Você está na página 1de 12

RECURSOS MINERAIS 1

I – Introdução
- Recursos minerais
¾ Subsídio ao desenvolvimento tecnológico
Î Transformação em bens manufaturados
Î Acumulação econômica
¾ Desenvolvimento sustentável
Î Diminuição do impacto ambiental
‰ Reciclagem

‰ Substituição

- Objetivos
¾ Conceitos básicos
¾ Tipos de depósitos minerais
Î Processos geológicos
¾ Fonte comercial de minerais e materiais rochosos
¾ Ocorrências minerais
Î Restritas na crosta
Î Espalhadas no planeta
¾ Caracterização dos recursos minerais no Brasil
Î Aspectos de reserva, produção e comércio
II – Conceitos Básicos
- Recurso mineral
¾ Material rochoso: uso hu-
mano
Î Porções restritas da
crosta terrestre
- Reserva mineral
¾ Parte do recurso mineral
¾ Indicativo de aproveita-
mento econômico
¾ Classes de reserva: inferi-
da, indicada e medida
- Depósito mineral: objeto geo-
lógico
¾ Massa e volume rochoso
de substâncias minerais
¾ Concentração de modo anômalo
Î Potencial mineral econômico
- Jazida mineral/minério
¾ Corpo mineral com extração econômica de substâncias úteis
RECURSOS MINERAIS 2
III – Caracterização do Depósito Mineral
- Fator de concentração
¾ Conteúdo no minério/Clark
Î f.c.Pb = 3,5% / 14ppm ≈ 2.500

- Rochas fontes
¾ Previamente enriquecidas
Î Estanho
‰ Magmatismo essencialmente silícico

‰ Estágios finais de evento tectono-magmático

‰ Feições químicas em relação a granitos normais

• Rico: F, Rb, Li, Sn, Be, W, Mo, SiO2, Na2O e K2O


• Pobre: MgO, CaO, Fe2O3 e TiO2
- Geologia econômica: estuda rochas e minerais de interesse econômico
- Processos de mineralização
¾ Conceito
Î Mecanismos ou condições especiais
Î Conduzem a concentração de substâncias úteis
Î Exemplos: sedimentação, intemperismo, metamorfismo, magmatismo
¾ Tipos
Î Fonte
‰ Rocha pré-existente

‰ Sistema geológico mais complexo

‰ Magma ou material proveniente do manto


RECURSOS MINERAIS 3
III – Caracterização do Depósito Mineral
- Processos de mineralização
¾ Tipos
Î Transporte: mecânico ou por soluto
‰ Normalmente promovido pela
água
‰ Acionado por energia térmica ou

força gravitacional
Î Ambiente de deposição
‰ Manto de intemperismo (clima)

‰ Sistemas de fraturas

‰ Plataforma continental, ....

Î Armadilhas: controles da minerali-


zação
‰ Estruturas (dobras, falhas), discordâncias, geoquímica, mineralógi-

ca e paleogeográfica

IV – Minerais e minérios
- Minérios: rochas em que se obtêm eco-
nomicamente substâncias úteis
- Minerais: dois tipos
¾ Mineral minério: valor econômico
Î Metálicos e não-metálicos
Î Cassiterita (SnO2)
¾ Mineral ganga: estéril
Î Feldspatos, quartzo, mica, ...
RECURSOS MINERAIS 4
IV – Minerais e minérios
- Minerais
¾ Mineral e rochas industriais
Î Materiais minerais
‰ Uso sem alteração de suas propriedades originais
‰ Exemplos: normalmente não-metáli-
cos
• Fertilizantes fosfatados (fosfori-
ta) e potássicos (silvita)
• Construção civil: brita, calcário,
areia, ...
V – Extração e Utilização de Minérios
- Lavra
¾ Conjunto de operações para retirada do
minério
- Mina
¾ Depósito mineral em lavra
- Garimpo
¾ Lavra sem estudos prévios da jazida
¾ Bens minerais importantes: pedras pre-
ciosas, ouro, cassiterita
RECURSOS MINERAIS 5
V – Extração e Utilização de Minérios
- Fatores de obtenção dos minérios
¾ Feições intrínsecas do depósito
¾ Mercado
¾ Tecnologia de extração e beneficiamento
¾ Infra-estrutura
¾ Distribuição geográfica
¾ Necessidade de beneficiamento
Î Processo siderúrgico ou metalúrgico
‰ Concentrado: aumento de teor ou aprimoramento

‰ Rejeito: minerais de ganga (descartado)

¾ Classificação utilitária

VI – Tipos Genéticos de Depósitos Minerais


- Nome do depósito => processo geológico dominante
- Tipos
¾ Supergênico
Î Depósitos residuais
‰ Resultantes do intemperismo da rocha mãe

‰ Resistatos

‰ Constituintes móveis

‰ Climas úmidos e quentes: Equatoriais e Tropicais

Î Exemplos: Bauxita (Al), Garnierita (Ni)


RECURSOS MINERAIS 6
VI – Tipos Genéticos de Depósitos Minerais
- Tipos
¾ Sedimentar
Î Depósitos
‰ Detríticos
• Processos mecânicos
• Ambientes: lagos, deltas, linhas de praia, planícies aluvionares, plata-
formas continentais
• Plácers: minerais de densidade elevada
‰ Químicos
• Soluções aquosas
• Condições: redutoras ou oxidantes, ácidas ou alcalinas
Î Substâncias: Fe, Mn, metais básicos, carbonatos, evaporitos, ouro, fosfato,
gipsita, cassiterita, combustíveis fósseis

¾ Magmático
Î Característica: cristalização do magma
Î Tipos
‰ Ortomagmáticos
• Concomitante à fase principal de cris-
talização
• Exemplos: rochas ricas em Olivina e
Piroxênios
‰ Tardi- e pós-magmático
• Fase final de cristalização
• Exemplos: granitos e granodioritos
(enriquecimento de quartzo e felds-
patos)
RECURSOS MINERAIS 7
VI – Tipos Genéticos de Depósitos Minerais
- Tipos
¾ Magmático
Î Processos
‰ Insolubilidade e imiscibilidade

‰ Densidade

‰ Enriquecimento em voláteis

• Veios hidrotermais (Sn, Mo, Be,


W, Bi, Zn, Pb, Ag, Au, Cu, ...)
Î Mineralizações
‰ Rochas básicas e ultrabásicas

• Cromita, grupo da platina, ní-


quel, cobalto, ...
‰ Rochas alcalinas

• Terras Raras, zircônio, urâ-


nio,...
‰ Carbonatitos

• Fosfato, nióbio, terras raras, barita


‰ Rochas granitóides

• Estanho, wolfrâmio
¾ Hidrotermal
Î Soluções hidrotermais: soluções aquosas
aquecidas acima de 50° C
‰ Diversas substâncias dissolvidas

‰ Fontes diversas

• Magmática
• Metamórfica
• Meteórica de circulação crustal pro-
funda
• Sedimentar
‰ Fatores de deposição

• Resfriamento e/ou queda de pressão


da solução
• Reações com as rochas percoladas
• Variação de pH e Eh
• Concentração de oxigênio
Î Tipos
‰ Veios ou filões: fraturas e falhas
‰ Disseminados: substituição dos minerais da
rocha hospedeira
Î Mineralizações: normalmente sulfetos
‰ Pirita (Fe), esfalerita (Zn), calcopirita (Cu),
galena (Pb), argentita (Ag), cinábrio (Hg), re-
algar e arsenopirita (As)
RECURSOS MINERAIS 8
VI – Tipos Genéticos de Depósitos Minerais
- Tipos
¾ Vulcano-Sedimentar
Î Vulcanismo ao mesmo tempo do processo sedimentar
Î Fluídos atingem o assoalho do sítio deposicional
Î Ambiente: sistema de rifts das dorsais
‰ Bordas de placas divergentes

Î Soluções: salmoura hidrotermal


‰ Percolação: enriquecimento do soluto

Î Mineralizações:
‰ Metais: Cu, Zn, Pb, Ni e Au

¾ Metamórfico
Î Eventos regionais progressivos
Î Tipos
‰ Metamorfizados

• Recristalização de rochas ou minérios


• Exemplos: mármores, ardósias e grafitas
‰ Hidrotermais de filiação metamórfica

• Fluídos metamórficos: T e P elevados


• Reações com as rochas percoladas
Î Mineralizações
‰ Filões: ouro (lodes)

‰ Metamorfismo de contato: escarnitos

• Granito + calcários
• W, Fe, Au, Cu, wollastonita, granada
VII – Tectônica Global e Depósitos Minerais
- Margens tectônicas
¾ Convergentes, divergentes, e passivas
¾ Modelos e programas exploratórios => busca de recursos minerais
- Depósitos
¾ Fanerozóicos: tectônica global atual
¾ Tectônicas anteriores
Î Paleoproterozóico
‰ Ferro Quadrilátero Ferrífero (MG)

Î Mesoproterozóico
‰ Mineralizações de Sn (RO)

Î Arqueano e Paleoproterozóico
‰ Complexos Máficos e Ultramáficos

• Minério de Cr, Ni, Cu, platinóides (África do Sul e Canadá)


‰ Seqüências vulcano-sedimentares arqueanas

• Sulfetos de Zn, Cu, Ni (Canadá, Austrália)


RECURSOS MINERAIS 9
VII – Tectônica Global e Depósitos Minerais
- Margens tectônicas
RECURSOS MINERAIS 10
VIII – Prospecção de Novos Depósitos Minerais
- Dependência da pesquisa mineral
¾ Brasil: pouco incentivo
- Objetivos
¾ Descoberta, caracterização e avaliação de substâncias minerais úteis
¾ Seqüência lógica de atividades

IX – Recursos Minerais no Brasil


- Reservas e produções
RECURSOS MINERAIS 11
IX – Recursos Minerais no Brasil
- Distritos e depósitos minerais brasileiros
RECURSOS MINERAIS 12
IX – Recursos Minerais no Brasil
- Reservas brasileiras
¾ Bens minerais
Î Excedentes: nióbio, ferro, bauxita, manganês, grafita, vermiculita, ní-
quel, caulim
Î Insuficientes: fosfato, potássio, enxofre, combustíveis fósseis e chum-
bo
- Importância da indústria mineral extrativa
¾ Apoio à indústria de transformação
Î Metalurgia, siderurgia, petroquímica, cimento, fertilizantes
X – Recursos Minerais e Civilização
- Estilo de vida humano
¾ Dependência do uso e de aplicações de recursos minerais
¾ Disposição finita: estimativa de duração da reserva
Î Crescimento populacional
¾ Distribuição desequilibrada do consumo
Î Países desenvolvidos: maior fatia

- Conceito de conservação
¾ Evitar o excesso e atender às necessidades
- Perspectivas otimistas
¾ Novas tecnologias
¾ Melhor aproveitamento dos recursos