et al.
d) O microempreendedor individual. Contabilidade: origem, livros contábeis
e) Todas as pessoas jurídicas. e suas funções. Disponível em: <http://
www.ufes.br/dem/Arquivo/Artigo%20-%20
Livros%20Contabeis%20-%20Origem,%20
livros%20cont%C3%A1beis%20e%20suas%20
Questão 9 fun%C3%A7%C3%B5es.pdf>. Acesso em: 18
nov. 2010. Trabalho sobre os livros contábeis.
A principal finalidade do Sistema Público de Es- • Acesse o site do Conselho Regional de
crituração Digital (SPED): Contabilidade. Disponível em: <http://www.cfc.
org.br/>. Acesso em: 18 nov. 2010. Legislação
a) Modernização. que trata sobre os livros contábeis obrigatórios.
b) Punição.
c) Tributação.
d) Exclusão. FINALIZANDO
Neste tema, você viu que o plano de contas é um
manual imprescindível para o trabalho do con-
tador. Nele são descritos todos os fatos possíveis
Questão 10 sobre as operações que acontecem na empresa
e servem de orientação para o registro contá-
Elabore um diário com dez fatos contábeis obe- bil. Além disso, conheceu o método das partidas
decendo aos principais requisitos de escritura- dobradas, débito e crédito, que dão início à es-
ção mercantil. (livre) crituração mercantil dos atos e fatos administra-
tivos que modificam a situação patrimonial.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________ Anotações
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

90
Tema 6
Balancete de Verificação/Apuração do
Resultado do Exercício (ARE)

Objetivos de aprendizagem
• Entender a sistematização do balancete de verificação.
• Utilizar o balancete de verificação para conferência dos saldos contábeis.
• Estruturar o balancete de verificação.
• Apurar o resultado do exercício (ARE) de uma empresa.
• Demonstrar o resultado do exercício por meio da DRE.
• Entender as características do regime de caixa e regime de competência.

Para início de conversa


A elaboração de um balancete de verificação é muito fácil.
Sua importância para os trabalhos contábeis é imprescindí-
vel na verificação correta da utilização do método das parti-
das dobradas: cada débito deve corresponder a um crédito
de igual valor, ou seja, a confirmação de que os registros
contábeis elaborados no decorrer das operações estejam de
acordo com tal método é fundamental para a apuração do
resultado do exercício e para a elaboração do balanço patri-
monial. Todas as contas que configuram nos livros contábeis,
Diário e Razão, serão transportadas para este quadro. Veja
que neste estudo duas peças serão importantes para o fe-
chamento dos relatórios: a elaboração do balancete de veri-
ficação e a apuração do resultado do exercício, fundamental
para discriminar o lucro ou prejuízo da entidade.

Por dentro do tema


O balancete de verificação é a relação de contas com seus respectivos saldos ex-
traído dos registros contábeis em determinado período.
Tem seu dispositivo legal pela resolução do Conselho Federal de Contabilidade nº.
685, de 14 de dezembro de 1990, que aprova, por meio do artigo 1º, a Norma
Brasileira de Contabilidade Técnica 2.7.
Sua periodicidade deverá ser mensal e o seu grau de detalhamento deverá ser ade-
quado à sua finalidade.

91
O balancete de verificação pode ser levantado a qualquer momento. Comumente, costuma-se levantar o balan-
cete em dois momentos (MARION, 2010) - inicial e final. Veja:
a) Balancete de Verificação Inicial - é levantado antes da apuração e do encerramento do resultado do exercício.
Sua abrangência inclui as contas de despesas e receitas. É chamado de inicial por estar sujeito a ajustes como
depreciações, rateios, provisões e outros.
b) Balancete de Verificação Final - é levantado após a apuração, a distribuição e o encerramento do resultado do
exercício. Sua abrangência não inclui as contas de despesas e receitas, visto que seus saldos estarão zerados
pelo encerramento e transferência para o Patrimônio Líquido.
As Contas de Resultado são compostas das receitas e despesas. É característica dessas contas ser transitórias, ou
seja, são encerradas ao final de cada período contábil (dia, mês, trimestre, semestre, ano e outros). Quem de-
termina o período contábil é a administração da empresa, que pondera as necessidades da informação contábil
com o custo para obtê-las. Vale lembrar que a legislação determina a apresentação das demonstrações contábeis
a cada 12 meses e que as empresas vinculadas à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) têm de apresentar o
conjunto das demonstrações contábeis a cada trimestre.
Apurado o resultado do exercício, seu saldo será transferido para o Patrimônio Líquido (SILVA, s.d.), na forma de
lucro ou prejuízo do exercício, aumentando ou diminuindo a situação líquida.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

92
Contabilidade Geral Tema 6 - Atividades

Atividades Agora é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

INSTRUÇÕES
Questão 1
As atividades do ponto de partida devem ser
elaboradas individualmente e discutidas em
sala com o tutor presencial. Cada aluno deve- (Exame de suficiência - CFC, 2003 ). O encerra-
rá levar suas considerações e juntos, em sala de mento das Contas de Resultado, arroladas den-
aula, apresentar suas colaborações. tre as contas relacionadas abaixo, evidencia.
CONTAS SALDOS
Bancos conta movimento R$ 800,00

Ponto de partida Caixa


Capital social
R$ 350,00
R$ 1.600,00
Despesas antecipadas de juros R$ 1.800,00
Este é um momento para testar seus conheci-
Despesas com energia elétrica R$ 60,00
mentos prévios sobre alguns elementos funda-
mentais no que se refere à apuração do resul- Despesas com material de escritório R$ 120,00
tado da empresa e o balancete de verificação. Despesas com publicidade R$ 250,00

Resolva a questão a seguir. Despesas com salários R$ 500,00

(AFC - ESAF, 1992:223). Dados extraídos do ba- Despesas de seguros R$ 100,00


lancete final, em 31-12-91, da empresa Cartafat Duplicatas a pagar R$ 500,00
Comércio e Serviços S.A. (antes do encerramen- Duplicatas a receber R$ 500,00
to das Contas de Resultado) Impostos R$ 500,00
CONTAS VALOR Instalações R$ 600,00
Receita da Revenda de Mercadorias R$ 40.000,00 Reservas de lucros R$ 230,00
Receita da Prestação de Serviços R$ 12.000,00 Móveis e utensílios R$ 1.000,00
Vendas Canceladas R$ 3.000,00 Receitas de serviços a prestar R$ 1.200,00
ICMS sobre Vendas e Serviços R$ 10.000,00 Receitas de serviços prestados R$ 1.650,00
Demais Impostos sobre Vendas e R$ 2.000,00 Receitas financeiras R$ 400,00
Serviços
Salários a pagar R$ 500,00
Receitas Financeiras R$ 4.000,00
Variações Monetárias Ativas R$ 5.000,00 a) R$ 80,00 de prejuízo.
Encargos Financeiros R$ 6.000,00 b) R$ 120,00 de lucro.
Receita da Venda de Imobilizado R$ 100,00 c) R$ 520,00 de lucro.
d) R$ 750,00 de lucro.
A soma algébrica dos valores, entre os acima
relacionados, que devem ser considerados na
apuração da Receita Líquida é:
a) 39.000.
b) 40.000.
c) 40.100.
d) 46.100.
e) 37.000.

93
Tema 6 - Atividades Contabilidade Geral

CASCA GROSSA S.A. EM R$ EM R$


Questão 2 Contas
Saldo
Saldo credor
devedor
Bancos conta movimento 10.000,00
(Exame de Suficiência - CFC, II 2003). Tendo em
vista as contas e saldos abaixo, marque a alter- Caixa 20.000,00
nativa que corresponde à somatória dos saldos Veículos 128.000,00
devedores e credores, respectivamente: Seguros pagos
6.000,00
antecipadamente
CONTAS SALDOS
Empréstimos bancários 30.000,00
Ações em tesouraria R$ 28.000,00
Capital 50.000,00
Adiantamentos a fornecedores R$ 2.500,00
Reservas 15.000,00
Adiantamentos de clientes R$ 2.200,00
Reservas recebidas
Bancos conta movimento R$ 2.000,00 20.000,00
antecipadamente
Capital social R$ 30.000,00
Despesas de salários 10.000,00
Clientes R$ 35.000,00
Despesas financeiras 1.000,00
Venda de mercadorias R$ 8.000,00
Despesas de impostos 4.000,00
Empréstimos a pagar R$ 10.000,00
Receitas de serviços 60.000,00
Juros pagos antecipadamente R$ 800,00
Receitas financeiras 4.000,00
Lucros acumulados ou mudar para R$ 4.200,00
Total 179.000,00 179.000,00
reservas de lucros
Mercadorias R$ 25.000,00
Após a apuração do resultado do exercício, o
Participações em coligadas R$ 7.000,00 lucro líquido é:
Provisão para crédito de liquidação
a) R$ 69.000.
duvidosa R$ 1.050,00
Receitas antecipadas R$ 30.000,00
b) R$ 49.000.
Reservas de lucros R$ 1.500,00
c) R$ 45.000.
Tributos a recolher R$ 3.500,00 d) R$ 40.000.
e) R$ 35.000.
a) R$ 99.500,00 e R$ 91.250,00.
b) R$ 100.300,00 e R$ 90.450,00.
c) R$ 102.500,00 e R$ 88.250,00.
Questão 4
d) R$ 103.800,00 e R$ 86.950,00.
e) R$ 104.000,00 e R$ 86.000,00.
Em uma determinada empresa o saldo da con-
ta Despesas Administrativas tinha o valor de R$
154.000,00. Na apuração do resultado do exer-
Questão 3 cício, o contador faz os procedimentos de en-
cerramento. Nas alternativas a seguir indique
qual o procedimento correto que o contador
O balancete de verificação da empresa Casca tomou.
Grossa S.A., em 31/12/X1, era o seguinte: a) Débito: Despesas Administrativas
Crédito: ARE
b) Débito: Despesas Administrativas
Crédito: Lucros Acumulados
c) Débito: ARE
Crédito: Despesas Administrativas
d) Débito: Lucros do exercício
Crédito: Despesas Administrativas
e) Débito: Prejuízos Acumulados
Crédito: ARE

94
Contabilidade Geral Tema 6 - Atividades

Questão 5 Questão 8
Na venda de mercadorias à vista, qual(is) a(s) Sobre a apuração do resultado do exercício é
conta(s) são passíveis de saldo credor? correto afirmar:
a) Duplicata a receber e custo da mercadoria a) A receita diminui o resultado do exercício.
vendida. b) Despesa é todo sacrifício financeiro para a
b) Duplicatas a receber. obtenção de receita.
c) Custo da mercadoria vendida. c) O encerramento do resultado do exercício
d) Receita de vendas. envolve contas do Ativo e do Passivo.
e) Mercadorias. d) O débito de despesas encerra as contas de
saldo devedor.
e) O crédito de receitas encerra as contas de
saldo credor.
Questão 6
No recebimento de uma duplicata de cliente
com juros, qual(is) a(s) conta(s) de saldo credor
Questão 9
representa(m) a contabilização dos juros rece-
bidos? Após o encerramento das contas de receitas e
a) Receita de juros e caixa. despesas, a conta Apuração do Resultado do
Exercício possuía débitos de R$ 28.700,00 e
b) Receita de juros.
créditos de R$ 29.200,00. Sabendo que a conta
c) Caixa. de Prejuízos Acumulados era devedora em R$
d) Duplicatas a pagar. 300,00, demonstre o lançamento necessário no
e) Juros pagos. Diário e o valor a ser registrado que aponte o
encerramento do período.
____________________________________________
____________________________________________
Questão 7 ____________________________________________
____________________________________________
As seguintes afirmativas referem-se ao balance-
____________________________________________
te de verificação, exceto:
____________________________________________
a) Para todo débito lançado em uma conta,
haverá obrigatoriamente um crédito lança- ____________________________________________
do em outra conta. ____________________________________________
b) Não haverá lançamentos devedores sem a ____________________________________________
existência de um ou mais credores que tota- ____________________________________________
lizem o mesmo valor. ____________________________________________
c) Resumo ordenado de contas utilizadas pela ____________________________________________
contabilidade.
____________________________________________
d) Consiste em agrupar valores de forma racio-
nal e mesma natureza nas contas sintéticas. ____________________________________________
e) A sua principal finalidade é o registro das ____________________________________________
contas em débito e crédito. ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

95
Tema 6 - Atividades Contabilidade Geral

Questão 10 Anotações
____________________________________________
As contas contábeis cujos lançamentos das ope- ____________________________________________
rações normais da empresa se referem a um pe- ____________________________________________
ríodo de tempo específico, geralmente o ciclo ____________________________________________
anual, são denominadas:
____________________________________________
a) Contas de resultado.
____________________________________________
b) Contas patrimoniais.
____________________________________________
c) Contas permanentes.
____________________________________________
d) Contas bancos.
____________________________________________
e) Valores a receber.
____________________________________________
____________________________________________
AMPLIANDO O CONHECIMENTO ____________________________________________
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então: ____________________________________________
• Acesse o site Sinal. Disponível em: <http:// ____________________________________________
www.sinal.org.br/admin/financeiro/arquivo/ ____________________________________________
balancete%20mensal02_09.pdf>. Acesso em: ____________________________________________
18 nov. 2010. Ele apresenta um modelo de ____________________________________________
balancete de verificação.
____________________________________________
• Leia o artigo de Geovani Quevedo Maciel.
____________________________________________
A contabilidade e a gestão financeira das
empresas. Disponível em: <http://www.crcrs. ____________________________________________
org.br/revistaeletronica/artigos/01_geovani. ____________________________________________
pdf>. Acesso em: 18 nov. 2010. Artigo sobre ____________________________________________
a contabilidade e a gestão financeira das
____________________________________________
empresas.
____________________________________________
• Acesse o site do Conselho Regional de
Contabilidade. Disponível em: <http://www.cfc. ____________________________________________
org.br/>. Acesso em: 18 nov. 2010. Apresenta a ____________________________________________
legislação que trata do balancete de verificação ____________________________________________
e da apuração do resultado do exercício.
____________________________________________
____________________________________________
FINALIZANDO ____________________________________________
____________________________________________
Neste tema, você viu que o balancete de veri-
ficação é um quadro de contas extraídas dos ____________________________________________
livros Razão e Diário, que ordenará as contas ____________________________________________
em seus saldos devedores e credores. Sua elabo- ____________________________________________
ração serve para o encerramento do exercício
____________________________________________
e para a confecção do balanço patrimonial. O
resultado do balancete de verificação deverá ____________________________________________
ser observado se o saldo das contas devedoras ____________________________________________
é o mesmo saldo das contas credoras, eviden- ____________________________________________
ciando, em parte, que o método das partidas
____________________________________________
dobradas está sendo observado.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

96
Tema 7
Contas Redutoras do Ativo

Objetivos de aprendizagem
• Identificar as contas redutoras do Ativo e do Passivo.
• Efetuar os lançamentos contábeis utilizando essas contas redutoras.
• Entender a dinâmica de utilização das contas redutoras.

Para início de conversa


Neste estudo, você terá a oportunidade de conhecer as con-
tas retificadoras do Ativo. Elas fazem parte do lado do Ati-
vo, porém subtraindo, reduzindo o valor do lado esquerdo
do balanço patrimonial. Mas, por que tal fato? Ao conhe-
cer as contas provisão para crédito de liquidação duvidosa,
depreciação, amortização, exaustão, duplicatas descontas e
outras, saberá que a contabilidade está obedecendo aos seus
preceitos básicos chamados princípios de contabilidade, res-
guardando o Ativo da empresa e para que as informações
geradas pela contabilidade possam ter transparência, fide-
dignidade e, acima de tudo, ser útil para seus usuários.

Por dentro do tema


As contas do Ativo possuem saldos devedores. Mas existem contas credoras que
são classificadas no Ativo, cuja finalidade é retificar ou reduzir o Ativo. Dá-se o
nome de contas redutoras ou retificadoras do Ativo.
Como o próprio nome sugere, as contas retificadoras têm a função de retificar algo.
Como exemplo: estoque de mercadorias é um bem, portanto do Ativo e de nature-
za devedora, mas o valor registrado pela compra pode estar superior ao valor atual
(mercado). Assim, cria-se a conta retificadora chamada Ajuste do Estoque a Valor
Presente, com natureza credora, cuja função é dar ao grupo de contas de estoques
o real valor.
Segundo exemplo: um cliente compra a prazo e vai pagar em 30 dias. Assim, na conta duplicatas a receber será
registrado um direito no Ativo Circulante, em favor da empresa. Se a empresa resolve adiantar o recebimento
dessa duplicata, descontando-a no banco, essa duplicata, hipoteticamente no valor de R$ 100,00, será deduzida,
ou seja, serão lançados um débito na conta de duplicatas descontadas e um crédito para representar a baixa
desse valor na conta analítica de duplicatas a receber. Esse lançamento representa a redução do Ativo, ou seja,
do direito total de R$ 1.000,00 em duplicatas a receber, que incluiu a venda a prazo para o cliente, no valor de
R$ 100,00, restará a receber R$ 900,00, pois essa duplicata de R$ 100,00 foi antecipada junto ao banco.

97
Outro exemplo corresponde ao reconhecimento do desgaste dos bens, chamado de depreciação, e é uma redu-
tora do Ativo imobilizado.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

98
Contabilidade Geral Tema 7 - Atividades

Atividades a) R$6.600; R$15.400; R$15.400; R$15.400.


b) R$13.200; R$13.200; R$13.200; R$13.200.
c) R$6.600; R$13.200; R$ R$13.200; R$13.200;
R$6.600.
INSTRUÇÕES d) R$10.560; R$10.560; R$10.560; R$10.560;
As atividades do ponto de partida devem ser R$10.560.
elaboradas individualmente e discutidas em
sala com o tutor presencial. Cada aluno deve-
rá levar suas considerações e juntos, em sala de
aula, apresentar suas colaborações. Questão 2
(AFRF, 2003 - ESAF). A máquina ALFA foi com-
prada por R$ 130.000,00 em 01/10/2001 e a má-
Ponto de partida quina BETA foi comprada pelo mesmo preço,
em 01/04/2002. Ambas as máquinas têm dura-
Este é um momento para testar seus conheci- bilidade igual: deverão ser usadas durante dez
mentos prévios sobre alguns elementos funda- anos.
mentais no que se refere às contas redutoras do O desgaste físico desses bens deverá ter conta-
Ativo. Resolva a questão. bilização anual. Assim sendo, na Demonstração
(OLIVARES, 1999, p. 35 - adaptado). Qual a ori- de Resultado do Exercício de 2002, elaborada
gem de saldo das contas retificadoras de Ativo? em 31.12.02, constarão despesas de deprecia-
ção no valor de:
a) Credoras e devedoras de acordo com o lan-
çamento. a) R$ 3.250,00, referente à máquina BETA.
b) Saldo credor por serem retificadoras de con- b) R$ 9.750,00, referente à máquina ALFA.
tas que tenham por natureza saldos deve- c) R$ 13.000,00, referente à máquina BETA.
dores. d) R$ 16.250,00, referente à máquina ALFA.
c) Saldo nulo quando retornam ao balanço. e) R$ 22.750,00, referente a ambas as máqui-
d) Saldo devedor por serem também de resul- nas.
tado.
e) Nenhuma das anteriores.

Questão 3
Agora é com você! Responda às questões a
seguir para conferir o que aprendeu. Uma empresa recebe aviso do seu banco, co-
municando o recebimento de uma duplicata
quitada no vencimento. Qual dos seguintes
lançamentos deve ser feito na contabilidade da
Questão 1 empresa?
a) Débito: Bancos conta movimento
- Crédito: Bancos conta movimento.
(Exame de suficiência CRC, 2001). A Cia. Sigma
realizou, em 1º de julho de 2000, benfeitorias em b) Débito: Bancos conta movimento
terreno alugado de terceiros nesta mesma data, - Crédito: Duplicatas a receber.
no montante de R$ 52.800,00. Sendo o contrato c) Débito: Títulos descontados
de locação de quatro anos e que o valor deverá - Crédito: Duplicatas a receber.
ser totalmente amortizado no período locado, d) Débito: Títulos descontados
o valor da amortização a ser lançada em cada - Crédito: Bancos conta movimento.
período-base anual é de, respectivamente:
e) Débito: Duplicatas a receber
- Crédito: Títulos descontados.

99
Tema 7 - Atividades Contabilidade Geral

Questão 4 Questão 6
Identifique qual o registro contábil que carac- A provisão para crédito de liquidação duvidosa
teriza a baixa de um cliente considerado inco- é constituída para atender:
brável. a) As diminuições de créditos por motivos de
a) D: Provisão para crédito de liquidação duvi- devolução.
dosa (redutora). b) Os riscos de insolvência dos clientes.
C: Apuração do resultado do exercício. c) Os descontos e os abatimentos concedidos.
b) D: Provisão para crédito de liquidação duvi- d) Os descontos e os abatimentos obtidos.
dosa (redutora).
e) Nenhuma das hipóteses anteriores.
C: Clientes.
c) D: Clientes.
C: Devedores incobráveis.
d) D: Provisão para crédito de liquidação duvi-
Questão 7
dosa (resultado).
C: Devedores incobráveis. O saldo da conta “Depreciação Acumulada -
e) D: Provisão para crédito de liquidação duvi- Equipamentos” é:
dosa (resultado) a) Credor e representa o total das depreciações
C: Clientes feitas até o encerramento do último perío-
do.
b) Credor e é encerrado com a “Conta de Re-
sultado”, para apuração do resultado do pe-
Questão 5 ríodo.
c) Devedor e representa o total das deprecia-
ções feitas até o encerramento do último
Para uma empresa que mantém todas as dupli-
período.
catas de sua emissão em determinado banco,
descontadas ou em cobrança, quando é que a d) Devedor e é encerrado com a “Conta de
conta clientes é creditada? Resultado”, para apuração do resultado do
período.
a) Quando do desconto da duplicata no ban-
co. e) Devedor e representa um fundo constituído
para a compra de um novo equipamento.
b) Quando do envio da duplicata para cobran-
ça e/ou desconto.
c) Quando do aviso de débito ao banco.
d) Quando o cliente é informado pelo banco Questão 8
do recebimento do título.
e) Quando o cliente paga a duplicata no banco Sobre a amortização é correto afirmar:
ou o banco acusa o crédito na conta-corren-
te e a contabilidade concilia a conta clientes a) Significa “acabar, cessar, dissipar”.
com o extrato bancário da empresa. b) São amortizados os recursos naturais.
c) São passíveis de amortização os direitos com
duração limitada de uso.
d) “Cota constante” é um dos métodos da
amortização.
e) O aumento do valor dos elementos do Ativo
intangível será registrado na conta de amor-
tização.

100
Contabilidade Geral Tema 7 - Atividades

crédito de liquidação duvidosa, provisão para


Questão 9 ajustes dos bens do Ativo ao valor de merca-
do, como no Ativo não Circulante, provisão
para perda de investimentos, depreciação acu-
(AFTE - RN, 2004 -2005). Os móveis e utensílios mulada, amortização acumulada e exaustão
usados, vendidos pelos Armazéns Alfa Ltda. por acumulada.
R$ 4.500,00, renderam um ganho de capital lí-
quido de R$ 1.500,00. Como ditos objetos fo-
ram adquiridos por R$ 12.000,00 e tinham vida
útil estimada em dez anos, sem valor residual,
isto significa que, por ocasião da operação de
Anotações
venda, esses móveis já estavam depreciados em: ____________________________________________
a) 12,5%. ____________________________________________
b) 25,0%. ____________________________________________
c) 33,3%. ____________________________________________
d) 7,5%. ____________________________________________
e) 75,0%. ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
AMPLIANDO O CONHECIMENTO
____________________________________________
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então:
____________________________________________
• Leia o artigo Depreciação: analisando os
____________________________________________
livros de contabilidade para iniciantes, de
Arthur Olivare de Magalhães; Gilmar Ribeiro ____________________________________________
de Mello e Ana Carolina Esteves dos Passos ____________________________________________
Bitencourt. Disponível em: <http://www. ____________________________________________
congressousp.fipecafi.org/artigos32006/310.
____________________________________________
pdf>. Acesso em: 18 nov. Artigo do Congresso
USP de contabilidade sobre a depreciação. ____________________________________________
• Leia o artigo Fidelidade da informação ____________________________________________
contábil e as provisões, de Antonio Lopes de ____________________________________________
Sá. Disponível em: <http://www.infocontab. ____________________________________________
com.pt/download/SE_Lopes_sa/FIDELIDADE_
____________________________________________
INFORMACAO_PROVISOES.pdf>. Acesso em: 18
nov. 2010. Artigo inédito do professor sobre a ____________________________________________
fidelidade da informação contábil. ____________________________________________
• Acesse o site do Conselho Regional de ____________________________________________
Contabilidade. Disponível em: <http://www.cfc. ____________________________________________
org.br/>. Acesso em: 18 nov. 2010. Legislação ____________________________________________
que trata sobre a provisão para crédito de
liquidação duvidosa, depreciação, amortização ____________________________________________
e exaustão. ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
FINALIZANDO
____________________________________________
Neste tema, você viu que as contas redutoras do ____________________________________________
Ativo diminuem o valor do patrimônio. Existem
____________________________________________
com a finalidade de resguardar o patrimônio e
apresentar de forma conservadora a avaliação ____________________________________________
de todos os ativos. Viu também que as contas ____________________________________________
retificadoras tanto podem estar no Ativo Cir- ____________________________________________
culante, descontos de duplicatas, provisão para

101
Tema 8
Folha de Pagamento/Princípios de
Contabilidade (PC)

Objetivos de aprendizagem
• Elaborar uma folha de pagamento.
• Calcular os impostos incidentes sobre a folha de pagamento.
• Contabilizar os lançamentos contábeis referentes à folha de pagamento.
• Conhecer os princípios de contabilidade.
• Efetuar os lançamentos contábeis à luz dos princípios.
• Conhecer as últimas alterações de resolução do Conselho Federal de Contabilidade.

Para início de conversa


Neste tema, serão abordados “folha de pagamento” e “prin-
cípio de contabilidade”. Agora você terá contato com o nú-
cleo das práticas contábeis no Brasil e a bússola do trabalho
do profissional da contabilidade. Não menos importante, a
folha de pagamento é obrigatória em todas as empresas e
uma tarefa árdua para o contabilista, pois os colaboradores
das organizações dependem de que esse profissional domine
as técnicas e as legislações vigentes sobre a matéria. Por isso,
aproveite para que, por meio dos exercícios propostos e as
teorias descritas, você possa caminhar um pouco mais no
mundo da contabilidade.

Por dentro do tema


Constam, na folha de pagamento, salários dos funcionários e outros valores como
férias, 13º salário, Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e Imposto de Renda
Retido na Fonte (IRRF) descontados dos salários, aviso-prévio, valor do desconto
relativo ao vale-transporte e às refeições e ainda o valor do Fundo de Garantia por
Tempo de Serviço (FGTS) incidente sobre os salários. Além desses valores podem
constar na folha as verbas pagas aos funcionários por ocasião da rescisão de con-
trato de trabalho.
Geralmente, os salários são pagos até o quinto dia útil do mês seguinte ao de refe-
rência, exceto nos casos em que os acordos ou convenções coletivas estabelecem
prazos menores.

102
A contabilização da folha de pagamento de salários observa o regime de competência, ou seja, os salários devem
ser contabilizados no mês a que se referem ainda que o seu pagamento seja efetuado no mês seguinte.
Quanto ao 13º salário, a empresa apropria mensalmente obedecendo também ao regime de competência. Efetua
a provisão e paga posteriormente as verbas. Caso a empresa não faça a provisão, os valores serão apropriados
como custo ou despesa por ocasião do pagamento. Os salários e seus encargos serão considerados como despe-
sas operacionais quando os colaboradores forem das áreas comerciais e administrativas. Caso sejam dos setores
de produção, os salários serão considerados como custo de produção.
Sobre os princípios de contabilidade, com o decorrer do tempo em que a prática e a Ciência Contábil foram sen-
do organizadas e estruturadas, pesquisas procuraram identificar princípios que as orientavam, principalmente a
função de registrar fatos administrativos que afetavam o patrimônio das organizações. Esses se tornaram regras
aceitas e seguidas por todos até os dias atuais e constituem o principal núcleo que sustenta e fundamenta a
contabilidade.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

103
Tema 8 - Atividades Contabilidade Geral

Atividades Agora é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

INSTRUÇÕES
Questão 1
As atividades do ponto de partida devem ser
elaboradas individualmente e discutidas em
sala com o tutor presencial. Cada aluno deve- (Exame de Suficiência CRC, 2004). De acordo
rá levar suas considerações e juntos, em sala de com o Princípio da Competência, as despesas
aula, apresentar suas colaborações. são consideradas incorridas:
a) Sempre que ocorrer diminuição ou extinção
do valor econômico de um Passivo, em cor-
relação com o Patrimônio Líquido.
Ponto de partida b) Quando houver geração natural de novos
ativos independentes da intervenção de
terceiros.
Este é um momento para testar seus conheci-
mentos prévios sobre alguns elementos funda- c) Quando houver extinção, parcial ou total,
mentais no que se refere à folha de pagamento de um Passivo, qualquer que seja o motivo,
e aos princípios de contabilidade. sem o desaparecimento de um Ativo de va-
lor igual ou maior.
a) Conceitue sobre os termos “pessoa física” e
“pessoa jurídica”. d) Quando deixar de existir o correspondente
valor Ativo, por transferência de sua pro-
____________________________________________
priedade para terceiro.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________ Questão 2
____________________________________________
____________________________________________ (Exame de Suficiência CRC, 2004 - Adaptado). O
sócio de uma empresa autorizou o departamen-
____________________________________________
to financeiro a efetuar pagamento do aluguel
____________________________________________ de sua residência do mês de dezembro de 2003,
____________________________________________ sendo a operação registrada como despesa da
____________________________________________ empresa. Esse fato representa a inobservância
do Princípio de Contabilidade:
____________________________________________
a) Da Continuidade.
____________________________________________
b) Da Entidade.
____________________________________________
c) Da Prudência.
d) Do Registro pelo Valor Original.
b) Tente decifrar o lançamento contábil a se-
guir:
O REGISTRO NO LIVRO DIÁRIO
D - Salários (despesa) ________ 500,00 Questão 3
D - Férias (despesa) __________ 200,00
D - FGTS (despesa) ___________ 50,00 (Exame de suficiência CRC, 2004). Uma empre-
D - INSS (despesa) ___________ 150,00 sa comercial registra sua movimentação patri-
C - Salários a pagar _________ 500,00 monial pelo Regime de Competência com as
situações a seguir:
C - Férias a pagar ___________ 200,00
• Despesas relativas a dez./2003 e pagas em
C - FGTS a recolher ___________ 50,00
dez./2003 - R$ 45.000,00.
C - INSS a recolher ___________ 150,00

104
Contabilidade Geral Tema 8 - Atividades

• Despesas relativas a jan./2004 e pagas em a) Aviso prévio igual a 30 dias trabalhados,


dez./2003 - R$ 54.000,00. 9/12 de férias, 4/12 de 13º salário, 40% de
• Despesas relativas a dez./2003 e pagas em multa do FGTS.
jan./2004 - R$ 36.000,00. b) Aviso prévio proporcional aos meses traba-
• Receitas relativas a dez./2003 e recebidas em lhados, férias e 13º no valor do último salá-
jan./2004 - R$ 27.000,00. rio, 40% de multa do FGTS.
• Receitas relativas a jan./2004 e recebidas em c) Saldo de Salário, Aviso Prévio Indenizado,
dez./2003 - R$ 63.000,00. 9/12 de férias indenizadas + 1/3 sobre férias,
3/12 de 13º salário, 40% de multa do FGTS.
• Receitas relativas a dez./2003 e recebidas em
dez./2003 - R$ 51.000,00. d) Saldo de Salário, Aviso Prévio Indenizado,
10/12 de férias + 1/3 sobre férias, 4/12 de 13º
Para fins de análise da diretoria e com base nas
salário, 40% de multa do FGTS.
informações apresentadas, os Resultados do
Exercício dessa empresa em dezembro de 2003, e) Saldo de Salário, Férias de igual valor do úl-
pelo Regime de Caixa e pelo Regime de Compe- timo salário, metade do 13º salário, 40% de
tência foram, respectivamente: multa do FGTS.
a) Prejuízo de R$ 3.000,00 e Lucro de R$
6.000,00.
b) Lucro de R$ 6.000,00 e Prejuízo de R$
3.000,00.
Questão 6
c) Prejuízo de R$ 3.000,00 e Lucro de R$
15.000,00. (ENADE, 2006). A observância dos Princípios de
Contabilidade emanadas pelo CFC - Conselho
d) Lucro de R$ 15.000,00 e Prejuízo de R$ Federal de Contabilidade é obrigatória no exer-
3.000,00. cício da profissão e constitui condição de legiti-
midade das Normas Brasileiras de Contabilida-
de. A Norma Contábil que determina a inclusão
Questão 4 das receitas e despesas na apuração do resulta-
do do período a que pertencerem, de forma si-
multânea quando se correlacionarem, indepen-
(ENADE, 2009). A constituição das provisões dentemente de ter havido recebimento no caso
para férias, décimo terceiro salário e dividendos de receita, ou pagamento, no caso de despesa,
propostos é uma conduta profissional que aten- está contida no Princípio de Contabilidade da:
de a qual princípio contábil? a) Competência.
a) Competência. b) Continuidade.
b) Consistência. c) Oportunidade.
c) Continuidade. d) Tempestividade.
d) Entidade. e) Uniformidade.
e) Prudência

Questão 7
Questão 5
Em relação ao INSS é correto afirmar:
(ENADE, 2009 - adaptada). Um empregado foi a) Pelo seu registro não altera o valor do Passi-
registrado em 16 de janeiro de X6 e demitido vo.
em 30 de setembro do mesmo ano, com dis- b) Pelo seu registro só altera o resultado.
pensa de aviso prévio pelo empregador. Con-
c) Pelo seu registro altera o Passivo e o resulta-
siderando-se que essa empresa antecipa 50%
do.
do 13º salário para todos os seus empregados,
no dia 30 de junho de cada ano, a rescisão con- d) Pelo seu registro altera apenas a conta salá-
tratual do empregado foi composta por quais rios a pagar.
parcelas? e) Nenhuma das hipóteses acima.

105
Tema 8 - Atividades Contabilidade Geral

nov. 2010. Material disponibilizado pelo CFC


Questão 8 sobre princípios e normas de Contabilidade.
• Leia o artigo Fidelidade da informação
contábil e as provisões, de Antonio Lopes de
Assinale a alternativa correta.
Sá. Disponível em: <http://www.infocontab.
a) Os principais descontos na folha de paga- com.pt/download/SE_Lopes_sa/FIDELIDADE_
mento são: INSS, IRRF, contribuição sindical, INFORMACAO_PROVISOES.pdf>. Acesso em: 18
hora extra. nov. 2010. Artigo inédito do professor sobre a
b) O adicional noturno é remunerado de 50% fidelidade da informação contábil.
com acréscimo sobre as horas diurnas. • Acesse o site do Conselho Regional de
c) Todo empregado de empresa privada sem Contabilidade. Disponível em: <http://www.cfc.
previdência própria é obrigado por lei a org.br/>. Acesso em: 18 nov. 2010. Ele apresenta
contribuir com o INSS. a legislação que trata da provisão para crédito de
d) Salário-família tem a finalidade de resguar- liquidação duvidosa, depreciação, amortização
dar o tempo de serviço do empregado. e exaustão.
e) Nenhuma das hipóteses acima.
FINALIZANDO
Neste tema, você viu que a contabilidade tem
Questão 9 princípios que norteiam a sua prática. São co-
nhecidos como princípios contábeis, que são
fundamentais para o registro dos eventos ocor-
Um dos sócios da empresa paga suas contas resi-
ridos e que modificam o patrimônio da Compa-
denciais através da retirada do caixa da empre-
nhia. Finalizando o tema, a folha de pagamento
sa. Este procedimento fere o princípio contábil
como instrumento importante para a execução
da (o):
do trabalho do contador. Para isso, são necessá-
a) Entidade. rios conhecimentos da legislação trabalhista e
b) Continuidade. das práticas contábeis.
c) Oportunidade.
d) Atualização monetária.
e) Competência.
Anotações
____________________________________________

Questão 10 ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Adotar maior valor para o Passivo e menor valor
para o Ativo corresponde à adoção ao princípio ____________________________________________
da: ____________________________________________
a) Objetividade. ____________________________________________
b) Oportunidade. ____________________________________________
c) Prudência. ____________________________________________
d) Competência. ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
AMPLIANDO O CONHECIMENTO
____________________________________________
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então: ____________________________________________
• Leia o livro do CFC. Princípios fundamentais ____________________________________________
e normas brasileiras de contabilidade. Dispo-
____________________________________________
nível em: <http://www.cfc.org.br/uparq/Livro_
Principios%20e%20NBCs.pdf>. Acesso em: 18

106
Contabilidade Geral Desafios de Aprendizagem

Autor: Eliabe Moraes de Oliveira - Faculdade Anhanguera de Jacareí

A atividade prática supervisionada (ATPS) é um método de ensino-aprendizagem desenvolvido por meio de um


conjunto de atividades programadas e supervisionadas e que tem por objetivos:
• Favorecer a aprendizagem.
• Estimular a corresponsabilidade do aluno pelo aprendizado eficiente e eficaz.
• Promover o estudo, a convivência e o trabalho em grupo.
• Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado.
• Oferecer diferenciados ambientes de aprendizagem.
• Auxiliar no desenvolvimento das competências requeridas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos
de Graduação.
• Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução de problemas relativos à profissão.
• Direcionar o estudante para a emancipação intelectual.
Para atingir estes objetivos, as atividades foram organizadas na forma de um desafio, que será solucionado por
etapas, ao longo do semestre letivo.
Participar ativamente deste desafio é essencial para o desenvolvimento das competências e habilidades requeridas
na sua atuação no mercado de trabalho.
Aproveite esta oportunidade de estudar e aprender com os desafios da vida profissional.

Competências e Habilidades
Ao concluir as etapas propostas neste desafio, você terá desenvolvido as competências e habilidades descritas a
seguir.
• Utilizar adequadamente a terminologia e a linguagem das Ciências Contábeis e Atuariais.
• Elaborar pareceres e relatórios que contribuam para o desempenho eficiente e eficaz de seus usuários, quais-
quer que sejam os modelos organizacionais.
• Aplicar adequadamente a legislação inerente às funções contábeis.

Desafio
O desafio consiste na elaboração completa de um ciclo de produção de uma empresa industrial, que utiliza o “mé-
todo absorção” para a determinação do custo unitário de produção (figura um). A elaboração do desafio se dará
através da criação fictícia de uma empresa industrial do ramo cosmético. A linha de produção terá dois produtos.
Os valores físicos e monetários serão definidos pela equipe, na consecução do desafio, a fim de se obter razões
de proporcionalidade com a estrutura que cada equipe definirá para a “ICC – Indústria de Cosméticos Cupuaçu
Ltda”.

ETAPA 1
Aula-tema: Fundamentos da Contabilidade de Custos
Esta atividade é importante para que você compreenda as principais terminologias contábeis na área de custos, e
identificar os principais princípios contábeis que regem a contabilidade de custos.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos.

107
Desafio de Aprendizagem Contabilidade Geral

Autor: Eliabe Moraes de Oliveira - Faculdade Anhanguera de Jacareí

PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, que deverá ter no mínimo três e no máximo cinco componentes. En-
tregue ao seu professor os nomes, RA e e-mail dos alunos.
Passo 2 - Pesquise sobre os princípios fundamentais de contabilidade (PFC) aplicados na área de custos, pelo
menos em quatro bibliografias diferentes. Observe as convergências dos autores sobre o tema. Utilize uma lauda
para esta pesquisa.
Passo 3 - Entregue a atividade ao professor da disciplina.

ETAPA 2
Aula-tema: Sistemas de acumulação dos custos; tipos de custos; classificação dos custos
Esta atividade é importante para que você identifique os objetivos dos sistemas de acumulação de custos, os ti-
pos de custos que a empresa pode empregar no gerenciamento e separar os custos que compõem o produto de
acordo com sua natureza.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos.

PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, que deverá ter no mínimo três e no máximo cinco componentes.
Entregue ao seu professor os nomes, RAs e e-mails dos alunos.
Passo 2 - Utilize a Internet para pesquisar sobre o que é a indústria de cosméticos, seu mercado, seus fornecedo-
res, sua estrutura fabril, etc. A partir dessa pesquisa defina.
a) A visão de negócios da organização, que compreende a descrição dos mercados, principais tipos de clientes,
produtos e linhas de produção que uma empresa deste ramo deve ter;
b) a visão da organização, que compreende uma descrição da estrutura hierárquica da empresa e dos setores,
atividades, departamentos de serviços e de produção, divisões, número de funcionários, incluindo a gerência,
utilizando preferencialmente, o conceito de organograma.
c) A seguir, alguns site para ajudá-lo neste passo.
< www.josedornelas.com.br/artigos/uma-nova-visao-de-negocios/>
< www.jlcarneiro.com/downloads/osm/aula07.pdf>
Passo 3 – Defina:
a) Quais produtos serão produzidos (sabonete, xampu, cremes, etc.);
b) A estrutura de gastos que a empresa terá. Não se preocupe nesta etapa em fazer a separação dos gastos, mas
trabalhe analiticamente (aluguel da fábrica, compra de aparelhos de pesquisa para os laboratórios, etc.) para
identificar a maior quantidade possível de gastos existentes neste setor.
Passo 4 - A partir da leitura dos capítulos um e dois do Livro-Texto, Contabilidade de Custos, deVicente Carioca,
defina.
a) Os insumos de produção da empresa (custos diretos, custos indiretos, custos fixos e custosvariáveis, despesas
operacionais, investimentos).
b) Os tipos de materiais diretos, secundários, materiais indiretos e custos de transformação,que a empresa possui.
Justifique conceitualmente a classificação dada para cada item escolhido.
Entregar texto impresso ao professor da disciplina contendo todos os passos.

108
Contabilidade Geral Desafios de Aprendizagem

Autor: Eliabe Moraes de Oliveira - Faculdade Anhanguera de Jacareí

ETAPA 3
Aula-tema: Apuração dos custos de materiais diretos
Esta atividade é importante para que você apure o consumo de materiais pelos critérios de controle com frequên-
cia permanente e compreenda suas aplicações específicase efeitos no processo de gestão empresarial.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos.

PASSOS
Passo 1 - Leia a matéria sobre impostos nas empresas no site. Disponível em: <http://www.sebraesp.com.br/faq/
financas/legislacao/impostos_atividades_ope racionais> Acesso em: 10 de junho de 2010.
Identifique que tipos de impostos incidirão na compra dos materiais (direitos e indiretos). Lembre-se que é uma
indústria cosmética, e por terem produtos diferenciados e complexos, existem peculiaridades na legislação (base
glicerinada, corantes, essências e fôrmas, etc.).
Passo 2 – Defina:
a) Uma quantidade (kg, ml, litros) para utilizar cada tipo de material em um mês de produção. Faça a aquisição
imediata desses materiais;
b) Preço de compra total para cada material. Pesquise o preço de mercado desses produtos;
c) A(s) alíquota(s) do(s) imposto(s) incidente(s) na compra dos materiais;
d) Considere que o inventário inicial, no início do mês, é zero para todos os materiais.
Passo 3 - Leia o CPC 2, sobre avaliação de estoques. Disponível em: <www.ibracon.com.br/anexo.
asp?idpagina=226> Acesso em: 10 de junho de 2010.
a) Utilize o critério de controle MPM (média ponderada móvel) para manter o sistema permanente dos materiais
adquiridos.
b) Elabore a ficha para cada tipo de material e efetue as contabilizações (apenas em Diário).
Passo 4 - Houve requisição para a produção de 50% dos materiais existentes no inventário.
Efetue as baixas na ficha de estoque e efetue as contabilizações (apenas em Diário).
Entregar texto impresso ao professor da disciplina contendo todos os passos.

ETAPA 4
Aula-tema: O custeio dos materiais aos produtos
Esta atividade é importante para que você entenda o custeio de materiais na produção contínua e desenvolva uma
visão gerencial básica sobre custeio de materiais.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos.

PASSOS
Passo 1 - A partir da leitura do capítulo seis do Livro-Texto Contabilidade de Custos, de Vicente Carioca, construa
o quadro de apropriação do consumo e do custo real de cada um dos produtos (quadro modelo: 6.6 – pág. 80).
Para isso, elabore todos os quadros do capítulo seis, definindo as medidas, volumes e períodos necessários para
a produção dos materiais.
Passo 2 - Defina:
a) Qual a quantidade esperada de consumo de cada material, para cada unidade, de cada tipo de produto;
b) Qual o custo unitário e total esperado para a produção de cada produto no mês;

109
Desafio de Aprendizagem Contabilidade Geral

Autor: Eliabe Moraes de Oliveira - Faculdade Anhanguera de Jacareí

c) Defina a quantidade produzida de cada produto, sabendo que 100% dos produtos em elaboração no mês
foram concluídos.
Passo 3 - Entregar texto impresso ao professor da disciplina contendo todos os passos.

ETAPA 5
Aula-tema: Custos de fabricação indiretos (CIF)
Esta atividade é importante para que você classifique os custos de conversão indiretos, de acordo com sua natu-
reza e compreenda os conceitos que fundamentam cada um dos principais critérios de custeio desenvolvidos pela
Ciência Contábil e, em que situações são aplicados.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos.

PASSOS
Passo 1 - Leia o artigo publicado na revista ciências gerenciais, da Anhanguera Educacional, sobre o custeio ABC,
que tem por finalidade mostrar a melhor alocação dos custos indiretos dentro de uma organização. Disponível
em: <http://sare.unianhanguera.edu.br/index.php/rcger/article/view/380/381> Acesso em: 10 de junho de 2010.
Passo 2 - Descreva como se dá o processo de apropriação dos custos indiretos na ICC.
Elabore um fluxograma demonstrando seus argumentos.
Passo 3 - Caso a empresa mudasse de produção contínua para produção por encomenda, alteraria o processo de
apropriação dos custos indiretos? Explique e demonstre.
Passo 4 - Entregar texto impresso ao professor da disciplina contendo todos os passos.

ETAPA 6
Aula-tema: Apropriação dos custos de conversão indiretos na produção contínua
Esta atividade é importante para que você compreenda os conceitos que norteiam as bases de rateio, como e por
que são utilizadas, como estruturá-las e os reflexos que produzem sobre os resultados individuais.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos.

PASSOS
Passo 1 - Leia o artigo da Finance Training disponível em: <http://www.financetraining.com.br/artigos_det.
cfm?ID=22> Acesso em: 10 de junho de 2010.
a) Defina as bases de rateio dos custos indiretos de sua empresa.
b) Elabore um quadro simples contendo o item de custo, sua base de rateio e a unidade de medida.
Passo 2 - Defina valores para os custos indiretos, proporcionais ao tamanho e a estrutura de sua empresa.
Passo 3 - Conforme estrutura departamental definida anteriormente na etapa um, atribua para cada departa-
mento os valores com os custos consumidos por eles durante o mês. Siga as instruções do quadro 9.2, página
114, do Livro-Texto Contabilidade de Custos, de Vicente Carioca.
Passo 4 - Elabore:
a) O Mapa de rateio dos departamentos de serviços;
b) A proporcionalidade do que cada departamento consumiu de recursos;
c) O quadro de apropriação dos custos aos produtos.
Entregar texto impresso ao professor da disciplina contendo todos os passos.

110
Contabilidade Geral Desafios de Aprendizagem

Autor: Eliabe Moraes de Oliveira - Faculdade Anhanguera de Jacareí

ETAPA 7
Aula-tema: Mão-de-obra (MOD)
Esta atividade é importante para que você entenda os principais conceitos sobre a classificação da mão-de-obra
como custo direto e calcular o custo por hora da mão-de-obra direta no setor industrial.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos.

PASSOS
Passo 1 - Leia o material do caderno de estudos da FIPECAFI, sobre mão-de-obra e encargos sociais. Disponível
em: <http://www.eac.fea.usp.br/cadernos/completos/cad06/custo.pdf>
Defina o custo mensal do funcionário horista da ICC, determinando o custo por hora de trabalho.
Passo 2 - Calcule o custo total da mão-de-obra direta do mês. Utilize a tabela de encargos sociais e trabalhistas
para funcionários horistas (Quadro 11.2), disponível no Lvro-Texto Contabilidade de Custos.
Passo 3 - Resolva os itens a seguir:
a) Calcule o custo de MOD por unidade de cada produto. Utilize as quantidades produzidas, definidas pela equipe
na etapa três;
b) Defina o preço de venda dos produtos 75% sobre o valor dos custos dos produtos acabados;
c) Cefina a quantidade produzida de cada produto.
Passo 4 - Elabore uma demonstração do resultado do exercício de apenas um produto.
Entregar texto impresso ao professor da disciplina contendo todos os passos.

ETAPA 8
Aula-tema: Margem de contribuição e suas derivações no processo decisório; custeio variável ou direito
e relação custo-volume-lucro; aplicação dos conceitos de custos em um modelo de análise de investi-
mentos
Esta atividade é importante para que você:
a) Produza resultados comparativos entre o critério de custeio por absorção e o critério de custeio variável e en-
tender suas diferenças;
b) Empregue as “ferramentas” de custos estudadas a partir do capítulo 14, do Livro-Texto da disciplina, para
desenvolver estudos de viabilidade econômica de investimentos em diferentes cenários.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos.

PASSOS
Passo 1 - Apure o custo dos produtos utilizando o método direto. Para isso, faça a separação dos custos da ICC
em fixos e variáveis.
Passo 2 - Utilize o quadro 14.10, do Livro-Texto Contabilidade de Custos, para elaborar uma DRE no custeio
variável.
Passo 3 - Leia o artigo disponível em: <http://intertemas.unitoledo.br/revista/index.php/ETIC/article/viewFile/963/33.
Calcule o ponto de equilíbrio contábil (PEC) e o ponto de equilíbrio financeiro(PEF), sabendo que a empresa tem,
de valores não desembolsáveis, 3% do custo fixo da ICC.

111
Desafio de Aprendizagem Contabilidade Geral

Autora: Eliabe Moraes de Oliveira - Faculdade Anhanguera de Jacareí

Passo 4 - Para essa atividade, use como referência o exercício proposto do capítulo 17 (pág. 254), do Livro-Texto
Contabilidade de Custos, de Vicente Carioca.
Leia o texto do capítulo 17 do Livro-Texto da disciplina.
Entregar texto impresso ao professor da disciplina contendo todos os passos.

112
Contabilidade Geral Referências Bibliográficas

FAHL, A. C.; MANHANI, L. P. de S.; SILVA, M. F. da. Contabilidade. 1ªed. São Paulo: Pearson Prentice Hall,
2008.

IUDÍCIBUS, S. de I.; MARION, J. C. Dicionário de termos contábeis de contabilidade. São Paulo: Atlas,
2001.

MARION, J. C. Contabilidade empresarial. 11. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

PADOVEZE, C. L. Manual de Contabilidade Básica: uma introdução à prática contábil. 5. ed. São Paulo:
Atlas, 2005.

SILVA, A. Introdução à contabilidade. FACAPE. [s.d.]. Disponível em: <http://www.facape.br/


agnaldo/2602_Introducao_a_Contabilidade.pdf>. Acesso em: 18 nov. 2010.

WIKIPÉDIA. Pessoa física. [s.d.]. Disponível em: <http://www.pt.wikipedia.org/wiki/Pessoa_fisica>.


Acesso em: 29 nov. 2010.

113
Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________
Processos
Administrativos

Autores:
Matheus Jensen Ribeiro
Ricardo Guilherme Monteiro de Almeida
Processos
Administrativos

Orientações de estudo
Caro(a) aluno(a),
Este caderno de atividades foi elaborado com base
no livro “Administração: Teoria, Processo e Práti-
ca”, do autor Idalberto Chiavenato, Editora Else-
vier, PLT 302.
Ele é composto por 8 temas:

Tema 1
Planejamento Estratégico
Aborda os conteúdos situados no capítulo 7. Nesse primeiro tema, você conhecerá a importância das análises
ambientais para melhor conhecer suas potencialidades e vulnerabilidades, além da implementação das estra-
tégias nas organizações.

Tema 2
Planejamento Tático
Aborda os conteúdos situados no capítulo 8. Nesse tema, você verá como as empresas planejam em seu nível
intermediário, por meio de um processo decisório determinado pelo nível hierárquico existente na empresa.

Tema 3
Planejamento Empresarial
Aborda os conteúdos situados no capítulo 9. Nele, você entenderá como as empresas planejam em seu nível
operacional, por meio de diferentes tipos de planos possíveis de aplicabilidade, de acordo com as característi-
cas de cada organização.

Tema 4
Desenho Organizacional, Desenho Departamental e Modelagem
do Trabalho
Aborda os conteúdos situados nos capítulos 10, 11 e 12. Neles, você entenderá o funcionamento da organi-
zação. Como os departamentos e recursos serão aplicados e comandados por meio de organogramas, além
das diferenças entre organizações lineares e funcionais.

116
4
Tema 5
Direção
Aborda os conteúdos situados no capítulo 13. Neles, você analisará as relações interpessoais dos administra-
dores com seus subordinados, por meio de diversos estilos de direção e liderança. Veremos algumas teorias
motivacionais, bem como definiremos cultura organizacional e clima organizacional.

Tema 6
Gerência e Supervisão
Aborda os conteúdos situados nos capítulos 14 e 15. Neles, você fará o estudo da gestão em cada nível orga-
nizacional (gerência e supervisão) entendendo também a importância do trabalho em equipe.

Tema 7
Controle Estratégico, Controle Tático e Controle Operacional
Aborda os conteúdos situados nos capítulos 16, 17 e 18. Neles, você verá como é feito o controle nos três
níveis: estratégico, tático e operacional. O objetivo é entender a importância do controle dentro do processo
administrativo e como isso poderá ajudar na prevenção e correção evitando problemas futuros.

Tema 8
Competências Organizacionais e Criação de Valor
Aborda os conteúdos situados no capítulo 19. Nele, você poderá observar o desenvolvimento de competências
necessárias para agregar valor ao negócio. O desenvolvimento dessas competências será essencial para ganhar
vantagem competitiva e chegar à excelência.

ATENÇÃO! As respostas para as atividades deste caderno estão disponíveis no ambiente


virtual do curso. Consulte seu tutor presencial para mais informações.

117
Tema 1
Planejamento Estratégico

Objetivos de Aprendizagem
• Compreender o conceito de planejamento.
• Identificar as principais formas de lidar com as incertezas e com as mudanças que ocorrem nas organiza-
ções.
• Estabelecer as etapas do planejamento estratégico.

Para início de conversa


Agora chegou a sua vez! Prepare-se para entrar no mundo
do planejamento corporativo. Você está acostumado a tra-
balhar com planejamento na sua atividade profissional? Em
algum momento, já analisou suas atividades realizadas com
e sem um planejamento prévio e detectou alguma diferença
nos resultados finais?

Por dentro do tema


O planejamento estratégico é abrangente o suficiente para ser desmembrado em
planos táticos, que, por sua vez, podem ser desdobrados em planos operacionais.
Toda empresa tem seus objetivos específicos. Todas buscam, porém, um objetivo
único: lucro. Além disso, também procuram obter autonomia para decidir, expandir-
se e gerar segurança aos seus colaboradores.
O significado de Visão, Missão e Valores é de fundamental importância para a estru-
turação de um planejamento estratégico adequado, pois esses conceitos norteiam
as diretrizes de um planejamento.
Você deverá consultar os capítulos do Livro-Texto sempre que sentir a necessidade
de recuperar os conceitos.

118
4
Processos Administrativos Tema 1 - Atividades

Atividades

INSTRUÇÕES
Reúna-se em grupo de 3 a 5 alunos para desen-
volver as questões a seguir. Tenha em mãos todo
o material disponibilizado pelo curso para con-
sulta e acesse o tutor presencial em caso de dú-
vidas.

Ponto de partida
Para começar a entender o funcionamento das
organizações, responda à seguinte questão: Questão 2
“O planejamento estratégico centra-se em obje-
tivos de longo prazo, concentrando-se em ativi- Umas das etapas do planejamento estratégico é
dades que resultem no desenvolvimento de uma a análise organizacional externa. Explique esta
missão organizacional clara, bem como de obje- etapa, levando em consideração as cinco forças
tivos organizacionais e de estratégias que per- competitivas de Porter.
mitam à empresa alcançar tais objetivos”. Quais
funcionários de uma organização devem estar
envolvidos na montagem e execução do planeja-
mento estratégico?

Questão 3
Explique todas as etapas de um planejamento
Agora, é com você! Responda às questões a estratégico.
seguir para conferir o que aprendeu.

Questão 1
O planejamento estratégico tem uma função
decisiva para o funcionamento da organização.
Para detalhar esse planejamento, explique as
três atividades essenciais para a elaboração do
planejamento estratégico.

119
Tema 1 - Atividades Processos Administrativos

tro níveis: penetração no mercado, desenvolvi-


Questão 4 mento de mercado, desenvolvimento de produ-
to e diversificação. O responsável por este novo
esquema foi:
A quem uma empresa deve prestar contas?
a) Samuel Certo; desenvolveu também outros
Quem deve receber os retornos da riqueza
tipos de estratégia.
criada em uma organização? Cite esses atores
(shareholders e stakeholders). b) Porter, enfático em classificar a estratégia em
três categorias: diferenciação, liderança do
custo e foco.
c) Estratégia de Miles e Snow - basearam-se nos
tipos de desafios que a organização deve re-
solver para adaptar-se ao ambiente.
d) Boston Consulting Group (BCG).
e) Igor Ansoff, nascido em 1918. Professor e
consultor norte-americano, conhecido como
o pai da gestão estratégica.

Questão 7
Não faz parte do planejamento estratégico:
Questão 5 a) Verificar o estado atual das coisas.
b) Dividir o trabalho.
c) Desenvolver premissas sobre condições futu-
Qual a importância das empresas para a socieda-
ras.
de como um todo?
d) Identificar meios para alcançar os objetivos.
e) Implementar os planos de ação necessários.

Questão 8
Segundo Peter Drucker, como qualquer decisão
gerencial importante leva anos para se tornar rea-
lidade - pesquisas, construção de novas instalações,
ou projeto de um novo produto - ela deve também
ser produtiva durante anos para obter o retorno
sobre o investimento.
A frase de Confúcio - “aquele que não prevê os
acontecimentos a longo prazo se expõe a infeli-
cidades próximas” leva-nos a ratificar os pensa-
Questão 6 mentos de Drucker.
(LACOMBE, 2003, pág.161)
As organizações usam diversas estratégias simul-
taneamente. As grandes corporações, com mui-
tos negócios diferentes, podem ter estratégias
distintas para cada um deles, dependendo das
peculiaridades dos ramos de negócios. Portanto,
em 1965, foi apresentado um projeto pioneiro,
que classifica as estratégias empresariais em qua-

120
Processos Administrativos Tema 1 - Atividades

Estamos falando de:


a) Remuneração de cargos e salários. Questão 10
b) Planejamento.
c) Organizações mecanísticas. (ENADE 2006). O novo presidente da Empresa
d) Avaliação de desempenho. Mercados Múltiplos está redirecionando a sua
e) Grupos informais. estratégia por meio de um processo clássico cen-
tralizado de gestão estratégica de natureza pres-
critiva, cujos modelos conceituais e etapas são
bem conhecidos. Assim, o presidente está corre-
Questão 9 to ao afirmar que o processo deve contemplar:
a) O atendimento das expectativas dos diferen-
tes grupos na estrutura de poder da empresa.
A APO é uma técnica que exige gerentes amigá-
veis e prestativos, de um lado, e subordinados b) A implementação de estratégias emergentes.
honestos e maduros de outro, para assegurar um c) A avaliação dos concorrentes potenciais e
clima de elevada confiança mútua. Além disso, produtos substitutos.
a APO produz melhores resultados em empresas d) A utilização de processo participativo de to-
que atuam em ambientes mutáveis e dinâmicos. mada de decisão estratégica.
Condições rapidamente mutáveis e papéis que e) A manutenção do organograma e do sistema
envolvam conflito e ambiguidade constituem os de informação existentes.
meios favoráveis para a aplicação da APO. Em
resumo, a APO impõe uma cultura participativa
e aberta a empresas que assumem a mudança AMPLIANDO O CONHECIMENTO
como maneira básica de operar. Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
(CHIAVENATO, 2007, pág. 149) consulte:
Disponível em: <http://www.merkatus.com.br/10_
De acordo com o texto acima, assinale a alterna- boletim/77.htm>.
tiva correta. • Nesse site você encontrará assuntos relaciona-
a) A APO não tem interligação com o setores da dos aos princípios e valores fundamentais para a
organização; sendo assim, não cria sinergia. organização, bem como sua missão e visão.
b) Utiliza-se a APO para manter um estilo indivi- • Nos links abaixo, você encontrará mais in-
dualista e autoritário. formações e conceitos sobre os stakeholders e
shareholders.
c) Não se leva em consideração na APO a ques-
tão do trabalho em equipe e inovação. Disponível em: <http://ogerente.com/stakeholder/
2007/02/23/o-que-e-um-stakeholder> e <http://
d) A APO é uma ferramenta administrativa que
w w w. a d m i n i s t r a d o r e s . c o m . b r / i n f o r m e -
busca a eficácia para alcançar os objetivos.
se/producao-academica/shareholders-e-
e) A função principal da APO é administrar a ro- stakeholders/513/>.
tina.
• Consulte também as seguintes bibliografias:
LACOMBE, Francisco Jose Masset. Recursos Hu-
manos: Princípios e Tendências. São Paulo: Sarai-
va, 2006.
MAXIMIANO, Antonio Cesar Amaru. Teoria Ge-
ral da Administração: da Revolução Urbana à Re-
volução Digital. São Paulo: Atlas, 2008.

121
Tema 1 - Atividades Processos Administrativos

FINALIZANDO
Nesse tema, após ter realizado todas as tarefas
propostas e leituras recomendadas, você obteve
uma visão atualizada e realista sobre o planeja-
mento estratégico que envolve as empresas, des-
de a determinação dos objetivos empresariais,
as análises ambientais, as alternativas existentes
e uma tomada de decisão correta, com base em
uma estratégia adequada.

122
Tema 2
Planejamento Tático

Objetivos de Aprendizagem
• Conceituar o planejamento tático em uma empresa.
• Entender as características e etapas que envolvem a decisão no planejamento tático.
• Conceituar a diferença de plano e planejamento.

Para início de conversa


Durante muito tempo a estratégia de uma companhia era
algo que dizia respeito apenas à sua alta cúpula - a maioria
dos funcionários nem sequer ficava sabendo dos rumos de-
finidos para o negócio. Você acredita que os colaboradores
devem ficar distantes das informações que fazem parte de
cruciais mudanças dentro de uma empresa?

Por dentro do tema


O planejamento tático é um processo permanente e contínuo, preocupado com a
racionalidade de tomada de decisão e de médio prazo.
A racionalidade no planejamento tático é em virtude das metas e objetivos a alcan-
çar dentro das empresas, onde eficiência na decisão e minimização da incerteza
encontram-se.
Planos táticos são uma extensão do planejamento estratégico adotado pela empre-
sa.

123
Tema 2 - Atividades Processos Administrativos

Atividades

INSTRUÇÕES
Reúna-se em grupo de 3 a 5 alunos para desen-
volver as questões a seguir. Tenha em mãos todo
o material disponibilizado pelo curso para con-
sulta e acesse o tutor presencial em caso de dú-
vidas. Questão 2
Quais os tipos de planejamento tático existentes
Ponto de partida e mais usados nas empresas modernas?

“No planejamento de médio prazo ou planeja-


mento tático selecionam-se e definem-se quais e
quantos recursos devem ser usados para alcançar
as metas definidas pelo planejamento estratégi-
co, assim como sua forma de aquisição e a orga-
nização para a estruturação do trabalho”. Quem
é responsável por essa função?

Questão 3
O que são procedimentos? Cite um exemplo?

Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

Questão 1
Conceitue planejamento tático e suas caracterís-
ticas.

124
Processos Administrativos Tema 2 - Atividades

d) Planejamento da APO (Administração por


Questão 4 Objetivos).
e) Planejamento operacional.

Explique a racionalidade limitada inerente a


todo processo de decisão na organização.
Questão 7
Os elementos de um processo decisório são as al-
ternativas abaixo, exceto:
a) Tomador de decisão.
b) Objetivos.
c) Sistema de informações gerenciais.
d) Estados da natureza.
e) Consequências.

Questão 8
Questão 5 As etapas do processo decisório envolvem:
a) Diagnosticar, filtrar processos, excluí-los e se-
Porque as decisões não programadas são mais lecionar.
difíceis de chegar a um consenso do que as deci- b) Diagnosticar, procurar alternativas, analisá-
sões programadas? las e selecionar.
c) Escolher aleatoriamente, filtrar processos,
analisá-los e implementar.
d) Diagnosticar, procurar alternativas, excluí-las
e implementar.
e) Escolher aleatoriamente, procurar alternati-
vas, analisá-las e implementar.

Questão 9
O planejamento consiste na __________ anteci-
pada de decisão sobre o que fazer __________ de
a ação se tornar necessária e, por isso, constitui
um sistema ___________ e dinâmico de decisões.
Questão 6 Complete o texto:
a) Visão, depois, aberto.
É focado a médio prazo, está ligado diretamente b) Tomada, antes, fechado.
à incerteza dos resultados e usam termos como c) Visão, antes, fechado.
alocação de recursos, racionalidade e planos de- d) Tomada, depois, fechado.
partamentais. Estas informações referem-se ao:
e) Tomada, antes, aberto.
a) Planejamento tático.
b) Planejamento dos Stakeholders.
c) Planejamento estratégico.

125
Tema 2 - Atividades Processos Administrativos

Questão 10
Os possíveis planos que podem ser desencadea-
dos no nível tático da empresa, em determinados
departamentos, são os exemplos abaixo, exceto:
a) Plano de Marketing.
b) Plano Financeiro.
c) Plano de Responsabilidade Social.
d) Plano de Produção.
e) Plano de Recursos Humanos.

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
consulte:
Disponívelem:<http://www.pro.poli.usp.br/publica
coes/trabalhos-de-formatura/planejamento-
tatico-da-producao-em-empresa-do-setor-
de-alimentos>, sobre um estudo de caso de
implementação de um planejamento tático.
Veja também:
KOONTZ, Harold. Princípios de Administração -
Uma Análise das Funções Administrativas. São
Paulo. Ed. Pioneira,1976.
ROBBINS, Stephen Paul. - Mudanças e Perspecti-
vas. São Paulo. Saraiva, 2000.

FINALIZANDO
Nesse tema, você verificou a necessidade do pla-
nejamento tático de uma organização e verificou
o quanto ele é uma extensão do planejamento
estratégico de uma empresa, sua importância e
suas particularidades.

126
Tema 3
Planejamento Empresarial

Objetivos de Aprendizagem
• Conceituação do planejamento operacional.
• Características e tipos de planejamentos operacionais.
• Entender a importância em relação aos planejamentos anteriores já estudados.

Para início de conversa


Nesse tema, você verá que os procedimentos operacionais
são documentos que definem a forma de trabalho dentro de
uma seção ou departamento de uma empresa. Mas quanto é
relevante trabalhar seguindo normas escritas e procedimen-
tos padronizados, se já existe um responsável no setor que
orienta esses funcionários?

Por dentro do tema


Os planos operacionais são implementados para que haja um detalhamento das
ações e um monitoramento das atividades realizadas.
Fluxograma é uma sequência de rotinas de trabalho que define as etapas e tempos
percorridos para a execução de uma atividade.
Há uma diversidade de planos operacionais relacionados com métodos, dinheiro,
tempo e comportamentos, como também múltiplas aplicações desses planos no
nível operacional das empresas.

127
Tema 3 - Atividades Processos Administrativos

Atividades

INSTRUÇÕES
Reúna-se em grupo de 3 a 5 alunos para desen-
volver as questões a seguir. Tenha em mãos todo
o material disponibilizado pelo curso para con-
sulta e acesse o tutor presencial em caso de dú-
vidas.
Questão 2
Ponto de partida Qual a relação entre planejamento e controle?

Para iniciar o tema 3, leia com atenção a questão


e responda:
“O planejamento operacional pode ser conside-
rado como a formalização, principalmente por
meio de documentos escritos, das metodologias
de desenvolvimento e implantação estabeleci-
das”. Todas as empresas adotam metodologias de
planejamento operacional idênticas? Justifique.

Questão 3
O que são regulamentos?

Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

Questão 1
Qual a importância do nível operacional para
atingir a eficiência e eficácia?

128
Processos Administrativos Tema 3 - Atividades

a) Planejamento tático.
Questão 4 b) Planejamento dos Stakeholders.
c) Planejamento estratégico.
Você acha que o planejamento se torna mais ou d) Planejamento da APO (Administração por
menos importante em um mundo onde tudo Objetivos).
está mudando rapidamente e as crises passaram e) Planejamento operacional.
a ser parte regular da vida organizacional? Por
quê?

Questão 7
Os procedimentos constituem ________ para a
ação e são mais ______________ que as políticas.
Complete o texto:
a) Normas, genéricas.
b) Guias, genéricas.
c) Guias, específicas.
d) Normas, específicas.
e) NDA.

Questão 5 Questão 8
Em um fluxograma vertical, o símbolo => signi-
Quais são as características das metas eficazes? fica:
Seria melhor não tê-las do que ter metas que
não satisfazem esses critérios? a) Uma operação.
b) Um transporte.
c) Uma inspeção.
d) Um atraso.
e) Uma parada definitiva ou prolongada.

Questão 9
Os símbolos universais utilizados no fluxograma
vertical são os seguintes:
a) Operação/transporte/inspeção/armazena-
mento.
b) Avaliação/transporte/correção/armazena-
mento.
Questão 6 c) Operação/transporte/correção/armazena-
mento.
É focado a curto prazo, está ligado diretamente d) Avaliação/transporte/inspeção/armazena-
à eficiência e usa termos como procedimentos, mento.
orçamentos, programações e regulamentos. Es- e) NDA.
tas informações referem-se ao:

129
Tema 3 - Atividades Processos Administrativos

Questão 10
O PERT (Program Evaluation Review Technique)
ou Técnica de Avaliação e Revisão de Programa é
um modelo de planejamento _____________ uti-
lizado em atividades de _____________ e projetos
de pesquisa e desenvolvimento.
Complete a frase:
a) Tático; marketing.
b) Operacional; produção.
c) Operacional; financeiro.
d) Tático; produção.
e) Estratégico; financeiro.

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
consulte:
Disponível em: <http://www.strategia.com.
br/Estrategia/estrategia_corpo_capitulos_
conceitos.htm>.
• Consulte também as seguintes bibliografias:
OLIVEIRA, D.P.R. de. Planejamento estratégico:
conceitos, metodologia e práticas. São Paulo.
ed.: Atlas, 1998.
PHILLIPS, Joseph. Gerência de Tecnologia da In-
formação: No Caminho Certo, do Início ao Fim.
Rio de Janeiro. Campus/Elservier, 2003.

FINALIZANDO
Neste tema, você viu que não existe um plane-
jamento operacional se não houver um detalha-
mento de todas as atividades realizadas. E que
existe uma ligação entre todos os planejamentos
realizados, desde o planejamento que envolve a
alta administração (estratégico), passando pela
gerência (tático) e chegando à execução das ta-
refas (operacional).

130
Tema 4
Desenho Organizacional, Desenho
Departamental e Modelagem do Trabalho

Objetivos de Aprendizagem
• Compreender as características da estruturação de uma organização e seus esquemas.
• Saber distinguir as vantagens e desvantagens da centralização e da descentralização em uma empresa.
• Interpretar os benefícios da implantação de departamentos em empresas e discutir os principais esque-
mas de integração de cargos no esquema operacional.

Para início de conversa


“A função de organização no nível institucional trata a em-
presa em sua totalidade, isto é, como um sistema aberto e
integrado. Recebe o nome de desenho organizacional, e o
desenho organizacional representa uma forma, um padrão,
uma estrutura ou algo parecido e que é utilizado pela em-
presa para alcançar um ou mais objetivos”. Faça uma relação
entre o planejamento visto nos temas anteriores e a forma
de organização das empresas modernas.

Por dentro do tema


A organização pode ser usada em dois significados diferentes: formal (divisão de
trabalho racional e planejada) e informal (emerge espontânea e naturalmente).
As funções de organizar envolvem tarefas realizadas, pessoas alocadas para essa
execução, órgãos (ou divisões e departamentos) e relações (entre pessoas e órgãos).
A abrangência da organização segue a mesma lógica do planejamento: ocorre nos
níveis de alta administração (estratégico), gerência (tático) e operacional.

131
Tema 4 - Atividades Processos Administrativos

Atividades

INSTRUÇÕES
Reúna-se em grupo de 3 a 5 alunos para desen-
volver as questões a seguir. Tenha em mãos todo
o material disponibilizado pelo curso para con-
sulta e acesse o tutor presencial em caso de dú-
vidas.

Ponto de partida Questão 2


Quais as diferenças fundamentais entre centrali-
“O desenho organizacional envolve a definição
zação e descentralização em uma empresa?
da estrutura básica da empresa e como a tarefa
empresarial será dividida e atribuída entre de-
partamentos, divisões, unidades, equipes e car-
gos. Esses aspectos são divulgados nos organo-
gramas, manuais de organização e descrições de
cargos”. Logo, quais as consequências para uma
empresa, se o seu desenho organizacional não
estiver adequado às necessidades da organiza-
ção?

Questão 3
Conceitue cargos, fluxo de trabalho e regras e
regulamentos existentes em uma empresa tradi-
cional.

Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

Questão 1
Cite os principais requisitos do desenho organi-
zacional.

132
Processos Administrativos Tema 4 - Atividades

d) Gerar novas oportunidades de negócios.


Questão 4 e) Obter vantagens na produção em escala.

Quais os métodos de integração mais utilizados


em uma empresa para manter a convergência de
esforços?
Questão 7
Amplitude de controle é:
a) A distância entre os operários e a alta admi-
nistração.
b) Número de subordinados que cada cargo
pode assumir para supervisão adequada.
c) Número de subordinados em relação ao nú-
mero de gerentes existentes.
d) A distância entre os operários dos gerentes e,
destes, com a alta administração.
e) NDA.

Questão 8
Questão 5
Não é característica de uma organização linear:
Comente sobre cada tamanho organizacional a) Descentralização das decisões.
existente e suas características. b) Formato piramidal.
c) Linhas formais de comunicação.
d) Autoridade linear.
e) Única autoridade.

Questão 9
Não são desvantagens de uma organização fun-
cional:
a) Diluição e consequente perda de autoridade
de comando.
b) Subordinação múltipla.
c) Tendência à concorrência entre os especialis-
tas.
Questão 6 d) Tendência à tensão e conflitos dentro da or-
ganização.
Indique qual a exceção das condições internas do e) Clareza quanto aos objetivos.
crescimento empresarial.
a) Utilização plena dos recursos disponíveis.
b) Recursos e competências para criar novos ne-
gócios.
c) Redução quantitativa de mão de obra não es-
pecializada.

133
Tema 4 - Atividades Processos Administrativos

Questão 10
Não é considerada uma vantagem na estrutura
matricial:
a) Resposta à complexidade dos negócios.
b) Especialização e coordenação.
c) Resposta à turbulência ambiental.
d) Foco no produto e nos clientes.
e) Dualidade funcional e produto/projeto.

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Você que saber mais sobre esse assunto? Então,
consulte:
Disponível em: <www.administradores.com.br>
Portal dos Administradores com artigos sobre es-
trutura organizacional, seus benefícios e conse-
quências para uma organização.
Disponível em: <http://www.managementv.com.
br/>.
• site do Canal a Cabo de TV fechada Manage-
mentv, com entrevistas com os principais execu-
tivos de grandes empresas e suas experiências
narradas sobre fatos ocorridos dentro das orga-
nizações.
• Livro “Empreenda antes dos 30: seja dono do
próprio nariz - empreenda quase sem dinheiro”,
de José Dornelas, da Editora Saraiva, mostra as
possibilidades de montar sua própria empresa e
estruturá-la de acordo com seu modelo de ne-
gócios.

FINALIZANDO
Nesse tema, você viu a importância da organiza-
ção dentro do processo administrativo e geren-
cial. Você viu também como dividir o trabalho,
agrupar as atividades em uma estrutura lógica,
designar as pessoas certas para sua execução,
alocar os recursos necessários e, que coordenar
os esforços são conceitos fundamentais des-
sa etapa. No PLT, pág. 211, figura 10.9, procu-
re compreender com exatidão a cadeia escalar
como um fundamento da organização linear, a
mais tradicional utilizada nas grandes organiza-
ções.

134
Tema 5
Direção

Objetivos de Aprendizagem
• Compreender as funções administrativas de direção.
• Explicar os tipos de direção existentes.
• Entender o impacto nas relações interpessoais e da cultura organizacional proveniente da direção de uma
empresa.

Para início de conversa


“Após o planejamento e a organização da ação empresarial,
o passo seguinte é a função de direção. Constitui a terceira
função administrativa. Definido o planejamento e estabele-
cida a organização, resta fazer as coisas andarem e aconte-
cerem (acionar e dinamizar a empresa e fazê-la funcionar)”.
Como você, em sua empresa, converge esforços em direção
a um propósito comum?

Por dentro do tema


A direção é a função administrativa que se refere às relações interpessoais dos ad-
ministradores com seus subordinados.
Os assuntos mais ligados à direção são: comunicação, estilo de liderança e métodos
de motivação de pessoal.
Dirigir significa interpretar os planos para os outros e dar as instruções sobre como
executá-los.

135
Tema 5 - Atividades Processos Administrativos

Atividades

INSTRUÇÕES
Reúna-se em grupo de 3 a 5 alunos para desen-
volver as questões a seguir. Tenha em mãos todo
o material disponibilizado pelo curso para con-
sulta e acesse o tutor presencial em caso de dú-
vidas.

Ponto de partida Questão 2


Conceitue cultura organizacional.
A função administrativa de direção no nível
institucional da empresa é a responsável pela
condução e pela orientação da ação empresarial
por meio da dinamização das atividades reali-
zadas em todas as áreas e níveis da empresa. É
uma função predominantemente voltada para o
desempenho das pessoas, pois as pessoas são os
recursos que vivificam os demais recursos empre-
sariais. Logo, existe uma empresa sem pessoas?
Justifique.

Questão 3
Qual o significado de clima organizacional?

Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

Questão 1
Faça um resumo das concepções e premissas da
“Teoria Y”.

136
Processos Administrativos Tema 5 - Atividades

e) O homem é independente, de tal forma que


Questão 4 o torna incapaz de se disciplinar.

Defina o significado de empowerment.


Questão 7
Dentre os sistemas de administração existentes,
citamos:
a) Autoritário coercitivo, autoritário benevolen-
te, consultivo, participativo.
b) Autoritário decisório, autoritário condescen-
dente, comunicativo, coletivo.
c) Autoritário decisório, autoritário benevolen-
te, comunicativo, participativo.
d) Autoritário decisório, autoritário condescen-
dente, consultivo, coletivo.
e) Autoritário coercitivo, autoritário condescen-
dente, consultivo, coletivo.

Questão 5
Qual o significado de gestão participativa? Questão 8
Na gestão participativa, os três aspectos funda-
mentais que norteiam a participação dos colabo-
radores são:
a) Envolvimento pessoal, motivação para contri-
buir e aceitação de responsabilidade.
b) Envolvimento mental e emocional, motiva-
ção para contribuir e aceitação de motivar.
c) Envolvimento pessoal, motivação para obter
vantagens pessoais e aceitação de responsa-
bilidade.
d) Envolvimento mental e emocional, motiva-
ção para obter vantagens pessoais e aceita-
ção de motivar.
e) Envolvimento mental e emocional, motiva-
Questão 6 ção para contribuir e aceitação de responsa-
bilidade.

A “Teoria X”, dentre suas concepções e premis-


sas, diz que:
a) O homem está permanentemente disposto
a produzir e trabalhar, independentemente
das condições encontradas.
b) O homem é ambicioso e busca assumir res-
ponsabilidades.
c) O homem não é egocêntrico.
d) A natureza do homem o leva a resistir às mu-
danças.

137
Tema 5 - Atividades Processos Administrativos

FINALIZANDO
Questão 9 Neste tema, você viu a importância da direção
na condução de uma empresa, voltada para o
desempenho das pessoas e suas características.
Tem-se como base do empowerment:
Quando se mudam as pessoas de uma empresa,
a) Poder, motivação, subordinação e envolvi- muda-se também a forma de atuação, de inter-
mento. pretação das atividades e a forma de dirigi-las.
b) Autoritarismo, recompensa, liderança e en-
volvimento.
c) Autoritarismo, recompensa, subordinação e
desenvolvimento.
d) Poder, motivação, liderança e desenvolvi-
mento.
e) Poder, recompensa, liderança e envolvimen-
to.

Questão 10
São características de uma cultura de compro-
misso:
a) A cúpula busca absoluto controle sobre os re-
sultados.
b) As pessoas são relutantes em assumir mais
responsabilidades.
c) Treinamento e desenvolvimento geram o
aprendizado e a autogestão das pessoas.
d) As avaliações são dadas somente pela cúpula
da empresa e com demora.
e) Cultura organizacional rígida desencoraja as
pessoas a mudarem hábitos.

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
consulte:
Disponível em: <www.crasp.com.br>
site do Conselho Regional de Administradores
com artigos sobre liderança e gestão.
Disponível em: <http://br.hsmglobal.com/contenidos/
hsmmanagement.html>.
site da Revista HSM Management com dicas so-
bre as melhores maneiras de administrar uma
empresa.
• Livro “Como os gerentes apreendem?” de
Anielson Barbosa, da Editora Saraiva, mostra o
aprendizado e o dia a dia dos gerentes de gran-
des empresas e seu aprendizado contínuo.

138
Tema 6
Gerência e Supervisão

Objetivos de Aprendizagem
• Compreender os estilos de gerentes e supervisores existentes em uma organização.
• Descrever o processo de comunicação interna e sua complexidade que envolve uma empresa.
• Entender e saber diferenciar o papel do gerente e do supervisor nos diversos níveis da empresa.

Para início de conversa


Neste tema, você irá compreender a importância dos gesto-
res de nível tático e operacional na condução de uma orga-
nização e das características das equipes. “Muitos gerentes
prestam pouca atenção à comunicação. Por quê? Entre as
explicações, encontram-se as seguintes: “eu já sou um bom
comunicador”, “as boas habilidades de comunicação não
podem ser ensinadas; ou você as possui, ou não”; “as pes-
soas ouvem aquilo que desejam ouvir. Eu não posso fazer
muita coisa a esse respeito”. Você acredita que a comunica-
ção é um dom ou pode ser ensinada?

Por dentro do tema


O gerente é o executivo que trabalha no nível intermediário das empresas, subordi-
nando-se a outros executivos (diretores) e dirigindo outros (supervisores).
A motivação, a liderança e a comunicação são os principais meios de dirigir as pes-
soas dentro das empresas.
As pessoas são guiadas por necessidades, que envolvem sua segurança até a autor-
realização.

139
Tema 6 - Atividades Processos Administrativos

Atividades

INSTRUÇÕES
Reúna-se em grupo de 3 a 5 alunos para desen-
volver as questões a seguir. Tenha em mãos todo
o material disponibilizado pelo curso para con-
sulta e acesse o tutor presencial em caso de dú-
vidas.

Ponto de partida
Questão 2
“As atividades do administrador, em qualquer
organização, seja ele um supervisor de primeira Por que alguns gerentes hesitam em delegar ta-
linha ou o dirigente executivo da organização, refas?
são essencialmente as mesmas. Nesse sentido,
não há uma distinção básica entre diretores, ge-
rentes, chefes ou supervisores, como administra-
dores. Qualquer que seja a posição, ou o nível
que ocupe, o administrador alcança resultados
por meio da efetiva cooperação dos subordina-
dos”. Essa afirmação levanta um paradoxo: como
motivar colaboradores desmotivados dentro de
uma organização?

Questão 3
O que são equipes de alto desempenho?

Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

Questão 1
Por que a motivação é importante? E de que for-
ma as organizações motivam seus funcionários?

140
Processos Administrativos Tema 6 - Atividades

d) Base, transmissor, canal, receptor, destino, in-


Questão 4 terferência.
e) NDA.

Por que o tamanho de um grupo formado in-


fluencia o comportamento e o desempenho des-
se grupo? Questão 7
Na construção de equipes, deve-se considerar as
seguintes etapas para a composição, na sequên-
cia correta:
a) Modelagem, preparação, escolha, motivação
e condução.
b) Escolha, modelagem, preparação, condução
e motivação.
c) Preparação, modelagem, condução, escolha
e motivação.
d) Escolha, preparação, modelagem, condução
e motivação.
e) Modelagem, escolha, preparação, motivação
e condução.
Questão 5
Descreva as vantagens e desvantagens do traba- Questão 8
lho em equipe.
Dentre os fatores que envolvem a “roda da equi-
pe”, estão presentes os seguintes componentes,
exceto:
a) Assessoria, desenvolvimento, organização, li-
gação, promoção.
b) Assessoria, inovação, produção, inspeção,
manutenção.
c) Desenvolvimento, manutenção, inspeção, li-
gação, inovação.
d) Promoção, organização, produção, assesso-
ria, inspeção.
e) Desenvolvimento, correção, ligação, avalia-
ção, prevenção.

Questão 6
O processo de comunicação envolve os seguintes
componentes:
a) Fonte, transmissor, canal, receptor, destino,
ruído.
b) Base, capacitor, canal, receptor, trilha, inter-
ferência.
c) Fonte, capacitor, canal, receptor, trilha, ruído.

141
Tema 6 - Atividades Processos Administrativos

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Questão 9 Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
consulte:
Não faz parte das necessidades humanas na hie- Disponível em: <www.crasp.com.br>
rarquia das necessidades de Maslow: site do Conselho Regional de Administradores
a) Automecanização com artigos sobre liderança e gestão.
b) Estima. Disponível em: <http://br.hsmglobal.com/
c) Social. contenidos/hsmmanagement.html>.
d) Segurança. site da Revista HSM Management com dicas so-
bre as melhores maneiras de administrar uma
e) Fisiológica. empresa.
• Livro “Como os gerentes aprendem?” de Aniel-
son Barbosa, da Editora Saraiva, mostra o apren-
Questão 10 dizado e o dia a dia dos gerentes de grandes em-
presas e seu aprendizado contínuo.

Os tipos de influência por meio da liderança são:


FINALIZANDO
a) Coação, supressão, persuasão, suspeição,
Nesse tema, você viu as diferenças e similarida-
emulação.
des entre as funções de Gerência e Supervisão;
b) Coerção, pressão, persuasão, sugestão, evolu- a importância de liderar, comunicar-se, motivar
ção. e incentivar seus colaboradores; gerir conflitos,
c) Coação, pressão, persuasão, sugestão, emula- reconhecer e incentivar pessoas para a obtenção
ção. de melhores resultados. Como principal exem-
d) Coerção, pressão, persuasão, suspeição, evo- plo, reveja a figura 14.17 do PLT (pág. 314), para
lução. uma melhor compreensão das três dimensões
básicas de liderança.
e) Coerção, supressão, persuasão, suspeição,
evolução.

142
Tema 7
Controle Estratégico, Controle Tático
e Controle Operacional

Objetivos de Aprendizagem
• Definir as fases e tipos de controle, sua utilização e características.
• Compreender o acompanhamento e mensuração dos resultados de uma empresa pelo processo de con-
trole e estabelecer um comparativo com os resultados esperados.
• Compreender o significado do Balanço Social de uma empresa.

Para início de conversa


Neste tema, você entenderá as diferenças de controle nos
níveis institucional, tático e operacional de uma organização.
“O controle estratégico é um tipo especial de controle or-
ganizacional que se concentra na monitoração e avaliação
do processo de administração estratégica, no sentido de me-
lhorá-lo e assegurar um funcionamento adequado”. Qual a
relação que existe entre o controle e a direção?

Por dentro do tema


Controle é a função administrativa que faz parte do processo gerencial, medindo e
avaliando o desempenho em função dos padrões e critérios esperados.
O controle deve indicar quando o desempenho não está de acordo com o padrão
estabelecido e qual é a medida corretiva a adotar.
O controle estratégico envolve a utilização de critérios de longo prazo e que são es-
trategicamente relevantes para o nível institucional conseguir avaliar o desempenho
de uma empresa.

143
Tema 7 - Atividades Processos Administrativos

Atividades

INSTRUÇÕES
Reúna-se em grupo de 3 a 5 alunos para desen-
volver as questões a seguir. Tenha em mãos todo
o material disponibilizado pelo curso para con-
sulta e acesse o tutor presencial em caso de dú-
vidas.

Ponto de partida Questão 2


Dê o significado de governança corporativa.
“A função de controle está relacionada com as
outras funções do processo administrativo: pla-
nejamento, organização e direção repercutem
nas atividades de controle da ação empresarial.
Muitas vezes, torna-se necessário modificar o
planejamento, a organização ou a direção para
que os sistemas de controle possam ser mais efi-
cientes e eficazes. O segredo está no conjunto,
ou seja, no processo administrativo como uma
totalidade”. Portanto, para que serve o controle
em uma organização?

Questão 3
O que significa a sigla ROI, o que ele mede e qual
sua importância para uma organização?

Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

Questão 1
Qual o significado de benchmarking?

144
Processos Administrativos Tema 7 - Atividades

Questão 4 Questão 7
Para que serve o controle operacional em uma A avaliação do desempenho humano pode ser
empresa? feita por:
a) Observação, interconexão, relatório escrito,
resultado esperado.
b) Observação, instrumentação, relatório escri-
to, resultado alcançado.
c) Intuição, instrumentação, relatório escrito,
resultado esperado.
d) Intuição, instrumentação, relatório escrito,
resultado alcançado.
e) Observação, interconexão, relatório escrito,
resultado alcançado.

Questão 8
Questão 5 Em quais conceitos se baseia a teoria do contro-
le?
Descreva os conceitos de Just in time e house- a) Confirmação e hemóstase.
keeping. b) Automação e hipóstase.
c) Conformação e metástase.
d) Retroinformação e homeostase.
e) Consumação e êxtase.

Questão 9
Os tipos de padrão de controle tático existentes
são:
a) Quantidade, qualidade, tempo, custo.
b) Afinidade, quantidade, tempo, prazo.
c) Alteridade, qualidade, espaço, custo.
d) Animosidade, quantidade, espaço, prazo.
Questão 6 e) Anormalidade, qualidade, tempo, custo.

As fases do controle organizacional são constituí-


das dos itens abaixo, exceto:
a) Estabelecimento de padrões de desempenho.
b) Avaliação de desempenho organizacional.
c) Comparação do desempenho com o padrão.
d) Comparação do desempenho com concorren-
tes.
e) Ações corretivas.

145
Tema 7 - Atividades Processos Administrativos

Questão 10
Não faz parte das principais formas de relatórios
dentro das técnicas de mensuração existentes:
a) Relatório de progresso.
b) Relatório corretivo.
c) Relatório estatístico.
d) Relatório especial.
e) Relatório narrativo.

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
consulte:
Disponível em: <www.febrad.org.br>
Site da Federação Brasileira dos Administrado-
res com textos contendo sugestões de formas de
controle em todos os níveis de uma empresa.
Disponível em: <http://www.aarc.org.br/>.
Site ligado ao Conselho Regional de Administra-
ção com dicas sobre as novas práticas adminis-
trativas implantadas nas grandes empresas bra-
sileiras.
• Livro “Estilos de Negociação” de Renato Hi-
rata, da Editora Saraiva, mostra as negociações
internas e externas de uma empresa e define as
formas de controle específicas e necessárias im-
plementadas para o sucesso de uma ação reali-
zada.

FINALIZANDO
Nesse tema, você viu as formas de controle, como
definir padrões de desempenho, monitorá-los,
compará-los com padrões preestabelecidos e, a
partir disso, tomar as ações corretivas necessárias
para assegurar os objetivos desejados. Na pág.
355 do PLT, figura 17.2, há uma exemplificação
clássica dos tipos de padrões de controle tático
existentes em uma organização linear.

146
Tema 8
Competências Organizacionais
e Criação de Valor

Objetivos de Aprendizagem
• Entender as competências necessárias a um administrador para obtenção do sucesso empresarial.
• Demonstrar o significado de criação de valor em uma empresa.
• Compreender a importância da responsabilidade social nas empresas.

Para início de conversa


Neste tema, você entenderá como as competências pessoais,
a ética, a responsabilidade social e outras estratégias ajudam
no fortalecimento de uma empresa. “A forma de conduzir
os negócios está baseada no compromisso contínuo com a
qualidade de vida atual e das gerações futuras, por meio de
um comportamento ético, que contribua para o desenvolvi-
mento econômico, social e ambiental”. Atualmente, ao com-
prar um produto ou serviço, você leva em consideração esses
fatores citados como “critério de desempate”? Justifique.

Por dentro do tema


Competências essenciais produzem indicadores de desempenho que fazem a em-
presa se diferenciar e se destacar das outras.
Para sobreviver no mundo dos negócios, uma empresa precisa reunir e aglutinar
uma gama de competências cruzadas e simultâneas para alcançar vantagem com-
petitiva sobre as demais.
Criar valor consiste em buscar incessantemente maneiras inovadoras de ganhar di-
nheiro, agregando-se valor ao seu negócio.

147
Tema 8 - Atividades Processos Administrativos

Atividades

INSTRUÇÕES
Reúna-se em grupo de 3 a 5 alunos para desen-
volver as questões a seguir. Tenha em mãos todo
o material disponibilizado pelo curso para con-
sulta e acesse o tutor presencial em caso de dú-
vidas.

Ponto de partida
Questão 2
“As empresas não podem mais se limitar aos seus
processos internos. Precisam assumir uma res- Qual a definição de coaching e mentoring?
ponsabilidade social cada vez maior. Isso significa
que as empresas precisam atender às exigências
da competitividade, buscando baixo custo, alto
padrão de qualidade, entrega de valor ao cliente
e retorno do investimento. Mas, precisam tam-
bém considerar práticas exemplares de gestão
socialmente responsável no sentido de contem-
plar o desenvolvimento sustentável e atender
a reivindicações da sociedade”. Como conciliar
ambas as situações?

Questão 3
O que significa o ato de “criar valor”? Como “se
cria” um valor?

Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

Questão 1
Defina o conceito de competência.

148
Processos Administrativos Tema 8 - Atividades

d) Dimensionais, morais, gerenciais, adimensio-


Questão 4 nais.
e) Essenciais, funcionais, gerenciais, individuais.

Qual o significado e a importância da responsa-


bilidade social adotada pelas organizações junto
aos seus clientes? Questão 7
Faz parte das competências pessoais, exceto:
a) Solução de problemas.
b) Desenvolvimento contínuo.
c) Inovação.
d) Submissão aos superiores.
e) Proatividade.

Questão 8
Das alternativas abaixo qual não faz parte das
múltiplas relações éticas de uma organização?
Questão 5 a) Fornecedores e partidos políticos.
b) Sindicatos e funcionários.
O que são talentos em uma organização? O que c) Imprensa e ONGs.
as organizações fazem para reter estes talentos? d) Instituições financeiras e agências do gover-
no.
e) Governos estrangeiros e instituições jurídicas.

Questão 9
As quatro estratégias de responsabilidade social
são:
a) Espontânea e voluntária, ética, legal e clássi-
ca.
b) Espontânea, ética, legal e clássica.
c) Espontânea e voluntária, ética, moral e clássi-
ca.

Questão 6 d) Espontânea e voluntária, ética, legal e econô-


mica.
e) Espontânea, ética, moral e econômica.
As competências existentes dentro de organiza-
ção são:
a) Essenciais, morais, gerenciais, individuais.
b) Dimensionais, morais, operacionais, adimen-
sionais.
c) Essenciais, funcionais, gerenciais, adimensio-
nais.

149
Tema 8 - Atividades Processos Administrativos

Questão 10
Atualmente as empresas estão centradas no con-
sumidor e enfatizam os vários pressupostos, ex-
ceto:
a) O consumidor é parte integral do sistema de
criação de valor.
b) O consumidor não pode influenciar como,
quando e onde o valor é gerado.
c) O consumidor nem sempre respeita as fron-
teiras da indústria na busca de valor.
d) O consumidor pode concorrer com as empre-
sas na extração de valor.
e) Existem muitos pontos de intercâmbio no
qual o consumidor e a empresa podem criar
valor.

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Você quer saber mais sobre esse assunto? Então,
consulte:
Disponível em: <www.admsf.adm.br/>.
Site dos Administradores sem Fronteiras sobre
práticas modernas de gestão.
Disponível em: <http://www.cfa.org.br/arquivos/
index.php>.
• Site do Conselho Federal de Administração que
mostra artigos sobre competências e a criação de
valor nas empresas, por meio de seus colabora-
dores.
• Livro “Além do Lucro”, de Marco Aurélio de
França, da Editora Saraiva, mostra a realidade vi-
vida pelas grandes empresas e que o lucro não
está, tão-somente, concentrado no ganho finan-
ceiro, e sim no ganho de competências e habili-
dades dos funcionários da empresa.

FINALIZANDO
Nesse tema, você viu as competências possíveis
que podem ser oferecidas aos colaboradores (es-
senciais, funcionais e gerenciais), o processo de
criação de valor e seu significado, além da im-
portância que a responsabilidade social tem pe-
rante os clientes e como a empresa passa a ser
vista a partir desse prisma.
Na pág. 397 do PLT, figura 19.11, há uma tabela
que mostra claramente como empresas e clientes
vislumbram suas necessidades, podendo ajuda-
rem-se mutuamente.

150
Processos Administrativos Desafio de Aprendizagem

Autora: Edna de Almeida Rodrigues - Faculdade Anhanguera de Matão

Este desafio de aprendizagem tem por objetivos:


• Favorecer a aprendizagem.
• Estimular a corresponsabilidade do aluno pelo aprendizado eficiente e eficaz.
• Promover o estudo, a convivência e o trabalho em grupo.
• Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado.
• Oferecer diferenciados ambientes de aprendizagem.
• Auxiliar no desenvolvimento das competências requeridas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais dos
Cursos de Graduação.
• Promover a aplicação da teoria e dos conceitos para a solução de problemas relativos à profissão.
• Direcionar o estudante para a emancipação intelectual.

Para atingir esses objetivos, as atividades foram organizadas na forma de um desafio, que será solucionado
por etapas, ao longo da disciplina.
Realizar essas atividades é essencial para o desenvolvimento das competências e habilidades requeridas na
atuação do aluno, no mercado de trabalho.
Aproveite a oportunidade de estudar e aprender com os desafios da vida profissional.

Competências e Habilidades
Ao concluir as etapas propostas nesse desafio você terá desenvolvido as competências e habilidades descritas
a seguir:
• Reconhecer e definir problemas, equacionar soluções, pensar estrategicamente, introduzir modificações
no processo produtivo, atuar preventivamente, transferir e generalizar conhecimentos e exercer, em
diferentes graus de complexidade, o processo da tomada de decisão.
• Refletir e atuar criticamente sobre a esfera da produção, compreendendo sua posição e função na es-
trutura produtiva sob seu controle e gerenciamento.
• Desenvolver capacidade para elaborar, implementar e consolidar projetos em organizações.
• Desenvolver capacidade para realizar consultoria em gestão e administração, pareceres e perícias admi-
nistrativas, gerenciais, organizacionais, estratégicos e operacionais.

Desafio
A equipe elaborará a identificação de processo administrativo (planejar, organizar, coordenar e controlar)
por meio de pesquisas diversas, onde serão comparados estudos de multicasos capazes de possibilitar aos
alunos a percepção da atuação do administrador na organização, a partir de uma visão sistêmica. Ao final
das atividades, espera-se que as premissas do processo administrativo, reforçadas pelas habilidades gerenciais
(conceituais - humanas - técnicas), sirvam de base para a sua aprendizagem nas demais disciplinas do curso
de Administração; além do desenvolvimento de competências para tomar decisões, atuar como consultor,
empreender, pensar criticamente e ter visão global do papel do administrador em relação aos seus impactos
no ser humano, na organização e na sociedade.

151
Desafio de Aprendizagem Processos Administrativos

Autora: Edna de Almeida Rodrigues - Faculdade Anhanguera de Matão

Etapa n.o 1
Aula-tema: Fundamentos da Administração e Contexto Organizacional
Essa atividade é fundamental para resgatar os conhecimentos a respeito do surgimento e evolução da Teoria
Administrativa, de modo contextualizado com os acontecimentos sociais modernos.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, que deverá ter no mínimo três e no máximo cinco componentes.
Entregue ao seu tutor presencial os nomes, RAs e e-mails dos alunos.
Passo 2 - A partir do conteúdo apresentado pelos capítulos 1 e 2 do PLT Administração: teoria, processo e
prática, do Prof. Chiavenato, elabore um relatório que apresente as definições (o que é) de Empresa, Admi-
nistrador, Ambiente empresarial e Estratégia empresarial. Depois, faça uma pesquisa comparativa dessas de-
finições, confrontando com o que apresentam outras duas fontes bibliográficas de Administração disponíveis
na biblioteca. O relatório deve conter a seguinte estrutura:
• Nome da instituição;
• Nome do curso;
• Nome e título do professor tutor (exemplo: Prof. Ms. José da Silva - “Ms.” indica que o professor tutor
José da Silva tem o título de mestre);
• Título do trabalho a ser definido pelo grupo (deve ser alinhado com a proposta da atividade);
• Listagem dos membros do grupo, com nomes completos e RAs;
• Introdução (descreve o propósito do trabalho);
• Desenvolvimento (pesquisa proposta pelo passo 3);
• Considerações finais (passo 4);
• Implicações éticas (passo 5);
• Referências bibliográficas (passo 6).
Passo 3 - No Desenvolvimento, monte um quadro comparativo das definições pesquisadas, conforme o
modelo.
Assunto Definição 1 (PLT) Definição - fonte 2 Definição - fonte 3
Empresa
Administrador
Ambiente Empresarial
Estratégia Empresarial

Passo 4 - Desenvolva apenas uma definição de cada tema, a partir da aprendizagem que o grupo assimilou,
após a comparação, e com um tópico denominado “Considerações finais”. Neste passo, é importante o gru-
po estar alinhado com o Processo Administrativo (planejar, organizar, dirigir e controlar).
Passo 5 - Discuta com o grupo as implicações éticas destes temas (compreenda implicações éticas como uma
reflexão a respeito dos impactos que o conteúdo da aprendizagem dessa etapa pode exercer sobre o indiví-
duo, a sociedade e o meio ambiente).
Passo 6 - Liste as referências bibliográficas de todas as obras consultadas, conforme norma da ABNT - NBR
6023. Exemplo:
• CHIAVENATO, Idalberto. Administração: teoria, processo e prática. 4. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2007. v.1.
Passo 7 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

152
Processos Administrativos Desafio de Aprendizagem

Autora: Edna de Almeida Rodrigues - Faculdade Anhanguera de Matão

Etapa n.o 2
Aula-tema: Processo Administrativo: planejamento
Essa atividade é fundamental para compreender o planejamento como uma das principais funções do admi-
nistrador, dentro do Processo Administrativo, durante a busca do bom desempenho.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, que deverá ter no mínimo três e no máximo cinco componentes.
Entregue ao seu tutor presencial os nomes, RAs e e-mails dos alunos.
Passo 2 - No tópico “Desenvolvimento”, elabore uma síntese da definição e dos tipos de Planejamento,
pesquisados no PLT Administração: teoria, processo e prática, do Prof. Chiavenato. O relatório deve seguir a
mesma estrutura descrita na etapa 1, passo 2.
Passo 3 - Analise criteriosamente os artigos:
- Veja o futuro antes dos outros, do Prof. Roberto Shinyashiki, disponível no site Planejamento Estratégico
http://www.planestrategico.com.br/index.php?lingua=1&pagina=shinyashiki2
- O desafio do administrador do futuro, do Prof. Paulo Barreto dos Santos, no site Artigos.com http://www.
artigos.com/artigos/sociais/administracao/planejamento-e-controle-751/artigo/
Passo 4 - Nas “Considerações Finais”, faça um confronto entre a mensagem dos professores tutores
Shinyashiki e Santos e o conteúdo pesquisado no PLT, partindo da ideia da importância do planejamento nas
atividades do administrador que deseja obter sucesso empresarial e, consequentemente, profissional.
Passo 5 - Discuta com o grupo a respeito das implicações éticas do tema pesquisado.
Passo 6 - Liste as referências bibliográficas de todas as obras consultadas, conforme norma da ABNT - NBR
6023 e exemplo descrito na etapa 2, passo 6.
Veja o futuro antes dos outros. Planejamento Estratégico aplicado à micro e pequenas empresas.
Disponível em http://www.planestrategico.com.br/index.php?lingua=1&pagina=shinyashiki2, acessado em
19 de maio de 2009.
Passo 7 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

Etapa n.o 3
Aula-tema: Processo Administrativo: organização
Essa atividade é fundamental para identificar o propósito e as dimensões da Organização, como função do
Processo Administrativo.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, que deverá ter no mínimo três e no máximo cinco componentes.
Entregue ao seu tutor presencial os nomes, RAs e e-mails dos alunos.
Passo 2 - Resgate o conceito de Planejamento e inicie as decisões de um plano estratégico para a realização
de um projeto de extensão universitária da área social, onde os alunos do curso de Administração arrecada-
rão doações para alguma instituição filantrópica. Finalizadas as decisões do planejamento, organize as ativi-
dades conforme a aprendizagem a respeito de Organização. Deverá seguir cada etapa necessária, conforme
as dimensões apresentadas nos capítulos indicados, inclusive os desenhos organizacional e departamental,
supondo que o grupo é a Organização e seus membros são os departamentos.

153
Desafio de Aprendizagem Processos Administrativos

Autora: Edna de Almeida Rodrigues - Faculdade Anhanguera de Matão

É importante que o grupo pesquise também em outras fontes, além do conteúdo do PLT, para diversificar e
aprofundar a aprendizagem. O relatório deve seguir a mesma estrutura descrita na etapa 1, passo 2.
Passo 3 - No tópico “Desenvolvimento”, apresente detalhadamente o que ficou decidido pelo grupo sobre
o planejamento e a organização do evento, associando ao referencial teórico de cada etapa.
Passo 4 - Em “Considerações Finais”, o grupo deverá esboçar a aprendizagem teórica de forma aplicável à
Organização.
Passo 5 - No item “Implicações Éticas”, apresente o resultado das discussões do grupo a respeito do impacto
da ação administrativa proposta em relação ao indivíduo, à sociedade e ao meio ambiente.
Passo 6 - Liste as referências bibliográficas de todas as obras consultadas, conforme norma da ABNT - NBR
6023 e exemplo descrito na etapa 2, passo 6.
Passo 7 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

Etapa n.o 4
Aula-tema: Processos Administrativos: Direção
Essa atividade é fundamental para compreender a Direção como função do administrador e sua importância
para as demais funções do Processo Administrativo.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, que deverá ter no mínimo três e no máximo cinco componentes.
Entregue ao seu tutor presencial os nomes, RAs e e-mails dos alunos.
Passo 2 - Partindo da premissa de que administrar envolve também a distinção entre os níveis gerenciais,
dê continuidade ao projeto proposto na etapa 4, promovendo uma pesquisa sobre Direção como função
garantida do Processo Administrativo. Defina como o grupo estabeleceu os níveis de Direção para o projeto
de extensão universitária e pesquise o tema em várias fontes, como livros e artigos acadêmicos da internet.
Apresente o resultado desse levantamento teórico, no tópico “Desenvolvimento”. O relatório deve seguir a
mesma estrutura descrita na etapa 1, passo 2.
Passo 3 - Em “Considerações Finais”, faça uma comparação entre as decisões do grupo e a proposta do
artigo “Por que as ferramentas gerenciais podem falhar”, do Prof. Sérgio Tittanegro, disponível no site
do Sare (publicações Anhanguera) http://sare.unianhanguera.edu.br/index.php/rcger/article/view/73/71.
Acessado em 19 de maio de 2009.
Faça isso com foco em identificar as possibilidades de falhas, nas etapas de Planejamento e Organização. Esse
tipo de análise é importante para garantir que a Direção cumpra seu papel.
Passo 4 - Mais uma vez, o grupo deve fazer uma discussão das implicações éticas da aprendizagem, da etapa 4.
Passo 5 - Liste as referências bibliográficas de todas as obras consultadas, conforme norma da ABNT e exem-
plo descrito na etapa 2, passo 6.
Passo 6 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

Etapa n.o 5
Aula-tema: Processo Administrativo: Controle
Essa atividade é fundamental para compreender o Controle como uma função administrativa, garantida na
realização do planejamento e potencial orientador para revisão de planejamento.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

154
Processos Administrativos Desafio de Aprendizagem

Autora: Edna de Almeida Rodrigues - Faculdade Anhanguera de Matão

PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, que deverá ter no mínimo três e no máximo cinco componentes.
Entregue ao seu tutor presencial os nomes, RAs e e-mails dos alunos.
Passo 2 - Após o primeiro contato com o que o PLT propõe sobre Controle, como sendo função administra-
tiva, pesquise em outras fontes, procurando por propostas diversificadas a respeito do tema. Reúna o resul-
tado dessa pesquisa bibliográfica no tópico “Desenvolvimento”. O relatório deve seguir a mesma estrutura
descrita na etapa 1, passo 2.
Passo 3 - Busque por um artigo acadêmico na base de dados da Anhanguera, no endereço http://sare.
unianhanguera.edu.br/, que trate do tema Controle, preferencialmente que traga algum estudo de caso.
Elabore um resumo do artigo selecionado no tópico “Considerações Finais”, comparando com o que foi
aprendido sobre o assunto em sala de aula.
Passo 4 - Como tudo que o administrador faz é importante para muitas outras pessoas, além daquelas de
dentro da empresa, discuta com o grupo sobre as implicações éticas do Controle. Para auxiliar essa discussão,
procure fontes que façam abordagens do Controle versus Poder na organização. Esta vertente poderá ajudar
o grupo nesta análise.
Passo 5 - Liste as referências bibliográficas de todas as obras consultadas, conforme norma da ABNT - NBR
6023 e exemplo descrito na etapa 2, passo 6.
Passo 6 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

Etapa n.o 6
Aula-tema: Processo Administrativo: administração da ação empresarial
Essa atividade é fundamental para perceber o administrador como agente ativo, no processo de busca pelo
sucesso da organização e potencial direcionador dos esforços das pessoas, possuidor de um conjunto de
competências e habilidades essenciais.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, que deverá ter no mínimo três e no máximo cinco componentes.
Entregue ao seu tutor presencial os nomes, RAs e e-mails dos alunos.
Passo 2 - No tópico “Desenvolvimento”, apresente o resultado de uma análise crítica do grupo a respeito
dos artigos:
- O trabalho do gerente executivo: uma visão geral e crítica dos professores tutores Antonio Cury e Suzana
Bruno, disponível em http://sare.unianhanguera.edu.br/index.php/rcger/article/view/85/83, acessado em 19
de maio de 2009.
- Aplicação de ferramentas na gestão de processos das organizações que aprendem dos professores tutores
Márcio Carreira, Alex Mariano, Ana Sartori e Rodrigo Oliveira, disponível em http://sare.unianhanguera.edu.
br/index.php/rcger/article/view/795/641, acessado em 19 de maio de 2009.
Compare seus conteúdos com aquilo que propõe o PLT, no último capítulo. Faça um relatório, que deve seguir
a mesma estrutura descrita na etapa 1, passo 2.
Passo 3 - Em “Considerações Finais”, além de apresentar a aprendizagem do grupo a respeito do tema
proposto, também deverá ser descrita alguma situação real escolhida pelo grupo sobre a atuação do admi-
nistrador, de acordo com o que aborda o PLT. Lembre-se de que essa escolha deve estar alinhada com os
conhecimentos da disciplina “Processos Administrativos” e de que a identidade da empresa em que aconte-
ceu o caso deve ser omitida. Somente faça uma caracterização da empresa para facilitar a compreensão do
contexto do caso.
Passo 4 - Ainda em “Considerações Finais”, analise os textos e a figura e disserte a respeito da atuação do
administrador, na gestão da organização.

155
Desafio de Aprendizagem Processos Administrativos

Autora: Edna de Almeida Rodrigues - Faculdade Anhanguera de Matão

Texto 1: “Nos dias de hoje, a Administração figura como a única instituição que transcende as fronteiras
de países e organizações, apresentando um significado global e mundial. A moderna Administração não se
restringe aos limites ou a fronteiras nacionais. [...] O centro de nossa sociedade e de nossa economia também
não é mais a tecnologia, nem a informação, nem a produtividade. O fulcro central está na organização: a
organização administrada que maneja a tecnologia, a informação e a produtividade. A organização é a ma-
neira pela qual a sociedade consegue que as coisas sejam feitas. E a Administração é a ferramenta, a função
ou o instrumento que torna as organizações capazes de gerar resultados e produzir o desenvolvimento [...]
É a Administração a ciência que permitiu o enorme desenvolvimento da humanidade no decorrer do século
passado e provocou o espetacular aumento da qualidade de vida das pessoas. Foi ela que permitiu transfor-
mar as invenções científicas em produtos e serviços disponíveis para a maioria da população. A Administração
transforma a contribuição das várias ciências em parte de nossa vida cotidiana”. (CHIAVENATO, Idalberto.
Administração: teoria, processo e prática. 4. ed., Rio de Janeiro: Elsevier, 2007, p. 5- 6).

Texto 2: “Embora qualquer atividade prática envolva tanto ‘decidir’ quanto ‘fazer‘, não tem sido comum
reconhecer que uma teoria da Administração deva se preocupar tanto com os processos de decisão quanto
com os processos de ação. Esse desprezo talvez se baseie na noção de que a tomada de decisão está confina-
da à formulação da política global. Ao contrário, o processo de decisão não termina quando o propósito geral
da organização tiver sido determinado. A tarefa de decidir permeia a organização administrativa como um
todo, praticamente com a mesma intensidade da tarefa de fazer – na verdade ela está intimamente integrada
com a última. Uma teoria geral da Administração deve incluir princípios de organização que assegurem tanto
um processo correto de tomada de decisões quanto de ações eficazes” (Herbert Simon).

Passo 5 - De acordo com o que você aprendeu na disciplina, o administrador está no centro do processo
de tomada de decisão nas empresas. Sendo assim, os impactos sofridos pelos indivíduos, sociedade e meio
ambiente são necessariamente originados pelo administrador durante o exercício da profissão. A partir de
uma discussão crítica, exponha, no tópico das Implicações Éticas, as sugestões do grupo para eliminação ou
redução desses impactos.
Passo 6 - Liste as referências bibliográficas de todas as obras consultadas, conforme norma da ABNT - NBR
6023 e exemplo descrito na etapa 2, passo 6.
Passo 7 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

156
Processos Administrativos Referências Bibliográficas

BOAS, Eduardo V.; DORNELAS, José; JUNIOR, Caio F. Empreenda antes dos 30. O guia do jovem empre-
endedor aos 30, 60, 90... O importante é começar cedo. Saraiva, 2009.

CHIAVENATO, Idalberto. Administração: teoria, processo e prática. 4. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2007

FERREIRA, João P. B. Planejamento tático da produção em empresa do setor de alimentos. São Paulo:
USP, 2008. Departamento de Engenharia de Produção. Escola Politécnica da Universidade de São Paulo.
São Paulo: 2008. Disponível em: <http://www.pro.poli.usp.br/publicacoes/trabalhos-de-formatura/
planejamento-tatico-da-producao-em-empresa-do-setor-de-alimentos> Acesso em: 02 fev. 2010.

FRANÇA, Marco A. Além do lucro. O desafio pela competição responsável. Saraiva, 2007.

HIRATA, Renato H. Estilos de negociação. As oito competências vencedoras. Saraiva, 2007.

KOONTZ, Harold. Princípios de Administração: uma análise das funções administrativas. São Paulo:
Pioneira, 1976.

LACOMBE, Francisco J. M. Recursos humanos: princípios e tendências. São Paulo: Saraiva, 2006.

MAXIMIANO, Antonio C. A. Teoria geral da Administração: da revolução urbana à Revolução digital.


São Paulo: Atlas, 2008.

OLIVEIRA, Alex M. de. Shareholders e Stakeholders. Disponível em: <http://www.administradores.com.


br/informese/producao-academica/shareholders-e stakeholders/513/>. Acesso em: 28 abr. 2010.

OLIVEIRA, D.P.R. de. Planejamento estratégico: conceitos, metodologia e práticas. São Paulo: Atlas,
1998.

PAIVA, Luiz de. O que é um Stakeholder. Disponível em: <http://ogerente.com/stakeholder/2007/02/23/


o-que-e-um-stakeholder>. Acesso em: 02 abr. 2010.

PHILLIPS, Joseph. Gerência de Tecnologia da Informação: no caminho certo, do início ao fim. Rio de
Janeiro: Campus/Elservier, 2003.

ROBBINS, Stephen P. Administração: mudanças e perspectivas. São Paulo: Saraiva, 2000.

SILVA, Anielson B. da. Como os gerentes aprendem? Saraiva, 2009.

157
Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________
Tecnologias
de Gestão

Autor:
Décio Henrique Franco
Tecnologias
de Gestão

Orientações de estudo
Caro(a) aluno(a),
Este caderno de atividades foi elaborado com base
no livro “Tecnologias e Ferramentas de Gestão”
dos autores Décio Henrique Franco, Edna de Almei-
da Rodrigues e Moisés Miguel Cazela, da Editora
Alínea, PLT 148.
Ele é composto por 4 temas:

Tema 1
Desafios para o Gestor Contemporâneo
Aborda os conteúdos situados nos capítulos 1, 2, 3 e 4. Neles, você conhecerá alguns desafios para o gestor
na atualidade, começando pelo tema das mudanças na organização, descrito no capítulo 1 do Livro-Texto. Os
profissionais que forem atuar nas organizações precisam compreender o processo de mudança constante que
vivemos e, para isso, esse profissional precisa estar sempre atento e atualizado, caso queira continuar compe-
titivo nesse mercado global.
No capítulo dois você verá a importância e as características do gestor organizacional e também o papel do
consultor e as funções da consultoria organizacional.
No terceiro capítulo, você conhecerá a primeira tecnologia de gestão da disciplina, que é a Gestão Contempo-
rânea da Qualidade. Verá também um resumo histórico da qualidade ao longo dos tempos e alguns conceitos
e ferramentas de qualidade que são utilizados pelas organizações na atualidade.
No capítulo seguinte você estudará sobre a Terceirização, processo cada vez mais praticado nas organizações,
independente do seu porte ou segmento, e que demanda um mínimo de conhecimento de suas vantagens e
desvantagens por parte dos gestores.
Estes são os primeiros desafios para os gestores hoje.

Tema 2
Algumas Tecnologias de Gestão Organizacional
Aborda os conteúdos situados nos capítulos 5, 6, 7, 8, 9 e 10. Neles, você terá contato com algumas das tec-
nologias de gestão organizacional que são utilizadas pelas organizações atualmente. Não será possível esgotar
todas as tecnologias existentes, até porque esse é um tema atual e que pode sofrer mudanças ao longo dos
anos, porém as que aqui serão estudadas são as principais tecnologias que têm sido aplicadas nas últimas
décadas, tanto no Brasil quanto no mundo.
Nesta parte você verá ainda os conceitos e aplicações das tecnologias: Benchmarking (capítulo 5), Gerencia-
mento com o Livro Aberto ou Open-Book Management (capítulo 6), Reengenharia (capítulo 7), Empowerment
(capítulo 8), Gestão e Organização Horizontal (capítulo 9) e o tema Aprendizagem Organizacional: capital
intelectual e gestão do conhecimento (capítulo 10).

160
4
Tema 3
Algumas Ferramentas de Gestão
Aborda os conteúdos situados nos capítulos 11, 12 e 13. Esse terceiro tema apresenta três importantes fer-
ramentas de gestão organizacional. Você estudará no capítulo 11 do Livro-Texto o conceito e aplicação do
Sistema de Informações Gerenciais (SIG), no capítulo 12 a ferramenta Balanced Scorecard (BSC), e no capítulo
13 a ferramenta Seis Sigma.

Tema 4
Novas Demandas e Ambientes para o Gestor Contemporâneo
Aborda os conteúdos situados nos capítulos 14, 15 e 16. Esse último tema trata de três capítulos ligados a
importantes questões que o gestor deve conhecer e discutir na atualidade e que impactam diretamente nas
organizações, seja de maneira positiva ou negativa.
Cabe ao gestor trabalhar a aplicação das tecnologias e ferramentas de gestão sem se descuidar dos tópicos
tratados nesses capítulos que são: A questão do Meio Ambiente nas Organizações (capítulo 14); a questão da
Ética e da Governança Corporativa (capítulo 15); e, por último e não menos importante, a questão da Saúde
do Trabalhador e a Prevenção da Nocividade no Trabalho (capítulo 16).
Nesses três capítulos, a proposta é levar os gestores ao exercício da profissão de modo ético e responsável para
com a sociedade, as pessoas e o meio ambiente.

ATENÇÃO! As respostas para as atividades deste caderno estão disponíveis no ambiente


virtual do curso. Consulte seu tutor presencial para mais informações.

161
Tema 1
Desafios para o Gestor Contemporâneo

Objetivos de Aprendizagem
• Compreender o tema mudança nas organizações como um acontecimento comum e cada vez mais constante
no mundo corporativo, entendendo o preparo necessário que o gestor deve possuir para lidar com esse tema.
• Entender o processo de mudança, o que são paradigmas e a gestão de processos.
• Reconhecer os vários papéis do gestor organizacional e as características do consultor e da consultoria.
• Adquirir uma visão sistêmica da qualidade e sua importância para as organizações nos dias atuais.
• Obter uma visão detalhada sobre os fundamentos do processo de terceirização.

Para início de conversa


Este primeiro tema apresenta desafios para o gestor na atua-
lidade, como a questão da mudança na organização. Os pro-
fissionais que forem atuar nas organizações, especialmente os
gestores, precisam compreender o processo de mudança para
ter sucesso dentro da organização.
Esse tema apresenta também a importância e características
do gestor organizacional, o papel do consultor e as funções
da consultoria organizacional.
Você verá ainda a Gestão Contemporânea da Qualidade, sua
história, conceitos e ferramentas de qualidade utilizadas pelas
organizações e, também, a tecnologia de gestão conhecida
como: Terceirização, um processo cada vez mais praticado nas
organizações.

Por dentro do tema


Para alcançar os dois primeiros objetivos de aprendizagem você deverá conhecer,
primeiramente, os conceitos de mudança, o processo que ocorre nas organizações
e o que é mudança organizacional, conteúdo que está no capítulo 1 do Livro-Texto.
Você verá ainda no capítulo 1 uma breve recapitulação sobre a evolução histórica da
Ciência da Administração para localizar o período em que vivemos e confirmar as
mudanças que ocorreram nas organizações.
O terceiro objetivo de aprendizagem trata da importância do gestor organizacional
e do consultor. Você conhecerá os significados desses termos, as características de
cada um deles e seus respectivos papéis dentro das organizações.
No quarto objetivo, você estudará o levantamento histórico sobre a qualidade, o
que é feito no capítulo 3 do Livro-Texto, bem como conceitos e ferramentas da qualidade.
O capítulo 4 do Livro-Texto atende o quinto objetivo de aprendizagem deste tema. Nesse capítulo, é detalhado o proces-
so de terceirização, seus tipos, características, benefícios, cuidados e as etapas para um projeto de terceirização.

162
4
Tecnologias de Gestão Tema 1 - Atividades

Atividades a) As duas afirmações são verdadeiras e a se-


gunda não justifica a primeira.
b) As duas afirmações são verdadeiras e a se-
INSTRUÇÕES gunda justifica a primeira.
c) A primeira afirmação é verdadeira e a segun-
As questões a seguir ligadas ao TEMA 1 podem da é falsa.
ser respondidas em grupos de 2 a 5 alunos com
discussão das respostas após a leitura dos capí- d) A primeira afirmação é falsa e a segunda é
tulos 1, 2, 3 e 4 do Livro-Texto. A atividade 13 verdadeira.
pode ser realizada individualmente ou em du- e) As duas afirmações são falsas.
pla, conforme instruções específicas na própria
atividade.

Questão 2
Ponto de partida O historiador Thomas Kuhn no seu livro “A estru-
tura das revoluções científicas”, escrito na déca-
Vivemos em uma sociedade em constante mu- da de 1960, desenvolveu conceitos que chamou
dança. Novas exigências sociais e de consumo de “paradigmas”. Sobre os paradigmas, pode-se
surgem a todo instante. O que você entende por dizer que eles são um(a):
mudança organizacional e quebra de paradig- I. Conjunto de crenças.
mas? II. Conjunto de valores.
III. Ciência social aplicada.
IV. Forma de ver o mundo.
V. Padrão.
VI. Metodologia de pesquisa científica.
Estão corretas as afirmações:
a) I, III e VI.
b) I, III, IV e VI.
c) I, II, IV e V.
d) I, II, III e VI.
e) Todas as opções (de I a VI).

(PROVÃO 2002 - INEP). Leia o texto abaixo e res-


ponda às questões 3 e 4.
Agora, é com você! Responda às questões a
“A nova ordem organizacional se desenha em
seguir para conferir o que aprendeu. ambientes altamente competitivos e de extrema
instabilidade e incerteza, a ponto de algumas
questões básicas quanto ao próprio objetivo or-
ganizacional estarem sendo colocadas incisiva-
Questão 1 mente às organizações. Há bem pouco tempo, as
organizações almejavam a liderança do merca-
(ENADE 2006). do e as grandes margens de lucro. Já o presente
tem-se revelado como a era da sobrevivência or-
- Muitas empresas têm dificuldade de promover
ganizacional. Quanto ao futuro”...
mudanças no comportamento de seus funcioná-
rios no ambiente de trabalho.
- As crenças, valores e atitudes que compõem a
cultura organizacional influenciam comporta-
mentos dos funcionários na empresa.
Analisando as afirmações acima, conclui-se que:

163
Tema 1 - Atividades Tecnologias de Gestão

Em relação a essa questão, assinale:


Questão 3 a) Se as duas afirmações são verdadeiras e a se-
gunda justifica a primeira.
b) Se as duas afirmações são verdadeiras e a se-
Diante da instabilidade gerada pelo ambiente,
gunda não justifica a primeira.
que posição deve adotar uma organização?
c) Se a primeira é verdadeira e a segunda é fal-
a) Aceitar o determinismo ambiental como ine-
sa.
vitável e se curvar às suas consequências.
d) Se a primeira é falsa e a segunda é verdadei-
b) Aceitar os mecanismos criados para assegurar
ra.
a autopreservação das “ilhas de eficiência”.
e) Se as duas são falsas.
c) Manter as zonas de conforto imanentes e
inerentes, de acordo com os propósitos da
cultura organizacional.
d) Aceitar a inevitabilidade da necessidade de
mudança e de adaptação.
Questão 6
e) Ignorar a acomodação associada à burocrati-
zação das organizações. (ENADE 2006). Desde o início de seu curso, o jo-
vem gerente tinha aprendido que uma das ati-
vidades mais desafiadoras do administrador era
tomar decisões, em especial, em grandes empre-
Questão 4 sas. Ele, todavia, estava agora no comando da
pequena empresa pertencente à sua família.
Nesta situação, no Brasil, pode-se afirmar que as
Das situações abaixo, qual caracteriza uma mu- decisões, na maioria dos casos, tendem a ser:
dança que está ocorrendo diante da nova ordem a) Programadas, ocorrendo raras decisões não-
organizacional? programadas.
a) A competição entre empresas diferentes pas- b) Concentradas em uma alternativa, pois há li-
sa a evitar a competição entre empresas to- mites de tempo.
talmente similares.
c) Condicionadas pela baixa turbulência do am-
b) A logística tem um papel cada vez menor no biente de negócio.
contexto organizacional.
d) Tomadas com base na racionalidade plena.
c) A ênfase na hierarquia é reduzida, e aumen-
e) Arriscadas, apesar de ser difícil mensurar o
ta a importância da integração entre diferen-
risco.
tes áreas e setores.
d) As fronteiras e/ou limites industriais, que
eram incertos, agora se evidenciam com pre-
cisão. Questão 7
e) As parcerias passam a ser desnecessárias e até
perigosas.
O Livro-Texto apresenta oito benefícios buscados
pelos processos de terceirização. Assinale a alter-
nativa que NÃO tem relação com esse assunto,
Questão 5 ou seja, que não é um benefício da terceirização:
a) A possibilidade de se aumentar o foco no ne-
gócio principal das organizações.
(PROVÃO 2002 - INEP). Uma organização está
b) Redução e melhor controle de custos opera-
mais preparada para lidar com um contexto de
cionais.
mudanças quando seus membros têm o direito
de exprimir suas diferenças. c) A possibilidade de trocar todos os funcioná-
rios da fábrica e do escritório sem o sindicato
PORQUE
perceber.
A expressão das diferenças dos membros de uma
d) O aumento da disponibilidade de capital
organização deve possibilitar a resolução de seus
para investimento.
conflitos dentro dela.

164
Tecnologias de Gestão Tema 1 - Atividades

e) A eliminação ou, pelo menos, a diminuição


expressiva do custo e responsabilidade social
e síndica com mão de obra.
Questão 10
Quais as principais características da Gestão da
Qualidade Total?
Questão 8
Explique a importância da ética para o gestor e
para o consultor.

Questão 11
Conceitue sustentabilidade empresarial.

Questão 9
Qual a importância da qualidade no atual cená-
rio econômico?

Questão 12
Em grupo - analise esse breve estudo de caso e
responda as questões do texto:
Uma das experiências mais comuns que os recém-
formados nos cursos de administração ou demais
cursos ligados à gestão empresarial têm em seus
primeiros empregos é que eles “descobrem as
coisas que precisam ser modificadas” nesses no-
vos empregos.

165
Tema 1 - Atividades Tecnologias de Gestão

Eles aprenderam na faculdade sobre diversas


tecnologias de gestão, ferramentas de gestão e
outros temas contemporâneos inovadores e que
são utilizados pelas organizações de sucesso. São
cheios de ideias novas e estão prontos para de-
safiar as formas existentes de fazer as coisas. São
também entusiasmados e bem-intencionados
e conseguem visualizar que no atual emprego
Questão 13
muita coisa ainda precisa ser feita em diversas
áreas da empresa, porém, com mais frequência Quanto ao tema da terceirização, realize essa
do que a maioria provavelmente espera, seus atividade individualmente ou em dupla: Pesqui-
novos superiores hierárquicos acabam se mos- se que áreas ou serviços da empresa em que você
trando céticos, sem muito interesse, ou até mes- trabalha (caso ainda não trabalhe, escolha uma
mo irritados com essas ideias de mudanças e de empresa a que você tenha acesso, independente
novos “sistemas de gestão”. Seus colegas de tra- do porte ou segmento) já foram terceirizados e
balho que já estão na empresa há algum tempo quais foram os ganhos e vantagens deste proces-
devem se sentir da mesma maneira. Acham que so que são observados pelos gestores.
está tudo funcionando bem até o presente, não Nesta mesma empresa, identifique áreas ou ser-
há necessidade de mudanças. viços que podem vir a ser terceirizados e, para
O que o novo funcionário, este recém-formado, isso, elabore um breve relatório com a descrição
deve fazer? Uma opção é apenas esquecer o as- da empresa e da área que poderia ser terceiri-
sunto e adotar a abordagem “Vou fazer apenas zada, quais as vantagens e desvantagens para
o meu trabalho”. Vamos desconsiderar esta op- a empresa, quais os custos estimados para esta
ção. Como você pode ser um líder de mudança alternativa de terceirização e termine com sua
eficaz no seu próximo novo emprego? identificação (nome, RA e assinatura). Esse rela-
tório deve ser digitado em papel A4, fonte Arial
ou Times new Roman 12, espaçamento 1,5 e ter
de 1 a 3 páginas.

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Para saber mais sobre esse assunto consulte:
• Artigo científico publicado revista RAE, com 14
páginas que apresentam a ideia de processo, de
redesenho de processos, organização por proces-
sos e gestão por processos. O artigo propõe-se a
facilitar a compreensão do assunto, oferecendo
um quadro organizado de definições e aplica-
ções para o conceito de processo empresarial.
GONÇALVES, J. E. L. As empresas são
Como você pode usar as estratégias de mudan- grandes coleções de processos. RAE. V.
ça e lidar com a resistência do seu chefe e dos 40, n. 1, jan - mar 2000. Disponível em:
colegas de trabalho, de maneira a criar para si <http://www.projeler.com.br/download/pdf/as_
uma reputação de alguém com boas ideias para empresas_sao_grandes_colecoes_de_processos.
a mudança positiva? pdf>. Acesso em: 25 abr. 2010.
• Artigo que trata sobre o processo de mudanças
tecnológicas e institucionais.
TIGRE, P. B. Paradigmas tecnológicos e
teorias econômicas da firma. Disponível em:
<http://www.pucsp.br/eitt/downloads/III_Ciclo_
Art_Paulo_Tigre_Paradigmas_Tecnologicos_e_
Teorias_.pdf>. Acesso em: 25 abr. 2010.

166
Tecnologias de Gestão Tema 1 - Atividades

• Endereço eletrônico da revista “GESTÃO.Org”


Trata-se da Revista Eletrônica de Gestão Organi-
zacional e é um periódico do Programa de Pós-
Graduação em Administração da Universidade
Federal de Pernambuco - PROPAD/UFPE que visa
a divulgação de trabalhos científicos, a dissemi-
nação do conhecimento e o debate de ideias so-
bre gestão organizacional.
GESTÃO.ORG. Revista Eletrônica de Gestão Orga-
nizacional. Universidade Federal de Pernambuco.
Disponível em: <http://www.gestaoorg.dca.ufpe.
br/index.htm>. Acesso em: 25 abr. 2010.
• O endereço eletrônico do SEBRAE de São Paulo
tem o objetivo de estimular e promover o de-
senvolvimento do empreendedorismo e das em-
presas de micro e pequeno portes no Estado de
São Paulo. Artigos e outras informações estão
disponíveis.
SEBRAE SÃO PAULO. Disponível em: <http://
www.sebraesp.com.br/>.

FINALIZANDO
Nesse tema, você viu os desafios para o gestor
contemporâneo, nos capítulos 1 e 2, e o início da
segunda parte do livro, com a apresentação das
duas tecnologias de gestão importantes na atua-
lidade: Gestão Contemporânea da Qualidade e a
Terceirização.
São assuntos importantes para o início do estudo
dessa disciplina.

167
Tema 2
Algumas Tecnologias de Gestão
Organizacional

Objetivos de aprendizagem
• Conhecer algumas importantes tecnologias de gestão organizacional utilizadas na atualidade.
• Compreender as características, vantagens, desvantagens, principais aplicações e cuidados a serem toma-
dos na implantação dessas tecnologias nas organizações, especialmente no Brasil.

Para início de conversa


Neste tema, você conhecerá outras tecnologias de gestão
organizacional utilizadas pelas empresas na atualidade. Es-
tudará as principais tecnologias que têm sido aplicadas nas
últimas décadas. Dentre elas estão: Benchmarking, Geren-
ciamento com o Livro Aberto ou Open-Book Management,
Reengenharia, Empowerment, Gestão e Organização Hori-
zontal e o tema Aprendizagem Organizacional: capital inte-
lectual e gestão do conhecimento.
Um ponto a ser destacado é que em muitas organizações
podem ser observadas a utilização simultânea de diversas
dessas tecnologias. No Livro-Texto estas foram destacadas
separadamente, em cada capítulo, apenas para o processo
tornar-se mais didático e de fácil compreensão. Na prática,
várias tecnologias apresentadas, aqui separadas por capítu-
los, andam juntas nas organizações. Também destacamos
que não existe um pré-requisito, ou mesmo alguma tecnolo-
gia que seja mais importante do que outra. Para cada tipo de
organização, demanda ou ambiente em que esteja inserida
será implantada uma determinada tecnologia ou conjunto
delas. Cabe ao gestor avaliar a necessidade de sua organi-
zação.

168
4
Por dentro do tema
Para alcançar o primeiro objetivo, você deverá conhecer cada uma das seis tecno-
logias de gestão organizacional que estão apresentadas dos capítulos 5 ao 10 do
Livro-Texto.
Essa conceituação de cada tecnologia é feita a partir de autores consagrados e de
outras fontes de consulta que são citadas em cada um dos capítulos do Livro-Texto.
Para alcançar o segundo objetivo, observe que cada capítulo do livro apresenta,
em certa ordem, as características, vantagens, desvantagens, principais aplicações e
cuidados a serem tomados na implantação dessas tecnologias nas organizações, es-
pecialmente no Brasil. Em vários desses capítulos existem, ao final, estudo de casos,
para que você confirme o que foi estudado. Não deixe de resolvê-los. Bom estudo!

169
Tema 2 - Atividades Tecnologias de Gestão

Atividades
Questão 1
INSTRUÇÕES É o autor conhecido como o “pai do benchmar-
As questões ligadas ao TEMA 2 podem ser res- king” (nome do autor e ano da obra de referên-
pondidas em grupos de 2 a 5 alunos, com discus- cia que trata do assunto):
são das respostas após a leitura dos capítulos 5 a) Max Weber (1920).
ao 10 do Livro-Texto que tratam sobre Tecnolo- b) Peter Drucker (1954).
gias de Gestão.
c) Robert Camp (1993).
d) Frederick W. Taylor (1911).
e) Sun Tzu (general chinês, aprox. 400 a. C.).
Ponto de partida
Como ponto de partida para o estudo de diver-
sas tecnologias de gestão que constam no Tema
Questão 2
2, reflita, previamente, em grupo, sobre o texto
a seguir: Existe desconhecimento entre as pessoas sobre
A cada dia novos temas e abordagens de tecno- o que é e o que não é benchmarking. Com base
logias de gestão surgem no mundo corporati- nas afirmações abaixo, confirme quais delas de-
vo. Alguns têm a fama de serem passageiros e finem corretamente essa tecnologia de gestão
simples “modismos da administração”. Outros organizacional.
temas e tecnologias parecem ser fundamentais, I. Uma tecnologia de gestão desenvolvida por
oportunos e determinantes para o sucesso das meio da investigação e por intermédio da
organizações que o aplicam. Como separar e dis- comparação para verificar o que pode ser
tinguir qual assunto ou tecnologia é importante melhorado.
para a organização em que você trabalha sem II. Um evento isolado e específico na organiza-
cair nos modismos, que normalmente acarretam ção.
muitos gastos da empresa para sua implanta-
III. Uma cópia, imitação barata.
ção, mas que trazem poucos resultados práticos?
Considerando a cultura, os valores e a visão da IV. Um processo de aprendizado com os outros.
organização é possível implantar diversas tecno- V. Uma modalidade especial de aprendizado di-
logias e ferramentas, simultaneamente, mesmo recionada à revelação das melhores práticas
que haja a resistência por parte da chefia e dos executadas por uma determinada organiza-
colegas conforme descrito no caso? Sim ou não? ção.
Discuta em grupo e justifique suas respostas. VI. Um modismo da administração.
São verdadeiras as afirmações:
a) I, IV e V.
b) I, II, III e V.
c) I, III, IV e V.
d) II, IV e VI.
e) II, III, V e VI.

Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

170
Tecnologias de Gestão Tema 2 - Atividades

Questão 3 Questão 5
Nas alternativas a seguir, qual NÃO corresponde O Livro-Texto apresenta algumas etapas para a
ao conceito de reengenharia? implementação do empowerment e a primeira
a) Começar de novo, abandonar os procedimen- delas é tolerância a erros. Obviamente, isso não
tos consagrados em uma organização e criar significa que toda a espécie de erro deve ser to-
novos procedimentos. lerada pela organização.
b) É ao mesmo tempo a modificação de proces- Das alternativas a seguir, qual delas NÃO deverá
sos, organizações e sistemas de informações ser permitida / tolerada pela organização?
de apoio com o objetivo de conseguir melho- a) Quando o erro não faz parte de um padrão,
ria radical no tempo, no custo, na qualidade ou seja, é cometido pela primeira vez.
e na satisfação dos clientes. b) Quando se aprende com o erro, de sorte que
c) Rejeita a sabedoria convencional e as tradi- a experiência enriqueça a capacidade de aná-
ções herdadas do passado para engendrar lise da pessoa.
algo completamente diferente. c) Quando o erro ocorre na busca das metas.
d) É sinônimo simples de downsizing, reestrutura- d) Quando o erro não contraria leis e princípios
ção, outsizing e des-hierarquização. organizacionais, ou seja, quando a pessoa
e) Repensar os fundamentos e a reestruturação erra sem afrontar com suas decisões as nor-
radical dos processos organizacionais, que mas e valores da organização.
visam atingir drásticas melhorias em indica- e) Quando o erro estiver além do escopo de au-
dores críticos e contemporâneos de desempe- toridade, já que a organização espera re-
nho. sultado de seus funcionários, mesmo que ele
ultrapasse a sua responsabilidade e a hierar-
quia da empresa.

Questão 4
(Questão retirada do PROVÃO 2002-INEP). A glo- Questão 6
balização tem imposto mudanças em diversos
aspectos do mundo de negócios. Várias são as Atualmente, muitas empresas deparam com
técnicas utilizadas pelas organizações para en- o desafio de competir num mundo em que co-
frentar esse novo cenário, tais como downsizing, nhecimento, e não apenas os recursos naturais
delegação e equipes interfuncionais. e mão de obra abundante e barata, constituem
Contudo, a utilização dessas técnicas deve vir vantagem competitiva. A necessidade de admi-
acompanhada de um enfoque gerencial deno- nistrar o conhecimento surge pelo fato de se
minado empowerment, que significa o fortaleci- poder conferir através dele, uma vantagem com-
mento do poder decisório dos indivíduos de uma petitiva à organização. Isso porque, por meio de
empresa, tendo como condição inerente e neces- um conjunto de conhecimento e habilidades, a
sária à sua utilização... empresa está apta a inovar produtos, processos
a) A intolerância a erros de decisão. e serviços, ou ainda aprimorar aqueles existentes
de modo eficiente e eficaz. A importância do co-
b) A circulação restrita das informações geren-
nhecimento fez com que as empresas se dedicas-
ciais.
sem a gerenciá-lo e a forma como se administra
c) A competência decisória dos gestores. esse sistema de gerenciamento gera uma grande
d) A flexibilização da missão da empresa. vantagem competitiva. Esse processo é gerado
e) A inexistência de sistema de recompensas. por meio de diversas ações, entre as quais a cons-
trução do conhecimento explícito por intermé-
dio do diálogo, do feedback e do pensamento
coletivo. Essa construção recebe o nome de:
a) Internalização.
b) Externalização.

171
Tema 2 - Atividades Tecnologias de Gestão

c) Socialização.
d) Combinação. Questão 9
e) Nenhuma das alternativas.
Qual é o papel da liderança em uma organiza-
ção que aplique intensamente o empowerment?
Questão 7 Comente.

Quais condições são necessárias para a imple-


mentação do Open-book Management?

Questão 10
Por que o empowerment nem sempre tem su-
Questão 8 cesso na sua implantação? Liste e comente dois
motivos para o fracasso do empowerment.

O que a reengenharia propõe?

172
Tecnologias de Gestão Tema 2 - Atividades

Questão 11
Descreva e comente as principais vantagens da
gestão horizontal.

Questão 14
Após estudar as tecnologias de gestão, elabore
um relatório (em grupo) sobre essas tecnologias
disponíveis hoje para as organizações.
Em grupo - Apresente a uma empresa fictícia
(ou onde alguém do grupo trabalhe), apenas 1
(uma) das tecnologias que constam nesses ca-
pítulos indicados ainda não aplicadas, mas que
traria benefícios a essa organização. Apresen-
te a tecnologia de gestão, suas características e
vantagens, justificando tal indicação. Pensando
nas qualidades dessa tecnologia para a empre-
Questão 12 sa, tente “vender” a ideia da tecnologia para a
empresa.
Defina Capital intelectual. O relatório deve ser feito em Word, máximo 4
páginas (Folha A4, fonte “Arial” ou “Times New
Roman” tamanho 12 e espaçamento Simples).

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Para saber mais sobre esse assunto consulte:
• Livro Balanced Scorecard.
RAMPERSAD, H. Balanced Scorecard pessoal. Rio
de Janeiro: Qualitymark, 2006.
• Livro publicado sobre Capital Intelectual.
STEWART, T. A. Capital intelectual: A nova van-
tagem competitiva das empresas. 11.a ed. Rio de
Janeiro: Campus, 1998.
• O endereço do portal “Administradores.com.
br” é um canal voltado à área de Administração
e Negócios que reúne administradores, professo-
Questão 13 res e estudantes de administração de empresas,
além de empresários, executivos e outros profis-
sionais ligados à Administração de Empresas.
Por que o capital humano não é propriedade da
empresa? ADMINISTRADORES. Portal Administradores.
com.br.
Disponível em: <http://www.administradores.
com.br/>. Acesso em: 25 abr. 2010.

173
Tema 2 - Atividades Tecnologias de Gestão

• O endereço eletrônico da ABEPRO - Associa-


ção Brasileira de Engenharia de Produção -, ins-
tituição representativa de docentes, discentes e
profissionais de Engenharia de Produção há mais
de 20 anos. No site são apresentados artigos da
revista e também de congressos e eventos sobre
diversos temas de gestão e de engenharia de
produção.
ABEPRO. Associação Brasileira de Engenharia de
Produção. Disponível em: <http://www.abepro.
org.br/>. Acesso em: 25 abr. 2010.
• O endereço eletrônico da USP, chamado tam-
bém de Portal do Conhecimento, é uma inicia-
tiva inovadora com o intuito de disponibilizar,
pela internet o seu conhecimento produzido e
acumulado. Trata-se de um esforço de contri-
buição para a sociedade do conhecimento, que
possui mais de 20 mil documentos para consulta.
USP. UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO. Biblioteca
digital de teses e dissertações. Disponível em:
<http://www.teses.usp.br/>. Acesso em: 25 abr.
2010.

FINALIZANDO
Nesse tema, você conheceu seis tecnologias de
gestão utilizadas na atualidade, descritas nos ca-
pítulos 5 ao 10 do Livro-Texto. Somando as duas
tecnologias apresentadas no Tema 1, nessa disci-
plina você conheceu oito tecnologias de gestão
importantes na atualidade.
Como esse tema é muito dinâmico, já existem
outras tecnologias de gestão disponíveis que
você poderá aprender. É importante que você
não apenas conheça essas ferramentas utilizadas
hoje, mas que desperte também para a impor-
tância prática desse tema no trabalho do gestor.

174
Tema 3
Algumas Ferramentas de Gestão

Objetivos de Aprendizagem
• Conhecer importantes ferramentas de gestão organizacional utilizadas na atualidade.
• Identificar as principais características e aplicações dessas ferramentas nas organizações.

Para início de conversa


Neste tema, você conhecerá três importantes ferramentas
de gestão organizacional que são: Sistema de Informações
Gerenciais (SIG), Balanced Scorecard (BSC) e a Seis Sigma?
Existem muitas outras ferramentas de gestão utilizadas na
utilidade. Porém, para essa disciplina, maior foco será dado
às três ferramentas mais utilizadas atualmente pelas organi-
zações e que demandam do gestor um conhecimento míni-
mo.

Por dentro do tema


Para alcançar o primeiro objetivo, é importante que você conheça cada uma das três
ferramentas de gestão organizacional que estão apresentadas dos capítulos 11 ao
13 do Livro-Texto.
Nos capítulos do Livro-Texto são utilizadas definições de autores consagrados e li-
gados à área.
Para alcançar o segundo objetivo, você deverá estudar as características, vantagens,
aplicações e cuidados a serem tomados na implantação dessas ferramentas, descri-
tas nos respectivos capítulos do PLT.

175
Tema 3 - Atividades Tecnologias de Gestão

Atividades

INSTRUÇÕES
No TEMA 3, as questões podem ser respondidas É possível tomar decisões gerenciais sem os siste-
em grupos de 2 a 5 alunos, com a leitura prévia mas de apoio à decisão gerencial?
dos capítulos 11 ao 13 do Livro-Texto que tratam
sobre algumas ferramentas de gestão.

Ponto de partida
Para iniciar o estudo do Tema 3, reúna-se com
seu grupo, debata as questões a seguir e, res-
pondendo-as conforme consenso do grupo.
“Neste século XXI, época em que temos dispo-
níveis muitos sistemas informatizados, recursos
tecnológicos, e o mundo está conectado à inter-
net , e outras ferramentas de comunicação/infor-
mação, não dá pra pensar em uma empresa com- Quais riscos o gestor corre neste caso?
petitiva sem sistemas de informações gerenciais
confiáveis e que sejam atualizáveis”.
Já que sabemos que tudo tende a ficar obsoleto
rapidamente (sistemas e máquinas), como defi-
nir e escolher o melhor sistema de informações
gerenciais para uma empresa?

Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

Que cuidados devem ser tomados?

176
Tecnologias de Gestão Tema 3 - Atividades

Questão 1 Questão 3
(ENADE 2009). Pesquisadores da área de tecnolo- Analise as afirmações a seguir sobre o conceito
gia da informação advertem para o fato de que de Balanced Scorecard (BSC).
sistemas de informação computadorizados são I. BSC é uma ferramenta utilizada na adminis-
mais vulneráveis a destruição, erros, mau uso e tração de empresas que mede o desempenho
crime do que os sistemas manuais, em que a in- operacional.
formação é geralmente guardada sob a forma
II. BSC é um mecanismo para a sua formulação e
de registros em papel. Analise as afirmativas a
não para a implementação de estratégia.
seguir, como formas possíveis de agregar segu-
rança aos sistemas de informação computadori- III. Com o BSC busca-se integrar as medidas fi-
zados. nanceiras com as não-financeiras, diferente-
mente dos demais instrumentos de medição
I. Guardar todos os seus bancos de dados e seus
de desempenho.
respectivos back-ups em uma só localidade.
IV. BSC é um sistema de gestão estratégica que
II. Instalar sistemas de segurança de acesso, tais
se propõe a ajudar as empresas a traduzirem
como login e senhas.
suas estratégias em ações.
III. Instalar sistemas de proteção contra vírus e
Estão corretas as afirmações:
hackers.
a) I, II e III.
IV. Desativar o sistema de criptografia de dados.
b) I, III e IV.
Estão CORRETAS somente as afirmativas:
c) II, III e IV.
a) I, II e III.
d) I, II e IV.
b) II, III e IV.
e) I, II, III e IV.
c) I, III e IV.
d) III e IV.
e) II e III.
Questão 4

Questão 2 Na consolidação da estrutura do Seis Sigma uti-


lizaram-se as denominações utilizadas nas artes
marciais para definir aqueles com maior conheci-
Segundo Laudon e Laudon (2004) citados no Li- mento do processo e define também a diferença
vro-Texto, os principais tipos de SI são: Sistemas de responsabilidade pelo mesmo. Segundo essa
de apoio executivo; Sistemas de apoio à decisão; definição, quem é o maior responsável pela lide-
Sistemas de gestão do conhecimento e automa- rança das equipes?
ção de escritório; Sistemas de transações. Ainda a) Champions.
falta um tipo.
b) Yellow belts.
Assinale o item que apresenta o item faltante:
c) Black belts.
a) Sistemas de apoio técnico-gerencial.
d) Master black belts.
b) Sistemas de apoio à assistência técnica.
e) Green belts.
c) Sistemas de informações gerenciais.
d) Sistemas de transações internacionais.
e) Sistemas de orientação.

177
Tema 3 - Atividades Tecnologias de Gestão

Questão 5
Qual é a importância do papel da informação na
estrutura organizacional?

Questão 8
Quais as tendências do Seis Sigma no Brasil?

Questão 6
Defina com suas palavras em até duas linhas o
que é Balanced Scorecard (BSC).

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Para saber mais sobre esse assunto consulte:
• Livro publicado sobre Administração de siste-
mas de informação.
ROSSINI, A. M.; PALMISANO A. Administração de
sistemas de informação e a gestão do conheci-
mento. São Paulo: Pioneira, 2006.
• Livro publicado sobre Sistemas de informações
gerenciais.
OLIVEIRA, D. P. R. Sistemas de informações ge-
renciais: estratégias, táticas, operacionais. 8. ed.
São Paulo: Atlas, 2002.
• Livro publicado sobre o Seis Sigma, em lingua-
Questão 7 gem fácil e didática, em forma de parábola no
estilo do livro Quem comeu o meu queijo?
CHOWDHURY, Subir. Quem comeu o meu ham-
Quais os passos para a implementação do Seis búrguer? O poder dos Seis Sigma. 10.a ed. São
Sigma numa organização e que benefícios ele Paulo: Record, 2009.
acarreta? • Portal sobre tecnologia, em português.
PORTAL COMPUTERWORLD. Disponível em:
<http://computerworld.uol.com.br/>. Acesso em:
26 abr. 2010.

178
Tecnologias de Gestão Tema 3 - Atividades

• Portal da Revista de Administração de Empre-


sas (RAE) da FGV. Possui artigos sobre todas as
áreas de gestão.
PORTAL RAE. Disponível em:
<http://www.rae.com.br/>. Acesso em: 26 abr.
2010.

FINALIZANDO
Nesse tema, você viu que foram tratadas três
ferramentas de gestão utilizadas pelas organiza-
ções na atualidade. São elas:
- Sistema de Informações Gerenciais - SIG.
- Balanced Scorecard - BSC.
- Ferramenta Seis Sigma.
Devido ao dinamismo dessa área, à velocidade
e ao avanço das tecnologias de gestão, pesquise
para conhecer outras ferramentas aplicadas na
atualidade.

179
Tema 4
Novas Demandas e Ambientes
para o Gestor Contemporâneo

Objetivos de Aprendizagem
• Conhecer os principais problemas ambientais existentes hoje no mundo e como eles afetam as organiza-
ções.
• Conhecer algumas das ferramentas disponíveis na gestão ambiental, sobre o crédito de carbono, e qual
é o papel do gestor quanto a esta questão.
• Identificar as questões éticas existentes nas organizações e a importância das boas práticas e da Gover-
nança Corporativa no mundo atual.
• Discutir os problemas bastantes atuais ligados ao assédio moral e ao assédio sexual dentro das organiza-
ções.
• Refletir sobre o trabalho humano e as implicações para a saúde do trabalhador.

Para início de conversa


Neste quarto tema, você estudará três capítulos ligados a
importantes questões que o gestor deve conhecer e discutir
na atualidade.
São aspectos que impactam diretamente nos resultados e
políticas das organizações, seja de maneira positiva ou nega-
tiva. Muito discutidos nas escolas, na mídia, são temas que
têm direcionado a sociedade a cobrar atitudes das organiza-
ções. Ao gestor cabe aplicar as tecnologias e ferramentas de
gestão apresentadas nessa disciplina sem se descuidar dos
demais tópicos tratados nesse tema.
O gestor precisa conhecer os impactos que a organização
causa ao meio ambiente e conseguir meios de diminuir tais
impactos ou mesmo observar ações que possam mitigar
ações de impacto ambiental negativo se já implantadas.
Também precisa conhecer e observar que padrões éticos
sejam utilizados na sua organização. Aqui entra em cena a
Governança Corporativa.
É ainda fundamental ao gestor: conhecer bastante sobre o
trabalho: situação, carga, causas e acidentes de trabalho, er-
gonomia e outros temas ligados ao desempenho humano e
as implicações para a saúde do trabalhador.

180
4
Por dentro do tema
Cabe ao gestor, hoje, não apenas gerenciar as organizações, mas compreender a
questão do meio ambiente, que inclui aspectos como a poluição causada pelas
empresas, os impactos ambientais, a água, as medidas de mitigação ambiental e os
créditos de carbono.
Na formação do gestor, é fundamental dominar os aspectos referentes à ética, en-
tendendo o que constitui o assédio moral e a governança corporativa.
Para completar o estudo deste tema, você precisa dominar os aspectos referentes
à saúde do trabalhador e à prevenção da nocividade do trabalho. Para isto, você
precisa conhecer e dominar temas como o enxugamento, rotatividade e terceiriza-
ções, além de aspectos como: desarticulação e fragilidade das ações públicas, erro
humano como explicação causal dos acidentes, impunidade, concepções e causas
dos acidentes de trabalho, ergonomia e prevenção na nocividade.

181
Tema 4 - Atividades Tecnologias de Gestão

Atividades Agora, é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

INSTRUÇÕES
No Tema 4, as questões podem ser respondidas Questão 1
em grupos de 2 a 5 alunos, com a leitura prévia
dos 3 últimos capítulos do Livro-Texto (capítulos
14 ao 16), que tratam sobre alguns temas impor- Qual a reação de muitas fábricas que possuem
tantes e relevantes para o gestor organizacional. atividades ou processos danosos ao meio am-
biente e que passam a sofrer restrições no seu
país de origem?
a) Pagam multas para as entidades de proteção
Ponto de partida ambiental.
b) Entram de acordo com a lei e se propõem a
causar menos danos ao meio ambiente.
Nesse último tema, você conheceu importantes
aspectos de discussão para os gestores na atuali- c) Deixam de produzir os produtos que causam
dade. Na ordem dos capítulos, você viu as ques- danos.
tões ligadas ao meio ambiente, à ética, Gover- d) Esperam uma autorização de uma entidade
nança Corporativa e também à questão da saúde para continuar a produção.
do trabalhador. e) Transferem ou mudam a produção para ou-
• Como ponto de partida, reflita sobre quais des- tro país onde não haja impedimento.
sas questões (programas e atividades) são pra-
ticadas na empresa em que você trabalha. Por
exemplo:
• Existe um programa de gestão ambiental na Questão 2
empresa?
• Existe um código de ética conhecido dos fun- Analise as afirmações a seguir sobre créditos de
cionários? carbono.
• Existe e funciona realmente a CIPA? I. Créditos de carbono são certificados que au-
• Como são os serviços relacionados à segurança, torizam o direito de poluir.
saúde e higiene no trabalho? II. Quem não cumpre as metas de redução esta-
• Como funciona e é estruturado esse setor na belecidas por lei tem de comprar certificados
sua empresa? das empresas mais bem-sucedidas.
Se houver lacunas ou falhas em qualquer desses III. Cada crédito de carbono equivale à meia to-
itens na sua empresa, pense em formas de aten- nelada de dióxido de carbono e uma parte de
der essas questões. metano.
IV. O mercado de carbono funciona sob as regras
do Protocolo de Quioto, no qual existem me-
canismos de flexibilização para auxiliar na re-
dução das emissões de gases do efeito estufa.
Estão corretas as afirmações:
a) I, II e III.
b) I, III e IV.
c) II, III e IV.
d) I, II e IV.
e) I, II, III e IV.

182
Tecnologias de Gestão Tema 4 - Atividades

Questão 3 Questão 5
(ENADE 2009). Ao longo do tempo, filósofos têm Os princípios e padrões que orientam o compor-
identificado várias formas de encarar o compor- tamento no mundo dos negócios significam a
tamento ético nas organizações. Entre elas, a vi- ética empresarial. Normalmente os stakeholders
são utilitarista considera o comportamento ético é que determinam se um comportamento espe-
como aquele que traz o maior bem para o maior cífico é certo ou errado, ético ou antiético. Quem
número possível de pessoas. Sob a lógica da vi- são os stakeholders?
são utilitarista, considere os itens a seguir: a) Agentes que participam do desempenho da
I. Fechamento de uma fábrica em uma cidade, organização, tais como gerentes, subordina-
para que a matriz da corporação continue dos e diretores da empresa.
sendo lucrativa e operacional em outras cida- b) Agentes que participam do desempenho da
des. organização, tais como funcionários, clientes
II. Deslocamento dos habitantes de um vilarejo e comunidades das organizações.
à beira-mar, para a construção de um condo- c) Agentes que participam do desempenho da
mínio de alto luxo, pequeno e reservado. organização, tais como acionistas, comunida-
III. Suspensão do bônus da alta administração, des e governos.
apesar de seu ótimo desempenho, para pre- d) Agentes que participam do desempenho da
servar a sobrevivência da empresa. organização, tais como funcionários, acionis-
Está(ão) CORRETO(S) somente o(s) item(ns): tas, clientes, comunidades e governos.
a) I e III. e) Agentes que participam do desempenho da
b) II. organização, tais como acionistas, empreen-
dedores, fornecedores e comunidades.
c) III.
d) I.
e) II e III.
Questão 6
Questão 4 Por volta do ano 2000, a BOVESPA criou o Novo
Mercado, ou seja, uma relação das empresas que
possuíam as melhores práticas de Governança
Dois funcionários conversam sobre ética no local Corporativa. Analise, a seguir, as afirmações so-
de trabalho. Sean diz que treinamento em ética bre as principais características das empresas com
e códigos de conduta ética são inúteis. Maura, boas práticas de governança do novo mercado.
por sua vez, afirma que essas são as únicas for-
I. Realização de ofertas públicas de colocação
mas de assegurar o comportamento ético por
de ações por meio de mecanismos que favo-
parte de todos os empregados. Quem está certo
reçam a dispersão do capital.
e por quê?
II. Conselho de Administração com mínimo de
a) Sean. Ninguém liga para isso.
cinco membros e mandato unificado de um
b) Maura. Somente a organização pode influen- ano.
ciar o comportamento ético.
III. Adesão à Câmara de Arbitragem do Mercado
c) Nem Sean e nem Maura. Treinamentos e có- para resolução de conflitos societários.
digos podem encorajar, mas nunca garantir o
IV. Introdução de melhorias nas informações
comportamento ético.
prestadas semestralmente, entre as quais a
d) Nem Sean e nem Maura. Somente a ameaça exigência de consolidação contábil e de revi-
de uma punição legal fará com que as pes- são especial financeira.
soas ajam eticamente.
Estão corretas as afirmações:
e) Sean e Maura estão certos. Falar de ética é ser
a) I, II e III.
mesmo contraditório e o oposto de tudo.
b) I, III e IV.

183
Tema 4 - Atividades Tecnologias de Gestão

c) II, III e IV. e) É um método desenvolvido para fornecer


d) I, II e IV. formas que incentivem os trabalhadores nas
suas dificuldades.
e) I, II, III e IV.

Questão 7 Questão 9
Qual a importância da gestão ambiental para as
Analise as afirmações a seguir sobre Acidentes
empresas?
de Trabalho:
I. Acidentes de trabalho têm sido estudados sob
vários enfoques, em que cada um traz suas
concepções, representa interesses e tem reper-
cussões na prevenção e na eventual responsa-
bilização pela ocorrência desses eventos.
II. Antes dos acidentes graves ou fatais, a situa-
ção de trabalho emite vários sinais de alerta,
os quais são conhecidos como “incidentes”.
III. As diferentes concepções causais dos aciden-
tes de trabalho são classificadas por: unicau-
sais, multicausais e concepções sistêmicas.
IV. As concepções atuais consideram os aciden-
tes de trabalho como resultantes de modifi-
cações ou desvios que ocorrem no interior de
sistemas de produção, modificações que, por
sua vez, resultam da interação de múltiplos Questão 10
fatores.
Estão corretas as afirmações:
Defina o que são as normas ISO e, em especial,
a) I, II e III. qual o objetivo da ISO 14.001?
b) I, III e IV.
c) II, III e IV.
d) I, II e IV.
e) I, II, III e IV.

Questão 8
O que é a análise ergonômica do trabalho (AET)?
a) É um método desenvolvido para investigar o
trabalho real e que permite olhar o trabalho
por dentro e de baixo para cima.
b) É um método desenvolvido para investigar as
dificuldades sofridas durante o trabalho rea-
lizado.
c) É um método desenvolvido para investigar o
trabalho em suas diversas fases.
d) É um método desenvolvido para investigar os
problemas causados nos operadores, devido
ao trabalho.

184
Tecnologias de Gestão Tema 4 - Atividades

• Site do Centro e de Referência em Saúde do


Questão 11 Trabalhador de Piracicaba-SP.
CEREST. Disponível em:
<http://www.cerest.piracicaba.sp.gov.br/site/
Como atividade de reflexão, discuta com o gru-
institucional/acoes-interinstitucionais.html>.
po sobre os problemas causados para qualquer
Acesso em: 26 abr. 2010.
organização, quando ela tem funcionários de
qualquer nível que sofrem o assédio moral e/ou • Site da Fundação Jorge Duprat Figueiredo, de
o assédio sexual no ambiente de trabalho. Liste Segurança e Medicina do Trabalho.
os prejuízos e consequências, tanto internamen- FUNDACENTRO. Disponível em:
te na empresa, quanto também a questão da <http://www.fundacentro.gov.br/>. Acesso em:
imagem da empresa perante a sociedade quan- 24 abr. 2010.
do estes fatos se tornam públicos.

FINALIZANDO
Nesse tema, você viu questões referentes ao
meio ambiente, à ética e Governança Corporati-
va. Viu também aspectos referentes à saúde do
trabalhador, compreendendo que estes devem
ser conhecidos e praticados pelos gestores na
atualidade.

AMPLIANDO O CONHECIMENTO
Para saber mais sobre esse assunto consulte:
• Portal do Ministério do Meio Ambiente do Brasil
BRASIL. MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE. Dispo-
nível em:
<http://www.mma.gov.br/sitio/>. Acesso em: 25
abr. 2010.
• Site da ONG Greenpeace.
GREENPEACE BRASIL. Disponível em:
<http://www.greenpeace.org/brasil/>. Acesso
em: 25 abr. 2010.
• Site da ONG SOS MATA ATLÂNTICA
SOS MATA ATLÂNTICA. Disponível em:
<http://www.sosmatatlantica.org.br/>. Acesso
em: 25 abr. 2010.
• Portal das Nações Unidas no Brasil.
NAÇÕES UNIDAS NO BRASIL. Disponível em:
<http://www.onu-brasil.org.br/>. Acesso em: 24
abr. 2010.
• Site sobre assédio moral.
ASSÉDIO MORAL. Disponível em:
<http://www.assediomoral.org/>. Acesso em: 24
abr. 2010.

185
Desafio de Aprendizagem Tecnologias de Gestão

Autor: Décio Henrique Franco - Faculdade Anhanguera de Santa Bárbara

Este desafio de aprendizagem tem por objetivos:


• Favorecer a aprendizagem.
• Estimular a corresponsabilidade do aluno pelo aprendizado eficiente e eficaz.
• Promover o estudo, a convivência e o trabalho em grupo.
• Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado.
• Oferecer diferenciados ambientes de aprendizagem.
• Auxiliar no desenvolvimento das competências requeridas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais dos
Cursos de Graduação.
• Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução de problemas relativos à profissão.
• Direcionar o estudante para a emancipação intelectual.
Para atingir estes objetivos, as atividades foram organizadas na forma de um desafio, que será solucionado
por etapas ao longo da disciplina.
Realizar essas atividades é essencial para o desenvolvimento das competências e habilidades requeridas na
atuação do aluno no mercado de trabalho.
Aproveite a oportunidade de estudar e aprender com os desafios da vida profissional.

Competências e Habilidades
Ao concluir as etapas propostas neste desafio, você terá desenvolvido as competências e habilidades descritas
a seguir:
• Reconhecer e definir problemas, equacionar soluções, pensar estrategicamente, introduzir modificações
no processo produtivo, atuar preventivamente, transferir e generalizar conhecimentos e exercer, em
diferentes graus de complexidade, o processo da tomada de decisão.
• Refletir e atuar criticamente sobre a esfera da produção, compreendendo sua posição e função na es-
trutura produtiva sob seu controle e gerenciamento.
• Ter iniciativa, criatividade, determinação, vontade política e administrativa, vontade de aprender, aber-
tura às mudanças e consciência da qualidade e das implicações éticas do seu exercício profissional.
• Desenvolver capacidade de transferir conhecimentos da vida e da experiência cotidiana para o ambiente
de trabalho e do seu campo de atuação profissional e diferentes modelos organizacionais, revelando-se
profissional adaptável.

Desafio
O grupo de alunos formado para este desafio, ao conhecer as principais tecnologias e ferramentas de gestão
da atualidade e também as demandas e ambientes necessários e disponíveis para o gestor moderno atuar,
produzirá um relatório escrito e uma apresentação em PowerPoint, com o objetivo de comercialização de
uma ferramenta de gestão. O trabalho será produzido levando-se em consideração a importância dessas
tecnologias e ferramentas.
Este desafio é importante para que você amplie seu conhecimento sobre as tecnologias e ferramentas de ges-
tão disponíveis na atualidade, a fim de contribuir com sua formação profissional e trazer visão aprofundada e
ampla destes temas, tanto para seu futuro como para o da organização em que você trabalha ou trabalhará.

186
Tecnologias de Gestão Desafio de Aprendizagem

Autor: Décio Henrique Franco - Faculdade Anhanguera de Santa Bárbara

Etapa n.o 1
Aula-tema: Desafios para o gestor contemporâneo
Essa atividade é importante para que você compreenda o conceito de mudança nas organizações e o papel
do gestor organizacional e identifique a empresa-alvo de sua pesquisa.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, que deverá ter no mínimo três e no máximo oito componentes.
Entregue ao seu tutor presencial os nomes, RAs e e-mails dos alunos. Esta equipe será a mesma durante todo
o desafio.
Passo 2 - Identifique uma organização que tenha passado por algum processo recente de mudança organiza-
cional e/ou de quebra de paradigmas. Como sugestão, a organização escolhida pode ser o local de trabalho
de um dos integrantes da equipe. Para orientar essa identificação, realize a seguinte ação:
a) Descreva detalhadamente a empresa identificada (nome, localização, segmento em que atua, produtos
fabricados e/ou comercializados, porte/tamanho, missão e valores, justificativa da escolha da empresa,
nome e cargo do contato da equipe na empresa).
Passo 3 - Leia os capítulos 1 e 2, do PLT da disciplina em questão, que descreve a mudança nas organizações
e a importância do gestor organizacional e de consultoria.
Passo 4 - Defina o que você entende por mudança organizacional e quebra de paradigma. Explique como
uma empresa deve se preparar para mudar sempre que necessário.
Passo 5 - Apresente o conceito e os vários papéis do gestor organizacional. Realize as seguintes ações:
a) Defina o conceito e os papéis do gestor organizacional com base no Livro-Texto.
b) Pergunte a um dos gestores da empresa de estudo o que ele pensa sobre “mudança organizacional”.
c) Redija um breve relatório com as anotações a respeito da resposta referente à pergunta realizada na
questão anterior. Após esse relatório, compare esse material com a teoria que você encontra nos primei-
ros capítulos do PLT da disciplina em questão.
Passo 6 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

Etapa n.o 2
Aula- tema: Tecnologias de Gestão Organizacional
Essa atividade é importante para que você conheça as principais tecnologias de gestão organizacional e iden-
tifique as que são aplicáveis para a empresa-alvo de sua pesquisa.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

PASSOS
Passo 1 - Leia os capítulos 3 e 4 do PLT da disciplina, que apresenta os temas da qualidade e da terceirização.
Passo 2 - Resuma a abordagem sobre a “Gestão da qualidade total” que está no capítulo 3 do PLT.
Passo 3 - A respeito da terceirização, na empresa de estudo:
a) Pesquise que áreas ou serviços da empresa já foram terceirizados e quais foram os ganhos e vantagens
desse processo, que são observados pelos gestores.
b) Identifique áreas ou serviços que podem vir a ser terceirizados nessa empresa e, para isso, elabore um
breve relato com a descrição da área que poderia ser terceirizada. Descreva quais as vantagens e des-
vantagens para a empresa e quais os custos estimados para essa alternativa de terceirização.

187
Desafio de Aprendizagem Tecnologias de Gestão

Autor: Décio Henrique Franco - Faculdade Anhanguera de Santa Bárbara

Passo 4 - Leia os capítulos 5, 6, 7, 8, 9 e 10 do PLT para conhecer a respeito de tecnologias de gestão. A


partir dessa leitura:
a) Descreva brevemente as principais características, vantagens e aplicações de cada uma das tecnologias
apresentadas no Livro-Texto.
b) Elabore, para a empresa de estudo, dois documentos:
- o primeiro em forma de relatório, com a seguinte formatação: elaborado em Word, com no máximo 4
páginas de tamanho A4, letra com fonte Arial ou Times New Roman 12 e espaçamento simples entre
as linhas;
- o segundo em formato de apresentação de slides, de PowerPoint (máximo de 12 slides, com os tópicos
principais).
Nessas duas atividades, o grupo deve apresentar para a empresa apenas uma das tecnologias que constam
nesses capítulos indicados, que ainda não são aplicadas na empresa, mas que poderiam trazer benefícios
para essa organização. Justifique a indicação desta tecnologia, para a empresa de estudo, e tenha em mente
a ideia de “vender” essa tecnologia de gestão e suas qualidades para a empresa. Para elaboração dos
relatórios, utilize o Manual para Elaboração de Trabalhos Acadêmicos da Anhanguera, disponível no site
www.unianhanguera.edu.br/anhanguera/bibliotecas/normas_bibliograficas/index.html.
Passo 5 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

ETAPA n.o 3
Aula-tema: Ferramentas de Gestão Organizacional
Essa atividade é importante para que você conheça algumas ferramentas de gestão e identifique sua aplica-
ção em empresas de diversos segmentos.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

PASSOS
Passo 1 - Leia os capítulos 11, 12 e 13 do PLT, da disciplina em questão, que abordam as ferramentas de
gestão.
Passo 2 - Reúna-se, com a sua equipe, para debater as questões que estão no texto a seguir:
“Nesta época em que temos disponíveis muitos sistemas informatizados e outros recursos tecnológicos, em
que o mundo está conectado à internet e outras ferramentas de comunicação e de informação, não dá para
pensar em uma empresa moderna, que seja competitiva neste século XXI e não tenha sistemas de informa-
ções gerenciais confiáveis e atualizáveis. Já que sabemos que tudo tende a ficar obsoleto rapidamente (sis-
temas e máquinas), como definir e escolher o melhor sistema de informações gerenciais para uma empresa?
Que cuidados devem ser tomados? É possível tomar decisões gerenciais sem os sistemas de apoio à decisão
gerencial? Quais os riscos o gestor corre neste caso?”
Passo 3 - Produza um texto que resuma as principais ideias da equipe e que tenha a seguinte formatação:
máximo de duas páginas, elaboradas em Word e com tamanho A4, letra com fonte Arial ou Times New Ro-
man 12 e espaçamento simples entre as linhas.
Passo 4 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

188
Tecnologias de Gestão Desafio de Aprendizagem

Autor: Décio Henrique Franco - Faculdade Anhanguera de Santa Bárbara

ETAPA n.o 4
Aula-tema: Novas demandas e ambientes para o Gestor Contemporâneo
Essa atividade é importante para que você discuta alguns temas contemporâneos que afetam diretamente as
organizações: ética e governança corporativa, meio ambiente e saúde do trabalhador.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos a seguir.

PASSOS
Passo 1 - Leia os capítulos 14, 15 e 16 do PLT da disciplina, que abordam as novas demandas e ambientes
para o gestor.
Passo 2 - Identifique, na empresa-alvo de sua pesquisa, quais são as ações e programas de responsabilidade
socioambiental que a empresa pratica ou divulga.
Passo 3 - A respeito da ética corporativa, discuta com o grupo sobre os problemas causados para qualquer
organização quando ela tem funcionários, de qualquer nível, que sofrem assédio moral e/ou assédio sexual
no ambiente de trabalho. Liste prejuízos e consequências observados no cotidiano de trabalho da empresa e
também na imagem da organização perante a sociedade, quando estes fatos se tornam públicos.
Passo 4 - Leia e responda às seguintes questões, que servem para orientar a realização do relatório desta
etapa:
a) Qual o nome, localização, porte, segmento, produtos, missão e valores da empresa?
b) Quais são os processos e procedimentos implementados pela empresa, que consideram os aspectos
socioambientais?
c) A organização possui uma política ambiental documentada e divulgada?
d) A empresa tem seu código de ética disponível e conhecido pelos funcionários?
e) Na empresa, a CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) realmente funciona? Como são os
serviços relacionados à segurança, saúde e higiene no trabalho? Descreva como funciona e como é
estruturado esse setor na empresa.
Passo 5 - Para a elaboração do relatório final, utilize o Manual para Elaboração de Trabalhos Acadêmicos da
Anhanguera, disponível no site www.unianhanguera.edu.br/anhanguera/bibliotecas/normas_bibliograficas/
index.html.
Passo 6 - Entregue todos os passos resolvidos ao seu tutor presencial.

189
Referências Bibliográficas Tecnologias de Gestão

FRANCO, Décio H.; RODRIGUES, Edna de A.; CAZELA, Moises M. Tecnologias e ferramentas de gestão.
Campinas: Alínea, 2009.

SCHERMERHORN, John. Administração: em módulos interativos. Rio de Janeiro: LTC, 2008.

190
Direito e
Legislação

Autor:
Walter César Camuri
Direito e Legislação

Orientações de estudo
Caro(a) aluno(a),
Este Caderno de Atividades foi elaborado com base
no Livro-Texto “Noções Essenciais de Direito”, do
autor Nelson Renato Palaia Ribeiro de Campos, Edi-
tora Saraiva, 2005, PLT 337.
Ele é composto de quatro temas:

Tema 1
Introdução ao Direito, Teoria
Geral do Estado e Direito
Constitucional
Aborda os conteúdos dos capítulos 1 a 3 do Livro-Texto. Neles, você observará que o Direito está presente no dia
a dia de todos nós e regula todas as relações dos indivíduos com a sociedade. O Direito resguarda e promove a
defesa, o amparo e a proteção dos indivíduos e também da própria sociedade, pois Direito e sociedade se pres-
supõem. Neste tema, você entenderá também que a Teoria Geral do Estado agrupa os conhecimentos obtidos
por meio de outras ciências, pois sistematiza os conhecimentos obtidos por meio da Sociologia, História, Direito,
Economia e outras. Entenderá também que o Direito Constitucional é a base para fixar a estrutura fundamental
do Estado, tendo em vista que é um ramo do Direito Público que busca sistematizar os princípios e as normas fun-
damentais da ordenação jurídica nacional. Muitos são os tipos de Constituição, tendo em vista a não-existência
de um modelo único para todos os Estados, por isso a existência de várias classificações para ela.

Tema 2
Direito Tributário e Direito Civil: Parte Geral e Direito de Família e das
Sucessões
Aborda os conteúdos dos capítulos 4 a 6 do Livro-Texto. Neles, você observará que o Direito Tributário tem como
objetivo monitorar o exercício da atividade do Poder Público no que se refere ao surgimento, fiscalização e arreca-
dação de tributos. Os tributos são os resultados da relação jurídica chamada de obrigação tributária, uma vez que
o Direito Tributário é o conjunto de normas que organizam a atividade do Poder Público em suas várias dimensões.
Entenderá também que o Direito Civil existe para regular as relações entre as pessoas e entre estas e seus bens,
podendo tais relações disciplinarem também as relações jurídicas advindas da constituição das famílias. Assim o
é tendo em vista que o Direito Civil é um ramo do Direito Privado e refere-se às obrigações que se criam entre os
indivíduos, quer em função da lei, quer seja em função dos fatos alheios à própria vontade do ser humano.

192
Tema 3
Direito das Obrigações, Direito das Coisas e Direito Contratual e de
Propriedade
Aborda os conteúdos dos capítulos 7 a 10 do Livro-Texto. Neles, você observará que o Direito das Obrigações,
dentro do Direito Civil, tem por objetivo a vinculação do próprio direito por meio da obrigação de dar, fazer e não
fazer em relação a outra pessoa. Assim, existe a presença dos elementos que compõem a obrigação: o sujeito
passivo, que é o devedor ou obrigado ao cumprimento da obrigação; o sujeito ativo, que é o credor ou o favore-
cido da obrigação; e, por último, o objeto, que é a própria obrigação que deverá ser cumprida. Observará que o
Direito Contratual é o ramo do Direito Civil que disciplina a reunião de regras e normas para regular as declarações
de vontade das pessoas, criando um vínculo jurídico para resguardar, modificar ou extinguir direitos e obrigações.
Entenderá também que o Direito Contratual existe para criar o vínculo jurídico necessário que surge da declaração
de vontade das pessoas e que a proteção do direito do autor é recepcionada pelo texto constitucional, em seu
artigo 5º, incisos XXVII a XXIX.

Tema 4
Direito do Consumidor, Direito Comercial e Direito do Trabalho
Aborda os conteúdos dos capítulos 11 a 14 do Livro-Texto. Neles, você observará que o Direito do Consumidor
existe em função da necessidade de se harmonizarem as relações advindas do consumo de bens e serviços, preser-
vando-se os interesses do consumidor. Neste livro, você compreenderá que para regular as atividades de produção
e distribuição de bens e serviços é que surgiu o Direito Comercial. Portanto, o Direito Comercial é entendido como
um segmento do Direito Privado composto de regras jurídicas que regulam as atividades privadas de produção e
distribuição de bens e serviços. Por fim, entenderá também que as relações de trabalho existentes entre emprega-
dos e empregadores é matéria de estudo do Direito do Trabalho e seu objetivo é que possam ser estabelecidos os
direitos e deveres decorrentes dessas atividades. Assim o é tendo em vista que a matéria de estudo do Direito do
Trabalho restringe-se a regular as relações de trabalho entre empregadores e empregados, permitindo a troca de
direitos e obrigações recíprocas oriundas do exercício dessa atividade.

ATENÇÃO! As respostas para as atividades deste caderno estão disponíveis no ambiente vir-
tual do curso. Consulte seu tutor presencial para mais informações.

193
Tema 1
Introdução ao Direito, Teoria Geral do Estado
e Direito Constitucional

Objetivos de aprendizagem
• Entender a diferença entre Moral e Direito, observando que, na esfera jurídica, tal distinção é muito impor-
tante, tendo em vista que a Moral é unilateral e o Direito, como ciência, é bilateral.
• Caracterizar as diversas fontes do Direito e a sua importância como estrutura de fundamentação da existên-
cia do ordenamento jurídico.
• Identificar os principais componentes da Teoria Geral do Estado, dentre eles, povo e território, soberania e
cidadania como partes integrantes do estudo do Direito Constitucional Brasileiro.
• Reconhecer as etapas de elaboração das leis como matéria e entendimento do Direito Constitucional.

Para início de conversa


Estudar os principais aspectos do Direito e a sua relação com
as situações cotidianas é muito importante. É preciso uma
visão ampla sobre os principais institutos utilizados em todos
os ramos do Direito de maneira que seja possível compreen-
der as ideias básicas que envolvem o mundo jurídico e, em
consequência, as relações humanas do dia a dia. É preciso
conhecer como o Estado é organizado judicialmente e de que
maneira as leis são criadas e introduzidas na sociedade atual.
O Direito tem de promover a inserção do indivíduo na socie-
dade, de maneira que possa orientá-lo na busca de ferra-
mentas e subsídios necessários para o exercício da cidadania
e obtenção dos seus direitos e deveres.

Por dentro do tema


Na sociedade atual, não é possível afirmar que só existem situações que remetem
a direitos. Costumeiramente, sabe-se que a ciência do Direito não é autossuficiente
para versar sobre situações que envolvam religião, pensamento e até mesmo consci-
ência. Isso se justifica porque, então, a Moral tem de contribuir para que o indivíduo
escolha as ações que deseja praticar. Em contrapartida, o Direito impõe uma obriga-
ção e uma sanção pelo não-cumprimento da ordem.
As fontes para a ciência do Direito são as históricas, que remetem aos documentos
que serviram de base para a formação da legislação brasileira; as sociais, que são
as voltadas para os fatores sociais geradores de normas jurídicas; as filosóficas, que

194
remetem à Filosofia do Direito; as materiais, que são as fontes da produção do direito; e as formais, que são ma-
neiras de manifestação de vontade social na expressão do Direito.
A Teoria Geral do Estado agrupa conhecimentos de várias áreas de estudo e busca, dentre outras atividades, a de-
finição de povo e território, soberania e cidadania. O povo é entendido como aqueles indivíduos que se submetem
à soberania do Estado; território é o limite geográfico no qual o Estado (como Poder Público) exerce sua atividade;
soberania é o poder do Estado em dar ordens e que não podem ser rejeitadas; cidadania é a característica do
indivíduo no gozo dos direitos civis e políticos de um Estado.
No ordenamento jurídico nacional, existem sete etapas de elaboração das leis. A ”iniciativa” é a primeira etapa,
pois desenvolve a criação da lei. A “discussão” vem em segundo lugar, pois se trata do momento de acerto das
propostas após a apresentação do projeto de lei. Em terceiro lugar, vem a “votação”, na qual acontece a aceitação
ou não das propostas. A “sanção” é a concordância do Presidente da República e o ”veto”, a sua rejeição. Em
seguida, vem a “promulgação” na qual há a transformação do projeto em lei, seguida da “publicação”, que é ato
que proporciona o conhecimento por parte da população.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

195
Direito e Legislação Tema 1 - Atividades

Atividades ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
INSTRUÇÕES ____________________________________________
As atividades deste capítulo estão divididas em ____________________________________________
duas partes: ____________________________________________
• Parte I - questões objetivas. ____________________________________________
• Parte II - questões dissertativas. ____________________________________________
Você deverá fazer a primeira parte individual- ____________________________________________
mente e, a segunda, em grupo.
____________________________________________
As respostas estão presentes também no livro
Noções Essenciais de Direito, de Nelson Renato ____________________________________________
Palaia Ribeiro de Campos, Editora Saraiva, 2005. ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

Ponto de partida ____________________________________________


____________________________________________
____________________________________________
O Direito existe para nortear as sociedades no
cumprimento de leis para a resolução de possí- ____________________________________________
veis conflitos. Por outro lado, seguindo os es- ____________________________________________
tudos de Campos (2005, p. 4), que cita o pen- ____________________________________________
samento de Kelsen, existe o entendimento de ____________________________________________
que “onde não há conflito de interesses, não há
necessidade de justiça”. ____________________________________________
Assim, entende-se que o Direito tem sua funda- ____________________________________________
mental aplicação quando há conflitos e impas- ____________________________________________
ses a serem resolvidos. ____________________________________________
Leia com atenção os dois trechos do texto a se- ____________________________________________
guir e cite qual deles indica uma possível exis- ____________________________________________
tência de conflitos, que geram a necessidade
de criar leis para reger os comportamentos. Em
seguida, justifique sua resposta.
Agora é com você! Responda às questões a
I. “Imagine um homem só no mundo, vivendo seguir para conferir o que aprendeu.
isolado em uma ilha. Ele é senhor de suas
atitudes e de seu comportamento. Ninguém
interfere em suas decisões quanto a se alo-
jar aqui ou acolá, sobre derrubar esta árvore
ou aquela, sobre pescar ou não pescar, apo-
Questão 1
derar-se destes ou daqueles bens, de torná-
los úteis ou inúteis etc. Sobre o Direito e a Moral, pode-se dizer que:
II. [...] Ao contrário, se de um momento para a) O descumprimento da regra moral é externo
outro desembarcarem naquela ilha qua- e objetivo.
renta pessoas que venham a se organizar b) O descumprimento da regra de direito é na
em pequenos grupos ou, até mesmo, iso- consciência.
ladamente, teremos aí o estabelecimento
c) O juízo moral diz respeito ao indivíduo e à
de uma sociedade circunscrita a um mesmo
sociedade.
território”. (CAMPOS, 2005, p. 4)
d) Nenhuma das alternativas está correta.
____________________________________________
____________________________________________

196
Tema 1 - Atividades Direito e Legislação

Questão 2 Questão 5
No que se refere às fontes do Direito, NÃO é Sobre as fontes formais do Direito pode-se afir-
correto afirmar-se que: mar que:
a) Podem ser analisadas sob vários pontos e cri- a) As fontes formais são conhecidas como fon-
térios, como históricos, sociais, filosóficos e tes de expressão do Direito.
materiais. b) Podem ser do tipo analogia e equidade.
b) A lei, os costumes e a doutrina são exemplos c) São chamadas de modos de manifestação da
de fontes materiais. vontade social na expressão do Direito.
c) As fontes históricas são importantes para d) Todas as alternativas estão corretas.
ajudar a analisar quais foram as normas ju-
rídicas que nortearam determinados grupos
dentro da história.
d) Os preceitos religiosos e as normas étnicas Questão 6
são exemplos de fontes sociais.
O que significa dizer que o Direito é bilateral e
a Moral unilateral?
Questão 3 ____________________________________________
____________________________________________
Qual das alternativas a seguir melhor represen- ____________________________________________
ta a ordem correta das etapas de elaboração ____________________________________________
das leis, dentro dos parâmetros da legislação ____________________________________________
brasileira? ____________________________________________
a) Iniciativa - veto - discussão - publicação. ____________________________________________
b) Discussão - veto - sanção - publicação. ____________________________________________
c) Iniciativa - promulgação - publicação. ____________________________________________
d) Iniciativa - sanção - votação. ____________________________________________

Questão 4 Questão 7
A Constituição Brasileira determina que o Poder
Os estudos da Teoria Geral do Estado levam ao
Constituinte emane do povo, que, por sua vez,
conceito e caracterização de vários componen-
o exerce por meio de representantes eleitos ou
tes essenciais à constituição do Estado. Neste
diretamente, nos termos da própria Constitui-
caso, qual a diferença entre povo e território?
ção. Nesse sentido, a Constituição refere-se a
qual elemento constitutivo do Estado? ____________________________________________
a) Soberania. ____________________________________________
b) Povo. ____________________________________________
c) Cidadania. ____________________________________________
d) Nenhuma das alternativas está correta. ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

197
Direito e Legislação Tema 1 - Atividades

Questão 8 Questão 10
O link a seguir propõe uma crítica à qual ele- Em linhas gerais, qual a função do Direito na
mento constitutivo do Estado? Justifique. sociedade contemporânea?
Disponível em: <http://1.bp.blogspot.com/_ ____________________________________________
Jwh6a5kNWic/SLYHO4npW2I/AAAAAAAAAAw/ ____________________________________________
XOtHqrQnChY/s400/CHARGE.PNG>. Acesso em: 18 out.
2010. ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________ AMPLIANDO O CONHECIMENTO
____________________________________________
Você quer saber mais sobre esse assunto? En-
____________________________________________ tão:
____________________________________________ • Leia o livro Instituições de direito público
____________________________________________ privado. MARTINS, S. P. 6. ed. São Paulo: Atlas,
____________________________________________ 2006. O autor faz a exposição didática do
conceito de Direito, sua divisão, suas fontes,
____________________________________________
seus princípios, a interpretação, integração e
eficácia das normas jurídicas. Insere também o
estudo do Direito e suas dimensões, bem como
Questão 9 destina outros capítulos para a abordagem do
Direito Público, Privado e, especificamente, do
Direito Comercial.
Existe diferença entre POVO de um Estado e • Leia o livro 1.000 perguntas: direito
POVO de uma Nação? Justifique. constitucional. SOUZA, E. D. de. Rio de
____________________________________________ Janeiro: Rio, 2004. Nessa obra, é possí-
____________________________________________ vel acompanhar as principais perguntas
sobre Direito Constitucional, formuladas por
____________________________________________
estudantes e pessoas em geral, reunidas e
____________________________________________ respondidas de maneira clara e organizada pelo
____________________________________________ autor.
____________________________________________ • Acesse o site JUS navigandi. Disponível em:
____________________________________________ <www.jusnavigandi.com.br>. Acesso em: 18 out.
2010. Trata-se de um portal jurídico de conteúdo
____________________________________________
essencial e eficaz para o estudo e entendimento
____________________________________________ do Direito em todas as suas dimensões.
____________________________________________ • Acesse o portal Mundo jurídico. Disponível
____________________________________________ em: <http://www.mundojuridico.adv.br/index2.
____________________________________________ asp>. Acesso em: 18 out. 2010. Portal jurídico de
____________________________________________ auxílio aos advogados e público em geral para
resolução dos principais impasses que envolvem
____________________________________________ as relações sociais e profissionais.
____________________________________________

198
Direito e Legislação Tema 1 - Atividades

FINALIZANDO ____________________________________________
Neste tema, você viu que uma das funções pri- ____________________________________________
mordiais do Direito é a de nortear a sociedade e ____________________________________________
as empresas em geral para que cumpram as leis ____________________________________________
existentes, como meio para resolver principais
____________________________________________
conflitos. Estudou também os assuntos essen-
ciais do Direito, entendidos como Introdução ____________________________________________
ao Estudo do Direito e a Teoria Geral do Estado. ____________________________________________
No final, adentrou-se o Direito Constitucional ____________________________________________
como ferramenta atuante e exigente no cum- ____________________________________________
primento das regras e dos ordenamentos jurídi-
cos impostos para a sociedade. ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Anotações ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________

199
Tema 2
Direito Tributário e Direito Civil: Parte Geral e
Direito de Família e das Sucessões

Objetivos de aprendizagem
• Compreender o conceito de Direito Tributário e os componentes da obrigação tributária.
• Caracterizar as fontes da obrigação tributária e os tipos de tributos que compõem o ordenamento jurídico
nacional.
• Analisar as diretrizes que sustentam a parte geral do estudo do Direito Civil, conhecer a diferença entre fato
jurídico e ato jurídico, bem como o que são negócios nulos e negócios anuláveis.
• Refletir sobre o Direito de Família no que se refere às questões essenciais voltadas para a separação e para o
divórcio, bem como os casos de nulidade e anulação do casamento.
• Reconhecer, no Direito das Sucessões, as principais características do testamento e do inventário, como as
maneiras jurídicas de transmitir o patrimônio da pessoa falecida ou sucessores.

Para início de conversa


Entender a maneira como o Direito se ajusta à função estatal
na criação, fiscalização e arrecadação de tributos é essencial
nos dias atuais. Importante também é que você conhecerá
seus direitos e deveres como cidadão na esfera do Direito
Civil, principalmente nas questões do Direito Familiar.

Por dentro do tema


A estrutura tributária que contempla o Poder Público Nacional está associada à im-
portância do Direito Tributário como sendo um conjunto que vai agregar e reunir
normas, ordenamentos e proposições que irão disciplinar a sua própria atividade.
Dentre as várias situações pelas quais o Poder Público é monitorado pelo Direito
Tributário, podem ser citadas as atividades de criação, fiscalização e arrecadação de
tributos.
O que dá origem à criação dos tributos são os elementos decorrentes da obrigação
tributária, que é composta do sujeito ativo, que é o credor da obrigação tributária
(Poder Público); do sujeito passivo, que é o devedor desta obrigação (contribuinte);
e do próprio objeto, que para o sujeito ativo é o direito inerente de poder cobrar a
obrigação, e para o sujeito passivo, o dever de cumpri-la.
Bem diferente do Direito Tributário (que é um ramo do Direito Estatal), existe também o Direito Civil, que é um
dos diversos ramos do Direito Privado, e que possui, dentre as mais diversas especialidades, o Direito Familiar e o
Direito das Sucessões. Na esfera civil, o fato jurídico são os acontecimentos do dia a dia por meio dos quais surgem

200
a criação, a modificação e a extinção dos direitos. Já o ato jurídico é a ação por vontade do próprio ser humano e
que produz efeitos abrangidos por lei. Os bens nulos são todos os negócios com erros (vícios) em sua substância,
e os bens anuláveis são aqueles viciados apenas quanto à forma.
No Direito Familiar, há orientações civis voltadas para o casamento e a proteção da família como bem jurídico.
Entre as causas de dissolução do casamento, têm-se a nulidade e a anulação. As duas formas estão abrangidas no
texto de lei para que possam ser aplicadas em cada caso. Já, no Direito das Sucessões, dentre todas as suas abor-
dagens, merece atenção o entendimento das duas maneiras como ocorre a transmissão do patrimônio daquele
ser que falece, ou mesmo dos sucessores: testamento ou inventário, bem como os seus reflexos, não só na família,
mas também nas relações que envolvam as questões jurídicas familiares.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

201
Tema 2 - Atividades Direito e Legislação

Atividades Agora é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

INSTRUÇÕES
Questão 1
As atividades deste capítulo estão divididas em
duas partes:
No que se refere aos tributos, NÃO é possível
• Parte I - questões objetivas.
afirmar que:
• Parte II - questões dissertativas.
a) São decorrentes da chamada “obrigação tri-
A primeira parte deverá ser feita individual- butária”.
mente e a segunda, em grupo.
b) A obrigação tributária é composta de sujei-
As respostas estão presentes também no livro tos ativo e passivo e objeto.
Noções Essenciais de Direito, de Nelson Renato
c) “São decorrentes da relação jurídica de con-
Palaia Ribeiro de Campos, Editora Saraiva, 2005.
teúdo patrimonial”. (CAMPOS, 2005, p. 71)
d) Nenhuma das alternativas está correta.

Ponto de partida
Questão 2
O Direito Tributário busca normatizar as ma-
neiras como o Poder Público se organiza para a
obtenção de numerário suficiente para compor Dentro dos parâmetros do Direito Tributário
os cofres públicos. Os estudos sobre o assunto Nacional, qual das alternativas a seguir está cor-
mostram que“ nos termos do artigo 16 do CTN: reta?
Imposto é o tributo cuja obrigação tem por fato a) O sujeito ativo é o devedor, portanto o Po-
gerador uma situação independente de qual- der Público.
quer atividade específica, relativa ao contri- b) O sujeito passivo é o credor, portanto o con-
buinte”. (ANAN, 2010, p. 92) tribuinte.
Analise a charge no link a seguir e escolha a me- c) O objeto da obrigação tributária é conferir
lhor alternativa que a explique sob o contexto ao sujeito ativo o direito subjetivo de exigir
do Direito Tributário Nacional. que a obrigação seja cumprida.
Disponível em: <http://www.artshopping.com.br/ d) Nenhuma das alternativas está correta.
lojavirtual/images/charge_leao_sonegadores.jpg>. Acesso
em: 25 out. 2010.
a) Trata-se de uma ironia ao poder de gover-
nar, no que se refere ao Estado como o gran- Questão 3
de ”leão” devorador dos contribuintes (re-
presentados pelos personagens da esquerda
Qual das alternativas a seguir melhor represen-
e da direita do animal).
ta exemplos de tributos (impostos) abrangidos
b) A figura do leão representa o Imposto de pelo Código Tributário Nacional?
Renda (IR) e especificamente a postura dos
a) IPVA, IR e CRV.
contribuintes que o sonegam.
b) ISS, CRV e ICMS.
c) A charge é bem criativa, pois representa, de
forma divertida, a situação em que todos c) ISS, INSS e ICMS.
os contribuintes estão sujeitos ao poder de d) ISS, IR e ICMS.
criarem impostos e tributos para pagamento
ao Poder Público.
d) Nenhuma das alternativas está correta.

202
Direito e Legislação Tema 2 - Atividades

____________________________________________
Questão 4 ____________________________________________
____________________________________________
Dentre as opções a seguir, qual alternativa NÃO ____________________________________________
é exemplo de caso de nulidade do casamento? ____________________________________________
a) Quando o casamento é constituído pós-erro ____________________________________________
ou vício originado por mera vontade, exis- ____________________________________________
tindo assim uma falha essencial quanto à
pessoa do outro cônjuge. ____________________________________________
b) Casamento de ascendentes com descenden-
tes, quer seja o parentesco natural ou civil.
c) União matrimonial entre irmãos, do tipo Questão 7
unilaterais ou bilaterais e demais, até tercei-
ro grau.
De acordo com as orientações da parte geral do
d) Nenhuma das alternativas está correta.
Direito Civil, qual é a diferença entre os chama-
dos negócios nulos e os negócios anuláveis?
____________________________________________
Questão 5 ____________________________________________
____________________________________________
Um casamento que é contraído por pessoas me- ____________________________________________
nores de dezesseis anos e não autorizadas por ____________________________________________
seus pais ou representantes legais pode ser: ____________________________________________
a) Nulo. ____________________________________________
b) Anulável. ____________________________________________
c) Nulo ou anulável, desde que se busquem ____________________________________________
informações concretas a respeito da veraci-
____________________________________________
dade do fato e suas consequências no orde-
namento jurídico.
d) Todas as alternativas estão corretas.
Questão 8
Questão 6 Justifique os motivos que sustentam o entendi-
mento de Campos (2005, p. 91) ao defender que
“os contratos em geral, tais como o de compra
De acordo com os estudos de ANAN (2010), o e venda; de empréstimo; o casamento; o usufru-
imposto sobre a Propriedade de Veículos Auto- to; o testamento e outros” são apenas alguns
motores (IPVA) é um tipo de tributo de compe- dos tipos de atos jurídicos e não fatos jurídicos.
tência do Estado, sendo devido assim no local
____________________________________________
em que o veículo tem o seu registro e conse-
quentemente é licenciado. O autor define tam- ____________________________________________
bém que o fato gerador desse tipo de tributo ____________________________________________
(IPVA) é a propriedade do veículo automotor ____________________________________________
de qualquer espécie, desde que devidamente
____________________________________________
munido de Certificado de Registro de Veículo
(CRV). Assim, cite quais são os elementos decor- ____________________________________________
rentes dessa obrigação tributária, ou seja, o su- ____________________________________________
jeito ativo, o sujeito passivo e o objeto gerados ____________________________________________
pelo imposto IPVA.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

203
Tema 2 - Atividades Direito e Legislação

e eficácia das normas jurídicas. Insere também o


Questão 9 estudo do Direito e suas dimensões, bem como
destina outros capítulos para a abordagem do
Direito Público, Privado e especificamente do
No estudo do Direito Civil, especificamente no Direito Comercial.
Direito de Família, quando se tem a dissolução
• Leia o livro de PINHO, R. R.; NASCIMENTO, A.
de um casamento justificada pelo motivo da
M. Instituições de direito público e privado. 24.
união entre adotado com o filho do adotante,
ed. São Paulo: Atlas, 2004. A obra dos referidos
tem-se o caso de anulação ou nulidade do casa-
autores constitui uma introdução ao estudo do
mento? Justifique.
Direito a partir da compreensão das instituições
____________________________________________ jurídicas fundamentais. Os autores abordam as
____________________________________________ raízes históricas e as bases doutrinárias de cada
____________________________________________ um dos ramos do Direito, dando foco aos aspec-
tos básicos e abrangentes do sistema jurídico
____________________________________________
brasileiro.
____________________________________________
• Leia o livro de MACHADO, H. de B. Curso de
____________________________________________ direito tributário. São Paulo: Malheiros, 1994. O
____________________________________________ autor apresenta a Teoria Geral do Direito Tribu-
____________________________________________ tário por meio dos seus conceitos, fundamentos
e normas gerais. A obra também acrescenta a
____________________________________________
análise minuciosa do Sistema Tributário Brasilei-
____________________________________________ ro, seus institutos, regras e cada uma das figuras
impositivas tributárias, estudadas sob os aspec-
tos da competência, função, fato gerador, base
de cálculo, dentre outros fatores.
Questão 10 • Acesse o site Mundo Jurídico. Disponível em:
<www.mundojuridico.adv.br>. Acesso em: 25
Em linhas gerais, quais são os meios pelos quais out. 2010. Portal jurídico de auxílio aos advoga-
pode ser dada a sucessão de bens, dentro das dos e público em geral para resolução dos prin-
regras abrangidas pelo Direito das Sucessões? cipais impasses que envolvem as relações sociais
____________________________________________ e profissionais.
____________________________________________
____________________________________________ FINALIZANDO
____________________________________________
Neste capítulo, você viu que o Direito Tributá-
____________________________________________ rio tem como função organizar e controlar as
____________________________________________ atividades do Poder Público no que se refere
____________________________________________ às políticas de incremento e manutenção dos
____________________________________________ cofres públicos. Pôde observar também que o
Direito Familiar busca disciplinar todas as rela-
____________________________________________
ções jurídicas de entendimento da família como
____________________________________________ entidade familiar, baseada na união do homem
e da mulher independentemente da existência
de filhos nessa união. Aprendeu também que o
AMPLIANDO O CONHECIMENTO Direito Civil, um dos ramos do Direito Privado,
Você quer saber mais sobre esse assunto? En- tornou-se responsável pela regulação de todas
tão: as relações entre as pessoas e entre estas e seus
pertences. Para finalizar, você pôde conhecer o
• Leia o livro de MARTINS, S. P. Instituições de Direito das Sucessões como a reunião dos me-
direito público privado. 6. ed. São Paulo: Atlas, canismos juridicamente aceitos para monitorar
2006. Nesta obra, o autor faz a exposição didáti- a transmissão do patrimônio da pessoa falecida
ca do conceito de Direito, sua divisão, suas fon- aos seus herdeiros ou aos seus sucessores.
tes, seus princípios, a interpretação, integração

204
Tema 3
Direito das Obrigações, Direito das Coisas e
Direito Contratual e de Propriedade

Objetivos de aprendizagem
• Reconhecer os principais componentes que sustentam o Direito das Obrigações e Contratos no que se refe-
rem aos elementos da obrigação contratual, as modalidades de obrigações, bem como a definição do que é
o pagamento e a novação.
• Compreender alguns dos elementos que compõem o Direito das Coisas, como a posse, a desapropriação, a
usucapião, a servidão, o usufruto e o penhor.
• Definir o que é o Direito Contratual e as principais formas de vínculos jurídicos originadas, tais como a doa-
ção, a dação em pagamento, o empréstimo, o mútuo e o comodato.

Para início de conversa


O estudo do Direito sempre leva à reflexão quanto aos possí-
veis meios para se conseguir realizar algo, ceder algum direi-
to ou até mesmo se apropriar de algum bem. O Direito das
Obrigações e Contratos, o Direito das Coisas e o próprio Di-
reito Contratual representam suporte jurídico protegido pelo
Direito Civil, para auxiliar as pessoas nessas questões. Por se
tratar de um ramo do Direito Privado, o Direito das Obriga-
ções e Contratos, o Direito das Coisas e o Direito Contratual
tornam-se o conjunto dos preceitos e normas destinado a re-
gular as relações civis dos indivíduos e das coletividades orga-
nizadas (pessoas jurídicas), inclusive o Estado e as autarquias,
bem como os modos pelos quais se adquirem, conservam,
desfrutam e transmitem os bens.

Por dentro do tema


O estudo da obrigação, em suas mais diversificadas formas de dar, fazer ou não fazer,
compõe o vínculo do Direito, mais especificamente do Direito Civil. Nesse sentido, sur-
gem os elementos da obrigação como maneiras de proteger esses direitos, por meio do
sujeito passivo (que é o obrigado), do sujeito ativo (que é o favorecido da obrigação) e do
próprio objeto, que é a obrigação que deverá ser cumprida.
A obrigação de fazer é incumbida àquele que se vincula a realizar determinada tarefa,
enquanto a obrigação de não fazer é a vinculação à não prática do ato. O pagamento,
como um dos institutos do Direito das Obrigações, é feito pelo devedor ao seu credor
ou ao seu representante legal, com o intuito de se exonerar da obrigação. Já a novação
é uma maneira de finalizar uma determinada obrigação por meio da criação de outra.

205
No Direito das Coisas, a posse é entendida como o elo entre o sujeito e a coisa, gerando efeitos na esfera jurídica.
A desapropriação é a retirada total ou parcial do direito que o indivíduo tem sobre o seu patrimônio mediante
um benefício de obra pública. A usucapião tem sua atuação por meio da posse sem intervenção qualquer, apenas
pela ininterrupção e pela boa-fé, durante o lapso de tempo definido em texto de lei. A servidão é um direito real
sobre um imóvel em favor de outro e o usufruto, um direito de se usar os frutos ou benefícios de uma coisa. Por
último, surge a figura do penhor como sendo um direito que enseja uma garantia sobre bem móvel, no mesmo
momento em que a hipoteca recai sobre o imóvel.
O conjunto de instruções e ordenamentos, que estão associados à declaração de vontade das pessoas, é instru-
mento de estudo do Direito Contratual. Nesse ramo do estudo jurídico, pode-se entender a diferença entre doa-
ção e dação em pagamento. Na primeira, um indivíduo, por vontade própria, transfere bens e vantagens do seu
patrimônio para outro. Já, na dação, é incumbido ao credor de determinada obrigação a aceitar em pagamento
outra coisa qualquer no lugar do dinheiro.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

206
Direito e Legislação Tema 3 - Atividades

Atividades Agora é com você! Responda às questões a


seguir para conferir o que aprendeu.

INSTRUÇÕES
Questão 1
As atividades deste capítulo estão divididas em
duas partes:
Escolha a alternativa que NÃO se refere às re-
• Parte I - questões objetivas;
gras do Direito das Obrigações:
• Parte II - questões dissertativas.
a) Obrigação de fazer é aquela em que o de-
Faça a primeira parte individualmente e a se- vedor se obriga a realizar uma determinada
gunda, em grupo. ação ou comportamento.
As respostas estão presentes também no livro b) Na obrigação de não fazer, o devedor não se
Noções Essenciais de Direito, de Nelson Renato obriga a não praticar determinado ato ou a
Palaia Ribeiro de Campos, Editora Saraiva, 2005. se abster de certo fato.
c) O pagamento é o ato pelo qual o devedor
se desincumbe de prestá-la, satisfazendo o
Ponto de partida credor.
d) As obrigações têm por objeto dar, fazer e
não fazer.
A charge no link a seguir tem por objetivo con-
textualizar, de maneira reflexiva, a justiça e o
direito no Brasil. Analise e depois comente em
breves linhas o significado dela e seus reflexos Questão 2
na sociedade atual.
____________________________________________
No que se refere ao Direito das Coisas, é possível
____________________________________________ afirmar que:
____________________________________________ a) O Direito das Coisas é o agrupamento de
____________________________________________ normas e regras responsáveis por regularem
____________________________________________ as relações entre pessoas e os seus bens ma-
teriais.
____________________________________________
b) A posse é uma relação de fato entre o sujeito
____________________________________________
e a coisa, com reflexo na esfera do direito.
____________________________________________
c) As alternativas “a” e “b” estão corretas.
____________________________________________
d) Nenhuma das alternativas está correta.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________ Questão 3
____________________________________________
____________________________________________ Das alternativas a seguir, em qual delas pode ser
definido o Direito Contratual?
____________________________________________
a) É um conjunto de regras que dispõe a regu-
____________________________________________
lar as declarações de vontade das pessoas,
____________________________________________ estabelecendo um vínculo jurídico.
____________________________________________ b) É o ramo do Direito que obriga o devedor
Disponível em: <http://3.bp.blogspot. de certa obrigação aceitar em pagamento
com/_Y6WusHojowU/SxRvTCMY5sI/ outra coisa que não seja dinheiro.
AAAAAAAAAB0/4piSskqxfe4/s1600/charge_ c) As alternativas “a” e “b” estão corretas.
etica%5B1%5D.jpg>. Acesso em: 5 nov. 2010.
d) Nenhuma das alternativas está correta.

207
Tema 3 - Atividades Direito e Legislação

____________________________________________
Questão 4 ____________________________________________
____________________________________________
Nas regras do Direito Contratual, pode-se defi- ____________________________________________
nir o Empréstimo como sendo: ____________________________________________
a) Um contrato pelo qual as partes entregam ____________________________________________
a outras partes (fora da relação contratual) ____________________________________________
bens fungíveis ou infungíveis para serem de-
volvidos após certo tempo. ____________________________________________
b) Um contrato pelo qual uma das partes en- ____________________________________________
trega a outra bens fungíveis ou infungíveis
para serem devolvidos após certo tempo.
c) Trata-se de um contrato em que alguém
(empreiteiro ou locador) se compromete a
Questão 7
realizar certa obra ou serviço, mediante a
remuneração da outra (dono da obra ou lo- Seguindo os parâmetros propostos pelo Direito
catário). das Coisas, em que situação é possível adquirir
d) Nenhuma das alternativas está correta. uma propriedade por meio da usucapião? Jus-
tifique.
____________________________________________
____________________________________________
Questão 5 ____________________________________________
____________________________________________
Assinale a alternativa que melhor preenche os ____________________________________________
espaços vazios:
____________________________________________
“___________________________ é um modo de
____________________________________________
______________________ das obrigações, pela
qual as partes _____________________ uma nova ____________________________________________
extinguindo a antiga, novando-se os sujeitos da ____________________________________________
obrigação ou _______________________ o objeto ____________________________________________
dela”. (CAMPOS, 2005, p. 111)
____________________________________________
a) Novação / criação / extinguem / novando-
____________________________________________
se.
b) Novação / extinção / dividem / novando-se.
c) Novação / extinção / extinguem / novando-
se. Questão 8
d) Novação / extinção / criam / novando-se.
Qual a diferença entre doação e dação em pa-
gamento? Justifique.

Questão 6 ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
No caso da existência de uma dívida ainda não
vencida, se as partes envolvidas decidirem criar ____________________________________________
uma nova dívida e substituir esta atual, está-se ____________________________________________
diante de qual modo de extinção das obriga- ____________________________________________
ções? Justifique.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________

208
Direito e Legislação Tema 3 - Atividades

destina outros capítulos para a abordagem do


Questão 9 Direito Público, Privado e especificamente do
Direito Comercial.
• Leia PINHO, R. R.; NASCIMENTO, A. M. Insti-
No estudo do Direito das Coisas, pode-se afir- tuições de direito público e privado. 24. ed. São
mar que o penhor é sinônimo de hipoteca? Jus- Paulo: Atlas, 2004. Essa obra constitui uma in-
tifique. trodução ao estudo do Direito a partir da com-
____________________________________________ preensão das instituições jurídicas fundamen-
____________________________________________ tais. Os autores abordam as raízes históricas
____________________________________________ e as bases doutrinárias de cada um dos ramos
do Direito, dando foco aos aspectos básicos e
____________________________________________
abrangentes do sistema jurídico brasileiro.
____________________________________________
• Leia RÁO, V. O direito e a vida dos direitos.
____________________________________________ São Paulo: Revista dos Tribunais, 1991. Atuali-
____________________________________________ zado conforme o novo Código Civil e as demais
____________________________________________ modificações legislativas incidentes. A primeira
parte da obra é dedicada às noções gerais da
____________________________________________
Ciência do Direito, sua origem, essência, bem
____________________________________________ como sua finalidade social. O autor também
____________________________________________ analisa os temas voltados ao direito positivo sob
a ótica dos diversos sistemas jurídicos nacionais.
• Acesse o site Jus Navigandi. Disponível em:
<www.jusnavigandi.com.br>. Acesso em: 5 nov.
Questão 10 2010. Trata-se de um portal jurídico de conteú-
do essencial e eficaz para o estudo e entendi-
Em linhas gerais, por que não é possível afirmar mento do Direito em todas as suas dimensões.
que na servidão pode ter o usufruto? Justifi-
que.
FINALIZANDO
____________________________________________
____________________________________________ Neste capítulo, você viu que o Direito Civil é com-
posto do Direito das Obrigações e Contratos, do
____________________________________________
Direito das Coisas e do Direito Contratual. Pôde
____________________________________________ observar também que três são os elementos que
____________________________________________ compõem a obrigação: o sujeito ativo, o passi-
____________________________________________ vo e a obrigação como objeto desta relação. O
____________________________________________ estudo da obrigação é composto de obrigação
de fazer, de não fazer e de dar. Nesse sentido,
____________________________________________ foi possível também identificar a posse, a desa-
____________________________________________ propriação, a usucapião, a servidão, o usufruto
____________________________________________ e o penhor. Por último, observou que no Direito
____________________________________________ Contratual, além do empréstimo e da doação,
existe também a figura da dação em pagamen-
to que implica ao credor de certa obrigação a
aceitar em pagamento outra coisa que não seja
AMPLIANDO O CONHECIMENTO
o dinheiro, ampliando, assim, as possibilidades
Você quer saber mais sobre esse assunto? En- de extinção das obrigações por meio das formas
tão: de pagamento.
• Leia MARTINS, S. P. Instituições de direito ____________________________________________
público privado. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2006. ____________________________________________
Nesta obra, o autor faz a exposição didática do
____________________________________________
conceito de Direito, sua divisão, suas fontes,
seus princípios, a interpretação, a integração e ____________________________________________
a eficácia das normas jurídicas. Insere também o ____________________________________________
estudo do Direito e suas dimensões, bem como

209
Tema 4
Direito do Consumidor, Direito Comercial e
Direito do Trabalho

Objetivos de aprendizagem
• Reconhecer o conceito de Direito do Consumidor e as partes da relação de consumo: consumidor e
fornecedor.
• Identificar os principais direitos do consumidor e o que são as práticas comerciais abusivas.
• Refletir sobre o Direito Comercial, seu conceito, características e a figura do comerciante.
• Definir o que é empresa, firma social e a figura das sociedades, bem como os tipos de responsabilidades a
elas inerentes.
• Entender o que é o Direito do Trabalho e os principais aspectos que sustentam a legislação trabalhista,
como as disposições sobre férias, as regras de pagamento dos salários, a duração da jornada de trabalho e
a abrangência do aviso prévio nas organizações.

Para início de conversa


As relações de consumo presentes na sociedade capitalista
têm sido pautadas por regras e condutas de transformação
do cenário empresarial contemporâneo. No Brasil, desde a
sua criação em 1991, o Código de Defesa do Consumidor
propõe a sustentação para que os direitos e deveres dos cida-
dãos sejam protegidos e aplicados nas relações de consumo.
Para complementar essas garantias, tem-se o Direito Comer-
cial como um ramo do Direito Privado responsável pelas nor-
mas privadas de produção e distribuição de bens e serviços.
Por outro lado, na esfera trabalhista, existe no País o Direito
do Trabalho, que é o conjunto de leis que define as relações
de trabalho entre empregadores e empregados.

Por dentro do tema


O Direito do Consumidor é o conjunto de normas e orientações jurídicas voltadas
para equalizar todas as situações advindas do consumo de bens e serviços, com o
intuito de proteger os interesses do consumidor. O fornecedor é aquele que desen-
volve atividades de distribuição, importação, exportação, produção e comercializa-
ção de produtos e serviços, enquanto o consumidor é o indivíduo que vai adquirir
esses bens e serviços.
A proteção do consumidor quanto a possíveis prejuízos à saúde e segurança e
a necessidade de educação sobre o consumo adequado são alguns exemplos dos

210
direitos básicos do consumidor abrangidos pelo Código de Defesa do Consumidor. Sob outro aspecto, considera-
se abusivo por parte do fornecedor o seu comportamento em desconformidade com os padrões comerciais de
boa conduta em relação ao consumidor.
O sistema que reúne normas jurídicas destinadas a regular as atividades do setor privado na produção e distribui-
ção de bens e serviços é conhecido como Direito Comercial. A figura do comerciante está associada à pessoa física
ou jurídica que pratica atos de comércio e que deve atuar como uma das partes na constituição dos contratos
mercantis. Para o Direito Comercial, a empresa é o conjunto de fatores de produção organizados e a firma social
(ou razão social) é expressão usada para todos os tipos de sociedade, exceto as sociedades anônimas (S.A.). As
sociedades comerciais são as que visam ao lucro por meio do exercício de uma determinada atividade e podem
ser de responsabilidade limitada ou ilimitada e de responsabilidade solidária.
O Direito do Trabalho é outro ramo do Direito destinado a regular as relações de trabalho entre empregadores e
empregados, criando direitos e deveres recíprocos oriundos dessa atividade. Como direitos concedidos ao empre-
gado, podem ser citados o salário, que é a subordinação ao vínculo empregatício no qual o trabalho é remunerado
pelo empregador, as férias e o aviso prévio. Por fim, a duração de trabalho entendida como normal para qualquer
empregado, sob qualquer tipo de atividade realizada, não pode exceder a oito horas diárias.

Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

211
Tema 4 - Atividades Direito e Legislação

Atividades Questão 1
De acordo com o Código de Defesa do Consu-
INSTRUÇÕES midor, qual das alternativas NÃO contém um
As atividades deste capítulo estão divididas em exemplo de direitos básicos do consumidor?
duas partes: a) Prestar informação adequada e clara sobre
• Parte I - questões objetivas. os produtos, sua composição, especificação,
características e qualidades.
• Parte II - questões dissertativas.
b) Proteger o consumidor quanto a prejuízos à
A primeira parte deverá ser feita individualmen-
saúde e à segurança.
te e a segunda, em grupo.
c) Acesso ao Legislativo para a busca da repa-
As respostas estão presentes também no livro
ração de danos.
Noções Essenciais de Direito, de Nelson Renato
Palaia Ribeiro de Campos, Editora Saraiva, 2005. d) Adequada prestação dos serviços públicos
em geral.

Ponto de partida Questão 2


O Direito do Consumidor tem sido uma das
áreas do estudo jurídico mais comuns em noti- Sobre o Direito Comercial, é possível afirmar
ciários e na mídia em geral. A charge no link a que:
seguir procura evidenciar esse comportamento a) A expressão Firma Social é sinônimo da ex-
por meio de uma situação corriqueira enfren- pressão Razão Social.
tada pelo público em geral. Explique em breves b) A Razão Social é utilizada por todas as espé-
linhas o seu significado e contextualização com cies de sociedade, sem exceção.
o Direito do Consumidor. c) As alternativas “a” e “b” estão corretas.
Disponível em: <http://3.bp.blogspot.com/_7J8zS7CTPNc/ d) Nenhuma das alternativas está correta.
SfJi50zDebI/AAAAAAAAAFU/AQPTcq_d3wU/s400/
CONSUMIDOR.gif>. Acesso em: 4 nov. 2010.
____________________________________________
____________________________________________ Questão 3
____________________________________________
____________________________________________ Sobre o Direito do Trabalho, as alternativas a se-
____________________________________________ guir estão corretas, exceto:
____________________________________________ a) O Direito do Trabalho é um conjunto de
____________________________________________ normas que regula as relações de trabalho
entre empregadores e empregados, estabe-
____________________________________________ lecendo seus direitos e obrigações de forma
____________________________________________ recíproca por meio desta atividade.
____________________________________________ b) A duração normal do trabalho para qual-
____________________________________________ quer empregado, em qualquer atividade,
____________________________________________ não deve ser superior a oito horas diárias.
____________________________________________ c) A Carteira de Trabalho e Previdência Social é
obrigatória (art. 13 da CLT).
d) O Direito do Trabalho é um conjunto de nor-
Agora é com você! Responda às questões a mas que regula as relações de trabalho en-
seguir para conferir o que aprendeu. tre empregadores e empregados, bem como
entre comerciantes (empresários) e consumi-
dores.

212
Direito e Legislação Tema 4 - Atividades

Questão 4 Questão 7
Pelas regras do Direito do Trabalho, pode-se Explique, em linhas gerais, o conceito de res-
afirmar que: ponsabilidade limitada, responsabilidade ilimi-
a) O salário não é chamado de ordenado. tada e responsabilidade solidária.
b) As férias constituem um tempo de descan- ____________________________________________
so não remunerado, após decorrido o prazo ____________________________________________
de um ano de trabalho, ou seja, do período ____________________________________________
aquisitivo.
____________________________________________
c) As alternativas “a” e “b” estão corretas.
____________________________________________
d) Nenhuma das alternativas está correta.
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Questão 5 ____________________________________________
____________________________________________
Assinale a alternativa que melhor preenche os ____________________________________________
espaços vazios: ____________________________________________
“__________________________ é o conjunto ____________________________________________
dos ___________________ de produção que,
____________________________________________
sob a direção de uma ___________________
(empresário), são organizados em vista da ____________________________________________
_______________________ de bens e serviços para
o mercado.” (CAMPOS, 2005, p. 172).
a) Organização ou entidade / fatores / pessoa /
produção. Questão 8
b) Empresa / fatores / pessoa / produção.
c) Empresa / serviços / pessoa / produção. O que é o aviso prévio?
d) Entidade / serviços / pessoa / produção. ____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
____________________________________________
Questão 6 ____________________________________________
____________________________________________
O consumidor e o fornecedor são as partes es-
____________________________________________
senciais nas relações de consumo, dentro dos
moldes propostos pelo Direito do Consumidor. ____________________________________________
Qual a diferença entre consumidor e fornece- ____________________________________________
dor? ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________
____________________________________________ ____________________________________________

213
Tema 4 - Atividades Direito e Legislação

para a contabilidade. Todo o texto aborda os


Questão 9 cenários empresariais tidos como ideais para a
aplicação dos temas expostos.
• Leia o livro de PINHO, R. R.; NASCIMENTO, A.
Qual a intenção do legislador brasileiro ao dis-
M. Instituições de direito público e privado. 24.
por no artigo 10 do Código de Defesa do Consu-
ed. São Paulo: Atlas, 2004. Essa obra constitui
midor que a colocação no mercado de qualquer
uma introdução ao estudo do Direito a partir
produto ou serviço com alto grau de nocividade
da compreensão das instituições jurídicas fun-
ou periculosidade é considerada abusiva?
damentais. Os autores abordam as raízes histó-
____________________________________________ ricas e as bases doutrinárias de cada um dos ra-
____________________________________________ mos do Direito, dando foco aos aspectos básicos
____________________________________________ e abrangentes do sistema jurídico brasileiro.
____________________________________________ • Leia o livro de SILVA, J. A. da. Curso de di-
reito constitucional positivo. São Paulo: Malhei-
____________________________________________
ros, 1999. Os autores abordam todo o sistema
____________________________________________ constitucional positivo brasileiro, apresentando
____________________________________________ as emendas constitucionais, já promulgadas, de
____________________________________________ maneira clara e precisa, para que possam ser
esclarecidas as dúvidas mais comuns referentes
____________________________________________
ao tema, bem como o acesso ao conhecimento
____________________________________________ jurídico.
• Acesse o site Mundo Jurídico. Disponível em:
<www.mundojuridico.adv.br>. Acesso em: 5
Questão 10 nov. 2010. Portal jurídico de auxílio aos advoga-
dos e público em geral para resolução dos prin-
cipais impasses que envolvem as relações sociais
Qual a diferença entre sociedade e associação e profissionais.
de acordo com o Código Comercial?
____________________________________________
____________________________________________ FINALIZANDO
____________________________________________ Neste capítulo, você viu que o Direito do Consu-
____________________________________________ midor busca equilibrar as situações originadas
do consumo de bens e serviços, para proteger os
____________________________________________ interesses do consumidor. Foi visto também que
____________________________________________ o fornecedor e o consumidor são as figuras es-
____________________________________________ senciais das relações de consumo e que este úl-
____________________________________________ timo tem pelo Código de Defesa do Consumidor
seus direitos básicos resguardados. Identificou
____________________________________________
também que o Direito Comercial é fonte im-
____________________________________________ portante para consagrar as relações mercantis
empresariais, por meio de normas que regulam
as atividades do setor privado na produção e
AMPLIANDO O CONHECIMENTO distribuição de bens e serviços. Por último, ana-
Você quer saber mais sobre esse assunto? En- lisou que o Direito do Trabalho disciplina as re-
tão: lações de trabalho que envolvem empregadores
e empregados, gerando direitos e deveres por
• Leia o livro de JUNIOR, P. A. Direito empresa- meio do seu desenvolvimento, sempre pautado
rial e tributário: para cursos de administração, pela proteção do trabalhador e a necessidade
contabilidade e economia. Campinas: Editora de protegê-lo com benefícios e recompensas
Alínea, 2010. A obra procura desenvolver o es- pela labuta realizada.
tudo do Direito por meio de uma linguagem di-
dática, abordando os principais temas do Direi-
to Tributário, Empresarial e questões voltadas

214
Direito e Legislação Desafio de Aprendizagem

Autor: Elcio Batista de Morais - Faculdade Anhanguera de Jundiaí

A atividade prática supervisionada (ATPS) é um método de ensino-aprendizagem desenvolvido por meio de um


conjunto de atividades programadas e supervisionadas e que tem por objetivos:
• Favorecer a aprendizagem.
• Estimular a corresponsabilidade do aluno pelo aprendizado eficiente e eficaz.
• Promover o estudo, a convivência e o trabalho em grupo.
• Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado.
• Oferecer diferenciados ambientes de aprendizagem.
• Auxiliar no desenvolvimento das competências requeridas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos
de Graduação.
• Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução de problemas relativos à profissão.
• Direcionar o estudante para a emancipação intelectual.
Para atingir estes objetivos, as atividades foram organizadas na forma de um desafio, que será solucionado por
etapas, ao longo do semestre letivo.
Participar ativamente deste desafio é essencial para o desenvolvimento das competências e habilidades requeridas
na sua atuação no mercado de trabalho.
Aproveite esta oportunidade de estudar e aprender com os desafios da vida profissional.

Competências e Habilidades
Ao concluir as etapas propostas neste desafio, você terá desenvolvido as competências e habilidades descritas a
seguir.
• Correta utilização da terminologia jurídica ou da Ciência do Direito.
• Pesquisa e utilização da legislação, da jurisprudência, da doutrina e de outras fontes do Direito.
• Interpretação e aplicação do Direito.
• Domínio de tecnologias e métodos para permanente compreensão e aplicação do Direito.

Desafio
A equipe deverá elaborar uma “Cartilha Cidadã” com informações básicas acerca do Direito Civil. A cartilha deve
se pautar em uma linguagem clara e objetiva, podendo ser posteriormente viabilizada a entrega de exemplares
aos alunos do ensino médio.
A forma como a cartilha será desenvolvida ficará a critério da equipe, contudo deverá conter os seguintes aspec-
tos: Capa; Introdução; Sumário; Capítulo I (Lei de Introdução ao Código Civil); Capítulo II (Das Pessoas); Capítulo
III (Dos Bens); Conclusão; Referências bibliográficas e conteúdo mínimo total de 20 (vinte) páginas.
Ao término deste trabalho, você agregará competências e habilidades de participação em equipe, bem como de
realização de pesquisas legislativas e doutrinárias acerca de temas relacionados ao Direito Civil. Desenvolverá,
ademais, a característica humanística e estritamente vinculada à cidadania participativa, afeta aos profissionais
operadores do Direito.

215
Desafio de Aprendizagem Direito e Legislação

Autor: Elcio Batista de Morais - Faculdade Anhanguera de Jundiaí

ETAPA 1
Aula-tema: Introdução ao Direito Civil
Esta atividade é importante para que você compreenda as noções fundamentais do Direito Civil e, ainda, seja
capaz de analisar e compreender os princípios doutrinários e legais pertinentes ao Código Civil.
Para realizá-la é importante seguir os passos descritos.
PASSOS
Passo 1 - Escolha a sua equipe de trabalho, a qual deverá ser mantida durante todas as etapas, e entregue ao
seu professor os nomes, RAs e e-mails dos alunos. A equipe deve ser composta de 5 a 10 alunos. Considere a
necessidade de iniciar a elaboração de uma cartilha destinada a transmitir aos alunos do ensino médio noções
fundamentais de Direito Civil. Elabore um plano de trabalho que servirá de parâmetro para o sumário da cartilha,
o qual poderá sofrer posteriores ajustes. Para tanto, faça uma análise prévia de todas as etapas que serão percor-
ridas; tal procedimento auxiliará a elaboração do desafio.
Passo 2 - Proceda a um levantamento de obras jurídicas existentes na biblioteca da sua faculdade, relacionadas
aos temas que serão estudados na disciplina de Direito Civil I: (Lei de Introdução do Código Civil; Pessoas naturais;
Pessoas jurídicas; Direitos da personalidade; Bens). Após, elabore um relatório contendo os seguintes dados: Título
da obra, autor, editora e ano de publicação. Tal procedimento o auxiliará na compilação das pesquisas, bem como
na elaboração das referências bibliográficas. Como sugestão de pesquisa, consulte a existência das seguintes
obras:
GONÇALVES, C. R. Direito Civil Brasileiro: Parte Geral. 7. ed. São Paulo: Saraiva, 2009.
PEREIRA, C. M. da S. Instituições de Direito Civil: Introdução ao Direito Civil - Teoria Geral do Direito Civil, 23. ed.
São Paulo: Forense, 2009, v.1.
VENOSA, S. de S. Direito Civil: Parte Geral. 9. ed., São Paulo: Atlas, 2009.
DINIZ, M. H. Direito Civil: Parte Geral. 26. ed. São Paulo: Saraiva, 2009.
RODRIGUES, S. Direito Civil: Parte Geral. 34. ed. São Paulo: Saraiva, 2003, v.1.
Lembre-se, são sugestões de pesquisa. Você poderá incluir outras obras jurídicas que considere importante para o
enriquecimento de sua pesquisa, o que é recomendável.
Passo 3 - Elabore um fichamento do seguinte artigo: SANTOS, J. C. O novo Código Civil brasileiro em suas
coordenadas axiológicas: do liberalismo à socialidade. Disponível em: <http://jus2.uol.com.br/doutrina/texto.
asp?id=3344> Acesso em: 28 de junho de 2010.

ETAPA 2
Aula-tema: Lei de Introdução ao Código Civil
Esta atividade é importante para que você identifique e compreenda a aplicação das normas contidas na Lei de
Introdução ao Código Civil e suas implicações nas disposições do Código Civil e no ordenamento jurídico.
Para realizá-la, é importante seguir os passos descritos.
PASSOS
Passo 1 - Elabore a introdução da cartilha na qual deverão constar os objetivos do trabalho, vale dizer, demonstre
claramente ao futuro leitor a importância dos temas que serão desenvolvidos.
Passo 2 - Pesquise na Internet dispositivos relacionados à Lei de Introdução ao Código Civil. Disponível em: <ht-
tps://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto-lei/Del4657.htm>. Acesso em 21 de junho de 2010.
Passo 3 - Baseado nas pesquisas, inicie a elaboração do primeiro capítulo da Cartilha que deverá abordar os tó-
picos abaixo ilustrados. Como complemento de pesquisa, você poderá acessar o seguinte artigo: RACHEL, A.R.
Breves apontamentos à Lei de Introdução ao Código Civil (Decreto-lei n.º 4.657/1942). Disponível em: <http://
jus2.uol.com.br/doutrina/texto.asp?id=12790>. Acesso em 21 de junho de 2010.

216
Direito e Legislação Desafio de Aprendizagem

Autor: Elcio Batista de Morais - Faculdade Anhanguera de Jundiaí

a) Como ocorre o início e o fim da vigência de uma lei?


b) No que consiste o termo vacatio legis e qual sua finalidade.
c) O Juiz pode deixar de julgar um caso a ele submetido? Justifique.
d) Alegação de desconhecimento da lei e seu descumprimento.
e) Como a Lei de Introdução ao Código Civil disciplina a aplicação da lei no espaço?
f) Aplicação da lei e fins sociais.
g) No que consistem os termos: ato jurídico perfeito, direito adquirido e coisa julgada?
h) Quais os dispositivos constitucionais que cuidam da eficácia da lei? Consagram direitos fundamentais?
Entregue ao seu professor, na data por ele estipulada, a introdução e o primeiro capítulo da cartilha.

ETAPA 3
Aula-tema: Direitos da personalidade
Esta atividade é importante para que você identifique e compreenda os conceitos presentes na Parte Geral do
Código Civil Brasileiro.
Para realizá-la é importante seguir os passos descritos.
PASSOS
Passo 1 - Elabore o capítulo seguinte da Cartilha no qual serão abordados temas relacionados ao Livro I “Das
Pessoas”. Visando ao desenvolvimento deste capítulo, a equipe deverá escolher ao menos cinco temas abaixo
sugeridos. A equipe poderá acrescentar outros temas, mediante prévia consulta ao professor, caso entenda perti-
nentes à ilustração da cartilha a ser desenvolvida.
a) Diferença entre capacidade e personalidade;
b) Maioridade civil;
c) Quando começa e quando termina a personalidade civil;
d) Capacidade plena, incapacidade absoluta e incapacidade relativa;
e) Ausência da pessoa natural;
f) Direitos da personalidade: integridade física, honra e imagem;
g) Direitos da personalidade e doação de órgãos e tecidos;
h) Direito ao nome e demais implicações;
i) Domicílio da pessoa natural;
j) Pessoas jurídicas: conceito e classificações.
k) Atributos do direito de personalidade.
Passo 2 - Feita a escolha dos temas pela equipe, proceda a leitura do Código Civil (Lei n.º 10.406/2002), pesquise
e faça a compilação dos principais dispositivos que tratam do tema escolhido, em especial o Livro I (artigo 1º ao
artigo 78).
Passo 3 - Apoiado nas pesquisas, conclua o capítulo ora trabalhado. Lembre-se, esta cartilha não se destina aos
profissionais do Direito, portanto acautele-se em utilizar uma linguagem clara e objetiva, sem, contudo, alterar o
conteúdo dos dispositivos normativos.

217
Desafio de Aprendizagem Direito e Legislação

Autor: Elcio Batista de Morais - Faculdade Anhanguera de Jundiaí

ETAPA 4
Aula-tema: Dos bens
Esta atividade é importante para que você coloque em prática todo o conhecimento adquirido na disciplina, ou
seja, capacidade de realizar pesquisas, compilação de conteúdos teóricos e interpretação e aplicação do Direito.
Para realizá-la é importante seguir os passos descritos.
PASSOS
Passo 1 - Elabore o capítulo final da cartilha. Para tanto, você deverá abordar, de forma sintetizada e, segundo o
Código Civil (artigos 79 ao 103), o conceito e a classificação dos bens.
Passo 2 - Verifique a necessidade de proceder eventuais ajustes no sumário da cartilha e reúna todo o material de
pesquisa visando à formatação final da cartilha. Elabore as referências bibliográficas do trabalho e, se necessário,
um capítulo destinado aos anexos.
Passo 3 - Proceda à formatação final da cartilha. Revise os padrões estabelecidos pela ABNT, contendo, espe-
cialmente: Capa; Nome da Faculdade; Nome do curso e da disciplina; Nome do professor; Nome completo dos
integrantes da equipe em ordem alfabética, e R.A.; Referências bibliográficas. Entregue a cartilha finalizada ao seu
professor, na data por ele estabelecida.

218
Direito e Legislação Referências Bibliográficas

ANAN, P. J. Direito empresarial e tributário: para cursos de administração, contabilidade e economia.


Campinas: Alínea, 2010.

CAMPOS, N. R. P. R. de. Noções essenciais de Direito. 3. ed. São Paulo: Saraiva, 2005.

DALLARI, D. de A. Apostilas de teoria geral do Estado. São Paulo: Arcadas, 1966.

GRECO, M. A. Internet e Direito. 2. ed. São Paulo: Dialética, 2000.

MARTINS, S. P. Instituições de direito público privado. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2006.

PINHO, R. R.; NASCIMENTO, A. M. Instituições de direito público e privado. 24. ed. São Paulo: Atlas,
2004.

RODRIGUES, S. Curso de Direito Civil: direito das coisas. São Paulo: Saraiva, 2000.

SOUZA, E. D. de. 1.000 perguntas: direito constitucional. Rio de Janeiro: Rio, 2004.

219
Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________
Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________
Anotações
_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________
3
m
A
d
ir
n
t
s

ao
ã

29,7 cm
Anhanguera Publicações
A
d
m
in
i
s
t
ra
çã
o
Alameda Maria Tereza, 2.000 ISBN 978-85-7969-062-4

Valinhos - SP - CEP 13278-181


C
a
d
e
rn
od
e
At
i
v
id
ad
e
s

9 788579 690624
3
LOMBADA
CONTRA-CAPA 21 cm 1,2 cm CAPA 21 cm