Você está na página 1de 3

1

INSTRUMENTO PARTICULAR DE DOAÇÃO (EXTRAJUDICIAL)

Pautados na função integrativa do princípio da boa fé objetiva contratual


aduzida no artigo 422 do Novo Código Civil Brasileiro, as partes abaixo
assumem a obrigação de fazer valer as cláusulas expressas neste instrumento
particular.

DOADORA:
MARIA MARIA, brasileira, funcionária pública aposentada, solteira, portadora
da Carteira de Identidade nº..., e C.P.F. nº ..., residente e domiciliada no
endereço completo com CEP.

DONATÁRIO:
ZÉ ZÉ, brasileiro, solteiro, estudante, nascido em 00/00/0000/06/1998, portador
da Carteira de Identidade nº..., e C.P.F. nº..., residente e domiciliado no
endereço completo com CEP.

CLÁUSULA 1ª
É objeto deste instrumento a doação de um apartamento de uso residencial,
localizado no 2º piso de uma edificação predial situada na Avenida...,
nº...,endereço completo com CEP, com área de 00,00 m² (tantos metros
quadrados), edificado em lote de terreno que dá frente à Rua..., nº..., com área
de terreno de 00,00 m² (tantos metros quadrados) cadastrado na Prefeitura
Municipal de Cidade/UF, na Zona..., Quadra..., Lote..., Unidade..., Distrito...
devidamente registrado junto ao Cartório de Registro de Imóveis de Cidade/UF,
com número de matrícula nº..., Livro..., com as confrontações estabelecidas.

CLÁUSULA 2ª
Declara a DOADORA ser a única senhora e legítima possuidora do referido
imóvel e que este se encontra em processo de tramitação
legalizaçãoinventário, e que, somente após esse processo, será possível
realizar as devidas averbações e convenção de condomínio junto aos órgãos
2

competentes, o imóvel é do tipo apartamento juntamente com outros do mesmo


tipo e todos compõem uma mesma edificação predial, portanto, trata-se de
fração ideal.

PARÁGRAFO ÚNICO – Salvo a realização das disposições do


parágrafo anterior, o referido imóvel se encontra livre e desembaraçado
de quaisquer ônus ou responsabilidades, dúvidas, litígios, encargos,
tributos de qualquer espécie e hipotecas, mesmo legais. Dessa forma a
devida outorga de escritura e registro definitivos de DOAÇÃO em
cartório só poderão ser efetivados após a realização das disposições do
parágrafo anterior.

CLÁUSULA 3ª
O bem objeto da presente liberalidade é avaliado em R$000.000,00 (tantos mil
reais) e está sendo doado espontânea e gratuitamente, sem induzimento,
coação ou vício de qualquer espécie.

CLÁUSULA 4ª
Quando forem realizadas as disposições da CLÁUSULA 2ª, serão
imediatamente lavrados a escritura e o registro de DOAÇÃO em definitivo.

CLÁUSULA 5ª
O DONATÁRIOdeclara aceitar esta doação pelo modo em que foi feita,
respeitando todas as cláusulas deste instrumento.

CLÁUSULA 6ª
Este instrumento passa a vigorar entre as partes a partir da data de sua
assinatura, devendo ser registrado no devido Cartório com as firmas
reconhecidas de assinaturas das partes e das testemunhas.

CLÁUSULA 7ª
As partes elegem o foro da Comarca de Curvelo/MG como o competente para
dirimir quaisquer dúvidas oriundas do presente instrumento.
3

E por estarem justos e contratados mandaram lavrar o presente contrato em 02


(duas) vias de igual teor e forma, que assinam na presença de duas
testemunhas, para que produza seus jurídicos, extrajurídicos e legais efeitos.

Curvelo (MG), dia/mês e ano.

_________________________________________
Maria Maria
Doadora

_________________________________________
Zé Zé
Donatário

Testemunha 01 Testemunha 02
CPF/RG: CPF/RG: