ANEXO I TABELA DE CLASSIFICAÇÃO DAS EDIFICAÇÕES E CUSTOS DE MÃO-DEOBRA POR M² EM REAIS

VALORES ABRIL/2007 – SINDUSCON/SP - NBR 12.721/2006
Observações: O número após a sigla indica a quantidade máxima de pavimentos admitidos para cada espécie de projeto. Nos casos em que o número de pavimentos das obras for superior a 16 pavimentos, mantém-se a classificação; No caso de residências unifamiliares, ainda que em conjunto, independentemente do número pavimentos é adotada a classificação R - 1

PROJETOS - RESIDENCIAIS Projetos Residenciais Padrão Baixo ( R$ ) Padrão Normal ( R$ ) Padrão Alto ( R$ )

Residência Unifamiliar Prédio Popular (Multifamiliar) Residência Multifamiliar Residência Multifamiliar Projeto Interesse Social Residência Popular

R-1 PP - 4

344,57 326,00

425,98 403,89

536,86 ---------

R-8 R - 16 PIS RPQ1

310,15 -------241,02 367,72

354,21 344,27 -------------------

435,51 447,11 -----------------

PROJETOS – COMERCIAIS Projetos Comerciais Padrão Normal ( R$ ) Padrão Alto ( R$ )

Comercial Andares Livres Comercial Salas e Lojas Comercial Salas e Lojas

CAL - 8 CSL - 8 CSL - 16

412,05 350,31 468,79

447,42 387,76 517,94

PROJETO – GALPÃO INDUSTRIAL Projeto Industrial Padrão Único ( R$ )

Galpão Industrial

GI

194,45

Sala. Área de Serviço com Banheiro. Sala de Estar. Varanda ( Abrigo para Autos ).NBR 12.Padrão Normal 3 Dormitórios sendo: 1 Suíte com Banheiro. Área para Tanque. Banheiro.Padrão Baixo 2 Dormitórios.ANEXO II CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DOS PROJETOS-PADRÃO . Sala de Jantar. Banheiro Social. Varanda ( Abrigo para Autos ).Padrão Alto 4 Dormitórios sendo: 1 Suíte com Banheiro e Closet. . Área de Serviço Completa. Circulação. Circulação. Cozinha. R1-N . R1-A . Sala. Cozinha. 1 Suíte com Banheiro.721/06 PROJETOS RESIDENCIAIS R-1 . Banheiro Social.Residência Unifamiliar R1-B . Cozinha. Sala Íntima.

Depósito com Banheiro. Salão de Festas. 16 Vagas Descobertas. Sala. Cômodo de Lixo. 32 Vagas de Garagem Cobertas. Área de Serviço com Banheiro. Sala de Jantar/Estar. 3 Banheiros. Banheiro. Elevadores. Guarita. Varanda. Cozinha. Hall de Entrada.Prédio Popular PP – 4 B . Pavimento – tipo: Hall de circulação. Elevador.Padrão Baixo PP – 4N . Pavimento – tipo: Hall de circulação. Área de Serviço.PROJETOS RESIDENCIAIS PP – 4 . Banheiro Social. Cozinha. Central de Gás. 4 apartamentos por andar com : 2 dormitórios. Escada. Central de Gás. Área de Serviço. Sala. Cozinha.Padrão Normal Edifício: Pavimento Térreo e Três Pavimentos – Tipo: Pavimento térreo: Hall de entrada. Escada. Escada. Cômodo de Lixo. 4 Apartamentos por Andar com: 3 Dormitórios sendo 1 Suíte. 4 apartamentos por andar com: 2 dormitórios. . Depósito. Edifício: Pilotis e Quatro Pavimentos – Tipo: Pilotis: Escada. Copa. Banheiro. Guarita.

Circulação. Cozinha. Área de Serviço com Banheiro. Sala Íntima. Descrição Pavimentos: Garagem. Hall de entrada. Guarita. Depósito. Pavimento-Tipo: Halls de circulação. Elevadores.Padrão Alto Edifício: Pavimento térreo. 4 Apartamentos por Andar com. Cozinha. 1 suíte banheiro e closet. Banheiro Social. Edifício: Garagem. Pilotis. Banheiro. Descrição Pavimentos: Térreo: Hall de entrada. 2 Dormitórios. Sala de Jantar. . 1 Suíte. 64 vagas cobertas. 1 suíte banheiro. Elevadores. Área para Tanque. 2 banheiros. Instalação Sanitária. Central de gás. Área de Serviço Completa.Residência Multifamiliar R8. Elevadores. Instalação Sanitária. Salão de festas. Pavimento-Tipo: Halls de circulação.Padrão Normal R8 . Copa. 4 Apartamentos por Andar com: 3 Dormitórios sendo. Sala.PROJETOS RESIDENCIAIS R – 8 . Banheiro Social. Área externa: 32 Vagas Descobertas. Escada. Pilotis. Cozinha. Cozinha. 2 apartamentos por andar com: 4 dormitórios sendo. 8 Pavimentos-Tipo. Escada.A . Elevadores. Cômodo de Lixo. Elevadores. Descrição Pavimentos: Garagem. Pilotis: Escada. Banheiro Sala. Pavimento-Tipo: Hall de circulação. Cômodo de Lixo. Área para tanque. Sala de Estar. 8 Pavimentos-Tipo Edifício: Garagem. Depósito. Escada.B . Escada. Elevadores.N . Escada. Cômodo de lixo. Varanda. Escada. Varanda. 7 Pavimentos-Tipo.Padrão Baixo R8 . 48 vagas cobertas. 4 Apartamentos por Andar com: 2 Dormitórios. Sala de Estar/Jantar.

Pilotis. Banheiro Social. Elevadores. . Copa. Pavimento – tipo: Hall de Circulação. Cozinha. Pavimento-tipo: Hall de circulação Escada. Sala de Estar. Central de gás. Guarita. Hall de entrada. 1 suíte com banheiro e closet. Sala Estar/Jantar. Descrição dos pavimentos: Garagem. 16 pavimentos-tipo.Residência Multifamiliar R16 – N . Elevadores. Escada. Escada. Banheiro Social. Cômodo de Lixo. Hall de entrada. 16 pavimentos – tipo. Instalação Sanitária. Sala de Jantar. Elevadores. Elevadores.PROJETOS RESIDENCIAIS R -16 . Guarita. Área de Serviço com Banheiro. 96 vagas cobertas. Descrição dos pavimentos: Garagem. Sala Íntima.Padrão Normal R16 – A . 2 banheiros. Edifício: Garagem. Instalação Sanitária. Depósito. Escada. Salão de festas. Salão de jogos. Elevadores. 4 Apartamentos por Andar com : 3 Dormitórios sendo. Pilotis. Central de gás. Escada. Salão de festas. Pilotis. 128 vagas cobertas. 2 apartamentos por andar com: 4 dormitórios sendo. Varanda. 1 Suíte. Cômodo de Lixo. Área de Serviço Completa Varanda. Pilotis. 1 suíte com banheiro. Depósito. Elevadores. 2 banheiros.Padrão Alto Edifício: Garagem. Cozinha. Copa. Circulação. Escada.

Sala. Cozinha. RPQ1 . Banheiro. Área de Serviço. Banheiro. Escada. Pavimento-tipo: Hall. Sala.Projeto de Interesse Social Edifício: Pavimento Térreo e 4 Pavimentos – Tipo: Descrição dos pavimentos: Pavimento Térreo: Hall. 4 Apartamentos por Andar com: 2 Dormitórios. Central de Medição. Escada. Área de Serviço. 4 Apartamentos por Andar com: 2 Dormitórios. Cozinha. Banheiro. Cozinha. Área externa: Guarita com Banheiro. .PIS . Sala.Residência Popular 1 Dormitório.

Instalação Sanitária. dois banheiros. Elevadores. Depósito. Elevadores. .Comercial Andar Livre Edifício: Garagem. Escada. 8 Salas com Sanitário Privativo por Andar. CSL – 8 .Comercial Salas e Lojas Pavimento Tipo: Halls de circulação. 64 vagas cobertas. Elevadores. Elevadores. Descrição dos pavimentos: Garagem. GI . 8 Andares Corridos com Sanitário Privativo por Andar.Galpão Industrial Área composta de um galpão com área administrativa. Pavimento Térreo: Escada. Cômodo de Lixo. Pavimento-tipo: Halls de Circulação. Escada. Escada. Hall de Entrada e Lojas. um vestiário e um depósito.Projetos Comerciais Projetos Comerciais contendo características qualitativas e quantitativas excedentes das indicadas classificam-se como Padrão Alto CAL – 8 . pavimento térreo e oito pavimentos-tipo.

cômodo de lixo. depósito. instalação sanitária.Comercial Salas e Lojas Edifício: Garagem. hall de entrada e lojas. . Elevadores. Pavimento – tipo: Halls de circulação. Descrição dos pavimentos: Garagem. Elevadores. Elevadores. dois banheiros. pavimento térreo e 16 pavimentos-tipo. Escada. GI .CSL – 16 . Escada. Pavimento térreo: Escada. 128 vagas cobertas.Galpão Industrial Área composta de um galpão com área administrativa. um vestiário e um depósito. 8 salas com sanitário privativo por andar.

Barracão. 437 DA IN MPS 03. sem paredes divisórias de alvenaria. TABELA DE GALPÃO INDUSTRIAL Indústria. Posto de gasolina com ou sem escritório e com instalações para lanchonete. Silo. Edifício Residencial. Ginásio de esportes e estádio de futebol. entre outras. Pavilhão para feiras. serviço de lava-rápido. Prédio de garagens. Estábulo. Demais salas comerciais ou lojas com área livre acima de 100m². com área total de até 70 m² Conjunto Habitacional Popular ou unidades habitacionais com área de uso privativo não superior a 70m2 TABELA COMERCIAL – ANDARES LIVRES Teatro. Hotel. SPA. tanque ou reservatório. loja de conveniência. sem paredes divisórias de alvenaria. Danceteria ou Casa de Espetáculos. . Depósito fechado.ANEXO III CLASSIFICAÇÃO DA OBRA QUANTO À DESTINAÇÃO DO IMÓVEL . Hospital. Estacionamento térreo. TABELA DE CASA POPULAR Casa popular ou construção residencial unifamiliar construída com mão-de-obra assalariada. com ou sem escritório e sem nenhuma das instalações especificadas anteriormente. Motel.05 TABELA RESIDENCIAL Residência Unifamiliar. Lanchonete ou Restaurante. eventos ou exposições. Escola. Shopping Center.ART. Supermercado ou Hipermercado. Posto de gasolina. Telheiro. Templo Religioso. serviço de alinhamento e balanceamento de rodas. TABELA COMERCIAL – SALAS E LOJAS Escritório ou Consultório. Dependências de Clube Recreativo. Oficina mecânica. restaurante. Hangar. Áreas comuns de conjunto habitacional horizontal. Demais salas comerciais ou lojas com área livre até 100 m². Cinema.

Próprio Financiamento Bancos ou Consórcio Imobiliário Terceiros 6 .ITENS DA OBRA. Pessoa física Nome/Denominação social Pessoa jurídica Construtora Incorporadora CPF/CNPJ Endereço Nº. 2-Órgão Receptor Quantidade FIC – CONSTRUÇÃO CIVIL Alvará Alteração Habite-se Regularização 3-Recepção ( mês/ano ) 4-DADOS DO PROPRIETÁRIO DO IMÓVEL.ANEXO IV 1-Folha PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO PRETO Secretaria Municipal da Fazenda Nº. CONSTRUTORA OU INCORPORADOR.INFORMAÇÕES CONTRATUAIS: Registro Data Misto Mutirão Nº Valor total com reajustes : R$ Contém Termo de Aditivo? Marque com um “X”. MARQUE COM UM “X”.00 m² Piscina de fibra/vinil até 35.00m2 Sauna até 20. incorporador ou condômino: IM Logradouro: ( Rua. Complemento/Bairro Município E-MAIL UF CEP DDD Telefone \ Celular INSCRIÇÃO MUNICIPAL 5-DADOS DA OBRA: Identificação do proprietário do imóvel. Sim Não Quantos? 7 .00 m² Piscina maior que 100.00 a 100.00 m² Sala para Academia Spa: Ofurô/Hidromassagem/Sauna/Piscina Outros: Especificar Outros: Especificar . dono. Avenida ) Lote (s) Quadra (s) Município Data do Alvará UF Data de Ínício Nº CEP Complemento/Bairro Telefone Nº Alvará Construção Término previsto para: (mês/ano) Trata-se de obra: Marque com um “X”. Nova Inacabada Parcial Reformada Acrescida Demolida Recursos utilizados: Marque com um “X “.00 m² Piscina de fibra/vinil de 35.00 m² Piscina de concreto de 35.00 a 100. MARQUE COM UM ”X”. Inexistente Aquecedor à Gás Aquecimento Central Aquecimento de Piscina exceto coletor solar Ar – Condicionado Ar – Condicionado Central Armário embutido Balança para caminhões Campo de bocha / malha Campo de Futebol grama natural Campo de Futebol grama sintética Campo de Golfe Cancela Eletrônica Churrasqueira fixa com chaminé Coletor Solar Deck Elevador de carga Elevador panorâmico Elevador social Escada rolante Estação tratamento águas / efluentes Forno/ Fogão a Lenha Heliporto Hidromassagem Piscina de concreto até 35.00 m² Pista de boliche Playground Portão Eletrônico Projeto Paisagístico Externo Projeto Paisagístico Interno Quadra de esportes Quadra de tênis ou squash Sauna acima de 20.

Horizontal Comercial Andares Livres Comercial Salas e Lojas Galpão Industrial Residência Popular Conjunto Habitacional Popular . Sendo esta folha insuficiente.8 Comercial Salas e Lojas – CSL . Hab.PLANILHA DE RECOLHIMENTOS EFETUADOS DE ISS: Assinalar com um ”X” a condição da obra e preencher planilhas distintas para cada uma delas.PIS Residência Popular . anexe planilha à parte contendo em seu rodapé.8 – MATERIAIS PREDOMINANTES (11) – Alvenaria (12) – Madeira / Mista / Pré-Moldada / Pré-Fabricada 9. Hosp. Áreas Comuns Cj.Horizontal Comercial Andares Livres Comercial Salas e Lojas Galpão Industrial Residência Popular Conjunto Habitacional Popular PIS Quando se tratar de regularização parcial informar a área total regularizada anteriormente ( m² ): 11 .8 Comercial Sala e Lojas – CSL . Áreas Comuns Cj. data e assinatura do representante legal Identificação: Mão-de-obra própria Empreiteira \ Subempreiteira Empreiteira \ Subempreiteira Inscrição Municipal CPF CNPJ .PIS 10 – ESPÉCIE DE OBRA \ ÁREA Destinação do Imóvel. Spa. B e C. Marque com um ”X”. Hospital.ENQUADRAMENTO DA OBRA Obra Nova M² Existente/Projeto M² Demolição M² Reforma/Acréscimo M² Parcial M² Total M² Baixo Residência Unifamiliar – R1 Prédio Popular – PP4 Residência Multifamiliar – R8 Residência Multifamiliar – R16 Projeto de Interesse Social . Residencial – Casa Residencial .Edifício Residencial Hotel. Residencial – Casa Residencial . Motel.16 Galpão Industrial Outra Normal Alto M2 12. – Nº DE PAVIMENTOS \ UNIDADES AUTÔNOMAS Nº Unidades Nº Pavimentos Nº Unidades até 2 quartos Nº Unidades até 3 quartos Nº Unidades com 4 quartos ou mais Destinação do Imóvel.Edifício Residencial Hotel. Spa. Anexos A.RPQ-1 Comercial Andares Livres – CAL . Motel. Hab.

juntar folha à parte) 13 – Declaro sob as penas da lei. que estas informações expressam a verdade.ENQUADRAMENTO DA OBRA – PREENCHIMENTO PELA ADMINISTRAÇÃO BAIXO Residência Unifamiliar – R1 Prédio Popular – PP4 Residência Multifamiliar – R8 Residência Multifamiliar – R16 Projeto de Interesse Social . estando ciente de que nos casos de apresentação de Notas Fiscais de Serviços estas observarão o disposto nos arts 600 e 605 da IN MPS/SRP Nº.8 Comercial Sala e Lojas – CSL . e que não havendo escrita contábil-fiscal ou ocorrendo sua desconsideração. Local e data: Assinatura do Contribuinte: 14 .8 Comercial Salas e Lojas – CSL .AUTOR DO PROJETO Nome CREA CPF Endereço Complemento Tel Fixo Assinatura Celular Cidade E-Mail ART IM Nº Cep Nome CREA CPF Endereço Complemento Tel Fixo Assinatura 15 . de que trata a Instrução Normativa 04\07.RESPONSÁVEL TÉCNICO ART IM Nº Cidade Celular E-Mail Cep 16 .PIS Residência Popular .Observações do Contribuinte: (Sendo o espaço insuficiente. DOU de 15/07/2005. 3. será aplicada a Tabela do SINDUSCON / SECRETARIA DA FAZENDA.RPQ-1 Comercial Andares Livres – CAL .16 Galpão Industrial Outro NORMAL ALTO M2 Observações da Administração: Data \ Assinatura e Carimbo .

anexe planilha à parte contendo em seu rodapé.Anexo A RELAÇÃO DE RECOLHIMENTOS É desnecessária a entrega deste anexo quando em branco Competência (Mês/Ano) Remuneração Mão-deObra em R$ ISS – 2% R$ Banco / Ag. Recebedor Data Autenticação (Dia/Mês/Ano) Valor autenticado R$ Sendo esta folha insuficiente. data e assinatura do representante legal. Data: Assinatura do Contribuinte: .

anexe planilha à parte contendo em seu rodapé. Data: Assinatura do Contribuinte: .Anexo B RELAÇÃO DE NOTAS FISCAIS É desnecessária a entrega deste anexo quando em branco CNPJ Data Nº da NF Série Valor Total NF .R$ Sendo esta folha insuficiente. data e assinatura do representante legal.

data e assinatura do representante legal. anexe planilha à parte contendo em seu rodapé. É desnecessária a entrega deste anexo quando em branco DATA VALOR DATA VALOR DATA VALOR Sendo esta folha insuficiente.Anexo C VALOR PAGO PELA MÃO DE OBRA PRÓPRIA COM VÍNCULO EMPREGATÍCIO. Data: Assinatura do Contribuinte: .

NBR 12.721/2006 Padrão Alto Padrão Normal Padrão Baixo Residência Popular Projeto de Interesse Social Padrão Luxo Padrão Fino Padrão Médio Padrão Popular Modesto Popular Rústico .Comercial Andares Livres CSL 8 – Comercial Salas e Lojas CSL 16 – Comercial Salas e Lojas Lojas (padrão apartamento) Lojas (padrão galpão) • GI – Galpão Industrial Padrão de Acabamento: Tabela Resolução 01\99 IN 04\07 .721\06.NBR 12.Residência Unifamiliar PIS – Projeto de Interesse Social RPQ1 .Prédio Popular R8 – Residência Multifamiliar R16 – Residência Multifamiliar PIS – Projeto de Interesse Social Residências Apartamentos /Escritórios Galpão Industrial • GI – Galpão Industrial Lojas (padrão residência) • • • CAL 8.721/2006 R1 .ANEXO V Tabela de Conversão da Resolução SF 01/99 para os Projetos-Padrão \ NBR 12. Tipo de Edificação: Tabela Resolução 01\99 • • • • • • • IN 04\07 .Residência popular PP4 .

desde que requerido no prazo de sua vigência. e sempre anualmente. a Tabela Mensal do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo – Tabela SindusCon / São Paulo – Custo Unitário Básico – CUB \ Mão-de-Obra. Art. e disponibilizada à Fiscalização Fazendária. Ao construtor. será aplicada. Para apuração do custo mínimo da mão de obra no momento e para fins da expedição do HABITE-SE. por ato comissivo ou omissivo. Art. § 2º. e. parcial ou integral. Art. quando da apuração do montante final da área devida. sem finalidade de venda a terceiros. e por esta aceita. exceto quando demonstrado por meio de contrato e outros documentos hábeis que o preço do serviço não foi determinado pela área real total construída. 7º. O valor do ISS apurado mediante a aplicação da Tabela SindusCon \ Secretaria da Fazenda será calculado com base na área construída. quando este esteja devidamente formalizado e regularizado. até a data da revogação da atual tabela. 70% do valor do Imposto Sobre Serviços. a partir da concessão do Alvará de Construção. dar-se-á em 10 (dez) dias após o protocolo do requerimento junto à Secretária da Fazenda. ribeiraopreto. 4º. 1º.05. dolo ou má-fé. Art. 2º. § 2º. com Alvará de Construção expedido até 30 de junho de 2007. do ISS. desde que o pedido venha acompanhado da devida documentação contábil-fiscal e dos comprovantes de recolhimentos havidos ao tempo dos fatos geradores.415.gov. § 1º. 3º. onde apresentará suas razões de defesa com a produção de todas as provas admissíveis em Direito. adota-se supletivamente a legislação federal. Art. § 2º. os valores dos custos de mão-de-obra. É facultado ao contribuinte o recolhimento antecipado. a quitação total do ISS devido ou seu parcelamento. por tipo de construção \ acabamento. ou prestador de serviços que não atender as condições do artigo 1º.br. publicada no endereço eletrônico da Prefeitura: http//:www. permanece em vigor até 30 de junho de 2007. incorporador. devidamente documentada e integralmente apresentada. e sua escrita constituída ao tempo dos fatos geradores. apurado conforme a Tabela SindusCon \ Secretaria da Fazenda. Todas as Notas Fiscais de Prestação de Serviços dedutíveis deverão ser apresentadas com Guias de Recolhimento do ISS individualizadas. § 1º. cujo vínculo empregatício se comprove pelas guias de recolhimento correspondentes. anexa ao artigo 94 da Lei 2. será adotada a escrita contábil-fiscal do contribuinte. inclusive perante o CREA. publicada no Diário Oficial do Município em 11 de Janeiro de 1999. Art. inclusive avaliação pericial para determinação da base de cálculo do Imposto sobre Serviços – ISS. pela autoridade fiscal. a Secretaria deduzirá do valor da mão-de-obra própria diretamente utilizada na obra. Para efeito de apuração e recolhimento do ISS incidente sobre a prestação de serviços de construção civil.sp. e/ou que resulte de fraude. A Tabela Sinduscon será reconfigurada em Tabela SindusCon \ Secretaria da Fazenda de modo a expressar. É facultado ao contribuinte. que será considerado como m² pago. quanto à comprovação do pagamento de.ANEXO VI RESOLUÇÃO SF O1\06 DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006 Publicada no DOM em 29\12\06 ADOTA A TABELA DO SINDUSCON PARA APURAÇÃO DO CUSTO MINIMO DA MÃO DE OBRA DA CONSTRUÇÃO CIVIL NO MOMENTO E PARA FINS DA EXPEDIÇÃO DO HABITE-SE Art. o contribuinte poderá apresentar recurso. O despacho liberatório do HABITE-SE. 6º. Desconsiderada a escrituração contábil-fiscal. A Tabela Sinduscon \ Secretaria da Fazenda não sofrerá qualquer atualização que não aquelas apuradas pelo SindusCon-SP. por obra. desta Resolução. compreendido no item 7 da Lista de Serviços. de 21 de dezembro de 1970. AFONSO REIS DUARTE SECRETARIO MUNICIPAL DA FAZENDA . Nas obras novas considerar-se-á como prazo de execução o período de 30 meses. para fins de apuração do crédito tributário referido no artigo anterior. publicada no Diário Oficial da União em 15/07/05. A atual Tabela de Classificação das Edificações e Custos de Mão de Obra por M2 em Reais constante da Resolução SF 01/99. Nas hipóteses de construção para uso próprio. Parágrafo único. no mínimo. § 1º. Parágrafo Único. Será considerada inidônea a documentação contábil-fiscal que não atenda aos critérios legais. de forma prática. apurados pelo SindusCon-SP. 5º. especialmente a Instrução Normativa MPS 03.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful