Você está na página 1de 43

ODONTOLOGIA

MORFOFUNCIONAL

Prof .: William Ribeiro


CRO -RJ 17381
Ementa
 Estudo da anatomia e histologia do complexo
dentino-pulpar
 Estudo do periodonto e dos dentes permanentes
e decíduos.
 Estudo da embriologia e topografia facial.
 Prática laboratorial de Escultura Dental.
 Prática laboratorial de Histologia Dental.
Bibliografia
 TEIXEIRA/REHER, Lucilia/Peter. Anatomia
Aplicada à Odontologia Ed.2.ª Guanabara
Koogan,2008
 SOBOTTA, J. Atlas de Anatomia Humana:
Tronco, vísceras e extremidade inferior. 22.ed.
Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006.
 MOORE, Keith L.; M. R. AGUR, Anne.
Fundamentos de Anatomia Clínica. 2a ed. Rio de
Janeiro: Guanabara Koogan, 2013.
 KATCHBURIAN/ARANA, Eduardo/Victor.
Histologia e Embriologia Oral - Texto - Atlas -
Correlações Clínicas Ed.3.ª Guanabara
Koogan,2012
Cronograma

 1 ª avaliação : 07/04
• 70% prova
• 30% atividades/ prova/teste....

 2ª avaliação: 09/06
• 70% prova
• 30% atividades/prova/teste

 Prova substitutiva: 23/06


Introdução a anatomia dental
 Parte da anatomia humana que estuda os dentes
e sua organização

 Dentes: sistema complexo ( Estomatognático)


 Função: Mastigação
Introdução a anatomia dental
Sistema Estomatognático

 Ossos da face e do crânio


 Dentes e periodonto
 Gl. Salivares
 Articulações
 Músculos
 Vasos sanguíneos e linfáticos
 Sistema nervoso
ÓRGÃO DENTAL
 DENTE
 PERIODONTO
 Gengivas
 Ligamento periodontal, cemento e Osso alveolar
DENTES
 É considerado histologicamente um órgão/ vários
tecidos diferentes

 Implantados nos ossos alveolares ( Mandíbula e


maxila)

 Formam arcos dentais : SUPERIOR E INFERIOR


Classificação
DIFIODONTE: duas gerações de dentes

 Dentição DECÍDUA
 Dentição PERMANENTE
DENTIÇAO DECÍDUA
 Guia para a erupção dos dentes permanentes

CURIOSIDADE : perda precoce dos decíduos causa uma série de problemas:


a) NA FALA: prejudica a dicção e pode levar à dificuldade de aprendizagem durante a alfabetização;
b) NA DEGLUTIÇÃO: prejudica a mastigação, dificultando o processo de digestão do alimento;
c) NO DESENVOLVIMENTO: prejudica a erupção dos permanentes, facilitando o apinhamento
dental (dentes tortos) etc.
DENTIÇAO DECÍDUA
DENTIÇAO PERMANENTE
Função
 Mastigação
 Preensão
 Incisão Ativas
 Dilaceração
 Trituração

 Estética
 Sustentação tecidos passivas
 Fonação
 Oclusão
ANATOMIA
ANATOMIA
DESCRITIVA HISTOESTRUTURAL
ANATOMIA DESCRITIVA
 COROA DENTAL:
 Parte visível, recoberta pelo esmalte.
 1/3 do comprimento total
 Dentes anteriores (coroa pentaédrica)
 Dentes posteriores (coroa cubóide)

 COLO:
 “Linha” (linha cervical) sinuosa entre esmalte e o
cemento
 Visível no dente isolado
ANATOMIA DESCRITIVA
RAIZ:
 Implantada nos alvéolos da maxila e mandíbula /não visível
 Revestida pelo cemento, dando-lhe coloração amarelada,
textura rugosa
 2/3 do comprimento total
 Morfologia variável
 Fixa-se nos ossos por ligamentos (periodonto)
ANATOMIA HISTOESTRUTURAL
 Esmalte, dentina e cemento : tecidos duros que
formam a estrutura calcificada do dente
 Mais duro que tecido ósseo
 POLPA: inervação e vascularização
 Ligamento Periodontal: suporte mecânico
ANATOMIA HISTOESTRUTURAL
 ESMALTE:
 Tecido duro que reveste a dentina, resistente ao desgaste
 Permite a mastigação (oclusão)
 Translucido: o esmalte deixa transparecer a cor
amarelada da dentina / branco- amarelada
 Espessura variável
 Próximo ao colo há menos esmalte (+ amarela)
ANATOMIA HISTOESTRUTURAL
 DENTINA:
 Principal e mais volumoso tecido duro
 Estrutura interna
 Constitui a forma continua da coroa, colo e raiz
 Revestida externamente pelo esmalte e cemento
ANATOMIA HISTOESTRUTURAL
 CEMENTO:
 Tecido duro que Reveste a dentina radicular
 Faz parte do periodonto de inserção junto com fibras do
ligamento e o osso alveolar
 Próximo a raiz, a cavidade pulpar e formada
exclusivamente pelo cemento
 Forame apical
ANATOMIA HISTOESTRUTURAL
 POLPA:
 tecido mole do dente, presente na cavidade pulpar
 Tecido embrionário ( tecido conjuntivo)
 Vascularizada e inervada
 Ondontoblastos: células responsáveis pela
formação da dentina
COR DOS DENTES
 Influenciado por vários fatores:
 Mineralização
 Região do dente
 Esmalte : esbranquiçado
 Dentina: amarelada, principal resp. pela cor do dente
 Polpa: influencia na cor da coroa

 Tipo de dente
 Idade
 Refração da Luz
 Tabagismo
NOMEMCLATURA
NOTAÇAO DENTAL
 Notação gráfica ( em barras) , em desuso
 Notação F.D.I ( Federation Dentarie Internationale)
NOTAÇAO DENTAL
TERMOS DE POSIÇÃO E DIREÇÃO
 SENTIDO VERTICAL: Descreve a coroa de um dente

 OCLUSAL ( INCISAL) : porção da coroa que se relaciona com


plano oclusal
 Exemplo: molares face oclusal
Incisivos  borda oclusal (incisal)

• CERVICAL: porção da coroa que se continua com colo e raiz


• Linha cervical

Para descrever RAIZ de um dente , usa-se:

• CERVICAL: com relação a coroa  parte da raiz que se continua com o


colo e a coroa

• APICAL: parte final da raiz, onde se localiza o forame apical


FACES
TERMOS DE POSIÇÃO E DIREÇÃO
 SENTIDO HORIZONTAL: não há diferença entre os
termos coroa ou da raiz

 VESTIBULAR: voltada para o lábio e bochechas


 LINGUAL( PALATINA): voltada para a língua ou palato

FACES LIVRES: NÃO MANTEM CONTATO COM OUTROS DENTES


TERMOS DE POSIÇÃO E DIREÇÃO
 SENTIDO HORIZONTAL: não há diferença entre os
termos coroa ou da raiz.

 MESIAL : estruturas próximas a linha média


 DISTAL: estruturas voltadas para fora da linha media

DISTAL 21 / MESIAL 23
Anatomia aplica a odontologia . Reher et al, 2013