Você está na página 1de 3

2.

CONTEUDO

2.1. Definição do Estado

O termo de Estado (vem do palavra latim “status” que significa o modo de estar, situação ou
condição) ou segundo a materia de Propredeutica de Direito “Estado é uma comunidade humana
que considera como povo que é politicamente organizada, com um poder político que é soberano
e reconhecido e estabelecido num determinado território.

2.2. Elemento de Estado

O estado e constituida por três elementos importantes, such as: O povo, territórios (definidos) e o
poder politico soberano (é um símbolo altamente emocional, é uma autoridade superior que não
pode ser limitada por nenhum outro poder) e reconhecido. O povo é o conjunto de sujeitos
cidadãos ou nacionais de cada Estado, isto é, ligado a certo Estado por um vínculo jurídico de
nacionalidade; Portanto, o povo de um Estado é composto por os sidadãos de que é origem desta
nação e outros que vem do estrangeiro. O território é o Segundo element do conceito do Estado.
O Estado é o espaço certo e delimitado onde se exerce o poder do governo sobre os indivíduos
que ai habitam. O territorio devide-se em três partes, such as: território terrestre que cobre o solo
e susolo. O territorio aéreo e o território de marritimo. A função do território é tripla: constitui
uma condição de independência nacional; circunscreve o âmbito do poder soberano do Estado; e
representa um meio de actuação jurídico-politica do Estado. Poder politico é o terceiro elemento
do conceito de estado, que pode ser definido como a faculdade de que é titular um povo de, por
autoridade própria, instituir órgãos que exerçam, com relative autonomia, a jurisdição sobre um
território, nele criando e executando normas jurídicas, usando os necessários meios de coacção.
Portanto, um Estado soberano , deve possuir um poder politico( soberano) – um governo, um
povo e um território definido.

2.3.Formas de estado

Na tradicional classificação dos diferentes tipos de estado encontramos uma que distingue entre
entados unitários, estados compostos e estados e estados confederação.

Material do propriedeutica do direito do primeiro ano da faculdade direito


Capitulo 4; paj 3\
O Estado unitário é um estado dotado de uma única constituição e as grandes instituições, como
as forças armadas, as forças policiais, o Sistema prisional; o estado unitario tambem ter 3 (três)
partes de separação dos poderes, such as:

a) Centralização absoluta poder – não ha qualquer divisão das competencias nem autonomia
em relação a qualquer tipo de colectividade ou estrutura social, administrative e política;
b) Desconsentração é uma repartição das competencias entre órgãos administrativos centrais
e serviços ou departamentos da administração pública;
c) Descentralização – a competência é exercida por órgãos próprios em regra eleitos (Ex:
Câmaras municipais e Assembleia municipais).

Os Estados compostos são Estados formados por Estados em que há uma pluralidade de centros
de impulção política. o principal tipo de Estado de compost é o Estado federal, que resulta de um
pacto entre differentesEstados Unitários fundadores que renunciam a uma parte da sua soberania
e a “alienam” em benefício do Estado, o que significa que aqueles Estados se transformam em
Estados Federados. Esta transformação implica uma delimitação das atribuções do Estado
Federal que possui em regra compêtencias ao nivel das relações externas, da defesa nacional e,
necessáriamente das finanças (orçamento) e das receitas inerentes àquelas compêtencias.

No entanto, em paralelo, os estados Federados continuam a manter uma estrutura política


própria, uma constituição política, uma organização do poder e uma estrutura jurídica próprias.

Os Estados Confederações são Estados que formadas por Estados soberanos que determinam a
prossecução de certas atribuções em comum com outros estados sem colocarem em causa a sua
independendência e a sua soberania.

2.4.Objectivos do Estado

Qualquer Estado têm os seus objectivos previstos ou consagrados e fixados na sua constituição.
Para alcançar esses objectivos, o estado, através do poder politico soberano e
reconhecido(interno e internacionalmente) deve desenvolver actividades permanents nos
diversos sectores para alcançar os objectivos préviamente estabelecidos na constituição da
república.

2.5.Funções do Estado

Material do propriedeutica do direito do primeiro ano da faculdade direito


Capitulo 4; paj 3\
Para prosseguir os objectivos constitucionalmente atribuidos ao Estado, o poder politico tem de
desenvolver actividades permanents e constants que são as funções do Estado. As funções do
Estado não se encontram todas no mesmo plano. Antes de mais, o poder politico define as regras
essenciais da existência colectiva e da sua própria organização a lei fundamental ou das leis, a
constituição – exendo o poder constituinte. A condição condiciona o desempenho das outras
funções do Estado. As funçoes do Estado divide-se em quarto partes: função politica, função
legislative, função jurisdictional e função administrativa.

a) Função politica traduz-se na definição e prossecução pelos órgãos do poder político dos
intereses essenciais da colectividade, realizando, em cada momento, as opções para efeito
consideradas mais adequadas.
b) Função legislative que corresponde à prática de actos com conteúdo politico, mas que
provenham dos órgãos constitucionalmente competentes e revistam a forma externa de
Lei.
c) Função jurisdictional do Estado consiste no julgamento de litígios, resultantes de
conflitos de

Material do propriedeutica do direito do primeiro ano da faculdade direito


Capitulo 4; paj 3\