Você está na página 1de 50

Demoramos, mas chegamos!

Já faz um tempo desde a segunda edição! Sentiram nossa falta? Espero que sim! Brincadeiras a parte, a terceira ShaKin’ Pop vem para acompa- nhar um momento especial para o k-pop, principalmente para os fãs bra- sileiros. Dois acontecimentos apontam para uma conjuntura tão marcante para o k-pop no Brasil. O primeiro deles é o sucesso estrondoso do hit “Gangnam Style”, do

cantor PSY. Há algum tempo, nem mesmo todos os fãs de cultura pop coreana conheciam o músico, dono de um dos maiores hits do karaokê coreano de meados dos anos 2000. Hoje, difícil é encontrar alguém por aqui - seja k-popper ou não - que não conheça o cantor. Incrível não é? Quem imaginaria que o sucesso da canção chegaria a esse patamar em terras tupiniquins? Há alguns meses, eu mesma confesso que não arris- caria uma aposta e me atrevo a dizer que muitos de vocês também não. Além disso, esse mês tivemos a honra de receber em solo brasileiro um dos maiores ídolos da Coreia. Ele mesmo, Xiah Junsu. O eterno Deus do Leste desembarcou em São Paulo com sua turnê solo e nós prepara- mos um especial sobre a visita do músico. Acompanhamos a chegada, a espera dos fãs pelo show e tentamos retratar, para aqueles que não estiveram lá, como foi a apresentação do ídolo. E para comemorar, o nosso usual quiz traz consigo uma surpresa: veja na página 20 para saber mais! Esperamos que gostem do que está por vir nas próximas páginas e que a espera tenha valido a pena. Mais uma vez, muito obrigada pelo carinho e pelos comentários sempre positivos que vocês fazem sobre a revista.

Vocês não imaginam o quanto eles significam para toda a equipe.

Abraços e até a próxima! A editora! ^-^

ShaKin’ Pop

2012

3ª edição 3º trimestre de 2012

Fechamento:

15 de setembro de 2012

Belo Horizonte / MG shakinpopmagazine@gmail.com Twitter: @ShaKinPop facebook.com/ShaKinPop

Editora

Lily Park

Designer

Natasha Lee

Redação

Belle Lioncourt

Lily Park

Melody Kim

Revisão

Lily Park

Belle Lioncourt

Todas as imagens utilizadas nesta revista têm seus direitos reservados aos seus respectivos proprietários e são utilizadas apenas para efeito de divulgação, informação e resenha, exceto quando

expecificado o contrário

Capa:

Divulgação / YG Entertainment Distribuição online e gratuita

Recado da editora

Desenhos, comentários e histórias de k-poppers

O que rolou no k-pop nos últimos meses

Review de “No Mercy”, do B.A.P

Frases e imagens que deram o que falar

Cante “Party (XXO)”, junto com a GLAM

Saiba como foi o show de Xiah Junsu em SP

Teste seus conhecimentos e concorra a CDs

A trajetória da 2NE1

Tutoriais de unhas

Relembre o SechsKies

A polêmica saída de HwaYoung da T-ara

Eleja quem é o melhor e a melhor rapper do k-pop

Curiosidades sobre o grupo NU’EST

Saiba mais sobre Gangnam e aprenda mais sobre o alfabeto coreano

You’re Beautiful

Horóscopo de Câncer, Leão e Virgem

Conheça Mika e Anne

* Mensagens enviadas pelos seguidores da @ShaKinPop no Twitter e pelos usuários do Facebook

os que forma ‘carol:

queria

dizer

que

feliz

de de brasileiro. k-pop uma Desejo

é estou

o muito feita, bem

encontrar

sobre

uma

revista

Paula Silva:

blico

os entenda

Brenda

OO

pú-

Melhor revista!

Ela

divertida

bem

e

zero

Dá de dez à

assuntos

dos

aborda-

ame-

até naquelas

direta

feita.

e K-pop:

e

que

falo mesmo.

Naah, da Animes

com coisas

parabéns.

ricanas,

o Kpop

um cantinho

^^ Ver a cultura Coreana e

u.u

a todos,

Finalmente temos

que alcança

continuem crescendo!

realmente adoramos

certo, e

de um jeito

sendo divulgada

muito orgulho! Parabéns e

da

@EvilCarol:

@ShaKinPop

2ª edição da

vc fez cur-

alegria! Na 1ª

Saiu a

completo

para a nossa

so pra A+. Na 2ª é um curso

para Beauty.

RaquelChan_

esta-

Ameeei a segunda edição,

faz tempo por ela,

trabalho

va esperando

com o ótimo

continuem

*o* #fighting

Quer contar sua história com o k-pop, mandar desenhos, sugestões, críticas e elogios? Entre em contato com a ShaKin’ Pop:

shakinpopmagazine@gmail.com

@ShaKinPop

facebook.com/ShaKinPop

Daniela L., de Belo Horizonte / MG, mostrou seus dotes artísticos em lindos desenhos! Um mostra Zelo, do B.A.P., com os mascotes Matokis e outro alguns desenhos inspirados nas fotos teasers de “Sexy, Free & Single”, do Super Junior.

@KellyAyumi:

Lendo agora a revista mais legal

do BRASIL!!!! @ShaKinPop estou

amando :D

Bruna Sousa:

Admiro muitos vcs da Shakin’ Pop cada publicação melhor

...

q a outra Adorei mesmo esse especial, pude finalmente

...

entender um pouco desse processo e toda e a dificuldade

dos meninos Super apoiado esses especias gostaria de

...

ver com outros grupos também!!^^ Parabéns.

Vitória Kubitz:

Meu, sempre quis saber direitinho toda essa história, mas

acabava encontrando informações muito vagas Muito

...

obrigada pelo caderno especial! HWAITING o/

Camila Almeida:

gostei de saber mais sobre o drama dos meninos, e

ver que não importa o quanto tava sendo dificil eles

seguiram em frente.

“Meu

trabalho

era

ça.

realmente

que Então,

irritante

dia, eu vi ficava

mais fala-

e sem muito corri

dia

o

um

todo

gra-

vendo os assuntos

Tumblr.

no

lindo

um sempre

tag sobre

post

Até

com

e,

como

“japinha”

um

Br, ai eu vi uma

“Estava

eu

queria

pra ver direito. Mal sabia eu

o show da Cube aqui no Brasil,

admirei

dos dos TT’s

orientais,

diante dos

artistas que es-

que estava ali,

meus olhos, simplesmente Jonghyun

*o* Assim, eu já

era esses

pra minha

pra cá e pedi

saber quem

amei logo de cara,

quem era, já que ela

em casa e

tavam vindo

corri pra internet

e cheguei

e saber

me mostrou

me dizer

mais coisas e ouvir

essas músicas, ela

amiga

pra pesquisar

partir

estou

do BEAST e a

eu, feliz e apaixonada

as músicas, e aqui

curtia

Girl

me interessar

de Bad

<3”, Le Priscila

a

desse dia eu comecei

o mv

e procurar saber de outros

“Nem

um ano

o BEAST, antes eu

faz , não lembro bem ,

por K-pop

no youtube

To Heart

grupos e sobre

e por conta

mv de Heart

vídeo Love

sei que eu estava

do destino

SNSD, mas eu

Like This do SS501 , e

tinha visto o

damente . Sei

do 4Minute e Gee do

~kk~cliquei no

japonesa”,

que sou nova por aqui ainda

tem kpopper’s

me apaixonei

era música

de anos e anos,

achava que

, perdi-

todas as

Fraan Silva

kk porque

minhas forças . Desde então

mas eu amo

net

tudo sobre, e fui descobrindo

“Os animes me levam a ver doramas e nas trilhas

k-pop , com

dia , e minha

e gostei muito, depois

, procurei na inter-

paixão

novos grupos cada

ainda cresce,

sonoras eu conheci o SS501

Daniela Mandú

K-pop é minha

dia após

etc *-*,

vida . <3”,

dia. Enfim ,

wonder girls, 2ne1 e

Mikaela Rocha

um jeito super

“Bom,

“Pelo menos para mim foi de

9 pelos eu

k-pop. Começou

conheci

tinha

k-pop

o e e

quando a Fergie gravou That Ain’t Cool com a

eu conheci o

anos

em 2007

haha

* Depoimentos coletados do Facebook, no dia 11 de setembro de 2012.

E eu

eu escutei foi DBSK

a primeira banda que

peculiar que

por ela

interessando

lógico. Desde criancinha sempre

eu apaixonei na hora,

o j-pop, quando

mais me

e eu acabei

nada

sobre

o The Meaning of

Kumi, conhecer

olhinhos puxados, então

Koda

fui apaixo-

procurar mais sobre eles, e nisso

a partir daí

numa dessas eu descobri

e procurei

com a BoA,

bandas como

resolvi

só aumentou.,

que foi gravado

Super Junior que

achei outras

amei muito mesmo e

meu amor pelo k-pop

Peace

eu também

BIG BANG e fui viciando

mais e mais

Wesley Santos

o

em k-pop e até hoje amo amo

“Sempre gostei

amo de paixão,

de orientais,

não

músicas

vivo mais sem <333,

Nicole Nonato

e coreografias. Aí em

Agosto de

2011 estava eu

vendo MTV, o programa Top

Mundi e

Mr. Simple de SuJu

estava lá, brilhando para mim

foi amorzão a

e

Lindo assim! ^^,

vista mesmo!

Alebasi

P. Avlis

Perguntamos aos nossos usuários no Facebook: “como vocês conheceram o k-pop?”. Veja algumas histórias interes- santes:

...

“Minha irmã começou a assistir doramas coreanos, e eu fui na onda dela,

começando com You’re Beautiful e conhecendo CN Blue e FT Island ...

dai deu interesse em conhecer mais essas pessoas perfeitas e procurei

mais ^^”, Juliana Wutkiewicz

“Conheci vendo um site pra otakus e tava lá no cantinho um vídeo do SS501, Love Ya.

Curti a música mas não me liguei. Depois de um tempo fiquei com vontade de ouvir de

novo, mas quem disse que o link tava lá =( . Ai mais um tempo se passou eu estava pro-

curando sobre o dorama do Skip! Beat, que o Siwon e o DongHae iam fazer e procurei

mais coisas sobre o Siwon. Foi quando eu li que ele fazia parte de uma boy band core-

ana. Vi um link para Bonamana e simplesmente me apaixonei! Considero que conheçi o

K-pop 2x rsrs. Hj sou uma ELF<3TripleS”, Karen Passos

Por Lily Park

Imortalizados

As imagens das garotas da So Nyeo Shi Dae ficarão registradas em

selos para postagens, na Coreia do Sul. As estrelas foram as primeiras

celebridades a aparecer em registros vendidos oficialmente pelo ser viço de

postagem coreano. A agência optou pelas cantoras para alavancar a venda de selos no país. E a estratégia deu mais do que certo. Apenas na primeira hora de vendas, mais da metade dos 30.000 produtos fabricados foram vendidos. E quem também teve sua imagem imortalizada em selos de postagem foi o ator Jang GeunSuk, mas em terras japonesas. O astro do drama You’re Beautiful foi o primeiro artista coreano a ter sua imagem estampada em selos no Japão.

Deu o que falar!

Ranking do FanCafe*

  • 1. TVXQ (680.801 fãs)

  • 2. Big Bang (324.509 fãs)

  • 3. SNSD (278.402 fãs)

  • 4. B2ST (255.605 fãs)

  • 5. SS501 (218.861 fãs)

  • 6. Shinhwa (178.228 fãs)

  • 7. Super Junior (172.509 fãs)

  • 8. 2PM (163.996 fãs)

  • 9. INFINITE (134.848 fãs)

    • 10. BUZZ (122.119 fãs)

Os integrantes JongHyun e TaeMin, do SHINee, surpreen- deram em uma ousada performance, nos shows “SHINee World Concert II”, que aconteceram nos dias 21 e 22 de julho, em Seul. Os astros subiram ao palco e canta- ram um cover da canção “Internet War”, sucesso de Seo Taiji. Na provocante performance, com direito a algemas e tatuagens falsas, os cantores simularam carícias e dividi- ram opiniões entre o público. A apresentação repercutiu tanto que eles repetiram a dose, no show da SM Town em Seul, no dia 18 de agosto, e nas próximas paradas da turnê “SHINee World Concert II”, pela Ásia.

  • 11. SHINee (115.809 fãs)

  • 12. B1A4 (111.537 fãs)

  • 13. Wonder Girls (95.375 fãs)

Pausa para os estudos

  • 14. FTISLAND (92.502 fãs)

  • 15. 2NE1 (88.854 fãs)

  • 16. MBLAQ (88.412 fãs)

  • 17. Block B (69.900 fãs)

  • 18. H.O.T (68.485 fãs)

  • 19. f(x) (65.879 fãs)

  • 20. G.O.D (65.586 fãs)

* O FanCafe é uma espécie de

blog coreano, dedicado para

determinado artista. O ranking

é baseado na quantidade de

fãs cadastrados em cada

FanCafe (dados coletados

no dia 21 de agosto de 2012).

6

O cantor AJ resolveu dar uma pausa em suas atividades como integrante do

U-kiss para se dedicar aos seus estudos. O artista foi aprovado na Universi-

dade da Columbia, em Nova York, nos Estados Unidos. A instituição é uma

das oito universidades da Ivy League, as de maior prestígio nos Estados

Unidos e no mundo. AJ foi aprovado no curso de Psicologia e ficará cinco

meses afastado da banda. “Isso não quer dizer que ele vá deixar o grupo

Por Lily Park Imortalizados As imagens das garotas da So Nyeo Shi Dae ficarão registradas em

permanentemente. Ele foi para os Estados Unidos para concluir sua gradu- ção e planeja voltar ao grupo no início do próximo ano”, disse a NH

Media no site oficial do U-kiss. A última apresentação de AJ no grupo

antes de viajar para Nova York foi em um show da turnê “U-kiss 1st Japan Live Tour 2012”, que continuou sem o cantor. AJ começou sua carreira em 2005, no grupo PARAN e entrou para o U-kiss em 2011.

Versão manhwa

O grupo B2ST inspirou a criação de uma série de manhwas (quadrinhos coreanos), intitula-

da “The Beast”. As histórias foram criadas pela artista Jena, que já lançou outras séries como “19 and 21” e “Girl The Wilds”. No enredo, DooJoon é uma estrela do futebol com incríveis habilidades atléticas, HyunSeung é um dançarino com poderes de teletransporte e uma personalidade misteriosa, JunHyung é quieto e introvertido com habilidades de ler mentes, YoSeob cria ilusões ao cantar com sua bela voz, KiKwang tem poder de telepatia e Don-

gWoon é um colegial com uma memória fotográfica perfeita. Juntos, eles usam seus poderes

pelo bem. Os manhwas começaram a ser vendidos em agosto e a primeira edição teve suas 13 mil cópias rapidamente esgotadas.

Coreia Para Todos

Aconteceu no dia 7 de setembro, no bairro Bom Retiro, em São Paulo, o evento “Coreia Para Todos”, organizado pela equipe do site KpopStation. Com o objetivo de divulgar a cul- tura coreana, seja para os descen- dentes ou para qualquer interessa- do no país, o evento contou com atrações como apresentações de danças covers de kpop e tradicio- nais da Coreia, workshops de dança e culinária, degustação de comidas típicas e gincanas. A Revista ShaKin’ Pop marcou presença e conferiu as diferentes atrações do evento, que interagiu centenas de pessoas interessadas na cultura da Coreia do Sul que passaram pelo “Coreia para Todos”.

Fotos: Lily Park

Cirurgia

O maknae do B1A4, GongChan, passou por uma cirurgia para remover um de seus rins, no dia 23 de julho. De acordo com a WM Entertainment, gravadora do grupo, “durante as promoções de ‘Baby Goodnight’, GongChan reclamava de dores no corpo”. Depois de uma série de exames médicos, o cantor foi diagnosticado com problemas renais. “No entanto, ele tinha um grande desejo de continuar com as promoções da faixa e só fazer a cirurgia depois do término das atividades do grupo. Por isso, nós decidimos adiar a cirurgia”, disse a gravadora. “Ele também não quis fazer alarde com as notícias da cirurgia para não causar preo-

cupações desnecessárias aos fãs”, completou. O cantor ficou internado

em recuperação durante uma semana e agora já passa bem, podendo gravar ao lado dos outros integrantes a nova temporada do reality show “Hello Baby”.

Assunto sério

O cantor NichKhun, do 2PM, se envolveu em um aciden- te, enquanto dirigia um carro e acabou atropelando um

motociclista, que sofreu algumas lesões. Foi apurado que o astro estava com 0.056% de álcool em seu sangue, o que é considerado além do permitido para motoristas na Coreia. Apesar da perícia ter constatado que o tailandês não foi o único culpado no acidente, o escândalo virou manchete em diversos jornais e acabou prejudicando a imagem do ídolo. NichKhun foi editado de imagens publicitárias do 2PM e de programas de televisão que já havia previamente gravado com o grupo.

O cantor fez pedidos oficiais de

desculpas pelo acidente e, para abafar o caso, a JYP Entertainment

decidiu que ele ficará temporariamente

afastado das atividades com o grupo e decidiu adiar a comeback coreana do 2PM.

Mudança no sistema de premiação

A polêmica em torno da forma com que os prêmios em programas musicais na Coreia eram distribuídos fez com que alguns programas alterassem seus formatos. O primeiro deles foi o Inkigayo, da SBS, que decidiu abolir o tradicional sistema de premiação “Take 7”, que premiava semanalmente um artista com com o “Mutizen Song”. Um

produtor da atração disse ao Newsen que “a produção acredita que mais do que um sistema de premiação, o mais importante é que o k-pop seja reconhecido mundialmente”. “Por isso decidimos fazer essas mudanças, para que os telespectadores se preocupem apenas em apreciar a música”, disse. Outro programa que se rendeu as

críticas e resolveu fazer modificações foi o M!Countdown, da Mnet. A atração, por sua vez, adequou novas formas

de rankings para que os prêmios sejam entregues para os artistas que de fato estejam fazendo mais sucesso na Coreia. O M!Countdown também ganhou um novo apresentador, o vocalista do FTISLAND, Lee HongKi, que entrou

no lugar de Tony An. Profissionais da música aprovaram as mudanças. “É um fato que artistas de grandes gravado- ras praticamente dominaram os rankings. Como os fãs tinham pouca participação nas votações, os novos artistas

passavam por grandes dificuldades para subir aos palcos”, disseram. Os especialistas também afirmaram que esse

tipo de premiação é importante para os artistas na Coreia. “Os fãs precisam comprar CDs para que

seus artistas fiquem bem nos rankings. Se todos eles forem abolidos, essas ações de apoio irão

desaparecer”, acreditam.

Será?

O cantor SeungRi, do

Big Bang, virou notícia em publicações japonesas. Dessa vez, não foi um hit do quin- teto que levou o nome do artista para as manchetes. O ídolo foi acusado de se envol- ver em um escândalo sexual, tendo sido supostamente fotografado por uma mulher com quem teve relações no Japão. As imagens fo- ram divulgadas na revista semanal Friday, no dia 13 de setembro, e deixaram fãs em dúvida sobre a

autenticidade das fotografias, que

mostram um suposto SeungRi em uma cama.

Febre mundial

Quem imaginou que o primeiro hit do k-pop a conquistar o mundo inteiro seria uma canção com piadas sobre um luxuoso distrito de Seul cantadas totalmente em coreano? “Gangnam Style”, composta, escrita,

coreografada e cantada pelo cantor PSY conquistou surpreen- dentemente um sucesso devastador em países como os Estados Unidos e o Brasil. Katy Perry, Tom Cruise, Nelly Furtado, Robbie Williams, Vannessa Hudgens são apenas alguns dos artistas que confessaam estar infectados pelo divertido vídeo e ajudaram a espalhar o sucesso da canção pelo mundo. No Brasil, a febre “Gangnam Style” é frequentemente noticiada na internet e na televisão e rendeu até mesmo uma versão do cantor Latino. O dono do hit “Festa no Apê” transformou a música de PSY em “Despedida de Solteiro”, com uma letra que nem de longe lembra a original. No YouTube, o MV de “Gang- nam Style” atingiu a marca de ser o vídeo mais curtido na página e conta, até o fechamento dessa edição, com mais de 220 milhões de visualizações.

8

Reconhecimento conceituado

Outra prova da globalização da música pop coreana aconteceu no início de agosto quando a palavra “k-pop” foi adicionada ao dicionário de Oxford, um dos mais conceituados da Língua Inglesa. “K-pop:

Substantivo [substantivo incontável] Música pop coreana: uma banda com estilo que mistura música Européia e K-pop. Varian-

te: Fãs de k-pop”, definem os britânicos. Quem sabe em breve o

verbete não seja adicionada ao nosso Dicionário Aurélio?

Mudança no sistema de premiação A polêmica em torno da forma com que os prêmios em

Debuts:

GLAM

“I Lexy - “Loen Comebacks: Top

- VIXX Town B2ST Boom T-ara Harisu

Big Star

- - - - “SM - “Five “Midnight Sun “Hippity - Junior - “Day

- - “She’s - “Rock - Brand - - -

By

Day”

Younha

D-Unit

- - Best “Supersonic” “Pandora” “Mayday”

- - “Let - “Only “The “No Cinderella “PHOENIX” “Hot “Busan - “I - - - - -

A-JAX

-

Sun”

C-Clown

Queen”

WooYoung

NU’EST

“Action”

N-Train

FLASHE

- - “Loving - ”Nolza” “Mirage” “Uncomitted” “WOW” “Ottogi” - Love Tree “Be

“I’ll

Forget

Wonder

You”

Tahiti

Girls

- - “Like A!r: - - Me Treasure

Money”

A-Prince

Play”

EvoL

- B.A.P Mario KARA BoA Wan ZE:A

Mercy”

December

K-Boys

”Unfinished”

X Pop

Kim

- Chaos – HyungJun T-ara “PSY’s Solbi

Crayon

- New Game” “Escape”

C-Clown

“Racer”

FIESTAR

Teen

Ma

NS

Girl”

Yoon-G

Two

“Skinship”

Phantom

A-JAX

PSY

E7

6th

Skarf

2NE1

Part

1”

You”

Tasty

Loen

AOA

Tree

Tiny-G

Summer

SISTAR

Story”

Jevice

U”

AhYeon

One”

Aziatix

Baek

“Awakening”

Kim

24K

KyuJong

“Meet

Brown

Nep

Me

Eyed

Again”

Girls

Lee JangWoo

“The

EXID

Original”

ABLE

Xiah

Hop”

Junsu

Hi.ni

isso,

BOB4

-

Enquanto

Ur

Seo

Body”

InYoung

Japão:

100%

“Anymore”

F.I.X

no

-

Jay

My

Park

Girl”

TVXQ

“Fresh

Eru

SECRET

Breathe

“Feel

!t”

Girls

Supernova

Part

Wonder

2”

“She’s

A-JAX

Gone”

Super

Skull&Haha

“SPY”

IU

4minute

Vacance”

U-kiss

MYNAME

SM

FTISLAND

Best

-

INFINITE

Album

3”

Boyfriend

HyunJoong

Juniel

U-kiss

2AM

E.Via

Know

Caramel

ZE:A

How

FTISLAND

To

Play”

-

Kim

CNBLUE

Orange

Box”

(Romeo)

“The

-

Beer”

BtoB

f(x)

SECRET - “Poison”

JungMin

B1A4

Dae

Huh Gak

Shi

Park

“It Hurts”

Tony Ahn - “Beautiful Girl”

-

Nyeo

Orange Caramel

So

G-Dragon - “One

- “Lipstick”

Of A Kind

Em “No Mercy”, B.A.P acerta ao investir em sua autenticidade musical no k-pop.

Por Lily Park

Frequentemente citado como um dos melhores debuts

de 2012, o B.A.P veio provar que não é apenas mais um entre as dezenas de artistas estreantes do k-pop. Seis garotos bem jovens, com clipes visualmente atraentes

e coreografias elaboradas. Apenas esses elementos já seriam suficientes para chamar a atenção de muitos fãs

de k-pop. Mas quem reservou uma análise um pouco mais atenta ao grupo percebeu que não era isso que o sexteto trazia de melhor. Desde o início do ano, em uma carreira musical tão recente - com apenas três EPs lançados -, o B.A.P. se mostrou musicalmente melhor estru- turado que alguns artistas com mais tempo de estrada.

Para abrir seu terceiro EP, “No Mercy”, o B.A.P esco- lheu uma das melhores faixas já lançadas pelo grupo. “Goodbye” deixa um pouco de lado o rap e o R&B e aposta na veia pop rock da banda, que já havia sido manifestada anteriormente na canção “What The Hell”, do disco “Power”. A melodia da canção de abertura de “No Mercy” foi composta em parceria com o integran- te YoungJae, com um belo arranjo e participação do guitarrista TOP, que trabalhou com os gigantes do k-pop Seo Taiji & The Boys. A letra da música, por sua vez, foi escrita com a colaboração de YongGuk e passa uma mensagem de superação e encorajamento.

Apenas o fato dos integrantes terem espaço para

participar da construção de suas próprias músicas faz com que elas se tornem ainda mais relevantes para a

solidificação da carreira desses jovens artistas. Além de

preferir as guitarras e uma bela melodia às já caracterís- ticas batidas de hip-hop do grupo, “Goodbye” acerta em dar mais espaço aos vocalistas da banda, que pos- suem entonações vocais ideais para esse tipo de faixa.

Já em “No Mercy”, o grupo retoma o estilo semelhante ao seu single de estreia “Warrior”, que despontou a banda para o sucesso entre os estreantes de 2012. Sem piedade, como diz o título da canção, o sexteto critica a indústria da música coreana na ácida letra, composta mais uma vez com a partição de YongGuk. “Eu vou quebrar o paradigma” / “Não vou te seguir como um idiota” / “Não me compare com você, que age como um papagaio”, cantam DaeHyun e YoungJae na ponte que traz a melhor combinação rítmica e vocal da faixa.

O restante da canção aposta na já acertada fórmu- la do rap e das batidas dançantes do grupo. O rap, dessa vez, traz como diferencial o uso do dialeto da província de Gyeongsang. A canção também remete às tradições coreanas ao usar o antigo estilo de percur- são “samul nori”. Todos esses elementos fazem de “No Mercy” a escolha mais acertada para carro-chefe do

  • 01. “Goodbye”

  • 02. “No Mercy”

  • 03. “음성메시지 (Voicemail)”

  • 04. “Dancing In The Rain”

  • 05. “마음이 시키는 일

(What My Heart Tells Me To Do)”

B.A.P - “No Mercy” Lançamento: 19 de julho de 2012 Gênero: k-pop, rap/hip-hop, R&B, pop rock Gravadora: TS Entertainment

disco e talvez a melhor faixa single já lançada pelo grupo.

canção é não pecar em harmonizar bem os vocais dos integrantes.

“Voicemail” é a primeira composição totalmente autoral de YongGuk gravada pelo grupo. A música traz uma melodia dramática, para acompanhar a letra sobre

uma desilusão amorosa. A balada com toque de R&B é a mais madura do repertório da banda, que usa sua característica alternação de rap e tons agudos bem trabalhados para compor a canção. O destaque da

faixa fica para a bela melodia de guitarra, que fica mais

pesada no encerramento da canção, acompanhada do barítono alto de DaeHyun.

“Dancing In The Rain” é a mais pop do disco e traz certa animação após os sentimentos densos das faixas

anteriores. É uma das músicas do trabalho que mais

poderia ser atribuída a outros grupos de k-pop e difere bastante do estilo adotado pelos singles do B.A.P. A ou- sadia acerta ao não se esquecer de trazer um tom mais

jovial e alegre em um álbum de artistas tão jovens.

“What My Heart Tells Me To Do” encerra o disco com uma típica balada de k-pop. A música não traz nenhum grande diferencial, como as demais faixas do trabalho e musicalmente é a mais fraca de “No Mercy”. Não que isso a torne uma música ruim. Um dos pontos fortes da

Para o relançamento de “No Mercy”, o B.A.P lançou duas novas faixas: o novo single “Crash” e “I Remember”. A primeira remete a jovialidade e a alegria bem pop de “Dancing In The Rain”, enquanto a outra traz um belo solo de YoungGuk, acompanhado dos vocais impecá- veis de DaeHyun.

Em seu terceiro trabalho de estúdio do B.A.P prova que, apesar de ter começado sua carreira este ano, o grupo traz consigo na bagagem um grande potencial musical.

A boa produção visual e as coreografias elaboradas

são sempre citadas como os diferenciais do sexteto, mas além disso, os elementos mais atraentes do sexteto são certamente o talento e a habilidade vocal de seus integrantes. Sem mencionar ainda a participação dos cantores na elaboração das faixas e das danças.

Neste ano, a Coreia recebeu grandes novos artistas e a competição para quem será o melhor deles está cada vez mais acirrada. Muito além de ser um dos fortes candidatos ao título de “o melhor debut de 2012”, o

B.A.P prepara seu caminho para se firmar entre grandes

nomes do k-pop. Como cantam em “No Mercy”, para eles a música não é uma piada.

“Garotas da JYP!”, escreveu Lim, ao compartilhar uma foto de um jantar que reuniu as demais integrantes da Wonder Girls, as quatro miss A, Jo Kwon (2AM) e WooYoung (2PM)! Quem tam- bém marcou presença no encontro foi SunMi, ex-Wonder Girl!

Nova moda de selcas formando um coração, com HyoSung (SECRET), WooHyun (INFINITE), SeungHyun, MinHwan e JongHun (FTISLAND)!

“Confiança, lealdade, amizade e apoio.

Esse é o MBLAQ <3”, escreveu o

orgulhoso líder SeungHo, no Twitter.

“Está

quente,

mas

vale

ficar

a

junto

pena

com

integrantes!!,

os Twitter,

outros

DongHae

confessou

me

Por favor,

no

ao

Everybody!!!

e postar

o rapper

“Brasil!

com

essa

Já do escreveu segue

EunHyuk,

foto

(sic),

JK,

Vish!”

Tiger

ShinDong

Brasil,

segue

RyeoWook.

assumido

ele?

e fã no

Twitter.

@DrunkenTigerJK

“Acabamos de lançar na internet as músicas ‘SPY’, ‘Only You’, ‘Haru’

e ‘Outsider’. Todas

cialmente muito bons quem escreveu isso

elas são boas,

cara é demais! ^^

mas

nas faixas

Junior, sobre os raps escritos

O rap é maravilhoso! ^^”,

os raps são espe-

é realmente

bom! ^^ Esse

brincou EunHyuk,

por ninguém menos que ele

do Super

mesmo!

foto trio, da

do

na amizade

aos Twitter. uma Sexy”,

Estados

Falando

compartilhou

JYJ

Junsu

do

“Uh~

viagem

Unidos.

no

escreveu

“Eu respeito as leis de trânsito e

dirijo com segurança! ^^ Muito

obrigado a todos que torceram

por mim! ^^ hehe”, escreveu

DongHo (U-kiss), ao mostrar orgu-

lhoso sua carteira de motorista!

A obra “A Criação de Adão”, de Michelangelo,

foi repaginada em uma versão ‘okcat’,

desenhada, é claro, por Ok TaecYeon, do 2PM.

...

“Eric hyung postou

uma foto do Shinhwa no Kakaotalk e

eu comentei: ‘é bom ver todos vocês juntos, é

realmente legal’. Ele respondeu: ‘estamos

fingindo ser amigos’. Eu acho que alguém só

consegue brincar dessa forma quando é real-

mente amigo de algúem. Com a

gente (JYJ) é assim também. Quando

nós três estamos juntos, eu me sinto

completo. Me sinto confiante

quando estou com eles”.

JaeJoong, do JYJ.

“Sinceramente,

estávamos

muito

a em essa do DooJoon nos mudança mil preocupados

com

mudança,

mas

não

arrependemos

nossa

de

decisão.

A repercursão

pode

não

ser

tão

boa

to

quan-

nossos

mas

outros

está

trabalhos,

divertido”,

vezes

mais

(B2ST),

sobre

de

estilo

anos

e 16

grupo

o “Fazem

H.O.T.

em

“Midnight

do

o o debut

Sun”.

desde

especialmente

o KangTa,

Parabéns

o Sexy’

‘Garoto

‘Garoto

o JaeWon para

HeeJun,

Tímido’

‘Radiante’

‘Garoto

Selvagem’

Tony

WooHyuk ama vocês.” tuítou WooHyuk.

Divertido’

‘Garoto

“Acho

que

perdemos

chance

a

de

reunirmos

nos

recentemente

“Normalmente, as mulheres tendem a compreender

muito

Eu menos

que

difícil

ficou

pornô.

filme

conciliar

que compor

agendas.

assisti

um

assustador

nossas

Eu

próxima

eu acho

conheço muitas mulheres

acho

Foi

ocasião

quando

que

mas

pensei

que todas nós possamos

a

eu

melhor seus sentimentos,

do

que

todos

perfeita

tivermos

JiYong,

nosso espaço, JeA, da Brown Eyed Girls,

serviço

seria”,

será

trabalho difícil. Eu

que

sobre militar”, YoungSaeng,

cumprido

maknae da KARA.

girl band a

espero

o

a reunião do SS501.

é um

que compõem,

de uma

primeira integrante

“Ao invés de ser

suas próprias músicas.

ganhar

‘o novo sucesso dos

ser ser

“Nós não queremos

sobre ser a

produzir

Estados Unidos’,

eu prefiro ser

Queremos

celebridades.

conhecido como ‘o cara esquisito

“Não existe esse tipo de coisa como ‘estilo da 2NE1’.

JB, do

músicos e cantores,

da Coreia’ ”. PSY, sobre o sucesso

Nós

não somos

JJ Project.

um grupo

do hit “Gangnam Style”.

que possui uma imagem

apenas. Previsibilidade

e normalidade. Tudo isso é

para que

sete fiquemos sempre unidos

muito chato,

não é?

Nós nunca

em unanimida-

“Esperamos que nós

iremos parar de nos

juntos”, INFINITE,

reinventarmos. Nós sempre seremos

como músicos

quando questionados sobre quais eram seus sonhos.

possamos crescer

tes, fronteiras

um grupo sem limi-

e

sem iguais”, CL, líder da 2NE1.

de,

Duas chegadas triunfais no aeroporto: TaeYang (Big Bang)

em um skate e SungYeol (INFINITE) desfilando com um roupão!

...

14

Party (XXO) - Hangul

Nanana nananana Lalala B-b-beating away

Can I kiss ya baby girl?

You know that? 니 매력을 봐 너무 멋져 넘어져도 beautiful smile 니가 남자? 여자? 난 상관없어 열정이 Key 뜨거운 가슴이 ID 혼자라면 여기로 와 너의 뜨거운 심장에 널 다 걸어봐

Girl I like ya really really like ya

이제 날뛰어 나머진 내게 맡겨

땀에 젖은 트레이닝 셔츠

G.L.A.M from the Mars 1 2 3 4 ready to start (Girl I like ya really really like ya) 뛰 뛰 뛰는 beating hearts 너와 난 똑같은 Girls Maybe 이길 필요는 없어 (Come on! I’m heartbeat away)

A Kiss XXO 누구라도 나의 Romeo A touch of your lips XXO 설레인다면 다 Juliet Juliet

Let’s get the Party. Party started 니 곁에 Heartbeat away B-b-b Heartbeat away Let’s get the Party. Party started 니 곁에 Heartbeat away B-b-b Heartbeat away Let’s get the Party

Nanana nananana Lalala B-b-b beating away (Come on! I’m heartbeat away)

왜나면 우린 규칙을 벗어나 rule 들을 비껴가

Got the right to break the wall

다 비켜봐 반대를 위한 반대는 안돼 벗어버려 니 눈을 가리는 안대

(당당해져!) 우린 마이너리티 (날려버려!) 우린 지구로 온 ET You make my heart heart heartbeat! Everybody lets pa pa pa party

A Peace XXO 다 껴안아봐 Only Love A touch of the heaven XXO 다 소리쳐봐 o-e-oh o-e-oh

G.L.A.M. 내 심장이 널 불러 뛰어봐 발을 굴러

G.L.A.M. 니 심장이 날 불러 Let’s start the party for love

Party is heartbeat away (Wo-oh Wow-oh)

Yeh, don’ t stop the beat now

지금이 순간 넌 누구보다 빛나 시작해 Final Countdown 파란 하늘 위로 Touchdown 지구를 태워버리자 다 태워버리자 다 태워버리자 다

Party is heartbeat away (Wo-oh Wow-oh)

Romanizada

Nanana nananana Lalala Bbb beating away

Can I kiss ya baby girl? You know that? ni maeryeogeul bwa neomu meotjyeo neomeo jyeodo beautiful smile niga namja? yeoja? nan sanggwan eobseo yeol jeongi Key tteugeoun gaseumi ID honjaramyeon yeogiro wa neoui tteugeoun simjange neol da georeobwa Girl I like ya really really like ya ije nalttwieo nameojin naege matgyeo

ttame jeojeun teureining syeocheu GLAM from the Mars 1 2 3 4 ready to start (Girl I like ya really really like ya) ttwi ttwi ttwineun beating heart, neowa nan ttoggateun Girls Maybe igil piryoneun eobseo (Come on! I’m heartbeat away)

A Kiss XXO nugurado naui Romeo A touch of your lips XXO seollein damyeon da Juliet Juliet

Let’s get the Party Party started ni gyeote Heartbeat away Bbb Heartbeat away Let’s get the Party Party started ni gyeote Heartbeat away Bbb Heartbeat away

Nanana nananana Lalala Bbb beating away (Come on! I’m heartbeat away) Nanana nananana Lalala Bbb beating away

waenamyeon urin gyuchigeul beoseona rule-deureul bikkyeoga Got the right to break the wall da bikyeobwa bandaereul wihan bandaeneun andwae beoseo beoryeo ni nuneul garineun andae (dangdang haejyeo!) urin maineoriti (nallyeo beoryeo!) urin jiguro on ET You make my heart heart heartbeat! Everybody lets pa pa party

A Peace XXO da kkyeo anabwa Only Love A touch of the heaven XXO da sorichyeobwa oe-oh oe-oh

G.L.A.M. nae simjangi neol bulleo ttwieobwa bareul gulleo G.L.A.M. ni simjangi nal bulleo Let’s start the party for love

Party is heartbeat away (Wo-oh Wow-oh)

Yeh, don’ t stop the beat now jigeumi sungan neon nuguboda bitna sijaghae Final Countdown paran haneul wiro Touchdown jigureul taewo beorija da taewo beorija da taewo beorija da

Party is heartbeat away (Wo-oh Wow-oh)

Festa (XXO*) - Tradução

Nanana nananana Lalala B-b-batendo forte

Posso te beijar garota? Sabia disso? Repare em seu charme, é tão bom Mesmo se você cair, dê um belo sorriso Você é um garoto? Ou uma garota? Eu não me importo - paixão é a chave, Um coração quente é sua identidade Se você estiver sozinha, venha aqui Coloque tudo em um coração feliz Garota, eu realmente gosto de você, realmente gosto Agora é só pular aqui e deixe o resto comigo

Minha camiseta de exercícios está molhada de suor, G.L.A.M. de Marte 1 2 3 4 prontas para começar (Garota, eu gosto de você, realmente gosto) Corações b-b-batendo, você e eu Somos as mesmas mulheres Talvez não haja necessidade para vencer (Vamos lá! Meu coração está batendo forte)

Um beijo, XXO, qualquer um pode ser Romeu Um toque em seus lábios, XXO Se o coração começar a correr, você é a Julieta

Deixe a festa começar, a festa começou Perto de você, meu coração bate forte, batendo forte Deixe a festa começar, a festa começou Perto de você, meu coração bate forte, forte

Nanana nananana Lalala b-b-b-batendo forte (Vamos lá! Meu coração está batendo forte)

Porque nós quebramos as regras, Nós evitamos as regras Eu tenho o direito de quebrar o muro Todos, se mexam! Oposição por oposição não vai funcionar Tire a venda que cobre seus olhos

(Seja confiante) Nós somos a minoria

(Jogue-o para fora) Somos ETs chegando na Terra

Você faz meu coração, meu coração bater! Vamos todos fe-festejar!

Uma paz, XXO, Vamos todos nos abraçar, apenas amor Um toque do paraíso, XXO, Apenas grite: o-e-oh o-e-oh

G.L.A.M. meu coração chama por você, Pule, balance os pés G.L.A.M. meu coração chama por você, Vamos festejar pelo amor

A festa faz meu coração bater forte (Wo-oh Wow-oh)

Sim, não pare a batida agora Agora é hora, você brilha mais do que qualquer um

Deixe comece a contagem regressiva final

Aterrisse em cima do céu azul

Vamos incendiar essa terra, Vamos incendiar tudo, incendiar tudo

A festa faz meu coração bater forte (Wo-oh Wow-oh)

* XXO vem de uma gíria norte-americana e

significa “beijos, beijos e

abraços”.

A GLAM é um girl band que debutou esse ano. A letra de “Party (XXO)” parece ousada ao falar de um amor entre mulheres, mas o sucesso do grupo em um país conservador prova que os coreanos estão abrindo suas mentes. A canção que mostra em seu clipe imagens de pessoas negras, algo

não muito comum na Coreia, traz uma bela mensagem de que não importa o sexo, a classe social ou a raça: o importante é o amor que todos nós sentimos.

Por Lily Park

No dia 24 de julho, uma confirmação inusitada dei-

xou em polvorosa os fãs do cantor Xiah Junsu. O astro

anunciou que viria se apresentar no Brasil, no dia 8 de

setembro, na cidade de São Paulo, com sua primeira

turnê mundial “Tarantallegra”. Dias depois, começaram

as vendas dos ingressos. Fãs de todo Brasil inciaram as

preparações para receber um dos maiores ídolos da

Coreia.

A chegada

Finalmente chegou o dia de receber Xiah no Brasil. Foi

anunciado pela produtora Dark Dimensions, que produ-

ziu o show ao lado da chilena Noix Producciones, que

o cantor desembarcaria no aeroporto de Cumbica, em

Guarulhos, às 0h20 do dia 8 de setembro. Ainda no dia

7, fãs já se aglomeravam no portão de desembarque

internacional do aeroporto, horas antes do horário

previsto para a chegada do astro.

À medida que se aproximava o horário do desembar-

que, mais fãs surgiam no aeroporto. Xiah estava em

um voo da Copa Airlines, vindo do México, por onde

havia acabado de passar com sua turnê. Com atraso,

a aeronave só pousou em Guarulhos à 01h00. Demorou

cerca de 40 minutos até que Xiah saísse pelo portão

Cerca de 80 fãs esperaram por horas para receber Xiah Junsu, no aeroporto de Guarulhos
Cerca de 80 fãs esperaram por horas para
receber Xiah Junsu, no aeroporto de Guarulhos

de desembarque, onde cerca de 80 fãs esperavam an-

siosos. Funcionários do aeroporto estranhavam tamanha

movimentação na madrugada. Nem mesmo o desem-

barque da Seleção Brasileira de Futebol, que passava

por lá naquele horário, atraiu tanta atenção no local.

De chinelos, bermuda, óculos escuros e uma blusa verde,

Junsu desembarcou. Descontraído, se surpreendeu com

a calorosa recepção que aguardava por ele. A primei-

ra reação do músico foi estampar um grande sorriso em

seu rosto, que foi rapidamente encoberto por sua mão,

demonstrando uma enorme surpresa. A passagem dele por Guarulhos foi breve e dentro de poucos minutos

demonstrando uma enorme surpresa. A passagem dele

por Guarulhos foi breve e dentro de poucos minutos ele

já estava dentro de um táxi preto, que seguiu em dire-

ção ao Hotel Sheraton, onde ficou hospedado durante

sua estadia na capital paulista.

Apesar de rápida, a primeira impressão de Xiah não

poderia ter sido melhor. “Ele parecia ser muito humilde”,

“é um legítimo brasileiro”, “ele com certeza se surpreen-

deu com a recepção e com o carinho dos fãs”, descre-

público e chegar até o bairro onde seria realizado o

show, em São Paulo.

A espera

Fãs de vários lugares do Brasil e alguns de outros países

compunham a fila para o show e lotavam um quarteirão

em frente ao Espaço Victory, no bairro da Penha, onde

aconteceu o evento. Com o passar das horas, cada

vez mais pessoas se aglomeravam na fila, que causou

alguns descontentamentos entre os fãs. Aqueles que

compraram o ingresso pela internet deveriam retirá-lo no

local do show.

Indira, Julieth e Barbara, de Salvador, estavam insatis-

feitas com a organização da fila. “O movimento para

pegar o ingresso é lento. Os primeiros fãs da fila estão

controlando a fila e não respeitam a ordem de chega-

da”, protestaram. Diversos fãs reclamaram da falta de

organização e compromisso da produtora e da segu-

rança do local escolhido para o show.

Luzia, de Belo Horizonte, também reclamou do tempo de

espera para a troca do ingresso, que durou mais de três

horas para ela. Os tumultos continuaram e até às 17h,

horário que estava previsto para a entrada do público

na casa de shows, nem a metade dos ingressos haviam

sido entregues e cada vez mais pessoas chegavam

no local. “A produção delegou a responsabilidade de

organização da fila para fãs. Isso é muito injusto. Paguei

para ter um evento organizado pela produtora e não

por fãs”, confessou Barbara, que estava na fila desde

6h da manhã.

viam os fãs que receberam o artista, que faziam questão

sempre de destacar o belo sorriso estampado no rosto

do ídolo. “Foi incrível! Ainda mais porque consegui tocar

no braço dele”, disse Leticia Baroni.

Barbara foi uma das únicas pessoas que conseguiu um

autógrafo de Junsu. A jovem pediu para que uma das

funcionárias do aeroporto entregasse um photobook

para o cantor, antes que ele descesse para a área de

desembarque. Xiah autografou o item, logo ao lado de

uma foto de YunHo U-know, o líder do TVXQ. A prima

de Barbara, Ludmila, também conseguiu um autógrafo

da mesma maneira, em seu single de “Hug”, trabalho de

estreia de Xiah no quinteto.

Emocionados, muitos fãs permaneceram no aeroporto

até o amanhecer para que pudessem usar o transporte

Katia se emocionou com a chegada de Xiah e lembrou de sua amiga Amanda, que também
Katia se emocionou com a chegada de Xiah e
lembrou de sua amiga Amanda, que também é fã.
“Queria que ela estivesse aqui”, contou
O método de funcionamento da fila causou descontentamento em grande parte dos fãs
O método de funcionamento da fila causou
descontentamento em grande parte dos fãs

O show

parceria com a cantora BoA, Tablo, do Epik High, e a

pianista Jin Bora. “Mas é a primeira vez que venho para

São Paulo. Essa é uma cidade realmente bonita”, disse.

O show seguiu com a dançante “Set Me Free”. A sen-

sação era que o palco havia se transformado em uma

pista de dança a cada passo apresentado pelo ídolo.

Entre as performances, foi exibido um vídeo com cenas

dos ensaios de Xiah na gravadora C.Jes Entertainment,

que mostrava um papel de parede escrito em grandes

letras “always keep the faith - hope to the end” (“sem-

pre tenha fé - esperança até o fim”, em tradução livre),

frases que se tornaram lemas do JYJ.

Em um descontraído momento de bate papo com o

público, Junsu propôs uma brincadeira em que realizaria

desejos de alguns fãs. O primeiro, escolhido na pla-

teia, pede ao cantor que ele prometa voltar ao Brasil,

acompanhado dos demais integrantes do JYJ e para

A entrada do público na casa de shows começou às

20h. Cerca de 1.300 fãs compareceram ao show, um

público bem abaixo da capacidade máxima do local.

Meia hora depois, foram exibidos em repetição os clipes

dos sucessos de Xiah Junsu, o que deixou o público em

polvorosa, já clamando pela entrada de Xiah, balan-

çando balões vermelhos e lighsticks. Ao ver tamanha

empolgação, Jun Shim, fotógrafo de Xiah, comentou

supreso sobre o quão calorosos são os fãs brasileiros.

Xiah subiu ao palco às 21h e levantou o já empolgado

público com uma eletrizante performance da música

“Breath”. Junsu provou porque é um dos maiores ídolos

da Coreia. Desde o momento em que subiu no palco

até a última performance, a poderosa voz do cantor

entoava fortemente, escoltada por passos de dança

executados com maestria, que acompanhavam o senti-

mento de cada canção.

que Xiah tire uma foto com ele. Junsu atente ao pedido,

tira a foto com uma bandeira do Brasil entregue pelo fã

e promete retornar ao país.

Outro fã pede que o músico ligue para JaeJoong. “Eu

não posso ligar para ele. Ele está dormindo. Peçam

algo que eu possa realizar agora”, brinca. Em seguida,

em coro, os fãs pedem para que Junsu rebole e o artista

responde que não sabe sambar. Para compensar, Junsu

afirma que vai fazer algo que pode não agradar os

rapazes: ele simula que irá tirar sua blusa, mas no fim, faz

uma pose fofa e mostra todo seu aegyo.

As próximas apresentações foram das faixas “You Are So

Beautiful”, “Even If I Know” e “Round and Round”. Cada

vez mais, o local era preenchido com tamanha empol-

gação do público e com a incrível voz de Junsu. A mãe

do ídolo, que acompanhou cada parada da turnê de

seu filho, assistia ao show orgulhosa e acenava carinho-

Fãs cantavam em coro os versos das canções seguintes,

“No Gain”, “Lullaby” e a provocante “Intoxication”. Ape-

sar de alguns problemas técnicos e de Xiah ter sofrido

e reclamado de microfonia durante alguns momentos,

a impressão, ao observar a reação do público era de

que cada minuto de espera havia valido a pena. Na

primeira pausa para conversar com o público, Junsu

relembrou sua primeira visita ao Brasil, quando esteve

no Rio de Janeiro, em 2007, para a gravação de um

comercial de celulares da marca Anycall. “Na verdade,

hoje não é primeira vez que eu visito o Brasil. Eu estive

no Rio. Vocês conhecem a Anyband?”, relembrou a

samente para os fãs.

Provavelmente o momento mais emocionante do show

foi durante as apresentações das canções que Junsu

interpreta nos musicais “Mozart!” e “Elisabeth”. Desde

que começou a estrelar essas peças, os musicais tiveram

influências vitais no trabalho e principalmente na com-

posição de Junsu. A interpretação ilustre do músico nas

canções “Last Dance”, “I Am Music” e “Why Not Love

Me” conseguiam emocionar até mesmo aqueles que

não entendiam sequer uma palavra da letra da can-

ção, tamanha era a desenvoltura da performance tea-

* A pedido da equipe de Xiah Junsu, que trouxe seus fotógrafos particulares, não registramos imagens do show. O produtor da Dark Dimensions se responsabilizou

em enviar as fotos oficiais do evento para a imprensa. Até o fechamento dessa edição, a equipe ShaKin’ Pop não recebeu nenhum contato da produtora.

tral do integrante do JYJ. Comovido, o público assistia a

apresentação em silêncio. Alguns, que estavam na última

fileira da plateia, assistiam abraçados.

Depois de uma pausa com a exibição de um vídeo

que mostrava as cidades pelas quais a turnê do cantor

passou, Xiah surgiu no palco sentado em um trono. A

performance era da canção “Tarantallegra”, que da

nome a turnê e foi apresentada em sua versão em inglês.

A apresentação seguinte manteve o ritmo de energia e

Junsu subiu ao palco para cantar a dançante “Fever”,

com uma roupa vermelha e acompanhado de efeitos

pirotécnicos. A exibição do clipe da faixa “Uncomitted”

foi seguida da performance do primeiro single em inglês

de Xiah.

Após o fim da performance, Junsu voltou ao palco e

agradeceu em português, com uma pronúncia que

o faria passar por brasileiro sem a menor dificuldade.

“Obrigado. Amo vocês”, disse. “Vocês estão se divertin-

do? Porque eu estou me divertindo muito”, disse, já em

coreano. “Vocês me deram força para cantar até ago-

ra”, confessou o ídolo. Em resposta, o público clamou

pelo nome do ídolo, que agradeceu, em português.

“Esse é meu primeiro show no Brasil, então muito obriga-

do pela recepção calorosa”, disse. “Essa é uma lem-

brança que eu nunca mais vou me esquecer. Prometo

voltar aqui novamente”, garantiu Junsu. “Minha equipe

não acreditou quando eu disse que viria me apresentar

no Brasil. Mas até eu me surpreendi com a recepção

no aeroporto. Fui todo relaxado, de qualquer jeito, não

imaginei que tivesse alguém me esperando lá”.

Aplausos para os fãs, que mesmo com os problemas antes do show, permaneceram em- polgados durante
Aplausos para os fãs, que
mesmo com os problemas antes
do show, permaneceram em-
polgados durante todas as
apresentações e conseguiram
emocionar um dos maiores ídolos da Coreia.
A produtora Dark Dimensions pe-
cou na falta de profissionalismo
para resolver os problemas na
fila. Além disso, demonstrou uma
deselegante falta de respeito ao público e
ao ídolo, antes, durante e após o show.
Reverências para o astro da maior grandeza, Xiah Junsu, que deu a honra de sua presença
Reverências para o astro da
maior grandeza, Xiah Junsu, que
deu a honra de sua presença
de palco inigualável e sua voz
incrível aos fãs brasileiros.
O local escolhido para o show
foi uma das principais críticas
dos fãs, que questionavam a se-
gurança da rua e a estrutura do
local. Na casa, diversos problemas técnicos
chegaram a atrapalhar a apresentação de
Junsu.

O cantor, que desembarcou no Brasil logo após uma

apresentação no México, afirmou que a empolgação

dos brasileiros deu energia para que ele pudesse se

apresentar, apesar do cansaço. “Obrigado mesmo”,

agradeceu mais uma vez, visivelmente emocionado. A

canção “I Hate Love” foi introduzida pelo cantor, como

uma “música que ele fez esperando encontrar alguém”.

“Eu não sei o quando vou conseguir passar minhas emo-

ções através da música. Mas espero que vocês sintam

comigo minhas emoções”, explicou antes de cantar.

Para o bis, o astro reservou as tocantes canções “The

Tree Covered The Dew” e “Fallen Leaves”. No telão,

eram exibidas cenas de um céu estrelado, que mostrava

a constelação Cassiopeia, que dá título ao fã-clube

do TVXQ. Ao lado da constelação de cinco estrelas,

o vídeo mostrava mais duas constelações distintas: uma

com três e outra com duas estrelas, em uma clara refe-

rencia a divisão do TVXQ em JYJ e YunHo e ChangMin.

A apresentação de Xiah Junsu no Brasil não foi um

sucesso de vendas, como nos outros países, e passou

longe de ter seus ingressos esgotados. A divulgação

deficiente da produtora brasileira e as dificuldades en-

frentadas pelo público - seja para se deslocar de sua

cidade ou para conseguir comprar o ingresso - foram

obstáculos que impediram um sucesso ainda maior do

show. Mesmo assim, os fãs que compareceram ao evento

fizeram o papel de todos aqueles que não puderam es-

tar lá e garantiram uma empolgação que faria qualquer

um que ouvisse os aplausos do lado de fora durante o

show pensar que a casa estava lotada.

19

Por Lily Park e Melody Kim

Teste seus conhecimentos sobre k-pop e concorra a

CDs do Super Junior e da So Nyeo Shi Dae

Já pensou se você só precisasse entender de k-pop para fazer uma prova? Se programas de variedade, discos

e curiosidades sobre cada k-idol fossem seus materiais de estudo? Então agora você pode testar seus conheci-

mentos sobre os artistas e, de quebra, ainda pode ganhar os álbuns “Mr. Simple”, do Super Junior, ou “Hoot”, da So

Nyeo Shi Dae!

Para concorrer aos prêmios, responda as 16 perguntas do quiz e envie as respostas para o e-mail

shakinpopmagazine@gmail.com

O sorteio dos prêmios será realizado entre aqueles que responderem corretamente todas as perguntas. Caso

ninguém consiga responder todas as perguntas, sortearemos entre aqueles que conseguirem acertar o maior número

de respostas.

Serão sorteados dois discos de cada grupo, em um total de quatro vencedores. Lembre-se de dizer no e-mail com

as respostas se quer concorrer ao CD do Super Junior ou da So Nyeo Shi Dae.

Serão aceitas respostas até o dia 31 de outubro. O gabarito do quiz e os vencedores serão divulgados até o dia

15 de novembro, no site www.shakinpop.com e nas redes sociais da revista.

Por Lily Park e Melody Kim Teste seus conhecimentos sobre k-pop e concorra a CDs do

Boa sorte!

4. Adivinhe quem é: “Nasci em Busan, tenho muitos fãs masculinos, já tive carreira solo, sou
4. Adivinhe quem é: “Nasci em Busan, tenho muitos fãs
masculinos, já tive carreira solo, sou fã de Hyori, meu
irmão dança como um “trovão” e meus penteados
costumam chamar a atenção. Quem sou eu?”
5. Quantas vezes o MBLAQ repete a palavra ‘Yeah’
na música “Oh Yeah”?
a)
99
b)
100
c)
101
d)
102
  • 1. No primeiro episódio do programa de terror “Mys-

tery 6”, DongHae (Super Junior) descreve um pesa-

delo que teve durante cinco dias seguidos. Nesse

pesadelo, ele acordava no meio da noite e ...

  • a) Todos os outros integrantes do grupo haviam desa-

parecido.

  • b) Presenciava um assassinato no dormitório do Super

Junior.

  • c) Não conseguia levantar porque um fantasma estava

o pressionando contra a cama.

  • d) Um fantasma o observava do espelho de seu quarto.

4. Adivinhe quem é: “Nasci em Busan, tenho muitos fãs masculinos, já tive carreira solo, sou
  • 2. Qual integrante do TVXQ não pôde participar das

apresentações promocionais de “Rising Sun” após ter

se machucado nos ensaios?

  • a) YunHo

  • b) JaeJoong

  • c) YooChun

  • d) ChangMin

    • 3. De qual grupo Kevin fazia parte antes de entrar

para o U-kiss?

  • a) Xing

  • b) Battle

  • c) Paran

  • d) A’st1

4. Adivinhe quem é: “Nasci em Busan, tenho muitos fãs masculinos, já tive carreira solo, sou
  • 6. Qual integrante da So Nyeo Shi Dae foi pega na

câmera escondida do primeiro episódio da série

“Horror Movie Factory”? E qual foi a única que não

participou do programa?

4. Adivinhe quem é: “Nasci em Busan, tenho muitos fãs masculinos, já tive carreira solo, sou
  • 7. Qual membro do Big Bang aparece vestido de

mulher no clipe de “Dirty Cash”?

4. Adivinhe quem é: “Nasci em Busan, tenho muitos fãs masculinos, já tive carreira solo, sou

21

  • 8. Qual drama foi gravado na mesma aldeia que o

clipe de “Never Give Up”, de Bang YongGuk e Zelo,

do B.A.P?

  • a) “Coffe Prince”

  • b) “You Are Beautiful”

  • c) “Boys Over Flowers”

  • d) “My Girl”

    • 9. Ligue os pares: o episódio 14 do programa “Idol

Army”, apresentado pelo 2PM, contou com a parti-

cipação do SHINee. Na atração, alguns pertences

de cada integrante do SHINee foram colocados em

uma mesa, para que cada membro do 2PM adivinhas-

se qual objeto era de quem. Tente adivinhar você

também:

a) 1. b) 2. c) 3. d) 4. e) 5.
a)
1.
b)
2.
c)
3.
d)
4.
e)
5.
8. Qual drama foi gravado na mesma aldeia que o clipe de “Never Give Up”, de
  • 10. Durante o programa “Wild Bunny”, quais integran-

tes do 2PM não participaram da produção do clipe

das “Dirty Eyed Girls”?

  • a) NichKhun, Jay, TaecYeon e ChanSung.

  • b) NichKhun, WooYoung, JunSu e Junho.

  • c) NichKhun, ChangMin, Junsu e WooYooung.

  • d) Jay, Junsu, NichKhun e JunHo.

    • 11. Qual idol colaborou com a coreografia da músi-

ca “I My Me Mine”, da 4minute?

  • a) HyunSeung (B2ST)

  • b) JongHyun (SHINee)

  • c) WooYoung (2PM)

  • d) EunHyuk (Super Junior)

8. Qual drama foi gravado na mesma aldeia que o clipe de “Never Give Up”, de
  • 12. No clipe da música “Touch”, da miss A, qual inte-

grante aparece em algumas cenas usando fone de

ouvido?

  • a) Jia

  • b) Suzy

  • c) Fei

  • d) Min

    • 13. Adivinhe quem é: “Já morei nos Estados Unidos, sou

rapper, faço parte de um grupo desde julho de 2007

e entrei na banda para substituir outra pessoa. Quem

sou eu?”

8. Qual drama foi gravado na mesma aldeia que o clipe de “Never Give Up”, de
  • 14. Pelo Twitter, o B2ST narrou uma competição de

rámem que aconteceu em seu dormitório. Segundo

YoSeob, quem fez o melhor rámen naquele dia?

  • a) JunHyung

  • b) DooJoon

  • c) DongWoon

  • d) Ele mesmo

    • 15. Qual música fez sucesso na voz do TVXQ e o JJ

Project apresentou em seu teste para entrar na JYP

Entertainment?

14. Pelo Twitter, o B2ST narrou uma competição de rámem que aconteceu em seu dormitório. Segundo
  • 16. Cruzadinha:

    • 1. Grupo de quatro integrantes que fez seu debut em 2010.

    • 2. Nome do meio de Amber, da f(x).

14. Pelo Twitter, o B2ST narrou uma competição de rámem que aconteceu em seu dormitório. Segundo
  • 3. Nome da gata de estimação da cantora BoA, que inspirou uma das músicas de seu primeiro disco.

  • 4. Música que embala as cenas de luta de Tao, no teaser número 15, do EXO.

  • 5. Música com que o INFINITE ganhou seu primeiro prêmio no programa “Inkigayo”, da SBS.

  • 6. Gravou uma música solo com o grupo Sunny Hill e faz parte de uma banda ao lado de três outras cantoras.

Em 2009, a gravadora YG Entertainment se preparava

para lançar uma girlband que até então era conhe-

cida como o “Big Bang feminino”. Quando finalmente

os empresários batizaram o grupo como “To Anyone”,

polêmicas surgiram envoltas ao nome. Já havia um solista

no país que usava o mesmo nome artístico desde 2005.

O cantor além de usar a grafia “To Anyone”, estilizava

o nome de outras formas como “21” e “2NE1”. A grava-

dora se defendeu e afirmou que não fazia ideia de que

o nome já havia sido usado por outro artista. A inten-

ção da girlband era usar o significado “para todos”

(do inglês “to anyone”, em tradução livre), para que a

música das garotas pudesse ser apreciada por qual-

quer pessoa. O conceito, então, evoluiu e passou definir

algo como “nova evolução do século 21”. Apesar das

controvérsias, ficou decidido que o grupo permaneceria

com o nome e seria composto por quatro integrantes:

Bom, Dara, CL e Minzy.

Apenas mais uma girlband?

As garotas da 2NE1 fizeram sua primeira aparição

juntas publicamente ao lado do Big Bang, em um

comercial para o celular Cyon, da LG. O MV da faixa

“Lollipop” usa o conceito do filme “A Fantástica Fabrica

de Chocolate” acrescido de um visual colorido dos

anos 80. Após uma boa recepção dos fãs, a YG Enter-

tainment investiu ainda mais na divulgação do grupo e

liberou novos conteúdos sobre as garotas.

Antes mesmo da estreia oficial, o quarteto conquistou

popularidade. No entanto, era apenas o início e o

grupo teria que mostrar muita dedicação para se des-

tacar entre as demais artistas femininos que começavam

sua carreira naquele ano. 2009 foi considerado “a era

das girlbands”, com promoções de diversos grupos de

garotas durante o ano inteiro.

Prestes a lançar o single “Fire”, as garotas da 2NE1

ainda eram conhecidas como “a versão feminina do

Big Bang”. A estreia definitiva ocorreu no canal SBS, nos

palcos do Inkigayo. O grupo ganhou uma recepção

calorosa e as jovens foram tratadas pela mídia e pelo

público como veteranas do meio artístico.

G-Dragon, do Big Bang, ficou por conta do visual das garotas
G-Dragon, do Big Bang, ficou por
conta do visual das garotas

O single “Fire” foi produzido e escrito por Teddy Park, do

1TYM. A música ganhou duas versões de seu videoclipe:

uma “space”, com um visual futurista, e outra “street”, com

elementos da cultura hip-hop. Os vídeos contaram com

mais de um milhão de visualizações em apenas um dia,

no YouTube.

No dia 14 de junho de 2009, a 2NE1 conquistou seu

primeiro prêmio, o extinto Mutizen, em sua quarta apre-

sentação no programa Inkigayo, da SBS. O sucesso

fez com as garotas repetissem a dose e conquistassem

outro prêmio no mesmo programa, na semana seguinte.

Um grande feito, difícil de ser alcançado até mesmo por

artistas veteranos.

O segundo single do grupo, “I Don’t Care”, foi lançado

no dia 1º de julho. O conceito trouxe uma música mais

leve, com influências do reggae e um visual mais femini-

no. Aos poucos, o grupo se desvencilhava da imagem

de vertente feminina do Big Bang e criava força para

decolar sem ajuda de seus sunbaes.

Durante as promoções de “I Don’t Care”, a banda

se deparou com uma forte concorrência. A girlband

4minute, que havia acabado de fazer seu debut, era

constantemente comparada à 2NE1. Mesmo com estilos

diferentes, a mídia se deliciava ao colocar os dois no-

mes em disputa e provocar richas entre os fãs.

No dia 2 de julho, as garotas ganharam seu próprio

programa na televisão. O reality show 2NE1 TV era

exibido pelo canal MNet e mostrava a rotina do grupo.

O sucesso explosivo rendeu mais duas temporadas do

programa, nos anos seguintes. Para encerrar o ano de

2009 com chave de ouro, as garotas receberam o co-

biçado prêmio de melhor artista estreante pelos canais

KBS, SBS e MBC, e provaram que vieram para ficar.

Voos mais altos

A cada single, a 2NE1 se reinventa e surpreende o público
A cada single, a 2NE1 se reinventa
e surpreende o público

programas musicais. A produção do álbum ficou por

conta de Teddy Park e E.Knock e em apenas cinco dias,

o álbum vendeu 100.000 cópias.

Mas conquistar apenas a Coreia era pouco. No dia 28

de outubro daquele ano, a YG Entertainment revelou

que a gravadora Avex Entertainment iria cuidar da car-

reira do grupo no Japão. A empresa é uma das grandes

responsáveis pela indústria musical na terra do sol nas-

cente e é a casa japonesa de outros artistas coreanos,

como a BoA e o TVXQ. Por lá, o álbum “To Anyone”

ganhou sua versão nipônica.

O grupo estava preparado para promover a música

“Go Away” no país, mas devido aos terremotos que

ocorreram em março de 2011 no Japão, as garotas não

tiveram a oportunidade de se apresentar no famoso

programa Music Station, da TV Asahi. De volta a Coreia,

as garotas mandavam mensagens de incentivo aos fãs

japoneses, pela internet. “Queremos animar o Japão. Nós

passamos pelo mesmo choque e terror do terremoto e

nos sentimos como se fossemos amigos e familiares dos

fãs. Agora, só queremos ajudar a levar alegria para o

país”, disse a líder CL.

O lançamento do primeiro álbum completo, “To Anyone”,

aconteceu no dia 9 de setembro de 2010. O disco

contêm faixas que misturam o R&B, o hip-hop e a música

dance. Dentre as 12 faixas, a gravadora preparou uma

ousada estratégia para o grupo. As garotas iriam pro-

mover não apenas uma, mas três canções do trabalho.

As músicas “Can’t Nobody”, “Go Away” e “Clap Your

Hands” foram trabalhadas simultaneamente, algo que

não ocorre sempre com um artista de k-pop.

A estratégia deu certo e com as promoções de “To

Anyone”, o quarteto levou para casa 11 prêmios em

Em abril de 2011, a gravadora responsável pela 2NE1

anunciou que o grupo faria seu comeback em seu país

natal, nos próximos meses. Enquanto isso, Bom traba-

lhava sua música solo, “Don’t Cry”. Para esse retorno,

mais uma vez o grupo preparou não apenas um, mas

uma série de singles e voltou com tudo para as para-

das musicais coreanas. No dia 12 de maio, a girlband

lançou o primeiro single daquele ano, “Lonely”. A música

possui uma sonoridade mais lenta, explora os vocais das

garotas e prova o talento das quatro cantoras.

Apesar do sucesso, “Lonely” possui um estilo diferente do

que o quarteto costumava promover. Então, para não

se afastar completamente do ritmo que levou a banda

ao estrelato, no dia 24 de junho, as garotas lançam

“I Am The Best”, mais uma produção de Teddy Park. O

lançamento do clipe teve que ser adiado pela dificul-

dade na edição, mas isso não impediu que a música

alcançasse sucesso instantâneo e o primeiro lugar das

paradas coreanas.

“I Am The Best” traz uma batida eletrônica e versos

contagiantes que são facilmente memorizados até

mesmo por aqueles que não dominam a língua coreana.

A resposta do público não poderia ter sido melhor. A

canção se tornou um dos maiores hits da carreira do

quarteto e um hino das pistas de dança, que chegou

até mesmo às boates brasileiras.

Não satisfeitas, a 2NE1 lançava mais um single e ou-

sava mais uma vez em investir em um novo estilo. “Ugly”

é a canção da banda que mais se aproxima do rock.

Com guitarras mais pesadas, a letra traz sentimentos mais

profundos que fizeram com que várias adolescentes

se identificassem com seus versos. Na mesma época,

o grupo promoveu mais uma faixa, “Hate You”, com um

clipe diferente que mostrava as garotas em uma versão

animada.

A estreia nos palcos japoneses finalmente aconteceu

com “I Am The Best”. Durante mais uma estadia no país,

as garotas participaram de programas de televisão e

outras atividades que já estavam programadas antes

do trágico terremoto, que devastou o país.

que o quarteto costumava promover. Então, para não se afastar completamente do ritmo que levou a
que o quarteto costumava promover. Então, para não se afastar completamente do ritmo que levou a

Um grupo criado para a América

Desde o início, a 2NE1 mostrou um estilo musical que

agrada os coreanos, mas sempre focado na exporta-

ção. E para conquistar o mundo, o grupo conseguiu

apoio de Will.I.Am, líder do grupo norte-americano Black

Eyed Peas, famoso por parcerias com Nicki Minaj e Brit-

ney Spears. O americano se encantou com o estilo das

garotas e voou para Coreia para produzir com o grupo.

“Estamos trabalhando para transformar cuidadosamente

2NE1 em superstars, não apenas na Coréia, mas em

todo o mundo”, confessou o astro.

Will.I.Am não ficou apenas na produção e também se

apresentou em um dos maiores eventos de música da

Coreia ao lado da líder do grupo. A premiação M.Net

Asian Music Awards (MAMA) de 2011 ficou marcada

pela apresentação do cantor ao lado de CL. Juntos,

eles cantaram a música “Where Is The Love”, hit do Black

Eyed Peas. A bela combinação dos vocais soul com

versos de rap renderam a dupla o primeiro lugar na lista

de “10 Parcerias Internacionais de 2011”, pela MTV

Iggy.

Will.I.Am deixou os fãs ainda mais agitados quando

anunciou que estava trabalhando em uma parceria com

o quarteto. A 2NE1 colaborou com Will.I.A.m na pro-

dução da faixa “Take The World On” para a empresa

de informática Intel. A música foi usada como um single

promocional para o projeto Intel Ultrabook. Com produ-

ção do americano em parceria com o DJ Poet, o estilo

da faixa resultou em batidas “eletro dance”.

Estilo único

Vários elementos compõem a autenticidade das

garotas da 2NE1. O principal e mais notável deles é o

visual exótico, que atraí olhares do mundo da moda. O

designer americano Jeremy Scott desenhou todo figurino

que a 2NE1 e seus dançarinos irão usar durante a turnê

e não poupa elogios às coreanas. O italiano Roberto

Cavalli também trabalhou com o grupo e produziu as

roupas que as estrelas usaram no clipe da faixa “I Love

You”.

Além de ousarem nos acessórios e no vestuário tão

original, a 2NE1 também possui métodos únicos de se

promover. Desde o início de sua carreira, para consoli-

dar sua popularidade na Coreia, a maioria dos artistas

sempre investem em programas de variedade. O quar-

teto, por sua vez, sempre se manteve distante dessas

atrações, enquanto promoviam diversas canções. A YG

Entertainment justificou a escolha

do grupo ao afirmar que as inte-

grantes são muito tímidas na vida

real e dificilmente iriam se adaptar

a esse tipo de programa. As canto-

ras “manifestam melhor sua energia

no palco, em contato com os fãs”,

explicou a gravadora.

na Ásia, Américas e Europa. A ex-

cursão é fruto da colaboração de

vários coreógrafos e diretores como

Travis Payne, famoso por trabalhar

com Michael Jackson e a diretora

de Beyoncé, Divinity Roxx. A primei-

ra parada da turnê nos Estados

Unidos foi em Nova Jersey, onde

as coreanas conquistaram mais

As quatro coreanas não param por

aí. Este ano elas prepararam um

comeback diferente para os pal-

cos na Coreia. Com um visual mais

adulto e sexy, as estrelas lançaram

o single “I Love You”, uma bela

canção sobre um amor possessivo.

O presidente da YG Entertainment,

Yang HyunSuk, se mostrou satisfeito

com o desempenho da coreogra-

fia sensual do novo hit, mas pediu

para Minzy se conter na dança,

por ela ainda ser menor de idade.

de 7.000 fãs. Os ingressos para o

show de Los Angeles se esgotaram

e, como consequência, as garotas

receberam um prêmio pelo feito na

terra do Tio Sam.

Com apenas três anos de carreira,

a 2NE1 já foi mais longe do que

muitos veteranos. O grupo não

se cansa de se reinventar e de

desafiar a curiosidade do público,

que sempre aguarda ansioso pelos

próximos passos das cantoras. O

carinho que fãs de todo mundo de-

Depois de garantir o sucesso da

canção nas paradas coreanas, a

2NE1 decolou para sua primeira

turnê mundial, “New Evolution”. O

quarteto leva consigo o título de

primeira girlband da nova geração

do k-pop em viajar com seus shows

pelo mundo. Os destinos são dez

cidades de sete países localizados

monstram pelas garotas prova que

o sucesso do quarteto não vai se

limitar apenas a essas grandes con-

quistas. Na canção “Can’t Nobo-

dy”, as garotas deixaram claro que

“ninguém vai conseguir segurá-las”.

Não é difícil mesmo prever que o

estrelado de CL, Dara, Bom e Minzy

esteja apenas começando.

2NE1

Debut: 17 de maio de 2009 Cor oficial: Rosa escuro Fã-clube: BlackJack Gravadora: YG Entertainment (Coreia) e Avex Entertainment (Japão) Fancafe: cafe.daum.net/2NE1 Site oficial: yg-2ne1.com

CL

Lee ChaeRin, mais conhecida

por CL, é a líder da 2NE1. A

rapper nasceu no dia 26 de

fevereiro de 1991, na Coreia

do Sul. Devido à profissão de

seu pai, CL já morou na França

e no Japão, e por isso ela fala

bem o inglês, o francês e o japonês. A cantora treinou na JYP

Entertainment, mas foi na YG Entertainment que consolidou

uma carreira de sucesso com o grupo 2NE1.

Minzy

Gong MinJi nasceu na Coreia

do Sul, no dia 18 de fevereiro

de 1994. Sua maior influência para

seguir a carreira artística veio de

sua avó, Gong OkJin, que foi uma

grande dançarina tradicional co-

reana. A jovem convidada pes-

soalmente pelo presidente da YG

Entretainment, que se encantou pelos talentos da garota

após ver um vídeo na internet.

Dara

Sandara Park nasceu na Coreia

do Sul, no dia 12 de novembro

de 1984. A cantora começou

cedo no mundo do entreteni-

mento tendo atuado como atriz,

modelo e cantora nas Filipinas,

onde morou durante alguns anos. Dara voltou para a

Coreia e fez treinamentos na gravadora YG Entertai-

ment. Chamou atenção no grupo 2NE1 por ousar em

penteados diferentes.

Bom

Park Bom nasceu na Coreia do

Sul, no dia 24 de março de

1984. Em 2006, a cantora fez

participação na música “We

Belong Together”, do Big Bang,

e no clipe-comercial de celular,

“Anystar”, ao de Lee Hyori e Lee JunKi. A voz da cantora é

considerada uma das melhores da Coreia e ela já

lançou dois singles solo, “You And I” e “Don´t Cry”.

Pump the volume

up!

No MV da faixa “Volume Up”, a

maknae da 4minute,

SoHyun, usou

unhas delicadas, mas

que com-

binavam perfeitamente com seu

visual dark no clipe.

Nível de dificuldade: Fácil

Tempo

médio gasto: 20 minutos

Por Melody Kim

O fã de k-pop normalmente adora se inspirar em

seus ídolos para montar seu próprio visual: pen-

teados, roupas e acessórios de k-idols servem

frequentemente para compor o look dos fãs.

Pensando nisso, preparamos alguns tutoriais de

nail art, para que você possa deixar suas unhas

iguais as de grandes astros do k-pop. Acompa-

nhe nossas dicas e deixe seu visual mais pareci-

do com o da SoHyun (4minute), da Minzy (2NE1),

do HongKi (FTISLAND) ou do Ren (NU’EST)!

1.

Material que você vai precisar:

Um esmalte tom grafite

Um esmalte extra brilho

Pedrinhas de strass na cor vermelha

Um palito de laranjeira

 

Pinça

Cola para unhas postiças ou cola

de bijuteria

Algodão

Acetona

2.

Pinte suas unhas com o esmalte

tom grafite. Espere secar.

3.

Com as unhas pintadas e secas,

coloque um pingo de cola na “meia

lua” da unha, na região central.

Passe um pouco de cola também

no strass que deverá ser colado. Em

seguida, coloque-o onde se apli-

cou a cola na unha com o auxílio

da pinça.

Repita o mesmo processo em todas

as outras unhas.

4.

Finalize com uma camada de

esmalte extra brilho e limpe o exces-

so nos cantinhos da unha. Utilize o

palito de laranjeira com o auxílio de

algodão e acetona.

“I Love you

e As resultados, dedicar

unhas

de um deve-se Minzy, atenção

da

2NE1,

cha-

maram

“I muita

clipe

ter no

do

single

Love

You”.

Para

obter

bons

paciência

tempinho

do

seu dia

para fazer essa nail

art.

Nível de dificuldade: Médio

Tempo médio

40 minutos

gasto:

”

Você sabia?

1.

Material que você vai precisar:

Um esmalte vermelho

Um esmalte preto

Um esmalte branco

Um esmalte de glitter dourado

Palito de dente

Palito de laranjeira

Algodão

Acetona

2.

Pinte suas unhas com esmalte de

tom vermelho.

Com o pincel molhado no esmalte

preto, faça desenhos de pequenos

triângulos, em todas as unhas, ex-

ceto no dedo indicador. Nele, será

desenhado uma linha transversal.

3.

Com o pincel molhado no es-

malte de glitter, passe-o em volta

do esmalte preto. O brilho ajuda a

corrigir alguns erros do desenho do

triangulo e da linha.

4.

Com um palito de dente desenhe

as flores brancas. Para fazer o miolo,

use o esmalte de glitter dourado

pingando bolinhas no meio da flor.

Para finalizar passe o óleo secante

em esmalte ou em spray.

Você sabia que na antiguidade a cor do esmalte defi-

nia a classe social de homens e mulheres que o usavam?

Na China, durante a Dinastia Zhou 7 a.C. apenas a

família real podia usar um tipo de pasta dourada ou

prateada nas unhas. Tempos depois, as cores preto e

vermelho passaram a representar a realeza. Já no Egito,

as mulheres de classe menos favorecidas estavam auto-

rizadas a usar unhas pintadas em tons mais claros.

Foi só em 1925 que o esmalte passou a ser fabricado

como estes que usamos hoje em dia.

Nail art o personalizada

HongKi,

frontman

do FTISLAND, não

deixa de pintar

suas unhas.

Quando

não tem tempo

de ir à manicure, ou

quando quer trabalhar

a criativi-

dade, ele mesmo

faz suas

unhas. O

cantor já usou até mesmo

em suas

unhas um diamante

em formato

de

estrela, avaliado

em aproximada-

mente R$16.000. Essa nail art

foi uma

das que o músico inventou.

É simples

e rápida de se fazer.

Nível de dificuldade:

Fácil

Tempo médio

gasto:

20 minutos

1.

Material que você vai precisar:

Um esmalte Branco

Um esmalte preto

 

Base

Palito de laranjeira

Algodão

Acetona

2.

Passe uma camada de base em

todas as unhas.

Use o esmalte branco dando

leves batidinhas nas unhas dos de-

dos polegar, indicador e mindinho.

3.

Repita o processo com o esmalte

preto nas mesmas unhas em que

usou o esmalte branco.

4.

Finalize a nail art com óleo se-

cante em pincel ou spray. Limpe os

cantinhos das unhas com o auxílio

de uma acetona e algodão.

A 1Carat é um “salão de

unhas”, localizado na capital

coreana, Seul. Diversos artis-

tas como HongKi (FTISLAND)

e Sulli (f(x)) frequentam o

local. Lá você pode deco-

rar suas unhas com diversas

pedras preciosas, inclusive

diamantes.

o HongKi, frontman do FTISLAND, não suas unhas. Quando de ir à manicure, ou quando

Unhas

A cobiçadas mas

As

unhas

de

Ren,

do

NU’EST,

não

a o passaram

despercebidas

durante

teaser

de

Face,

MV

de

debut

do

grupo.

As

unhas

foram

uma

verdadeira

atração,

sendo

das

uma

mais

procuradas

pelos

fãs

de

k-pop.

maior

dificuldade

de

fazer

nail

art

fica

por

conta

dos

de-

senhos,

dedicação

com

você

consegue deixar suas unhas bem

parecidas com a do cantor.

Nível de dificuldade: Difícil

Tempo gasto:

60 minutos

1.

Material que você vai precisar:

Um esmalte branco

Um esmalte preto

Pincel para unha número 000

Palito de laranjeira

Algodão

Óleo secante ou spray

2.

Passe esmalte branco nos dedos

polegar e médio esmalte preto nos

dedos indicador, anelar e mindinho.

No dedo indicador, com um pincel,

desenhe uma estrela com o esmalte

 

branco.

3.

No dedo mindinho, faça movimen-

tos de risco de baixo para cima com

o esmalte branco.

4.

No dedo médio, use o pincel mo-

lhado no esmalte preto para fazer a

demarcação da meia lua e faça os

riscos xadrez.

No dedo anelar, pinte a meia lua da

unha de branco com o pincel fino e

em seguida desenhe uma estrelinha

na ponta da unha.

5.

Com um pincel, desenhe um “M” no

polegar com o esmalte preto.

6.

Cubra o restante com o esmalte

preto. Limpe os cantinhos da unha e

passe o óleo secante em esmalte ou

em spray.

Por Lily Park

Em abril de 1997, a Daesung Entertainment (atual DSP

Media) debutou seu primeiro idol group, o SechsKies. Di-

ferente do atual método de seleção de trainees, cada

integrante foi escolhido de uma forma distinta.

Eun JiWon e Kang SungHoon foram selecionados quan-

do o vice-presidente da gravadora os viu dançando

em uma boate no Havaí. Kim JaeDuc e Lee JaeJin faziam

parte de um grupo, na cidade de Busan, chamado Qui-

cksilvers. JaeDuc foi então descoberto por Juno, do Seo

Taiji and The Boys, que pensou em chamá-lo para fazer

parte do The Young Turks Club, mas mudou de ideia e o

indicou para a Daesung Entertainment.

Por lá, JaeDuc convenceu a gravadora a contratar seu

amigo JaeJin. Ko JiYong também foi selecionado através

de uma indicação, mas de SungHoon, seu amigo de es-

cola. Jang SuWon foi o único que entrou para o grupo

por meio de uma audiction.

O nome SechsKies originalmente significava “bastardo”,

mas o nome ousado não agradou muito o público. A

gravadora decidiu então usar o signicado da pro-

nuncia alemã , que quer dizer algo como “seis pedras/

cristais”. O sexteto também era conhecido por diversos

“apelidos” como 6Kies, Jekkies e Jackys. Denomina- ções foram criadas para diferenciar e dividir o SechsKies
“apelidos”
como 6Kies,
Jekkies e Jackys.
Denomina-
ções foram
criadas para
diferenciar
e dividir o
SechsKies em
dois gru-
pos: o Black
Kies, com os
SechsKies
integrantes
Debut: 15 de abril 1997
mais velhos e
Separação: 18 de maio de 2000
responsáveis
Fã-clube: D.S.F
pelos raps; e
Cor: Amarelo
o White Kies,
com os mais

jovens da banda que se dedicavam mais aos vocais.

As músicas do primeiro disco do grupo, “Hak Won Byul

Gok”, não alcançaram bons resultados nas paradas. O

não agradou a crítica, que o chamava frequentemente

de “réplicas do H.O.T”. Estava declarada a rivalidade

entre o SechsKies e o quinteto da SM Entertainment. As

canções, o visual e as coreografias dos dois grupos

eram colocados em pauta para as discuções entre seus

fãs.

Musicalmente, porém, o SechsKies se diferenciava do

H.O.T por apostar mais no hip-hop, enquanto o time

liderado por Moon HeeJun investia, naquele ano, em

bases mais eletrônicas, com o hit “We Are The Future”. O

sexteto, por sua vez, usava o conceito de que “conse-

guiria se diferenciar dos demais artistas pop ao investir

em diferentes talentos e estilos musicais”.

Aos poucos, o grupo conquistava um número cada vez

maior de fãs. Como consequência do sucesso, o con-

junto realizou em seu ano de debut sua primeira fanme-

eting e foi convidado para se apresentar no “SBS Super

Concert”, em Los Angeles, nos Estados Unidos.

“Welcome To The Sechskies Land”, o segundo disco de

estúdio da banda, foi lançado ainda em 1997, com o

single “Kisado”. Com o reconhecimento vieram também

os primeiros prêmios para o grupo. A popularidade dos

seis jovens aumentava cada vez mais e, no dia 21 de

dezembro daquele ano, o SechsKies realizou seu primei-

ro show na Coreia.

No início de 1998, o sexteto estrelou o musical “Alibaba

e os 40 Ladrões”, entre os dias 25 de abril e 5 de maio.

Dois meses depois, a banda lançou o disco “Road

Fighter”, com a produção assinada pelo líder JiWon. Se

desde seu primeiro lançamento, o SechsKies já havia

conquistado o público, com esse novo trabalho o sex-

teto conseguiu se firmar de vez dentre os mais populares

artistas da Coreia.

Pegando carona no sucesso e mesmo com a agenda

lotada, a banda aproveitou para lançar seu primeiro fil-

me, “Seventeen”. Um dos maiores hits do grupo, “Couple”,

foi lançado na trilha sonora do longa. O final de 1998

foi glorioso para a banda, que faturou diversos títulos

nas premiações de fim de ano, incluindo o Daesang.

O SechsKies começou 1999 com o status de um dos

maiores artistas da Coreia. Apesar do sucesso, rumores

apontavam que as exaustivas condições de trabalho

dos jovens estariam os levando para a separação da

banda. Apesar de fragilizado, o sexteto voltou para o

estúdio e lançou seu quarto disco, “Com’ Back”, que

contou com a produção dos integrantes. As promoções,

porém, não duraram muito. A situação da DSP Media

não era das melhores e gravadora havia se envolvido

em controvérsias. Até que às 14h do dia 18 de maio

de 2000 o SechsKies realizou uma coletiva de imprensa

para anunciar seu afastamento como grupo do cenário

da música pop coreana. Emocionados, os integrantes

anunciaram seus futuros planos. Apenas JiWon e SungHo-

on manifestaram desejo de continuar na música. JaeDuc

e JaeJin afirmaram que talvez permanecessem na DSP

Media, como instrutores de dança. JiYon, contou que

gostaria de se tornar um ator, enquanto SuWon parecia

receoso em permanecer sob os holofotes.

O disco “Blue Note” foi o último lançamento do grupo

e que a apresentação no “Dream Concert 2000” fosse

a última vez que o SechsKies subiu ao palco como uma

banda. Anos depois, o líder JiWon demonstrou desejo

de reunir o grupo, mas alguns integrantes seguiram cami-

nhos bem diferentes.

O ex-líder do SechKies, é o

integrante que mais figura na

mídia depois do fim do grupo.

Além de lançar discos como

artista solo, JiWon também

gravou de filmes, novelas e

programas de variedade. Atualmente ele participa do drama

“Reply 1997”, que retrata a juventude dos anos 90 e o fanatismo

dos adolescentes pelos grupos da época, como o H.O.T e, claro,

o SechsKies.

SungHoon era o vocalista

principal do Sechskies e seus

vocais eram comparados aos

de KangTa, do H.O.T. Chegou

a lançar alguns trabalhos

como artista solo, mas não foi

tão bem sucedido como JiWon. Recentemente, o artista se

envolveu em escandalos causados por dívidas financeiras e

chegou a ser preso.

Apesar de ter se lançado

como artista solo, JaeJin teve

sua carreira ofuscada por seus

problemas pessoais. O cantor

perdeu cada um de seus pais

em dois anos consecutivos,

logo antes de se alistar no exército. Lá, ele teve dificuldades de

se adaptar ao treinament, por sofrer de depressão, e chegou a

ficar desaparecido, quando tentou escapar de lá. Hoje, JaeJin

investe em outro talento, o de trabalhos com design e animação.

Como anunciou na coletiva de

imprensa sobre fim do SechsKies,

JiYong tentou investir na carreira

de ator. Porém, não demorou

muito até que o artista decidis-

se deixar a indústria do entrete-

nimento coreano. Hoje, ele vive em Los Angeles, nos Estados

Unidos e parece não gostar de relembrar seu passado no

grupo, se recusando até mesmo a dar autógrafos.

JaeDuc formou a dupla J-Walk

com SuWon, com quem che-

gou a lançar alguns discos.

Ele interrompeu a carreira

para prestar o serviço militar

obrigatório para todo homem

coreano. No exército, se tornou grande amigo de seu ex-rival

Tony Ahn, do H.O.T, com quem divide um apartamento hoje.

O maknae formou a dupla J-Walk

com JaeDuc. Ao lado do colega,

contribuiu para a formação da

banda Click-B. Ainda no J-Walk,

uniu forças com o Click-B para a

formação do JnC. Depois, abriu

uma loja de roupas na internet e ocasionalmente faz partici-

pações na TV, ao lado de JiWon ou JaeDuc.

A T-ara começou sua carreira em 2009, com cinco

integrantes. Com o passar do tempo, algumas garo-

tas deixaram a banda e outras foram adicionadas. A

frequente adição de membros ao grupo sempre foi algo

que gerou controvérsias. Além disso, polêmicos rumores

sobre a vida pessoal das integrantes eram espalhados

pela internet.

Contudo, a T-ara conseguiu conquistar um lugar de

destaque na indústria da música pop coreana. Os hits

dançantes das garotas caíram no gosto do público. O

primeiro semestre de 2012 foi um dos mais bem suce-

didos na carreira do grupo, que conquistou diversos

prêmios em programas musicais e ganhou espaço em

outros países asiáticos, como o Japão.

Até que um incidente fez com que toda a Coreia e fãs

de k-pop do mundo todo voltassem os olhos para o

grupo, mas dessa vez, não foi uma coreografia ou um

hit que chamou a atenção. Tudo começou durante as

promoções do single “Day By Day” quando a T-ara

esteve no Japão para realizar um show nos dias 25 e 26

de julho, no estádio Budokan, conhecido por receber

grandes shows de rock. E foi essa apresentação que

serviu de estopim para a polêmica.

34

Como tudo começou

Por Lily Park

No dia do show, a integrante HwaYoung, que entrou

para o grupo em julho de 2010, estava em uma cadei-

ra de rodas, após ter machucado sua perna durante