Você está na página 1de 23

Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’.

| Sedentário & Hiperativo Page 1 of 23

 Blog
 Culpados

Busca
Procurar por: Google Search

Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’.


12 out 2008 | por Marcelo del Debbio em Teoria da Conspiração às 16:09 • editar

Olá crianças,
Fazendo uma pequena pausa nos nossos textos sobre Início do Catolicismo, que você pode ler AQUI, AQUI e
AQUI, preciso fazer uma pequena homenagem a uma das figuras mais importantes do ocultismo do século
XX.
Edward Alexander Crowley, conhecido como Aleister Crowley, (Warwickshire, Inglaterra, 12 de outubro de
1875 – Hastings, Inglaterra, 1 de dezembro de 1947) foi um polêmico ocultista britânico, conhecido por suas
posturas controversas e pelo tarô que leva seu nome. Criou a doutrina de Thelema. Em certo momento
conheceu Fernando Pessoa. Seu trabalho influenciou composições ao longo da carreira de Bandas de Rock e
escritores, principalmente Iron Maiden (cujo vocalista Bruce Dickinson irá dirigir um filme sobre a história de
Aleister Crowley), Beatles, Paulo Coelho, Raul Seixas, Ozzy Osbourne, Led Zeppelin (seu guitarrista e
fundador Jimmy Page chegou a comprar uma mansão onde Crowley viveu) e possivelmente Rita Lee.

Edward Alexander Crowley nasceu quase à meia-noite em 12 de outubro de 1875, em Warwickshire,


Inglaterra. Seu pai, rico cervejeiro, membro fervoroso de uma seita cristã, das mais puritanas, irmãos de
Plymouth, impunha rigor na educação religiosa.

Infância
Sua infância esteve marcada por rígidos padrões de comportamento impostos por seus pais, Edward Crowley e Emily Bishop, ativos membros
de uma extremada seita Cristã chamada Irmandade de Plymonth (fundada por John N. Darby). Edward Crowley , fez com que seu filho Aleister
Crowley , ainda criança, freqüentasse a sua seita, forçando-o a diversas leituras da Bíblia Cristã e acostumando-o à vida religiosa da Irmandade.
Este fato, muito embora viesse ser de grande valia bem mais tarde, quando da compreensão dos Mistérios com os quais esteve em contato,
naquele momento apenas fez nascer na criança que se formava, uma intensa repulsa quanto a dogmas, em espécie aqueles de natureza “cristã”.
Aos quatro anos, Crowley lia a Bíblia e aos seis, era um exímio jogador de xadrez. Ingressou no Trinity College. Ali, aprendeu hebraico, grego
e latim. Na mesma época, começou a se interessar por ocultismo. Abandonou o colégio em 1898, ano em que foi admitido na Ordem Hermética
do Amanhecer Dourado (The Hermetic Order of the Golden Dawn G.’.D.’.), onde foi iniciado em Magia Cerimonial, Cabala, consagração de
talismãs, invocação de espíritos e outras coisas.
Em 1886, seu pai falece, Crowley fica sob os cuidados de seu tio e tutor Tom Bishop. Demasiada era a crueldade de Tom Bishop, que Crowley
auto-biografava esta fase de sua vida como “A Infância no Inferno”.

Início no Alpinismo
Na adolescência, o fascínio por aventuras o incentivou ao alpinismo. Praticou com vigor esse esporte, chegando ao destacar-se no mesmo. Sua
carreira de alpinista chegou ao apogeu nos anos de 1902 e 1905, quando participou das primeiras tentativas de escalar duas das maiores
montanhas do mundo, localizadas no Himalaia, o Chogo Ri (K2) e o Kanchenchunga.

Estudou, destacando-se em todas as disciplinas, em Trinity College, Cambridge, onde ficou no período de 1895 a 1898. Nesta época, Crowley,
leitor voraz, estudou intensamente, tomando contato com o que de importante havia na literatura inglesa, francesa, além de diversas outras obras
em Latim e Grego clássicos, inclusive filosofia e alquimia; se dedicou a canoagem, ciclismo, montanhismo e xadrez, atividade esta em que
ganhou notoriedade e que exerceu por toda sua vida. Praticando o montanhismo, Crowley viria a conhecer um homem o qual passou a admirar
profundamente: Oscar Eckenstein. Eckenstein, que, segundo Crowley, era um singular exemplo de dignidade e nobreza, ensinou-lhe, naquele

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 2 of 23

momento, o alpinismo. Alguns anos depois, Eckenstein demonstraria que seu conhecimento não se limitava apenas à conquista de elevadas
montanhas.

Saída da Golden Dawn


Utilizando o pseudônimo de Aleister Crowley, começou a publicar poemas e outros textos considerados pornográficos. Esse
fato, sua vida sexual publicamente desregrada e o ciúme provocado pela sua rápida ascensão da Aurora Dourada valeram-lhe
a antipatia dos membros da Ordem.

“(…) ele adquiriu um apartamento em Londres usando o nome de Conde Vladmir Svaref, onde dispôs dois quartos para
construir um Templo Branco e um Negro. (…) Reza a lenda, certa noite, no Templo Negro (…) ele e Bennet, envergando
trajes cerimoniais, invocaram espíritos utilizando o pentagrama mágico com seu círculo traçado no chão. Acenderam os
incensórios no altar e jogaram folhas de meimendro, datura e incenso, que produziram uma fumaça espessa e de aroma forte. Apareceram 316
demônios que giraram sem parar em volta do círculo sagrado.”

Não demorou o rompimento espetacular com a Golden Dawn, o que teria incluído, segundo os seus seguidores, “fabulosas batalhas entre hordas
demoníacas” conjuradas por Crowley contra seus inimigos e vice-versa.

o Mago precoce
Em Cambridge, seu espírito, como era bem próprio à natureza da Besta, ansiando por um volume maior de conhecimento e aventuras,
encontrava-se perturbado com a insubstancial perspectiva futura. Em 1898, antes de sua graduação, Crowley abandona os estudos para se
dedicar a algo não comum e de maior profundidade do que o oferecido por uma promissora carreira acadêmica.

Por volta de 1896, Crowley havia iniciado a leitura de alguns livros sobre magia e misticismo. Algo
começava a tomar forma dentro de seu inquieto ser; porém a leitura de Nuvem sobre o Santuário, obra
lhe recomendada por A. E. Waite (1867-1940), é que faz com que Crowley decida dedicar sua vida ao
estudo do Ocultismo e da Magia, empenhando-se com afinco no sentido de encontrar a Grande
Fraternidade Branca mencionada no inspirador livro de Eckhartshausen. E aqui começa a carreira mágica
de Aleister Crowley.

Em 1898, através de dois amigos, Julian Baker e George Cecil Jones (respectivamente Frati D.A. e Volo
Noscere, ambos membros da G.’.D.’.), Crowley é apresentado a Samuel Liddell “MacGregor” Mathers
(1854-1918), Frater D.D.C.F. (Deo Duce Comite Ferro), um dos líderes da Ordem Hermética da Aurora
Dourada (The Hermetic Order of the Golden Dawn, mais conhecida pela sigla G.’.D.’.), uma das mais
influentes Ordens do século XIX, que proporcionou a Crowley sua primeva Iniciação e o contato com os
primeiros mistérios mágicos que tanto procurava. A G.’.D.’. fora fundada pelo próprio Mathers, junto
com William Winn Westcott (1848-1925), conhecido pelo mote Frater N.O.M. (Non Omnis Moriar) e
William Robert Woodman (1828-1891), cujo mote era Frater V.O.V. (Vincit Omnia Veritas), em 1887.
Segundo seus fundadores, a existência da G.’.D.’. era devida à orientação e à ordem de uma alta iniciada
alemã chamada Anna Sprengel, Soror S.D.A. (Sapiens Donabitur Astris), que autorizara a abertura de
uma Loja na Inglaterra que representasse a suposta Ordem ancestral a qual pertencia. Diga-se de passagem que, a G.’.D.’., mesmo levando em
conta o possível conciliábulo de sua criação, constitui uma das mais importantes Ordens jamais inventadas pelo espírito humano, conseguindo
reunir em seu corpo de iniciados a nata da intelectualidade inglesa e européia da época. A informação que circula nos meios ocultistas atuais diz
que nomes como o prêmio Nobel de Literatura em 1923, Willian Butler Yeats, além de Gustav Meyrink, Florence Farr, A. E. Waite, Sax
Homer, Bram Stocker, F. L. Gardner, Arthur Machen, o próprio Crowley e tantos outros, pertenceram a esta notável organização.

Crowley, iniciado por Mathers em 18 de novembro de 1898, ao Grau de Neophytus (0=0), tomava, como Mote Mágico, o significativo nome de
Perdurabo (eu perdurarei até o fim), iniciando, assim, seus estudos na G.’.D.’., tendo como primeiro Instrutor Frater Volo Noscere (G. Cecil
Jones). Em dezembro do mesmo ano, Crowley atinge o Grau de Zelator (1=10).

Sua capacidade de assimilação de conhecimentos e sua dedicação ao estudo e a prática do Ocultismo o conduziram, também sob a instrução de
Frater Iehi Aour (Allan Bennett), a ascender rapidamente aos Graus subsequentes da G.’.D.’.; assim, respectivamente em janeiro, fevereiro e
maio do ano seguinte, em 1899, Crowley conquistou os Graus de Theoricus (2=9), Practicus (3=8) e Philosophus (4=7). Bennett, considerado
por Crowley um autêntico Guru, o ensinou várias técnicas mágicas oferecidas pela G.’.D.’., técnicas como Cabala e Magia Cerimonial,
consagração de Talismãs, evocação de Espíritos, e outras coisas.

Em 1900, o mago foi a Nova York e depois ao México, onde travou contato com o venerável-mestre da maçonaria local. Em viagem ao Ceilão,
foi introduzido nos segredos da ioga e na filosofia budista. Em 1903, de volta à Europa, foi morar na Mansão Boleskine, localizada nos
penhascos próximos ao Lago Ness, Escócia. Durante uma viagem ao Egito, conseguiu finalmente estabelecer contato com seu Anjo Guardião e
concebeu a doutrina de Thelema. Em 1907, fundou a A.’.A.’., Astrum Argentum, a Ordem da Estrela de Prata.

Este período de sua vida foi fortemente marcado por duas atividades principais. Quando Frater Perdurabo não estava estudando ou praticando,
Crowley, sob o pseudônimo de Conde Vladmir Svareff ou Aleister MacGregor, custeava as edições de seus escritos (normalmente algum tipo
de pornografia ou poesia), além de cultivar uma intensa vida sexual, a qual escandalizou alguns membros da G.’.D.’.. Sua grande atividade e
principal preocupação, no entanto, continuava a ser a o estudo e prática da Magia.

Entretanto, e isto deveu-se menos aos escândalos promovidos por Frater Perdurabo do que ao ciúme e inveja de certos Adeptos londrinos, e
mesmo Crowley tendo demonstrado capacidade e talento em magia, sua iniciação à Segunda Ordem fora negada, em fins de 1899, pelos chefes
da seção inglesa da G.’.D.’.. Nesta época, Mathers, agora único líder da Ordem, residia em Paris. Contrariando a opinião dos líderes londrinos,
em 16 janeiro de 1900, em Paris, Mathers, fazendo valer sua autoridade dentro da Ordem, inicia Crowley ao Grau de Adeptus Minor (5o=6),
sob o Mote Parzival. Alguns estudantes identificam aqui o fato que marca o inicio da ruína da G.’.D.’..

Pouco antes de sua iniciação, seu grande amigo e Instrutor, Allan Bennett, decide partir para Ceilão, e tornar-se monge Budista.

A insatisfação dos membros da G.’.D.’. com Mathers já era mais que um fato nessa época. Provavelmente o caso Crowley tenha servido como
impulso e álibi necessários para o grupo londrino, liderado por Yeats, entre outros menos conhecidos, declarar-se independente de seu mentor e
líder, MacGregor Mathers.

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 3 of 23

O que se seguiu após a rebeldia londrina resultou em histórias fantásticas de ataques mágicos envolvendo Crowley e uns demônios versus Yeats
e, é claro, mais uma horda de demônios. Depois o próprio Mathers teria entrado na briga, junto, evidentemente, com uma outra legião de
encapetados amiguinhos. Mas essa estória não escapa nem a mais tola crítica. O fato é que Crowley e Mathers ficaram praticamente sozinhos e
a outrora grande G.’.D.’., agora conduzida pelos auto-proclamados novos chefes, ia progressivamente implodindo, ou se esfacelando, resultando
num sem número de Ordens Cristianizadas, sem o élan da G.’.D.’. original.

Crowley, que abandonara um importante trabalho mágico para ajudar Mathers, vê-se só. Parte para Nova York e depois vai para o México.

A estadia no México constituiu um período bem produtivo a Crowley. Além de Tannhauser, escrito em ininterruptas 67 horas, conseqüência de
uma bem sucedida Opera Sexualis, esse período na América Central representou uma decisiva conquista no magista que se formava.

Foi apresentado a Don Jesus Medina, um dos altos chefes da Maçonaria local, Rito Escocês. Crowley afirma que Medina, o convidou para
iniciar-se em sua Loja. Ainda segundo Crowley, ele rapidamente galgaria os graus Maçônicos, alcançando, por graça, o mais alto Grau do Rito.
Mas a chegada de seu amigo e mentor, Oscar Eckenstein, é que daria novos rumos a seu aprendizado. Eckenstein, revelando-se, para a surpresa
de seu pupilo, um grande instrutor, demonstrou que Crowley não tinha controle sobre seus próprios pensamentos, qualificando sua atitude para
com a magia como apenas mera fascinação romântica. A partir daí, Crowley decide dar um tom científico a seus experimentos, estudando com
Eckenstein, uma série de métodos de controle mental.

Após algum tempo de alpinismo e treino mental, Crowley decide ir para o Oriente, com o propósito de encontrar Bennett, seu antigo instrutor,
no Ceilão. Antes, entretanto, combina, com Eckenstein, a escalada do K2, no Himalaia, aventura a se realizar na primavera de 1902.

Bennett, agora Bhikku Ananda Meteya, que aprendera Yoga e Budismo, instrui Crowley nestas disciplinas. No outono de 1902, após a
expedição ao K2, Crowley retorna a Paris. Seu novo encontro com Mathers o decepciona a tal ponto que só lhe restou a boêmia vida parisiense.
Retorna a sua recém adquirida mansão em Boleskine, nas proximidades do Lago Ness, na Escócia, em 1903 e então, procurando algo
suficientemente prosaico para si, intitula-se Lorde Boleskine. Em agosto deste mesmo ano, casa-se com Rose Kelly.

Mas o ano seguinte revelaria a Crowley o mistério que o acompanharia até seu último momento: A Lei de Thelema.

Casado com Rose Kelly, de acordo com Crowley, “uma da mais brilhantes e inteligentes mulheres do mundo”, viaja pela Europa e Egito. De
acordo com os relatos de Crowley, enquanto estavam no Cairo, após uma série de Rituais e Invocações, um ser, identificando-se como Aiwass,
transmite a Crowley, nos dias 8, 9 e 10 de abril, o Liber Al vel Legis ou, como passaria a ser conhecido, O Livro da Lei. Àqueles que conhecem
todo esse processo, é significativo saber que esse Livro foi o primeiro escrito de Crowley, de cunho místico & mágico.

Entre tantos significados atribuídos pelos seguidores da doutrina de Crowley, Liber Al vel Legis proclamaria o fim de uma Era (ou Eon)
marcada pelo sofrimento, pela intermediação entre Deus e o homem, pelo deus sacrificado, etc. Em seu lugar, nasceria a época do deus de
alegria, onde o homem teria a liberdade de realização de sua própria vontade. A epígrafe “Faze o que queres há de ser o todo da Lei”, contida
em Liber Al e maciçamente utilizada nos escritos de natureza thelêmica, sintetiza a própria regra de conduta a ser tomada como tônica do Eon
nascido.

Essa experiência, levou Crowley a assumir o Grau de Adeptus Major, 6o=5 da G.’.D.’., sob o novo Mote de O.S.V.

De volta a Boleskine, Crowley imediatamente trata de expor sua consecução mágica a Mathers, revelando ter, finalmente, feito contato com os
Mui Misteriosos Mestres Secretos que tanto havia procurado. Como costume, Mathers não aceita a revelação. Consequentemente, o mundo do
esoterismo novamente, é palco para ataques mágicos de Mathers a Crowley e vice-versa. Mas o incontestável fato é que isso representaria o fim
da convivência entre os dois magos.

Em 1905, mais uma expedição ao Himalaia: desta vez o alvo era o Kanchenchunga.

Cansado de suas birras com a G.’.D.’., em 1907, Crowley funda a A.’.A.’.; a Argenteum Astrum, Ordem
da Estrela de Prata, que – segundo Frater O.S.V. – substituiria a G.’.D.’., herdando sua estrutura de
graduação. Entre tantos significados possíveis, particularmente um inspirou Crowley na escolha desse
nome para a Ordem. Segundo ele, o dourado amanhecer (Golden Dawn) é o que precede a Estrela Dalva
(Vênus, ou Lúcifer), a prateada estrela da manhã que “anuncia” o Sol. Crowley, em 1909, dá início ao
primeiro período aberto a Probacionistas a sua A.’.A.’. e, com a publicação da série The Equinox,
“destrói” magicamente a G.’.D.’. . No período de 1907-1911, Crowley, consagrando seu tempo ao
estudo, a prática e a escrita, publicaria cerca de uma dúzia de livros de cunho poético-mágico (excluindo
a série The Equinox). Neste período também, após a morte de sua filha em 1906, Crowley separa-se de
sua esposa, Rose Kelly, em 1909. Nesse mesmo ano, Crowley assume o Grau Adeptus Exemptus 7=4,
agora na sua A.’.A.’., com o Mote OU MH. Em 3 de dezembro de 1909, durante uma a Visão do 14o
Aethyr, toma o Grau de Magister Templi, sob o Mote V.V.V.V.V., 8=3 da Ordem da Estrela de Prata.
Em 1911 Crowley escreve Liber CCCXXXIII, O Falsamente chamado Livro das Mentiras, que
publicaria mais tarde, em 1913. Em 1912 porém, outro acontecimento daria novo rumo a sua vida.

Em meio à serie de livros que escreveu até 1911, destacou-se o Liber 777, ou Livro das Mentiras, que
impressionou o líder da Ordo Templi Orientis (O.T.O.), na Alemanha, ordem que se auto-proclamava
legítima herdeira dos Cavaleiros Templários. Crowley foi nomeado representante da OrdoTempli
Orientis para os países de língua inglesa. Em 1920, fundou a Abadia de Thelema, na localidade de Cefalu, na Sicília, Itália. Falsas acusações e
boatos sobre missas negras e orgias de sangue levaram a sua expulsão do local, por Mussolini, em 1923.

Drogas
O envolvimento de Crowley com drogas deu-se, a princípio, por conta do consumo de morfina para fins terapêuticos, posto sofrer ele de asma.
Incentivado por Alan Bennett passou a utilizar drogas para finalidades ritualísticas. Cientes do prejuízo que tal uso causava à sua saúde, lutou
uma verdadeira guerra para livrar-se do vício. Ao que tudo indica, conseguiu tal intento apenas já perto do final de sua vida, quando nem mesmo
a morfina utilizava mais.

Crowley dizia que o uso de drogas com finalidades magicas era lícito. Porém ressaltava que o mesmo só deveria ser tentado por alguém que
tivesse uma vontade e uma disciplina firmes o bastante para não se deixar dominar pelo vício.

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 4 of 23

Características pessoais
Crowley, sem dúvida, foi um intelectual do ocultismo mas também é famoso pelo seu gosto pelo Desporto: além de ter sido um excelente
enxadrista desde a infância, praticou também o ciclismo, a canoagem e sobretudo, o alpinismo, tendo realizado várias excursões aos picos da
cordilheira do Himalaia.

Outro aspecto marcante de sua biografia refere-se à vida sentimental. Foram duas esposas oficiais e muitas amantes, as chamadas mulheres
escarlates, todas elas parceiras de Crowley em suas operações mágicas, que as utilizava como médiuns. De seus filhos, somente a primeira, do
primeiro casamento, sobreviveu. Seu nome era Nuit Ma Ahathoor Hecate Sappho Jezebel Lilith Crowley, um panteão que reúne alegorias
representativas de Justiça, Amor, Beleza, Face Negra da Lua, Poetisa, Adoradora de Ba’al e Rainha dos Demônios e dos Mundos Infernais.
Quando Crowley morreu, Lilith recusou o legado literário ocultista de seu pai.

Entre outros epítetos, todos auto-atribuídos, Crowley foi chamado: Perdurabo (em latim, “Eu perdurarei até o fim”), Parzival, Baphomet (como
líder da O.T.O. em países de língua inglesa), Deus est Homo (como chefe da O.T.O. mundial), “O mago das mil faces”, “A Grande Besta” (To
Mega Therion, em grego) ou ainda, como queriam seus detratores, “O homem mais perverso do mundo”.

Durante a II Guerra Mundial, Ian Fleming e outros propuseram uma operação de desinformação na contra propaganda de guerra, em que
Crowley teria ajudado o MI6,serviço secreto britanico como agente especial para atrair o oficial nazista Rudolf Hess,segundo no comando
dentro do poder na Alemanha junto ao lider Adolph Hitler.Crowley junto com Louis de Wohl,nascido na alemanha, e recrutado durante a
Guerra pelo MI6 britanico, um ocultista e supostamente um membro “Lantern do The Seven Circle”,supostamente ,ambos ajudaram ao serviço
secreto inglês e na criação do plano de ocultismo,desenvolvendo horóscopos e diversos documentos falsos para ludibriar os nazistas.
Crowley ,acreditasse também que tenha se utilizado de acrônimo de Maskmelin, um mágico e mestre secreto da “The Seven Circle ,denominado
pelo codename Secret Agent 777,uma referencia baseda na Qabalistica escrita pelo próprio Aleister Crowley numa coleção , editada e
introduzida pelo Dr. Israel Regardie .Tanto Crowley,Ian Fleming,e outros infiltrados agentes faziam parte de uma Operação desenvolvida
baseada no livro “Flying Visit” de 1940 ilustrado por David Low, — uma humoristica novela sobre a visita a Inglatrra por Adolf Hitler-,escrito
pelo irmão mais velho de Fleming,também um agente infiltrado cognominado por “Lantern” nos Serviços Secretos da organização MI6,que
poderiam então passar ao longo informações falsas sobre uma alegada pró-alemão círculo na Grã-Bretanha.O governo britanico abandonou esse
plano quando Hess voou para a Escócia, falhando o seu avião sobre o próximo Eaglesham mouros, e foi capturado. Fleming então sugeriu usar
Crowley como um interrogador para determinar a influência da astrologia com outros líderes nazistas, mas seus superiores rejeitaram esse
plano. Em algum momento, Fleming também sugeriu que a Grã-Bretanha poderia usar Linguagem enoquiana como um código.

Ritual em Ashdown Forest, Crowbourgh em Sussex


Outro esquema envolvendo Crowley com o já famoso “Ritual das Bruxas”. Este era destinado a Hitler e
os nazistas do alto comando para evitar a invasão da Inglaterra. O ritual teve lugar em Ashdown Forest,
Crowbourgh em Sussex, e os ocultistas a serviços de Aleister Crowley, uma rede de infiltrados agentes
do oculto ou “Lantern’s’, entre eles o famoso cultista amigo de Crowley, um também membro da The
Seven Circle, Cecil Hugh Williamson. Williamson foi o fundador do Centro de Pesquisa Witchcraft na
Segunda Guerra Mundial, e o Museu de bruxaria em Castletown sobre a Ilha de Man. Em 1938, ele foi
convidado a ser o cabeça de uma secção especial do MI6, anexado ao Foreign Office. Seu objetivo foi o
de recolher e assimilar as informações sobre os nazistas e magia .A fim de facilitar a Operação
Witchcraft, ele formou o Centro de Pesquisa, tendo Crowley como um importante agente duplo. Uma
parte de sua estratégia, foi a de determinar em que o alto comando nazista seria influenciado pela
astrologia, e previsões (em particular as de Nostradamus). Isto foi feito através do estudo da grafologia e
outros métodos.O mago Gerald Gardner,um discipulo de Crowley e fundador da Wicca, foi grande amigo
de Crowley, a quem deve boa parte da ritualística da Wicca Inglesa.

Falecimento
No primeiro dia de dezembro de 1947, aos 72 anos, Aleister Crowley, serenamente segundo alguns,
exultante segundo outros, e ainda perplexo, segundo terceiros, falece, vítima de bronquite crônica e
complicações cardíacas, uma fragilidade que tanto o atormentava.

Quatro dias depois, no crematório de Brighton, assistido por um reduzido número de admiradores e discípulos, é realizada a cerimônia que ficou
conhecida como “O Último Ritual”, com a leitura de trechos da Missa Gnóstica, e de seu maravilhoso Hino a Pã. Realizara-se, assim, a última
vontade da Besta.

Alguns de seus mais influentes livros incluem:

The Book of the Law


Magick (Book 4)
The Book of Lies
The Vision and the Voice
Liber 777
The Confessions of Aleister Crowley
Magick Without Tears
Little Essays Toward Truth
The Goetia: The Lesser Key of Solomon the King
Aleister Crowley and the Practice of the Magical Diary

—————–
Como membro da Augusta e Respeitável Loja Simbólica Aleister Crowley, a única Loja Maçônica autorizada a carregar seu nome na América
do Sul, sinto-me ao mesmo tempo feliz e comovido de ter participado do ritual de comemoração de seu aniversário, onde Crowley, irmão do
grau 33, manifestou-se astralmente e nos parabenizou pelo trabalho de divulgação e continuidade de seus estudos.
Crowley completaria hoje 133 anos.

Salmo 133
“Oh! Como é bom, como é agradável para irmãos unidos viverem juntos. É como um óleo puríssimo derramado sobre a fronte, e que desce
sobre a barba, a barba de Aarão, para correr em seguida até a orla de seu manto. É como o orvalho do Hermon. Que desce pela colina de
Sião; Pois ali derrama o Senhor a sua benção. E a vida para todo e sempre”.

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 5 of 23

Faça o que tu queres há de ser o todo da Lei.

93!

 84 Protestos
 Compartilhe

Comentários

1. cleber beachi borges


12 de outubro • Editar

Parabéns DD
93 pra você também

2. brand
12 de outubro • Editar

Marcelo o Bruce Dikinson ja fez um filme a respeito de Crowley, que leva o nome de uma musica do mesmo cantor que se chama
chemical wedding, o filme é uma ficção e conta a história de um professor q é a reencarnação de Crowley .

3. Ricardo
12 de outubro • Editar

Olá Marcelo,

Só queria informar que no corpo do texto, o parágrafo 14 se repete no 16.

E muito obrigado por compartilhar conosco sua experiência no ritual de comemoração do aniversário de Crowley.

Abraço

4. Ricardo Yukio
12 de outubro • Editar

Assombroso!

5. Alessandro Angeruzzi
12 de outubro • Editar

DD,
O conteúdo está muito bom, mas dá uma revisada, porque o texto está cheio de parágrafos duplicados, meio repetitivo e a ordem
cronológica tá meio bagunçada.

@MDD – eu sempre escrevo os textos no word e depois recorto-colo no sedentário, o editor de textos/imagens do wordpress é meio
bizarro. As vezes acontecem parágrafos duplicados. Já dei uma revisada no texto. Thanks!

6. Vitor Vitali
12 de outubro • Editar

Bom post, mas tenho uma dúvida, e já faz certo tempo, o que são esses “.’.” após cada letra de um sigla?

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 6 of 23

7. thomaZ
12 de outubro • Editar

Tenho muito respeito por esta digníssima personalidade que andou por nossas terras um dia. Crowley. Merece nossos parabéns.
Mas tio que história é essa: Manifestou-se pra vocês astralmente?
-As vezes eu acho que não vivo neste mundo, ou pelomenso ainda não acordei nele- mas estou em busca de acordar…
Feliz 133, Mr.Crowley.
Abraços.

8. J Wbt
12 de outubro • Editar

Love is the Law, Love under will.

9. Hendric
12 de outubro • Editar

(elogios.zip)

Poderia falar mais sobre 2012?

As vezes fico pensando sobre isso, e chego a algumas conclusões do tipo:

Faz parte da evolução, é apenas mais uma etapa espiritual.

Será algo bom, colocará as coisas em seus lugares.

Mas o pensamento desta vida a que nos apegamos é tão forte que chego a ficar aflito em alguns momentos, penso na vida terrena e em
tudo que perderiamos, não chegarei a ver minha sobrinha grande? (até penso que isso é uma ilusão e que ela é um espiríto que pode ser
até mesmo muito mais evoluído do que o meu) mas é tão estranho não saber o que vai acontecer, ficar pensando em como pode ser um
mundo totalmente espiritual, sem objetos? sem massa? …

Poxa solta uns spoils, pelo menos algumas pequenas partes do quebra-cabeça, nem que seja a quina dele, a parte mais fácil…

Abraço!!

10. luis
12 de outubro • Editar

O que quer dizer esta frase?


“Faça o que tu queres há de ser o todo da Lei.”
Entendo lei como regras de conduta das coisas que são mais certas a se fazer.
Se eu tenho a liberdade de fazer o que quiser, pois a Lei permite, eu posso matar?

11. wagner Martins


12 de outubro • Editar

O resumo da vida de Crowley ficou bem legal, eu gostaria de saber mais sobre como foi a relaçao das bandas e musicos citados com o
mago, como quem começou essa mistura de musica e ocultismo, que esta presente em obras que eu admiro bastante como a de Raul
Seixas, sera que este assunto sera abordado?

12. Danilo
12 de outubro • Editar

E viva a sociedade alternativa!

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 7 of 23

O governo Brasileiro vc já disse que é. Mas o quão envolvido o Ingles é e com o ocultismo? E o americano?

13. kalki
12 de outubro • Editar

Parabéns Crowley. Muitos agradecimentos pelas suas obras. E esteja é paz.

93,93/93!

14. Ítalo Souto


12 de outubro • Editar

Maravilhoso texto!!! ja havia lido sobre Crowley bem antes que aqui quando fui traduzir a música de Ozzy.
Gostaria que o tio falasse mais sobre as influências nas músicas, principalmente as brasileiras, e na literatura, especialmente Fernando
Pessoa,

Continue assim.

15. Luciano
12 de outubro • Editar

Texto fantástico !!!!! Parabéns

16. Dharma
12 de outubro • Editar

Crowley não ingressou em nenhuma Universidade?

Grau de Neophytus (0=0), Zelator (1=10), Theoricus (2=9), Practicus (3=8), Philosophus (4=7), etc. Por que a soma é 11? Se você puder
explicar essa forma (5=6 por exemplo) ficaria agradecido.

“…toma o Grau de Magister Templi, sob o Mote V.V.V.V.V., 8=3 da Ordem da Estrela de Prata.”
8=3 seria o grau máximo?

“denominado pelo codename Secret Agent 777″


O famoso James Bond (007) não tem ligação alguma né?

e uma observação: tem dois parágrafos iguais, apenas o final é diferente “e outras coisas” e “etc”. heheh
O parágrafo é esse:
“Sua capacidade de assimilação de conhecimentos e sua dedicação ao estudo e a prática do Ocultismo o conduziram, também sob a
instrução de Frater Iehi Aour (Allan Bennett), a ascender rapidamente aos Graus subsequentes da G.’.D.’.; assim, respectivamente em
janeiro, fevereiro e maio do ano seguinte, em 1899, Crowley conquistou os Graus de Theoricus (2=9), Practicus (3=8) e Philosophus
(4=7). Bennett, considerado por Crowley um autêntico Guru, o ensinou várias técnicas mágicas oferecidas pela G.’.D.’., técnicas como
Cabala e Magia Cerimonial, consagração de Talismãs, evocação de Espíritos, e outras coisas.”

Abraço

17. renis ramos silva


12 de outubro • Editar

93??
Varios foram os numeros que tu escreveu para finalizar as colunas. Nunca saberemos seus significados?

Sera que durante explicações sobre templarios e afins, tu falara se tem algo a ver com Terra de Santa Cruz ser prometida a uma Ordem
que teria em seu meio membros escondidos dos Templarios.

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 8 of 23

18. Henrique
12 de outubro • Editar

Marcelo,

Sinceramente, continuo num limbo entre a descrença e a vontade de adentrar neste mundo. Seria muito importante para mim se você
pudesse me indicar algum livro/site/texto/etc onde eu pudesse me decidir plenamente.
Grato

@MDD – não sou eu quem vai decidir isso pra voce, sorry.

19. Mr.Kenobi
12 de outubro • Editar

Putz! Já escutei Sociedade Alternativa milhares de vezes e nunca percebi que Raul Seixas citava isso em sua música. Genial!!!
Mais uma vez, parabéns pelo artigo!

20. hahaha
12 de outubro • Editar

”…lutou uma verdadeira guerra para livrar-se do vício. Ao que tudo indica, conseguiu tal intento apenas já perto do final de sua vida,
quando nem mesmo a morfina utilizava mais.”

É aquela estória, parecia inofencivo mas te dominou ,por ae você pode ver o qto as drogas dominam o homem , o mentor da Thelema só
ter Thelema suficiente pra se livrar delas no fim de sua vida qdo as mesmas ja o teriam causado gdes males ,é de cair o queixo .

21. M:.R.
12 de outubro • Editar

93,93/93!

22. Renato
12 de outubro • Editar

Muito bom texto, tio. Sempre fui fascinado por Crowley e por sua vida, e esse texto tirou me muitas dúvidas.

Parabéns a Crownley!

23. felipedecoy
12 de outubro • Editar

del debbio, quem escreveu esse texto? sinceramente, não parece ter sido escrito por você, sem contar que a cronologia dele está muito
confusa. Precisava de uma ediçãozinha, já que se trata de um assunto muuuuito importante.
E Crowley, parabéns, mesmo no pós-vida.

24. Diego Ferreira


12 de outubro • Editar

Parabéns, mais uma excelente coluna.

PS: tem um parágrafo repetido…

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 9 of 23

25. Potti
12 de outubro • Editar

mto legal o texto, mas algumas partes pareciam duplas. outra coisa, ql o significado do ultimo 93!? os livros do crowley eu acho em
tupiniquim?
obs: adoro seus textos, parabens!!

26. JUliana ferreria


12 de outubro • Editar

ótimas dicas

27. RED MAN


12 de outubro • Editar

Muito bom o texto… mas me explica uma coisa… como ele sobe de grau em uma seita que ele mesmo fundou???

@MDD – Ele não “subiu” de grau, ele montou toda a estrutura da Ordem baseada na estrutura da GD/OTO e já começou no
grau mais alto. Em Ordens Iniciáticas não acontece como nas religiosas, onde os graus maiores formam uma pirâmide onde só há
um papa e alguns poucos cardeais que detém todo o conhecimento… em Ordens Iniciáticas, todos os membros que conseguem
passar nos exames/ordalias/provas adquirem direito a acessar determinado grau, desta maneira, se uma ordem possui, digamos
1000 membros e todos chegam ao ultimo grau, então teremos 1000 Mestres. Tenta pensar como no karate ou kung-fu… quem tem
capacidade chega na faixa preta… se toda a academia treinar, todos os estudantes da a academia chegam na faixa preta.

28. Eduardo
13 de outubro • Editar

Tio DD

não entendi quem escreveu o texto. Foi vc? Se foi vc é membro da Augusta e Respeitável Loja Simbólica Aleister Crowley, certo? A
maçonaria então tem em seus estudos textos de Crowley? A Astrum Argentium ainda existe? É aberta? última pergunta: A Grande
Fraternidade Branca não é , digamos, um aordem astral? Para se “entrar” nela não teríamos que estarmos no plano astral (mortos)?

@MDD – sim, eu sou membro da ARLS Aleister Crowley, 3632. Não, não precisa estar morto para se acessar o Plano Astral. Leia
meus posts antigos sobre Yesod para entender mais.

29. Marcos Augusto


13 de outubro • Editar

Definitavemente, esse cara não bate bem da cabeça.

30. Tamiris Rendall


13 de outubro • Editar

Muito bom… mais um lá da terrinha


Sei la porque mas ser prestigiado por Paulo Coelho tira o prestigio da pessoa

31. Rafael
13 de outubro • Editar

De que forma ele se manifestou, Marcelo? Fiquei muito curioso. Você poderia detalhar o ocorrido?

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 10 of 23

Grande abraço.

32. Edson Santos


13 de outubro • Editar

Já que é uma homenagem(feliz aniversario), essa semana deve sair outro post de continuação, poderia ter citado o Ctrl C, Ctrl V…
hehe até o que repete lá, repete aqui… abraços…

33. terugo
13 de outubro • Editar

parabéns ao senhor crowley

curioso que ao ler a coluna lembrei-me do aniversário de um amigo, sem esta leitura teria ficado sem lembrar provavelmente

até mais

34. Johnny Menezes


13 de outubro • Editar

Muito bom.
Só corrigindo… Algumas partes do texto estão repetidas.

35. DUNHA
13 de outubro • Editar

Copiar e colar da wiki é fácil!!


Ou então, editar na wiki pra que seus posts pareçam ter algum fundo de verdade, também é moleza!
Foda uma coluna dessa ter tanta repercussão…

@MDD – na verdade, é o contrário. Quem escreve e corrige boa parte dos textos da wikipedia da área de ocultismo sou eu,
tirados dos meus textos do Sedentário, que por sua vez são baseados em pesquisas de livros. Odeio pesquisar na internet,
especialmente nesse campo das ciências, justamente porque normalmente não tem nada que presta.

36. over
13 de outubro • Editar

belo texto. tem um pedacinho repetido ali em cima. parabéns.

37. P. Moura
13 de outubro • Editar

Lindo!

38. Marcelo
13 de outubro • Editar

Como sempre.. ótimo texto…

é sempre bom conhecer mais..

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 11 of 23

Ps.: Tem uma parte do texto repetida ali em cima ein… ^^

39. Phoka
13 de outubro • Editar

Engraçado como um drogrado ,sexolatra que só não era marginal pq tinha dinheiro sirva de exemplo pra tantas pessoas …

40. gusthgr
13 de outubro • Editar

haaa
eu sabia que a ritinha sabe de algo
hehehe
valeu pelo texto!

41. gusthgr
13 de outubro • Editar

marcelo o texto tá meio confuso..mas dá pra entender

42. Gabriel
13 de outubro • Editar

Marcelo,

Muito boa sua coluna, sei que você não gosta de futebol, mas só para denfender o esporte mais popular do mundo, saiba que por tras do
que é passado na midia, existe uma historia riquissima de herois, vilões, poetas como Nelson Rodrigues, partidas epicas… enfim, e esse
saudosismo que apaixona.
Como é intrigante e apaixonante descobrir “a verdade por tras da historia”(tirei isso do The History Channel), que você nos conta todas as
semanas.

É claro que você deve saber disso tudo, é mais para deixar pro pessoal que tudo tem o seu lado puro e admiravel, como o samba que
muitos criticam pela pobreza cultural atual, mas que revelou pessoas incriveis como Cartola, Paulinho da Viola entre outros poetas.

Até a Igreja Catolica, por incrivel que pareça, mas se você analisar as sociedades do inicio do seculo passado, fundadas no catolicismo,
deram verdadeiros exemplos de pessoas de bem, com bons custumes, honra e educação. Isso é bem discutivel, mas acredito que as vezes
oque falta hoje em dia, por mais absurdo que pareça, é um pouco de rigidez da familia.

Enfim, voltando para a sua coluna, só uma duvida:

“Quando os zelotes tomaram a fortaleza em 66, após eliminar uma coorte da Legio III Gallica ali estacionada, encontraram um bem
sortido estoque de armas, bem como quantidade de ferro, bronze e chumbo para o fabrico de armas e munição.”
Esse trecho é do post – “Queima ele Jesus I”.

Marcelo, diga que eu li errado, não me venha dizer que essas armas eram de fogo.

43. João
13 de outubro • Editar

A.’. R.’. L.’. S.’. Aleister Crowley? Que Oriente? Que Potência? Que nº?
Bom texto, parabéns
TFA

44. Hugo Lima"

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 12 of 23

13 de outubro • Editar

Tio Marcelo,

Primeiro, um toque. Em 1898, Crowley não abandonou o colégio [school], mas a faculdade [college]. Isso ou ele ainda tava no colégio
com 23 anos. [2º parágrafo da parte "Infância"].

O parágrafo sobre a Segunda Guerra Mundial tá muito confuso. Talvez fosse uma boa revisá-lo, hun?

Concordo com o que alguns disseram, que o texto ficou repetitivo em algumas coisas, mas achei bem interessante. A Besta não é alguém
que eu conheça o suficiente para fazer algum juízo, mas é de relevância para o cenário ocultista e iniciático mundial. Que tal falar um dia
sobre Franz Bardon? Ou sobre algum ocultista brasileiro não-picareta e relevante?

Mudando de assunto, você não é da A.’.R.’.L.’.S.’. Madras?

45. Marcell"
13 de outubro • Editar

Formatação ruim, texto ótimo.


Tenho lembrado muito dos seus textos sempre que algum tio maçon se empolga a falar sobre egregoras ou viagem astral… hahaha
Tio DD, já que estamos falando do Aleister, acabei me lembrando do Raulzito… o que o senhor diz sobre os livros espíritas “Um
Roqueiro no Além” e “Há Dez Mil Anos Atrás” (dos quais, infelizmente, só tive a oportunidade de ler o segundo)?

46. Gabriel
13 de outubro • Editar

Outra coisa, você tem planos até 2012, exatamente o fim do calendario Sumerio e Asteca. Se eu não me engano é dia 21/12/2012. Data de
aniversario do meu irmão. Creio nesses calendarios pela credibilidade dos povos. Até onde eu sei de historia, um criou o alfabeto
(sumerios), o outro… bem o outro tambem é notavel.
A unica coisa que pode ligar esses dois é a atlantida, pois como você disse, existiam povos extremamente evoluidos lá.

Claro que você vai querer falar um pouco disso lá para frente nenão?

47. Nathan
13 de outubro • Editar

O Aleister ainda me dá medo….mas um dia isso passa e, quem sabe, poderei conhecê-lo no plano astral….

48. Melquisedeque
13 de outubro • Editar

parabéns “in memoriam”

que aproveitemos ao máximo esse legado que ele deixou!

e vc vai falar sobre a grande fraternidade branca??

93,93/93

93

49. Guaraci Primo


13 de outubro • Editar

Onde? Quando? e de que forma Crowley influenciou em Bandas de rock e cantores afins? Nas letras? Onde poderia encontar material a
esse respeito?

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 13 of 23

50. Ricardo
13 de outubro • Editar

Olá Marcelo,

Segue um link p/ reflexão sobre suas declarações sobre Samael Aun Weor, ainda bem que falou sobre Crowley. Se tiver um tempo leia o
texto.
http://www.gnostica.org.br/crowley-samael-osho-%E2%80%93-homens-e-ideias/

[]s

51. Luiz
13 de outubro • Editar

Olá Marcelo.
Por favor publique mais textos de Aleister Crowley.

52. Oz
13 de outubro • Editar

Grande I.`.

53. EDson Santos


13 de outubro • Editar

Se foi vc que escreveu o testo no wiki meus parabéns, agora que parece um ctrl c ctrl v é só comparar…

http://pt.wikipedia.org/wiki/Aleister_Crowley

54. preguiça
13 de outubro • Editar

acho q tô começando a entender o que o crowley queria passar..


ou nao.. ehasiuehk
o filme Chemical Wedding tá rolando na net já, tô baixando, só não sei se é fake…

mas e a estela 666? vc nem citou ela, estranho..


e nao me lembro de vc ter mencionado ela anteriormente.
o_O

@MDD – já falei sobre o 666… procura nos textos anteriores.

55. danili
14 de outubro • Editar

salve Aleister Crowley!!!! ameiiiiiiiiiiiiiiii

pax et lux

56. Matheus
14 de outubro • Editar

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 14 of 23

Qual o artigo ideal para entrar no mundo do Marcelo DD? Já comecei a ler alguns, mas eles sempre remetiam a textos anteriores,
sucessivamente.

57. Christiano Mesquita


14 de outubro • Editar

93
93
93
sempre!

58. elfo
14 de outubro • Editar

oi… desculpa eu sempre tenho lido as colunas mais não estou acompanhando ainda… eu comecei da ultima e fui lendo até tenta chegar
nas mais recentes… mais mesmo assim… eu estou bem atraz… eu vi algum tempo atraz alguem que estava fazendo um PDF com todos
os posts…. se possivel gostaria de saber se tem um mais recente com até esse post aqui… e gostaria de saber onde posso conseguir ele ^^
estou muito afim de poder acompanha

vlw

59. preguiça
14 de outubro • Editar

ué… do 666 eu sei que você falou, mas eu perguntei da “ESTELA 666″, mas me desculpa se eu não fui claro o suficiente, vou me
esforçar mais da próxima vez..

60. thibas
14 de outubro • Editar

a única coisa que conheço sobre Aleister Crowley foi o que li nesse post, mas ele parece ser um belo exemplo da diferença de TER o
conhecimento e SER o conhecimento…

não sou tão radical como o comentário do Phoka, mas vejo as coisas nessa direção…

abraços a todos

61. Rodrigo
14 de outubro • Editar

O que faz um “demonio” servir ao mago X e não ao mago Y ? nao pode ser por simples afinidade….

@MDD – na verdade, uma série de razões. Boa parte delas envolvem as equipes astrais, o contato com as entidades antes de
encarnar, a tradição, a linha que a Ordem segue, merecimento, etc. As entidades ancestrais incorporadas são algo realmente
impressionante de se ver. Algum dia eu conto uma experiência interessante que tive nessa linha de conjurações…

62. RW
15 de outubro • Editar

Vivo sem a droga da igrejas, as outras drogas ilícitas, qualquer Pai de família consegue conduzir seus filhos, mas o demônio das igrejas
que entram no batismo, quem poderia derrotá-los? Alistem-se!
Abração Marcelo, já passei por todos os graus da maçonaria! Inventei meu rito! Ou foi a loja da segurança! Beijo na boca do Pai!!!

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 15 of 23

63. Pepeto
15 de outubro • Editar

Só mudando de assunto um pouquinho, Marcelo. O que você acha da Associação Gnóstica de Estudos Antropológicos e Culturais, Arte e
Ciência? Quase fui a uma palestra sobre Gnose, mas perdi a hora. Tenho receio de ir a essas palestras e me meter com os “esquisotéricos”
de que você tanto fala. Posso confiar na AGEACAC? É uma associação séria? E os livros da Moria? Faço os mesmo questionamentos em
relação à editora.
Desde já, agradeço.

64. Acauã Silva


15 de outubro • Editar

Ótima biografia, bem concisa.


Mas mesmo ela, não serve para desmitificar Edward Alexander Crowley. O fato dele se denominar A Grande Besta, entre outras coisas e
nossa herança cristã cria dificuldades para compreender o que foi e o que é sua obra. Para alguns, eu me incluo, não consigo entender o
que é magia, pois não vivo isso diariamente (ou vivo?!). Apesar do interesse de alguns, nascemos na sociedade estagnada. Não existe
liberdade verdadeira, só vemos a luz refletida na parede. Ao que parece, Crowley foi um buscador, aquele que parecer ter visto a luz.
Assim, muitos não conseguem enxergar a luz diretamente, por isso não compreendem o que foi esse homem. Mesmo que eu repita 93,
somente estou me enganando. Pois eu não entendo o que é a luz. Mas gostaria de ser um homem que possuia a verdadeira liberdade, como
Crowley foi. Oxalá.

65. gino
15 de outubro • Editar

é Phoka, se depender do texto daqui, parece até que ele é grande coisa…
fiquemos com jaques bergier, que considero mais entendido do assunto:

Desde o segundo degrau do primeiro nível, o candidato era tratado de maneira a eliminar todos os seus males mentais e todas as suas
fraquezas. Conhecem-se cinqüenta tratamentos desse tipo que parecem ter bons efeitos.Durante cinco ou seis anos, a Ordem deu
satisfações a todo mundo, e todos que dela participavam dizem que mentalmente ficaram enriquecidos. Depois Mathers se pôs a fazer das
suas. Em 29 de outubro de 1896, publicou um manifesto afirmando que existia um terceiro nível na Ordem. O terceiro nível era, segundo
ele, constituído de seres sobre-humanos, dos quais dizia:“Creio, no que me concerne, que eles são humanos e que vivem nesta terra. Mas
possuem espantosos poderes sobre-humanos. Quando os encontro em lugares freqüentados, nada em suas aparências ou vestimentas os
separa do homem comum, salvo a sensação de saúde transcendente e de vigor físico.Em outros termos, a aparência física que deve dar,
segundo a tradição, a posse do elixir da longa vida. Ao contrário, quando os encontro em lugares inacessíveis ao exterior, trajam roupas
simbólicas e as insígnias de suas ordens.”Evidentemente, pode-se pensar diversamente quanto ao conteúdo desse manifesto, e perceber a
loucura de Mathers, mas é preciso pensar que ele talvez não estivesse mentindo. Tudo o que se pode dizer é que seria muito melhor que
ele se calasse. De um lado, foi a partir daí sujeito a uma perseguição que o conduziu à morte em 1917. De outro lado, seu manifesto atraiu
pessoas pouco recomendáveis à sociedade, como o célebre Aleister Crowley.Personagem sinistro e sem dúvida megalomaníaco, em todo
caso, delirante, Crowley apareceu um belo dia de 1900 na Loja de Londres. Trazia uma máscara negra e um costume escocês. Declarou
ser enviado de Mathers, designado para dirigir a Loja de Londres. A reação foi violenta. Yeats, Imperador da Loja, depôs Mathers e
expulsou Crowley. A. E. Waite pôs em dúvida a existência do terceiro nível e de superiores desconhecidos.Em 1903, Waite e um certo
número de amigos demitiram-se e constituíram uma outra ordem chamada igualmente Golden Dawn. Essa ordem se manteve até 1915,
depois desapareceu. O restante dos membros da Golden Dawn continuaram até 1915, depois Yeats, Arthur Manchen e Winn Westcott se
demitiram.A ordem continuou bem ou mal sob a direção de um tal Dr. Felkin, depois caiu no esquecimento e se extinguiu. Assim
terminou o que Yeats chamara de “a primeira revolta da alma contra o intelecto, mas não a última”. Parece que Mathers retirou o conjunto
de rituais que permitiram reproduzir certos fenômenos. Todas as tentativas para publicá-los foram interrompidas, pois os manuscritos
pegavam fogo ou ele mesmo caía doente. Morreu em 1917 completamente alquebrado. Alguns dizem que Crowley foi seu principal
perseguidor, mas Crowley pareceu, com efeito, ser apenas um megalomaníaco bem pouco perigoso.

@MDD – não é exatamente como ele descreveu, mas sim, existe este terceiro nível e estas entidades supra-humanas (embora
Jacques possa estar falando de duas coisas distintas); os profanos as confundem com “demônios”, “orixás”, “deuses”, “guias”,
“exús”, “anjos” e toda sorte de criaturas mitológicas. Acredito que Mathers tenha retirado os médiuns capazes de contatá-las (ou
talvez ele mesmo fazia este papel). Melhor ficar com a idéia que ele era “um megalomaniaco bem pouco perigoso”.

66. Fernando Sinzato


15 de outubro • Editar

93

Belo texto. Meus parabéns.

93,93/93

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 16 of 23

67. Edson Santos


15 de outubro • Editar

Aff… hoje já é o segundo dia e não vi nada ainda… hehe…


Nem com muito amor e paz, eles apareceram ainda nhémmm…

68. Lucas Toledo


15 de outubro • Editar

Vlw Marcelo
obrigado pelo texto =)

Muita luz!!!

69. Sepher Maha-Deva


15 de outubro • Editar

Não sei se estou equivocado, mas ele não morreu na Garganta do Diabo? Li em algum lugar.

70. Vinicius Stf


15 de outubro • Editar

Desculpe Marcelo sei que não é este o assunto do tópico mas, a algum tempo atrás, fiz uma pergunta sobre sua opinião a respeito de
Samael da qual não obtive respostas. Lendo hoje os comentários compreendi que você havia dado uma resposta a outro leitor em outro
tópico o qual fui feliz em encontrar. Como já li alguns livros do sujeito, gostaria de saber da possibilidade de algum post a respeito dele
ou pelo menos uma leve explanação sobre seu comentário. Como segue:

@MDD – putz… vai uns 2 ou 3 posts para demonstrar isso…


mas resumidamente: Samael fez uma mistureba geral com gnosticismo, teosofia e yoga, com uns conceitos muito bizarros sobre sexo;

P: realmente ele mistura várias vertentes, mas acredito que você não considera isso de todo ruim ou considera? Ele chegou a passar
informações controversas/ erroneas sobre outros pontos de vista? A opinião celibatária-sexuada vai de frente a todas as correntes de
kundanlini yoga?

mas o que realmente queima o filme foi ele ter se autodenominado avatar da nova era e que apenas o caminho dele é o correto. A
verdadeira gnose impõe ao iniciado que encontre a iluminação SOZINHO.

P: De fato, existem outras organizações/linhas que compartilhem da posição elevada dele (ao menos como mestre)? Na sua opnião, os
ensinamentos dele devem ser considerados positivos e acompanhados? Ou ainda essa auto denominação deve ser considerada lunatismo?

A partir do momento que ele se coloca como “messias divino” e estrutura sua ordem para que as pessoas sigam suas ordens, ela deixa de
ser gnose e passa a ser uma seita. Seria o mesmo que eu começar a dizer que APENAS o que está na minha coluna é a verdade suprema e
infinita, e que tudo o mais está errado e vocês vão sofrer consequencias kármicas se me desobedecerem. Percebe?

P: das obras deles observei algumas críticas principalmente contra o Rosa Crucianismo do qual ele participou alertando que se invocava
como protetor o Guardiao do Umbral, “entidade que aprisionaria o ser” se me permite a liberdade poética na falta de conhecimentos mais
profundos. Mas não creio que ele delimitava o caminho dele como único possível ou delimitava?

Desculpas por mais uma vez, agredeceria uma respota.

Abraços

71. Pedro
15 de outubro • Editar

Olá tio.

Desculpa pelo atraso da post,mas eh que voltei a ler seus textos apenas essa semana.No seu texto sobre Thanatos você diz que ele é o

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 17 of 23

Deus dos mortos,mas eu grande parte das vezes a morte é representada como um ser feminino,gostaria que vc me explicasse o porque
disso.
Obrigado

@MDD – “na maior parte das vezes” onde? ou nas HQs do Gayman?

72. albuquerque.web@gmail.com
16 de outubro • Editar

Apesar de ser mais anti cristianismo do que po ocultismo, cada vez mais aadmiro seus textos pelas otimas e bem embasadas iinformacoes,

queria saber tres coisas:

1Mesmo sendo so um romancista, acho que HP Lovecraft poderia ter sido citado….
2 E a suposta traducao do Necronomicum?
3 O 007 de fleming tem algo a ver com o supracitado secret agent 777?

73. Pedro
16 de outubro • Editar

Em Sandman,no livro Intermitências da Morte,de Saramago.Eh,acho que me enganei,na minoria das vezes.Acho que eu sempre pensei
que ela fosse um ser feminino.
Obrigado

74. Aleister Jr.


16 de outubro • Editar

93/93//93 ! ! !
.’. ”Amor é lei sob Vontade” .’.
Carissimos, se não fossemos falar das poesias, da carisma, da vero religiosidade do mago das 1.001 faces…É prazero adentrar-me junto
ao google, citar cujo nome e encontrar pessoas assim, um todo de fecundos protestos ao brilhoso filosofo. haveremos em falar de Crowley
em festa maior comemorando anos de vida da morte. Certa feita, lendo ”chamando aos filhos do Sol”. guardei a impressão e deixo para
todos:
Uma festa no nascimento e uma festança ”maior” ainda comemorando a morte.

Um grande abraço Frater a todos

”NOS BOLOS CASTANHADOS DE TRIGO PROVAREMOS DA COMIDA DO MUNDO E SEREMOS FORTES” (Aleister
Crowley) .’.

*12/10
+01/12

Fazei tua vontade e nehum outro jamais dirá não.

75. Carlos
20 de outubro • Editar

Esse aleister crowley é um SATANISTA famoso é claro que apareceria nessa coluna SATANISTA e que não nos conta nada de
produtivo, esperar o quê vindo de um iluminatti…

76. Carlos
20 de outubro • Editar

E abram os olhos criançada pq a luz de lúcifer só favorece o próprio, a VERDADEIRA LUZ DIVINA é aquela que cada um encontra por
si mesmo. O verdadeiro CRIADOR DE TODAS AS COISAS está dentro de cada um.

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 18 of 23

77. Andreh Torres


24 de outubro • Editar

“O Todo Eh Mente, O Universo Eh Mental.”

Não seja tão arrogante em achar que deus esta dentro de vc… Vc eh parte dele e não ele que eh parte de vc.

Amor é a lei, amor sob vontade.

78. Paulo Craici


04 de novembro • Editar

Biografia interessante, esse MacGregor, é da mesma familia do whisky? ,D~

Abraços

79. PV
08 de novembro • Editar

Oi Marcelo!!

Mto bom conhecer mais sobre o Crowley, esse grande amigo e fanfarrão!! hahahahaha

Já viu uma citação dele num conto do Hemingway? Tá no livro Paris é uma Festa e o nome do texto é Ford Madox Ford e o Discípulo do
Diabo. 7ª Edição, Pág 95, Bertrand Brasil.

Ultimamente ando um pouco sem tempo por causa do trabalho + facu, mas queria conhecer mais sobre a loja.

Espero que possa me ajudar e abração,

PV

80. Camazotz
18 de janeiro • Editar

Acredito no legado de Aleister Crowley. Conheço vários de seus livros. Mas sinceramente o que ele praticava é pura magia negra.
Lheia o livro “Do Sexo a Divindade”, de Jorge Adoum. A única maneira de se criar os corpos solares do Ser é praticando magia sexual
sem perder a semente.
Crowley ensina em seus livros praticas e rituais onde a energia seminal é usada como fonte de poder e criação de seres astrais, conhecidos
como elementares.
Acredito que Crowley tenha sido talvez um boddhisatwa caído. Acredito realmente que ele foi um grandíssimo mago. A leitura de seus
livros me fez ver melhor e entender melhor a alegoria da Árvore do Bem e do Mal.
O conhecimento é interno e individual, não creio em pastores e ovelhas.

Um abraço!

camazotz.

81. CARLOS ROBERTO


01 de março • Editar

Magnifica abordagem sobre a vida do grande mago e agente secreto ,gostaria de saber mais sobre sua vida no MI6 e participação no
“Seven Circle” e do tal Mágico Maskmelin….Li que existe um manuscrito chamado Percyfaw Code ,escrito por este incónito mágico
desaparecido no início da segunda guerra .O manuscrito foi encontrado em um baú dentro de um cover,segundo o autor C.S.Scriblerius e
descreve uma encoberta operação com vários agentes do oculto denominados de Lanter’s ou agentes Lanternas entre eles
H.P.Lovecraft,Fleming,Cecil williansom,Fernando Pessoa,dentre outros ocultistas famosos…Aguardo novas fontes…Acho que vale uma
pesquisa e artigo no blog…

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 19 of 23

82. João CaRLOS mARTINS


04 de março • Editar

Gostei demais do artigo,mesmo sendo copy da Wikipidia…Acho que devia abordar com mais profundidade o lado de agente secreto de
Crowley e sua relação com Ian Fleming(criador do agente 007)na Operação Flying Visit do MI6 na Segunda Guerra Mundial.Algumas
dessas informações estão no Livro ainda não traduzido Percyfaw Code que relata o manuscrito do desconhecido mágico Magister
Maskmelin, que segundo consta, seja um codename usado por Crowley…Pesquisando no google encontrei muita informação sobre
Crowley e o misterioso mágico.www.maskmelin.livejournal.com …Vale conferir e fazer um artigo aprofundando este assunto.Abraços e
aguardo artigo com seus conhecimento sobre este tópico muito pouco explorado sobre a vida de Crowley.

83. yord
08 de março • Editar

Você é um farsante, prosperando idéias de um burgues com debilidade mental.


Copiou este texto na rede.
Só mesmo uma potencia mercenaria como o GOB poderia aceitar que uma loja recebesse o nome de uma besta.
O GOB recrimina a maioria das potencias, que não possui vinculo com a GLUI, só que esta possui historia conturbada e controversa, ja
que iniciou e permitiu que esse drogado e sexolatra chegasse a ter cohecimentos de segredos sagrados, sendo que o mesmo havia sido
iniciado na alemanha em uma ordem liderada por uma mulher.
A maçonaria brasileira esta virando uma bagunça.
Como pode esse louco haver sido iniciado na maçonaria? Era livre e de bons costumes?
Isso é ridiculo.
De Molays não recebam este texto como ensinamento.
E outra, vai na cracolandia, pega uns tres nóias e coloca numa sala fechada cheia de fumaça e vc vai ver como eles vão ver 360 demonios.
piada.

84. Antonio Altaneiro Filho


15 de março • Editar

Como posso saber mais sobre Crowley na Segunda Guerra…O tal livro PERCYFAW CODE de CS Scriblerius vende no Amazon.com ou
possos obter via web…Grato por qualquer informação!

Participe

Faça seu protesto

1. Deixe seu comentário (obrigatório)

Enviar

cforms contact form by delicious:days

Colunas

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 20 of 23

Ocioso

Cúmplices

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 21 of 23

Orkut

info

BlogBlogs.Com.Br

Adicione o S&H:

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 22 of 23

<a
href="http://ww
w.sedentario.or
g"
target="_blank"

alt="Sedentário

total de visitantes

Contato

 Comercial
 Parcerias
 Dicas de Post

feed

Blogs Hiperativos

 Copi-Cola
 Jogos Gratis
 Kibe Loco
 Degraça é mais gostoso
 Preguiza
 Asttro
 Jogos
 Curto e Grosso
 Siriloko
 OMEdi
 Megabalaio
 Acidez Mental
 Buscar Jogos
 Smelly Cat
 Sac Divino
 Wiki Doido
 Interney
 Procurando Vagas
 Recebi por e-mail
 Dormiu
 Pilândia

Categorias

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009
Feliz Aniversário, Aleister Crowley.’. | Sedentário & Hiperativo Page 23 of 23

 animações
 Arte/Design
 artigos
 Cinema/séries/TV
 colunas
 comics addicted
 Dúvida Razoável
 delicinhas
 Dicionário das Marcas
 diversos
 Galeria
 games
 HQ
 humor
 imagens
 Informe Publicitário
 Internet
 inutíl
 lógica mente
 músicas
 O Comedor de Lixo
 publicidade
 Sarjeta dos Quadrinhos
 tecnologia
 Teoria da Conspiração
 Tosco / Bizarro
 toys
 utilitários
 vídeos

Tema por Tropus Comunicação na Internet • Design por Evel Ryu


Monetização otimizada por Gestão Ativa WebDesign

Monetize o seu blog com HOTWords utilizando o plugin WP-HOTWords 4.4.1.

http://www.sedentario.org/colunas/teoria-da-conspiracao/feliz-aniversario-aleister-cro... 06/08/2009