Você está na página 1de 9

AULA 4 – Estatística Descritiva: Medidas de Dispersão

1. Introdução
Muitas vezes apenas o cálculo das medidas de tendência central (média, moda e mediana) para um conjunto de valores
não é suficiente para caracterizar uma distribuição ou conjunto de valores. Nestes casos, a Estatística recorre às
medidas de dispersão ou de variabilidade.
Veja o seguinte exemplo:

Um professor, que deseja comparar o desempenho de seus alunos, calculou as médias dos alunos:

Alunos NOTAS Media aritmética


A 5;5;5;5;5 5
B 5;6;5;4;5 5
C 3;7;6;5;4 5
D 1;8;5;2;9 5

Note que a média de todos os alunos são iguais a 5. Logo com esses dados o professor não irá conseguir comparar
nada.
As medidas de tendência central não são suficientes, nestes casos, pois esconde informações sobre a homogeneidade
ou heterogeneidade do desempenho dos alunos. Daí a necessidade de se definir uma medida que revele o grau de
variabilidade (dispersão) das notas de cada aluno a fim de que a analise não fique comprometida.

2. Variância
A variância baseia-se nos desvios em torno da média aritmética, porém determinando a média aritmética dos
quadrados dos desvios. Quanto menor a variância mais homogêneo são os dados comparados.
Observação: a maior desvantagem decorrente da análise da variância diz respeito à impossibilidade de comparação
entre a média e a variância pois a estão em grandezas diferentes, a variância é uma grandeza elevada ao quadrado.

Dados brutos ou não tabulados:


para dados populacionais para dados amostrais

Notação:
(lê-se “sigma ao
Dados tabulados – xi é o valor da variável ou seu ponto médio quadrado”)
(quando tabulados por classes) ou var(x)
para dados populacionais para dados amostrais

População (todo)
Funções no Excel Amostra (parte do todo)
VARP VAR

Exemplo 1: (Dados brutos ou não tabulados)


Alunos NOTAS Media Variância
aritmética
A 5;5;5;5;5 5

B 5;6;5;4;5 5

C 3;7;6;5;4 5

D 1;8;5;2;9 5

Conclusão:
Alunos NOTAS Media Variância Análise
aritmética
A 5;5;5;5;5 5 0 O valor nulo da variância indica que em todas as provas o aluno apresentou
desempenho idêntico.
B 5;6;5;4;5 5 0,4 O valor “muito pequeno” da variância indica que este aluno apresentou
desempenho muito próximos em todas as provas.

UNIP - Estatística Profª Patrícia Alves Aula 4- pg.1


C 3;7;6;5;4 5 2 Este valor revela um aumento no grau de heterogeneidade (variabilidade
moderada) das notas, não havendo, porém, notas com desempenhos muito
discrepantes.
D 1;8;5;2;9 5 10 O valor “ grande” encontrado para a variância evidencia a presença de notas
com desempenhos extremos, ou muito bons ou muito ruins.

3. Desvio Padrão
Desvio padrão é a raiz quadrada da variância, o que resolve o problema decorrente da análise da variância, assim pode
ser comparada com a média.. Notação: (lê-se “sigma”) ou DP(x)

Dados brutos ou não tabulados:


para dados populacionais para dados amostrais

Dados tabulados – xi é o valor da variável ou seu ponto médio (quando


tabulados por classes)
para dados populacionais para dados amostrais

Funções no Excel
DESVPADP DESVPAD

Observações:

1. Quanto menor o desvio padrão mais os valores da variável se aproximam de sua média.
2. Quanto mais os valores da variável se afastarem de sua média, maior serão os desvios e conseqüentemente, maior
será o desvio padrão e mais aberta será a distribuição de freqüências da variável.
3. Se duas variáveis tiverem a mesma média e desvios padrões diferentes, a distribuição da variável com maior desvio
padrão será mais aberta que a da variável com menor desvio padrão.
4. Na prática queremos encontrar um desvio padrão pequeno que implica numa homogeneização do comportamento.

Exemplo 1: (Dados brutos ou não tabulados)

Alunos NOTAS Media Variância Desvio padrão


aritmética
A 5;5;5;5;5 5

B 5;6;5;4;5 5 = 0,632

C 3;7;6;5;4 5

D 1;8;5;2;9 5 = 3,162

4. Coeficiente de Variação de Pearson


É a comparação, em percentual, entre o desvio padrão e a média (ou seja, é a medida de dispersão relativa)

Dados populacionais Dados amostrais

A comparação da dispersão de duas ou mais distribuições pelo simples confronto de seus desvios padrões nem sempre
é suficiente, pois as amostras ou populações podem ter unidades diferentes ou, tendo a mesma unidade, seus valores
de média são bastante afastados.

Comparando duas variáveis, a variável que tiver menor CV tem menor dispersão ou variabilidade.

UNIP - Estatística Profª Patrícia Alves Aula 4- pg.2


A distribuição possui:
Baixa dispersão quando o coeficiente der até 15%
Média dispersão quando o coeficiente der até 30%
Alta dispersão quando o coeficiente der maior que >30%.

Coeficiente de variação de Thorndike: divisão do desvio padrão pela mediana:


S S
Cv p  ou Cv p   100
Me Me

Exemplo 1: (Dados brutos ou não tabulados)

Alunos NOTAS Media Variância Desvio padrão Coeficiente de Variação Dispersão


aritmética

A 5;5;5;5;5 5 0 % baixa
B 5;6;5;4;5 5 0,4 = 0,632 0,126=12,6% baixa
C 3;7;6;5;4 5 2 0,283=28,3% média
D 1;8;5;2;9 5 10 = 3,162 0,632=63,2% alta

5. Medidas de dispersão em dados tabulados


Exemplo 1: Dados tabulados (apenas agrupados)

17 1 17 = 6,76
18 11 198 = 28,16
19 8 152 = 2,88
20 7 140 = 1,12
21 10 210 = 19,6
22 2 44 = 11,52
23 1 23 = 11,56
Soma 40 784 81,60

Variância populacional Média

Variância amostral

Desvio padrão populacional = = 1,428

Desvio padrão amostral = = 1,445

Coeficiente de variação

Exemplo 2: Dados tabulados (agrupados em classe)

xi - ponto médio de cada


classes fi xifi
classe

10 |- 20 5 15 75 = 2000
20 |- 30 10 25 250 = 1000
30 |- 40 15 35 525 =0
40 |- 50 10 45 450 = 1000
50 |- 60 5 55 275 = 2000
Total 45 1575 5000

UNIP - Estatística Profª Patrícia Alves Aula 4- pg.3


Variancia populacional

Variancia amostral
Média
K

Desvio padrão populacional


= = 10,541 X i fi
X fi 1575
X i 1
   35
i
Desvio padrão amostral K

f
= = 10,66 n 45
i
Coeficiente de variação i 1

6. Assimetria e Curtose

- Assimetria: mede o quanto a distribuição se afasta da média.


assimetria positiva: afastamento para a direita
assimetria negativa: afastamento para a esquerda

O grau de assimetria pode ser obtido dado pela seguinte fórmula (denominada 1º coeficiente de Pearson1)
As  X Me
S
Onde:
As = coeficiente de assimetria
X = Média
Me = Mediana
S = Desvio Padrão

Classificação das distribuições


As = 0 a distribuição é simétrica
As > 0 a distribuição é assimétrica positiva ou à direita
As < 0 a distribuição é assimétrica negativa ou à esquerda
Classificação mais detalhada
Caso As ≤ -1 : assimétrica negativa forte
Caso -1 < As < 0 : assimétrica negativa fraca
Caso As = 0 : simétrica
Caso 0 < As < 1 : assimétrica positiva fraca
Caso As ≥ 1 : assimétrica positiva forte

1
Existem outras medidas de assimetria, alem do 1º coeficiente de Pearson
UNIP - Estatística Profª Patrícia Alves Aula 4- pg.4
- Curtose: mede o quanto a distribuição se alonga ou achata em relação à curva teórica.
Denominações:
curva teórica = curva mesocúrtica;
curvas mais alongadas = curva leptocúrtica
curvas mais achatadas = curva platicúrtica

O grau de curtose é dado freqüentemente pelo coeficiente:2

Onde: K = coeficiente de curtose


= desvios
= Desvio Padrão

Classificação das distribuições


K = 0 a distribuição é mesocúrtica
K > 0 a distribuição é leptocúrtica
K < 0 a distribuição é platicúrtica

Exemplo:

2
Existem outros coeficientes de curtose, além do apresentado aqui.
UNIP - Estatística Profª Patrícia Alves Aula 4- pg.5
 Cálculo da Média: X

 Cálculo do Desvio Padrão:

 Cálculo da Mediana:

o Elemento Mediano:

o Mediana:

X
 Cálculo da Assimetria:

Cálculo da Curtose:

7. Resolução de exercícios – obrigatório

1) A produção de manteiga dos últimos seis meses em toneladas é {11;8;4; 10;9;12}.Com base nos números
apresentados, calcule:
(a) a média;
(b) a variância populacional;
(c) o desvio padrão populacional.
2) As vendas mensais em toneladas de uma fábrica de tecidos especiais estão {1;2;2;1;1;3;1;1;1 e 1}. Qual a
variância e o desvio padrão populacional destes dados?
3) As notas finais dos trabalhos de sociologia dos alunos das faculdades bom saber foram iguais a
{5;5;7;7;5;8;9,5;10 e 10}. A partir destes dados, calcule:
(a) variância e desvio padrão populacionais;
(b) coeficiente de variação.
4) Empregando os dados disponibilizados na tabela seguinte, pode-se obter a média, a variância (amostral e
populacional) e o desvio padrão (amostral e populacional).

2 1
4 3
6 4
10 3
12 3
16 6
Soma 20

UNIP - Estatística Profª Patrícia Alves Aula 4- pg.6


5) Os dados a seguir apresentam a quantidade(em milhares)de passageiros transportados em diferentes épocas
do ano por uma grande empresa de transporte urbano. Com base nos números apresentados, pode-se obter:
(a) a média;
(b) a variância (amostra e populacional);
(c) o desvio padrão (amostral e populacional).
Classe
1,5 5
4,5 10
7,5 10,5 12
10,5 13,5 6
13,5 16,5 7
Soma 40

6) Os números do universo de alunos por turma do Colégio Luz do Saber estão apresentados na tabela
seguinte. Para os dados agrupados em classes, calcule:
(a) a variância;
(b) o desvio padrão;
(c) o coeficiente de variação.
Classe
10 15 2
15 20 5
20 25 7
25 30 6
30 35 3
Soma 23
7) Um centro de saúde registrou na tabela seguinte as idades dos pacientes atendidos em uma semana do mês
de outubro do ano passado. Para a tabela apresentada, encontre:
(a) média; (b) moda; (c) mediana; (d)variância populacional;(e) desvio padrão populacional.
Classe
3 5
7 8
11 17
15 6
19 23 4
Soma 40

8) Para o universo de dados apresentados a seguir, obtenha o rol, suas medidas de posição central e suas
medidas de dispersão.
1 10 4 3 1 4
6 7 6 8 1 1
7 4 2 8 3 4

UNIP - Estatística Profª Patrícia Alves Aula 4- pg.7


8. Resolução de exercícios – opcional (treino)

(Muitos dos exercícios desta seção fazem parte da lista de “Medidas de Tendência Central”, sendo assim você poderá
aproveitar os cálculos já realizados)

1. Um estudante da Faculdade Bom Saber obteve as seguintes notas das seguintes matérias. Calcule a variância, o
desvio padrão e o coeficiente de variação. Faça uma sucinta conclusão.

Matéria Notas Pesos


Estatística 7,5 4
Cálculo 4,0 2
Matemática Financeira 5,5 1
TGA 6,0 3

2. Após obter a média dos dados agrupados em classes apresentados a seguir.

Classe 7 | - 11 11 | - 15 15 | - 19 19 | - 23 23 | - | 27
2 3 4 3 2

Calcule a variância, o desvio padrão e o coeficiente de variação. Faça uma sucinta conclusão.

3. Os valores referentes a sinistros ocorridos e, posteriormente, pagos por uma seguradora no mês passado forma
iguais a {$400,00; $1.300,00; $700,00; $950,00 e $8.000,00}. Calcule a variância, o desvio padrão e o coeficiente de
variação. O que pode ser dito em relação aos valores encontrados?

4. Uma pesquisa com 36 funcionários da rede de lojas Preço de Banana Ltda. Revelou os salários apresentados na
tabela seguinte. Para os dados fornecidos, calcule: (a) variância; (b) a desvio padrão; (c) o coeficiente de variação.
Efetue os cálculos considerando um processo sem perda de informação, empregando os dados da série bruta.

497 497 499 500 501 504


505 506 508 508 508 508
510 511 511 511 511 512
512 513 513 513 514 516
518 520 520 523 524 524
525 526 528 529 530 533

5. Refaça a questão anterior agrupando os dados em classes de freqüência. Existem diferenças? Em caso afirmativo,
qual poderia ser a justificativa?
Classe

Soma

6. A tabela a seguir apresenta a distribuição das importações de uma empresa de plásticos. Calcule a variância, o
desvio padrão e o coeficiente de variação. O que pode ser dito em relação aos valores encontrados?
Volume importado
50.000 | - 60.000 5
60.000 | - 70.000 10
70.000 | - 80.000 20
80.000 | - 90.000 10
90.000 | - 100.000 5
Soma 50

UNIP - Estatística Profª Patrícia Alves Aula 4- pg.8


7. Calcule a variância, o desvio padrão e o coeficiente de variação. O que pode ser dito em relação aos valores
encontrados?
Classe Freqüência
10 | - 12 4
12 | - 14 12
14 | - 16 21
16 | - 18 13
18 | - | 20 6

8. Calcule a variância, o desvio padrão e o coeficiente de variação. O que pode ser dito em relação aos valores
encontrados?
Classe Freqüência
0,50 | - 0,55 5
0,55 | - 0,60 11
0,60 | - 0,65 14
0,65 | - 0,70 21
0,70 | - 0,75 18
0,75 | - 0,80 10
0,80 | - | 0,85 8

9. Construa o rol da seguinte série de dados discretos, apresentando a tabela de freqüências. Calcule a variância, o
desvio padrão e o coeficiente de variação. O que pode ser dito em relação aos valores encontrados?

3 5 1 2
4 3 2 3
5 4 4 4
3 3 4 2
3 5 1 3

9. Bibliografia
BRUNI, ADRIANO LEAL. Estatística Aplicada à Gestão Empresarial. São Paulo: Atlas, 2007.
ANDERSON; SWEENEY & WILLIAMS. Estatística aplicada à Administração e Economia. São Paulo: Thonson Learnig, 2007.
MOORE, MCCABE, DUCKWORTH & SCLOVE. A Prática da Estatística Empresarial. Rio de Janeiro: LTC, 2006.
LARSON & FARBER. Estatística Aplicada. São Paulo: Pearson, 2004.
MORETTIN, L.G. Estatistica Básica. São Paulo: Makron Books, 1999
MAGALHES, MARCOS NASCIMENTO & LIMA, ANTONIO CARLOS PEDROSO. Noções de probabilidade e estatística.
EDUSP.2002.
CRESPO; ANTÔNIO ARNOT.Estatística Fácil. Editora Saraiva, 2009

UNIP - Estatística Profª Patrícia Alves Aula 4- pg.9