Você está na página 1de 18

PREPARATÓRIO RADIOLOGIA

Caderno de Questões e
Gabaritos
RADIOLOGIA

Organizado por: Wallison Dutra | Preparatório Radiologia | Uberlândia | 2016


Apresentação
O Preparatório Radiologia nasceu da necessidade de ter disponível de maneira
fácil, rápida e com qualidade materiais de estudos e informações para a
preparação de candidatos à concursos públicos e processos seletivos visando
vagas para técnicos e tecnólogos em radiologia.

As primeiras turmas presenciais foram em Uberlândia, no ano de 2015, visando


qualificar candidatos ao concurso da Fundasus (Fundação Saúde do Município
de Uberlândia).

Temos feito um trabalho com muito empenho e bons resultados em nossa


página no Facebook (www.facebook.com.br/preparatorioradiologiaudia) e em
grupos de estudos no WhatsApp.

Desejo que esse material seja de grande ajuda em seus estudos e que você
obtenha excelentes resultados!

Wallison Dutra.
Introdução
Esse material foi elaborado com o intuito de oferecer questões devidamente
gabaritadas para estudos e preparação à candidatos que visam vagas em
concursos públicos e processos seletivos para técnicos e tecnólogos em
radiologia.

Desejo bons estudos e sucesso a todos!


Questões (1 a 50)¹
¹ Questões retiradas de materiais disponibilizados na internet sem autoria descrita para as devidas considerações.
01. Os raios X são radiações: 08. As radiografias digitais para
A) eletromagnéticas serem obtidas utilizam um sistema de
B) mecânicas armazenagem através de:
C) ressonânticas A) manganês
D) elásticas B) gelatina
C) xenônio
02. Os raios X podem ser produzidos D) fósforo
por feixes de:
A) prótons 09. Para gerar radiografias diagnósticas
B) nêutrons de alta qualidade é necessário:
C) elétrons A) controle de pacientes adequados
D) átomos B) seleção das regiões do corpo
C) controle na identificação do paciente
03. O tubo de raios X contém um D) controle de dispersão
filamento de:
A) chumbo 10. A radiografia em tempo real é
B) cobre denominada de:
C) alumínio A) radiografia endoscópica
D) tungstênio B) radioscopia
C) radiossonografia
04. O tubo de raios X é totalmente D) radiocinesia
circundado por:
A) chumbo 11. Os requerimentos técnicos
B) cobre necessários para um sistema de
C) alumínio mamografia moderno objetivam
D) tungstênio visualizar:
A) lesões grandes e de baixo contraste
05. O gerador que fornece a energia B) lesões grandes e de alto contraste
necessária para o tubo de raios X é de: C) detalhes pequenos e de baixo
A) baixa voltagem contraste
B) média voltagem D) pouco detalhe e com nenhum
C) alta voltagem contraste
D) voltagem escalonada
12. A tomografia computadorizada
06. O filme radiográfico é uma folha
permite imagens sem reconstrução
a base de:
em cortes:
A) celulose
A) transversais
B) poliéster
B) sagitais
C) gelatina
C) oblíquos
D) fósforo
D) longitudinais
07. Os cristais usados na emulsão do
filme radiográfico convencional são 13. Os fatores que determinam a
compostos de bromo de: qualidade de imagem são:
A) prata A) contraste, ruídos e resolução
B) iodo espacial
C) bário B) contraste, ruídos e resolução axial
D) fósforo
C) contraste, limiar de irradiação e A) BIRADS
resolução espacial B) SCOUT
D) contraste, limiar de irradiação e C) CONTER
resolução axial D) ALARA

14. Qualquer componente de sinal de 20. O chumbo padrão de 5 mm reduz


uma imagem que não contém a exposição à radiação em:
informação útil chama-se: A) 65%
A) interferência B) 75%
B) ruído C) 85%
C) borramento cinético D) 95%
D) indefinição
21. Marque o período em que o feto é
15. A habilidade de uma imagem em mais sensível aos efeitos da radiação.
produzir fielmente pequenos detalhes A) dois a cinco dias
chama-se resolução: B) duas a cinco semanas
A) axial C) cinco a sete semanas
B) integral D) oito a quinze semanas
C) sagital
D) espacial 22. No estudo contrastado do trato
gastrintestinal com duplo contraste
16. Os efeitos prejudiciais da radiação utiliza-se normalmente:
ionizante podem ser classificados em: A) iodo e ar
A) estáticos e dinâmicos B) ar e bário
B) estáticos e determinísticos C) iodo e bário
C) estocásticos e determinísticos D) bário e água
D) estocásticos e dinâmicos
23. O bário é contraindicado no
17. O efeito que está associado com estudo contrastado do trato
um limiar de irradiação abaixo do gastrintestinal quando se suspeita de:
qual não é observado chama-se: A) história alérgica
A) determinístico B) edema intestinal
B) dinâmico C) perfuração intestinal
C) estocástico D) fístula traqueo-esofágica
D) estático
24. As estruturas que rotineiramente
18. As doses ocupacionais médias são estudadas durante uma EED são:
efetivas a que radiologistas e técnicos A) esôfago, estômago e duodeno
de raios X são expostos, são B) esôfago, piloro e duodeno
respectivamente: C) estômago, piloro e duodeno
A) 0,31 miliSieverts e 0,66 miliSieverts D) estômago, duodeno e íleo
B) 0,71 miliSieverts e 0,96 miliSieverts
C) 0,91 miliSieverts e 0,66 miliSieverts 25. O meio de contraste utilizado em
D) 0,99 miliSieverts e 0,96 miliSieverts fistulografia é:
A) dissolúvel
19. O princípio que se refere à menor B) lipossolúvel
exposição à irradiação que se pode dar C) hidrossolúvel
aos pacientes, aos trabalhadores da D) insolúvel
saúde e ao público em geral chama-se:
26. O critério usado para avaliar uma
32. O teste radiográfico mais sensível
radiografia de tórax com inspiração
adequada é a contagem de: para cálculos do trato urinário é:
A) costelas descobertas das cúpulas A) radiografia simples
diafragmáticas B) radiografia contrastada
B) vértebras descobertas das cúpulas C) ultrassonografia
diafragmáticas D) tomografia computadorizada
C) vasos descobertos das cúpulas 33. Os componentes do disco
diafragmáticas intervertebral são:
D) seios costofrênicos descobertos das A) núcleo cartilaginoso e anel
cúpulas diafragmáticas calcificado
27. No método de Towne, qual a B) núcleo calcificado e anel
angulação do raio central no sentido cartilaginoso
caudal em relação à LOM? C) ânulo pulposo e núcleo fibroso
A) 25° D) núcleo pulposo e ânulo fibroso
B) 30° 34. O mielograma é um método
C) 35° invasivo de avaliação do conteúdo de:
D) 37° A) medulares dos ossos longos
B) canais vertebrais
28. A preferência de radiografias de C) forames cranianos
tórax em PA ao invés de AP deve-se à D) forames intervertebrais
menor distorção do tamanho do(s):
35. A imagem em cachorro do corpo
A) pulmões
vertebral é formada em radiografias:
B) coração
A) oblíquas
C) hilos
B) antero-posteriores
D) vasos
C) tangencias
D) laterais
29. Sacos cheios de ar em forma de
cachos de uvas na extremidade das 36. As radiografias oblíquas
vias aéreas distais são chamados de: bilaterais cervicais podem ser
A) alvéolos adicionadas para visualizar:
B) brônquios A) o forame neural e as articulações
C) bronquíolos facetarias
D) cissuras B) o forame neural e o espaço discal
C) o espaço discal e as articulações
30. A incidência ápico-lordótica do facetarias
tórax projeta as clavículas: D) os processos espinhosos e
A) sob os ápices pulmonares transversos
B) sobre os ápices pulmonares
37. A posição do nadador é utilizada
C) nos ápices pulmonares
para visualizar a vértebra cervical:
D) entre os ápices pulmonares
A) C3
31.A radiografia compressiva realizada
B) C5
durante a urografia excretora tem como C) C7
objetivo melhor visualização dos: D) C9
A) sistemas coletores
B) parênquimas renais 38. O número de pares de raízes
C) vasos renais nervosas cervicais é:
D) gases intestinais A) dois
B) quatro A) decúbito ventral
C) seis B) decúbito dorsal
D) oito C) ortostase
D) decúbito lateral
39. A vértebra T1 pode ser facilmente
identificada na incidência em: 45. A incidência de Water é também
A) AP chamada de:
B) Perfil A) mento-naso
C) Oblíqua B) fronto-naso
D) Axial C) perfil
D) axial
40. As articulações de Van Luschka
também são conhecidas como 46. A incidência fronto-naso estuda
articulações: com melhor precisão os seios:
A) intervertebrais A) frontais e maxilares
B) uncovertebrais B) frontais e etmoidais
C) interespinhosas C) frontais e esfenoidais
D) interapofisárias D) etmoidais e maxilares
47. As mastóides são mais bem
41. O estudo da invaginação avaliadas por:
vertebro-basilar estuda a transição: A) radiografias convencionais
A) lombo-sacra B) radiografias digitais
B) crânio-cervical C) tomografia computadorizada
C) dorso-lombar D) ressonância magnética
D) dorso-cervical
48. Radiografias para avaliação de
42. A uretrocistografia realizada em escoliose devem ser realizadas em:
crianças tem como principal objetivo A) decúbito lateral
avaliar: B) decúbito dorsal
A) bexiga neurogênica C) decúbito ventral
B) uretrites adquiridas D) ortostase
C) refluxo vesico-ureteral
D) má formação renal congênita 49. Os ossos Wormianos apresentam-
se no(a):
43. As incidências realizadas em uma A) face
mamografia de rotina são: B) mastoide
A) crânio-oblíqua e médio-caudal C) calota craniana
B) crânio-medial e oblíqua-caudal D) base craniana
C) crânio-caudal e médio-axial-oblíqua
D) crânio-caudal e médio-lateral- 50. A incidência obturatriz é
oblíqua realizada para o estudo do:
A) quadril
B) ombro
44. As radiografias dos seios da face
C) cotovelo
com o objetivo de avaliar níveis
D) punho
líquidos são realizadas em:
GABARITO QUESTÕES
TÉCNICO EM RADIOLOGIA

01- A 18- B 35- A


02- C 19- D 36- A
03- D 20- D 37- C
04- A 21- D 38- D
05- C 22- B 39- A
06- B 23- C 40- B
07- A 24- A 41- B
08- D 25- C 42- C
09- D 26- A 43- D
10- B 27- B 44- C
11- C 28- B 45- A
12- A 29- A 46- B
13- A 30- B 47- C
14- B 31- A 48- D
15- D 32- D 49- C
16- C 33- D 50- A
17- A 34- B
Questões Banca ACAPLAM ² (1 a 30)
² Questões retiradas da APOSTILA DE CONCURSO PARA RADIOLOGIA QUESTÕES ESPECÍFICAS – BANCA
ACAPLAM VOL. 3 (INFORAD – Promovendo à Radiologia - Organizado por Cesar D. Silva, Bahia, 2013).

01. Em relação ao efeito anódico, é D) 3.500NIT para radiologia


INCORRETO afirmar que: convencional e 1.500NIT para
A) O efeito anódico é mais mamografia
pronunciado quando se usa maior E) 5.000NIT para radiologia
distância foco-filme. convencional e 3.500NIT para
B) Para uma mesma distância foco- mamografia
filme, quanto menor for o filme, menor
será o efeito anódico. 04. Em relação às incidências
C) O intensidade do feixe de raios X, radiológicas, marque o epônimo
depende do ângulo em que são emitidos correspondente:
do ponto focal. 1 – Ferguson
D) Na instalação do equipamento de 2 – Caldwell
raios X, o mural deve ser instalado 3 – Hirtz
voltado para o lado do cátodo. 4 - Thomas
E) Há mais de uma alternativa 5 – Rheese
incorreta. ( ) Incidência súpero-inferior do ombro
(axilar)
02. O poder de penetração dos raios- ( ) Oblíqua de crânio para estudo do
x é inversamente proporcional ao forame óptico
quadrado da distância foco-filme. ( ) AP verdadeiro do sacro, articulações
Para manter o mesmo padrão sacroilíacas e articulação de L5-S1
radiográfico, cada vez que se dobra a ( ) Axial de face, com o raio paralelo ao
distância, devemos: seu eixo longitudinal.
A) Aumentar em 2 vezes o KV ( ) Fronto-naso
B) Aumentar em 8 vezes o KV A) 4-5-1-3-2
C) Reduzir em duas vezes o KV B) 4-5-3-1-2
D) Reduzir em quatro vezes o KV C) 5-4-1-3-2
E) Aumentar em 4 vezes o KV D) 5-4-3-1-2
E) 3-1-5-4-2
03. A luminância dos negatoscópios
influencia na detectabilidade das 05. Os efeitos biológicos da radiação
lesões em exames mamográficos e podem ser estocásticos e
radiográficos. Os padrões determinísticos. É exemplo de efeito
recomendados pelo American estocástico:
College of Radiology, e mais usados A) Radiodermite
na nossa prática são: B) Leucopenia
A) 2.500NIT para radiologia C) Necrose tissular
convencional e 5.000NIT para D) Tumor
mamografia E) Catarata
B) 500NIT para radiologia
convencional e 1.500NIT para 06. São conceitos verdadeiros na
mamografia Tomografia Computadorizada:
C) 1.500NIT para radiologia A) Quanto maior o FOV, melhor a
convencional e 3500NIT para definição de imagem.
mamografia
B) Tanto faz, pois o FOV não D) Intensificar a ação dos raios-x.
influencia na qualidade de imagem E) Eliminar etapas do processamento
C) Trabalhar com o menor número de radiográfico.
pixels para a área de interesse aumenta
a qualidade da imagem obtida. 10. O método radiográfico indicado
D) Quanto menor o FOV, melhor a em exames mamográficos de
definição de imagem. pacientes com implantes mamários
E) A unidade utilizada na Tomografia é de silicone é:
denominada Roentgen. A) Método de Eklund.
B) Método de Rhese.
07. Em relação ao estudo C) Método de Hass.
radiográfico para determinar a idade D) Método de Owen.
óssea, é correto afirmar: E) Nenhuma das alternativas está
A) As radiografias do crânio em PA e correta.
PERFIL são utilizadas para
determinação da idade óssea de 11. As patelas são consideradas ossos:
adolescentes. A) Sesamóides.
B) Radiografias dos tornozelos também B) Planos.
são habitualmente utilizadas para a C) Irregulares.
determinação da idade óssea. D) Curtos.
C) O método de Greulich-Pyle é o mais E) Longos.
utilizado e consiste da análise das
radiografias das mãos e punhos em PA. 12. Em relação à cintura escapular, a
D) Na idade de 14 anos nos meninos e incidência que demonstrará o
15 anos nas meninas ocorre a fusão tubérculo maior do úmero
completa das epífises. posicionado em perfil lateral, será:
E) Radiografias da sela túrcica são A) Ombro na incidência oblíqua
habitualmente utilizadas para auxiliar anterior com rotação interna.
na determinação da idade óssea de B) Ombro na incidência oblíqua
recém-nascidos. anterior em abdução e rotação externa.
C) Ombro na incidência ântero-
08. Decúbito lateral com raios posterior em abdução e rotação interna.
horizontais (Laurell), é uma D) Ombro na incidência ântero-
incidência utilizada para estudo do: posterior com rotação externa.
A) Articulações coxo-femurais E) Nenhuma das anteriores está correta.
B) Tórax
C) Articulações sacro-ilíacas 13. Em radiodiagnóstico, o principal
D) Abdome responsável pela radiação espalhada é:
E) Coluna vertebral A) O efeito Compton.
B) O efeito fotoelétrico.
09. O écran é um dispositivo C) O efeito da atenuação diferencial.
radiográfico que tem como finalidade D) O espalhamento de Thomson.
principal: E) Nenhuma das anteriores está correta.
A) Diminuir a radiação secundária.
B) Reduzir o desgaste do filme 14. Em relação aos planos do corpo
radiográfico. humano é CORRETO afirmar que o
C) Proteger o filme radiográfico contra plano horizontal divide o corpo em
resíduos. partes:
A) Direita e esquerda.
B) Anterior e posterior. 18. As incidências LAURELL,
C) Medial e lateral. CALDWELL E LOWENSTEIN,
D) Dorsal e ventral. referem-se respectivamente ao
E) Superior e inferior. estudo das seguintes estruturas:

15. Em relação aos termos de A) Crânio, abdome e articulação sacro-


movimento comumente usados, ilíaca.
correlacione: B) Tórax, seios da face e crânio.
1 – Retrusão. C) Tórax, seios paranasais e
2 – Protrusão. articulações coxofemorais.
3 – Adução. D) Abdome, seios paranasais e crânio.
4 – Extensão. E) Abdome, crânio e seios paranasais.
5 – Flexão.
( ) Movendo-se em direção ao plano 19. Deve ser empregado na execução
mediano. de uma urografia excretora, um meio
( ) Movendo anteriormente. de contraste, que possua como
( ) Diminuindo o ângulo entre as partes principais características as
do corpo. constantes na opção:
( ) Movendo posteriormente. A) Iodado, baixa osmolaridade,
( ) Aumentando o ângulo entre as lipossolúvel e pouco nefrotóxico.
partes do corpo. B) Iodado, não-iônico, lipossolúvel e
A) 3-2-5-1-4 pouco nefrotóxico.
B) 2-3-1-4-5 C) Iodado, alta osmolaridade,
C) 3-2-5-4-1 hidrossolúvel, e pouco nefrotóxico.
D) 4-3-2-1-5 D) Iodado, iônico, hidrossolúvel e
E) 5-2-3-1-4 pouco nefrotóxico.
E) Iodado, não iônico, hidrossolúvel e
16. De acordo com os princípios pouco nefrotóxico.
básicos da formação de imagens
pelos raios-x, podemos afirmar que 20. Não é um tipo de articulação:
obteremos imagens menos A) Esfenóide.
radiotransparentes de: B) Acrômio-clavicular.
A) Gordura. C) Glenoumeral.
B) Ar. D) Esternoclavicular.
C) Osso esponjoso. E) Escápulo-torácica.
D) Osso compacto.
E) Água. 21. Onde situa-se a cavidade
glenóide?
17. Assinale a opção que apresenta A) Perna.
uma contra-indicação para o emprego B) Ombro.
do meio de contraste iodado. C) Mão.
A) Insuficiência Renal Aguda. D) Crânio.
B) Uso de Benzodiazepínicos. E) Pelve.
C) Epilepsia.
D) Diabéticos em uso de 22. Não é indicada a realização do
Glibenclamida. enema opaco em:
E) Hipertensão Arterial. A) Nos casos onde o paciente é
portador de tumores intestinais.
B) Colite
C) Onde há indícios de perfuração 27. Deve ser a incidência de escolha
intestinal. para a avaliação da sela túrcica:
D) Alergias. A) Bellot
E) Idade avançada. B) Towne
C) Gillen
23. Assinale a questão correta em D) Axial
relação aos pulmões: E) Perfil
A) O pulmão direito possui três lobos e
três fissuras. 28. Para realizar incidência Póstero-
B) O pulmão esquerdo possui dois Anterior (PA) do tórax, o raio
lobos e duas fissuras. central deve:
C) O pulmão esquerdo possui dois A) Penetrar pela superfície anterior do
lobos e uma fissura. tórax ao nível de T7 e sair pela
D) O pulmão direito possui três lobos e superfície posterior.
duas fissuras. B) Penetrar pela superfície lateral
E) Mais de uma alternativa está correta. esquerda ao nível de T7 e sair pela
lateral direita.
24. Suspeita diagnóstica onde a C) Penetrar pela superfície posterior do
histerossalpingografia é tórax ao nível de T7 fazendo um ângulo
frequentemente solicitada: de 10 graus em direção aos pés do
A) Gravidez ectópica. paciente.
B) Tumor de ovário. D) Penetrar pela superfície posterior do
C) Hemorragias no segundo/terceiro tórax ao nível de T7 fazendo um ângulo
trimestre da gestação. de 10 graus em direção a cabeça do
D) Obstrução tubária. paciente.
E) Nenhuma das alternativas está E) Penetrar pela superfície posterior do
correta. tórax ao nível de T7 e sair pela
superfície anterior.
25. São ossos do pé, exceto:
A) Esfenóide 29. O Pâncreas é um órgão do
B) Astrágalo sistema:
C) Navicular A) respiratório.
D) Cuneiforme B) reprodutor.
E) Tálus C) digestório.
D) circultório.
26. Na incidência de Ferguson, o raio E) Nenhuma Alternativa Anterior.
central deve ter uma incidência em
relação ao filme radiográfico de: 30. Para tornar uma radiação mais
A) Em inclinação podálica de penetrante deve-se tornar a seguinte
aproximadamente 20 a 30º. providência:
B) Perpendicular. A) aumentar o kV.
C) Em inclinação podálica com B) diminuir o kV.
inclinação de aproximadamente 10 a C) diminuir o mA.
20º. D) aumentar o mA.
D) Em inclinação cefálica de E) NRA
aproximadamente 25 a 60º.
E) Em inclinação podálica com
inclinação de no máximo 5º.
GABARITO QUESTÕES
BANCA ACAPLAM

01- E 16- D

02- E 17- A

03- C 18- C

04- A 19- E

05- D 20- A

06- D 21- B

07- C 22- C

08- B 23- E

09- D 24- D

10- A 25- A

11- A 26- D

12- D 27- E

13- A 28- E

14- E 29- C

15- A 30- A
Questões Preparatório Radiologia 2016 (1 a 40)
Questões elaboradas pelo Técnico em Radioterapia e Radiodiagnóstico Wallison Dutra para o Preparatório
Radiologia.

01. A que movimento ou postura B) Écran Intensificador


anatômica o trecho abaixo refere-se? C) Grade Antidifusora
“Paciente com a palma da mão D) Tela Focalizadora
voltada para cima”.
A) Pronação 06. A que se refere o trecho abaixo?
B) Litotomia “Filtro que barra a radiação
C) Adução secundária, aumentando o contraste
D) Supinação e a nitidez da imagem”.
A) Filtro Radiográfico
02. A que movimento ou postura B) Écran Intensificador
anatômica o trecho abaixo refere-se? C) Grade Antidifusora
“Paciente deitado com a posição da D) Tela Focalizadora
cabeça mais baixa que os pés”.
A) Retrusão 07. O que é um goniômetro?
B) Litotomia A) Instrumento para medir angulação
C) Trendelemburg B) Protetor de gônadas
D) Caldwell C) Medidor de gônadas
D) Delimitador usado nos exames
03. A que movimento ou postura radiográficos da região das gônadas.
anatômica o trecho abaixo refere-se?
“Movimento de rotação do membro 08. Qual a mais básica estrutura e
afastando-se do Plano Sagital unidade funcional de todos os tecidos
Mediano”. vivos?
A) Rotação Obliquada A) Pele
B) Rotação Interna B) Tecido Adiposo
C) Rotação Medial C) Célula
D) Rotação Externa D) Cartilagem

04. A que movimento ou postura 09. O corpo humano é uma unidade


anatômica o trecho abaixo refere-se? estrutural e funcional, formada por
“Movimento de rotação do membro quantos sistemas?
em direção ao Plano Sagital A) 7
Mediano”. B) 9
A) Rotação Axial C) 10
B) Rotação Interna D) 12
C) Rotação Lateral
D) Rotação Externa 10. Qual dos ossos abaixo não faz
parte do esqueleto axial adulto?
05. A que se refere o trecho abaixo? A) Hioide
“Uma tela de fósforo que, ao receber B) Estribo
raios X, emite luz”. C) Atlas
A) Filme Radiográfico D) Hálux
limitação do campo de exposição e
11. O sistema linfático é um sub maior detalhe na imagem?
sistema do: A) Cilindro de Extensão
A) Sistema Esquelético B) Grade Antidifusora
B) Sistema Circulatório C) Colimador Espacial
C) Sistema Urinário D) Écran Intensificador
D) Sistema Digestório
18. O esqueleto axial adulto é
12. Tubérculo, Capítulo e Epicôndilo composto por quantos ossos?
são acidentes ósseos característicos A) 80
de qual osso do esqueleto humano B) 86
adulto? C) 120
A) Fêmur D) 126
B) Úmero
C) Clavícula 19. São classes de classificações
D) Rádio ósseas, exceto:
A) Longos
13. Qual o maior osso da perna? B) Curtos
A) Fêmur C) Regulares
B) Patela D) Laminares
C) Fíbula
D) Tíbia 20. É um tipo de articulação
esferoidal:
14. A filtração inerente e adicional A) Articulação do Joelho
tem a seguinte finalidade: B) Articulação do Quadril
A) Melhorar o contraste radiográfico C) Articulação do Tornozelo
B) Eliminar os raios de baixa energia D) Articulação Radioulnar Proximal
C) Diminuir a quilovoltagem (kV)
D) Aumentar a resolução espacial 21. As imagens radiográficas
baseadas em filme são avaliadas
15. São tamanhos de filmes tendo como alicerce alguns fatores de
radiográficos, exceto: qualidade, que estão listados abaixo,
A) 30 x 40 exceto:
B) 13 x 18 A) Coeficiente de clareamento
C) 35 x 40 B) Densidade
D) 24 x 30 C) Contraste
D) Distorção
16. Dentre os acessórios listados
abaixo, qual é essencial para 22. Qual é o principal fator
determinar a quantidade de kV controlador da densidade do filme
utilizada em um determinado exame em uma radiografia?
de radiodiagnóstico? A) mA
A) Régua Escanométrica B) kV
B) Avental de Chumbo C) mAs
C) Espessômetro D) Distância
D) Cilindro de Extensão

17. Dentre os acessórios listados


abaixo, qual é utilizado para melhor
23. O tamanho do ponto focal é um C) A 15° no sentido cefálico em
fator controlador de qual fator de relação à LIOM, centralizado no
qualidade? acântio.
A) Densidade D) A 15° no sentido caudal em relação
B) Resolução Espacial à LOM, centralizado no acântio.
C) Distorção
29. A incidência acantoparietal
D) Coeficiente de clareamento
também é chama de:
A) Método de Waters.
24. A faringe possui três divisões,
B) Método de Caldwell.
qual das nomenclaturas abaixo não
C) Método de Waters Reverso.
corresponde à uma dessas divisões?
D) Método de Caldwell Reverso.
A) Orofaringe
B) Epiglote
30. A incidência semi-axial de crânio
C) Nasofaringe
também é chama de:
D) Laringofaringe
A) Método de Waters.
B) Método de Caldwell.
25. O método de Coyle é uma
C) Método de Towne.
incidência utilizada para radiografar
D) Método de Hirtz.
qual região anatômica?
A) Punho
31. A incidência axial de crânio
B) Ombro
também é chama de:
C) Tornozelo
A) Método de Waters.
D) Cotovelo
B) Método de Caldwell.
C) Método de Towne.
26. No método de Towne, qual a
D) Método de Hirtz.
angulação do raio central no sentido
caudal em relação à LIOM?
32. A incidência, para seios da face,
A) 25°
fronto-naso também é chama de:
B) 30°
A) Método de Waters.
C) 35°
B) Método de Caldwell.
D) 37°
C) Método de Towne.
27. O parâmetro de má rotação de D) Método de Hirtz.
uma radiografia de tórax é a
distância entre: 33. A incidência, para seios da face,
A) As vértebras e os processos mento-naso também é chama de:
transversos A) Método de Waters.
B) As escápulas e os processos B) Método de Caldwell.
unciformes C) Método de Towne.
C) As glenóides e os processos D) Método de Hirtz.
laminares
D) As clavículas e os processos 34. Qual a DFFi utilizada em uma
espinhosos radiografia para visualização da
ATM?
28. No método AP de Towne Reverso
A) 100 cm.
a 15°, o RC incide:
B) 125 cm.
A) A 15° no sentido cefálico em
C) 150 cm.
relação à LOM, centralizado no násio.
D) 180 cm.
B) A 15° no sentido caudal em relação
à LIOM, centralizado no násio.
35. A incidência, em perfil, para
mastóide também é chama de:
A) Método de Towne.
B) Método de Caldwell.
C) Método de Schüller.
D) Método de Hirtz.
36. A incidência utilizada para
visualização das articulações sacro-
ilíacas também é chama de:
A) Método de Lowenstein.
B) Método de Ferguson.
C) Método de Schüller.
D) Método de Frog Leg.

37. São incidências utilizadas em


radiografias da região pélvica,
exceto:
A) Método de Lowenstein.
B) Incidência In Let.
C) Incidência Obturatriz.
D) Método de Coyle.

38. Qual a angulação do membro em


uma radiografia oblíqua de pé em
eversão?
A) 15°.
B) 20°.
C) 30°.
D) 45°.

39. São métodos de diagnóstico por


imagem, exceto:
A) Mamografia.
B) Medicina Nuclear.
C) Ressonância Magnética.
D) Radioterapia.

40. Qual é o menor elemento de uma


imagem tomográfica?
A) Voxel.
B) Pixel.
C) Matriz.
D) Pitch.
GABARITO QUESTÕES
TÉCNICO EM RADIOLOGIA Referências Bibliográficas

01- D 21- A Nóbrega, Almir Inácio da, Manual de


Técnicas Radiológicas. 3ª.ed. Difusão
02- C 22- C Editora, 2008.

Bontrager, Kenneth L. e Lampignano, John


03- D 23- B P., Tratado de Posicionamento
Radiográfico e Anatomia Associada.
04- B 24- B 8ª.ed. Elsevier Editora, 2014.

05- B 25- D
Finalização
06- C 26- D
Desejo em meu nome e em nome do
07- A 27- D Preparatório Radiologia que esse material
venha agregar conhecimento e auxiliar aos
candidatos na conquista de uma vaga no
08- C 28- A mercado de trabalho.
09- C 29- C Sucesso a todos!

10- D 30- C Wallison Dutra


Técnico em Radioterapia e
11- B 31- D Radiodiagnóstico
Discente Curso Tecnólogo em Radiologia
12- B 32- B
Contatos: (34) 9 9973-9007 WhatsApp
13- D 33- A wallisondutra2014@gmail.com
https://www.facebook.com/wallison.dutra.
5
14- B 34- A

15- C 35- C Página:


https://www.facebook.com/preparatoriorad
16- C 36- B iologiaudia
Blog:
17- A 37- D http://preparatorioradiologia.blogspot.com.
br/
18- A 38- D Email: preparatorioradiologia@gmail.com

" Em ti confiam os que conhecem o teu


19- C 39- D nome, porque Tu, Senhor não desamparas
os que te buscam. " (Salmos 9:10)
20- B 40- B